Notícias




Data Inicial:
(dd/mm/aaaa)  

Data Final:
(dd/mm/aaaa)  
Título:
Palavras na Notícia:



CREF2/RS promove mais três lives pelo Instagram
04/09/2020
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS vai dar continuidade, nos próximos dias, às suas lives pelo Instagram. Na segunda-feira, dia 7 de setembro, Jorge Steinhilber (CREF 000002-G/RJ) irá abordar o tema “A importância do Rio Grande do Sul na regulamentação da profissão”.

Na terça-feira, dia 8 de setembro, o Conselho vai receber Leônidas de Oliveira (CREF 002514-G/RN), para um bate-papo sobre “Biomecânicas das lesões na musculação”. Já na quinta-feira, dia 10 de setembro, João Batista Rocca Nunes (CREF 002365-G/RS) estará presente para falar sobre o tema “Um novo profissional de Educação Física está surgindo. Mexa-se!”. As transmissões iniciarão às 17h, com execeção de terça-feira, que será às 19h.

Jorge é o presidente do CONFEF. Graduado em Educação Física pela UFRJ, tem mestrado em Motricidade Humana pela UCB. Foi professor de Educação Física no ensino público e privado e técnico de voleibol. Promoveu os Jogos Escolares da Cidade do Rio de Janeiro, de 1977 a 1990, e foi assessor de Educação Física da Secretaria de Educação Municipal do Rio de Janeiro. É autor dos livros “Colônia de Ferias” e “Profissional de Educação Física… Existe?”.

Graduado em Educação Física e em Fisioterapia, Leônidas é doutor em Saúde Coletiva pela UFRN. Atua nesta mesma universidade como docente e ministra diversos cursos e palestras pelo Brasil. Na UFRN, também é colaborador do Programa de Pós-graduação em Ciências da Reabilitação, coordenador do Grupo de Estudos em Biomecânica e coordenador do curso de pós-graduação em Biomecânica.

Graduado em Educação Física pelo IPA, João é diretor técnico da Jbnunes Academia, empreendimento com duas sedes em Porto Alegre. Tem mais de 30 anos de experiência na área do fitness e da inovação e atua também como palestrante, life health coach e personal trainer.

As lives do CREF2/RS ficam salvas no IGTV do Instagram. Clique aqui para assistir às edições passadas.

Confira a programação:

7 de setembro, segunda-feira, às 17h
Jorge Steinhilber (CREF 000002-G/RJ)
A importância do Rio Grande do Sul na regulamentação da profissão

8 de setembro, terça-feira, às 19h
Leônidas Oliveira (CREF 002514-G/RN)
Biomecânicas das lesões na musculação

10 de setembro, quinta-feira, às 17h
João Batista Rocca Nunes (CREF 002364-G/RS)
Um novo profissional de Educação Física está surgindo. Mexa-se!


lives instagram



Instagram do CREF2/RS promove mais duas lives
07/08/2020
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS vai dar continuidade, nos próximos dias, às suas lives pelo Instagram. Na terça-feira, dia 11 de agosto, Paulo Ricardo Ayres (CREF 000997-G/RS) irá abordar o tema “Sedentarismo, exercício físico e o papel da Educação Física no combate às doenças”.

Já na quinta-feira, dia 13 de agosto, o Conselho vai receber Nelson Leme (CREF 000200-G/SP), para um bate-papo sobre o tópico “Rumos da Educação Física no Brasil”. As transmissões iniciarão às 17h, nos dois dias.

Graduado em Educação Física pelo IPA e mestre em Ciências Aplicadas à Atividade Física e Esporte pela Universidade de Medicina de Córdoba, na Espanha, Paulo tem mais de 30 anos de experiência no mercado fitness, atuando como instrutor e gestor. Já foi conselheiro do CREF2/RS, professor universitário e, desde 2010, é gerente administrativo da academia Cia Athletica, em Porto Alegre. Também participa de seminários e de congressos da área, ministrando aulas práticas de treinamento ou palestras sobre gestão de academias e gestão de pessoas.

Nelson é o atual presidente do CREF4/SP. Graduado em Educação Física pela UNESP e pós-graduado em Gestão Pública e em Direito Educacional, foi membro do Conselho Nacional de Esportes, diretor de esportes da Prefeitura Municipal de Rio Claro e professor da rede estadual de São Paulo, com mais de 20 anos de experiência em escolas públicas. Atuou ainda como conselheiro do CONFEF, presidindo a Comissão de Orientação e Fiscalização do Conselho Federal de Educação Física.

As lives do CREF2/RS ficam salvas no IGTV do Instagram. Clique aqui para conferir as edições passadas.

Confira a programação:

11 de agosto, terça-feira, às 17h
Paulo Ricardo Ayres (CREF 000997-G/RS)
Sedentarismo, exercício físico e o papel da Educação Física no combate às doenças

13 de agosto, quinta-feira, às 17h
Nelson Leme (CREF 000200-G/SP)
Rumos da Educação Física no Brasil


lives Instagram



Eleições do CONFEF ocorrem em dezembro
28/07/2020
Fonte: CREF12/PE

No dia 15 de dezembro de 2020, nos termos da Resolução CONFEF nº 389/2020, irá ocorrer a eleição de novos 28 membros do Conselho Federal de Educação Física (CONFEF), sendo 20 conselheiros efetivos e oito suplentes, para o mandato de quatro anos. Os membros do CONFEF serão escolhidos por um Colégio Eleitoral integrado pelos conselheiros de cada CREF, acrescido de delegados regionais eleitores.

Os votos deverão ser encaminhados por correspondência ou de maneira presencial, na sede do CONFEF. O requerimento de chapas poderá ser feito até o dia 16 de outubro.

O CONFEF é presidido desde a sua criação, há mais de 20 anos, pelo mesmo Presidente. A mobilização, o engajamento, a colaboração e a participação dos profissionais de Educação Física, Pessoas Jurídicas e da sociedade são essenciais para o desenvolvimento e valorização da Educação Física.

Clique aqui e confira a resolução na íntegra


eleição confef



CREF Serra suspende atendimento presencial durante bandeira vermelha
17/06/2020
Fonte: CREF2/RS

Seguindo as orientações do decreto estadual que prevê o distanciamento controlado no Rio Grande do Sul, o CREF Serra está com o seu atendimento presencial temporariamente suspenso, em razão da bandeira vermelha na região.

As atividades presenciais no local retornarão tão logo o Governo classifique novamente a área com a bandeira laranja ou amarela.

Durante este período, os profissionais da Serra que necessitarem de atendimento do CREF2/RS podem entrar em contato com a sede de Porto Alegre, presencialmente ou também por telefone e e-mail. O horário de funcionamento na Capital é de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h. O agendamento prévio é obrigatório, assim como o uso de máscara no local.

CREF Serra – Caxias do Sul
Atendimento presencial suspenso durante a bandeira vermelha

CREF2/RS – Porto Alegre
Atendimento de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h
Endereço: Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro Histórico
Agendamento obrigatório aqui

E-mail: contato@crefrs.org.br
Telefone: (51) 99359-8536


CREF Serra atendimento covid-19



CREF Serra tem datas de atendimento diferenciadas na próxima semana
05/06/2020
Fonte: CREF2/RS

Em razão do feriado de Corpus Christi, o CREF Serra terá datas diferenciadas de atendimento na próxima semana. A sede do Conselho em Caxias do Sul, que abre às quintas e sextas-feiras, das 10h às 15h mediante agendamento prévio obrigatório, vai alterar os seus dias de funcionamento para segunda e terça-feira.

Semana de Corpus Christi
Atendimento na segunda-feira, dia 8 de junho; e terça-feira, dia 9 de junho
Horário: das 10h às 15h
* Não haverá atendimento nos dias 11 de junho (quinta-feira) e 12 de junho (sexta-feira)

Fora a Semana de Corpus Christi, os dias de atendimento do CREF Serra seguirão normalmente.

CREF Serra
Endereço: Avenida Rio Branco, 840/703 – Bairro São Pelegrino
Agendamento obrigatório aqui


CREF Serra Corpus Christi



CREF Serra tem datas diferenciadas de atendimento por conta do feriado de Corpus Christi
28/05/2020
Fonte: CREF2/RS

Em razão do feriado de Corpus Christi, o CREF Serra terá datas diferenciadas de atendimento na segunda semana de junho. A sede do Conselho em Caxias do Sul, que abre às quintas e sextas-feiras, das 10h às 15h mediante agendamento prévio obrigatório, vai alterar os seus dias de funcionamento para segunda e terça-feira.

Semana de Corpus Christi
Atendimento na segunda-feira, dia 8 de junho; e terça-feira, dia 9 de junho
Horário: das 10h às 15h
* Não haverá atendimento nos dias 11 de junho (quinta-feira) e 12 de junho (sexta-feira)

Fora a Semana de Corpus Christi, os dias de atendimento do CREF Serra seguirão normalmente.

CREF Serra
Atendimento nas quintas e nas sextas-feiras, das 10h às 15h
Endereço: Avenida Rio Branco, 840/703 – Bairro São Pelegrino
Agendamento obrigatório aqui


CREF Serra Corpus Christi



Sesc-RS promove Dia do Desafio online nesta quarta-feira
27/05/2020
Fonte: CREF2/RS

Nesta quarta-feira, dia 27 de maio, o Sesc-RS promove nesta quarta-feira, dia 27 de maio, a 26ª edição do Dia do Desafio. O evento, realizado mundialmente pela TAFISA (The Association For International Sport for All), é um dos maiores movimentos sociais no combate ao sedentarismo do planeta e conta com o apoio do CREF2/RS, mais uma vez, no âmbito do Rio Grande do Sul.

Por conta do momento atual, relacionado à pandemia do novo coronavírus (COVID-19), esta edição do Dia do Desafio tem o intuito de estimular que a toda a população do Estado pratique atividade física de casa. O Sesc-RS, neste sentido, estará transmitindo diversas aulas online de maneira gratuita pela sua página do Facebook, que pode ser acessada pelo link www.facebook.com/SescRS.

Cada participante pode compartilhar e convocar os seus amigos para participar do desafio, lembrando de utilizar as hashtags #DDDOnline e #DiadoDesafio2020 e de marcar o perfil @sescrs nas redes sociais. Mais informações sobre o Dia do Desafio estão disponíveis nesta página do Sesc-RS e também no evento oficial no Facebook.


Sesc-RS Dia do Desafio



CREF2/RS e CREF Serra retomam atividades nesta quinta-feira
20/05/2020
Fonte: CREF2/RS

Após um período que teve o seu funcionamento suspenso por conta do coronavírus (COVID-19), o CREF2/RS, em Porto Alegre; e o CREF Serra, em Caxias do Sul; irão retomar as suas atividades presenciais a partir desta quinta-feira, dia 21 de maio. O atendimento nos dois locais será feito em horários reduzidos e mediante agendamento prévio obrigatório. Clique aqui para fazer o seu.

O CREF2/RS, neste primeiro momento, funcionará de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h. Já o CREF Serra vai estar aberto para atendimento das 10h às 15h, somente nas quintas e nas sextas-feiras.

Além do agendamento prévio, que tem o intuito de evitar aglomerações nas duas sedes, o CREF2/RS e o CREF Serra estarão tomando todas as medidas de higienização e distanciamento necessárias para evitar o contágio e a disseminação do COVID-19, também com a utilização dos EPI’s adequados por parte dos seus servidores.

Em respeito ao Decreto Estadual 55.240, o uso de máscara de proteção facial será obrigatório nas dependências do Conselho, tanto em Porto Alegre como em Caxias do Sul.

CREF2/RS – Porto Alegre
Atendimento de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h
Endereço: Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro Histórico
Agendamento neste link

CREF Serra – Caxias do Sul
Atendimento nas quintas-feiras e nas sextas-feiras, das 10h às 15h
Endereço: Avenida Rio Branco, 840/703 – Bairro São Pelegrino
Agendamento neste link


sede CREF Serra atendimento coronavírus COVID-19



CREF Serra retoma atividades na próxima semana
14/05/2020
Fonte: CREF2/RS

Após um período que teve o seu funcionamento suspenso por conta do coronavírus (COVID-19), o CREF Serra irá retomar as suas atividades já na próxima semana. O atendimento no local, sempre às quintas e sextas-feiras, será feito das 10h às 15h, mediante agendamento neste primeiro momento. Clique aqui para fazer o seu.

Informações sobre o retorno da sede em Porto Alegre serão divulgadas em breve.

CREF Serra
Atendimento nas quintas-feiras e nas sextas-feiras, das 10h às 15h
Endereço: Avenida Rio Branco, 840/703 – Bairro São Pelegrino
Agendamento neste link


CREF Serra coronavírus COVID-19



Próximos eventos do CREF2/RS são adiados
18/03/2020
Fonte: CREF2/RS

Os eventos que seriam promovidos pelo CREF2/RS nos próximos meses de março e abril tiveram seu adiamento confirmado. No momento, não serão definidas novas datas para as atividades “Conversando com o CREF2/RS: dúvidas e sugestões - edição Garibaldi” e “9º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar”. Outras iniciativas apoiadas pelo Conselho para o período também confirmaram a suspensão de atividades, conforme atualizado na Página de Eventos do Conselho.

O cancelamento de atividades que implicam na aglomeração de pessoas foi determinada pela Portaria CREF2/RS nº 2020/000240, que também estabeleceu a suspensão do atendimento presencial nas sedes do Conselho por 30 dias. As medidas foram definidas com o objetivo de contribuir com os esforços dos demais órgãos públicos, estabelecimentos e da população em geral para frear a propagação do coronavírus (COVID-19), bem como atender às normativas publicadas recentemente sobre o tema.


coronavirus eventos



CREF2/RS suspende atendimento presencial para evitar a propagação do coronavírus (COVID-19)
17/03/2020
Fonte: CREF2/RS

A Diretoria do CREF2/RS, contribuindo com os esforços dos órgãos federais, estaduais, municipais e da sociedade em frear a propagação do coronavírus (COVID-19), informa aos profissionais de Educação Física e ao público em geral que o atendimento presencial estará suspenso nas sedes de Porto Alegre e de Caxias do Sul, pelo menos até o dia 30 de abril.

Conforme determinado em Portaria CREF2/RS nº 2020/000240, o atendimento será realizado de maneira online e por telefone, sendo que os profissionais que necessitarem dos serviços do CREF2/RS devem acessar os canais de comunicação disponíveis. Os prazos para apresentação de defesa e/ou manifestação em processos éticos e de fiscalização encontram-se temporariamente suspensos.

A documentação para novos registros, baixas de registro, renovações de Cédulas de Identidade Profissional (CIP) e de Certificados de Funcionamento de Pessoa Jurídica, bem como atualizações cadastrais, deverá ser enviada via Correios, para a sede de Porto Alegre. Em função destas modificações, os prazos para análise e andamento das solicitações serão estendidos.

Serviços online: www.crefrs.org.br/autoatendimento
E-mail: contato@crefrs.org.br

Serão analisados os desdobramentos dos fatos e o contexto do aumento ou diminuição do COVID-19 e, conforme orientações dos órgãos oficiais da saúde, serão disponibilizadas novas informações.


coronavirus atendimento



Departamentos de Fiscalização da região sul fazem encontro em Santa Catarina
13/03/2020
Fonte: CREF3/SC

Os chefes dos Departamentos de Fiscalização do CREF2/RS, CREF3/SC e CREF9/PR estiveram reunidos na sede do Conselho Regional de Santa Catarina, nos dias 5 e 6 de março. O objetivo do encontro foi alinhar condutas de fiscalização e debater processos para atuação nos três Estados da região sul.

Samuel de Almeida (CREF 013510-G/RS), assessor de Fiscalização do CREF2/RS; Carlos Alberto de Carvalho Filho (CREF 012277-G/PR), supervisor de Fiscalização do CREF9/PR; e Jorge Alberto Bandeira Filho (CREF 013028-G/SC), chefe do Departamento de Fiscalização do CREF3/SC, detalharam as condutas de fiscalização de cada Estado, desde o layout dos documentos lavrados pela fiscalização, além das semelhanças e diferenças procedimentais. No encontro, também foi iniciado o planejamento do evento que pretende reunir os três Estados para promover a troca de conhecimento técnico e a capacitação dos funcionários e membros das Comissões de Ética Profissional e Orientação e Fiscalização.

“É fundamental alinhar as ações e os procedimentos para fortalecer a atuação da Fiscalização no sul do país. Com o evento, pretendemos discutir melhores práticas e aplicações da legislação relacionada com a prestação de serviços nas áreas das atividades físicas, recreativas e desportivas, destacando a importância dos ritos administrativos pautados pelos princípios da administração pública”, destaco o chefe do Departamento de Fiscalização do CREF3/SC. Mais detalhes do evento serão divulgados em breve.

Foto: CREF3/SC


Fiscalização COF



CREF2/RS fecha no Carnaval e volta a funcionar na Quarta-feira de Cinzas
14/02/2020
Fonte: CREF2/RS

Nas próximas segunda-feira, dia 24 de fevereiro; e terça-feira, dia 25 de fevereiro; o CREF2/RS não terá expediente, em razão do feriado de Carnaval. O atendimento externo voltará a ser realizado na quarta-feira, dia 26 de fevereiro, a partir das 13h30min. Clique aqui para realizar o pré-agendamento dos serviços disponibilizados nas nossas sedes.


Carnaval



COF reúne-se com coordenador da Faculdade de Educação Física da UCS de Bento Gonçalves
13/02/2020
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Orientação e Fiscalização (COF) do CREF2/RS realizou, na última quarta-feira, dia 5 de fevereiro, mais uma reunião nas quais os seus integrantes elaboraram diretrizes para a Fiscalização do Conselho, propondo ações de orientação no âmbito regional e se manifestaram em relação aos processos de fiscalização.

Estavam presentes Alessandro Gamboa (CREF 001534-G/RS), Carla Pretto (CREF 006564-G/RS), Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), Carlos Castilhos (CREF 000877-G/RS) e Luciane Citadin (CREF 000100-G/RS). Participou como membro convidado o profissional Mauro Silva (CREF 001366-G/RS), coordenador da Faculdade de Educação Física da UCS de Bento Gonçalves e membro do Conselho Municipal do Desporto de Caxias do Sul (CMD).

A presidente do CMD e conselheira do CREF2/RS Carla Pretto, juntamente com Mauro Silva, realizou uma visita ao secretário estadual de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul João Derly, para tratar sobre o CMD. Já na sexta-feira, dia de 7 fevereiro, Gamboa e Carla foram recebidos pelo secretário de Esporte e Lazer de Caxias do Sul, Gabriel Citton (CREF 008763-G/RS), quando foram discutidos temas relativos ao exercício profissional e à fiscalização.

Na pauta da reunião da COF, foi tratada a comparação do trabalho da COF com o Planejamento Organizacional de 2020, em que Gamboa explicou quais pontos deverão ser comparados entre os documentos. Também se analisou a elaboração dos projetos Workshop do Exercício Profissional de Educação Física. Também foi debatida a possibilidade de registro das Salas de Atividades de Educação Física (SAF).

Neste momento, a assessora de Fiscalização substituta Denise Candaten (CREF 010750G-RS) apresentou o levantamento de SAF's referentes a outros Estados, relativos ao registro nos seus respectivos Conselhos Regionais. Após análise e debate, a COF decidiu por elaborar uma proposta de resolução para registro de SAF no CREF2/RS. Outro tema debatido foi o Registro de Pessoa Jurídica de Atividade Secundária.

A próxima reunião da COF ficou definida para o dia 12 de fevereiro, às 13h30min, na sede do CREF2/RS.


COF



CREF Serra tem datas diferenciadas de atendimento em abril, maio e junho por conta de feriados
22/01/2020
Fonte: CREF2/RS

Por conta dos feriados de Páscoa, Dia do Trabalhador e de Corpus Christi, o CREF Serra terá datas diferenciadas de atendimento, no meses de abril, maio e junho. A sede do Conselho em Caxias do Sul, que abre às quintas e sextas-feiras, excepcionalmente nestas três ocasiões, vai alterar o seu funcionamento para segundas e terças-feiras. Confira:

Semana de Páscoa
Atendimento na segunda-feira, dia 6 de abril; e terça-feira, dia 7 de abril
Horário: das 14h às 18h (segunda-feira) e das 9h às 12h e das 13h30 às 15h (terça-feira)
* Não haverá atendimento nos dias 9 de abril (quinta-feira) e 10 de abril (sexta-feira)

Semana Dia do Trabalhador
Atendimento na segunda-feira, dia 27 de abril; e terça-feira, dia 28 de abril
Horário: das 14h às 18h (segunda-feira) e das 9h às 12h e das 13h30 às 15h (terça-feira)
* Não haverá atendimento nos dias 30 de abril (quinta-feira) e 1º de maio (sexta-feira)

Semana de Corpus Christi
Atendimento na segunda-feira, dia 8 de junho; e terça-feira, dia 9 de junho
Horário: das 14h às 18h (segunda-feira) e das 9h às 12h e das 13h30 às 15h (terça-feira)
* Não haverá atendimento nos dias 11 de junho (quinta-feira) e 12 de junho (sexta-feira)

Fora estas datas, o horário de atendimento do CREF Serra seguirá normalmente.

CREF Serra
Atendimento nas quintas-feiras, das 14h às 18h; e nas sextas-feiras, das 9h às 12h30 e das 13h30 às 15h30
Endereço: Avenida Rio Branco, 840/703 – Bairro São Pelegrino
Agendamento neste link


CREF Serra Caxias do Sul



CREF2/RS repudia nova matriz curricular das escolas públicas do Rio Grande do Sul
03/12/2019
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS, diante da Portaria 289/2019 da Secretaria de Educação do Rio Grande do Sul, publicada no dia 27 de novembro e que dispõe sobre a organização curricular do Ensino Fundamental e Médio nas escolas da rede estadual, vem a público mostrar o seu repúdio à redução da carga horária da disciplina de Educação Física, a partir do sexto ano, e a sua total ausência na última série do Ensino Médio.

O Governo do Estado, ao não tornar mais obrigatória a oferta da disciplina em todas as etapas da Educação Básica, deixa de cumprir a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, instituída pela Lei Federal 9.394/98, que determina a presença da Educação Física em todas as séries. Em razão disto, o CREF2/RS está tomando as providências para garantir que os estudantes da rede pública de ensino tenham à disposição, em suas grades curriculares e nos termos da lei, esta disciplina e os benefícios proporcionados pela atividade física na escola.

O CREF2/RS aproveita este momento para reiterar a importância das aulas de Educação Física, por ser um instrumento essencial para o combate ao sedentarismo, para a promoção da saúde e para o desenvolvimento das capacidades motoras e cognitivas. O Conselho também está atento aos desdobramentos desta Portaria, eis que totalmente contrária ao disposto na Ação Civil Pública nº 5015130-79.2013.4.04.7100, e tomará as medidas judiciais cabíveis para que todos os gaúchos tenham uma educação pública de qualidade, com a disciplina de Educação Física na sua carga horária correta e ministrada por profissionais capacitados.


Educação Física Escolar Escolas



Atendimento aos sábados do CREF2/RS retorna no dia 14 de dezembro
20/11/2019
Fonte: CREF2/RS

Com o intuito de proporcionar mais comodidade e facilidade aos profissionais de Educação Física, a sede do CREF2/RS em Porto Alegre está abrindo aos sábados, uma vez por mês. O quarto horário extra de atendimento vai ser feito no dia 14 de dezembro, das 9h às 13h.

Os serviços prestados serão os mesmos que são ofertados aos profissionais e aos recém-graduados normalmente pelo Departamento de Registro, como renovação de cédula, coleta de digital, registro de Pessoa Física e Jurídica, atualização cadastral, entrega de documentos e transferências, entre outros mais. As próximas datas de atendimento aos sábados serão divulgadas em breve.

CREF2/RS – Atendimento no Sábado
Data e horário: 14 de dezembro, das 9h às 13h
Endereço: Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro. Porto Alegre (RS)
Mais informações: (51) 3288-0200


Horário



Atendimento aos sábados do CREF2/RS retorna no dia 9 de novembro
01/11/2019
Fonte: CREF2/RS

Com o intuito de proporcionar mais comodidade e facilidade aos profissionais de Educação Física, a sede do CREF2/RS em Porto Alegre está abrindo aos sábados, uma vez por mês. O terceiro horário extra de atendimento vai ser feito no dia 9 de novembro, das 9h às 13h.

Os serviços prestados serão os mesmos que são ofertados aos profissionais e aos recém-graduados normalmente pelo Departamento de Registro, como renovação de cédula, coleta de digital, registro de Pessoa Física e Jurídica, atualização cadastral, entrega de documentos e transferências, entre outros mais. As próximas datas de atendimento aos sábados serão divulgadas em breve.

CREF2/RS – Atendimento no Sábado
Data e horário: 9 de novembro, das 9h às 13h
Endereço: Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro. Porto Alegre (RS)
Mais informações: (51) 3288-0200


Horário



CREF2/RS participa de campanha desenvolvida pela Associação Solidária Só os Fortes
31/10/2019
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS, em parceria com a Associação Solidária Só os Fortes, está arrecadando alimentos não perecíveis, roupas, lacres de latas de alumínio e tampas de garrafa PET. O ponto de coleta das doações está instalado na recepção do Conselho, na sua sede em Porto Alegre.

A campanha conjunta com o CREF2/RS tem o intuito de beneficiar asilos, creches e abrigos, assim como moradores de rua, portadores de necessidades especiais e famílias que perderam os seus pertences em incêndios e enchentes. Segundo a representante da Associação, Andrenise Silva, também estão sendo aceitos móveis em bom estado e eletrodomésticos, recolhidos diretamente na residência do doador, mediante agendamento antecipado.

Andrenise também frisa que, com os lacres de latas de alumínio, é possível adquirir cadeiras de rodas e que as tampas de garrafa PET podem ser trocadas por alimentos. Segundo a conselheira Sônia Waengertner (CREF 007781-G/RS), coordenadora da campanha no CREF2/RS, a ação mostra que um pequeno gesto, como separar uma tampa ou um lacre, pode fazer a diferença na vida de pessoas que tanto precisam de apoio.

Associação Solidária Só os Fortes
Endereço: Avenida Benjamin Constant, 212 - Bairro São João
Telefone para contato: (51) 98499-7264


Campanha



CREF3/SC participa de reunião para intercâmbio procedimental com o CREF2/RS
30/10/2019
Fonte: CREF3/SC

O secretário-geral do CREF3/SC Jean Carlo Leutprecht (CREF 000012-G/SC) e o chefe do Departamento de Fiscalização (DOF) Jorge Bandeira Filho (CREF 013028-G/SC) participaram de uma reunião na sede do CREF2/RS, no último dia 23 de outubro. O objetivo do encontro foi promover um intercâmbio procedimental e operacional entre os Conselhos.

No período da manhã, eles contaram com a contribuição do assessor de fiscalização Samuel Almeida (CREF 013510-G/RS) e do procurador jurídico Artur Alfaro. A reunião teve ênfase nos procedimentos administrativos adotados pelo CREF2/RS para tratar das irregularidades apontadas pelos agentes de fiscalização durante as suas visitas.

À tarde, o CREF3/SC participou da reunião da Comissão de Orientação e Fiscalização (COF) do CREF2/RS, acompanhando a relatoria e a revisão de processos oriundos de fiscalizações realizadas. Estavam presentes o presidente da Comissão Alessandro Gamboa (CREF 001534-G/RS) e os membros da COF Carla Tartarotti (CREF 006564-G/RS), Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), Carlos Castilhos (CREF 000877-G/RS) e Luciane Citadin (CREF 000100-G/RS).

“Nós buscamos a aproximação com os Conselhos para parametrizar e aprimorar a operacionalização e os procedimentos adotados pelo CREF3/SC”, destacou Leutprecht. A proposta é retomar as reuniões entre CREF2/RS, CREF3/SC e CREF9/PR, no intuito de tornar o Sistema CONFEF/CREFs mais forte e uniforme na região sul. “A visita do CREF3/SC se mostrou de grande importância não só pelo volume e pela riqueza dos conteúdos trocados, mas também pela construção de uma parceria que visa o aprimoramento e a eficiência das ações adotadas pelos Conselhos”, destacou Almeida.


Fiscalização COF



Fórum-RS assina termo de cooperação com Ministério Público para ações conjuntas
29/10/2019
Fonte: CREF2/RS

Na última semana, o Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Rio Grande do Sul (Fórum-RS) promoveu o IX Seminário de Fiscalização Profissional, na sede da OAB/RS. O evento, que teve o título “Orientação e fiscalização do estagiário ao profissional, outro olhar para a formação e o trabalho”, contou com uma palestra do assessor de fiscalização do CREF2/RS Samuel de Almeida (CREF 013510-G/RS).

Na ocasião, também foi assinado um termo de cooperação técnica entre o Fórum e o Ministério Público Estadual, que tem o objetivo de promover ações conjuntas voltadas para a aproximação e integração das instituições. Segundo Ricardo Breier, presidente do Fórum-RS e da OAB/RS, os Conselhos têm grande representatividade para cada profissão e para a cidadania. “Os Conselhos juntos representam a sociedade e atuam para, cada vez mais, buscar a ética e a fiscalização das profissões”, disse.

Além de representantes do Departamento de Fiscalização e Orientação (DEFOR) e da Comissão de Orientação e Fiscalização do CREF2/RS, o IX Seminário de Fiscalização Profissional também contou com a presença do secretário-geral do Ministério Público Estadual Júlio César de Melo, do coordenador da Câmara de Defesa da Sociedade do Fórum-RS José Pedro Martins e do coordenador do grupo de agentes fiscais do Fórum-RS Everton Borges.

Foto: Leonardo Kaller – OAB/RS


Fiscalização COF



Atendimento aos sábados do CREF2/RS retorna no dia 19 de outubro
15/10/2019
Fonte: CREF2/RS

Com o intuito de proporcionar mais comodidade e facilidade aos profissionais de Educação Física, a sede do CREF2/RS em Porto Alegre está abrindo aos sábados, uma vez por mês. O segundo horário extra de atendimento vai ser feito no dia 19 de outubro, das 9h às 13h.

Os serviços prestados serão os mesmos que são ofertados aos profissionais e aos recém-graduados normalmente pelo Departamento de Registro, como renovação de cédula, coleta de digital, registro de Pessoa Física e Jurídica, atualização cadastral, entrega de documentos e transferências, entre outros mais. As próximas datas de atendimento aos sábados serão divulgadas em breve.

CREF2/RS – Atendimento no Sábado
Data e horário: 19 de outubro, das 9h às 13h
Endereço: Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro. Porto Alegre (RS)
Mais informações: (51) 3288-0200


Atendimento no Sábado



Comissão de Educação Física Escolar faz reunião no CREF2/RS
14/10/2019
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Educação Física Escolar esteve reunida na última sexta-feira, dia 11 de outubro, na sede do CREF2/RS. Entre os assuntos discutidos, foram debatidas as diretrizes curriculares e a Base Comum para a formação continuada de professores na Educação Básica. Durante o encontro, também foram organizados assuntos referentes à próxima edição do ENAPEF.


Comissão de Educação Física Escolar



CREF2/RS realiza reunião aberta com o ECAD no dia 18 de outubro
11/10/2019
Fonte: CREF2/RS

Na próxima sexta-feira, dia 18 de outubro, o CREF2/RS irá realizar uma reunião com representantes do Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (ECAD) do Rio Grande do Sul. O encontro ocorrerá na sede do Conselho, às 9h30min, e está aberto para a participação de profissionais de Educação Física e de proprietários de academia.

Na ocasião, será discutida a redução das taxas pagas pelas academias ao ECAD. A sua participação é de grande importância!

Reunião aberta com o ECAD
Data e horário: dia 18 de outubro, sexta-feira, a partir das 9h30min
Local: CREF2/RS – Porto Alegre
Endereço: Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro
Aberta para a participação de profissionais de Educação Física e de proprietários de academia


ECAD



Ciclo de Palestras CREF2/RS 20 Anos reúne cerca de 90 participantes em Santa Maria
02/10/2019
Fonte: CREF2/RS

Na manhã de ontem, dia 1º de outubro, o Conselho promoveu a segunda edição do Ciclo de Palestras CREF2/RS 20 Anos, em Santa Maria. A atividade, realizada na Faculdade Metodista Centenário, reuniu cerca de 90 participantes, entre profissionais registrados e estudantes, para assistir às apresentações conduzidas por Mariângela Afonso (CREF 008426-G/RS) e Fabrício Boscolo (CREF 028184-G/RS).

Depois de uma breve fala do conselheiro Clery de Lima (CREF 000297-G/RS), o evento iniciou com a palestra “Educação Física: Perspectiva e Formação de Professores”. Pós-doutora em Educação Física pela UFRGS, Mariângela é professora da ESEF/UFPel, além de autora de diversos artigos sobre temas ligados às mudanças e perspectivas do ensino, formação de professores e atividade física na escola. Na sua apresentação, ela falou sobre a carreira docente, atrelada à importância da formação continuada, e sobre as dificuldades enfrentadas por quem é professor.

Trazendo exemplos de iniciativas da UFPel, como o projeto de extensão “Ressignificando a Educação Física na Escola”, Mariângela destacou que as condições salariais precárias, assim como as recentes determinações que envolvem a Base Nacional Comum Curricular, podem fazer que o papel do professor de Educação Física perca sentidos e significados. “A saída que temos é nos diversificar enquanto profissionais, buscando capacitações e a renovação da nossa própria função. A aquisição de conhecimento é fundamental para que possamos defender a Educação Física na escola”, frisou.

A segunda palestra do evento, intitulada “Treinamento Intervalo de Alta Intensidade: Método de Treino, Limitações e Potencialidades”, foi dedicada a todos que atuam na área do Bacharelado. Doutor em Educação Física pela UNICAMP, professor da ESEF/UFPel e integrante do grupo de pesquisa em treinamento desportivo e desempenho físico da universidade, Fabrício é autor de diversas publicações sobre estes assuntos e membro do National Strenght and Conditioning Association e do American College of Sports Medicine. Na sua palestra, ele destacou que existem diferentes tipos de treinamento intervalado de alta intensidade e identificou todos os mitos que envolvem o HIIT.

Mostrando que o treinamento intervalo de alta intensidade existe desde os anos 20, mas que se tornou uma forte tendência no mundo fitness há pouquíssimo tempo, Fabrício também salientou que os profissionais de Educação Física precisam dominar profundamente as suas características e particularidades, para a sua correta aplicação. “O HIIT não é uma novidade científica, como muitos acham, e não é mal tolerado por sedentários. Como existem diferentes tipos de HITT, a prescrição do treinamento precisa ser baseada em parâmetros individuais, com a duração, intensidade e recuperação embasadas sempre em dados científicos”, explicou.

O Ciclo de Palestras CREF2/RS 20 Anos ainda terá edições em Uruguaiana, Pelotas, Passo Fundo e Santa Cruz do Sul. As informações estão disponíveis neste link.


Ciclo 20 Anos Santa Maria



CREF2/RS sorteia vaga em curso sobre treinamento de força
25/09/2019
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS vai sortear uma vaga para o curso “Exercícios de Força para Performance, Prevenção de Lesões e Reabilitação - Teoria e Prática”, ministrado por Alex Souto Maior (CREF 004362-G/RJ). O evento ocorrerá no dia 5 de outubro, no Parque Esportivo da PUCRS, em Porto Alegre.

Para concorrer, é necessário fazer a inscrição neste link até o dia 2 de outubro. O sorteio vai ser realizado no dia 3 de outubro, na sede do CREF2/RS, a partir das 9h, pela primeira pessoa que chegar para atendimento. O resultado será divulgado no Facebook e o vencedor será comunicado por e-mail.

Todos profissionais registrados e em dia com o Conselho podem participar. O conteúdo programático da atividade e mais informações estão disponíveis na página www.convencaobrasil.com.br.

Exercícios de Força para Performance, Prevenção de Lesões e Reabilitação - Teoria e Prática
Palestrante: Alex Souto Maior (CREF 004362-G/RJ)
Data e horário: 5 de outubro, sábado, das 9h às 12h e das 13h30min às 16h30min
Local: Parque Esportivo PUCRS
Endereço: Avenida Ipiranga, 6690 - Prédios 80 e 81 - Partenon - Porto Alegre
Mais informações: www.convencaobrasil.com.br


Cursos



Atendimento aos sábados do CREF2/RS retorna no dia 19 de outubro
19/09/2019
Fonte: CREF2/RS

Com o intuito de proporcionar mais comodidade e facilidade aos profissionais de Educação Física, a sede do CREF2/RS em Porto Alegre está abrindo aos sábados, uma vez por mês. O segundo horário extra de atendimento vai ser feito no dia 19 de outubro, das 9h às 13h.

Os serviços prestados serão os mesmos que são ofertados aos profissionais e aos recém-graduados normalmente pelo Departamento de Registro, como renovação de cédula, coleta de digital, registro de Pessoa Física e Jurídica, atualização cadastral, entrega de documentos e transferências, entre outros mais. As próximas datas de atendimento aos sábados serão divulgadas em breve.

CREF2/RS – Atendimento no Sábado
Data e horário: 19 de outubro, das 9h às 13h
Endereço: Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro. Porto Alegre (RS)
Mais informações: (51) 3288-0200


Horário



Câmara Técnica de Pessoa Jurídica do CREF2/RS realiza reunião aberta nesta sexta-feira
04/09/2019
Fonte: CREF2/RS

Nesta sexta-feira, dia 6 de setembro, a Câmara Técnica de Pessoa Jurídica do CREF2/RS irá realizar uma reunião na sede do Conselho, aberta para a participação de profissionais de Educação Física e de proprietários de academia. O encontro vai iniciar às 14h.

Na pauta da reunião, estarão assuntos pertinentes ao dia a dia das empresas e dos gestores que atuam nesta área. A sua participação é de grande importância!

Reunião da Câmara Técnica de Pessoa Jurídica
Data e horário: 6 de setembro, sexta-feira, a partir das 14h
Local: CREF2/RS – Porto Alegre
Endereço: Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro
* Aberta para a participação de profissionais de Educação Física e de proprietários de academia


Câmara Técnica empresas Pessoa Jurídica



CREF2/RS acerta convênio com a Foreseg Seguros
15/08/2019
Fonte: CREF2/RS

Os profissionais registrados no Conselho têm agora mais um convênio à sua disposição. O CREF2/RS e a Foreseg Seguros firmaram uma parceria para oferecer descontos diferenciados em seguros veiculares, residenciais e empresariais, assim como em planos de previdência privada e odontológicos, entre outros mais.

A FORESEG Seguros tem a sua sede localizada na zona norte de Porto Alegre. Mais informações pelos telefones (51) 3344-3447 e (51) 3519-3472 ou pela página www.foreseg.com.br.

Foreseg Seguros
Avenida do Forte, 557/214 – Vila Ipiranga
E-mail: contato@foreseg.com.br


Convênios



Comissão de Educação Física Escolar se reúne com deputado Sebastião Melo
09/08/2019
Fonte: CREF2/RS

Na última quinta-feira, dia 8 de agosto, o presidente do CREF2/RS José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS) e membros da Comissão de Educação Física Escolar receberam o deputado estadual Sebastião Melo. O objetivo do encontro foi apresentar ao parlamentar o projeto de lei que determina que as aulas de Educação Física nas séries iniciais do ensino público devam ser ministradas exclusivamente por profissionais de Educação Física habilitadas.

Segundo Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), um projeto com o mesmo escopo foi aprovado e implantado com sucesso no município de Porto Alegre. “Vim aqui para me somar às causas da Educação Física, e serei parceiro para desarquivar o projeto e fazê-lo tramitar na Assembleia”, comentou o Deputado. Melo falou que se reunirá com o deputado Tiago Simon objetivando propor em conjunto a instalação de uma audiência pública para debater o tema na Comissão de Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia da Casa. "Talvez este seja o passo decisivo para chamarmos a Secretaria Estadual de Educação e outros órgãos novamente ao diálogo".

Miryam assegurou que o projeto é extremamente necessário para a saúde das crianças e adolescentes. "Sem o profissional de Educação Física orientado os alunos, as crianças, principalmente nas escolas estaduais, chegam ao sexto ano com graves problemas de saúde e muitas apresentam índices de obesidade alarmantes”. Para a conselheira Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), o incentivo à atividade física orientada nunca foi tão necessária para se poder fazer frente à atual epidemia de sedentarismo e obesidade.


Comissão de Educação Física Escolar



Câmara Técnica de Corrida de Rua discute ações para 2019
26/07/2019
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Corrida de Rua reuniu-se na sede do CREF2/RS na última quinta-feira, dia 25 de julho. A pauta iniciou com uma atualização sobre os preparativos do Guia de Trail Run, que será editado pela Câmara. Outro tema discutido foi a possibilidade da realização de um evento que envolva corrida ou trail run em comemoração aos 20 anos Conselho e ao Dia do Profissional de Educação Física. Além destes pontos, também foi ressaltada a importância da aproximação da Câmara com os instrutores de caminhada nórdica do Estado.

Participaram da reunião a presidente da Câmara Técnica de Corrida de Rua Cláudia Lucchese (CREF 002358-G/RS), Kátia Ferreira (CREF 014403-G/RS), Rodrigo dos Santos (CREF 007110-G/RS) e Eduardo Remião (CREF 001855-G/RS), além de acadêmicos e outros membros de equipes de corrida de rua de Porto Alegre.


Câmara Técnica de Corrida de Rua



Comissão de Educação Física Escolar reúne-se na sede do Conselho
25/07/2019
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Educação Física Escolar esteve reunida na última quarta-feira, dia 24 de julho, na sede do CREF2/RS. Entre os assuntos discutidos, a justificativa da Comissão para que profissionais de Educação Física acompanhem as equipes nos Jogos Escolares. Também foi anunciada a retomada das articulações políticas com deputados para agilizar a tramitação de um novo projeto de lei para a obrigatoriedade da Educação Física nas séries iniciais. Junto a estas ações, foi intensificada a divulgação do Fórum de Educação Escolar junto ao ENAPEF.

Participaram da reunião a presidente da Comissão Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), o secretário Clery de Lima (CREF 000297-G/RS), a conselheira Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), Jeane Cazelato (CREF 00003-G/RS) e Ninon Leal (CREF 001350-G/RS).


Comissão de Educação Física Escolar



Comissão de Atividade Física e Saúde avança em sua agenda de ações
05/07/2019
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Atividade Física e Saúde do CREF2/RS se reuniu nesta quinta-feira, dia 4, de julho na sede do Conselho. Na pauta, dois temas foram discutidos. O primeiro retomou o debate ocorrido na reunião das Comissões Afins de Saúde, quando se definiu uma série de ações na área da saúde para 2020. A proposta ainda será levada ao conhecimento da Diretoria do CREF2/RS, e posteriormente encaminhada à Plenária para aprovação.

A segunda pauta tratou do encaminhamento de uma solicitação feita à Diretoria para transformar a Comissão de Atividade Física e Saúde em um grupo de trabalho permanente, baseado na experiência do CONFEF, em que as suas Comissões atuam especificamente com o tema ligado à saúde. Para os membros, o caráter fixo se dá porque todos os assuntos tratados nas reuniões são de interesse e aplicação junto à comunidade.

Participaram da reunião o presidente da Comissão Clery de Lima (CREF 000297-G/RS), a secretária da Comissão Miryan Brauch (CREF 006834-G/RS), a conselheira Débora Garcia (CREF 002202-G/RS) e a conselheira e ex-presidente do CREF2/RS Carmem Masson (CREF 0001910-G/RS).


Comissão de Atividade Física e Saúde



Reunião entre Comissões e Câmaras do CREF2/RS propõe ações na área da saúde para 2020
02/07/2019
Fonte: CREF2/RS

Na última sexta-feira, dia 28 de junho, ocorreu uma reunião na sede do CREF2/RS envolvendo as Comissões de Atividade Física e Saúde, de Educação Física Escolar e de Ensino Superior e Preparação Profissional, bem como as Câmaras Técnicas de Esporte, de Corrida de Rua, de Ginástica Coletiva, Ritmos e Treinamento Funcional, além de um membro da diretoria do Conselho. A pauta foi a criação de ações integradas de saúde envolvendo os profissionais de Educação Física e as comunidades.

Segundo o presidente da Comissão de Atividade Física e Saúde Clery de Lima (CREF 000297-G/RS), a ideia é criar um grupo integrado das Comissões do CREF2/RS relacionadas à saúde para estruturar uma série de ações em 2020 que, simultaneamente, deem visibilidade ao Conselho e atendam aos profissionais de Educação Física e à população. “Definimos que serão elencadas ações em três eixos principais: Saúde na Escola, Saúde no Esporte e Saúde na Academia”, explicou. O Conselheiro ressalvou que a proposta ainda será encaminhada à Diretoria do CREF2/RS para posteriormente ser aprovada em Plenária.

Além do presidente Lima, participaram da reunião o presidente da Câmara Técnica de Esporte Eduardo Merino (CREF 009943/GRS), a presidente da Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional Débora Garcia (CREF 002202/GRS), o conselheiro Leomar Tesche (CREF 000129/GRS), o 1º tesoureiro do CREF2/RS Alessandro Gonçalves (CREF 005863-G/RS), a presidente da Câmara Técnica de Corrida de Rua Cláudia Lucchese (CREF 002358-G/RS), a presidente da Comissão de Educação Física Escolar Miryan Brauch (CREF 006834-G/RS) e a presidente da Câmara Técnica de Ginástica Coletiva, Ritmos e Treinamento Funcional Ninon Leal (CREF 001350-G/RS).


Agenda Saúde 2020



CREF Serra tem horário de atendimento diferenciado nesta semana
02/07/2019
Fonte: CREF2/RS

Em razão de uma reunião do Conselho Municipal do Desporto, o atendimento do CREF Serra terá, excepcionalmente nesta semana, um horário diferenciado de atendimento. O expediente da sede do CREF2/RS em Caxias do Sul vai iniciar amanhã, dia 3 de julho, e encerrará na quinta-feira, dia 4 de julho.

Confira:

Data: 3 de julho, quarta-feira
Horário de atendimento: das 14h às 18h

Data: 4 de julho, quinta-feira
Horário de atendimento: das 9h às 18h

Data: 5 de julho, sexta-feira
Sem atendimento – reunião do Conselho Municipal do Desporto de Caxias do Sul

CREF Serra – Caxias do Sul
Endereço: Avenida Rio Branco, 840/703 – Bairro São Pelegrino


CREF Serra



Vice-presidente do CREF2/RS participa de reunião do Fórum-RS
04/06/2019
Fonte: OAB/RS

Na manhã de ontem, dia 3 de maio, ocorreu mais uma reunião do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Rio Grande do Sul (Fórum-RS), na sede do OAB/RS. O vice-presidente Giovanni Bavaresco (CREF 001512-G/RS) representou no CREF2/RS no encontro, que também contou com a presença de José Augusto Viana, presidente do Fórum dos Conselhos Federais de Profissões Regulamentadas.

Entre outros assuntos, foram debatidas as possibilidades de integração entre os sistemas regionais e federais e entre os diferentes Conselhos que participam do grupo. De acordo com Ricardo Breirer, presidente da OAB/RS e do Fórum-RS, a união entre as autarquias é essencial para padronizar a atuação destes órgãos com os seus registrados. “A união é importante para a solução de problemas e indispensável para o bom funcionamento do Fórum”, afirmou.

Já Viana explicou que os Conselhos são muito vistos por políticos e parlamentares, por possuírem uma grande receita, mas as suas atribuições e despesas costumam ser ignoradas. “O nosso cliente final é a sociedade. Nós fiscalizamos o exercício das profissões regulamentadas para resguardar a população, não somos um sindicato e precisamos nos desvincular da imagem corporativista atrelada a nós”, defendeu.

Foto: Leonardo Kaller - OAB/RS


Fórum dos Conselhos



Fortunati fala no CREF2/RS sobre obras da Copa e revitalização da Orla
07/05/2019
Fonte: CREF2/RS

Na última sexta-feira, dia 3 de maio, o CREF2/RS recebeu José Fortunati, ex-prefeito de Porto Alegre. Ele esteve no Conselho para esclarecer as obras da Copa do Mundo, além de conversar sobre a revitalização da Orla do Guaíba e o novo trecho do projeto. Fortunati foi a primeira autoridade a aceitar o convite para participar de uma série de diálogos promovidos na sede do CREF2/RS, e que pretende trazer políticos, dirigentes e esportistas que contribuem para o esporte, para a atividade física e para a profissão de Educação Física.

De acordo com ex-Prefeito, em 2008 foram abertas as candidaturas das cidades para sediar a Copa do Mundo. Assim que finalizaram as inscrições, os dados foram levados à FIFA, com previsão de oito sedes escolhidas. Fortunati afirmou que o ex-presidente Lula cometeu um equívoco ao impor 12 sedes, pois várias das cidades incluídas nesta lista não tinham tradição no futebol. O resultado foi estádios que viraram verdadeiros elefantes brancos, a exemplo de Brasília, que teve a construção da arena mais cara no país e que atualmente tem uma média de cinco mil torcedores nos jogos lá disputados.

Quando Porto Alegre acabou sendo escolhida uma das cidades-sede, a FIFA enviou à Prefeitura as exigências a serem cumpridas para que a capital gaúcha pudesse receber a Copa do Mundo. “Nós já estávamos negociando com o Sport Club Internacional, que garantiu reformar o Beira-Rio de acordo com as normas da FIFA. Porto Alegre foi a única cidade entre as 12 sedes que não injetou recursos públicos em estádios. Para tanto, nós abrimos mão dos impostos ISSQN em troca do empréstimo gratuito do Beira-Rio durante a Copa”, esclareceu.

Outra demanda da FIFA era a modernização do Aeroporto Salgado Filho, obra que foi totalmente realizada pela Infraero. A terceira exigência foi estabelecer regras de segurança. “Para isto, foi feito um processo de revitalização, que foi facilitado devido a ótima localização do estádio. Contudo, tivemos de retirar comerciantes irregulares que atuavam há muitos anos na área, além das quadras de duas escolas de samba”. Para melhorar o acesso ao estádio, foram duplicadas a avenida Beira Rio e corredores de ônibus da avenida Padre Cacique. “Isto só aconteceu porque renegociamos com o Governo Federal mais recursos no caderno de encargos da Copa, atingindo o montante de R$ 140 milhões”.

Fortunati percebeu que poderia incluir as principais obras de mobilidade da cidade em uma nova negociação. “Então, celebramos em Brasília a aprovação dos projetos de melhoramentos para avenida Tronco, Terceira Perimetral, Elevada da Rodoviária e a duplicação das avenidas Voluntários da Pátria e Severo Dullius, no valor de R$ 888 milhões”. Porém, nem tudo ocorreu como previsto. Entre as dificuldades que provocaram o atraso na entrega das obras, Fortunati enumera a descoberta de solo arenoso e de uma imensa rocha durante as escavações, a obrigação do Ministério Público de que se trocasse o turno diurno de trabalho dos operários pelo noturno, encarecendo e atrasando as obras, e uma devastadora crise econômica em nível nacional.

Revitalização da Orla do Guaíba

Em relação à revitalização da Orla do Guaíba, o ex-Prefeito explicou que os recursos iniciais foram contratados em 2016 com a Corporação Andina de Fomento, apesar de problemas havidos anteriormente com o projeto do VLT. “Ainda assim obtivemos um empréstimo de 90 milhões de dólares e contratamos o arquiteto e urbanista Jaime Lerner para realizar o projeto”. Simultaneamente em Brasília, ocorria o escândalo político da Lava Jato, que tirou o completamente o foco do Senado sobre projetos e obras no país. Mesmo assim, em um esforço da bancada de senadores gaúchos, o empréstimo foi aprovado.

O ex-Prefeito explicou que a terceira fase do projeto, que irá urbanizar a área que vai da foz do Arroio Dilúvio ao Parque Gigante, em frente ao Beira-Rio, será voltado para a atividade física. “Esta fase tem uma vocação esportiva, com 27 quadras de futebol society, infantil, poliesportiva, tênis, vôlei de praia e tênis de praia. Também terá a maior pista de skate da América Latina, além de academia ao ar livre e para a melhor idade e parque infantil”, explica.

Fortunati finalizou afirmando ser contra a extinção da Secretaria Municipal de Esportes. “Acho uma lástima que se tenha uma ideia equivocada, e muito propagada pela grande mídia, que defende pura e simplesmente a redução do número de Secretarias”. Ele também disse estar convencido que a reforma administrativa promovida pelo atual prefeito é um desastre, e afirmou que esta análise é corroborada por técnicos de vários órgãos municipais.


Fortunati



CREF2/RS entrega agasalhos ao Fitness Solidariedade no Ginásio Tesourinha
30/04/2019
Fonte: PMPA

O CREF2/RS participou no domingo, dia 28 de abril, da 3ª edição do Fitness Solidariedade, que reuniu quase 300 pessoas de todas as idades, assim como nomes de relevância de diversas academias. O evento ocorreu no Ginásio Tesourinha, onde o Conselho entregou as roupas arrecadas na campanha solidária que está realizando na sua sede.

A ação foi promovida pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Esporte e coordenada pela Diretoria de Esportes, Recreação e Lazer, também com o apoio do CREF2/RS, da Relax Massagem, do Departamento Municipal de Habitação, da Guarda Municipal, da Carris e da Ceasa, que doou frutas para o lanche dos dançarinos. Aulas de ritmos como zumba, funk, dança de salão, hit pop, aeroplus, dança do ventre e salsa levaram alegria e movimentou os participantes.

Cláudio Franzen (CREF 003304-G/RS), diretor-geral de Esportes de Porto Alegre e 1º secretário do CREF2/RS, deu enfoque para a troca interpessoal como o grande destaque desse tipo de atividade. “É emocionante o carinho que damos e recebemos em todas as edições do Fitness. Esta iniciativa surgiu de uma ideia carinhosa para arrecadar agasalhos e, quando percebemos, tínhamos grandes parceiros envolvidos no nosso projeto. É a alma e o corpo caminhando juntos”, enfatizou.

Foto: Joel Vargas/PMPA


Fitness Solidariedade



CREF Serra tem atendimento nas quintas e sextas-feiras
29/04/2019
Fonte: CREF2/RS

Atendendo uma das principais demandas dos profissionais que atuam no interior, o CREF2/RS reabriu neste mês de abril o seu posto avançado em Caxias do Sul. O CREF Serra, que tem o intuito de facilitar o dia a dia dos mais de três mil registrados que moram na região, está funcionando nas quintas-feiras, das 14h às 18h; e nas sextas-feiras, das 9h às 12h30 e das 13h30 às 15h30. O atendimento pode ser agendando aqui.

Localizado na zona central da cidade, o CREF Serra está retornando para auxiliar os profissionais que precisavam se deslocar até Porto Alegre quando necessitavam renovar a sua Cédula de Identidade Profissional ou para fazer o registro de uma empresa, por exemplo. “O CREF Serra está sendo reaberto porque, desde o início da nossa gestão, sentimos a necessidade de descentralizar os serviços. Com uma sede em Caxias do Sul, poderemos estar mais perto dos registrados da Serra, reduzindo o tempo e o dinheiro que são gastos por eles”, explica o presidente José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS).

Neste primeiro momento, o CREF Serra está funcionando com atendimentos pré-agendados, duas vezes por semana, oferecendo aos profissionais os mesmos serviços que estão à disposição na sede em Porto Alegre. “Com a presença física do Conselho em Caxias do Sul, também estamos programando uma fiscalização mais efetiva na região”, finaliza Meurer.

CREF Serra
Atendimento nas quintas-feiras, das 14h às 18h; e nas sextas-feiras, das 9h às 12h30 e das 13h30 às 15h30
Endereço: Avenida Rio Branco, 840/703 – Bairro São Pelegrino
Agendamento neste link


CREF Serra



Interiorizasul visita Frederico Westphalen e Ijuí no final de abril
10/04/2019
Fonte: CREF2/RS

No final deste mês, o CREF2/RS vai realizar mais uma etapa do projeto Interiorizasul, atendendo em Frederico Westphalen, no dia 23 de abril; e em Ijuí, nos dias 24 e 25 de abril. A equipe do Conselho oferecerá aos profissionais da região noroeste do Estado os serviços de atualização cadastral, entrega de Cédula, coleta de digital, parcelamento de anuidades e também receberá a documentação necessária para novos registros. O agendamento do atendimento pode ser feito por aqui.

Interiorizasul Frederico Westphalen
Data e horário: 23 de abril, terça-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h
Local: URI – Campus de Frederico Westphalen. Prédio 10 – Sala 303
Endereço: Avenida Assis Brasil, 709 – Itapajé

Interiorizasul Ijuí
Datas e horários: 24 de abril, quarta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h; e 25 de abril, quinta-feira, das 9h às 12h
Local: UNIJUÍ – Sala de Reuniões da EDF Sede Acadêmica
Endereço: Rua São Francisco, 501 – São Geraldo


Interiorizasul 2019



CREF Serra reabre nesta quinta com mutirão de registro e de conciliação
09/04/2019
Fonte: CREF2/RS

Atendendo uma das principais demandas dos profissionais que atuam no interior, o CREF2/RS está reabrindo nesta semana o seu posto avançado em Caxias do Sul. O CREF Serra, que tem o intuito de facilitar o dia a dia dos mais de três mil registrados que moram na região, é a primeira iniciativa do Conselho dentro da sua proposta de descentralizar o atendimento que é feito na sua sede de Porto Alegre.

Fora de atividade desde 2017, o CREF Serra está retornando com uma programação especial na quinta e na sexta-feira, dias 11 e 12 de abril. A Procuradoria Jurídica e o Departamento de Registro do CREF2/RS estarão no local, das 9h às 17h, para fazer um mutirão de atendimento, em que profissionais poderão resolver as suas pendências financeiras através de uma conciliação e regularizar a sua situação, entregando documentos ou efetuando registros de Pessoa Física e Jurídica.

Com o CREF Serra, a intenção do Conselho é fazer com que aqueles que precisavam se deslocar até Porto Alegre não precisem mais ter o custo de uma viagem. “O CREF Serra está sendo reaberto porque, desde o início da nossa gestão, sentimos a necessidade de descentralizar os serviços e as ações de fiscalização. No futuro, também pretendemos abrir um posto de atendimento na zona sul do Estado e outro na fronteira”, explica o presidente José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS).

“A nova sede do CREF Serra terá uma proposta diferente daquela que foi implantada anteriormente. Desta vez, teremos um escritório menor, mas com uma localização central e de fácil acesso”, complementa o 1º tesoureiro do CREF2/RS Alessandro Gonçalves (CREF 005863-G/RS). “Neste primeiro momento, o atendimento será realizado duas vezes por semana. sempre nas quintas e nas sextas-feiras, das 14h às 18h, com agendamento prévio pelo site do CREF2/RS. O CREF Serra colocará à disposição todos os serviços que hoje são ofertados na sede em Porto Alegre, como registro, emissão de Cédula Profissional, negociações financeiras, denúncias e demais esclarecimentos”, acrescenta Gonçalves.

Reabertura do CREF Serra
Mutirão de conciliação e de registro
Datas: quinta-feira, dia 11 de abril, e sexta-feira, dia 12 de abril, das 9h às 17h
Endereço: Avenida Rio Branco, 840/703 – Bairro São Pelegrino

Atendimento normal: todas quintas e sextas-feiras, das 14h às 18h
O agendamento poderá ser feito neste link em breve


CREF Serra



Câmara de Corrida de Rua repassa experiência para novas Câmaras Técnicas
05/04/2019
Fonte: CREF2/RS

A segunda reunião da Câmara Técnica de Corrida de Rua realizada em 2019 ocorreu nesta quinta-feira, dia 4 de abril, na sede do CREF2/RS. O encontro contou com a presença de Rosa Pacheco (CREF 000059-G/RS), presidente da Comissão de Assuntos em Academia e Afins e da Câmara Técnica de Pessoa Jurídica. Ela participou da reunião para observar o funcionamento da Câmara de Corrida de Rua para, posteriormente, replicar as estratégias consideradas mais eficazes nos novos grupos de trabalho. O objetivo é atrair cada vez mais profissionais às recém-formadas Câmaras Técnicas de Pilates, de Ginástica Coletiva, Ritmos e Treinamento Funcional e de Personal Trainer.

A presidente da Câmara de Corrida de Rua Cláudia Lucchese (CREF 002358-G/RS) relatou as dificuldades iniciais, derivadas de resistências e dos preconceitos que existem em relação a órgãos institucionais, mas frisou que aqueles que permaneceram no grupo criaram um grande compromisso com os objetivos da Câmara e da Educação Física. “No início, foi difícil achar um 'norte' que direcionasse os trabalhos do grupo, mas a elaboração do Guia de Corrida de Rua fez com que os integrantes percebessem o seu primeiro objetivo comum”, explica. Cláudia também relatou que no começo, as reclamações eram, em sua maioria, sobre a organização dos eventos. “Através deste feedback chamamos os organizadores e apontamos o problema. Depois, foram feitos ajustes e mudanças necessárias”.

Já Felipe Petrillo (CREF 010544-G/RS) informou que as novas Câmaras possuem três diferentes escopos e sugeriu que cada um dos seus membros inicie as atividades questionando os seus alunos e os seus clientes sobre os serviços oferecidos nessas áreas. Rosa Pacheco explicou ao grupo quais serão os objetivos das Câmaras para auxiliar os profissionais e as academias e solicitou que todos os membros divulguem nas redes sociais a constituição das novas Câmaras. A nova reunião da Câmara Técnica de Corrida de Rua será no dia 9 de maio, na sede do CREF2/RS.


Câmara Técnica de Corrida de Rua



CREF2/RS é contrário a projeto de Marchezan que entrega parques à iniciativa privada
04/04/2019
Fonte: CREF2/RS

Nesta quarta-feira, dia 3 de abril, o presidente do CREF2/RS José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS) levou o apoio do Conselho aos vereadores, líderes de associações de parques, praças e equipamentos esportivos públicos, bem como dos seus usuários, que lutaram no plenário da Câmara Municipal de Porto Alegre para barrar o Projeto 1330/18, que propõe entregar à iniciativa privada a administração das praças e dos parques urbanos de Porto Alegre por até 35 anos.

Em sua proposta, o prefeito Nelson Marchezan autoriza a cobrança de ingresso pela concessionária para acesso às áreas fechadas dos parques urbanos em que tenham sido realizados "investimentos substanciais" pelo concessionário. Além disso, poderão ser objeto de exploração publicitária o mobiliário e demais equipamentos integrantes da concessão.

Para o presidente do CREF2/RS, um possível cenário em que espaços públicos de lazer e atividade física, reconhecidos como locais promotores de saúde e bem-estar coletivos, sejam cercados e tenham acesso restrito apenas a pagantes, além de uma afronta aos cidadãos de Porto Alegre, é um crime contra a saúde da população, em especial contra os mais pobres, que já sofrem com a crise econômica, péssimos serviços públicos, altíssimo desemprego e violência desenfreada.

Os alvos principais da proposta do Executivo são o Parque da Harmonia, a Redenção e o Parque Chico Mendes, mas outros espaços públicos, como o Arariboia, conhecido por desenvolver atividades sociais, poderão ser fechados para a população. Ao todo, nove parques e 637 praças da cidade podem ser concedidas à iniciativa privada. "Isto afetará a formação das futuras gerações de porto-alegrenses. Em especial, dos mais desassistidos. Veremos a violência crescer, a epidemia do sedentarismo e do consumo de drogas se agravarão. As praças e parques sempre foram do povo, e assim devem permanecer”, declara Meurer. A votação da polêmica acabou transferida para a próxima segunda-feira, dia 8 de abril.


Privatização de Parques e Praças Públicas



Presidente do CREF2/RS visita deputado Sebastião Melo
04/04/2019
Fonte: CREF2/RS

O presidente do CREF2/RS José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS) visitou nesta quarta-feira, dia 3 de abril, o deputado estadual e ex-vice-prefeito de Porto Alegre Sebastião Melo. Meurer foi apresentar ao parlamentar as atuais propostas do Conselho em defesa das políticas públicas nas áreas dos esportes e da atividade física, da atuação dos profissionais de Educação Física como agentes de saúdes, da luta pelo reequipamento e da manutenção dos ginásios e praças como áreas públicas destinadas a práticas esportivas da população, entre outras.

“Não podemos ficar parados diante dos alarmantes índices de sedentarismo e de doenças que a população está exposta, muito menos assistir nossa juventude ser cooptada pelo crime organizado ou pelas drogas, tendo como uma das causas a falta de oferta de opções saudáveis, obrigações constitucionais dos poderes públicos”, alertou Meurer. O presidente do CREF2/RS também salientou o desmonte sistemático dos aparelhos públicos esportivos, associados a uma verdadeira avalanche de projetos de privatização destes espaços, o que deixará a população refém de interesses financeiros em detrimento da saúde e do bem-estar coletivo.

De acordo com o deputado, o esporte "inaugura pessoas”. "Temos que contextualizar essa frase para a realidade das nossas cidades, em que há tanta exclusão social. É no esporte que crianças e jovens têm uma porta de entrada para a construção da sua cidadania". Melo sustentou que as prioridades definidas por uma gestão pública não são materializadas no discurso, mas sim apontadas na destinação da dotação orçamentária. "As verbas públicas reservadas ao Esporte no Brasil estão muito aquém das nossas imensas necessidades. Mas é claro que só o dinheiro público não se faz suficiente, parcerias também são essenciais".

O deputado recordou a gestão de Meurer à frente da Secretaria Municipal de Esportes, qualificada por Melo como inovadora, além de sua grande capacidade para atrair parcerias, aliado à produção de uma legislação municipal que conquistou investimentos e destinou parte destes tributos para projetos esportivos. "Um dos exemplos do gerenciamento administrativo e da praticidade de Meurer foi a transferência gratuita da grama do Estádio Olímpico, que estava sendo desativado, para os campos de treinamento do Parque Marinha do Brasil".

Por fim, o deputado se dispôs a apoiar as lutas travadas pelo CREF2/RS e, como titular da Comissão de Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia da Assembleia Legislativa, colocou à disposição o espaço para que sejam discutidas todas as matérias concernentes ao esporte e à Educação Física no Estado.


Assembleia Legislativa



CREF2/RS reabre CREF Serra em abril
02/04/2019
Fonte: CREF2/RS

Atendendo uma das principais demandas dos profissionais que atuam no interior do Estado, o CREF2/RS está reabrindo o seu posto avançado em Caxias do Sul, no dia 12 de abril. O CREF Serra, que tem o intuito de facilitar o dia a dia dos mais de três mil registrados que moram na região, é a primeira iniciativa do Conselho dentro da sua proposta de descentralizar o atendimento que é feito na sua sede de Porto Alegre e nas visitas do Interiorizasul.

Fora de atividade desde 2017, o CREF Serra está retornando para auxiliar não só os profissionais que trabalham em Caxias do Sul, mas todos que residem ou atuam nas cidades próximas, como Bento Gonçalves, Carlos Barbosa e Farroupilha. A intenção do Conselho é fazer com que aqueles que precisavam se deslocar até Porto Alegre, para renovar a sua Cédula de Identidade Profissional ou para fazer o registro de sua empresa, não precisem mais ter o custo de uma viagem até a Capital, dando assim mais agilidade e comodidade aos atendimento.

“O CREF Serra está sendo reaberto porque, desde o início da nossa gestão, sentimos a necessidade de descentralizar os serviços e as ações de fiscalização. No futuro, também pretendemos abrir um posto de atendimento na zona sul do Estado e outro na fronteira”, explica o presidente José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS). “Nós estamos conhecendo cada vez mais a realidade dos profissionais que atuam no interior e que precisam se deslocar da sua região até Porto Alegre. Com uma sede em Caxias do Sul, poderemos estar mais perto dos registrados da Serra, orientando a atividade profissional de forma mais direta e reduzindo o tempo e o dinheiro que são gastos por eles”.

Neste primeiro momento, o CREF Serra irá funcionar com atendimentos pré-agendados, nas terças e nas quintas-feiras, das 14h às 18h. Oferecendo os mesmos serviços que estão à disposição na sede em Porto Alegre, o local está preparado para emitir a Cédula de Identidade Profissional, realizar reuniões de Câmaras Técnicas e audiências com profissionais, assim como para receber e analisar documentos para registro de Pessoas Físicas e Jurídicas. “O trabalho do CREF Serra não envolve somente o atendimento aos profissionais, aos recém-graduados e à sociedadel. Com a presença física do Conselho em Caxias do Sul, também estamos programando uma fiscalização mais efetiva na região, o que vai contribuir de maneira muito significativa para a valorização de toda a profissão”, avalia Meurer.

CREF Serra
Atendimento nas terças e nas quintas-feiras, das 14h às 18h
Endereço: Avenida Rio Branco, 840/703 – Bairro São Pelegrino
Agendamento neste link


CREF Serra



Comissão de Ensino Superior responde dúvidas sobre as novas Diretrizes Curriculares Nacionais
01/04/2019
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional do CREF2/RS realizou sua reunião mensal na última sexta-feira, dia 29 de março, na sede do Conselho. Estiveram presentes Eduardo Merino (CREF 004493-G/RS), Débora Garcia (CREF 001069-G/RS), Any Mery Lunardi (CREF 001765-G/RS) e Helena D’Azevedo. Durante os trabalhos, foram analisados e respondidos os questionamentos enviados por e-mail pelos coordenadores de curso relativos às novas Diretrizes Curriculares Nacionais dos cursos de graduação em Educação Física.

Entre as várias perguntas encaminhadas pelas Instituições de Ensino Superior, havia dúvidas relativas, por exemplo, se a universidade deveria ofertar Licenciatura na metade do curso, caso a maioria dos estudantes optasse pelo Bacharelado. Segundo a Comissão, a responsabilidade de ofertar cabe a cada instituição e as adequações acontecerão conforme as necessidades. Outro esclarecimento solicitado pelos coordenadores se referia a necessidade de haver um único projeto pedagógico para Licenciatura e Bacharelado. O projeto, no entendimento da Comissão, necessita disponibilizar um núcleo comum (1.600 horas) e uma parte específica (também de 1.600 horas), e que as disciplinas comuns não deverão ultrapassar o quarto semestre.


Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional



Comissão de Assuntos em Academia e Afins define presidência de Câmaras Técnicas
27/03/2019
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Assuntos em Academia e Afins se reuniu na última segunda-feira, dia 25 de março, na sede do CREF2/RS. No encontro, estiveram presentes as conselheiras Luciana Paz (CREF 003952-G/RS), Ninon Leal (CREF 001350-G/RS), Roberta Pinto (CREF 004665-G/RS), Cláudia Lucchese (CREF 002358-G/RS), Rosa Pacheco (CREF 000059-G/RS) e Carla Tartarotti (CREF 006564-G/RS).

Entre os assuntos tratados na reunião, foram definidos os presidentes das Câmaras Técnicas do CREF2/RS. Também foi estabelecido que a primeira reunião de todas elas irá ocorrer de forma simultânea, no dia 4 maio. Os próximos encontros serão agendados para o final do mesmo mês.

A Comissão de Assuntos em Academia e Afins também realizará uma enquete, entre os dias 1º e 30 de abril, para pesquisar os tópicos de interesse dos profissionais para serem abordados pelas novas Câmaras. A enquete terá divulgação no site do CREF2/RS e será enviada por e-mail a todos os registrados.

Câmaras Técnicas do CREF2/RS:

Câmara Técnica de Pessoa Jurídica
Presidente: Rosa Pacheco (CREF 000059-G/RS)

Câmara Técnica de Corrida de Rua
Presidente: Cláudia Lucchese (CREF 002358-G/RS)

Câmara Técnica de Pilates
Presidente: Roberta Pinto (CREF 004665-G/RS)

Câmara Técnica de Musculação
Presidente: Luciana Paz (CREF 003952-G/RS)

Câmara Técnica de Ginástica Coletiva, Ritmos e Treinamento Funcional
Presidente: Ninon Leal (CREF 001350-G/RS)

Câmara Técnica de Personal Trainer
Presidente: Carla Tartarotti (CREF 006564-G/RS)


Comissão de Assuntos em Academia e Afins



CREF2/RS participa de campanha desenvolvida pela Associação Solidária Só os Fortes
27/03/2019
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS, em parceria com a Associação Solidária Só os Fortes, está arrecadando alimentos não perecíveis, roupas, lacres de latas de alumínio e tampas de garrafa PET. O ponto de coleta das doações está instalado na recepção do Conselho, na sua sede em Porto Alegre.

De acordo com Andrenise Silva, representante da Associação, a campanha conjunta com o CREF2/RS tem o intuito de beneficiar asilos, creches e abrigos, assim como moradores de rua, portadores de necessidades especiais e famílias que perderam os seus pertences em incêndios e enchentes. "Também recolhemos móveis em bom estado e eletrodomésticos, diretamente na residência do doador, mediante agendamento antecipado", explica.

Andrenise também frisa que, com os lacres de latas de alumínio, é possível adquirir cadeiras de rodas e que as tampas de garrafa PET podem ser trocadas por alimentos. Segundo a conselheira Sônia Waengertner (CREF 007781-G/RS), coordenadora da campanha no CREF2/RS, a ação mostra que um pequeno gesto, como separar uma tampa ou um lacre, pode fazer a diferença na vida de pessoas que tanto precisam de apoio.

Associação Solidária Só os Fortes
Endereço: Avenida Benjamin Constant, 212 - Bairro São João
Telefone para contato: (51) 98499-7264


Campanha Social



CREF2/RS discute na Câmara da capital políticas públicas e solução para professores devolvidos à SMED
27/03/2019
Fonte: CREF2/RS

O presidente José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS) e a conselheira Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) estiveram representando o CREF2/RS na reunião da Comissão de Educação, Cultura, Esporte e Juventude da Câmara Municipal de Porto Alegre, nesta terça-feira, dia 26 de março. Eles foram ouvir os esclarecimentos de Rodrigo Kandrik, diretor-geral de Esporte, Recreação e Lazer da Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania, sobre a retirada de professores de Educação Física de centros comunitários da capital e do próprio Ginásio Tesourinha, bem como sobre o sucateamento dos equipamentos esportivos municipais.

Segundo o Kandrik, os professores foram devolvidos à Secretaria Municipal de Educação (SMED) por conta de uma determinação do Ministério Público. Nelci Girardi, representante do Parque Alim Pedro, contestou a informação e reclamou sobre o desmonte da antiga Secretaria Municipal de Esporte. Segundo ela, muitas crianças em vulnerabilidade, frequentadoras da atividade no Alim Pedro, abandonaram os programas de prática desportiva. “Nunca vi uma economia tão burra”, advertiu. Élida Machado, do Centro Comunitário Parque Madepinho, também manifestou a sua contrariedade quanto à suspensão das atividades de ginástica artística no local. Para ela, está em curso um plano para privatizar parques e praças da cidade, prejudicando a prática esportiva em áreas públicas da cidade.

O Presidente do CREF2/RS iniciou a sua fala ressaltando o suporte histórico que o poder público municipal porto-alegrense sempre deu à atividade física na cidade, desde 1926 com a oferta de recreação pública à população. Meurer afirmou que este pioneirismo não deveria ser perdido, pois colocaria em risco a saúde da população.

Em nome do Conselho, Meurer cobrou uma definição sobre o futuro dos 14 professores de Educação Física, originários da extinta SME. “O Ministério Público exigia a volta dos docentes das disciplinas de matemática e português, não havendo nenhuma decisão jurídica sobre o retorno de professores de Educação Física. Mas, mesmo assim, eles foram retirados das comunidades, onde prestavam serviços relevantes, e foram realocados no suporte em bibliotecas e em afazeres burocráticos", criticou. "Além dos índices alarmantes de sedentarismo e doenças associadas, a retirada destes profissionais de Educação Física deixa sem atendimento uma fatia considerável da população”.

Foto: Elson Sempé Pedroso/CMPA


Políticas Públicas



Mutirão de Conciliação do CREF2/RS celebra cinquenta acordos extrajudiciais
18/03/2019
Fonte: CREF2/RS

O Departamento Jurídico do CREF2/RS realizou, durante os dias 14 e 15 de março, um Mutirão de Conciliação na sede do Conselho. A ação teve o intuito de proporcionar aos profissionais registrados, que estão em execução fiscal, uma oportunidade para a regularização dos seus débitos e da sua situação. Durante os dois dias do Mutirão, foram mais de sessenta atendimentos, resultando em 50 acordos. O CREF2/RS já está programando novas edições da ação na capital e no interior do Estado, ainda neste semestre.

De acordo com Matheus Bergmann, assistente do Departamento Jurídico, os Mutirões de Conciliação possibilitam aos profissionais a oportunidade de negociar melhores condições para pagar os seus débitos, pois são oferecidos diversos escalonamentos de parcelamento, além da eliminação dos juros e da multa sobre o período de inadimplência. “Dialogando com os advogados do Departamento Jurídico, eles têm a chance de adequarem a dívida à sua realidade econômica. Além disto, o CREF2/RS sempre considera a vinda dos profissionais ao Conselho uma oportunidade de aproximação, demonstrando com funciona o CREF2/RS e convidando os profissionais para debaterem as questões da profissão e ouvindo as demandas em relação à autarquia”.

Na avaliação de Bergmann, vários profissionais que compareceram ao Mutirão, possivelmente, não teriam condições de saldar a dívida integral, originando uma citação judicial. "Esta situação gera um conflito muito desgastante para ambas as partes. As negociações facilitadas pretendem evitar que as partes cheguem a este extremo".


Mutirão de Conciliação



CREF2/RS alerta sobre cuidado ao escolher personal trainer
18/03/2019
Fonte: Zero Hora

Assim como os números de obesidade e sedentarismo, cresce também a quantidade de ofertas que prometem uma grande perda de peso em um curto intervalo de tempo. Basta uma simples espiada nas redes sociais para ser exposto a uma enxurrada de fotos e anúncios de treinos e métodos ditos milagrosos. Mas é bom ficar atento: embora não haja uma legislação específica sobre a atuação de profissionais de Educação Física no meio online, é fundamental que ele, além de formado, esteja registrado junto ao CREF2/RS.

Para garantir tanto a qualidade do serviço prestado quanto a segurança dos alunos, só em 2018, o Conselho notificou mais de 500 pessoas por exercício ilegal da profissão. Foram flagrados não só indivíduos que atuam de forma ilegal em meios eletrônicos, mas também aqueles que trabalham de forma irregular em academias e outros estabelecimentos sem o devido registro.

O assessor institucional do CREF2/RS Samuel de Almeida (CREF 013510-G/RS) explica que, depois de autuados, os flagrados em exercício ilegal da profissão de Educação Física são apresentados ao Ministério Público, onde as denúncias são investigadas e podem resultar em multa ou prisão, segundo artigo 47 da Lei de Contravenções Penais brasileira. “As consequências para os profissionais que cometerem falhas técnicas e/ou éticas na prestação dos serviços de condicionamento físico podem ser: advertência, multa, suspensão ou cancelamento de registro profissional”, lista.

O que cuidar na hora de contratar um personal

Cada vez mais populares, os programas de treino online ainda não têm regras definidas pelo CONFEF. O que o Conselho defende é o cuidado com a personalização do atendimento. “A ideia é ter um treinamento individualizado. Esses treinos milagrosos são para vender e não dão conta dessas questões”, alerta o diretor da Escola de Educação Física da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) e 2º secretário do CREF2/RS Eduardo Merino (CREF 004493-G/RS).

Como não há legislação que trate da prescrição de treinos virtuais, Almeida desaconselha essa modalidade e destaca que a responsabilidade por qualquer possível problema enfrentado pelo aluno recai sobre o profissional. “Ele não é impedido de fazer, porém assume a responsabilidade técnica e ética por uma eventual parada cardíaca, respiratória ou lesão muscular pela prescrição sem relatório de anamnese”.

Antes de contratar um personal, fique atento:

Dê preferência aos profissionais que podem atender presencialmente
“Só eles poderão fazer uma avaliação física correta e prescrever um treino condizente com possíveis lesões”, indica Almeida.

Confirme o registro do profissional
Mesmo que tenha diploma, o profissional só poderá atuar de forma regular se estiver com registro em dia junto ao conselho regional. Para verificar isso, basta procurar o nome do profissional nos sites do CONFEF e do CREF2/RS.


Zero Hora personal trainer



Comissão de Atividade Física e Saúde do CREF2/RS realiza sua primeira reunião
13/03/2019
Fonte: CREF2/RS

No dia 6 de março, a Comissão de Atividade Física e Saúde do CREF2/RS esteve reunida na sede do Conselho. No encontro, ficou definido como presidente da Comissão o conselheiro Clery de Lima (CREF 000297-G/RS) e como secretária Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS). Também são membros efetivos os conselheiros Leomar Tesche (CREF 000129-G/RS) e Débora Garcia (CREF 002202-G/RS). A principal pauta da reunião foi a mobilização para as conferências municipais e estadual de saúde.

Segundo o presidente da Comissão, o CREF2/RS irá lançar uma campanha para ressaltar a importância da inserção dos profissionais de Educação Física nas Conferências de Saúde. "É fundamental que estejamos integrados nos projetos e programas de saúde do SUS, bem como nos quadros funcionais das secretarias municipais, estadual e Governo Federal", afirmou Clery. Para reforçar a abrangência da campanha, o CREF2/RS enviou um ofício ao CONFEF para que se some à campanha.


Comissão de Atividade Física e Saúde



CREF2/RS realiza Mutirão de Conciliações na sua sede em Porto Alegre
28/02/2019
Fonte: CREF2/RS

O Departamento Jurídico do CREF2/RS realizará nos dias 14 e 15 de março um Mutirão de Conciliações em Porto Alegre. A ação, que acontecerá na sede do CREF2/RS, tem o intuito de proporcionar aos profissionais registrados que estão em execução fiscal uma oportunidade para a regularização dos seus débitos e da sua situação junto ao Conselho.

Todos os casos serão analisados separadamente pelos advogados do CREF2/RS e os profissionais presentes poderão negociar parcelamentos e descontos diretamente com os representantes do Conselho.

Mutirão de Conciliações
Local: sede do CREF2/RS, Porto Alegre/RS
Endereço: rua Coronel Genuíno, 421 conj. 401
Data: 14 e 15 de março (quinta e sexta-feira)
Horário: 9h às 17h


Mutirão de Conciliações



Vice-presidente do CREF2/RS discute EaD em reunião do FOCO/RS
27/02/2019
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS, Giovanni Bavaresco (CREF 001512-G/RS), esteve presente na reunião do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Rio Grande do Sul, realizada no dia 26 na sede da OAB/RS. O encontro teve como objetivo principal debater pautas de interesse entre cada profissão representada, tendo como principal assunto o ensino EaD nas faculdades.

De acordo com Giovanni, a possibilidade das instituições de Ensino Superior ofertarem graduação e pós-graduação via Educação a Distância (EaD) sem exigir a oferta de curso equivalente no modo presencial e criarem polos de EaD sem necessidade de vistoria do MEC foram medidas do governo Temer, por meio do decreto 9.057/2017. “A formação na área da saúde não se limita a oferecer conteúdos teóricos. Para além dos conhecimentos requeridos para a atuação profissional, ela exige o desenvolvimento de habilidades e atitudes que não podem ser obtidas por meio da modalidade EaD, sem o contato direto com o ser humano,já que se tratam de componentes da formação que se adquirem nas práticas interrelacionais”, explica. Para o vice-presidente, a aprendizagem mais significativa se realiza nos encontros e no compartilhamento de experiências, e pressupõe convivência, diálogo e acesso a práticas colaborativas, atividades essencialmente presenciais.

Segundo o presidente da OAB/RS, Ricardo Breier, é necessária a fiscalização de cursos. Na mesma linha, o presidente do Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Sul (CREMERS), Eduardo Neubarth Trindade, afirmou: “Precisamos ter cuidado com o ensino a distância. Os profissionais que saem das faculdades precisam ter a prática, além de conhecer a realidade da profissão”. A coordenadora da Câmara de Educação, Silvia Salcedo, lembrou: “O EaD é uma realidade muito forte no Rio Grande no Sul. No entanto, há diversas instituições de ensino que não tem condições de ofertarem cursos dessa maneira”, criticou.

Foto: Sergio Trentini- OAB/RS


FOCO RS



Interiorizasul 2019 estreia visitando Camaquã em março
14/02/2019
Fonte: CREF2/RS

A equipe do CREF2/RS já está pronta para dar a largada, no dia 12 de março, ao Projeto Interiorizasul 2019, que terá como sua primeira visita o município de Camaquã. A sede volante do CREF2/RS volta à estrada para oferecer novamente aos profissionais do interior do estado os serviços de atualização cadastral, entrega de Cédula, coleta de digital, parcelamento de anuidades e também efetuar novos registros.

Todos os interessados têm até o dia 10 de março para fazer o agendamento destes e de outros serviços também disponibilizados nas visitas do Interiorizasul.

Interiorizasul Camaquã
Data e horário: 12 de março, terça-feira, das 10h30min às 12h e das 13h30min às 16h
Local: FUNDASUL – Sala dos Professores
Endereço: Av. Cônego Luiz Walter Hanquet, 151 – Bairro Jardim


Interiorizasul 2019



Vice-presidente e procurador jurídico do CREF2/RS visitam CONFEF e CREF1
06/02/2019
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS, Giovanni Bavaresco (CREF 001512-G/RS), e o procurador jurídico do Conselho, Artur Eduardo Jarzinski Alfaro (OAB/RS 080493), visitaram no dia 28 de janeiro o Conselho Federal de Educação Física (CONFEF) e a sede do Conselho Regional de Educação Física da 1ª Região (CREF1), que atua nos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo. No Conselho da 1ª Região, houve troca de experiências entre as autarquias, na qual os representantes do CREF2/RS tiveram a oportunidade de estudar os métodos de gestão administrativa e a metodologia aplicada na fiscalização do CREF1. No Conselho Federal, Bavaresco e Alfaro analisaram os detalhes do sistema de parcelamento de anuidades feito por meio de cartão de crédito, procedimento que já foi aprovado para ser implementado no CREF2/RS em breve.

Na ocasião, foram debatidas sugestões de alterações estatutárias com a diretoria do CONFEF, bem como a atuação do Sistema CONFEF/CREFs junto à Casa Civil e ao Congresso Nacional, com o propósito de acompanhar os vários projetos de lei que estão na pauta para serem votados e que envolvem tanto a profissão de Educação Física como a saúde da população. O conteúdo dos PLs varia, tanto beneficiando a profissão e a saúde da população, mas também retirando direitos, contingenciando verbas relativas à atividade física e aos esportes, assim como incentivando a criação de cursos EAD na formação integral de profissionais da saúde, proposta que já é repudiada pelas 14 categorias profissionais de saúde de nível superior reconhecidas pelo Conselho Nacional de Saúde(CNS).


Sistema CONFEF CREFs



Comissão de Educação Física Escolar elege nova presidente
05/12/2018
Fonte: CREF2/RS

Na terça-feira, dia 27 de novembro, a Comissão de Educação Física Escolar do CREF2/RS esteve reunida na sede do Conselho. O encontro, que contou com a presença de Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), Marcia da Cruz (CREF 007542-G/RS), Clery de Lima (CREF 000297-G/RS), Jeane Cazelato (CREF 000003-G/RS) e Ninon Leal (CREF 001350-G/RS), elegeu a conselheira Marcia como a nova presidente da Comissão e o conselheiro Clery como secretário.

Entre as deliberações da reunião, a Comissão decidiu fazer um levantamento de todos os cursos de Licenciatura em Educação Física do Estado, listando o seus respectivos coordenadores. A ideia é, com essas informações, estudar a viabilidade da realização de quatro encontros regionais, entre o Conselho e as Instituições de Ensino, nos municípios de Ijuí, Passo Fundo, Rio Grande e Uruguaiana. O objetivo desses encontros é proporcionar uma maior proximidade da Comissão junto aos professores, acadêmicos e à sociedade.

Além disso, a Comissão aprovou também a proposta para a realização do VIII Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar, em 2019. O formato do evento ainda está aberto à sugestões de profissionais e de conselheiros. As reuniões da Comissão de Educação Física Escolar irã continuar ocorrendo duas vezes por mês.


Comissões Educação Física Escolar



CREF2/RS visita Santa Maria e Santa Cruz do Sul e busca aproximação aos profissionais do interior
29/11/2018
Fonte: CREF2/RS

Na última quinta-feira, dia 22 de novembro, o vice-presidente do CREF2/RS Giovanni Bavaresco (CREF 001512-G/RS) e o assessor institucional Gilson Bornes (CREF 003100-G/RS) estiveram em Santa Maria e em Santa Cruz do Sul, visitando academias e profissionais que atuam nas duas cidades. A iniciativa, que tem o intuito de buscar uma aproximação com os registrados do interior e de construir coletivamente as ações desempenhadas pelo Conselho, será intensificada ainda mais a partir de 2019.

Em Santa Maria, o CREF2/RS também teve um encontro com o superintendente de Esportes e Lazer do município, Givago Ribeiro (CREF 023762-G/RS). A reunião, além de esclarecer sobre a atuação do Conselho, serviu para uma boa troca de informações e de experiências. “No que diz respeito aos eventos realizados em espaços públicos, aqui em Santa Maria, seria muito importante que os organizadores tivessem uma orientação jurídica do Conselho, para que eles as obrigações e a responsabilidades relacionadas a esse tipo de atividade. A fiscalização, em função disso, tem uma demanda muito grande aqui na região”, comentou Ribeiro.

Atento às necessidades do interior, os representantes do Conselho também ouviram aqueles que lidam com as dificuldades, relacionadas ao dia a dia da Educação Física. “Quase todos os proprietários de academias em Santa Maria e em Santa Cruz do Sul solicitaram palestras, referentes à legislação e à atuação do CREF2/RS, e mais apoio para a realização de cursos e eventos. A nossa aproximação com profissionais que atuam longe da nossa sede visa identificar as demandas e atender todas as solicitações, à medida que vamos construindo assim uma profissão mais forte, unida e valorizada em todo o Rio Grande do Sul”, avaliou Bornes.


Santa Maria Santa Cruz do Sul Interior



Ginástica Laboral faz 40 anos de existência no Brasil
27/11/2018
Fonte: CREF2/RS

Em 2018, o Sistema CONFEF/CREFs, em conjunto com a sociedade brasileira, celebram os 40 anos da implantação no país da Ginástica Laboral, uma ferramenta extremamente importante para a manutenção da saúde dos trabalhadores. Tanto em nível mundial, como nacional, a evolução desta atividade esteve intimamente ligada às transformações do mundo do trabalho e às demandas relativas à saúde dos trabalhadores. O novo ritmo de produção imposto pela Revolução Industrial, que implementou linhas de produção em série, através de grandes cadeias de produção seriais, forçaram os operários a realizar diariamente milhares de movimentos repetitivos. Ao mesmo tempo que esse gigantesco desenvolvimento manufatureiro aumentou em muito a eficiência e a produtividade, gerou em contrapartida o crescimento exponencial de novas doenças laborais, como Lesões por Esforço Repetitivos (LER), Distúrbios Osteo-Musculares (DORT), além de acidentes no chão de fábrica. Este quadro preocupante alertou pesquisadores, médicos, empregadores e sindicatos ao redor do mundo para os sérios prejuízos à saúde dos trabalhadores, acarretados pela produção massiva que se estendeu pelas cidades e campos.

O afastamento do trabalho por problemas de saúde ainda é uma realidade crescente no Brasil. De acordo com o Anuário do Sistema Público de Emprego e Renda do Dieese compilado a partir de informações do Ministério do Trabalho, em 2015, foram contabilizados 181,6 mil casos de natureza diretamente relacionada ao ambiente profissional – o que representa uma alta de 25% comparado aos dez anos anteriores.

Para elaborar uma resposta aos novos problemas laborais e proporcionar um ambiente mais sadio e seguro aos trabalhadores, fez-se necessário um estudo profundo de cada seção de trabalho, do quadro funcional, dos turnos, das características da organização e dos seus diversos setores. Estava nascendo a Ginástica Laboral, que em seus primórdios era denominada “ginástica de pausa”, implantada na indústria europeia com o objetivo de dar repouso ativo aos operários por alguns períodos durante sua jornada de trabalho. A partir deste momento histórico, a ideia toma força e se dissemina pelo mundo.

No Brasil, o Rio Grande do Sul foi pioneiro oficial na implantação do programa, quando no dia 22 de novembro de 1978, tendo como protagonista a Escola de Educação Física da FEEVALE-RS, efetivou-se o primeiro contrato com uma empresa da região para a implantação de um programa de Ginástica Laboral, baseado em análises biomecânicas e estruturada pelos profissionais de Educação Física da instituição, bem como através de parcerias com o SESI da região. A data virou um marco histórico para a atividade, tanto que em vários estados do país, o dia 22 de novembro é oficialmente considerado o Dia da Ginástica Laboral, referência importante para reforças ao conjunto da sociedade sobre o valor que estes programas têm para a saúde e para a produtividade sustentável.

Como observa o conselheiro do CREF2/RS e Ergonomista do Trabalho, Alessandro Gonçalves (CREF 005863-G/RS), o atual modelo de Ginástica Laboral representa uma importante ferramenta ergonômica e exerce papel fundamental no equilíbrio entre a saúde, produtividade e qualidade de vida dos trabalhadores envolvidos nos programas. “Utilizar a Ginástica Laboral de forma estratégica, alinhada com ações de ergonomia e segurança ocupacional é um diferencial competitivo em empresas que entendem o passado, trabalham o presente e constroem o futuro”, assegura. Alessandro explica que a atuação do profissional de Educação Física frente a programas de Ginástica Laboral exige conhecimentos em diversas áreas. “Entender o contexto em que as organizações estão inseridas irá atribuir um ganho de competitividade aos profissionais, já que a função exige identificação com o sistema de trabalho das empresas clientes. Também é obrigatório conhecer as cadeias musculares, exercícios de alongamento, relaxamento e fortalecimento muscular. Além disso é preciso entender os componentes da música, a ludicidade, o equilíbrio, a propriocepção e as rotas metabólicas”, enumera.

Alessandro argumenta que a Ginástica Laboral é aplicável onde houver trabalho, pois sempre haverá riscos biomecânicos envolvidos, portanto os programas de GL têm vários ambientes para se desenvolver. Um novo mercado a ser explorado são as zonas agrícolas. “Apesar de ainda não estar muito difundida, a prática de Ginástica Laboral em ambientes rurais pode garantir aos trabalhadores e empregadores os mesmos benefícios encontrados e já mensurados nas empresas, cujas sedes encontram-se em locais urbanizados”.

É o que acontece em Américo Brasiliense (SP), onde cerca de 200 cortadores fazem diariamente Ginástica Laboral antes de começar a trabalhar. O objetivo é prevenir doenças como lesão por esforço repetitivo, que atinge com frequência os cortadores de cana. O projeto foi criado depois de uma norma regulamentadora de 2005 exigir das empresas melhoria nas condições de trabalho e ações de prevenção a acidentes de trabalho. Isso ocorre também nas grandes empresas da cadeia produtiva do frango no Rio Grande do Sul, como a Perdigão, a Doux/Frangosul e a Minuano, que oferecem uma ampla gama de benefícios assistenciais aos seus funcionários, entre eles programas de Ginástica Laboral nas suas linhas de produção.  

De fato, são os resultados quantitativos na melhora da saúde do trabalhador e do consequente aumento da produtividade, advindo do bem-estar proporcionado pelo programa, que tornaram a Ginástica Laboral em uma atividade econômica consolidada no mercado. Segundo a presidente da Associação Brasileira de Ginástica Laboral (ABGL), Cynara Cristina Pereira (CREF 068042-G/SP), o programa está implantado em inúmeras empresas de diversos segmentos por todo o país e cresce na medida em que profissionais de Educação Física tem se especializado para desenvolver os programas, a partir da publicação e da demonstração científica dos indicadores de resultados, e se fortalece quando inovações bem sucedidas são aplicadas nos ambientes corporativos. “Dados científicos informam que o passivo gerado pelas das doenças laborais, os afastamentos e o absenteísmo oneram três vezes mais a empresa que todos os custos somados de produção, aí inclusos matéria-prima, os insumos, os salários e a logística. Portanto, é muito mais inteligente investir em programas de promoção da saúde e qualidade de vida no trabalho”, avalia.

O Rio Grande do Sul, além de ter sido vanguarda na implantação da Ginástica Laboral no país, sedia empresas com sólida cultura de promoção da saúde dos trabalhadores. Um destes exemplos é o Banrisul S/A, cujo programa de Ginástica Laboral, de acordo com a conselheira do CREF2/RS e supervisora de Ginástica Laboral e Fitness do Banrisul Cláudia Lucchese (CREF 002358-G/RS), foi construído a “quatro mãos”. “Foi em 1999 que se formou uma comissão paritária de saúde, composta de membros representando os empregados indicados pelo Sindicato da categoria e membros representantes da Empresa, dando início a um projeto piloto em algumas agências, que após seis meses já tinha indicativo de expansão às mais de 500 agências do Banrisul”, constata. Cláudia esclarece que o objetivo do programa é a prevenção das Lesões por Esforços Repetitivos – LER, especificamente os Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho – DORT e promoção da saúde ocupacional dos empregados da empresa.

Conforme a supervisora, desde a implantação poucas vezes ocorreram interrupções no programa. “Até porque esta atividade faz parte do acordo coletivo selado pelo Sindicato com o Banco". O maior problema, explica Claudia, se dá por conta da morosidade nas licitações públicas, acarretadas pelo formalismo no procedimento. “Importante ressaltar que por ser um programa qualitativo, o banco nunca buscou medidas de resultados em produtividade. A questão maior sempre foi a percepção subjetiva do empregado em relação ao programa. O quanto a prática da Ginástica Laboral colabora para a qualidade de vida no trabalho”, especifica. Os dados levantados entre os participantes pela supervisora demonstraram que 95% destes entendem que quando participam das atividades, sentem-se mais ativos, como menos desconfortos em relação às posturas exigidas no seu posto de trabalho. Também consideram que levantar da cadeira e mobilizar seu corpo e relaxar a mente tem sido o grande ganho com esse programa. “Hoje a média de participação no Banrisul é de 65% dos empregados. No momento, passamos novamente por um processo de licitação pública”, relata a supervisora.

Outro grande referencial para o setor é o Serviço Social da Indústria (SESI), pioneiro na área e grande divulgador da Ginástica laboral no país, constantemente reconhecida pelos serviços prestados em segurança e saúde no trabalho. Premiado com o Marca Brasil no período entre 2006 a 2017, distinção que reconheceu a excelente atuação do SESI em Ginástica Laboral, Medicina Ocupacional e Serviços para Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho (Sipat), o SESI ainda teve sua Ginástica Laboral eleita por 12 anos consecutivos como o melhor programa de GL do País.

Para o superintendente do Sesi-RS, Juliano Colombo, a Ginástica Laboral busca atuar como ferramenta de promoção de saúde do trabalhador, interagindo com a política corporativa da empresa. "Nosso objetivo é contribuir para a educação postural e adaptação funcional, além de estimular o exercício físico e o comportamento saudável. Com as ações de promoção da saúde, o Sesi-RS busca contribuir para o bem estar e o aumento da produtividade da indústria. A atividade começou no Brasil, em 1978, em parceria do Sesi gaúcho com a Feevale, com o projeto Ginástica Laboral Compensatória. Hoje atuamos com o Programa Sesi Ginástica na Empresa, em 114 companhias, alcançando cerca de 8.700 trabalhadores no estado", explica. Em todo o país, o SESI Ginástica na Empresa atende diariamente 750 mil trabalhadores de 2,5 mil indústrias.

Tendo em vista a importância da Ginástica Laboral para os trabalhadores e como mercado para os profissionais de Educação Física, o CREF2/RS irá comemorar os 40 anos da implantação da Ginástica Laboral no Brasil realizando na manhã do dia 1º de dezembro o “Workshop Ginástica Laboral: Os Desafios e Oportunidades do Mercado”. O evento, com público-alvo nos profissionais e estudantes de Educação Física, inicia às 9h, com a palestra "Como criar e comercializar programas de Ginástica Laboral" ministrada pelo conselheiro Alessandro Gonçalves (CREF 005863-G/RS). O conselheiro reforçará em sua fala a prerrogativa dos profissionais de Educação Física como protagonistas da Ginástica Laboral, bem como discorrerá como realizar um planejamento sólido para criar e comercializar programas de Ginástica Laboral. A partir das 10h30min, ocorrerá um workshop prático de execícios, com encerramento das atividades previsto para as 12h.

Workshop Ginástica Laboral: Os Desafios e Oportunidades do Mercado
Data e horário: 1º de dezembro, sábado, das 9h às 12h
Local: sala 204 da FADERGS
Endereço: av. João Pessoa, 1107, bairro Farroupilha, Porto Alegre/RS
Inscrições gratuitas e mais informações podem ser obtidas pelo site http://crefrs.org.br/eventos/laboral2018/. As vagas são vagas limitadas, e encerram no dia 29 de novembro, quinta-feira
Contato: 51-3288 0200
Organização: CREF2/RS
Apoio: FADERGS


Ginástica Laboral



Câmara Técnica de Corrida de Rua faz sua última reunião de 2018
26/11/2018
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Corrida de Rua, presidida por Cláudia Lucchese (CREF 002358-G/RS), realizou na sede do CREF2/RS sua reunião última reunião de 2018 no dia 22 de novembro. Estiveram presentes representantes de empresas organizadoras de Trail run, membros das equipes de corrida e o presidente da Federação Gaúcha de Montanhismo, Nelson Brugger (CREF 006884-G/RS). A pauta focou na Cartilha de Cartilha de Trail run, que está sendo finalizada pela Câmara.

Cláudia iniciou a reunião apresentando o primeiro esboço da publicação, explicando os principais objetivos do guia, ressaltando o seu didatismo, bem como rememorou o passo a passo da construção coletiva da obra.Os membros da Câmara e os representantes intervieram com várias sugestões, tais como ilustrações maiores e informações que contemplem tanto aos iniciantes quanto aos atletas que possuem técnica mais avançada. Também foi proposto um tópico que explicasse como escolher as provas para competição. A princípio, o profissional de Educação Física seria a referência, ficando acordado que todas as provas estarão disponíveis no site do CREF2/RS, com o máximo de informações possíveis. Também haverá um texto diferenciando tracking de trail. No quesito de acessibilidade, Uma assessoria se comprometeu a proporcionar caminhadas para pessoas com necessidades especiais, como Parkinsonismo, por exemplo, com a utilização obrigatória de bastões.

Ao final, Nelson Brugger trouxe alguns lemas que fundamentam o esporte, como cada atleta é responsável por sua própria segurança, cuide dos lugares de aventura, traga seu lixo de volta, evite fazer fogueira, deixe as coisas no seu lugar, respeite os animais e as plantas, além das propriedades privadas.


Câmara Técnica de Corrida de Rua



Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional organiza o VIII Fórum dos Coordenadores
20/11/2018
Fonte: CREF2/RS

Os membros da Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional do CREF2/RS reuniram-se na tarde da última sexta-feira, 16 de novembro. O encontro ocorreu por meio de teleconferência, realizada a partir da sede do Conselho devido à atividade docente de parte dos seus membros. O principal assunto da pauta foi a organização do VIII Fórum dos Coordenadores, que ocorrerá no dia 13 de abril de 2019, das 9h às 18h, no município de Torres. O evento acontece concomitantemente ao 45º ENAPEF. Participaram da reunião de planejamento a presidente da Comissão Débora Rios Garcia (CREF 002202-G/RS), os membros da comissão Eduardo Merino (CREF 004493-G/RS) e Leomar Tesche (CREF 000129-G/RS), além da secretária da Comissão, Any Mery Lunardi (CREF 001765-G/RS).

O VIII Fórum terá dois eixos principais que serão objeto de análise dos participantes. Para fomentar a discussão, estão previstas a realização de duas palestras sobre os temas propostos. O primeiro tópico examinará as especialidades profissionais em Educação Física, cursos que o CONFEF já normatizou em sua resolução nº 255/2013, definindo-os como instrumentos relevantes para o aprofundamento dos conhecimentos e das técnicas próprios das várias intervenções profissionais que a Educação Física demanda. Além disto, o Conselho publicou até o presente momento 16 resoluções com especificações para cada curso de pós-graduação requerido. A segunda palestra abordará o futuro da formação profissional no Brasil frente as mudanças aplicadas pelo governo federal na Lei de Diretrizes e Bases (LDB). O debate visa ponderar, analisar e propor soluções aos possíveis impactos destas alterações no desenvolvimento da Educação Física, tanto no campo teórico como na prática profissional no país.


Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional



Diretor da Confederação Brasileira de Padle visita o CREF2/RS
29/10/2018
Fonte: CREF2/RS

Na última sexta-feira, o diretor da Confederação Brasileira de Paddle (CDPadel), Samir Nassif, visitou a presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e o vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) na sede do CREF2/RS. Nassif veio comunicar a intenção da Confederação de firmar parceria com o Conselho para iniciar um trabalho de conscientização junto aos treinadores de Padle do Rio Grande do Sul, incentivando-os a se registrarem no Conselho. Segundo o diretor da CDPadel, a maioria dos treinadores são profissionais de Educação Física, pois a atividade tem se tornado cada vez mais exigente e complexa, o que exige constatante melhoria na qualidade e na robustez da formação dos treinadores.


Padle



Câmara de Corrida de Rua organiza Circuito de Provas de Trail Run 2019
23/10/2018
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Corrida de Rua realizou sua reunião mensal no dia 19 de outubro, na sede do CREF2/RS, a qual contou com a presença representantes de empresas organizadoras de Trail Run. Na ocasião, foi retomada a pauta do encontro anterior, que consiste num trabalho de orientação, regramento e conduta para o Trail Run. Além disto, foi iniciada a organização de um Circuito de Provas de Trail Run que será realizada em 2019, onde cada empresa será responsável por uma etapa, uma estratégia para fortalecer a união do grupo. A reunião dividiu-se em duas comissões, que irão se articular em torno de duas temáticas: uma ficará encarregada de avançar a elaboração da Cartilha de Orientação ao Trail Run, e a que organizará a padronização das provas que estão incluídas no Circuíto.

Segundo Eduardo Marques (CREF 003397-G/RS), representante da Audax Eventos Esportivos, a comissão encarregada pelo Circuito organizará aspectos da competição como os termos da premiação, como vão funcionar os atendimentos médicos, qual tipo de cobertura de seguro mais adequado, a cobrança para que sempre haja um Responsável Técnico presente, entre outros quesitos. "Isso visa dar mais qualidade e segurança às empresas e aos competidores, já que o CREF2/RS dará seu apoio e divulgação, o que traz para a competição a chancela institucional de uma autarquia federal”. Ao fechar as datas e locais das provas, o CREF2/RS divulgará o calendário.

Marques explicou que a comissão editorial do guia vai reunir, selecionar e adaptar à realidade gaúcha aconselhamentos para o praticante e para o organizador, como dicas para um bom planejamento, responsabilidade pela segurança na prova, os cuidados com o meio ambiente , o trato respeitável com os habitantes locais. "Existe um grande contingente de corredores de rua migrando para as trilhas, atraídos pelo contato com a natureza e pelos novos desafios que o tipo de esporte apresenta. São muitos iniciantes, e percebemos que elas estão muito cruas para as novas exigências”. A ideia, prossegue Marques, é fazer com que o Trail Run, que é reconhecido pela Confederação Brasileira de Atletismo, seja apresentado à sociedade um esporte organizado e com um grande apelo pelo seu aspecto competitivo e desafiador, bem como a interação com a natureza e com potencial desenvolver o turismo em regiões com economia pouco desenvolvida.

Para a presidente da Câmara, Cláudia Ramos Lucchese (CREF 002358-G/RS), o fato de umgrande número de organizadores de provas frequentarem as reuniões demonstra que o principal papel da Câmara, que é o de unir as pessoas para que elas possam dividir seu saber, está cumprido. Para Cláudia, isso permitirá permitirá apresentar à sociedade um esporte organizado, consistente e confiável, com a presença do profissional de Educação Física como Responsável Técnico nestes eventos. A próxima reunião da Câmara Técnica de Corrida de Rua acontecerá na sede do CREF2/RS no dia 22 de novembro.


Câmara Técnica de Corrida de Rua



CREF2/RS adere ao Outubro Rosa propondo atividade física como prevenção ao câncer de mama
18/10/2018
Fonte: CREF2/RS/INCA

Neste mês, o Instituto Nacional do Câncer (INCA) lançou a campanha Outubro Rosa 2018, que tem como tema "Câncer de mama: vamos falar sobre isso?". O objetivo é fortalecer as recomendações do Ministério da Saúde para o rastreamento e o diagnóstico precoce do câncer de mama e desmistificar conceitos em relação à doença. O CREF2/RS vem se somar na luta contra a doença que é a principal causa de óbitos femininos no Brasil. Para tanto, o Conselho propõe a difusão da atividade física como uma grande aliada não só na prevenção do câncer de mama, bem como na reabilitação de paciente, se realizada sob orientação médica. Com isso, reforça uma das principais filosofias que norteiam a Educação Física, que é sempre trabalhar a saúde, bem-estar e prevenção, evitando ao máximo o surgimento de doenças por meio de uma vida saudável.

O Conselho também ressalta o trabalho essencial dos cerca de 27 mil profissionais habilitados a orientarem corretamente estes exercícios, de modo a não causarem comorbidades nos pacientes ou até mesmo agravar a doença principal. Como o câncer tem tratamento multidisciplinar, o CREF2/RS possui a clara percepção de que o caminho que levará a uma prevenção mais eficaz ao câncer de mama, evitando os sofrimentos por ele causados, passá pela maior integração das profissões da saúde, bem como dos avanços do campo científico e da divulgação na população da doença, seus sintomas

A atividade física é oficialmente reconhecida pelos órgãos oficiais de saúde como uma importante e acessível ferramenta para prevenção do câncer de mama, bem como coadjuvante em seu tratamento, Como o desenvolvimento científico e tecnológico impactaram impulsionaram alguns dos fatores que aumentam o risco da doença, como a obesidade, o sedentarismo e o sobrepeso após a menopausa, o exercício físico torna-se ainda mais imprescindível no atual momento histórico.

O câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação de células anormais da mama, que formam um tumor. Há vários tipos de câncer de mama. Alguns tipos têm desenvolvimento rápido enquanto outros são mais lentos. No Brasil, estimam-se 59.700 casos novos de câncer de mama, para cada ano do biênio 2018-2019, com um risco estimado de 56,33 casos a cada 100 mil mulheres. Em 2016, aproximadamente 14 mil mulheres foram a óbito.

De acordo com dados do Diesporte (Diagnóstico Nacional do Esporte) criado pelo Ministério da Saúde, 45,9% da população brasileira é sedentária, sendo que 50,1% é representado pelo público feminino. O CREF2/RS vem travando uma batalha incessante pela preservação e manutenção dos locais públicos esportivos, bem como de seus órgãos representativos, que estão sendo ameaçados pelas políticas recessivas implantadas no país, além de lutar pela maior inserção do profissional de Educação Física nos Núcleos de Apoio a Saúde da Família (NASF), possibilitando a prevenção e manutenção, por meio da prática de atividades físicas, das populações que dependem da saúde pública no país.


Outubro Rosa 2018



Benno Becker recebe Troféu Destaque pela sua militância em prol da regulamentação da profissão
11/10/2018
Fonte: CREF2/RS

O professor Benno Becker Júnior (CREF 01644-G/RS) esteve na sede do CREF2/RS no dia 4 de outubro, quando recebeu da presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), o Troféu Destaque na categoria Mérito da Educação Física. A homenagem faz jus a longa militância que Becker desenvolveu em prol do esporte e a sua participação fundamental na regulamentação da profissão de Educação Física. Benno é doutor em Psicologia pela Universidad de Barcelona e mestre em Educação pela PUCRS, tendo publicado 12 livros, e atua como terapeuta e coach pessoal, promovendo cursos e workshops sobre "comunicação Verbal e Não Verbal", "Atividades Psicofísicas para a Qualidade de Vida" e "Técnicas Cognitivas, Comportamentais e Somáticas - TCCS" aplicadas ao controle do estresse individual e grupal no esporte e para empresas, manejo da insônia, redução da Ansiedade e Depressão, manejo da obesidade e redução da Dor.

Benno foi um dos precursores na discussão sobre a problemática da atuação profissional em Educação Física, visando a criação de um órgão orientador, disciplinador e fiscalizador do exercício profissional. Em 1983, ele coordenou a reunião entre diretores, professores e estudantes de Escolas de Educação Física com o objetivo de elaborar um projeto tendo como base os projetos de conselho regionais e federais da psicologia e medicina. Após discussão e debate, o projeto de lei foi aperfeiçoado, e foi proposto a criação de Conselho dos Profissionais de Educação Física. A tramitação do projeto seria na Câmara dos Deputados, com a necessidade da mobilização dos representantes políticos de cada estado, para a defesa e o acompanhamento do projeto. Os Professores Benno Becker e Antônio Amorim foram designados para encaminhar o projeto de lei ao poder legislativo.

O projeto, já aperfeiçoado, foi apresentado por Benno no encontro de diretores de Escolas de Educação Física do Brasil, encontro que comemorava os 50 anos das Escolas de Educação Física da Universidade de São Paulo. Do ano de 1984 em diante, iniciaram de fato as ações concretas para a regulamentação da profissão. Paralelamente, foi apresentado o Projeto de Lei 4559/84, pelo deputado federal Darcy Pozza à Câmara dos Deputados, que dispunha sobre o Conselho Federal e os Regionais dos Profissionais de Educação Física, Desporto e Recreação. Este foi, oficialmente, o primeiro projeto de regulamentação da profissão.

Em praticamente todas as instâncias deliberativas, até então, das APEFs e nos Congressos da FBAPEF, as decisões eram sempre no sentido da luta pela regulamentação. De acordo com o trâmite do projeto de apresentação de propostas para apresentação de substitutivos. O PL 4559/84 foi aprovado pelo Congresso Nacional, em dezembro de 1989, sendo vetado pelo Presidente da República, José Sarney. Isso ocorreu no início do ano de 1990, baseando-se em parecer exarado pelo Ministério do Trabalho.

A luta prosseguiu no início de 1994, com grupos de estudantes de Educação Física preocupados com o crescente aumento de pessoas sem formação atuando no mercado emergente, articularam-se com a APEF-RJ para impedir o abuso, requerendo a regulamentação da profissão, com um novo movimento de mobilização da categoria, com a adesão de político para apresentar o projeto de lei e todo o desgaste que representaria tal questão, ao longo do trâmite do projeto na Câmara e no Senado.

Em Janeiro de 1995, durante a realização do congresso da FIEP em Foz do Iguaçu, o “Movimento pela regulamentação do Profissional de Educação Física” foi lançado na abertura do evento, após contar com a aprovação e adesão do delegado geral da FIEP no Brasil, Prof. Almir Gruhn e do Vice-Presidente, Prof. Manoel José Gomes Tubino. Jorge Steinhilber proferiu conferência de abertura do Congresso, anunciando que a assembleia da Federação Brasileira das Associações de Profissionais de Educação Física aprovara a proposta de regulamentação da profissão, e que lançava o “Movimento” como mola propulsora da regulamentação e como centro da rede de divulgação e mobilização, que seria necessária para esclarecimento e adesão nacional a respeito da questão. Assim foi lançado o “Movimento nacional pela regulamentação do Profissional de Educação Física”, no início do ano de 1995. Até a audiência pública realizada no dia 17 de outubro de 1996, o deputado Paulo Paim consultou as Instituições formadoras de profissionais de Educação Física, entidades, órgãos públicos, profissionais e estudantes de Educação Física.

Em 13 de agosto de 1998, o projeto foi incluído na ordem do dia do Senado. Após alguns momentos de tensão, em razão de possíveis emendas ao Projeto de Lei, o professor Jorge Steinhilber, reunido com a deputada Laura Carneiro e Senadores, firmou acordo para possibilitar a aprovação do Projeto de Lei nesta sessão. Após algumas manifestações de parlamentares, e um longo e brilhante discurso do senador Francelino Pereira, o projeto foi aprovado por unanimidade e encaminhado à sanção presidencial. Em 1º de Setembro de 1998, o Presidente da República, Fernando Henrique Cardoso, sanciona a lei 9696/98, publicada no Diário Oficial da União em 02/09/98.


Troféu Destaque 2018



Câmara de Corrida de Rua se reúne com presidente da Federação Gaúcha de Montanhismo
17/09/2018
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Corrida de Rua, presidida por Cláudia Ramos Lucchese (CREF 002358-G/RS), realizou sua reunião mensal no dia 13 de setembro, na sede do CREF2/RS, contando com representantes de empresas organizadoras de Trail run e membros das equipes de corrida desta modalidade. Neste encontro, a Câmara trouxe o presidente da Federação Gaúcha de Montanhismo, Nelson Brugger (CREF 006884-G/RS), para que relatasse os protocolos de segurança física e de conservação do meio ambiente utilizados no montanhismo. Estes princípios devem ser discutidos e adaptados aos tópicos que estarão presentes na Cartilha de Trail run, que será editada pelo CREF2/RS, e dirigida à divulgação aos praticantes, à sociedade e aos profissionais de Educação Física das noções de boas práticas para competir nesta modalidade, respeitando o meio ambiente e, principalmente, permitindo uma prática segura do esporte.

O presidente da Federação Gaúcha de Montanhismo explicou que os montanhistas têm uma ação muito forte ligada ao meio ambiente e à difusão de práticas de mínimo impacto nos locais onde se praticam os esportes nos ambientes naturais. "Eu havia lido no site do CREF2/RS sobre a intenção da Câmara de Corrida de Rua de produzir um manual para adaptar o corredor urbano ao trail run. Pensei que a Federação deveria contribuir, pois temos uma grande experiência na orientação das pessoas que estão começando a prática de esportes em áreas naturais”.

Brugger esclareceu que uma pessoa correndo em um parque nacional, mesmo sem saber, ajuda a defender aquela área de preservação, pois quando você tem um grupo razoável ocupando estes espaços, inibisse a ação de caçadores, palmiteiros e garimpeiros. "Contudo, reforçamos a compreensão que estes espaços são mais frágeis e têm um equilíbrio delicado”. O montanhista explicou que todos os parques naturais apresentam alguma área aproveitável para a atividade física, tendo apenas que adaptar o tipo de público e de percurso ao terreno.

Ele reforçou a expertise que a Federação tem de orientação das pessoas sobre as recomendações e cuidados, tanto na proteção der meio ambiente, quanto referentes aos cuidados de segurança pessoal. "Isto vai desde como fazer um banheiro no meio do mato, o que se enterra no buraco e o que não pode ser deixado, a que distância tem que ficar de uma fonte de água, como identificar água potável, entre outros exemplos".

Quantos aos animais silvestres, Brugger disse existir um temor disseminado em relação a cobras e serpentes, mas que o animal que causa o maior número de acidentes mortais é a abelha. "Aconselhamos a não usar perfume ou desodorante quando for praticar atividades nestes lugares, pois o cheiro é um forte atrativo para os insetos. Isso não é uma coisa óbvia para um corredor de rua urbano", complementa.

O presidente da Federação analisa que os esportes da natureza são menos estruturados que os esportes tradicionais, apresentando uma informalidade maior. "Futebol e voleibol você aprende na escola. Surfe e escalada não", resume, e cita a Argentina e Chile como países na América Latina que estão na vanguarda da prática dos esportes na natureza.

Um artigo do ex-presidente do Instituto Estadual de Florestas do Rio de Janeiro, André Ilha, publicado no site da Confederação Brasileira de Montanhismo e Escalada (CBME) sobre a política de visitação em áreas protegidas corrobora a ideia de preservação defendida por Brugger. "Desta forma, acreditamos firmemente que, pelo menos, uma parcela destes visitantes, caso tenha tido uma experiência positiva de acordo com o seu interesse e a sua aptidão física, levantará a voz em defesa dos parques visitados, exigindo mais verbas, mais estrutura e mais fiscalização contra os verdadeiros criminosos. Na mesma linha, as pessoas que desenvolverem um vínculo afetivo com parques desfrutados através da experiência direta, serão aquelas que oferecerão o necessário anteparo político para barrar propostas legislativas que visem a reduzi-los, extingui-los ou “flexibilizar” suas regras de proteção para atender a poderosos interesses econômicos sempre à espreita".


Câmara Técnica de Corrida de Rua



Eleição do CREF2/RS ocorre nesta sexta-feira das 9h às 16h
14/09/2018
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS, em cumprimento aos termos do seu Regimento Eleitoral, está realizando nesta sexta-feira, dia 14 de setembro, a eleição de metade dos membros do seu Plenário, para um mandato de seis anos. O voto é facultativo, sendo exercido pelos profissionais registrados no CREF2/RS em dia com suas obrigações estatutárias e com mais um de ano de registro ininterrupto.

Quem não encaminhou o seu voto por correspondência, ou assim preferir, poderá exercê-lo pessoalmente, na sede do Conselho. A votação presencial, iniciada às 9h, estará aberta até as 16h. O CREF2/RS fica localizado na Rua Coronel Genuíno 421/401, no centro de Porto Alegre.

Estão na foto, na ordem, o presidente da Comissão Eleitoral Jacques Hidalgo (CREF 002325-P/RS), o representante da Chapa 1 Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), a representante da Chapa 3 Eliana Flores (CREF 002649-G/RS), o representante da Chapa 2 Giovanni Bavaresco (CREF 001512-G/RS) e o integrante da Comissão Eleitoral Christyam Fraga (CREF 021700-G/RS). Mais informações sobre as Chapas concorrentes e sobre o processo eleitoral podem ser conferidas na página http://crefrs.org.br/eleicoes2018.


Eleições



CREF2/RS realiza eleições nesta sexta-feira
12/09/2018
Fonte: CREF2/RS

Em cumprimento aos termos do Regimento Eleitoral em vigor, o CREF2/RS realizará eleição para metade dos membros do seu Plenário, para mandato de seis anos, na próxima sexta-feira, dia 14 de setembro. O voto é facultativo, pessoal e secreto, sendo exercido pelos profissionais registrados no CREF2/RS, em pleno gozo de seus direitos estatutários, e com mais de um ano de registro ininterrupto.

Além da modalidade por correspondência, cujo kit eleitoral foi enviado aos profissionais registrados em agosto, com todas as instruções necessárias para quem optou por exercê-lo desta forma, há ainda a possibilidade de realizar o voto pessoalmente. As eleições presenciais acontecerão somente no dia 14 de setembro, das 9h às 16h, na sede do CREF2/RS, localizada na Rua Coronel Genuíno 421/401, em Porto Alegre.

As três chapas que concorrem nesta eleição são compostas por 14 membros, dos quais dez são efetivos e quatro são suplentes. A lista contendo todas as chapas registradas podem ser conferidas na página http://crefrs.org.br/eleicoes2018. O cronograma, a nominata dos profissionais aptos a votar, a justificativa para quem deixar de votar e todas as informações sobre a eleição também se encontram à disposição dos interessados neste mesmo link.


Eleições



Nova unidade móvel do CREF2/RS será sua sede sob rodas no interior gaúcho
03/09/2018
Fonte: CREF2/RS

No final de 2017, o CREF2/RS adquiriu um furgão Mercedes Benz 515 CDI, o modelo mais modernado da montadora nesta classe de veículos. Seu interior está sendo transformado em um escritório de atendimento, equipado com notebooks, impressoras e gerador elétrico. Após as modificações, a van terá capacidade para atender até quatro pessoas sentadas confortavelmente dentro do escritório climatizado. Tudo isso para se converter na nova unidade móvel do Conselho, que passará a integrar as viagens do projeto Interiorizasul. O objetivo será aliar uma melhor assistência aos profissionais do interior do estado com o aumento da área de cobertura do projeto, proporcionando autonomia suficiente para chegar a municípios que atualmente não são visitados pela dificuldade de acesso ou pela falta de cedência de local. É importante frisar que o caráter autárquico do CREF2/RS faz com que compras deste vulto sigam a Lei nº 8.666, que prevê licitação para efetuar compra da van, a contratação do projeto e a adaptação interna. Por este motivo, a unidade móvel possivelmente será inaugurada pela nova diretoria escolhida após as eleições do CREF2/RS, em setembro de 2018.

O Rio Grande do Sul possui uma extensão territorial de cerca de 280 mil km², onde apenas 30% das pessoas físicas e jurídicas estão localizados na capital e sua Região Metropolitana. Os 70% restantes estão distribuídos de maneira assimétrica em outras regiões do estado, o que dificulta o atendimento dos profissionais mais distantes. Atualmente, o projeto Interiorizasul conta nas suas viagens com uma supervisora de Interiorização e um motorista para realizar os serviços de translado e atendimento. Eles trabalham em locais cedidos por prefeituras ou instituições de ensino superior, havendo necessidade de adaptação às instalações e aos horários cedidos.

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), explicou que projeto de expansão física no interior do Conselho no estado, por meio da criação de postos avançados de atendimento, ficou dificultado pela falta de pessoas capacitadas, visto que os funcionários são nomeados por concurso público. Entretanto, no último edital aberto, infelizmente não houve classificados para os cargos no interior, como nas cidades de Pelotas e de Santa Maria. "Agora a van será a sede itinerante do Conselho, pois todos serviços de registro oferecidos em Porto Alegre estarão disponíveis aos profissionais nas suas cidades”, assegurou a presidente, que também ressaltou que as visitas poderão se prolongar por uma semana no município programado, o que dará oportunidade aos profissionais das cidades vizinhas buscarem atendimento. “Este é mais um meio de nos aproximarmos dos nossos registrados na sua própria região”, completou a presidente.

A gerente do CREF2/RS, Tatiana Cidade (CRA TE-001259-RS), declarou que a antiga seccional em Caxias do Sul gerava despesas anuais na ordem de R$ 340 mil reais e que os valores projetados só aumentavam, gerados pelos reajustes anuais com custos de pessoal, serviços contratados, locação do espaço, translados para capacitações e deslocamento dos servidores. “Este valor subsidiaria até dois veículos viajando quinzenalmente para todas as regiões do estado, abrangendo um público de registrados muito maior”, constatou.

Tatiana também esclareceu que o projeto recebeu aporte financeiro do CONFEF, por meio do “Programa de Desenvolvimento dos CREFs”, no qual anualmente o Conselho Federal disponibiliza valores a título de investimento em projetos que julga estrategicamente adequados aos regionais. “O que possibilitou pouquíssimo investimento por parte do CREF2/RS na aquisição do veículo e da própria adaptação interna, visto que o subsídio concedido superou mais da metade do valor do projeto da unidade móvel”.

Segundo a presidente Carmen Masson, o objetivo do Conselho é a de reduzir custos e investir estes recursos de forma mais eficiente, pois com seccionais fixas, atende-se a poucas regiões, já com unidades móveis, esse atendimento seria estendido a um público muito maior. O projeto Interiorizasul, com auxílio da Van, passará a contar com um funcionário do Departamento de Registro, que com seus conhecimentos fará com que os procedimentos possam ser realizados na hora, tais como registros, emissões de Cédula, protocolos diversos, emissão de certificados de funcionamento e atualizações. A van também dará suporte a todos os eventos externos realizados pelo CREF2/RS.

*A imagem que ilustra esta matéria é uma simulação baseada no projeto de adaptação da van*


Interiorizasul



CREF2/RS entrega cédulas profissionais para formandos da FSG Centro Universitário da Serra Gaúcha
31/08/2018
Fonte: CREF2/RS

A conselheira do CREF2/RS Marcia da Cruz (CREF 007542-G/RS) participou em Caxias do Sul da formatura de 12 estudantes de Bacharelado e um em Licenciatura em Educação Física no Centro Universitário da Serra Gaúcha-FSG, no dia 29 de agosto. Participaram da cerimônia formandos autoridades e familiares. Segundo Marcia, o momento da formatura é uma das primeiras vitórias profissionais dos recém-formados. "Estarmos presentes na entrega da CIP aos recém-formandos dá um caráter institucional complementar à solenidade", explicou.

O Departamento de Registro do CREF2/RS se deslocou à universidade para coletar digitais. É importante frisar que todos os formandos podem solicitar a entrega de CIPs na formatura. O serviço será realizado será realizada quando no mínimo cinco formandos solicitarem o registro profissional ao CREF2/RS. Também é necessário que a Instituição envie para o CREF2/RS, com no mínimo 30 dias de antecedência do evento, o convite da formatura, com data, local e horário, nominata da turma de formandos em folha timbrada, carimbada e assinada, atestando a data da colação de grau, CPF e a base legal de cada acadêmico. Não serão aceitas solicitações por e-mail.

A Comissão de Formatura ou a Instituição de Ensino Superior deverá providenciar junto aos formandos e enviar para o endereço da Sede do CREF2/RS, em envelope único, com no mínimo 30 dias de antecedência do evento, os documentos para requerimento de registro. Os documentos serão analisados pelo Departamento de Registro e, caso estejam em conformidade, os procedimentos de registro serão realizados para, no ato da solenidade de formatura, um Conselheiro representante entregar as CIPs.

Mais informações sobre o procedimento de entrega de CIP na formatura, acesse a PORTARIA 2016/000352.


Formatura



Voto nas Eleições CREF2/RS 2018 é pessoal e secreto
24/08/2018
Fonte: Comissão Eleitoral CREF2/RS 2018

A eleição do CREF2/RS por correspondência já teve início com a postagem de mais de 11 mil kits eleitorais, entre os dias 7 e 9 de agosto, para os profissionais aptos ao voto. Se você não recebeu e está regular, ou vai se regularizar antes da eleição, poderá votar presencialmente no dia 14 de setembro, na sede do CREF2RS em Porto Alegre.

Por decisão desta Comissão em acordo com as chapas concorrentes, não serão encaminhados novos kits eleitorais, mesmo para aqueles profissionais que acusarem estar faltando algum item para a votação.

Muito importante: o voto é pessoal e secreto. Ele deve ser realizado com segurança, seguindo as instruções que fazem parte do material e que estão divulgadas no site www.crefrs.org.br/eleicoes2018. Não entregue o envelope aberto para ninguém. Poste o voto em qualquer agência dos Correios o mais rápido possível, para chegar à Caixa Postal até as 15h do dia 14 de setembro para ser computado.

A Comissão Eleitoral preza por uma eleição segura e com transparência para todos os eleitores e chapas concorrentes. Dúvidas contate o e-mail eleicoes@crefrs.org.br.


Eleições



CREF2/RS realiza eleições em setembro
23/08/2018
Fonte: CREF2/RS

Em cumprimento aos termos do Regimento Eleitoral em vigor, o CREF2/RS realizará eleição para metade dos membros do seu Plenário, para mandato de seis anos, no dia 14 de setembro. A eleição dar-se-á por correspondência ou por comparecimento pessoal do profissional na sede do Conselho. O voto é facultativo, pessoal e secreto, sendo exercido pelos profissionais registrados no CREF2/RS, em pleno gozo de seus direitos estatutários, e com mais de um ano de registro ininterrupto.

As chapas são compostas por 14 membros, dos quais dez efetivos e quatro suplentes. A lista contendo todas as chapas registradas podem ser conferidas na página: http://crefrs.org.br/eleicoes2018.

O cronograma, a nominata dos profissionais aptos a votar, a justificativa para quem deixar de votar e todas as informações sobre a eleição encontram-se à disposição dos interessados na página http://crefrs.org.br/eleicoes2018.

Os profissionais que receberem o kit eleitoral e optarem por votar por correspondência devem atentar-se ao envio correto do voto seguindo as instruções recebidas junto com o material. É importante que o voto por correspondência chegue ao destino somente via Correios (não pode ser entregue pessoalmente no CREF2/RS) até o dia 14 de setembro, às 15h.

As eleições presenciais acontecerão somente no dia 14 de setembro, das 9h às 16h, na sede do CREF2/RS, localizada na Rua Coronel Genuíno 421/401,em Porto Alegre.

Dúvidas podem ser enviadas ao e-mail eleicoes@crefrs.org.br.


Eleições



Câmara Técnica de Corrida de Rua avança na elaboração da Cartilha de Trail run
17/08/2018
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Corrida de Rua, presidida por Cláudia Ramos Lucchese (CREF 002358-G/RS), realizou sua reunião mensal no dia 15 de agosto, na sede do CREF2/RS, contando com representantes de empresas organizadoras de Trail run e membros das equipes de corrida desta modalidade. Na reunião, prosseguiu-se aprofundando a discussão dos tópicos que estarão presentes na Cartilha de Trail run, que será editada pelo CREF2/RS, e dirigida à divulgação aos praticantes, à sociedade e aos profissionais de Educação Física das noções de boas práticas para competir nesta modalidade, respeitando o meio ambiente e, principalmente, permitindo uma prática segura do esporte.

Anderson Freitas (CREF 025561-G/RS), membro da equipe Winners, explicou que durante a reunião os integrantes analisaram os itens obrigatórios que constarão na publicação. “Entre os objetos usados nas trilhas, constarão apitos localizadores, mochila ou cinto de hidratação, mantas térmicas e indicações de modelos adequados de tênis. Num primeiro momento, estes itens não serão obrigatórios, mas sim recomendados". Freitas argumenta que como no Rio Grande do Sul o esporte não está consolidado, e as empresas que organizam estes eventos ainda estão captando clientes, a imposição de muitas restrições prejudicaria a difusão do Trail run. “A solução encontrada pela Câmara foi a publicação desta cartilha de boas condutas, com o intuito de iniciar uma cultura de segurança nos competidores", acrescentou.

Segundo Anderson, outros tópicos da cartilha abordarão são a conduta dentro da trilha, o condicionamento físico adequado para a prática do Trail Run, qual a orientação correta a ser dada pelos profissionais de Educação Física aos competidores nestas provas, como se postar corretamente com o bastão da caminhada, qual o procedimento para a entrada e a descida nas trilhas, pois no ambiente em que ocorre o Trail Run, haverá pedras, limo, buracos e outros obstáculos naturais. Também será abordado qual o comportamento adequado ao avistar cobras, aranhas, escorpiões, colmeias de abelhas e outros animais silvestres nas trilhas Outro ponto debatido e que será incluído no documento é a sugestão ao competidor que informe seu Responsável Técnico no momento da inscrição nas provas. “Como ainda estamos num processo de migração de atletas de rua para o Run Trail, tentamos demonstrar que esta informação lhes dará segurança tanto física como legal, e será uma referência importante para que os organizadores saibam que o competidor está apto para a prova, chancelado por um profissional de Educação Física”, assegurou.

Anderson ressaltou que todos estes cuidados visam a implantação do esporte com o máximo de profissionalismo, cuidados pessoais e preservação ambiental no nosso estado. "Como a cultura do Trail run não está consolidada, já houve casos de risco para os competidores, como no caso em que uma mãe queria fazer uma trilha com seu filho acomodado em um carrinho de bebê, atitude barrada pelo organizador, dado o grau de riscos à que a criança estaria exposta. Ficando em apenas um exemplo hipotético, um incidente com abelhas no meio da trilha poderia provocar óbito do bebê rapidamente”, exemplificou. Anderson prevê que essa Cartilha, que visa a orientação dos novos esportistas e conscientização da sociedade e dos profissionais de Educação Física, reflete o esforço inicial, e que deverá ser constante, na educação e orientação dos participantes da modalidade, permitindo a assimilação desses bons hábitos que são sugeridos, permitindo aos competidores que ponderar qual a atitude mais recomendada às situações que ocorrem durante os percursos.

“Neste sentido, colocamos às empresas que neste primeiro momento eles até podem perder clientes, mas que isto será um filtro que revelará quais competidores estão realmente aptos para praticar o Trail Run, fato que trará mais segurança, tanto física dos competidores como jurídica dos organizadores. Neste sentido, já estamos planejando que a Câmara de Corrida de Rua institua um ranking para estas provas, que indicariam o nível de segurança e organização, baseados nos tópicos da cartilha”, complementa.

“A explosão do segmento Trail Run acontecerá a partir do momento em que as empresas se tornarem altamente profissionalizadas, o que me leva a crer que em dois anos teremos empresas de altíssimo nível no Sul do país. No momento, percebo que as equipes ainda não têm segurança em relação às exigências das empresas, pois os grupos de corrida estão no processo de migração do asfalto para a trilha”. Anderson constata que as empresas gaúchas ainda trabalham com um público restrito, com competições girando em torno de 200 atletas, e que podem alcançar 500 competidores em provas de maior destaque no calendário. No Rio Grande do Sul, o profissional cita alguns pontos mais conhecidos para competições de Trail Run locais como o Morro da Borússia, em Osório, o Salto Ventoso, em Farroupilha, o Ninho da Águias, em Nova Petrópolis, algumas trilhas de Taquara e o Morro da Apamecor, em Porto Alegre.

Freitas também analisou o processo de transição dos atletas de corrida de rua da capital gaúcha para as competições nas trilhas. "Pelas características urbanas de Porto Alegre, com sua geografia plana, ao percorrerem trilhas, o cliente inicialmente desfruta mais o meio ambiente e as belezas das trilhas, do que propriamente a competição, que demandaria fazer o trecho no menor tempo, levando equipamento para necessidades básicas de sobrevivência”, esclarece. Anderson acredita que este contato inicial com o esporte tende a ser mais lúdico porque em determinadas competições em trilhas exigem do atleta uma demanda de energia que pode chegar ao dobro ou até mesmo o triplo da utilizada em corridas de rua, trabalhando outro tipo de musculatura e outra rota metabólica, inclusive com passadas diferentes para cada tipo de terreno.

A próxima reunião da Câmara Técnica de Corrida de Rua está marcada para o dia 13 de setembro na sede do CREF2/RS. Na pauta serão estudados detalhadamente todos os tópicos da cartilha, com novas inserções de informações e orientações e adaptações de texto.


Câmara Técnica de Corrida de Rua



CREF2/RS realizará eleições para conselheiros em setembro
06/08/2018
Fonte: CREF2/RS

O Presidente da Comissão Eleitoral do CREF2/RS Jacques Hidalgo (CREF 002325-P/RS), em cumprimento aos termos do Regimento Eleitoral em vigor, convoca para a eleição da metade dos membros do seu Plenário, para mandato de 06 (seis) anos, a realizar-se no dia 14/09/2018.

A eleição dar-se-á por correspondência, por carta voto que será recebida somente por meio dos correios, e por comparecimento pessoal do Profissional na sede do CREF2/RS (Rua Coronel Genuíno 421 conj. 401, Porto Alegre/RS), das 9h às 16h do dia 14/09/2018.

O voto é facultativo, pessoal e secreto, sendo exercido pelos Profissionais registrados no CREF2/RS, em pleno gozo de seus direitos estatutários, e com mais de 01 (um) ano de registro ininterrupto. A nominata dos Profissionais de Educação Física aptos a votar está disponível na página do CREF2/RS eleicoes2018.

As chapas serão compostas por 14 (quatorze) membros, dos quais 10 (dez) efetivos e 04 (quatro) Suplentes. A lista contendo todas as chapas registradas podem ser conferidas na página eleicoes2018.

O cronograma, a justificativa para quem deixar de votar e todas as informações sobre a eleição estão disciplinadas no Estatuto e no Regimento Eleitoral do CREF2/RS, os quais encontram-se à disposição dos interessados na página eleicoes2018.

Para os profissionais que receberão a carta voto, é importante que verifiquem o kit eleitoral, composto por uma cédula eleitoral com o selo de autentificação do CONFEF (20 anos) e uma rubrica, um envelope pequeno cor parda para cédula eleitoral, um envelope branco “carta resposta”; material de propaganda eleitoral das chapas concorrentes e que cumpriram com os prazos e requisitos regimentais para postagem do material.

Para votar por correspondência, o profissional deve atentar-se ao envio correto do voto seguindo estas instruções: na cédula eleitoral assinale um “X” no quadrado correspondente ao número e ao nome da chapa de sua preferência, dobre a cédula eleitoral, coloque a cédula no envelope pequeno de cor parda e não faça NENHUMA IDENTIFICAÇÃO neste envelope, lacre o envelope pequeno (o que contém a cédula), coloque o envelope pequeno dentro do envelope “carta resposta”, confira os dados da etiqueta na parte externa do envelope carta resposta e assine a mesma no campo destinado a isso (assinatura obrigatória), lacre o envelope “carta resposta” e entregue em qualquer agência dos Correios. Você não precisa pagar o selo da carta resposta. Se optar por SEDEX e/ou Carta Registrada, nesse caso será às suas custas.

E importante que o voto por correspondência chegue ao destino somente via Correios (não pode ser entregue pessoalmente no CREF2/RS) até o dia 14 de setembro de 2018, às 15h.

Dúvidas podem ser enviadas ao e-mail eleicoes@crefrs.org.br.


Eleição CREF2 RS 2018



CREF2/RS se reúne com a nova presidente do Conselho Estadual de Educação do estado
01/08/2018
Fonte: CREF2/RS

A presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e a conselheira Miryan Brauch (CREF 006834-G/RS) visitaram no dia 30 de julho, no Centro Administrativo, Sônia Maria Seadi Veríssimo da Fonseca, a nova presidente do Conselho Estadual de Educação do Rio Grande do Sul (CEEd/RS), órgão consultivo, normativo, fiscalizador e deliberativo do Sistema Estadual de Ensino. Segundo a presidente do CREF2/RS, o encontro é um esforço do Conselho para estreitar relações com o órgão, que tem função estratégica na formulação e a normatização de regras educacionais no estado. “Conversamos bastante sobre a saúde das nossas crianças e a importância da Educação Física escolar como instrumento de acesso à atividade física, dada a epidemia de obesidade pela qual nossa juventude passa”, relatou. Carmen disse também que o CREF2/RS está à disposição para ministrar cursos e seminários relativos à Educação Física, somando esforços na prevenção de doenças ligadas a obesidade e ao sedentarismo. “A presidente do CEEd/RS se mostrou receptiva à colaboração mútua entre os dois órgãos, e abriu prespectiva a novas reuniões para sedimentar a parceria”, arrematou Carmen.

No CEEd/RS, para fazer frente a novas demandas, os segmentos da comunidade escolar e setores que de alguma maneira se envolvem com Educação têm assento no Conselho, assim como o Poder Executivo em ampla representatividade democrática que possibilita debates e, portanto, encaminhamentos mais próximos das necessidades da comunidade escolar. A pluralidade dessas ideias e representações aproxima o Conselho do cotidiano da escola, na qual acontece o ato de ensinar e de aprender, por consequência, o local onde inicia a construção do conhecimento integral e essencial à emancipação do ser humano.


Conselho Estadual de Educação do Rio Grande do Sul



CREF2/RS entrega doações à Campanha do Agasalho 2018
27/07/2018
Fonte: CREF2/RS

O frio e a chuva retornaram ao Rio Grande do Sul e devem seguir nas próximas semanas, mesmo com algumas oscilações pontuais na temperatura. Por isso, é importante que os gaúchos continuem participando da Campanha do Agasalho. O CREF2RS colaborou no esforço de amenizar os efeitos dos fenômenos climáticos na vida das comunidades mais carentes. Nesta sexta-feira, dia 27, o Conselho entregou na Central de Doações da Defesa Civil as roupas arrecadadas na sua sede. Foram doadas à Prefeitura de Porto Alegre 19 peças de roupas para adultos e 24 vestimentas para crianças. Também foram direcionadas ao Asilo Padre Cacique 21 peças de roupas para amenizar o frio rigoroso enfrentado neste inverno pelos idosos daquela instituição.

Quem ainda quiser colaborar, pode fazer doações no Centro Administrativo Fernando Ferrari (Caff), na Avenida Borges de Medeiros, 1501, em Porto Alegre. Ali funciona a Central de Doações. O telefone é 51 3288-6781. Durante o inverno, existem outros pontos de coleta localizados órgãos públicos estaduais, quartéis da Brigada Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul, supermercados Zaffari e Unidades do Sesc/Senac no Estado.


Campanha do Agasalho



Câmara Técnica de Corrida de Rua faz segunda reunião para regramento do Trail Run
13/07/2018
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Corrida de Rua realizou sua reunião mensal no dia 12 de julho, na sede do CREF2/RS, a qual contou com a presença de nove representantes de empresas organizadoras de Trail Run. Na ocasião, foi retomada a pauta do encontro anterior, que consiste num trabalho de orientação, regramento e conduta para o Trail Run. O esporte vive um momento do “boom” e, nos últimos anos, tem tido crescimento exponencial inclusive no Rio Grande do Sul. Vários fatores levam os corredores de rua para esta modalidade, explica a presidente da Câmara, Cláudia Ramos Lucchese (CREF 002358-G/RS). “Muitas pessoas estão migrando para esta modalidade pela saturação com o ambiente urbano, pelo apelo da Natureza e também pelo grau de dificuldade exigido pela trilha”, argumenta.

Ainda de acordo com Cláudia, atualmente existem vários organizadores de corridas de trilha no estado, mas é preciso atentar que a prática deste esporte exige muita responsabilidade e segurança. “Chegamos à conclusão na reunião passada, quando trouxemos um dos organizadores de Trail Run mais que representativos do estado, quando ele ponderou que já existiam muitos eventos sem a presença do Responsável Técnico ou que não tinham a empresa formada, o que dá mais segurança jurídica”, opinou. "Então hoje reunimos para debater estes assuntos nove organizadores de evento e dois promotores do esporte sem registro, além dos membros da Câmara Técnica”, contabilizou.

A presidente da Câmara afirmou que o encontro demonstrou o comprometimento destes organizadores com a exigência da participação de um Responsável Técnico nos eventos. "Daqui também surgiu uma ideia bacana de nós criarmos uma publicação especial para o Trail Run, nos moldes da Cartilha de Corrida Rua editada pelo CREF2/RS". O objetivo, segundo Cláudia, será divulgar à sociedade e aos profissionais de Educação Física as boas práticas para o participante desta modalidade em relação ao meio ambiente e, principalmente, em relação à segurança, pois a atividade envolve um grau de complexidade maior, e que deve ser respeitado não só pelo esportista, mas também por parte do organizador. Quem está organizando uma trilha tem que entender a necessidade essencial do Responsável Técnico”.

Cláudia adiantou que um dos objetivos para a próxima reunião, que ocorrerá em 16 de agosto, será normatizar a criação, a organização e a condução dos eventos. A presidente da Câmara disse que ficou bastante impressionada com a aceitação dos participantes do CREF2/RS nestas decisões, ficando claro o respeito conquistado pela Autarquia no meio. “Pareceu-me que eles se sentiram muito mais acolhidas tendo respaldo institucional do Conselho”, avaliou. "Até porque eles têm respaldo do CREF2/RS para possíveis denúncias, pois é obrigatório a todo evento a presença de um Responsável Técnico, conforme a Lei 9696/98".

Além dos nove organizadores de eventos de trilha, participaram da reunião a presidente da Câmara Cláudia Lucchese (CREF 002358-G/RS), Darlan Souza (CREF 015393-G/RS), Kátia Ferreira (CREF 014403-G/RS), Eduardo Remião (CREF 001855-G/RS), Luis Leandro Grassel (CREF 009564-G/RS), Renato Rimoli Capparelli (CREF 002109-G/RS), Anderson Freitas (CREF 025561-G/RS) e Rodrigo Nascente dos Santos (CREF 007110-G/RS).

A próxima reunião da Câmara Técnica de Corrida de Rua será realizada no dia 16 de agosto na sede do CREF2/RS, a partir das 14h.


Câmara Técnica de Corrida de Rua



Vereadores farão Moção de Repúdio a MP que retira recursos do esporte
11/07/2018
Fonte: Site da Câmara Municipal de Porto Alegre

A elaboração de uma Moção de Repúdio ao texto da Medida Provisória (MP) nº 841/18 que, desde o dia 11 de junho, retira mais de R$ 541 milhões, oriundos de percentuais das apostas nas loterias federais, de projetos de incentivo ao esporte, em especial ao atletismo brasileiro, foi o encaminhamento adotado após debate sobre o tema, na tarde desta terça-feira (10/7), no encontro conjunto das comissões de Educação, Cultura, Esportes e Juventude (CECE), e de Defesa do Consumido, Direitos Humanos e Segurança Urbana (Cedecondh) do Legislativo Municipal. A reunião, por iniciativa do vereador André Carús (MDB), que sugeriu a redação do documento, contou com a presença de outros parlamentares e representantes de entidades esportivas.

Ao iniciar a discussão da pauta, Carús disse que a MP, da forma como foi apresentada não irá produzir os resultados pretendidos, que é o de reduzir a violência nas cidades a partir da transferência de boa parte dos recursos do esporte juvenil para o Fundo Nacional da Segurança. De acordo com o vereador, é preciso pressionar o governo federal para reverter a situação “com a máxima urgência, porque os danos já estão causando estragos”.

Retrocesso

Para o vice-presidente de formação de atletas do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC), Fernando Manuel de Matos Cruz, a MP retrocede em conquistas que vinham sendo obtidas desde a Lei Pelé. Disse, ainda, que da parte percentual do que é arrecadado com as loterias e destinada ao esporte, só atingiu a área de incentivo à formação de jovens para o atletismo. “O prejuízo é grande porque esses recursos vinham sendo investidos em equipamentos, como a construção de pistas atléticas, piscinas e outros; no pagamento de profissionais e no fomento à participação de atletas em competições, o que agora não é mais possível”.

Cruz explicou como o recurso, em média de R$ 40 milhões anuais, era distribuído até que a MP entrasse em vigor e zerasse os repasses de 0,5% de todos os prognósticos de loterias aos cuidados do CBC. “Ao esporte escolar cabia 5%, ao esporte universitário 10%, ao comitê paraolímpico 15%, às despesas administrativas 20% e os 50% restantes ao esporte olímpico e aos clubes”.

Luciana Miorro, coordenadora de Projetos Esportivos do Grêmio Náutico União, declarou que é grande a expectativa dos jovens atletas com a possibilidade de reversão dos efeitos da MP. “Eles estão apreensivos porque foi graças a esses recursos que muitos puderam ser incluídos no esporte”, disse. Ela exemplificou que no União, entre outras formas de investimento, foi possível revitalizar o piso de dois ginásios e equipar o departamento médico, entre outras melhorias “que refletem no preparo dos atletas para competições nacionais e internacionais”.

José Haroldo Arataca, diretor técnico e treinador da Confederação Brasileira de Atletismo (CBA), considerou que, apesar de danosa pelo seu contexto, a MP teve um resultado positivo. “Já vim aqui nesta Casa Legislativa muitas vezes e é a primeira vez que vejo a união dos representantes das entidades em defesa do esporte”. Arataca, no entanto, lamentou não ver a indignação popular. “As pessoas choram pela nossa colocação em sexto no Mundial, mas não se manifestam ao fato de estarmos na 84º posição em educação”, criticou.

Segundo o diretor da CBA, os recursos cortados atingem ainda, o esporte escolar, inviabilizando qualquer iniciativa, como os tradicionais jogos universitários. Ele elogiou a gestão dos recursos que até então eram destinados ao CBC e comparou: “a pista da Sogipa, com o controle da entidade foi construída por R$ 1,8 milhões e uma semelhante, na Ufrgs custou cerca de R$ 10 milhões”. Arataca também lembrou que parte dos recursos cortados do atletismo foram para reforçar o próprio prêmio das loterias, que aumentou recentemente de valor, e também para o futebol, por força da pressão feita pela “bancada da bola”.

Equívoco

O vice-presidente da Federaclubes, Carlos Humberto Rigon, disse que a MP é um equívoco. Além de prejudicar imediatamente aos clubes mais estruturados, como Sogipa, União e Veleiros, corta, também, o sonho das entidades menores que vinham se organizando para a aprovação de projetos junto ao CBC. Ele adiantou que o tema será um dos pontos a ser debatido no Congresso da Federaclubes que acontece em Gramado nos próximos dias 20, 21 e 22 de julho.

Lauro Aguiar, vice-presidente do Conselho Regional de Educação Física da 2ªRegião (CREF2RS) informou que o tema vem sendo tratado, também, no âmbito da Assembleia Legislativa, onde uma Audiência Pública está sendo chamada para discutir os efeitos da MP 841/18. Ele lamentou os poucos fóruns de debate e criticou a falta de realização das Conferências do Esporte. “Não somos contra a segurança pública, mas entendemos que não adianta construir presídios se não investirmos em prevenção à violência e isso se faz com iniciativas como a do incentivo da prática do esporte, assim como de investimentos em educação e cultura para os nossos jovens”.

Mauro Myskin, vice-presidente do Colégio Brasileiro de Ciência do Esporte, afirmou que a extinção da secretaria de Esportes e as políticas públicas para o setor, em Porto Alegre, foram completamente abandonadas. Ressaltou a importância da união de todos para a derrubada da MP, o que considera fundamental para a continuidade de projetos que vinham sendo desenvolvidos pelas entidades e clubes.

Leonardo Monteiro, que representou o deputado federal João Derly (Rede) ressaltou que a MP, que entrou em vigor no dia 12 de junho, tem prazo de 45 dias para ser apreciada pelo Congresso, ou passará a trancar a pauta. Ele lembrou, no entanto, que como há o recesso de julho e a contagem é interrompida, o prazo deve vencer em meados de agosto. “A solução mais rápida é a de pressão sobre o governo para que ele reveja os efeitos da MP sobre o Esporte. Fora isso, ou é esperar a votação, que pode ser pela derrubada, alteração do texto ou aprovação, ou ainda, aguardar os 120 dias para ver a MP, caso não seja apreciada em plenário, perca automaticamente os seus efeitos”.

Paulo Eduardo Barbosa Santos, presidente do Conselho Municipal de Desportos (CMD) reforçou as críticas à falta de incentivo ao esporte na capital gaúcha. Disse que o tratamento em Brasília, com a MP é semelhante ao que vem sendo destinado ao setor em um ano e sete meses do atual governo. Que o CMD perdeu recursos orçamentários, sede e, assim como os demais, qualquer apoio para o desenvolvimento do trabalho dos conselheiros.

Medida

Em suas manifestações, os vereadores presentes ao encontro, assim como o proponente da pauta, se posicionaram contra a retirada de recursos do esporte. De acordo com Cassiá Carpes (PP), o problema da falta de verbas não é diferente de quando foi presidente da extinta Fundação de Esporte e Lazer do Estado do Rio Grande do Sul (Fundergs). "Era preciso muito jogo de cintura para podermos realizar algo", justificou. João Bosco Vaz (PDT) disse que a MP coloca uma pá de cal sobre qualquer possibilidade de investimento em esporte na capital, visto que o atual governo não realiza nenhum aporte ao setor, assim como nas demais áreas, como na social, "totalmente abandonadas pelo poder público".

Na mesma linha Sofia Cavedon (PT), lamentou o desmonte do esporte na cidade. Ela ainda ressaltou que devido aos projetos do Executivo que trancam a pauta, a Moção de Repúdio não poderá ser votada com a celeridade que merece e, portanto, "o melhor é coletar as assinaturas dos vereadores para remetê-la o mais rápido ao presidente da Câmara Federal". disse. Prof. Alex Fraga (PSol) alertou que é necessário deixar clara a intenção da interrupção imediata dos efeitos da MP na Moção, visto se permanecer com seus efeitos por quatro meses, até que perca o seu valor, "irá provocar estragos que só poderão ser recuperados no ano que vem".

Para a vereadora Comandante Nádia (MDB), presidente da Cedecondh, a união de esforços em prol do Esporte é importante. Disse que os vereadores estão engajados na luta das entidades e clubes para fazer valer o desejo da comunidade esportiva brasileira. Tarciso Flecha Negra (PSD), que presidiu o encontro, destacou que o esporte é capaz de salvar a vida de muitos jovens. Ele lembrou a sua história e a importância que o setor tem para coibir a violência. Da mesma forma a vereadora Mônica Leal (PP) informou que assinará a Moção. Para ela, não se pode colocar em confronto a Segurança e o Esporte. "Cada um dos setores tem a sua importância e devem ter a atenção dos governos", declarou. O vereador Alvoni Medina (PRB), também participou do encontro.

Texto: Milton Gerson (reg. prof 6539)
Edição: Helio Panzenhagen (reg. prof. 7154)
Foto: Andielli Silveira/CMP


epúdio a MP que retira recursos do esporte



CREF2/RS tem horário de atendimento diferenciado nesta sexta-feira
03/07/2018
Fonte: CREF2/RS

Em razão do jogo do Brasil, o CREF2/RS terá um horário diferenciado de funcionamento nesta sexta-feira, dia 6 de julho.

Neste dia, o atendimento externo na sede será realizado excepcionalmente na parte da manhã, das 9h às 13h. O Conselho estará fechado durante a tarde.


horário



Câmara da Saúde do Fórum-RS se reúne com deputado Pepe Vargas para discutir ensino EAD
25/06/2018
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), esteve presente no dia 21 na reunião da Câmara da Saúde do Fórum-RS, realizada na sede do Conselho Regional de Farmácia, que contou com a presença do deputado federal Pepe Vargas. A pauta do encontro foi expôr ao parlamentar o avanço exponencial de cursos de graduação na área da saúde EAD, e o risco potencial que isto acarretará na qualidade dos serviços de saúde da população, uma vez que os pontos negativos nesta modalidade são maiores que os positivos, por importar baixa qualidade na aprendizagem e, pela falta de prática, risco sérios à vida. A reunião também teve intuito de somar forças no Congresso Nacional para solicitar uma moratória na autorização de novas vagas para cursos a distância, até que seja discutida e a aprovada uma lei que garanta a formação com qualidade e de forma presencial para as profissões da área da saúde, além de incentivar a discussão e o aprofundamento do PL 5414/16, que proíbe o incentivo do desenvolvimento e veiculação de programas de ensino a distância em curso da área de saúde, que atualmente está com o deputado federal Mandetta, relator da matéria na Comissão de Seguridade Social e Família (CSSF), da Câmara dos Deputados.

Segundo o assessor de Relações Institucionais do Conselho Regional de Farmácia, Everton Borges, a explosão de vagas no EAD se iniciou por meio do Decreto 9057/2017, que facilitou a abertura de novos polos, autorizando expressamente sua terceirização mediante celebração de convênios com outras pessoas jurídicas, precarizando ainda mais a fiscalização dos cursos não presenciais. “Este decreto causou o aumento em 124% no número da vagas desta modalidade de ensino”, explica. “Atualmente, temos mais de 600 mil vagas para cursos EAD destinadas a cursos de saúde aprovados pelo MEC. Em breve, começaremos a receber formados em saúde totalmente instruídos a distância, e nós não sabemos qual impacto isto terá na saúde da população”, questiona Everton.

Ainda segundo Borges, em alguns estados, profissões como Serviço Social já não contam com o ensino presencial. "Estamos em uma grande articulação, somando esforços dos conselhos federais e regionais para alertar os profissionais e à sociedade sobre os riscos à saúde proporcionados por profissionais oriundos de cursos completos de graduação EAD". Ele complementou que a Câmara da Saúde não é contrária ao uso da ferramenta, que possibilitou o acesso ao ensino a muitas camadas da população, mas que as profissões da saúde pressupõe atendimento direto ao paciente, colocando em risco a saúde da população se esses profissionais não tiverem contato direto desde a formação.

O vice-presidente do CREF2/RS apontou que um ponto positivo nesta esta crise na saúde é que a união dos trabalhadores do setor só fez aumentar. “Esta unidade se mostrou eficaz, pois na semana passada conseguimos evitar que recursos dos esportes, provenientes da loteria esportiva e por novos jogos que devem ser anunciados ainda este ano pela Caixa Econômica Federal, fossem desviados para segurança”, exemplificou. Segundo Lauro, o governo não entende o conceito de esporte como criação de cidadania, segurança e uma forte possibilidade de que jovens não ingressem nas facções criminosas. "Também sabemos dos interesses econômicos que estão representados nos lobbys milionários que atuam no Congresso Nacional. São grupos que trabalham com a questão da doença, não da prevenção”.

A representante do Conselho Regional de Psicologia (CRPRS), Manuele Araldi, afirmou que principal questão que está sendo discutida com o ensino a distância é o acesso à educação do povo brasileiro. "O EAD tem uma característica de baixo custo, além de possibilitar à população dos interiores acessarem o ensino superior. E assim ele é vendido. Contudo, ele é um falso acesso ao ensino as pessoas que de renda mais baixa”, advertiu. Na avaliação de Manuele, essa faixa da população tem de ser atendida obrigatoriamente por universidades públicas, pela retomada das funções do Prouni ou por modificações nas atuais diretrizes do FIES. “Essa é a real inclusão das camadas populares na educação, já que o EAD é uma falácia, pois forma profissionais não qualificados, o que fere o projeto ético e político das profissões". Manuele avalia que formar pessoas sem noções de cidadania também atenta contra a Soberania Nacional.

Tuane Devit, representante do Conselho Regional de Serviço Social, alertou que os diplomas emitidos pelo Conselho não diferenciam quem cursou aulas presenciais de quem fez o curso completo pelo EAD, já que o MEC não obriga constar esta informação no documento. Tuane também fez um resgate do processo histórico de implantação dos primeiros EADs em 2010. “Logo que eles começaram a atuar, nosso Conselho Federal fez uma campanha com o lema “Educação não é fast food”, pelo qual respondemos a um processo no qual tivemos que pagar R$ 11 mil às empresas de EAD, o que demonstra a força destas empresas". Ela também explicou que, para além da noção da educação e de uma formação de qualidade, existem trabalhadores sendo explorados nestas instituições de ensino, além do material produzido pelos professores, alguns sem nenhum vínculo com estas empresas, ser reproduzido para milhares de alunos, com prejuízo da propriedade intelectual de quem os elaborou. “Resta claro o projeto ideológico de esvaziar o Serviço Social, um curso com tradição de contestação e de luta contra a opressão social”, finalizou.

O deputado federal Pepe Vargas, que também é trabalhador da saúde, iniciou sua fala afirmando que sempre defendeu a multidisciplinaridade na área, permitindo um atendimento global de acordo com as necessidades dos pacientes. Ele salientou que o atual tipo de uso da ferramenta EAD para formação profissional, baseado no discurso de redução de custos para quem não tem dinheiro para cursar uma faculdade, é sedutor para quem não se debruça e estuda a fundo a questão. "Eu confesso que fico abismado com a ideia de alguém se formar médico sem nunca ter contato com um paciente, portanto somos parceiros nesta luta”. Vargas alertou que o país tem enfrentando tempos de exceção, e que o Congresso Nacional é uma instância bastante complexa. “Não é à toa que passou a EC95, que praticamente acaba com o SUS. Temos de ter presente que o principal gasto do governo não é com políticas sociais, e sim com juros e serviços da dívida pública”.

O parlamentar relatou que a Câmara aprovou a abertura de todo o processo de extração de petróleo do Pré-Sal para multinacionais. “Isso afeta diretamente o Fundo Social do Pré-Sal, onde grande parte dos recursos seria dedicado à educação e outra parte para saúde. No modelo de partilha anterior, 80% do óleo retirado ia para o Fundo Social. Agora, chegamos ao patamar de 11%. É uma brutal perda de receitas que estes congressistas aprovaram. Com as empresas de EAD, nós não estamos enfrentando empresários de pequeno ou médio porte, mas sim grandes fundos de investimentos multinacionais que adentraram para especular na área da educação”. Para finalizar, o deputado sugeriu que os conselhos regionais buscassem diálogo com a bancada gaúcha no Congresso, e os conselhos federais buscassem os líderes de bancada, para que se discuta, além da moratória na abertura de vagas no EAD, o debate da PL 5414/16.


EAD



CREF2/RS entrega Cédula de Identidade Profissional durante formaturas
18/06/2018
Fonte: CREF2/RS

Com o intuito de agilizar o procedimento de registro de recém-formados, o CREF2/RS entrega a Cédula de Identidade Profissional (CIP) durante o ato solene de formatura, para todos que assim desejarem. Para que haja a entrega no local, no mínimo cinco formandos deverão solicitar o registro profissional ao CREF2/RS, e a Instituição de Ensino Superior deverá enviar para o endereço da Sede do CREF2/RS, com no mínimo trinta dias de antecedência do evento, o convite da formatura, com data, local e horário, nominata da turma de formandos em folha timbrada, carimbada e assinada, atestando a data da colação de grau, CPF e a base legal de cada acadêmico.

Além disto, a Comissão de Formatura ou a Instituição de Ensino Superior necessitam providenciar junto aos formandos os seguintes documentos, que precisão ser enviados ao CREF2/RS igualmente com 30 dias de antecedência à formatura: requerimento de registro de graduado (disponível neste link); cópia autenticada do RG e do CPF ou da CNH; duas fotos 3x4 iguais, recentes, de frente e com fundo branco; comprovante original do pagamento da taxa de inscrição do CONFEF (obtida aqui) e cópia simples do comprovante de residência. O envio do Histórico Escolar Universitário, contendo a carga horária total cursada, a data de autorização e de reconhecimento do curso, bem como a data de ingresso e de conclusão, também é obrigatório.

Para a solenidade, o CREF2/RS enviará um Conselheiro representante para a entrega das CIPs. No momento de recebimento, o graduado deverá assinar o Termo de Responsabilidade Ético-profissional. Para a emissão da Cédula, também será necessário coletar a digital de cada um dos formandos, o que poderá ser feito de duas formas: comparecendo ao CREF2/RS ou agendando com o Conselho para que um funcionário dirija-se até a Instituição de Ensino Superior para efetuar o procedimento.

Para mais informações, confira a íntegra da PORTARIA 2016/000352.


Formatura



CREF2/RS promove Campanha do Agasalho
15/06/2018
Fonte: CREF2/RS

Entre os dias 15 de junho e 15 de julho, o CREF2/RS vai realizar a Campanha do Agasalho. O Conselho estará arrecadando, em sua sede de Porto Alegre, doações de sapatos, cobertores e roupas usadas em geral, em uma caixa colocada na recepção.

Além disto, também serão aceitos outros itens, como alimentos não perecíveis, materiais de higiene, produtos de limpeza e remédios ainda dentro da validade e não mais utilizados. Todas as doações que o CREF2/RS receber serão entregues ao Asilo Padre Cacique e à Campanha do Agasalho do Governo do Estado.

O horário de funcionamento do CREF2/RS para a entrega das doações é de segunda a sexta-feira, das 9h às 17; e às sextas-feiras, das 12h às 17h. Participe!


Campanha do Agasalho



Reunião da Câmara Técnica de Corrida de Rua discute Trail Run
11/06/2018
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Corrida de Rua realizou sua reunião no dia 7 de junho, na sede do CREF2/RS. Na ocasião, a presidente da Câmara, Cláudia Ramos Lucchese (CREF 002358-G/RS), informou que um dos principais objetivos a serem propostos aos profissionais de Educação Física e à sociedade será estabelecer um regramento específico para organizar corridas de rua, já que o papel do CREF2/RS é fiscalizar os profissionais de Educação Física e não os competidores. Além desse ponto, será iniciado um trabalho de orientação sobre regras e conduta para o Trail Run. A modalidade é cada vez mais popular e apresenta desafios diferentes da corrida de asfalto, sendo um esporte que consiste em correr “fora de pista”, por trilhas de montanha ou caminhos secundários, cruzando riachos e rios, com subidas e descidas íngremes.

Durante a reunião, o profissional Luís Leandro discorreu sobre o que precisa para organizar uma prova de Trail Run, que é registrado no Brasil com a marca “Circuíto Trilhas e Montanhas”, e elencou uma série de itens para que se protocole o conjunto de regras e condutas para o esporte. Além disto, Leandro disse que a Confederação Brasileira de Atletismo já possui algumas normas sobre o esporte. Ele também deu uma visão sobre os negócios que são gerados pelo Trail Run. Já João Remião comparou o tipo de organização de provas entre as modalidades corridas de rua e Trilhas e Montanha. Na primeira, não existe a necessidade de um profissional na organização, mas sim de um responsável técnico com registro de no CREF2/RS. Na segunda modalidade, também há necessidade de um RT, mas com conhecimentos de terrenos e montanhas.

Cláudia Lucchese questionou sobre a metodologia de treinos, e se os grupos se reúnem sem Rts. Damião colocou a proposta de se “blindar” as inscrições de RT com uma norma que só aceitem profissionais de Educação Física. Segundo Fabiano Braun, a planilha de corrida de quem deseja migrar para as montanhas deve incluir treinos específicos em superfícies instáveis como a areia e em subidas. Em paralelo, é imprescindível investir em treinos de força, com exercícios em escadas e saltos, por exemplo.

A reunião teve a participação especial do maratonista Ronaldo da Costa (CREF 010568-P/DF), que esteve em Porto Alegre, uma das cidades escolhidas para as comemorações dos 20 anos da Recorde mundial da maratona de Berlim, quando ele completou a prova em 2h06min05. Ele já havia ganho a tradicional Corrida de São Silvestre dois anos antes e chegado ao pódio nos Jogos Pan-americanos de 1995, na Argentina, conquistando o bronze para o Brasil. Atualmente Ronaldo está no 5º semestre do bacharelado em Educação Física. “Temos talento, precisamos lapidar. Não adianta pensar apenas em bater recorde. Precisamos de profissionais de Educação Física capacitados para treinar nossos jovens”, afirmou.

A reunião foi composta pela presidente da Câmara Cláudia Lucchese (CREF 002358-G/RS), Darlan Souza (CREF 015393-G/RS), Kátia Ferreira (CREF 014403-G/RS), Rodrigo Nascente (CREF 007110-G/RS), Renato Rimoli Capparelli (CREF 002109-G/RS), Eduardo Remião (CREF 001855-G/RS) e o coordenador para Trilhas e Montanhas, Luis Leandro Grassel (CREF 009564-G/RS).


Câmara Técnica de Corrida de Rua



DEFOR não tem atendimento entre os dias 12 e 14 de junho
08/06/2018
Fonte: CREF2/RS

Em razão de um treinamento interno, o Departamento de Orientação e Fiscalização (DEFOR) do CREF2/RS não irá prestar atendimento, entre os dias 12 e 14 de junho, tanto na sede do Conselho como por telefone.

Nestes dias, entretanto, todos os demais setores do CREF2/RS estarão funcionando normalmente. Entre terça e quinta-feira, o horário de atendimento geral é das 9h às 17h.


DEFOR atendimento



CREF2/RS acerta convênio com seguradora Invictus
22/05/2018
Fonte: CREF2/RS

Todos os registrados têm agora mais um convênio à sua disposição. O CREF2/RS e a Invictus firmaram uma parceria para oferecer 10% de desconto em consultorias de planejamento financeiro voltado à proteção pessoal e empresarial, através de Seguros de Vida Resgatável (SVR) e Previdência Privada Complementar (PPC).

A Invictus tem a sua sede em Porto Alegre. Mais informações através dos telefones (51) 3455-1903 ou (51) 99933-6691.


convênios



Aberto prazo para inscrições de chapa de 17 de maio a 16 de julho de 2018
17/05/2018
Fonte: CREF2/RS

O CONSELHO REGIONAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA DA 2ª REGIÃO – CREF2/RS, Autarquia Federal, vem, por meio da Comissão Eleitoral, informar aos interessados em realizar o registro da chapa para o pleito do ano de 2018, maiores considerações referentes ao Regimento Eleitoral a fim de orientar e dirimir dúvidas.

A eleição para renovação do plenário do CREF2/RS ocorrerá no dia 14 de Setembro de 2018 de forma presencial na sede em Porto Alegre, sito a rua Coronel Genuíno, nº 421, conjunto 401 das 09 horas às 16 horas e por correspondência, através do recebimento de um kit eleitoral sem qualquer custo ao eleitor no mês de Agosto/2018, que deve ser postado e retornar até as 15 horas do dia 14 de Setembro de 2018 para a caixa postal destinatária.

O que é preciso para concorrer? (Artigos 8 e 12 do Regimento Eleitoral – Resolução CREF2/RS 133/2018).
1. Ser cidadão brasileiro ou naturalizado.
2. Possuir curso superior em Educação Física.
3. Estar em pleno gozo dos seus direitos profissionais.
4. Possuir registro profissional por pelo menos 02 anos ininterruptos no CREF2/RS.
5. Ter votado ou justificado o voto na última eleição (consulte lista no site do CREF2/RS - http://crefrs.org.br/eleicoes2015/).
6. Não ter realizado administração danosa no Sistema CONFEF/CREFs, segundo apuração em inquérito, cuja decisão tenha transitado em julgado na instância administrativa.
7. Não ter contas rejeitadas pelo CREF2/RS.
8. Não estar cumprindo pena imposta pelo Sistema CONFEF/CREFs.
9. Não estar inadimplente com os pagamentos de anuidades e demais obrigações pecuniárias com o Sistema.
10. Não ter sido condenado por crime doloso ao qual se aplica a pena de reclusão transitada em julgado, enquanto persistirem os efeitos da pena.
11. Não ter sido destituído de cargo, emprego ou função por efeito de causa relacionada a prática de ato de improbidade em administração pública ou no exercício de representação de entidade de classe, decorrente de sentença transitada em julgado.
12. Não for inadimplente em quaisquer prestações de contas em decisão administrativa definitiva.
13. Se candidatar em apenas uma chapa concorrente.
Quais documentos são necessários para o pedido de inscrição de chapa?
1. UM REQUERIMENTO: (EM DUAS VIAS): Montar um requerimento (ofício) dirigido ao Presidente da Comissão Eleitoral com a nominata completa de 14 (quatorze) Membros candidatos a Conselheiros, sendo 10 (dez) Membros Efetivos e 04 (quatro) Suplentes, para um mandato de 06 (seis) anos; No requerimento deve constar o nome completo dos membros, com o número de registro junto ao CREF2/RS, além da assinatura de todos os concorrentes e o nome fantasia da chapa; No requerimento deve, ainda, estar especificado dos 14 (quatorze) membros, qual será o representante da chapa concorrente, que deve firmar o requerimento.
2. DECLARAÇÕES FIRMADAS POR CADA CANDIDATO: Declaração individualizada de cada concorrente informando o atendimento aos requisitos especificados no artigo 8 do Regimento Eleitoral (Resolução CREF2/RS 133/2018), devidamente assinada pelo mesmo (não é necessário o reconhecimento de firma).
A votação não é obrigatória, porém para concorrer é necessário que o candidato tenha votado ou justificado na última eleição para o plenário do Conselho.

Para maiores dúvidas consulte o Regimento Eleitoral (Resolução CREF2/RS 133/2018), disponível no site do Conselho, bem como através do e-mail eleicoes@crefrs.org.br.

Jacques Delhaye Hidalgo
Presidente da Comissão Eleitoral
CREF 002325-P/RS


ELEIÇÕES 2018



CREF2/RS abre ciclo de palestras sobre os 20 anos de regulamentação da profissão em Santa Maria
02/05/2018
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS realizou na última quarta-feira, dia 25 de abril, o primeiro encontro do Ciclo de Palestras “20 Anos de Regulamentação da Profissão de Educação Física”, em Santa Maria. O evento, que ocorreu na Faculdade Metodista (FAMES), reuniu cerca de 100 participantes, entre profissionais e estudantes. A atividade contou com duas apresentações, conduzidas pelos conselheiros Alessandro Gamboa (CREF 001534-G/RS) e Marcia da Cruz (CREF 007545-G/RS).

Integrando a programação da 9ª Jornada Acadêmica do Curso de Educação Física da FAMES, o primeiro evento sobre os 20 anos da regulamentação da profissão contou ainda com a presença da presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e do conselheiro Clery de Lima (CREF 000297-G/RS), que foi o mestre de cerimônias. Na abertura das palestras, os dois destacaram os avanços do Sistema CONFEF/CREFs, nas últimas duas décadas, e a importância da união de todos os profissionais. “A Educação Física está sempre sendo ameaçada e cabe ao CREF2/RS lutar para que os espaços já conquistados não sejam perdidos”, analisou Carmen. “São vocês que devem fazer a diferença, apropriando-se de conhecimento e fazendo um trabalho correto”.

No primeiro momento, Gamboa ministrou a palestra “Educação Física: Legislação e Perspectivas”. Integrante da Comissão de Orientação e Fiscalização do CREF2/RS, o conselheiro falou sobre a criação do Sistema CONFEF/CREFs, as atribuições do Conselho e as suas diferenças em comparação com o Sindicato. “O CREF2/RS tem uma função fiscalizatória e normatizadora da profissão. Não cabe a nós as questões trabalhistas, que são de responsabilidade do Sindicato”, explicou.

A palestra de Gamboa ainda tratou da Lei do Estágio e da importância do trabalho de Fiscalização. Respondendo as perguntas dos presentes, o conselheiro tirou dúvidas sobre o Termo de Compromisso de Estágio, sobre as atribuições do Responsável Técnico e sobre as consequências de quem é flagrado em exercício ilegal da profissão. “O CREF2/RS encaminha uma denúncia-crime para o Ministério Público, sempre que os agentes fiscais dão o flagrante. O exercício ilegal da profissão que mais buscamos combater”.

A segunda palestra, com o tema “A Importância da Atividade Física na Formação do Ser Humano”, destacou o papel fundamental que o profissional de Educação Física desempenha diante da sociedade. “Trabalhamos com todas as faixas etárias e precisamos pensar a nossa atuação da gestação ao envelhecimento”, sublinhou Marcia. “Por conta disto, não podemos dizer que o Bacharel é mais ou menos relevante do que o Licenciado. Todos são importantes para valorização da atividade física entre as crianças, fazendo disto um hábito para o futuro”, acrescentou.

Os desafios expostos pela palestrante, ao longo da sua apresentação, dizem muito respeito às consequências da obesidade entre o público infantil. “Cada vez mais vemos crianças com problemas cardíacos e diabetes, que antes eram comuns somente em adultos. O sedentarismo é um dos grandes inimigos da Educação Física”, sentenciou. Paralelamente a isso, Marcia também citou os benefícios proporcionado pela atividade física. “As aulas de Educação Física melhoram o desenvolvimento motor e promovem a socialização”, pontuou.

O Ciclo de Palestras “20 Anos de Regulamentação da Profissão de Educação Física” ainda terá outras duas edições em 2018. A atividade será realizada ainda em Caxias dos Sul, no dia 7 de junho; e em Pelotas, no dia 17 de outubro. Compareça!


Eventos palestras



Frente em Defesa do CETE articula manifestações no local
23/04/2018
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) participou no último dia 19 da reunião da Frente Parlamentar em Defesa do Direito Social ao Esporte, Lazer e Recreação, realizada no salão Ana Terra da Câmara Municipal de Porto Alegre. O encontro foi presidido pela vereadora Sofia Cavedon e contou com as presenças de Edgar Meurer, ex-secretário Municipal de Esportes, ex-diretor do CETE e ex-conselheiro do CREF2/RS e do CONFEF, professores da ESEFID/UFRGS, Colégio Brasileiro de Ciências do Esporte, professores e profissionais de Educação Física, treinadores e atletas de confederações dos mais variados esportes além de representantes da Associação de Moradores do Bairro Menino Deus. A pauta do encontro foi a intenção do governo estadual em transformar o Centro Estadual de Treinamento Esportivo (CETE), no bairro Menino Deus, na nova sede do Corpo de Bombeiros.

A vereadora chegou na reunião vinda de uma audiência com o promotor de Justiça de Habitação e Defesa da Ordem Urbanística do Ministério Público Estadual (MP), Cláudio Ari Pinheiro de Mello, e representação de diversas Federações, dos Moradores, da Universidade Federal/ UFRGS que tratou da transferência. O promotor explicou que os participantes expuseram as inconformidades com a proposta do Estado e solicitaram a intervenção do Ministério Público. “Tomei a decisão para investigar os pontos já salientados. Na semana que vem, na quarta-feira, faremos uma visita para que as entidades nos mostrem a sua visão sobre o local. Eu conheço bem o CETE, mas eles entendem o desenho do projeto estabelecido pelo governo e do que poderia ser afetado no espaço”, disse.

Outro ponto observado por Mello é o impacto para a rua Gonçalves Dias. “A avaliação do impacto urbanístico, feita por especialistas, e nós temos na promotoria esses profissionais, assim como a prefeitura deve ter também, vai ser fundamental. Vamos acompanhar o estudo feito por eles”, afirmou.

Já na reunião da Frente Parlamentar, a vereadora afirmou que o promotor de Justiça visitará o CETE no dia 25, no final da tarde, momento de maior atividade esportiva do Centro. O promotor ficará analisando as instalações, o entorno e a as práticas físicas por cerca de 1h30min. O ex-secretário Meurer convocará o ex-deputado Vieira da Cunha e agora promotor do Estado para acompanhar a visita.

Lauro Aguiar explicou que a Câmara Técnica de Corrida de Rua do CREF2/RS, que acompanha os grupos de corrida de rua em Porto Alegre, iniciou em uma época que este esporte estava tomando conta dos parques e praças. A partir deste momento se organizou todo este movimento, e se criou o Dia da Corrida de Rua. Em defesa do CETE, se desenvolveu um evento para que todos os grupos de corrida de rua participem, marcando presença, junto com a SOGIPA e a Federação Gaúcha de Judô e demais federações e atletas que se juntarem ao movimento.

Conforme Sofia, nas manifestações ficou caracterizado, pelos diversos segmentos, a especificidade e singularidade do CETE, que vai da inclusão à excelência em 21 modalidades de esportes e lutas. "São 1600 jovens, crianças, adolescentes que praticam, diariamente, aulas de esporte no local. Além disso, todos os praticantes espontâneos chegam de três a quatro mil por dia", destaca a vereadora. O Centro também foi o berço de atletas gaúchos renomados, como a ginasta Daiane do Santos, o judoca João Derly, os jogadores de vôlei Paulão e Renan, dentre tantos outros.


Frente Parlamentar em Defesa do Direito Social ao Esporte, Lazer e Recreação



Santa Maria é a primeira cidade visitada pelo ciclo de palestras sobre os 20 anos de regulamentação da profissão
11/04/2018
Fonte: CREF2/RS

A primeira cidade a celebrar os 20 anos da regulamentação da profissão de Educação Física pela Lei 9696/98 e da criação do sistema CONFEF/CREFs será Santa Maria, que receberá no dia 25 de abril o ciclo de palestras “20 anos de regulamentação da profissão de Educação Física”. O horário do evento será das 19h às 22h, no auditório da FAMES - Faculdade Metodista de Santa Maria. O ciclo, em conjunto com o CongregaCREF – Seminário Sul Brasileiro de Educação Física, estarão entre os eventos comemorativos programados pelo Conselho para celebrar o legado de duas décadas da regulamentação da profissão.

O interesse pelos exercícios físicos têm aumentado no país. Mesmo assim, dados do Ministério da Saúde demonstram uma verdadeira epidemia de obesidade, diabetes e hipertensão, todas doenças associadas ao sedentarismo que assolam a população brasileira. Diante deste quadro, cresce também a responsabilidade do CREF2/RS em demonstrar à sociedade de que a boa orientação faz a diferença, e que sob a instrução de um profissional habilitado aumenta a eficiência dos exercícios, os benefícios dos praticantes e previne problemas de saúde, garantindo bem-estar e melhoria da qualidade de vida. Imbuídos desta missão, o Conselho percorrerá o interior do estado promovendo um diálogo aberto e democrático com a sociedade, estudantes, profissionais e docentes sobre os 20 anos da regulamentação da profissão de Educação Física, suas conquistas e seus desafios.

Em Santa Maria, haverá duas palestras. A primeira, como início às 19h, será ministrada por Alessandro Gamboa (CREF 001534-G/RS), tendo como tema "Educação Física: legislação e perspectivas". Alessandro é graduado em Educação Física pelo IPA. Possui pós- graduação em Administração e Marketing Esportivo, pela Universidade Gama Filho, e em Ciências do Esporte, pela PUC-RS. Atua como personal trainer e realiza consultoria em diversas academias. É conselheiro do CREF2/RS desde 2015 e integra a Comissão de Orientação e Fiscalização do Conselho.

A segunda palestra da noite terá início às 20h40min, com o tema "A importância da atividade física na formação do ser humano: desafios do profissional de Educação Física", ministrada por Marcia Rohr da Cruz (CREF 007545-G/RS). Marcia é graduada em Educação Física pela UCS e bacharel em Administração pela Unisinos. Possui pós-doutorado em Administração e atua no Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção e em Administração da UCS. É conselheira do CREF2/RS desde 2015 e faz parte de diferentes Comissões e Câmaras Técnicas do Conselho, relacionadas à Educação Física Escolar, Fiscalização, Finanças, Planejamento Estratégico e ao Esporte Educacional.

Após Santa Maria, as próximas cidades visitadas pelo ciclo de palestras serão Caxias do Sul, no dia 6 de junho, no Auditório da Anhanguera, e Pelotas, em 17 de outubro, no Auditório da UFPEL.

Ciclo de palestras “20 anos de regulamentação da profissão de Educação Física” - Santa Maria

Data: 25 de abril, quarta-feira, das 19h às 22h Local: Auditório da FAMES - Faculdade Metodista de Santa Maria Endereço: Rua Dr. Turi, 2003 - Santa Maria Carga horária: 4 horas. O evento terá a emissão de Certificado online aos participantes Inscrições gratuitas até o dia 23/04/2018 pelo site http://crefrs.org.br//eventos/ciclo_santa_maria/


Ciclo de palestras “20 anos de regulamentação da profissão de Educação Física



Reunião do GAF discute parceria com a BM e cursos EAD
27/03/2018
Fonte: CREF2/RS

A reunião mensal do Grupo de Agentes Fiscais do RS (GAF) ocorreu nesta segunda-feira (26/03) na sede do Conselho Regional de Administração do RS. Estavam presentes representantes dos conselhos regionais de Farmácia, Educação Física, Administração, Medicina Veterinária, Contabilidade, Biblioteconomia, Fonoaudiologia, Nutrição e Biologia.

Segundo a agente fiscal do CREF2/RS, Denise Candaten (CREF-010750), foram debatidos assuntos como a parceria com a Brigada Militar, resolução de conflitos durante as fiscalizações e o aumento do número de cursos da área da saúde predominantemente EAD.

Em relação à Brigada Militar, os fiscais afirmaram se ressentir da falta de informações sobre o trabalho dos conselhos por parte da Corporação. “Vamos tentar criar canais contínuos de comunicação com a BM”, explicou Denise. Já em relação à proposta do Governo Federal de expandir exponencialmente os cursos EAD, haverá uma caravana em maio que irá a Brasília pressionar o Congresso e o Ministério da Educação para que se reveja e se readéque a proposta.


GAF



Interiorizasul visita Palmeira das Missões e Ijuí na primeira semana de março
26/03/2018
Fonte: CREF2/RS

Com o projeto Interiorizasul, com o qual realiza visitas de atendimento em cidades fora de Porto Alegre, o CREF2/RS irá visitar outras duas cidades no início do próximo mês. A equipe do Conselho vai estar em Palmeira das Missões, no dia 3 de abril; e em Ijuí, nos dias 4 e 5 de abril; oferecendo os serviços de atualização cadastral, entrega de Cédula, coleta de digital, parcelamento de anuidades e para efetuar novos registros.

O agendamento do atendimento nestes dois municípios pode ser feito de maneira online, até está quarta-feira, dia 29 de março, diretamente pela nossa página. Nos dois locais, o atendimento não agendado será feito por ordem de chegada.

Interiorizasul Palmeira das Missões
Data e horário: 3 de abril, terça-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 15h30
Local: UPF – Campus Palmeira das Missões
Endereço: Rua Francisco Ferreira Martins, 360 – Bairro Lutz

Interiorizasul Ijuí
Datas e horários: 4 de abril, quarta-feira, das 9h às 12h e das 13h30h às 18h; e 5 de abril, quinta-feira, das 9h às 11h
Local: Sede Acadêmica Unijuí (Fidene) – Sala de Reuniões da Educação Física (5º Piso)
Endereço: Rua São Francisco, 501 – São Geraldo


Interiorizasul



CREF2/RS percorre o interior com o ciclo de palestras “20 anos de regulamentação da profissão de Educação Física”
23/03/2018
Fonte: CREF2/RS

Em comemoração aos 20 anos da regulamentação da profissão de Educação Física pela Lei 9696/98 e da criação do sistema CONFEF/CREFs, o CREF2/RS lança o ciclo de palestras “20 anos de regulamentação da profissão de Educação Física”, que percorrerá os municípios de Santa Maria, Caxias do Sul e Pelotas durante os meses de abril, junho e outubro. O ciclo, em conjunto com o CongregaCREF – Seminário Sul Brasileiro de Educação Física, estarão entre os eventos comemorativos programados pelo Conselho para celebrar o legado de duas décadas da regulamentação da profissão.

A Educação Física, desde que virou uma profissão regulamentada em 1998, vem conquistando espaço ano após ano. Se antes a imagem do profissional de Educação Física era associada ao professor da disciplina nas escolas, ou a instrutores nas academias de ginástica e clubes, hoje a visão das atribuições desse profissional é mais ampla: a de um especialista também capacitado e qualificado na promoção da saúde, seja de crianças, jovens, adultos ou idosos.

O interesse pelos exercícios físicos também tem aumentado no país. Mesmo assim, dados do Ministério da Saúde demonstram uma verdadeira epidemia de obesidade, diabetes e hipertensão, todas doenças associadas ao sedentarismo que assolam a população brasileira. Diante deste quadro, cresce também a responsabilidade do CREF2/RS em demonstrar à sociedade de que a boa orientação faz a diferença, e que sob a instrução de um profissional habilitado aumenta a eficiência dos exercícios, os benefícios dos praticantes e previne problemas de saúde, garantindo bem-estar e melhoria da qualidade de vida. Imbuídos desta missão, o Conselho percorrerá o interior do estado promovendo um diálogo aberto e democrático com a sociedade, estudantes, profissionais e docentes sobre os 20 anos da regulamentação da profissão de Educação Física, suas conquistas e seus desafios.

Ciclo de palestras “20 anos de regulamentação da profissão de Educação Física”

Santa Maria
Data: 25 de abril, quarta-feira, das 19h às 22h
Local: FAMES – Faculdade Metodista de Santa Maria

Caxias do Sul
Data: 6 de junho, quarta-feira, das 19h às 22h
Local: Auditório da Anhanguera

Pelotas
Data: 17 de outubro, quarta-feira, das 19h às 22h
Local: Auditório da UFPEL

Instituições apoiadoras

- FAMES – Faculdade Metodista de Santa Maria
- Universidade Anhangüera
- Universidade Federal de Pelotas (UFPel)


20 anos da regulamentação da profissão de Educação Física



CREF2/RS apresenta projeto de combate à obesidade infantil ao deputado Maurício Dziedricki
27/02/2018
Fonte: CREF2/RS

A presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e o vice-presidente do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) visitaram ontem (27/02) o gabinete do deputado estadual Maurício Dziedricki (PTB). Eles estavam acompanhados do presidente mundial dos Professores de Educação Física Sem Fronteiras da FIEP, Almir Grunh (CREF 000001-G/PR), e do delegado regional da FIEP, Everton Deiques (CREF 008538-G/RS). Também estava presente à reunião o vereador do município de Guaíba, Everton Silva Gomes (CREF 002615-G/RS). Carmen e Lauro foram apresentar o projeto de inserção da população infantojuvenil nas academias registradas ao CREF2/RS, visando combater a obesidade nesta faixa etária.

Segundo Lauro, o Brasil é segundo país em número de academias, com centenas de milhares de frequentadores. "Contudo, temos poucos dados referentes aos resultados obtidos pela atividade física referentes à obesidade e ao sobrepeso. A academia poderia ser um ponto de referência para articularmos projetos de saúde", explicou. Para Lauro, atualmente as pessoas buscam um posto de saúde, sendo ali tratados e atendidos. "Se tivéssemos dados das doenças associadas ao sedentarismo na infância e juventude, teríamos subsídios para tratá-los em academias", raciocina.

O vice-presidente afirmou que o projeto prevê o credenciamento de academias em programas do Ministério da Saúde e secretária da Saúde do estado. Com isto, analisa Aguiar, pretende-se oportunizar avaliações com foco no grau elevado de obesidade. “Tudo isto integrado às demais profissões da saúde. Conseguiríamos, então, uma visão sistêmica na saúde no estado, em uma ação validada pelo Ministério da Saúde, o que permitiria uma coleta de dados regional, valorizando cientificamente a importância da atividade física no combate à obesidade infantojuvenil”.

Segundo a presidente do CREF2/RS, já existe um projeto semelhante em Minas Gerais. "Lá, a secretaria de Esportes e Saúde criou uma bolsa saúde que cadastra algumas academias registradas no CREF mineiro". Carmen explicou que a secretaria paga cerca de R$70,00 por criança obesa. Com este valor, ela passa a fazer atividade três vezes por semana em uma academia cadastrada. “Este estabelecimento tem obrigação de gerar relatórios sobre suas condições físicas. Esta ação é a garantia de que esta criança não será o obeso de amanhã”. Carmem complementou que o projeto operou de 2012 a 2015, abrangendo 93 municípios, e que o secretário de Esportes e Saúde de Minas Gerais está à disposição para colaborar na consolidação do projeto gaúcho.

O deputado Maurício Dziedricki, que é presidente da Comissão Especial de Combate à Obesidade Infanto Juvenil na Assembleia Legislativa, mostrou-se interessado com o projeto, pois na sua concepção, as crianças atualmente despendem um tempo exagerado em frente a tela de TV, computadores, smartphones e videogames. Dziedricki afirmou que aliado ao sedentarismo, existe um excesso de oferta de carboidratos, refrigerantes, fast food, farináceos e gorduras trans, que contribuem para o sobrepeso e obesidade, uma das doenças crônicas não transmissíveis mais comuns na infância, podendo gerar hipertensão, problemas cardíacos e diabetes tipo 2, dentre outras doenças. "Existe um prognóstico de que nos próximos dez anos o Brasil será o país com a maior número de obesos do mundo. Frente a este diagnóstico assustador, na maioria das vezes são adotadas políticas de cura ou busca desta cura, mas com a doença já presente, ao passo que a lógica deveria ser a prevenção, muito em especial da criança e do adolescente, no que diz respeito ao trato nutricional e atividade física”, ponderou. "Este projeto vem ao encontro de uma solução preventiva contra esta epidemia", concluiu.

Dia Estadual dos Profissionais de Educação sem Fronteiras

Em outro momento da reunião, o presidente mundial Professores de Educação Física Sem Fronteiras da FIEP, Almir Grunh apresentou o trabalho da organização ao deputado, e colocou a pretensão de tornar, por força de lei, o dia 20 de abril a data comemorativa dos Professores de Educação Física Sem Fronteiras no Rio Grande do Sul. Já o delegado regional da FIEP, Everton Deiques, explicou que de 15 a 22 de setembro de 2019 serão comemorados os 70 anos de existência da organização, quando serão recepcionadas delegações de todos o Brasil e do estrangeiro. “Gostaríamos de contar com apoio da Casa do Povo para recepcionar as delegações nestas comemorações”, explicou o delegado.

Segundo o deputado, a Assembleia Legislativa, via de regra, produz muito mal sua legislação no que se refere à vida da sociedade gaúcha. “Precisamos enxugar o número de leis , pois há excesso de legislação, fazendo com que exista um represamento de leis importantes para o estado.”, ressaltou. “Contudo”, prosseguiu o deputado, “muitas vezes não se reconhece uma simples positivação de uma data comemorativa e a sua inclusão no calendário de eventos de estado”. Para exemplificar sua fala, Dziedricki argumentou que Porto Alegre já dera uma bela lição ao criar a Lei que instituiu o Dia do Profissional de Educação Física, de autoria do ex-vereador Professor Garcia (CREF 000002-G/RS). “Colocarei a proposta da criação da data comemorativa à apreciação dos meus pares e faço questão de apoiar às comemorações dos 70 anos de existência dos Professores de Educação Física Sem Fronteiras”, finalizou.

Foto: Pablo Vini Fotografia


Obesidade infantil



Comissão de Educação Física Escolar aborda o PL 87/2016
01/12/2017
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Educação Física Escolar do CREF2/RS voltou a se reunir na sede do Conselho, na última quinta-feira, dia 30 de novembro. Estiveram presentes a presidente da Comissão Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), João Guilherme Queiroga (CREF 000839-G/RS) e Marcia Rohr da Cruz (CREF 007542-G/RS).

A pauta principal do encontro foi o andamento do Projeto de Lei 87/2016, que institui como requisito a formação profissional em Educação Física para exercer a docência da disciplina em todos os níveis de ensino – infantil, fundamental e médio – nas escolas públicas e privadas do Rio Grande do Sul.

A Comissão também fará sugestão à APEFRS, organizadora do ENAPEF-Encontro Nacional do Profissionais de Educação Física, para que seja oferecido curso na área da Educação Física Escolar, sobre vivências pedagógicas na sala de aula, durante a edição de 2018 do evento.


Comissão de Educação Física Escolar



CREF2/RS revela vencedores do Troféu Destaque 2017
04/09/2017
Fonte: CREF2/RS

Comemorando o Dia do Profissional de Educação Física, o CREF2/RS realizou na última sexta-feira, dia 1º de setembro, a cerimônia de entrega do Troféu Destaque 2017. O prêmio, que chegou ao seu sexto ano consecutivo, homenageou as pessoas e as empresas que mais de destacaram ao longo do último ano, em 15 categorias diferentes. Os estabelecimentos que completaram dez anos de registro também receberam um certificado como forma de reconhecimento durante a noite.

A abertura da cerimônia foi feita pela presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), que destacou a importância da data e o reconhecimento da premiação depois de cinco edições. “O Dia do Profissional de Educação Física, que comemoramos com o Troféu Destaque, é um momento único no ano, em que podemos estar perto de muitos colegas e de sentir orgulho pelo que fazemos pela profissão e pela sociedade”, analisou. A forma de escolha dos vencedores, com uma votação aberta no site do CREF2/RS para a definição dos três finalistas de cada categoria, também foi mencionada pela Presidente. “Somos mais de 25 mil registrados e queremos que todos participem, tanto do Troféu Destaque como do dia a dia do Conselho. Esta é a nossa maior honra”.

Confira os ganhadores:

Mérito da Educação Física
Vilson Fermino Bagatini (CREF 000009-G/RS)
Formado em Educação Física e em Pedagogia, Bagatini possui diversos cursos de aperfeiçoamento na área e é pós-graduado em Técnicas Esportivas em Futebol, Handebol e Voleibol e Mestre em Educação pela Universidade de Paris. Autor de 12 livros, foi docente de dezenas de cursos no Brasil e no exterior e Delegado Regional da FIEP, sendo agraciado pela instituição com a Cruz de Prata de Honra Internacional.

Profissional do Ano
Pedro Rodrigues Curi Hallal (CREF 024120-G/RS)
Mais jovem reitor a ocupar o cargo na Universidade Federal de Pelotas, assumiu a liderança da instituição em 2017. Possui mestrado e doutorado em Epidemiologia pela Universidade e realizou estágio pós-doutoral no Instituto de Saúde da Criança em Londres. É um dos sócios-fundadores da Sociedade Brasileira de Atividade Física e Saúde e bolsista de produtividade do CNPq.

Profissional de Academia
Roberta Forini Ortega (CREF 012398-G/RS)
Formada pela Universidade Federal de Pelotas, atua desde 2001 em academias. Em Pelotas, atuou com musculação, ginástica, natação e hidroginástica, ministrando também aulas de bike, local, step, combate e lecionando também na Faculdade Anhanguera de Pelotas. Em Porto Alegre desde 2012, atua nas academias Natasul e Fórmula, como personal trainer e professora em diferentes modalidades.

Profissional de Atividade Física na Empresa e Ginástica Laboral
Aline de Andrades Silva (CREF 017502-G/RS)
É graduada pela UNISC e atua desde 2006 na área de licenciatura e de bacharelado. Trabalhou junto a Escolas de Educação Infantil, com Recreação e Lazer, tendo atuado ainda como personal trainer. Atualmente, trabalha com Atividade Física na Empresa e Ginástica Laboral, além de atividades aquáticas, como natação infantil e hidroginástica.

Profissional com Atuação em Projetos Sociais
Paulo Cezar Mello (CREF 003951-G/RS)
É professor da Faculdade de Educação Física e Fisioterapia da Universidade de Passo Fundo e coordenador adjunto do curso de Educação Física Licenciatura no Campus Soledade da Universidade. Na UPF, coordena o Projeto de Extensão “Educação Inclusiva Equoterapêutica”, que concorreu ao Prêmio Educação RS em 2016, do Sinpro. É também diretor da Escola Municipal de Autistas Profª Olga Caetano Dias, de Passo Fundo.

Profissional de Escola
César Augusto Osorio Dornelles (CREF 000875-G/RS)
Pós-graduado em Ciência do Desporto e em Psicomotricidade pela UFRGS, Cesar possui atuação voltada ao ensino da prática pedagógica da Educação Física em nível do pré-escolar e Ensinos Fundamental e Médio, e no desporto escolar de voleibol e atletismo. Atualmente trabalha no Colégio Estadual Júlio de Castilhos, como professor e treinador de voleibol, e na Escola Infantil Tartaruguinha Verde como professor de Psicomotricidade.

Profissional de Paradesporto e Atividade Adaptada
Cláudia Regina Alfama (CREF 006362-G/RS)
É especialista em Ética e Educação em Direitos Humanos pela UFRGS. É profissional de Educação Física da FADERS – Acessibilidade e Inclusão há 23 anos, onde atualmente coordena o Núcleo Estadual do Paradesporto. Faz parte ainda do Comitê Paralímpico Brasileiro, atuando como técnica de voleibol sentado e de bocha paralímpica da Associação Nacional de Desporto para Deficientes.

Profissional de Recreação
Eneida Feix (CREF 002116-G/RS)
É especialista em Educação Psicomotora, em Lazer e Recreação e em Jornalismo Esportivo e possui mestrado na área de Ciências do Movimento Humano. Tem 40 anos de experiência na área de Recreação, com atuação no Ministério do Esporte, na Secretaria Municipal de Educação e de Esportes, Recreação e Lazer de Porto Alegre, na FUNDERGS e nos Ensinos especial, Fundamental, Médio e Superior.

Profissional Técnico Desportivo
André Luís Rocha Scott (CREF 001215-G/RS)
É atualmente coordenador do Departamento de Basquete do Grêmio Náutico União, além de técnico nas categorias de base e principal do esporte no clube, onde trabalha desde 1992. Atuou como técnico da modalidade também no colégio LaSalle Santo Antônio, onde era professor nos Ensinos Fundamental e Médio. Treinou ainda a Seleção Gaúcha de Basquete nas categorias sub-13, sub-15 e sub-17.

Profissional de Corrida de Rua
Leonardo Rossato Ribas (CREF 003760-G/RS)
Especializado em fisiologia do exercício e em treinamento de atletismo, atua na Sogipa e no grupo PerCorrer. Como treinador de atletismo, participou dos últimos mundiais de atletismo e de revezamento, além dos Jogos Olímpicos do Rio, como treinador da seleção brasileira. Atua também com corrida e caminhada recreativa, com o objetivo maior de proporcionar mais saúde, socialização e qualidade de vida aos praticantes.

Profissional de Saúde
Emilian Rejane Marcon (CREF 002792-G/RS)
É mestre em Ciências da Saúde pela Fundação Universitária de Cardiologia e Doutora em Medicina – Ciências Cirúrgicas pela UFRGS, atuando como pesquisadora nas áreas de obesidade mórbida, exercício físico e cirurgia bariátrica. Atualmente, trabalha no Hospital de Clínicas de Porto Alegre e na Unidade Básica Santa Cecília, onde desenvolve um programa de exercícios físicos para pacientes pré e pós-cirurgia bariátrica.

Clube ou Sociedade
Clube do Professor Gaúcho (CREF 000269-PJ/RS)
O Clube do Professor Gaúcho é a única agremiação social de educadores do Brasil e maior clube classista da América do Sul. Foi fundado em 1966 sob o lema: “a união de uma classe materializada em concreto”. Mantém atualmente três sedes sociais, em Porto Alegre, Santa Maria e Balneário Pinhal, sendo um consagrado espaço de sociabilidade que proporciona convívio entre professores de todas as instituições de ensino.

Academia
Cia Athlética (CREF 001430-PJ/RS)
Presente no mercado há 30 anos, a Cia. Athletica atende 35.000 alunos e conta com 18 unidades pelo Brasil. Em Porto Alegre, conta com ambiente moderno com 3000m² e mais de 30 modalidades de aulas coletivas. A partir de avaliação física e nutricional, sua equipe de profissionais especializada desenvolve um programa completo de atividades de acordo com o perfil, objetivos, preferências e disponibilidade de tempo do aluno.

Veículo de Comunicação
Vozes do Esporte – Rádio Charrua
É um programa de conversa e entrevistas sobre o esporte local e em geral, sendo o mais tradicional programa de esportes da Fronteira Oeste do Estado. Criado para fomentar, discutir, organizar e melhorar o esporte na cidade de Uruguaiana, é apresentado por Vicente Majó da Maia. Está no ar há dezoito anos, sendo cinco na Rádio Charrua, e foi responsável por diversas conquistas na área esportiva da região.

Personalidade do Ano
João Derly
É ex-judoca, bicampeão mundial da modalidade, e também campeão em diversos outros torneios. Participante ativo de campanhas sociais quando atleta, após aposentar-se do judô de alto rendimento fundou o Instituto Pódium, projeto que leva o judô gratuitamente a crianças em situação de vulnerabilidade social. Eleito vereador em 2012 e deputado federal em 2014, tem como principais bandeiras o esporte e as causas sociais.


Troféu Destaque



CongregaCREF reúne profissionais e acadêmicos para debater temas da Educação Física
28/08/2017
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS realizou no último sábado, dia 26 de agosto, o CongregaCREF – III Seminário Sul Brasileiro de Educação Física. O evento, que ocorre desde 2015 e integra as comemorações pela passagem do Dia do Profissional de Educação Física, celebrado em 1º de setembro, reuniu profissionais registrados e acadêmicos do curso, para assistir palestras e para debater diversos temas relacionados à profissão.

A abertura do evento, feita pela presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), destacou as conquistas recentes do Conselho e o crescimento da Educação Física, em todo o Brasil, nos últimos anos. “No momento, o CREF2/RS está engajado para garantir a presença do profissional de Educação Física no Sistema Único de Saúde, de maneira permanente. Para que isto ocorra, nós precisamos estar unidos, orgulhosos e conscientes de que representamos uma grande profissão”, comentou.

Na sequência, o CongregaCREF teve a sua primeira palestra, chamada “Gestão no Esporte: Os Desafios do Profissional de Educação Física Contemporâneo”, ministrada por Antônio Cimirro (CREF 004716-G/RS), instrutor dos cursos CBF Academy e docente no Ensino Superior. Além de apresentar o cenário do esporte mundial, ele salientou que no Brasil tem um grande potencial de crescimento na área. “O mercado fitness teve um aumento de 22% somente em 2016, atingindo a marca de 2% do PIB”, pontuou. “Os grandes esportistas são experts em vender a nossa profissão e precisamos aproveitá-los desta forma, para que possamos movimentar 40 bilhões de reais todos os anos – como os países desenvolvidos fazem – e gerar mais de 300 milhões de empregos”.

A gestão esportiva, o planejamento e a execução de projetos também foram assuntos abordados por Alexandre Greco (CREF 004204-G/RS), na segunda palestra do CongregaCREF. Consultor de academias e empreendedor digital, Greco falou sobre a evolução das ferramentas digitais ao longo do tempo e reforçou a necessidade que os profissionais de Educação Física têm de estarem sempre antenados a tudo o que surge de novo. “Nós não podemos ter receito de utilizar e de gerar conteúdo em plataformas como Youtube, Facebook e Instagram. Quem está aproveitando estes espaços deixados em aberto, mostrando como a Educação Física pode mudar a vida das pessoas para melhor, está tendo sucesso”.

Os assuntos mais atuais do dia a dia da profissão também ganharam repercussão na apresentação de Fabio Saba (CREF 000007-G/SP), sócio-diretor da IHRSA Fitness Brasil e diretor-executivo da Saba Consultoria. Dando exemplos de um bom marketing para profissionais de Educação Física e para academias, o palestrante resumiu que a excelência do serviço prestado na área da atividade física depende muito mais do envolvimento dos profissionais com as pessoas do que com os esportes. “Não podemos ficar presos somente aos aspectos estéticos. Quem foi que disse que uma academia não pode contratar um profissional com sobrepeso?! Na nossa área, não pode haver preconceito e sempre há uma parcela da população que se identifica com este tipo de profissional, não com os sarados”, explicou.

O encerramento do CongregaCREF foi com uma mesa-redonda sobre obesidade infantil, que contou com a presença de Miria Burgos (CREF 001566-G/RS), conselheira federal e professora da UNISC; e Roberto da Costa (CREF 000137-G/SP), pós-doutor em Ciências do Movimento Humano pela UFRGS. Em uma conversa com a participação da plateia, os palestrantes mostraram os principais resultados de suas pesquisas sobre o tema, que revelaram que cada vez mais crianças estão desenvolvendo doenças como hipertensão e diabetes, típicas da vida adulta. “As crianças ficam cerca de sete horas pro dia em frente a telas, como computador e televisão, e o sedentarismo é o grande fator para o aumento do risco de doenças crônicas”, frisou Costa. “A gente viu que a atividade física regular, além de melhorar a aptidão física e corrigir eventuais problemas de postura, também implica diretamente na melhora da saúde desta parcela da população”, complementou Miria.


CongregaCREF



Câmara Técnica de Futebol realiza palestra nesta terça-feira no CREF2/RS
28/08/2017
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Futebol irá realizar amanhã, dia 29 de agosto, uma palestra na sede do CREF2/RS, aberta para profissionais de Educação Física e demais acadêmicos do curso. A atividade, que vai abordar as novas oportunidades de atuação no futebol, será ministrada por Rafael Freitas Barbosa, co-fundador do MaisLab Ideias e Ação Desenvolvedora de Negócios e com experiência em mercado financeiro e empreendedorismo. A palestra terá entrada gratuita e as inscrições poderão ser feitas diretamente no local.

Palestra “Abrindo Novas Oportunidades Profissionais no Futebol”
Data: terça-feira, dia 29 de agosto, das 13h30 às 17h30
Local: CREF2/RS – Salão de Festas
Endereço: Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro
Inscrições: gratuitas no local


Futebol Palestra



Conferência debate presença do profissional de Educação Física nos postos de saúde
09/08/2017
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quarta-feira, dia 9 de agosto, o Conselho sediou uma das atividades preparatórias para a 2ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde, promovida pela Prefeitura de Porto Alegre anualmente. O evento, que trouxe para o debate a importância da atividade física na promoção da saúde e na prevenção de doenças, contou com uma palestra da presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e a presença de representantes da APEF/RS e do SINPEF/RS.

A Conferência Livre realizada no CREF2/RS, que posteriormente terá as suas demandas levadas para a apreciação do Conselho Municipal de Saúde, defendeu – entre outros pontos – a presença do profissional de Educação Física nas academias de saúde, que serão adotadas pela Prefeitura em diversas Unidades Básicas de Saúde do município em breve. “A saúde atualmente possui um conceito amplo, englobando muito mais o bem-estar do que apenas a ausência de doenças. Nestes locais, em que a proposta é dar ênfase à prevenção e aos hábitos saudáveis, a nossa atuação vai se tornar fundamental”, analisou Carmen.

Com os dados divulgados pelo IBGE, que indicam o sedentarismo com a principal causa de 50% das doenças que atingem a população brasileira, a reunião também teve o intuito de criar algumas propostas para que futuramente a Educação Física esteja integrada a todas as políticas públicas. “A presença dos nossos profissionais no SUS é quase inexistente, mas podemos reverter esta realidade. A Prefeitura de Porto Alegre recebeu R$ 1 milhão para a implementação das academias de saúde e o nosso trabalho preventivo certamente poderá gerar uma grande economia para os cofres públicos”, complementou a Presidente.

A 2ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde será realizada no final deste mês e os representantes do CREF2/RS também deverá0 apresentar propostas para a criação do cargo de profissional de Educação Física na Secretaria Municipal de Saúde e para a implementação de políticas públicas de prevenção mais abrangentes e eficazes. Mais informações aqui.


Eventos



Encontro Sul Brasileiro das Comissões de Fiscalização e Ética reúne CREFs da região sul em Porto Alegre
27/06/2017
Fonte: CREF2/RS

A capital gaúcha foi sede, na última sexta e sábado, dias 23 e 24 de junho, do II Encontro Sul Brasileiro das Comissões de Orientação e Fiscalização e Ética Profissional. O evento, que teve o intuito de discutir e de padronizar os procedimentos voltados à atuação de fiscalização, assim com ao trabalho relacionado à Comissão de Ética, contou com a presença de diversos representantes do CREF2/RS, CREF3/SC e CREF9/PR.

Depois de uma rápida saudação da presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), que destacou a honra que o CREF2/RS teve em organizar um evento deste porte, o Encontro iniciou, na sexta-feira, com a palestra do conselheiro federal Angelo Vargas (CREF 000007-G/RJ), sobre o valor financeiro da ética e como este assunto se relaciona com o dia a dia das Comissões. “Os agentes fiscais vão à rua não para fechar academias, mas para reduzir os riscos à sociedade. A Comissão de Fiscalização, por exemplo, tem uma grande viés pedagógico, pois não adianta um trabalho corretivo se não houver uma atuação preventiva e educadora”, comentou.

A fala do palestrante, que também salientou com a ausência de disciplinas sobre as questões jurídicas durante a graduação comprometem, de certa forma, a atuação dos profissionais de Educação Física no futuro, foi complementada por uma breve apresentação de Rony Tschoeke (CREF 004979-G/PR), do CREF9/PR. O conselheiro, que aprofundou o tópico da função pedagógica da Comissão de Ética Profissional, reforçou a ideia que o trabalho dos Conselhos é muito mais voltado para a educação do que para a punição. “A nossa atuação é para que o profissional entenda toda a amplitude e a responsabilidade da sua intervenção, não atrelada apenas às questões técnicas”.

Ao longo destes dois dias, as Comissões de Orientação e Fiscalização e de Ética Profissional também tiveram a oportunidade de se reunir separadamente e de debater tópicos bastante específicos às suas rotinas. Nestes encontros, os membros dos três CREFs da região sul puderam trocar experiências, apresentar seus números e buscar formas de aproximar o trabalho que é feito no Rio Grande do Sul, em Santa Catarina e no Paraná. A atuação em parceria com o Ministério Público, os Termos de Cooperação, as dificuldades dos agentes fiscais e a falta de esclarecimento entre entre a população quanto à exigência da Cédula de Identidade Profissional foram alguns dos tópicos discutidos.

No sábado, o Encontro teve uma palestra do procurador de Justiça do Rio Grande do Sul Paulo Valério Moraes. Ele apresentou, para todos os presentes, o Código de Direito do Consumidor e a sua conexão com as funções desempenhadas pelos Conselhos Profissionais. “O que se espera dos CREFs é que eles protejam a sociedade. Por isto, toda a população deveria buscar saber, quando procura uma academia, se aquele serviço está sendo prestado realmente por um profissional de Educação Física”, declarou. “A importância dos Conselhos está em assegurar o bem-estar e a qualidade de vida. Os profissionais de Educação Física já são reconhecidos como profissionais de saúde, o que só amplia a necessidade de combater a prática e aqueles produtos que são considerados nocivos”, completou.

Ao final das atividades, as Comissões elaboraram um documento oficial, que será levado posteriormente ao CONFEF, para que todo o esforço pela padronização dos procedimentos entre os CREFs da região sul também seja visto e discutido pelos demais Conselhos Regionais do país. “Há um caminho extremamente necessário, para todo o Sistema CONFEF/CREFs uniformize o seu trabalho. Este Encontro está dando um passo para que a gente alcance este objetivo”, declarou Irineu Furtado (CREF 003767-G/SC), presidente do CREF3/SC, numa das falas que encerrou o evento.


Fiscalização Ética Profissional



DEFOR não tem atendimento nesta sexta-feira
20/06/2017
Fonte: CREF2/RS

Em razão de uma atividade externa, o Departamento de Fiscalização e Orientação (DEFOR) do CREF2/RS não irá atender nesta sexta-feira, dia 23 de junho, na sede de Porto Alegre. O expediente retomará o horário normal, das 9h às 17h, já na próxima segunda-feira, dia 26 de junho. Mais informações pelo telefone (51) 3288-0200.


Fiscalização DEFOR



Pesquisador da FADERGS visita CREF2/RS e traz dados preocupantes sobre a obesidade e sedentarismo
23/05/2017
Fonte: CREF2/RS

O Coordenador de Pesquisa da Escola de Saúde e Bem-Estar do Centro Universitário da FADERGS, Roberto Costa, pós-doutorado em Ciências do Movimento Humano pela UFRGS, visitou o CREF2/RS, ontem, dia 22. Costa vem estudando há 20 anos a obesidade na infância e adolescência e as doenças crônicas a elas associadas. Segundo o professor, os dados indicam que a cada ano a condição da saúde juvenil se deteriora, por mais que se façam ações governamentais e sociais de combate à obesidade. “Talvez as estratégias não sejam as mais apropriadas”, avalia.

Segundo a presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), o Conselho apoia a ação de combate à obesidade infantil, problema que já se tornou uma pandemia. "Cerca de 33% das crianças e adolescentes estão com sobrepeso ou obesas. Ou seja, uma em cada três crianças tem esta doença. A obesidade implica em várias outras sequelas, sejam psicológicas, como exclusão da criança, ou agressões, via bullyng. Isto pode causar sérios traumas que deveriam ser evitados com atividade física e uma alimentação saudável".

Costa alerta para o bombardeio a que as crianças e a adolescentes sofrem pela publicidade, incentivando o consumo de alimentos ricos em gordura, açúcar e sal e com baixa qualidade nutricional. “De outro lado, enfrentamos o sedentarismo cada vez mais elevado. Crianças que antes brincavam ativamente na rua, hoje ficam inativas em frente a uma tela. A isto, soma-se alimentação inadequada, resultando em um caminho aberto para doenças”, constata.

Segundo Roberto, as classes sociais desfavorecidas sofrem mais com este tipo de alimentação. “Infelizmente, um pacote de biscoito recheado, com 1200 calorias, é mais barato do que uma fruta”, constata. O coordenador explica que o acesso a estes alimentos de má qualidade nutricional é facilitado pelo baixo custo. “Outro ponto é a questão da palatabilidade, não podemos negar que estes alimentos processados são gostosos para o paladar da criança e do adolescente”, explica.

De acordo com o coordenador, os adolescentes obesos apresentam índice elevado de síndrome metabólica. “Encontramos em Porto Alegre adolescentes obesos que tinham triglicérides alterados, colesterol elevado, obesidade abdominal, hipertensão arterial, ou seja, indivíduos com doenças de idosos, o que indica um risco elevado para a saúde, principalmente porque se apresenta uma tendência a se prolongar durante toda a vida”, argumenta. Costa conclui que estas pessoas chegam a sua vida adulta com sobrepeso e doenças crônicas, acabando por apresentar um risco maior de óbitos. “Atualmente vemos um aumento no número de indivíduos apresentando infarto aos 35 anos e AVC aos 45 anos”.

As ações para solucionar este problema têm que envolver toda a sociedade, aponta Costa. “Precisamos de uma mudança de atitude em relação a práticas alimentares e ao combate do sedentarismo, e para isto precisamos do apoio dos pais, da sociedade civil e da classe política em todos os âmbitos”. Costa vislumbra a escola como melhor ambiente para estas políticas serem efetuadas. “É o momento para utilizarmos este ambiente para a incentivarmos saúde. O ensino da matemática, da física e do português são muito importantes, mas é imperativo que eduquemos para a saúde”, arremata.

Para Costa, o professor de Educação Física que é o profissional de saúde dentro da escola, e ele tem que assumir este espaço. “É importante que tenhamos primeiro o conhecimento da condição dos alunos, precisamos saber aqueles que tem obesidade ou que estão em risco”. A partir desta etapa, afirma o professor, temos que propor as ações que envolvam a alimentação e a orientação aos pais sobre o que a criança traz para a escola. “Nos últimos cinco anos, o único país que conseguiu uma redução da obesidade na fase escolar foi nos EUA, com o programa alimentar implementado pela primeira-dama Michelle Obama. Infelizmente, com o novo presidente o programa foi revogado”, constata.

Costa explica que o deputado estadual Maurício Dziedrickir tem dois projetos de Lei envolvendo o tema. O primeiro introduz o cadastro de obesidade infanto juvenil, bem como torna obrigatório a realização da avaliação antropométrica para verificação do estado nutricional e triagem de risco para doenças crônicas não-transmissíveis nos alunos do ensino fundamental e médio nas escolas do Estado.

“E quem se não o profissional de Educação Física seria o mais indicado para realizar estas medidas”, afirma Costa. “Pois na sua graduação, o profissional de Educação Física tem disciplinas como biometria, medidas de avaliação ou avaliação física, que são matérias que cuidam desta medição antropométrica", analisa. O professor afirma ser possível fazer estes procedimentos em apenas uma aula. "Ele consegue fazer estas três medidas em todos os seus alunos. Em uma semana, ele terá conseguido medir todos os seus alunos. “Importante frisar que o PL vale para escolas públicas e particulares”, ressalta.

O segundo PL apresentado obriga todos os produtos alimentícios produzidos por indústrias do Estado a apresentar no rótulo a quantidade de sal e açúcar que contém em medidas em colheres de café. "Por exemplo, este suco tem seis colheres de chá de açúcar”.


Obesidade e Sedentarismo



CREF2/RS sorteia 21 cursos da Convenção Brasil 2017
16/05/2017
Fonte: CREF2/RS

O Conselho vai sortear, a partir do dia 30 de maio, 21 vagas para alguns dos cursos que serão oferecidos na Convenção Brasil deste ano, entre os dias 8 e 11 de junho, no Parque Esportivo da PUCRS (Avenida Ipiranga, 6690 – Prédio 81). As inscrições já estão abertas e podem participar todos os profissionais com registro ativo e em dia com suas obrigações estatutárias. Pessoas Jurídicas com Responsável Técnico ativo também estão aptas a concorrer. Clique aqui e confira o regulamento completo.

Para participar, é necessário apenas preencher o formulário disponível neste link e selecionar os cursos de interesse (pode ser mais de um – não há limite no número de inscrições). Os profissionais que forem contemplados com uma das vagas serão automaticamente excluídos dos próximos sorteios. Em www.convencaobrasil.com.br, é possível conferir os dias e os horários de cada atividade. Há em disputa uma vaga para cada curso.

As inscrições serão encerradas sempre às 12h do dia anterior ao sorteio de cada curso e os sorteios serão realizados a partir de terça-feira, dia 30 de maio, na sede do CREF2/RS. Confira as datas de sorteio e os respectivos cursos:

30 de maio:
Curso Fitness nº 01: “Personal Premium: Treinamento & Gestão”
Curso Fitness nº 06: “Treinamento de Boxe Feminino”
Curso Gestão nº 14: “Coordenador: Talento para Ser Líder”
Curso Wellness nº 18: “Funcional Dance”
Curso Wellness nº 21: “Exercício Físico na Empresa: um Negócio Rentável para Todos”
Curso Wellness nº 26: “Lesões no Fitness e no Esporte”
Curso Esporte nº 30: “Treinamento de Corrida: do Iniciante ao Campeão”

31 de maio:
Curso Fitness nº 02: “Boxe Funcional”
Curso Fintess nº 10: “A Base do Levantamento de Pesos para o CrossTraining e Treinamento Funcional”
Curso Gestão nº 15: “Como Evitar os 10 Erros Fatais na Gestão”
Curso Wellness nº 19: “Workshop de Liberação Miofascial”
Curso Wellness nº 22: “Mat Pilates Original”
Curso Esporte nº 27: “Brincadeiras e Jogos”
Curso Acqua nº 32: “Hidro Acqua Performance: Treinamento Aquático Aplicado no Desempenho Motor”

1º de junho:
Curso Fitness nº 4: “Kettlebell: do Fitness ao Treinamento Físico Funcional”
Curso Fitness nº 12: “Treinamento Feminino”
Curso Gestão nº 17: “Empreendedor Fitness Digital”
Curso Wellness nº 20: “A Avaliação Física Pode Melhorar seus Resultados”
Curso Wellness nº 24: “Ginástica Laboral: Oficinas Práticas, Planejamento e Inovação de Programa”
Curso Esporte nº 28: “Inovação no Futsal e Futebol”
Curso Nutrição nº 33: “Nutrição e Treinamento Esportivo: Estratégia para Alta Performance”


Convenção Brasil



CREF2/RS participará do Dia do Desafio proposto pelo SESC/RS
16/05/2017
Fonte: CREF2/RS/SENAC/RS

A presidente do CERF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), e o seu vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), participaram hoje (16), no Teatro SESC, em Porto Alegre, do lançamento regional do Dia do Desafio 2017. O evento de foi realizado simultaneamente em Caxias do Sul, Lajeado, Porto Alegre, Passo Fundo, Pelotas, Santa Maria e Santa Rosa. O Dia do Desafio (DDD) acontece sempre na última quarta-feira de maio (este ano, acontece no dia 31) e propõe que as pessoas interrompam suas atividades rotineiras e pratiquem, por pelo menos 15 minutos consecutivos, qualquer tipo de exercício físico.

Em Porto Alegre, a cerimônia reuniu autoridades como o vice-prefeito de Porto Alegre Gustavo Paim, o vereador João Bosco Vaz, o diretor de Eventos da Secretaria Municipal de Porto Alegre Claudio Franzen, parceiros e imprensa. Também estiveram presentes representantes das cidades de Viamão, Cachoeirinha, Gravataí, São Leopoldo, Novo Hamburgo, Canoas, Torres, Tramandaí, Taquara, Montenegro e municípios das respectivas áreas de abrangência.

Durante o evento, foi realizado um bate-papo com os medalhistas olímpicos Gustavo Endres (Vôlei) e Mayra Aguiar (Judô), e contou ainda com a apresentação do ganhador do The Voice Kids, Thomas Machado. Este ano, o DDD conta com o apoio do Governo do Estado e Prefeitura Municipal, além das parcerias com a Secretaria Estadual de Educação, o Centro Estadual de Treinamento Esportivo (CETE), a Prefeitura Municipal, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, da Coordenadoria Geral da Vigilância em Saúde e Federações Gaúchas de diversas modalidades.

Segundo a presidente do CREF2/RS, o Conselho sempre é parceiro do Dia do Desafio, pois é um movimento que o SESC faz em prol da saúde. “Com isto incentiva-se que as pessoas sejam mais saudáveis ao praticarem atividade física. A ideia para este ano é termos Ginástica Laboral no Conselho no Dia do Desafio. Além disto, pretendemos sempre apoiar o SESC na sua promoção de atividades de Educação Física e dos profissionais de Educação Física”.

Lauro afirmou que a data nada mais é do que reforçar a conscientização da população para a prática de Educação Física. “Ressaltando sua importância para evitar todas as doenças associadas ao sedentarismo e a depressão, que atualmente é considerado o mal do século. Penso que evento faz com que as pessoas repensem modo de viver e seu estilo de vida para que possamos ter uma vida mais saudável.

O Sistema Fecomércio-RS/ Sesc realiza o projeto nas cidades gaúchas em parceria com as prefeituras. No Rio Grande do Sul, o Dia do Desafio foi incluído no calendário oficial do Estado a partir da Lei 12.492 de 16 de maio de 2006, de autoria do então deputado estadual Giovani Cherini.

De acordo o diretor regional do SESC/RS Luiz Tadeu Piva, o DDD foi criado no Canadá, sendo difundido mundialmente pela The Association For International Sport for All (TAFISA), entidade de promoção do esporte para todos, sediada na Alemanha. “É uma campanha de incentivo à prática regular de atividades físicas em benefício da saúde”, afirma. “Não pretendemos ter 10 milhões de atletas no Rio Grande do Sul, mas sim 10 milhões de pessoas saudáveis”, resume Luiz. O Sesc/SP coordena o evento no Continente Americano desde 2000 e no Rio Grande do Sul a ação é capitaneada pelo Sistema Fecomércio-RS/Sesc em parceria com as Prefeituras. O convite à atividade física se estende a todos, envolvendo o poder público de cada cidade, as instituições da sociedade civil, empresas, voluntários locais e os próprios participantes.

Para participar do DDD, os municípios se inscrevem previamente e devem mobilizar a comunidade a realizar alguma atividade física entre 0h e 20h do dia 31 de maio. A ação acontece em forma de disputa entre duas cidades de mesmo porte populacional em todo o continente americano ou como autodesafio. O município que mobilizar mais pessoas em relação ao número oficial de habitantes vence. Mais informações podem ser obtidas no site www.sesc-rs.com.br/diadodesafio.


Dia do Desafio 2017



Câmara de Corrida de Rua analisa projeto municipal que regula o uso de espaços públicos
12/05/2017
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Corrida de Rua realizou sua reunião mensal no dia 11, na sede do CREF2/RS. Na ocasião, esteve presente o assessor do deputado federal João Derly, Marcelo Xavier, que trouxe informações sobre o projeto protocolado pelo vereador porto-alegrense professor Tóvi, que regulamenta o uso de espaços públicos. Marcelo disse que a Câmara Técnica poderia contribuir com emendas para o aperfeiçoamento da lei. Junto a isto, o assessor informou que foram encaminhados solicitações de mais pistas de corridas nos parques da cidade.

Com a informação da presidente da Câmara, Cláudia Ramos Lucchese (CREF 002358-G/RS), de que o vereador Mendes Ribeiro já havia protocolado projeto semelhante, o assessor explicou que será criada uma comissão para que os interessados possam se reunir e, através de votação, melhorar os projetos. Marcelo disse que como o projeto foi encaminhado há pouco tempo, este pode ser acrescido de emendas, sugerindo uma reunião ampliada onde o PL será reestruturado de acordo com os objetivos da Câmara Técnica de Corrida de Rua. Por fim, Cláudia solicitou que o projeto seja encaminhado para a Câmara Técnica e o projeto do vereador Mendes ribeiro seja enviado ao assessor do deputado João Derly. “Com isso, a equipe da Câmara Técnica estará ciente dos dois projetos e quais as melhorias e mudanças irão ocorrer”, concluiu.

Participaram da reunião, além dos já citados acima, Darlan Souza (CREF 015393-G/RS), Kátia Ferreira (CREF 014403-G/RS), Juliano Maciel ( CREF 016431-G/RS), Renato Rimoli Capparelli (CREF 002109-G/RS), Leonardo Ribas (CREF 003760-G/RS) e Eduardo Remião (CREF 001855-G/RS).


Câmara Técnica de Corrida de Rua



CREF SERRA encerra atividades em 1º de julho
03/05/2017
Fonte: CREF2/RS

O CREF SERRA, posto avançado de atendimento inaugurado em 2012 no município de Caxias do Sul, encerrará suas atividades no dia 1º de julho. O motivo da desativação da unidade decorre da baixa procura de profissionais e empresas e também da readequação de custos do Conselho. A região da Serra passará a ser atendida da mesma forma que o restante do Estado, na sede de Porto Alegre e através das visitas programadas no projeto Interiorizasul.


CREF Serra



Câmara da Saúde do Fórum-RS discute cursos EAD e propõe audiência pública
26/04/2017
Fonte: CREF2/RS

Na manhã de hoje, dia 26 de abril, a Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas no Rio Grande do Sul (Fórum-RS) esteve reunida, na sede do CREF2/RS, para discutir os cursos de graduação na modalidade Ensino à Distância (EAD). A presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e o vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) integram a Câmara e participaram do encontro.

Na reunião, entre outros tópicos, Aguiar destacou a necessidade de que seja elaborado um projeto de lei, em nível estadual, que proíba a formação na área da saúde totalmente à distância. A sugestão de fazer uma audiência pública sobre o assunto foi aceita por todos os integrantes da Câmara, que ainda salientaram que uma iniciativa neste sentido poderia chamar a atenção de toda a sociedade. “Os Conselhos Profissionais também podem entrar em contato com os deputados federais, para que possamos fazer desta audiência um grande movimento nacional”, comentou Carmen.

Além disto, ficou definido que esta audiência pública será realizada em junho e que serão convidados representantes do CONFEF e da Secretaria Estadual de Saúde para participar do debate, também aberto aos profissionais de Educação Física e aos acadêmicos do curso. Uma proposta de projeto de lei ainda foi apresentada e debatida pelos Conselhos que integram a Câmara da Saúde do Fórum-RS.


Fórum-RS Câmara da Saúde EAD



CREF2/RS e CREF Serra não abrem nesta sexta-feira
26/04/2017
Fonte: CREF2/RS

As sedes do CREF2/RS em Porto Alegre e Caxias do Sul estarão fechadas nesta sexta-feira, dia 28, devido à greve geral programada para a data. Para maior comodidade dos profissionais de Educação Física, os serviços prestados pelo CREF2/RS podem ser agendados com antecedência pela página do Conselho. Com horário previamente escolhido e informações detalhadas para cada procedimento, a ferramenta garante maior agilidade. Clique aqui e confira.


Horários



Interiorizasul atende em Frederico Westphalen e Ijuí na próxima semana
18/04/2017
Fonte: CREF2/RS

Com a proposta de estar mais próximo dos profissionais do interior do Estado, o CREF2/RS executa o projeto Interiorizasul, em que realiza visitas de atendimento em cidades fora de Porto Alegre. Na próxima semana, o Conselho estará em Frederico Westphalen, no dia 25 de abril, e em Ijuí, nos dias 26 e 27 de abril, oferecendo os serviços de atualização cadastral, entrega de Cédula, coleta de digital e parcelamentos de anuidades, entre outros mais. Nestes locais, o CREF2/RS também vai estar recebendo a documentação para efetuar novos registros.

O agendamento de cada um destes serviços pode ser feito até dois dias antes de cada visita, acessando este link. Além de ser uma forma de aproveitar melhor o tempo dos profissionais que procuram o Interiorizasul, esta pré-etapa otimiza o trabalho do Conselho e informa previamente os documentos que são imprescindíveis para os procedimentos. Diretamente nos locais, o atendimento não agendado será feito por ordem de chegada.

Interiorizasul Frederico Westphalen
Data: 25 de abril, terça-feira, das 9h às 12h e das 14h às 18h
Local: URI Campus Frederico Westphalen – Sala 200 do Prédio 7
Endereço: Avenida Assis Brasil, 709 – Bairro Itapagé

Interiorizasul Ijuí
Data: 26 de abril, quarta-feira, das 13h30 às 18h, e 27 de abril, quinta-feira, das 9h às 11h
Local: Sede Acadêmica Unijuí (Fidene) – Sala de Reuniões da Educação Física
Endereço: Rua São Francisco, 501 – Bairro São Geraldo


Interiorizasul



CREF2/RS participa de audiência pública sobre a Reforma Trabalhista na OAB/RS
30/03/2017
Fonte: CREF2/RS

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), participou ontem (29), na sede da OAB, do debate sobre as alterações propostas pelo projeto do governo federal na Reforma Trabalhista. Aberto ao público, o evento reuniu advogados, sociedade civil, centrais sindicais e federações patronais, que estudaram as proposições do Projeto de Lei n° 6787/2016, que altera a CLT de 1943, para se posicionar sobre o tema. As deliberações serão reunidas em um documento que será encaminhado ao Conselho Federal da OAB.


Reforma Trabalhista



Presidentes do CREF2/RS e do CONFEF viajam pelo Estado
29/03/2017
Fonte: CREF2/RS

Iniciou-se na quarta-feira, dia 22, um tour pelo estado realizado pela presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e pelo  presidente do CONFEF, Jorge Steinhilber (CREF 000002-G/RJ). O intuito foi conhecer as condições objetivas da Educação Física e suas experiências práticas. O trajeto começo na tarde do dia 22, quando ambos foram à Faculdade de Desenvolvimento do Rio Grande do Sul (FADERGS) palestrar para uma turma de bacharelado. Havia mais de 100 formandos, onde foram feitas peguntas pertinentes à profissão.

Na manhã do dia 23, a dupla rumou para Caxias do Sul, para encontrar-se com a secretária municipal de Esportes e Lazer e conselheira do CREF2/RS Márcia Rohr da Cruz (CREF 007542-G/RS), que apresentou os projetos de trabalho da sua gestão. "Nesta Secretaria 100% dos profissionais de Educação Física são registrados e estão em dia com suas obrigações estatutários com o CREF2/RS", atestou Márcia.

O prefeito Daniel Guerra abriu espaço na sua agenda para receber os dirigentes. “Guerra nos relatou que trabalhava como gestor na iniciativa privada e, utilizando esta cultura, montou seu secretariado por critérios exclusivamente técnicos, dando completa autonomia aos secretários”, explica, O prefeito afirmou que não recebe ninguém que queira falar de esportes exclusivamente com ele, indicando diretamente a secretária Márcia. "Isso nos deixa muito satisfeitos, pois é a valorização do profissional de Educação Física e de suas competências e vemos isso como um importante passo no combate ao sedentarismo. O prefeito Guerra comprou o nosso discurso”, exultou Carmen.

De volta a Porto Alegre, ambos fizeram uma visita ao conselheiro federal Professor Garcia (CREF 000002-G/RS), que sofreu um AVC ano passado e está se recuperando. “Vim prestar solidariedade de todo o Sistema CONFEF/CREFs, na certeza de que ele vai superar esta fase. O conselheiro, além de muito ativo e competente, tem uma bela história na construção da profissão de Educação Física no Brasil”, destacou Jorge. Após a visita, foram conhecer da academia INNEX, em Porto Alegre. O estabelecimento, 6 mil m² e equipamento de última geração.

Na sexta-feira, dia 24, Carmen Masson e Jorge Steinhilber participaram, em Santa Maria, do 26º Troféu Desportivo Cidade de Santa Maria e II Medalha Santa Maria/Qualisport, quando receberam a homenagem especial pelo trabalho do Sistema CREF/CONFEF. O evento é realizado há 26 anos pelo conselheiro do CREF2/RS Clery Quinhones de Lima (CREF 000297-G/RS). No sábado, foram à Ulbra Gravataí, onde ocorria o curso dos Professores sem Fronteiras da FIEP, organizado pelo profissional Everton Deiques (CREF 008538-G/RS).

Carmen afirmou estar satisfeita com o périplo por IES, academias e outros órgãos ligados ao esporte. “Foi muito interessante ver nosso progresso junto aos profissionais de Educação Física, o nível de aceitação ampliado, com a compreensão de que a legislação existe para ser cumprida. Não somos mais questionados quanto ao registro profissional, muito ao contrário, encontramos bastante carinho das pessoas, orgulhosos de fazer parte do Sistema CONFEF/CREFs", argumentou.

O presidente do CONFEF agradeceu a oportunidade do convivo nesses quatro dias, a hospitalidade e a atenção de todos os profissionais de Educação Física. “Fiquei feliz em observar o dinamismo e o comprometimento com o desenvolvimento do CREF2/RS em todas as esferas. Forram dias produtivos e surpreendentes tanto na primeira palestra como em Caxias do Sul, passando pela visita ao Garcia e culminando em Gravataí. São essas oportunidades que nos possibilitam conhecer melhor as pessoas e as vivências que passaram, os desafios que superaram e as experiências acumuladas”, afirmou.


Sistema CONFEF CREFs



CREF2/RS Porto Alegre e Caxias do Sul terão expediente diferenciado no dia 28
24/03/2017
Fonte: CREF2/RS

Atenção profissional: não haverá atendimento externo pela manhã na próxima terça, dia 28/03, na sede do CREF2/RS de Porto Alegre e durante todo o dia na sede de Caxias do Sul, devido a capacitação interna. O atendimento retornará normalmente a partir das 12h em Porto Alegre.

Para maior comodidade dos profissionais de Educação Física, os serviços prestados pelo CREF2/RS podem ser agendados com antecedência pela página do Conselho. Com horário previamente escolhido e informações detalhadas para cada procedimento, a ferramenta garante maior agilidade. Clique aqui e confira.


Horário de atendimento



Reunião da Câmara da Saúde do Fórum/RS discute EAD
16/03/2017
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), esteve presente nesta terça-feira, dia 14, da reunião da Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS), realizada na sede da OAB. Entre as putas discutidas, o risco de extinção dos cargos SUSEPE, o termo de cooperação técnica dos Conselhos Profissionais com Ministério Público do RS, Observatórios Sociais e o Movimento dos Conselhos Profissionais da área da saúde contra os cursos de graduação predominantemente na modalidade EAD, entre outros.

Segundo Lauro, o MEC já autorizou 274,1 mil vagas de ensino a distância, em 11 das 14 profissões da saúde. “A Educação Física tem uma oferta de 68 mil vagas”, alerta o vice-presidente. Para seu funcionamento, os cursos EAD deveriam obedecer uma série requisitos, mas que na prática não são cumpridos, tais como: não observância às diretrizes curriculares, bem como a carga horária e sua integralização; deficiência nas avaliações; falta de capacitação dos docentes; inexistência de estágios obrigatórios e atividades laboratoriais, dentre outros. Aliados a esses elementos que não condicionam a uma formação de qualidade, há uma proposta de mudança por parte do MEC, que altera o Decreto nº 5.622/2005, comprometendo ainda mais a qualidade da formação.

“O EAD deixa de exigir o credenciamento prévio para oferta presencial; credenciamento único para oferta de graduação e de pós-graduação lato sensu; credenciamento lato sensu EAD fica restrito às escolas de governo”, explica Lauro. Já os polos de apoio presencial passam a ser criados pelas instituições de ensino, que deverão informá-los ao MEC, no prazo de 60 dias, a partir da expedição do ato interno de criação, respeitando o quantitativo anual .

Os tutores que exercem atividades compatíveis com a docência deverão ser contratados como docentes (tutores a distância) e fica prevista a possibilidade de oferta de curso EAD totalmente virtual, mas, inicialmente, somente em caráter experimental e condicionado à autorização pelo MEC, mesmo para instituições com autonomia (Art. 10). A IES somente poderá pedir curso 100% virtual após o reconhecimento do primeiro curso EAD. O que, para o vice-presidente do CREF2/RS, é um erro pedagógico, já que no ensino da Educação Física faz-se indispensáveis aulas presenciais. “É necessário um amplo debate sobre o tema do EAD, pois corremos o risco de precarizar ainda mais nosso ensino”, alerta Lauro.


FÓRUM RS - Câmara da Saúde



Reunião da Câmara da Saúde do Fórum/RS discute EAD
16/03/2017
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), esteve presente nesta terça-feira, dia 14, da reunião da Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS), realizada na sede da OAB. Entre as pautas discutidas, o risco de extinção dos cargos SUSEPE, o termo de cooperação técnica dos Conselhos Profissionais com Ministério Público do RS, Observatórios Sociais e o Movimento dos Conselhos Profissionais da área da saúde contra os cursos de graduação predominantemente na modalidade EAD, entre outros.

Segundo Lauro, o MEC já autorizou 274,1 mil vagas de ensino a distância, em 11 das 14 profissões da saúde. “A Educação Física tem uma oferta de 68 mil vagas”, alerta o vice-presidente. Para seu funcionamento, os cursos EAD deveriam obedecer uma série requisitos, mas que na prática não são cumpridos, tais como: não observância às diretrizes curriculares, bem como a carga horária e sua integralização; deficiência nas avaliações; falta de capacitação dos docentes; inexistência de estágios obrigatórios e atividades laboratoriais, dentre outros. Aliados a esses elementos que não condicionam a uma formação de qualidade, há uma proposta de mudança por parte do MEC, que altera o Decreto nº 5.622/2005, comprometendo ainda mais a qualidade da formação.

“O EAD deixa de exigir o credenciamento prévio para oferta presencial; credenciamento único para oferta de graduação e de pós-graduação lato sensu; credenciamento lato sensu EAD fica restrito às escolas de governo”, explica Lauro. Já os polos de apoio presencial passam a ser criados pelas instituições de ensino, que deverão informá-los ao MEC, no prazo de 60 dias, a partir da expedição do ato interno de criação, respeitando o quantitativo anual .

Os tutores que exercem atividades compatíveis com a docência deverão ser contratados como docentes (tutores a distância) e fica prevista a possibilidade de oferta de curso EAD totalmente virtual, mas, inicialmente, somente em caráter experimental e condicionado à autorização pelo MEC, mesmo para instituições com autonomia (Art. 10). A IES somente poderá pedir curso 100% virtual após o reconhecimento do primeiro curso EAD. O que, para o vice-presidente do CREF2/RS, é um erro pedagógico, já que no ensino da Educação Física faz-se indispensáveis aulas presenciais. “É necessário um amplo debate sobre o tema do EAD, pois corremos o risco de precarizar ainda mais nosso ensino”, alerta Lauro.


FÓRUM RS - Câmara da Saúde



CREF2/RS fecha no Carnaval e volta a funcionar na Quarta-feira de Cinzas
22/02/2017
Fonte: CREF2/RS

Nas próximas segunda (27) e terça-feira (28), ambas as sedes do CREF2/RS não terão expediente, em razão do feriado de Carnaval. O atendimento externo do Departamento de Registro voltará a ser realizado na quarta-feira (01/03), a partir das 13h. Os demais departamentos iniciam suas atividades às 9h do mesmo dia. Para agendar o seu atendimento, clique aqui.


Horário de atendimento



Departamento de Registro tem horário de atendimento diferenciado nos primeiros 15 dias de março
21/02/2017
Fonte: CREF2/RS

O Departamento de Registro terá horário de atendimento diferenciado na sede de Porto Alegre nas quartas-feiras e sextas-feiras, de 1º a 15 de março, havendo atendimento externo somente a partir das 13h. A sede de Caxias do Sul permanece com atendimento normal.

Para maior comodidade dos profissionais de Educação Física, os serviços prestados pelo CREF2/RS podem ser agendados com antecedência pela página do Conselho. Com horário previamente escolhido e informações detalhadas para cada procedimento, a ferramenta garante maior agilidade. Clique aqui e confira.

.


Horário de atendimento



Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa faz sua primeira reunião do ano
14/02/2017
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS realizou sua primeira reunião do ano na sede do Conselho na manhã desta terça-feira (14). Entre os temas tratados, está a assinatura do Termo de Adesão do CEF2/RS com o TRT4, que se realizará na sede do Tribunal às 14h do dia 9 de março.

A Câmara também fará contato com o SESI/RS para agendar reunião com o foco em Atividade Física no Trabalho, no intuito de atender ações de prevenção da saúde do trabalhador. Ficou estabelecido que as reuniões da Câmara serão realizadas nas quartas-feiras da terceira semana de cada mês. A próxima reunião ocorrerá no dia 15 de março e é aberta ao profissionais de Educação Física registrados no CREF2/RS. Para participar, ele deve enviar uma solicitação prévia para o e-mail contato@crefrs.org.br.


Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa



CREF2/RS visita FAMURS para apoiar projetos de atividade física das prefeituras
10/02/2017
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) reuniu-se ontem, dia 9, na Federação das Associações dos Municípios do RS (FAMURS), com Paulo Azeredo Filho, assessor técnico da área da Saúde da entidade. O objetivo do encontro foi oferecer o apoio do Conselho aos municípios que queiram desenvolver ações voltadas para o esporte. Azeredo Filho propôs a formalização do apoio por meio de um termo técnico de cooperação, que desenhe legalmente a cooperação.

A coordenadora do Departamento de Fiscalização e Orientação (DEFOR) do CREF2/RS, Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), compareceu à reunião e defendeu a aproximação com as prefeituras “Vamos trabalhar a orientação da legislação e a defesa do profissional de Educação Física registrado como único profissional qualificado para orientar a atividade física. Também conscientizaremos as prefeituras de que a atividade física é fundamental na prevenção de inúmeras doenças, como aquelas associadas ao sedentarismo e à epidemia de obesidade existente no Estado”, afirmou. “E isto reflete em economia nos gastos públicos na saúde”, completou. Também esteve presente na reunião a assessora de Comunicação do CREF2/RS Elenice Sacchi de Freitas.

A Famurs é a Casa dos Municípios. Composta por 27 Associações Regionais, a entidade representa todas as 497 cidades gaúchas – reunindo prefeitos, vice-prefeitos, secretários, técnicos e órgãos da gestão pública municipal. O assessoramento e a qualificação dos gestores também fazem parte do trabalho da entidade, e problemas e soluções do cotidiano da administração pública são discutidos na Federação.


FAMURS



CREF2/RS não abre amanhã em Porto Alegre
01/02/2017
Fonte: CREF2/RS

Em razão do feriado do Dia de Nossa Senhora dos Navegantes, a sede de Porto Alegre do CREF2/RS não terá atendimento amanhã, dia 2 de fevereiro. Na sexta-feira, dia 3 de fevereiro, o funcionamento voltará ao normal, das 12h às 17h.


Atendimento Funcionamento



Comissão de Orientação e Fiscalização retoma as ações em 2017
16/01/2017
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Orientação e Fiscalização recomeçou seus trabalhos na última sexta-feira, dia 13 de janeiro, com a realização da primeira reunião de 2017 na sede do CREF2/RS. Segundo Alessandro de Azambuja Gamboa (CREF 001534-G/RS), Presidente da Comissão, existe um grande número de processos a serem analisados neste ano. “Iniciamos nossa tarefa com uma forte demanda de processos, tanto de empresas com infrações graves como de pessoas leigas atuando na área de educação física, mas todos estão contemplados nas diretrizes e planejamentos relacionados aos trabalhos”, esclarece Gamboa.

Outro tema tratado na reunião foi a preparação do evento “II Encontro Sul Brasileiro das Comissões de Fiscalização e Ética”, que deverá ocorrer em junho. O I Encontro aconteceu em Florianópolis em julho do ano passado.

Estiveram presentes à reunião da Comissão os profissionais Luciane Volpato Citadin (CREF 000100-G/RS), Alessandro de Azambuja Gamboa (CREF 001534-G/RS), Samuel Moreira de Almeida (CREF 013510-G/RS) e Luiz Bernardo Waengertner (CREF 007697-G/RS) e a Assessora Fernanda Silva Rodrigues (CREF 009604-G/RS).


Comissão de Orientação e Fiscalização



Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional realiza sua primeira reunião em 2017
03/01/2017
Fonte: CREF2/RS

Os membros da Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional do CREF2/RS realizaram nesta terça-feira, 3 de janeiro, na sede do Conselho, a primeira reunião de 2017. O principal assunto da pauta foi os preparativos para o Fórum dos Coordenadores 2017, que deverá ocorrer entre os dias 5 e 6 de maio na Faculdade de Desenvolvimento do Rio Grande do Sul (FADERGS), em Porto Alegre.

Estiveram presentes à reunião o presidente da Comissão Eduardo Merino (CREF 004493-G/RS) e os conselheiros Débora Rios Garcia (CREF 002202-G/RS) e Carlos Ernani Olendzki de Macedo (CREF2/RS 001262). A próxima reunião será no dia 3 de março, às 14h, na sede do CREF2/RS.

As Comissões são órgãos de consultoria da Presidência, da Diretoria e do Plenário do CREF2/RS, às quais compete analisar, instruir e emitir pareceres nos assuntos e processos que lhe forem enviados pelo Presidente do CREF2/RS, retornando-os devidamente avaliados para decisão superior.


Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional



CREF2/RS recebe apoio da Câmara Municipal de Alegrete contra MP 746
06/12/2016
Fonte: CREF2/RS

Na tarde desta terça-feira, dia 6 de dezembro, o presidente da Câmara Municipal de Alegrete Roger Severo (CREF 011057-G/RS) compareceu à sede do CREF2/RS para oficializar o apoio dos vereadores do município ao CREF2/RS na luta contra a Medida Provisória 746, que propõe a exclusão da disciplina de Educação Física da grade curricular do Ensino Médio. O documento, assinado pelos 15 membros do Plenário da cidade, foi entregue ao vice-presidente do Conselho Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS).

No encontro, Severo destacou a importância do profissional de Educação Física e da disciplina para o pleno desenvolvimento de crianças e de adolescentes. “Entendemos que será um retrocesso esta alteração proposta pela MP 746. Os profissionais de Educação Física têm um papel fundamental em nossa sociedade, seja na melhora da habilidade motora das crianças, no estímulo da capacidade cognitiva ou na promoção da qualidade de vida destas pessoas”, salientou.

Andamento da MP 746

O senador Pedro Chaves, relator da MP 746 na comissão mista encarregada de analisar a medida, emitiu um parecer, no dia 29 de novembro, solicitando que a Educação Física permaneça como disciplina obrigatória do Ensino Médio. O texto, que tramita a partir de agora como um Projeto de Lei de Conversão (PLC), seguirá para análise da Câmara e do Senado Federal. Mais informações aqui.


MP 746 Educação Física escolar



CREF2/RS comemora Dia Estadual da Ginástica Laboral com evento na Assembleia Legislativa
23/11/2016
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS, por meio da sua Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa, com o apoio do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região, realizou ontem, dia 22, no Plenarinho da Assembleia Legislativa do estado, o evento “Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro”. O objetivo foi divulgar e consolidar a atuação do profissional de Educação Física como protagonista nas atividades de prevenção da saúde do trabalhador. A data foi escolhida pois, em 22 de novembro de 1978, foi formalizado o primeiro contrato de Ginástica Laboral no Brasil, firmado pelo SESI/RS e a faculdade de Educação Física da FEEVALE, sendo posteriormente transformada em Dia Estadual da Ginástica Laboral pela Lei 14.418, de autoria do Deputado Estadual Adilson Troca.

O evento foi marcado pelo lançamento do livro “Ginástica Laboral: Prerrogativa do profissional de Educação Física”, escrito por especialistas ligados ao Sistema CONFEF/CREFs, e também pela entrega do Prêmio de Reconhecimento à Prestação de Serviço de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa à SER – SAÚDE, EDUCAÇÃO E REABILITAÇÃO, empresa que atua desde 1990 no mercado. A premiação foi recebida pelo sócio da SER, Marco Aurélio Scharcow (CREF 002463-G/RS). Ao final do evento, foi realizada a palestra “A atuação do profissional de Educação Física na promoção da saúde do trabalhador”, ministrada Rony Tschoeke (CREF 004979-G/PR), conselheiro do CREF9/PR e autor de diversos livros sobre o tema.

Segundo o vice-presidente do CREF2/RS e presidente da Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), o livro Ginástica Laboral: Prerrogativa do profissional de Educação Física” foi escrito por cinco conselhos e coordenado pelo presidente do CREF9/PR Eduardo Branco (CREF 000009-G/PR) e membros e profissionais da Câmara Técnica do SESI. “E também é resultado de muitas parcerias que fizemos, como o Procom, MP, Polícia Civil e agora, fechando com chave de ouro, com o Tribunal Regional de Trabalho da 4ª Região, onde tive a felicidade de conhecer desembargador Raul Sanvicente, e ele falou uma coisa certa: a Ginástica Laboral é apenas uma ferramenta para entrarmos na empresa, existem outros programas de atividade física que podem ser utilizados”. Para tanto, completou Lauro, “este livro que estamos lançando vai mostrar os parâmetros para implantar um programa de Ginástica Laboral”.

Adriano Soares da Silva, analista da Gerência de Produção do SESI, explicou que existe um trabalho árduo para que os ambientes de trabalho sejam saudáveis. “E a Ginástica Laboral é um dos serviços que nós oferecemos. Hoje não vemos o profissional de Educação Física apenas para alongar e reforçar a musculatura. Nós cremos que ele é o promotor de saúde dentro do ambiente de trabalho, pois é a pessoa com conhecimentos para educar ou reeducar o trabalhador na atividade física”, avaliou. Silva disse que SESI trabalha de forma articulada, com o profissional de Educação Física atuando junto a fisioterapeutas, nutricionistas e assistentes sociais, sempre pensando na melhor estratégia apara atender as empresas.

O desembargador do TRT4, Raul Sanvicente, gestor do programa Trabalho Seguro, instituído pelo Tribunal Superior do Trabalho, afirma que o programa representa uma face diferente do que é o dia a dia do Judiciário Trabalhista, onde o juiz aguarda as demandas e julga, devolvendo para a sociedade uma sentença. “Este programa seria como se o juiz saísse do gabinete e fosse conviver com a sociedade pró-ativamente para o desenvolvimento de uma cultura de prevenção”, avalia. O desembargador afirmou que o Tribunal humildemente se junta e reconhece todas estas iniciativas em prol de hábitos saudáveis, “pois sabemos que há muitos anos profissionais de Educação Física se dedicam ao assunto”.

Esse programa, continua Sanvicente, “funciona através de parcerias com várias instituições, e é muito enriquecedor estender esta parceria ao CREF2/RS”. O desembargador explicou que busca nesta interação com a sociedade a efetividade do programa, pois o Tribunal sempre ressalta que não adianta apenas formalidade. "Penso que com a parceria com o CREf2/RS, que deve se dar em março, após os trâmites burocráticos, vamos conhecer melhor a Ginástica Laboral, podendo levar esclarecimentos aos juízes e aos servidores em relação a esta atividade.

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), ressaltou a trajetória de lutas que o Conselho vem desenvolvendo ao longo do tempo, mobilizando inclusive o CONFEF para expandir a ideia. "Com isto, organizamos este livro, que pode parecer, em uma passada rápida, algo simbólico, mas tem um peso muito significativo, pois nos abre espaço de representatividade da Ginástica Laboral em nível federal". Carmen explicou que a Ginástica Laboral é encargo do profissional de Educação Física e tem como objetivo a prevenção de doenças, sendo a forma mais efetiva e barata de investimento na saúde. "Pesquisas mostram que toda pessoa sedentária tem 100% de chances de ter problemas cardíacos. Se ela fizer atividade física regularmente baixa esta probabilidade para 66%. Está na hora de investirmos na atividade física e desafogarmos os hospitais brasileiros”.

A Atuação do Profissional de Educação Física na promoção da saúde do trabalhador

O Conselheiro do CREF9/PR Rony Tschoeke (CREF 004979-G/PR) afirmou em sua palestra que, depois da folha de pagamento, o segundo maior custo das empresas atualmente são com planos de saúde."Ou seja, a sinistralidade é cada vez maior, com as pessoas recorrendo em massa aos planos de saúde, fazendo exames mais complexos e com isto tem onerado tanto as operadoras quantos as empresas que têm que pagar por estes custos".

Rony afirmou que uma pergunta intrigante e recorrente nas pesquisas sobre saúde é "por que você não faz atividade física regularmente?". A resposta invariavelmente é falta de tempo. "O que seria compreensível, se as pessoas não afirmassem nestas mesmas pesquisas que assistem TV em média de 12 a 14 horas por semana", explica Rony, alertando que são recomendados 150 minutos de atividade física por semana.

"Será que a culpa é do progresso?", questiona Rony. "Se formos pensar nas três revoluções industriais, podemos constatar houve mudanças significativas na vida das pessoas. Hoje vivemos a quarta Revolução Industrial, que traz a realidade virtual. Isto trará efeitos para nossas vidas, tanto é que o Fórum de Davos já incluiu qualidade de vida em seus debates".

O conselheiro afirma que a Ginástica Laboral tem um papel muito importante no atual momento histórico, e que o desafio é aprender a ensinar os trabalhadores a serem fisicamente mais ativos. "Temos que unir esforços distintos em uma estratégia integrada de promoção de saúde", ressalta, lembrando que já em 2005, a Conferência Internacional sobre Promoção da Saúde, realizada em Bangkok, afirmava que o setor privado tem a responsabilidade de assegurar a saúde dos seus empregados, suas famílias e comunidades.

Rony ponderou que os profissionais de Educação Física tem que ser um pouco mais sedutores no marketing social. "Transformando a atividade física não em obrigação, mas sim em um desejo. Para isto, é necessário utilizar cinco pilares: engajamento dos líderes, criar pertencimento, ética e buscar as ações que têm trazido melhores resultados e sustentabilidade", definiu.


Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa



Comissão de Orientação e Fiscalização reúne-se para ressaltar o caráter orientativo das fiscalizações
04/11/2016
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Orientação e Fiscalização realizou ontem, dia 3 de novembro, sua reunião mensal na sede do CREF2/RS. Segundo seu integrante, Samuel de Almeida (CREF 013510-G/RS) durante o encontro estudou-se meios de ressaltar a função orientativa da Comissão. "Para que nosso trabalho não seja visto apenas como fiscalizatório, temos que esclarecer que quando realizamos uma visita, estamos também estamos prestando esclarecimentos para o bom funcionamento da academia", esclarece Samuel.

Durante a reunião, foram homologados pareceres, diretrizes e planejamentos relacionados às fiscalizações. Segundo a coordenadora de Departamento de Fiscalização e Orientação do CREF2/RS, Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), as instruções deverão orientar os fiscais em suas próximas visitas. Ainda durante a reunião foram homologados pareceres de processos de fiscalização, encaminhamento de denúncia crimes, julgamento de empresas que não cumpriram a assinatura do termo de compromisso.

Estiveram presentes à reunião, além dos profissionais já citados, Luciane Citadin (CREF 000100-G/RS), Alessandro Gamboa (CREF 001534-G/RS), Sonia Waengertner (CREF 007781-G/RS) e Luiz Bernardo Waengertner (CREF 007697-G/RS).


Fiscalização



CREF2/RS e deputado João Derly se unem contra a MP 746
28/10/2016
Fonte: CREF2/RS

A presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e o vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) estiveram reunidos, na tarde de hoje, dia 28 de outubro, com o deputado federal João Derly. O objetivo do encontro foi buscar apoio para a mobilização dos profissionais de Educação Física e das instituições de ensino para participarem da audiência pública a favor da obrigatoriedade da Educação Física no currículo escolar do Ensino Médio, que será realizada no dia 11 de novembro, na Câmara Municipal de Porto Alegre.

A sessão, proposta pela Frente Parlamentar Mista do Esporte, foi idealizada por Derly, coordenador do grupo. O Deputado, que concorda com a necessidade de uma reforma no Ensino, destacou que as disciplinas, como a Educação Física, na verdade precisam ser aperfeiçoadas, não excluídas do currículo, como propõe a MP 746. “A Câmara Legislativa deveria discutir o que pode ser feito para melhorar a educação. A Educação Física é um componente obrigatório e essencial, que precisa urgentemente da definição de um currículo mínimo e de uma estratégia pedagógica clara”, declarou.

No encontro, Carmen firmou o compromisso do CREF2/RS em lutar contra a aprovação da MP 746 e também salientou que o investimento na Educação Física, sobretudo no ambiente escolar, pode representar uma economia para o Poder Público, em longo prazo. “Diversos estudos têm mostrado que o exercício físico é uma forma valiosa de se prevenir diversas doenças”, comentou. “A criança que não é sedentária, que é atendida de maneira correta pela Educação Física escolar, não tem o seu desenvolvimento motor e cognitivo prejudicados e se torna um adulto ativo e meno propenso a diversas doenças, desonerando assim o Sistema Único de Saúde”.

Depois desta audiência pública em Porto Alegre, o objetivo é levar a discussão também para Brasília. Como adiantou Derly, a ideia é reunir o maior número de pessoas possíveis, entre profissionais de Educação Física e representantes do esporte, em um ato contra a MP 746. A data prevista para a votação da Medida Provisória é os dias 22 e 23 de novembro.

Audiência Pública pela obrigatoriedade da Educação Física
Data: sexta-feira, dia 11 de novembro, às 9h30min
Local: Câmara Municipal de Porto Alegre – Plenário Ana Terra
Endereço: Avenida Loureiro da Silva, 255 – Centro Histórico
Entrada gratuita


MP 746 Audiência Pública



CREF2/RS apoia abertura da CPI da Segurança Pública
27/10/2016
Fonte: CREF2/RS

Na manhã de hoje, dia 27 de outubro, a presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) compareceu à sede da OAB/RS para, junto a outros representantes de Conselhos Profissionais e de entidades de classe, assinar o requerimento para a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), relacionada à Segurança Pública. O objetivo da criação deste grupo é investigar o destino dos recursos orçamentários da área e analisar eventuais ações indevidas ou omissas cometidas pelas autoridades competentes.

De acordo com a Presidente, o Estado vive hoje uma grande crise de segurança pública, sendo a sociedade a sua maior vítima. Na cerimônia da assinatura, o presidente da OAB/RS Ricardo Breier também destacou que a CPI terá a tarefa de propor a formatação de um Sistema Único de Segurança Pública. “Após vários registros de homicídios no Estado, o atual Governo não apresentou nenhum projeto de políticas pública sobre o tema. Ampliar o efetivo de policiais, criar bases de policiamento comunitário e zerar o deficit de vagas no sistema prisional foram algumas promessas de campanha que ainda não foram cumpridas. Por isto, vamos criar uma CPI para investigar a omissão do governo do Estado”, apontou.

Conselho lamenta morte de profissional de Educação Física em Porto Alegre

Uma das mais recentes vítimas da crise da segurança pública no Estado foi o profissional de Educação Física Marcelo de Oliveira Dias (CREF 000648-G/RS), assassinado na última quinta-feira, dia 20 de outubro, no estacionamento de um supermercado em Porto Alegre. De acordo com a 6ª Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHHP), que investiga o caso, Dias foi morto por criminosos após ser confundido com um traficante.

Por entender que atualmente o poder público é ineficiente em assegurar a vida e a segurança de seus cidadãos, o CREF2/RS lamenta o falecimento de Dias e se compromete, ao assinar o requerimento para a abertura da CPI da Segurança Pública, a contribuir para que a cidadania e o bem-estar da população sejam restituídos em todo o Estado. “Temos que pensar numa base sólida para a Segurança Pública, com a criação de políticas públicas eficientes, para que o atual e os futuros governadores respeitem os seus princípios e entendam que esta é uma área coletiva”, declarou a Presidente.


Segurança Pública



CREF2/RS visita Ijuí e Santiago nesta semana
24/10/2016
Fonte: CREF2/RS

Para se aproximar dos profissionais do interior, o CREF2/RS realiza executa o projeto Interiorizasul, em que realiza visitas de atendimento em cidades fora de Porto Alegre. Nesta semana, a equipe do Conselho estará em Ijuí, na quarta-feira, dia 26 de outubro, e em Santiago, na quinta-feira dia 27 de outubro.

Os profissionais da região noroeste do Estado terão à disposição os serviços de atualização cadastral, entrega de Cédula, coleta de digital e parcelamento de anuidades, entre outros mais. O Interiorizasul também estará nestes municípios para conceder informações gerais sobre o trabalho realizado pelo CREF2/RS e efetuar novos registros. O atendimento não agendado será feito por ordem de chegada.

Interiorizasul Ijuí
Data: 26 de outubro, quarta-feira, das 9h às 12h e das 14h às 18h
Local: UNIJUÍ – Sede Acadêmica
Endereço: Rua São Francisco, 501 – 5º piso – Bairro São Geraldo

Interiorizasul Santiago
Data: 27 de outubro, quinta-feira, das 14h às 18h
Local: Secretaria Municipal de Esporte e Cultura de Santiago
Endereço: Rua Neri Gomes Peixoto, 1392 – Bairro Centro


Interiorizasul



Interiorizasul atende em Ijuí e Santiago no final deste mês
10/10/2016
Fonte: CREF2/RS

Com o intuito de se aproximar dos profissionais do interior, o CREF2/RS realiza, todos os meses, visitas de atendimento em cidades fora de Porto Alegre. A próxima ação deste projeto, chamado Interiorizasul, será feita no final deste mês, em Ijuí e Santiago, nos dias 26 e 27 de outubro, respectivamente. Nestes locais, os funcionários do Conselho oferecerão aos profissionais de Educação Física da região noroeste do Estado os serviços de atualização cadastral, entrega de Cédula, coleta de digital e parcelamento, além de conceder informações sobre o trabalho realizado pelo CREF2/RS e efetuar novos registros.

O agendamento de cada um destes serviços já pode ser feito por aqui. Além de uma forma de aproveitar melhor o tempo dos profissionais que procuram o Interiorizasul, esta pré-etapa otimiza o trabalho do Conselho e informa previamente os documentos necessários para cada um dos procedimentos, muito diferentes entre si. No local, o atendimento não agendado é feito por ordem de chegada.

Interiorizasul Ijuí
Data: 26 de outubro, quarta-feira, das 9h às 12h e das 14h às 18h
Local: UNIJUÍ – Sede Acadêmica
Endereço: Rua São Francisco, 501 – 5º piso – Bairro São Geraldo

Interiorizasul Santiago
Data: 27 de outubro, quinta-feira, das 14h às 18h
Local: Secretaria Municipal de Esporte e Cultura de Santiago
Endereço: Rua Neri Gomes Peixoto, 1392 – Bairro Centro


Interiorizasul



CONFEF se posiciona contra Medida Provisória de reforma do Ensino Médio
23/09/2016
Fonte: CONFEF

O Conselho Federal de Educação Física publicou uma nota ontem, dia 23 de setembro, se posicionando radicalmente contra a Medida Provisória apresentada pelo Governo Federal, que altera os parágrafos 1º, 2º, 3º e 7º do artigo 26 da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB). Com a mudança, a disciplina de Educação Física, que antes era prevista em todas as etapas da Educação Básica (Infantil, Fundamental e Médio) passa a ser obrigatória apenas nos Ensinos Infantil e Fundamental.

O CONFEF considera um contrassenso que, no momento em que inúmeras pesquisas apontam o crescimento da obesidade e do sedentarismo infantojuvenil, e sabendo que a atividade física é a medida mais eficaz para evitar esse mal, o Governo proponha a retirada da Educação Física do Ensino Médio. Sobretudo por se tratar do país que acabou de atravessar a década de megaeventos esportivos, sediando recentemente os Jogos Olímpicos e Paralímpicos, em que ficou clara a importância da atividade física na manutenção da saúde e da formação cidadã.

A MP ainda terá de ser aprovada em até 120 dias pela Câmara e pelo Senado, caso contrário, perderá o efeito. Desta forma, o Conselho Federal de Educação Física se compromete a fazer todo o esforço possível junto ao Congresso Nacional a fim de rejeitar a medida. Conta ainda com o apoio dos profissionais de Educação Física e da sociedade em geral para trabalhar junto aos deputados e senadores para a reprovação da proposta.

Atualização: Embora em seu texto final a Medida Provisória indique que o ensino de artes, Educação Física, filosofia e sociologia deverá continuar em vigor até o segundo ano letivo posterior à aprovação da nova Base Nacional Comum Curricular (BNCC), o MEC manteve o trecho que retira da LDB a garantia explícita de que essas disciplinas já consolidadas deveriam ser aplicadas no Ensino Médio.

Sendo assim, o Conselho Federal de Educação Física permanece comprometido a fazer todo o esforço possível junto ao Congresso Nacional a fim de rejeitar a medida. Ademais, já temos conhecimento de pelo menos cinco parlamentares que se comprometeram a propor emendas à MP. Continuamos contando com o apoio dos profissionais de Educação Física e da sociedade em geral para trabalhar junto aos Deputados e Senadores dos seus respectivos estados a reprovação da MP.

No portal do Senado Federal, há uma consulta pública para receber a opinião da sociedade. Dê o seu voto aqui. Há também um abaixo-assinado contra a MP que já conta com mais de 100 mil assinaturas. Assine-o aqui.


CONFEF



CREF2/RS participa de reunião com Ministro do Trabalho na OAB/RS
16/09/2016
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta sexta-feira, dia 16 de setembro, foi realizada uma reunião, na sede da OAB/RS, com o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, e com representantes do Fórum dos Conselhos Profissionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Rio Grande do Sul (Fórum-RS). O encontro, que contou com a presença da presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), serviu para, entre outras coisas, esclarecer alguns pontos a respeito da atualização da legislação trabalhista, projeto em andamento pelo Governo Federal.

Neste sentido, Nogueira ressaltou que o Ministério tem a obrigação de promover políticas públicas de proteção de trabalho, as quais os Conselhos Profissionais têm muito o que contribuir. “Criamos dois grupos de trabalho para analisar modificações, um específico em previdência e outro sobre as questões trabalhistas. Estamos chamando as centrais sindicais, assim como outros órgãos da sociedade, para que possamos chegar a propostas comuns”, frisou. Além disto, o Ministro também esclareceu que as bases destas leis não serão modificadas, apesar dos boatos que têm circulado, principalmente na Internet, nos últimos tempos. “Queremos a consolidação da CLT. Não vamos modificar a jornada de trabalho, o FGTS ou o13º salário. O nosso esforço é para que novas oportunidades de emprego sejam criadas”, complementou.

Antônio Palácios, presidente do Fórum-RS, reforçou que estes assuntos são de extrema importância para a instituição, que abrange mais de 500 mil profissionais registrados em todos os Conselhos e Ordens das Profissionais do Estado. De acordo com ele, o Fórum-RS tem o interesse de se aproximar ainda mais do Ministério do Trabalho e de continuar debatendo estas questões.


Eventos OAB políticas públicas



CREF2/RS anuncia vencedores do kit comemorativo de 1º de setembro
08/09/2016
Fonte: CREF2/RS

Como parte das comemorações do Dia do Profissional de Educação Física, o CREF2/RS distribuiu novamente o seu tradicional kit para os profissionais registrados e em dia com suas obrigações estatutárias. Neste ano, foram contempladas as 200 primeiras pessoas que enviaram uma foto com o tema “Demonstre seu amor pela Educação Física!”, por um formulário específico à disposição para no site do CREF2/RS, ao longo da última semana.

A lista com o nome e as fotos de todos os vencedores já pode ser conferida aqui. O kit de 1º de setembro contém uma camiseta, um cevador, uma caneta, um squeeze e um adesivo do CREF2/RS.

Profissionais de Porto Alegre e da Região Metropolitana já podem retirar o kit diretamente na sede do Conselho. Quem mora em Caxias do Sul deverá retirá-lo no CREF Serra a partir da próxima segunda-feira, dia 12 de setembro. Os demais profissionais do interior do Estado receberão o prêmio em casa, via Correios. Confira os nossos endereços e horários de funcionamento:

CREF2/RS – Porto Alegre
Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro Histórico
Horário de atendimento: de segunda a quinta, das 9h às 17h; e sexta-feira, das 12h às 17h

CREF - Serra
Rua Antônio Ribeiro Mendes, 1849 - Pio X
Horário de atendimento: de segunda a quinta, das 9h às 12h e das 13h às 18h; e sexta-feira, das 13h às 18h


Kit Dia do Profissional de Educação Física



CongregaCREF reúne profissionais e estudantes para debater diversas áreas da Educação Física
30/08/2016
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS realizou, no último sábado, dia 27 de agosto, a segunda edição do CongregaCREF – Seminário Sul Brasileiro de Educação Física. O evento, que integra as comemorações do Conselho pelo Dia do Profissional de Educação Física, ocorreu no auditório do CRO/RS, em Porto Alegre, e contou com a presença de profissionais registrados e de estudantes para debater as diversas áreas da profissão. A abertura do evento foi feita pela presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), que reiterou o sucesso de público do CongregaCREF, pelo segundo ano consecutivo, e saudou todos aqueles que compareceram para assistir às palestras.

A primeira apresentação foi feita por Rodrigo Gonçalves Dias (CREF 059988-G/SP), pesquisador da Unidade de Reabilitação Cardiovascular e Fisiologia do Exercício do Instituto do Coração (InCor), em São Paulo, e primeiro profissional de Educação Física a vencer o Prêmio Jovem Cientista, promovido pelo CNPq, em 2012. A palestra “Genética, performance física humana & doping genético: o senso comum versus a realidade científica” abordou as suas investigações científicas mais recentes e tentou explicar como funciona o rastreamento de genes para a descoberta de novos “fenômenos do esporte”, algo tão em evidência nos dias de hoje por causa da Olimpíada. “O nosso trabalho envolveu os melhores atletas do atletismo brasileiro e comparou o desempenho de todos com pessoas comuns. A conclusão que chegamos é que há mais ou menos 200 pessoas com potencial para serem esportistas espetaculares no nosso país e que ainda não foram descobertas”, revelou Dias.

Além de explicar os detalhes do seu trabalho, o pesquisador também contextualizou os avanços que a Educação Física teve – e ainda pode ter – desde o surgimento do projeto Genoma, na década de 90. “Os estudos genéticos deixaram claro que a responsividade ao treinamento é diferente de pessoa para pessoa, não segue um padrão que pode ser aplicado da mesma forma a todos os atletas. Ou seja, não podemos simplificar algo tão complexo como o organismo humano, precisamos aprender e relacionar as particularidades de cada estrutura muscular aos diversos genes que compõem o DNA de cada um destes indivíduos”, explicou.

Com espaço para perguntas da plateia e transmissão online, que permitiu que profissionais e acadêmicos de todo o Estado acompanhassem as palestras dos seus computadores em casa, o CongregaCREF prosseguiu com a conselheira federal do CONFEF Elisabete Laurindo (CREF CREF 002036-G/SC), que falou sobre o papel do profissional de Educação Física na escola. Além de apresentar os consensos internacionais da UNESCO e de inserir a Educação Física aos direitos fundamentais de todas as pessoas, Elisabete mostrou quais são os indicadores de qualidade na educação e explicou como o ambiente escolar, a prática pedagógica e as condições de trabalho dadas aos profissionais que atuam nestes locais interferem nesta equação. “O Brasil está entre os países mais obesos do mundo e precisamos nos apropriar da Educação Física escolar como forma de promover a saúde das crianças”, defendeu.

A Conselheira também trouxe para discussão o atual momento vivido pela Educação Física escolar, em que há a busca pela consolidação do profissional de Educação Física neste ambiente. “O livro Recomendações para a Educação Física Escolar, publicado pelo CONFEF e distribuído às escolas de todo o Brasil, veio para conscientizar todos dos benefícios da atividade física e de como é importante uma qualificação adequada para atuar na área, com comportamento ético e materiais adequados”.

Depois, quem deu continuidade ao CongregaCREF foi a professora da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança (ESEFID) da UFRGS Anelise Gaya (CREF 024009-G/RS). A palestra “O papel da Educação Física na promoção da saúde na escola” abordou um pouco do seu trabalho com o projeto de pesquisa Esporte Brasil, que busca avaliar e dar um novo sentido aos indicadores de aptidão física, saúde, obesidade e de outras doenças, com ênfase na população infantojuvenil. “30% das crianças tem obesidade e sobrepeso e a atividade física na escola poderia ter uma função primordial no sentido contrário a estes dados alarmantes”, explicou. “Os profissionais de Educação Física da escola precisam se dar conta deste quadro e trabalhar de maneira consciente, sabendo que existe um período crítico para o desenvolvimento motor das crianças e que este precisa ser bem aproveitado, para que não haja nenhum comprometimento”, complementou.

Como salientou Anelise durante a sua palestra, os dados coletados pelo Projeto Esporte Brasil nos últimos anos mostram ainda que 60% das crianças em idade escolar não cumprem o mínimo de atividade física proposto pela Organização Mundial da Saúde. “O que descobrimos é que muitas delas não brincam, não têm recreio e ou são atendidas de maneira correta pelas aulas de Educação Física. O sedentarismo é uma das principais causas de morte no Brasil e esta realidade no ambiente escolar é bastante preocupante, já que muitas doenças que eram vistas somente em adultos, como o diabetes tipo II e hipertensão, já estão aparecendo em crianças e gerando outras complicações”, revelou.

A conclusão, compartilhada com todos os presentes que lotavam o auditório do CRO/RS, é que a escola deveria oferecer mais momentos para a prática de atividade física, com pelo menos 45 minutos de duração, duas vezes por semana. “Não podemos privar o desenvolvimento das crianças, sobretudo da forma que só o esporte proporciona”, contou Anelise. As aulas de Educação Física escolar, além de precisarem de um planejamento mais eficaz, necessitam a adoção de novas estratégias, para que os hábitos de vida sejam modificados desde cedo. “Há bons projetos ocorrendo nas escolas, sobretudo fora do país, que podem servir de exemplo. O Projeto Esporte Brasil, por exemplo, tem contribuído na interpretação dos padrões de crescimento e, com isto, oportunizado o planejamento de ações diferenciadas e auxiliado os professores de Educação Física na avaliação dos seus alunos”, concluiu.

O CongregaCREF foi encerrado pela palestra “Gestão de academia”, ministrada por Rogério Menegassi (CREF 001008-G/RS), proprietário da academia Athlética, localizada em Porto Alegre, e ex-presidente da Associação das Academias do Rio Grande do Sul (ACAD RS). Há mais de 30 anos atuando na área, Menegassi conversou com os presentes sobre esta área e tirou as dúvidas daqueles que tem a intenção de abrir, futuramente, o seu próprio negócio. “As opções para as academias cresceram muito nos últimos anos. A piscina, antigamente, era aproveitada somente para aulas de natação e hoje há uma infinidade de modalidades e de atividades que podem ser exploradas e ofertadas aos alunos”.

Além disto, Menegassi apresentou um pequeno panorama sobre a evolução da ginástica em academias, explicou algumas estratégias adotadas pela Athlética e salientou que muitos adultos são resistentes a aderir a um programa de treinamento porque não tiveram uma boa experiência com a atividade física quando eram jovens, numa época em que a profissão de Educação Física ainda não era regulamentada. “Na nossa área, ninguém poderá inventar algo totalmente inédito, porque as modalidades são variações e vêm de uma mesma base. O que os profissionais de academia realmente precisam fazer é tentar tornar as suas aulas cada vez mais prazerosas para os alunos, para que eles se transformem em clientes fiéis, tenham resultados e que reconheçam os benefícios que só podem ser proporcionados pela Educação Física em suas vidas”.


CongregaCREF eventos



CREF2/RS pleiteia vaga para profissionais de Educação Física no Conselho Estadual de Saúde
24/08/2016
Fonte: ALRS

Na manhã de hoje, dia 24 de agosto, a presidente do CREF2/RS Carmem Masson (CREF 001910-G/RS) compareceu à reunião ordinária da Comissão de Saúde e Meio Ambiente, da Assembleia Legislativa. A visita teve como objetivo pleitear uma cadeira no Conselho Estadual de Saúde para os profissionais de Educação Física, conforme preconiza a portaria 256/2013, do Ministério da Saúde.

“Há tempos buscamos garantir a participação da Educação Física no Conselho Estadual, pois somos profissionais que atuam na área da saúde, com ênfase na prevenção e no combate ao sedentarismo, que atinge cerca de 70% da população urbana no Brasil, conforme dados do IBGE”, justificou. A Presidente argumentou ainda que a atuação dos profissionais da Educação Física têm sido decisiva na prevenção de doenças crônicas não transmissíveis e na promoção da saúde do trabalhador.

Também presente no encontro, o vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) solicitou ainda o apoio dos deputados para a atualização do Código Sanitário do Rio Grande do Sul, que já tem 44 anos de existência. Segundo ele, a alteração da lei é necessária para adequá-la às mudanças sociais, econômicas e tecnológicas que ocorrem no campo da saúde, responsáveis pela adoção de novos conceitos, definições e processos de trabalho.

A reunião foi comandada pelo vice-presidente da Comissão de Saúde Tarcísio Zimmermann (PT). O deputado afirmou que considera os dois pleitos feitos pelo CREF2/RS, em nome dos profissionais de Educação Física, legítimos. A Assembleia se comprometeu em dar andamento a estas questões e Zimmermann ressaltou, no entanto, que a mudança do Código Sanitário requer a vontade política do Poder Executivo.

Foto: Vinicius Reis/ALRS


Conselho Estadual de Saúde Saúde



Câmara Técnica de Esporte Educacional se reúne no CREF2/RS para identificar fontes de financiamento
15/08/2016
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Esporte Educacional do CREF2/RS voltou a se reunir na sede do Conselho, na última sexta-feira, dia 12 de agosto. O encontro, que teve como objetivo a identificação das fontes de fomento nas três esferas que são destinadas ao Esporte Educacional, contou também com a presença de representantes da Federação Universitária Gaúcha de Esportes (FUGE) e da Secretaria da Educação do Rio Grande do Sul (SEDUC).

Como destaca a conselheira Marcia da Cruz (CREF 007542-G/RS), presidente da Câmara, a intenção do encontro também foi realizar um mapeamento dos espaços disponíveis para a prática esportiva no Rio Grande do Sul. As informações sobre o financiamento do Esporte Educacional no Estado e sobre os projetos em andamento serviram ainda para a discussão da atuação do profissional de Educação Física nesta área, assim como as questões relacionadas à carga horária nas escolas públicas.

Com estas informações, a Câmara Técnica irá agora entrar em contato com as Instituições de Ensino Superior para realizar um estudo mais abrangente sobre o Esporte Educacional no Rio Grande do Sul. Além da Presidente, também estiveram presentes as conselheiras Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS) e Leila Iabel (CREF 000113-G/RS) e os profissionais Francisco Carlos de Menezes (CREF 000075-G/RS), representando a Feevale; João Guilherme Queiroga (CREF 000839-G/RS), em nome da FUGE, e Danusa Zanella (CREF 003307-G/RS), da SEDUC.


Esporte Educacional



Comissão de Educação Física Escolar do CREF2/RS debate Agenda Positiva do Sistema CONFEF/CREFs
15/08/2016
Fonte: CREF2/RS

Na última sexta-feira, dia 12 de agosto, a Comissão de Educação Física Escolar do CREF2/RS voltou a se reunir na sede do Conselho. O encontro, que contou com a presença de Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), Marcia da Cruz (CREF 007542-G/RS), João Guilherme Queiroga (CREF 000839-G/RS), Francisco Carlos de Menezes (CREF 000075-G/RS) e Leila Iabel (CREF 000113-G/RS), teve como assunto principal a Agenda Positiva do CONFEF/CREFs.

Com o intuito de contribuir com esta iniciativa, a Comissão irá propor um encontro com a Secretaria de Educação do Rio Grande do Sul para falar sobras ações que envolvem o Conselho, a formação continuada de professores e as escolas de tempo de integral. Uma das ideias é que o CREF2/RS crie, futuramente, um repositório online para o envio de trabalhos realizados nas escolas e que continue distribuindo as publicações do Sistema CONFEF/CREFs, como o livro “Recomendações para a Educação Física Escolar”. Por fim, a Comissão também quer fazer visitas aos deputados orientando em relação ao Projeto de Lei 87/2016, que tem o intuito de tornar obrigatória a formação em Educação Física para os professores da disciplina que atuam na Educação Infantil e nas séries iniciais do Ensino Fundamental.


Comissão de Educação Física Escolar Educação Física Escolar



CREF2/RS participa do debate sobre valor de referência da Ginástica Laboral
11/08/2016
Fonte: CREF2/RS

Em parceria com o Sindicato das Entidades Culturais, Recreativas, de Assistência Social, de Orientação e Formação Profissional do Rio Grande do Sul (Secraso/RS) e com o Sindicato dos Profissionais de Educação Física (SINPEF/RS), a Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS vai promover, no dia 31 de agosto, um debate para a criação de um valor de referência para a hora trabalhada da Ginástica Laboral. O evento irá ocorrer das 9h30min às 11h30min, na sede do Secraso/RS em Porto Alegre, e será aberto para a participação de todos os profissionais que trabalharam na área.

Como destaca Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS), integrante da Câmara Técnica do Conselho, a ideia deste Fórum é estipular um valor que sirva de base, tanto para os profissionais que pretendem entrar no mercado da Ginástica Laboral como para as empresas que querem contratar este tipo de serviço. Além do CREF2/RS e dos sindicatos, também participarão do encontro o assessor contábil Carlos Leomar da Rosa e o assessor jurídico Wilson Moreira Jr. Interessados devem fazer a sua inscrição pelo e-mail renata@secraso-rs.com.br, informando nome e telefone para contato.

Fórum de Debate – Valor de Referência da Ginástica Laboral
Data: quarta-feira, dia 31 de agosto
Horário: das 9h30 min às 11h30min
Local: Secraso/RS
Endereço: Avenida Ipiranga, 550 – Menino Deus
Inscrições: gratuitas pelo e-mail renata@secraso-rs.com.br


Ginástica Laboral eventos



CREF2/RS abre edital para contratação de estandes em eventos relacionados à Educação Física
26/07/2016
Fonte: CREF2/RS

O Conselho divulgou na tarde de ontem, dia 25 de julho, o edital para locação de espaço para estandes em eventos relacionados à área da Educação Física. As inscrições, que podem ser feitas até o dia 26 de agosto, deverão obedecer os termos da Resolução CREF2/RS nº 103/2016.

Entre as predeterminações, os interessados devem incluir na sua proposta o fornecimento de uma mesa e três cadeiras para estandes de até 4 m2 e de duas mesas e seis cadeiras para espaços maiores que isto. O requerimento, disponível neste link, deverá ser entregue ao CREF2/RS devidamente preenchido e assinado, contendo os dados do evento, como nome, local, data, público-alvo (perfil e quantidade estimada); âmbito de abrangência uma descrição das atividades propostas, com os seguintes documentos anexados: mapa da feira onde estarão localizados os estandes, com metragem e posição; relação de preços de cada estande, bem como a disponibilidade compra; e demais materiais de divulgação.

A solicitação também deverá conter a certidão de regularidade dos profissionais de Educação Física envolvidos com o evento que atuem forem do Estado. Este documento será fornecido pelo CREF2/RS para os profissionais estejam registrados no Rio Grande do Sul.

Os requerimentos deverão ser entregues pessoalmente na sede do CREF2/RS ou enviados pelos Correios, já que não serão aceitas solicitações enviadas por e-mail ou por qualquer outro meio eletrônico. Os eventos, posteriormente selecionados, deverão se encontrar regulares através da apresentação dos seguintes documentos: inscrição no Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) ou Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério da Fazenda (CNPJ), regularidade relativa à Seguridade Social e ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e certidão negativa de débitos inadimplidos perante a Justiça do Trabalho.

Os resultados deste Edital serão divulgados até o dia 12 de setembro. Clique aqui para mais informações.


Edital Estandes Eventos



Conselhos da saúde se reúnem para discutir estratégias em defesa da qualidade de assistência à saúde
19/07/2016
Fonte: Crefito5

Os Conselhos Profissionais da área da saúde se reuniram na manhã de hoje, dia 19 de julho, para discutir estratégias de ação em defesa dos interesses das profissões e da sociedade. A reunião, realizada na sede do Conselho de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Crefito5), contou também com a presença dos Conselhos de Farmácia, Biomedicina, Nutrição, Odontologia, Enfermagem e Psicologia. O CREF2/RS esteve representado pela presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), pelo vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) e pela 1ª secretária Débora Garcia (CREF 002202-G/RS).

Neste primeiro encontro, foi analisado o impacto do PLS 350/2014, também conhecido como Novo Ato Médico, para cada uma das profissões da área da saúde. Segundo o presidente do Crefito5, Fernando Prati, o Projeto de Lei que tramita no Senado é vago no que diz respeito as atividades privativas de médicos, podendo causar diferentes interpretações e desconforto entre as profissões. “O projeto é uma ameaça à autonomia das profissões que atuam na área da saúde. Precisamos mostrar aos senadores e deputados os riscos de um projeto como esse para a sociedade”, afirmou.

De um modo geral, os participantes entendem que o Projeto de Lei provocará um problema geral de saúde, a partir do momento em que ratifica a hierarquia histórica dos médicos sobre os outros profissionais da área da saúde e ameaça a valorização e a autonomia de mais de 300 mil profissionais só no Rio Grande do Sul. A proposta é que as entidades representativas se unam para debater com os parlamentares de forma mais sólida politicamente, a fim de colocar o ponto de vista das áreas da saúde preocupadas com atos de monopólio.

Para isto, foi proposta a criação de uma frente multiprofissional que atuará em defesa da saúde, composta por membros de cada uma das áreas interessadas, que buscará melhor assistência dos serviços de saúde para a sociedade. Além disso, os Conselhos se comprometeram a elaborar um documento manifestando o posicionamento contra o Projeto e entregá-lo aos representantes gaúchos no Senado a fim de buscar apoio para a não aprovação.


Câmara da Saúde



Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional organiza Fórum dos Coordenadores 2017
04/07/2016
Fonte: CREF2/RS

Os membros da Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional do CREF2/RS reuniram-se no dia 30 de junho na sede do Conselho. Entre os assuntos da pauta, foram debatidas as opções de tema para o Fórum dos Coordenadores 2017, que podem variar entre “Aproximações entre Licenciatura e Bacharelado”, com apresentação da conselheira federal Iguatemy Martins (000001-G/PB), “Estágios”, com as palestrantes Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), assessora de Fiscalização e Cristiane Corrêa (OAB/RS 60.229), assessora jurídica, ambas do CREF2/RS ou ainda “Empreendedorismo”, com um destes palestrantes: Marcelo Curth ou Gastão Englert. A data sugerida para o evento será 19 e 20 de maio de 2017.

Estiveram presentes à reunião o presidente da Comissão Eduardo Merino (CREF 004493-G/RS) e os conselheiros Débora Rios Garcia (CREF 002202-G/RS) e Carlos Ernani Olendzki de Macedo (CREF2/RS 001262). O próximo encontro da Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional será realizado no dia 29 de julho, às 14h30min. As Comissões são órgãos de consultoria da Presidência, da Diretoria e do Plenário do CREF2/RS, às quais compete analisar, instruir e emitir pareceres nos assuntos e processos que lhe forem enviados pelo Presidente do CREF2/RS, retornando-os devidamente avaliados para decisão superior.


Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional



Câmara de Ginástica Laboral relata reuniões com TRT4 e SECRASO/RS
30/06/2016
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS reuniu-se na sede do Conselho na manhã desta quarta-feira, 29 de março. Na ocasião, foi feito o resumo da reunião feita pelos integrantes da Câmara com o desembargador do TRT4, Raul Zoratto Sanvicente, também gestor regional do Programa Trabalho Seguro do Governo Federal, propondo ações e parcerias entre o CREF2/RS e o Tribunal.

Também houve o relato da reunião com Wilson Moreira, secretário-geral e coordenador das delegacias regionais da Sindicato Representativo da Categoria Econômica (SECRASO/RS), realizado no dia 29. A Câmara buscou apoio da instituição para chegar a um valor de referência para o serviço de Ginástica Laboral. O Sindicato posicionou-se favoravelmente a uma aproximação com o CREF2/RS, inclusive estreitando laços entre seus departamentos jurídicos.

Por fim, tratou-se da criação de uma Resolução relativa à qualidade mínima e segura necessária para a prestação do serviço de Ginástica Laboral. Os membros da Câmara ficaram responsáveis de reunir material para dar consistência à Resolução, dentre eles termos de referência de licitações, contratatos de empresas privadas, artigos cientficos relacionados ao tema e requisitos mínimos ao profissional de Educação Física.

Estiveram presentes à reunião o presidente da Câmara e vice-presidente do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS) e a assessora Jurídica Cristiane Costa.


Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física



Reunião do Grupo de Agentes Fiscais organiza Seminário de Fiscalização do Fórum-RS
28/06/2016
Fonte: CREF2/RS

O Grupo de Agentes Fiscais do RS (GAF-RS), órgão integrante do Fórum dos Conselhos e Ordens das Profissões Regulamentadas (Fórum-RS), esteve reunido ontem, dia 27, na sede do Conselho Regional de Profissionais de Relações Públicas - 4ª Região CONRERP/4. Na pauta, atuação e estrutura de fiscalização do CONRERP/4, ações conjuntas do GAF com o PROCON, ações de fiscalização do GAF em órgãos e instituições públicas e a participação do GAF na organização do Seminário de Fiscalização do Fórum-RS.

A coordenadora do Departamento de Fiscalização e Orientação, Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), representou o CREF2/RS na reunião. Segundo Fernanda, a reunião trouxe uma intensa troca de experiências e informações entre os diversos conselhos. “Com isso, procuramos a integração e a otimização dos processos fiscalizatórios”, afirmou.

A reunião teve a presença de 15 conselhos profissionais: Administração, Biblioteconomia, Biologia, Biomedicina, Contabilidade, Educação Física, Farmácia, Fisioterapia e TO, Medicina Veterinária, Nutricionistas, Odontologia, Psicologia, Química, Relações Públicas e Técnicos em Radiologia.


DEFOR



CREF2/RS e Valorize firmam convênio para Pessoas Jurídicas
27/06/2016
Fonte: CREF2/RS

As Pessoas Jurídicas registradas no CREF2/RS têm, a partir de agora, mais um convênio à disposição. O Conselho e a empresa de consultoria esportiva Valorize, com sede em Porto Alegre, firmaram uma parceria para oferecer 10% de desconto na realização de projetos incentivados.

Para se candidatar a um dos editais promovidos pela Lei de Incentivo ao Esporte, a Pessoa Jurídica precisa ser da natureza esportiva, sem fins lucrativos, e estar em funcionamento há mais de um ano. Associações públicas, confederações, clubes, federações e fundações privadas, por exemplo, são algumas das entidades aptas a concorrer.

Entre os diversos projetos que podem ser realizados, estão: eventos esportivos, como campeonatos, circuitos e provas; reformas de centros de treinamento; construção de ginásios; seminários para professores, técnicos e praticantes; escolinhas de futebol, vôlei, basquete e de outras modalidades esportivas. Mais informações pelo e-mail projetos@valorizeprojetos.com.br ou pelo site www.valorizeprojetos.com.br


Convênios



Câmara Técnica de Pessoa Jurídica pretende criar selo de qualidade das academias
24/06/2016
Fonte: CREF2/RS

Nesta quinta-feira (23), realizou-se na sede do Conselho a segunda reunião da Câmara Técnica de Pessoa Jurídica do CREF2/RS em 2016. Participaram a presidente da Câmara Luciane Citadin (CREF 000100-G/RS) e os profissionais de Educação Física Alessandro Gamboa (CREF 01534-G/RS), Caio Contador (CREF 008254-G/RS) e Rogério Menegassi (CREF 01080-G/RS).

Na ocasião, Luciane anunciou que o CREF2/RS criará uma Câmara Técnica de Pilates, a qual deverá ser presidida por um conselheiro. Durante a reunião, foi discutido o número de estagiários indicado para cada profissional de Educação Física nas academias. Menegassi sugeriu a criação de um selo de qualidade para as academias, com o apoio de entidades como CREF2/RS, SINPEFRS, ACAD RS e APEF-RS, reativando com isso o Fórum das Entidades. Contador propôs a criação de uma aliança entre os estúdios de Pilates. Por fim, houve a sugestão de convidar a professora de Pilates Aline Haas (CREF 000063-G/RS) a participar das reuniões da Câmara Técnica de Pessoa Jurídica.


Câmara Técnica de Pessoa Jurídica



Câmara Técnica de Corrida de Rua realiza pesquisa com profissionais da área
24/06/2016
Fonte: CREF2/RS

Com o objetivo de planejar as suas ações de acordo com as necessidades apontadas por aqueles que vivenciam o dia a dia da área, a Câmara Técnica de Corrida de Rua do CREF2/RS está fazendo uma pesquisa com os profissionais que trabalham com corrida de rua. O questionário, aberto à participação de quem atua com a modalidade, pode ser acessado aqui.

Com cinco perguntas de respostas rápidas e fáceis, o formulário pede a opinião dos profissionais que atuam com a corrida de rua sobre as necessidades relacionadas à rotina de trabalho e ao treinamento de corrida e ainda pede uma avaliação sobre os eventos realizados no Rio Grande do Sul, ao que se refere à hidratação oferecida durante a prova, segurança, escolha do local e valores de inscrição. O resultado desta pesquisa irá auxiliar as ações futuras da Câmara.

A Câmara Técnica de Corrida de Rua do CREF2/RS é presidida pela conselheira Cláudia Lucchese (CREF 002358-G/RS) e realiza encontros mensais na sede do Conselho, em Porto Alegre. A próxima reunião está marcada para o dia 1º julho e todos os profissionais interessados estão aptos para participar. Mais informações nesta página ou pelo e-mail secretaria@crefrs.org.br.


Corrida de Rua Câmaras Técnicas



CREF2/RS participa da reunião plenária do Fórum-RS
23/06/2016
Fonte: CREF2/RS

Foi realizada ontem (22), na sede do CREMERS, a reunião plenária do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Estado RS (Fórum-RS). O contador Antônio Palácios (CRC-RS) presidiu a reunião, que teve como representantes do CREF2/RS a presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), também 4ª vice-presidente do Fórum-RS e coordenadora da Câmara da Saúde, e o vice-presidente do Conselho, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), que faz parte do Conselho Fiscal do Fórum-RS.

A plenária teve como pautas a apresentação dos temas da Câmara de Defesa da Sociedade, a organização do II Simpósio do Fórum-RS, que será realizado no dia 6 de julho na sede do CRARS e a adesão dos conselhos ao Observatório Social. Também foi discutida, por sugestão da coordenadora Silvia Saucedo, a Portaria Ministerial 401/2016, que estabelece as normas para a oferta de cursos de educação profissional técnica de nível médio.

A reunião contou, ainda, com a participação do secretário-geral da Junta do Estado do Rio Grande do Sul, Cleverton Signor, que apresentou as ações de modernização pelas quais a Junta vem passando e colocou o órgão à disposição para conversar com os Conselhos sobre formas de firmar convênios que favoreçam as entidades. Além destes temas, o diretor da Associação Brasileira de Incentivo ao Desenvolvimento Sustentável, Lelis Cunha, apresentou a “Campanha do Litro D’Água”, desenvolvida pela entidade, que visa conscientizar a sociedade sobre a necessidade de mudanças de hábitos, a fim de evitar o desperdício de água.

Compareceram à plenária representantes dos Conselhos de Fonoaudiologia, Contabilidade, Administração, Educação Física, Biologia, Medicina, Farmácia, Ordem dos Advogados, Química, Engenharia e Agronomia, Medicina Veterinária e Arquitetura e Urbanismo.


Fórum-RS



Comissão de Ética do CREF2/RS abre inscrições para Defensor Dativo
22/06/2016
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS está com inscrições para profissionais de Educação Física que queiram desempenhar a função de Defensores Dativo. Os interessados, além de estar em dia com suas obrigações estatutárias, também precisam possuir formação em Direito e estar regularmente inscrito junto à OAB/RS.

Os Defensores Dativo são aqueles profissionais, nomeados pela Comissão de Ética de Profissional do CREF2/RS, que atuarão na defesa de denunciados reveis, que possuem algum Processo Ético e Disciplinar em tramitação no Conselho.

Para se inscrever, basta acessar este link e baixar o requerimento para preenchimento, disponível também aqui para download. O formulário deverá ser entregue pessoalmente ou via Correios à sede do CREF2/RS, juntamente com um minicurrículo e cópias das Cédulas de Identidade Profissional do CREF2/RS e da OAB/RS, ainda válidas.

Mais informações pelo telefone (51) 3288-0200.


Comissão de Ética



Reunião da Câmara da Saúde do Fórum-RS ocorre no CREF2/RS
22/06/2016
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quarta-feira, dia 22 de junho, o CREF2/RS sediou a reunião da Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões do Rio Grande do Sul (Fórum-RS). O encontro, que contou com a presença de representantes do CRF-RS, CRMV-RS, CRBM-5 e do CRTR-RS, serviu para debater a realização do II Simpósio Fórum-RS e questões relacionadas ao alvará sanitário para Pessoas Jurídicas. O CREF2/RS foi representado pela presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), que também coordena a Câmara, e pelo vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS).

Além destes, outro tema abordado foi a inclusão da Câmara da Saúde na Comissão Especial da Saúde da OAB/RS. Os grupos, que unirão forças para realizar atividades em conjunto a partir de agora, também contarão com a contribuição da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Como salientou Everton Borges, assessor de relações institucionais do CRF-RS, estas parcerias são importantes para o desenvolvimento de políticas de prevenção de doenças, não só de tratamento “Também queremos dar andamento às questões que se referem à inclusão das demais áreas da saúde nos planos de saúde, algo muito importante para a sociedade”, pontuou.

O II Simpósio do Fórum-RS, que será realizado no dia 6 de julho na sede do Conselho Regional de Administração (CRA-RS), tem o intuito de promover a integração dos Conselhos da saúde entre si e com a sociedade. Aguiar, que realizará a palestra “Ações integrantes na prevenção da saúde dos gaúchos” durante o evento, convidou todos os presentes para participar. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui, até o dia 5 de julho.

Quanto ao alvará sanitário, os presentes discutiram a criação de uma exigência de registro nos Conselhos Profissionais para que as Pessoas Jurídicas possam obtê-los junto às Prefeituras. Como destacaram os integrantes da Câmara da Saúde, esta determinação seria bastante benéfica à sociedade, pois ajudaria a compensar a atual falta de normatização para a obtenção do documento e também auxiliaria a fiscalização de estabelecimentos relacionados à área da saúde. O assunto deverá ser levado para debate também na Comissão Especial da Saúde da OAB/RS.


Fórum-RS Câmara da Saúde



CREF2/RS acerta convênio com VRI Consulting
13/06/2016
Fonte: CREF2/RS

As Pessoas Físicas e Jurídicas registradas no Conselho têm agora mais um convênio à disposição. O CREF2/RS e a VRI Consulting firmaram uma parceria para oferecer 10% de desconto em diversos dos seus serviços, que incluem o planejamento financeiro para o período produtivo e para a terceira idade; e blindagem patrimonial e sucessão empresarial, destinado especialmente para proprietários de academia e de demais estabelecimentos do tipo. Confira aqui mais detalhes.

A sede da VRI Consulting fica em Porto Alegre. Mais informações através dos telefones (51) 3391-3010 ou (51) 9933-6691.


Convênios



Câmara Técnica de Futebol discute dificuldades na profissão
09/06/2016
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Futebol do CREF2/RS realizou na quarta-feira (8) sua primeira reunião do ano. Nela, estiveram presentes o presidente da Câmara Alessandro de Azambuja Gamboa (CREF 001534-G/RS), Luiz Augusto Busi de Severo (CREF 009985-G/RS) e Luiz Afonso Gomes (CREF 000484-G/RS).

A pauta principal do encontro, segundo Gamboa, foram as dificuldades enfrentadas pelos profissionais de Educação Física que optam pelo futebol como área de atuação. “Praticamente só há campo de trabalho nos grandes clubes de futebol”, explica. Os integrantes da Câmara discutiram ações para melhorar o mercado de trabalho e aumentar a valorização do profissional que trabalha com o futebol. Neste sentido, Luiz Afonso Gomes sugeriu a criação de um Congresso Gaúcho de Futebol. Também foi proposta a constituição de um cadastro de profissionais que trabalham com futebol no estado, além do levantamento dos campos de futebol públicos existentes em Porto Alegre.

A próxima reunião da Câmara Técnica de Futebol ocorrerá na sede do CREF2/RS no dia 6 de julho, às 14h. Todos os profissionais registrados podem participar, bastando apenas confirmar a presença antecipadamente pelo e-mail secretaria@crefrs.org.br ou pelo telefone (51) 3288-0212.


Câmara Técnica de Futebol



CREF2/RS prestigia lançamento do Dia do Desafio 2016
12/05/2016
Fonte: CREF2/RS

Na tarde desta quinta-feira, dia 12 de maio, foi realizado no SESC Campestre, em Porto Alegre, o lançamento do Dia do Desafio 2016. O evento, que compreende uma competição entre cidades e que propõe a prática de atividade física, será realizado em diversas cidades do Brasil, no próximo dia 25 de maio. A cerimônia, além de contar com a presença de diversas autoridades municipais e estaduais, teve a participação de Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do CREF2/RS.

O lançamento da campanha foi conduzida por Luiz Tadeu Piva, diretor regional do SESC-RS. “A ideia principal do evento, mais uma vez, é mostrar que o movimento é necessário para a vida das pessoas. Neste ano, vamos ter a participação de mais de três mil cidades, somente no Brasil, que estão comprometidas em mobilizar a população para a prática e para a manutenção de hábitos saudáveis”, declarou. “Queremos que o Dia do Desafio seja o estopim para uma mudança de comportamento e um alerta sobre os perigos do sedentarismo”, completou.

Neste ano, Porto Alegre irá competir com a cidade de Curitiba e o SESC-RS pretende montar, em alguns pontos da cidade, locais específicos para estimular a adesão da população ao desafio de praticar 15 minutos de atividade física ao longo do dia. O mesmo deverá ser feito também nos outros municípios do Estado que vão participar da campanha.

O campeão olímpico de vôlei Maurício Lima e o atleta gaúcho de atletismo Fabiano Peçanha (CREF 022437-G/RS) também compareceram ao evento, assim como o conselheiro do CREF2/RS e coordenador das academias do SESC-RS Alexandre Greco (CREF 004204-G/RS), o representante da Secretaria Estadual de Educação Paulo Rezende (CREF 001298-G/RS), o secretário estadual de Turismo, Esporte e Lazer Juvir Costella, o vereador João Bosco Vaz e o secretário em exercício da Secretaria Municipal de Esportes, Recreação e Lazer de Porto Alegre José Antônio Brizola.


Dia do Desafio



CREF2/RS sorteia 45 vagas para cursos da Convenção Brasil
05/05/2016
Fonte: CREF2/RS

O Conselho vai sortear, a partir do dia 17 de maio, 45 vagas para 28 cursos que serão oferecidos na 23ª Convenção Brasil deste ano, entre os dias 9 e 12 de junho, no Parque Esportivo da PUCRS (Avenida Ipiranga, 6690 - Prédio 81). As inscrições já estão abertas e podem participar todos os profissionais com registro ativo e em dia com suas obrigações estatutárias. Pessoas Jurídicas com Responsável Técnico ativo também estão aptas a concorrer. Clique aqui e confira o regulamento completo.

Para participar, é necessário apenas preencher o formulário disponível neste link e selecionar os cursos de interesse (pode ser mais de um – não há limite no número de inscrições). Os profissionais que forem contemplados com uma das vagas serão automaticamente excluídos dos próximos sorteios. Em www.convencaobrasil.com.br, é possível conferir os dias e os horários de cada atividade.

As inscrições serão encerradas sempre às 12h do dia anterior ao sorteio de cada curso e os sorteios serão realizados durante oito dias, a partir de terça-feira, dia 17 de maio, na sede do CREF2/RS. Confira as datas de sorteio, o número de vagas e os respectivos cursos:

17 de maio:
Curso Fitness nº 01: “Personal: Gestão, Hipertrofia e Emagrecimento” (1 vaga)
Curso Fitness nº 02: “Ritmos Total: Ritmos Populares & Danças Urbanas (Iniciação, Motivação e Inclusão)” (2 vagas)
Curso Fitness nº 03: “Jump do A ao Z: Teoria e Muita Prática” (2 vagas)

18 de maio:
Curso Fitness nº 04: “Crossfit Total” (1 vaga)
Curso Fitness nº 05: “Treinamento Aplicado para Corrida de Rua” (3 vagas)
Curso Fitness nº 06: “Ginástica de Academia” (3 vagas)

19 de maio:
Curso Fitness nº 07: “Funcional Board Fitness e Board HIIT” (2 vagas)
Curso Fitness nº 12: “IV Convenção Sul-Brasileira de Treinamento Funcional” (1 vaga)
Curso Fitness nº 13: “Musculação: Fisiologia e Técnicas Avançadas de Treinamento para Hipertrofia Muscular” (1 vaga)

20 de maio:
Curso Fitness nº 14: “Step para Todos” (1 vaga)
Curso Fitness nº 15: “Salsa, Merengue, Cumbia, Reggaeton, Samba e Funk para Academias e Grupos de Dança” (2 vagas)
Curso Gestão nº 16: “Coordenação: Líder Eficiente é um Coordenador de Alta Performance” (1 vaga)

24 de maio:
Curso Gestão nº 20: “Elaboração de Projetos Culturais e Esportivos” (3 vagas)
Curso Wellness nº 23: “Treinamento Funcional para a 3ª Idade” (2 vagas)
Curso Wellness nº 24: “Recuperação Músculo Esquelética de Quadril e Coluna Vertebral” (1 vaga)
Curso Wellness nº 25: “Conquistando Gestantes: Treinamento Físico Seguro e Eficaz Durante a Gravidez” (1 vaga)

25 de maio:
Curso Wellness nº 26: “Ginástica Laboral e Ergonomia: Promovendo a Qualidade de Vida no Trabalho” (5 vagas)
Curso Wellness nº 27: “Recuperação Músculo Esquelético de Joelho e Ombro (CE)” (1 vaga)
Curso Wellness nº 28: “Treinamento Board Pilates” (1 vaga)

26 de maio: Curso Lutas nº 29: “Preparação Física para Atletas de Jiu Jitsu” (1 vaga)
Curso Lutas nº 30: “Lutas: Princípios Pedagógicos e Científicos da Iniciação e Treinamento” (2 vagas)
Curso Esporte e Lazer nº 31: “Futebol de Campo: da Iniciação ao Profissional” (2 vagas)
Curso Esporte e Lazer nº 32: “Escola Funcional: Como Aplicar os Exercícios Funcionais na Escola e a Recreação nas Academias” (2 vagas)

27 de maio:
Curso Esporte e Lazer nº 33: “Escolinha de Esportes: da Infância À Adolescência” (1 vaga)
Curso Esporte e Lazer nº 34: “Escola + Educação Física = Aprendizagem com Alegria” (1 vaga)
Curso Acqua nº 35: “Hidro Total: 70% prática e 30% teórica” (1 vaga)
Curso Acqua nº 36: “Natação: Condicionamento, Saúde e Estética” (1 vaga)


Convenção Brasil Sorteio



Loja Live! POA oferece desconto aos profissionais de Educação Física
04/05/2016
Fonte: CREF2/RS

Os profissionais registrados no CREF2/RS têm, a partir de agora, mais um benefício à sua disposição. A loja Live! POA, especializada em moda fitness masculina e feminina, firmou um convênio com o Conselho e está concedendo 20% de desconto nos itens da sua coleção para atividade física.

A Live! POA possui duas sedes em Porto Alegre, no bairro Moinhos de Vento e no bairro Bela Vista. Todas as suas peças também podem ser conferidas previamente pela página www.liveoficial.com.br ou pelo Instagram @livepoa. Contatos podem ser feitos pelos telefones (51) 3209-2009 ou (51) 3208-1188.

Live! POA - Moinhos de Vento
Endereço: Rua Florêncio Ygartua, 175 – Moinhos de Vento
Telefone: (51) 3208-1188

Live! POA - Bela Vista
Endereço: Avenida Nilópolis, 543/10 – Bela Vista
Telefone: (51) 3209-2009


Convênios



CREF2/RS participa do seminário Diálogo Público Transparência e Boas Práticas realizado pelo TCU
26/04/2016
Fonte: CREF2/RS

Nesta segunda-feira (25), o CREF2/RS participou do Seminário Diálogo Público Transparência e Boas Práticas nos Conselhos de Fiscalização Profissional (CFPs), realizado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) na sede do Ministério Público/RS, em Porto Alegre. O encontro reuniu conselhos profissionais dos três estados do Sul do país, além de outras unidades federativas. A presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), o vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), a assistente administrativa Thaísa Gomes e a assistente financeira Grasielle Nunes representaram o CREF2/RS na ocasião.

O evento foi aberto pelo ministro-substituto do TCU Weder de Oliveira, que realizou a palestra Visão Geral Sobre os Conselhos de Profissão: Orçamento, Licitação e Transparência, na qual destacou aspectos históricos dos CFPs e destacou a relevância para a sociedade da Lei de Acesso à Informação (LAI), Lei 12.527, de 2011. Também ocorreram os painéis Boas práticas em contratações compartilhadas; Relatório de gestão e contas ordinárias em Conselhos de Profissão; Licitações, contratos, diárias e Orientação para os Conselhos de Fiscalização das Atividades Profissionais.

Segundo a presidente do CREF2/RS, o seminário foi uma excelente oportunidade de aproximação do TCU com os conselhos profissionais. “Além de abrir um canal de diálogo direto com o Tribunal, este evento sanou dúvidas em relação aos procedimentos do Portal da Transparência, prestação de contas e as nuances da Lei de Responsabilidade Fiscal”, explicou. Para o vice-presidente do Conselho, todas as questões levantadas apontam para a importância da união dos conselhos. “Neste sentido, o Fórum dos Conselhos Regionais, reunindo experiências comuns, auxilia a balizar a legalidade da nossa atuação”, afirmou.


TCU



Livro da Ginástica Laboral do CONFEF será lançado no dia 22 de novembro no Estado
13/04/2016
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS realizou sua reunião mensal na sede do Conselho na manhã desta quarta-feira (13). Entre os temas tratados, ficou definido que o lançamento do livro Ginástica Laboral: Prerrogativa do Profissional de Educação Física, editado pelo do CONFEF, será no dia 22 de novembro, em conjunto com as comemorações ao Dia da Ginástica Laboral. |

A obra, que tem entre seus autores o vice-presidente do CREF2/RS e presidente da Câmara de Ginástica Laboral Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), traz em seu conteúdo os aspectos legais, as competências e responsabilidades, o cenário atual e recomendações técnicas sobre o tema para os profissionais de Educação Física. Segundo Lauro, o livro evidencia a papel da Ginástica Laboral na prevenção e redução de lesões e distúrbios verificados em funcionários de diversas ocupações profissionais. “E comprova que o único profissional da área da saúde capacitado, qualificado e habilitado a conduzir projetos e programas de Ginástica Laboral é o profissional de Educação Física".

Estiveram presentes à reunião Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS), Alessandro Gonçalves (CREF 005863-G/RS) e Ana Lúcia Biesuz (CREF 002058-G/RS).


Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa



Diretoria e Conselho Fiscal do Fórum-RS tomam posse
30/03/2016
Fonte: CREF2/RS

Em 23 de março, durante reunião plenária do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do RS, realizada na sede do Conselho Regional de Medicina do RS (CREMERS), foram empossados os membros da Diretoria e do Conselho Fiscal do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do RS (FÓRUM-RS).

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), foi eleita a 4ª vice-presidente e também coordenadora da Câmara da Saúde. O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), faz parte do Conselho Fiscal e a conselheira do CREF2/RS, Débora Garcia (CREF 002202-G/RS), participa da Câmara de Defesa da Sociedade.

O presidente do Fórum-RS, Antônio Palácios (CRC-RS), salientou que a união dos conselhos permite que as ações desenvolvidas em prol da sociedade sejam melhor divulgadas. “Temos uma maior repercussão e, para ampliar ainda mais isto, pretendemos abarcar os observatórios sociais para expandir nossa atuação”, explicou. Carmen Masson ressaltou a importância do Fórum-RS nas lutas profissionais. “Através do Fórum-RS podemos nos aproximar do governo e da sociedade com mais efetividade, articulando políticas e contribuindo para a qualidade da administração pública e da democracia”, afirmou.

Diretoria
Presidente: Antônio Palácios (CRC-RS)
1º vice-presidente: Valter Luiz de Lemos (CRA-RS)
2º vice-presidente: Roberto Py Gomes da Silveira (CAU-RS)
3º vice-presidente: Rogério Wolf de Aguiar (CREMERS)
4ª vice-presidente: Carmen Masson (CREF2/RS)
5º vice-presidente: Ricardo Breier (OAB-RS)
Secretaria-geral: Marlene Danesi (CREFONO-RS)
1ª secretaria-geral adjunta: Clarice Luz (CRBio-RS)
2ª secretaria-geral adjunta: Renato Minozzo (CRBM-RS)
3ª secretaria-geral adjunta: Rodrigo Lorenzoni (CRMV-RS)
Conselho Fiscal
Maurício Schüler Nin (CRF-RS)
Rosângela Parmigiani (CRN-RS)
Marco Aurélio Kihs (CRA-RS)
Ana Lice Bernardi (CRN-RS)
Lauro Ubirajara Barboza de Aguiar (CREF2/RS)
Coordenadores das Câmaras e Grupos Técnicos:
Câmara da Saúde: Carmen Masson (CREF2/RS)
Câmara de Ensino: Silvia Saucedo (OAB-RS)
Câmara de Defesa da Sociedade: Miriam Teresinha (CREFONO-RS)
Grupo de Agentes Fiscais: Everton Borges (CRF-RS)
Grupo de Assessores de Comunicação Social: Diana Lienert (CRF-RS)
Grupo de Assessores Jurídicos: Angelo Bozzetto (CRC-RS)


Fórum-RS



CREF2/RS firma convênio com empresa de certificação digital
28/03/2016
Fonte: CREF2/RS

As Pessoas Físicas e Jurídicas registradas no CREF2/RS têm, a partir de agora, mais um benefício à sua disposição. O Conselho e a Safeweb – Segurança da Informação firmaram um convênio para oferecer 10% de desconto na aquisição dos serviços de certificação digital.

A certificação digital funciona como uma identidade virtual que permite a identificação segura e inequívoca do autor de uma mensagem ou transação feita em meios eletrônicos, com validade jurídica que garante proteção às transações online e à troca virtual de documentos, mensagens e dados. O serviço é muito útil para proprietários de academias, por exemplo, que querem vender planos pela Internet ou para profissionais de Educação Física que ministram cursos e pretendem oferecer a opção de inscrições online, podendo fazer o contrato e a assinatura digital, sem a necessidade de impressão e posterior arquivo dos documentos.

A Safeweb – Segurança da Informação tem sede em Porto Alegre e pode ser contatada pelo telefone (51) 3018-0300. Mais informações pela página www.safeweb.com.br.


Convênios



Presidente do CREF2/RS realiza palestra no Fórum da Saúde e Bem-Estar
24/03/2016
Fonte: CREF2/RS

Nesta quarta-feira (24), na Amrigs, a presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) proferiu a palestra "Sedentarismo: o Mal do Século" no Fórum de Saúde e Bem-Estar, evento que integrava a Exposul Saúde. Em um clima descontraído, Carmen iniciou sua fala questionando a plateia sobre os atuais conceitos da saúde. "Quem aqui se acha saudável? Atualmente, saúde não é apenas ausência de doença, envolve bem-estar físico, emocional, espiritual e familiar. Dentro desta perspectiva, temos fatores políticos, econômicos e sociais. Então, é provável que estejamos todos, de alguma forma, doentes", afirmou.

“Na vida moderna, percebemos os sinais do sedentarismo desde a tenra idade”, alertou a presidente. "A inatividade é uma constância desde a infância. Infelizmente, as crianças só têm contato com a Educação Física Escolar a partir do sexto ano. Até a 5ª série, é o pedagogo que ministra a atividade física. O resultado disto são adolescentes com pouca coordenação física, o que acarreta prejuízos até em áreas cognitivas", disse Carmen.

A presidente explicou que o sedentarismo é definido pela falta de atividade física. “Ou seja, é aquele indivíduo que gasta pouca energia, e depende diretamente da queima calórica do indivíduo”. Carmen ressaltou um dos resultados da epidemia de sedentarismo. "Vemos cada vez mais crianças com doenças de adulto. Portanto, um dos melhores atos que os pais podem praticar por seus filhos é colocá-los em contato com a atividade física o mais cedo possível", afirmou.

“A boa notícia é a capacidade curativa da atividade física”, comemorou a presidente, apresentando dados que comprovam o auxílio da atividade física na recuperação de pacientes de câncer e outras doenças graves. “Além disso, reduz estresse, depressão, sintomas da menopausa e TPM”. Carmen concluiu sua palestra argumentando: “Se a saúde pública está um caos, e a atividade física aliada a uma boa alimentação promovem a saúde, aumentam a qualidade de vida e previnem várias doenças, nossa tarefa é convencer a sociedade e os gestores públicos que podemos ter uma solução muito mais fácil e barata aos problemas da nossa população”.


Exposul Saúde



FUGE confirma realização de vários eventos esportivos em 2016
22/03/2016
Fonte: CREF2/RS

Nesta terça-feira (22), ocorreu na sede do CREF2/RS a assembleia geral ordinária da Federação Universitária Gaúcha de Esportes (FUGE). Na pauta da reunião, foi apresentado o relatório das atividades desenvolvidas em 2015, além do calendário de eventos 2016. Está confirmada a realização da Liga Universitária Gaúcha de Futebol e de Tênis de Mesa, dos 37° Jogos Universitários Gaúchos (JUGs 2016), da 29ª Copa Unisinos, dos Jogos Universitários Gaúchos da Educação Física (JUGEF 2016), da Liga do Desporto Universitário 2016 e dos 64º Jogos Universitários Brasileiros (JUBs 2016).

Estiveram presentes à reunião o presidente da FUGE e conselheiro do CREF2/RS João Guilherme de Souza Queiroga (CREF 000839-G/RS), o gerente esportivo da UFRGS, Cláudio Roberto Paiva, e os professores Jonas Ronaldo de Mello (CREF 002553-G/RS), da FEEVALE, Alexsandro Bauer (CREF 013716-G/RS), da ULBRA, Luciane Cabral de Fraga (CREF 017762-G/RS), e Glauber Azambuja Nunes (CREF 020089-G/RS), do IPA, Francisco Carlos Lemes de Menezes (CREF 000075-G/RS), da Feevale, e Glauco Salusse Borges (CREF 023452-G/RS).


FUGE



Fórum da Saúde e Bem-Estar ocorre até quarta-feira na Exposul Saúde
21/03/2016
Fonte: CREF2/RS

O Fórum da Saúde e Bem-Estar, ciclo de palestras com grandes nomes da saúde, irá ocorrer entre hoje, dia 21 de março, e quarta-feira, dia 23 de março, na AMRIGS, durante a Exposul Saúde. O Fórum apresentará, entre outros palestrantes, o médico Fernando Lucchese, falando sobre estilo de vida, saúde, felicidade e longevidade; e o profissional de Educação Física Pierre Maestri (CREF 007636-G/RS), com o tema "Muito Além do Peso – Criando Metas".

Além destes, a presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), fará a palestra "Sedentarismo: o Mal do Século", na quarta-feira, dia 23 de março, às 10h45min.

Exposul Saúde - Fórum da Saúde e Bem-Estar
Data: 21, 22 e 23 de março
Local: AMRIGS
Endereço: Avenida Ipiranga, 5311 - Partenon

Registrados no CREF2/RS têm 10% de desconto até a data do evento.
O CREF2/RS estará com estande no local, oferecendo seus serviços de atendimento, das 8h30min às 21h.

Inscrições e programação completa Inscrições e programação completa aqui.


Exposul



Câmara Técnica de Educação Física Escolar define detalhes do 5º Fórum de Mobilização pela Educação Física Escolar
15/03/2016
Fonte: CREF2/RS

Na tarde da última sexta-feira, dia 11 de março, a Câmara Técnica de Educação Física Escolar esteve reunida, na sede do Conselho, para dar os primeiros encaminhamentos do 5º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física. O evento, que será realizado no dia 29 de abril em Capão da Canoa, vai integrar mais uma vez a programação do 42º Encontro Nacional dos Profissionais de Educação Física (ENAPEF).

A Câmara definiu que, neste ano, o Fórum terá como tema a Base Nacional Comum Curricular, e a conselheira federal Iguatemy Martins (000001-G/PB) como palestrante. Como nas outras edições, a atividade será gratuita para profissionais e acadêmicos de Educação Física. As inscrições serão realizadas no local do evento.

Estiveram presentes na reunião Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), presidente da Câmara, e os profissionais Márcia da Cruz (CREF 007542-G/RS), Paulo Rezende (CREF 001298-G/RS), João Guilherme Queiroga (CREF 000839-G/RS) e Francisco de Menezes (CREF 000075-G/RS). Saiba mais sobre as Câmaras Técnicas do CREF2/RS clicando aqui


Educação Física Escolar



Profissionais registrados no CREF2/RS têm desconto na clínica Multi Vacinas
10/03/2016
Fonte: CREF2/RS

Os profissionais registrados no CREF2/RS têm, a partir de agora, mais um convênio à disposição. A Clínica de Vacinação Multi Vacinas, com sedes em Porto Alegre e Gravataí, está oferecendo 15% de desconto em todas as vacinas disponíveis, exceto a sazonal da gripe. Para aproveitar o benefício, é só apresentar a Cédula de Identidade Profissional no momento da aplicação. Mais informações pelos telefones (51) 3028-2538 e (51) 3047-3545 ou pela página www.multivacinas.com.br.

Multi Vacinas Porto Alegre
Endereço: Avenida Assis Brasil, 3940/3B – Centro Empresarial do SICREDI (Jardim Lindóia)
Telefone: (51) 3028-2538

Multi Vacinas Gravataí
Endereço: Rua Benjamin Constant, 169/308 – SOLARIS Clínicas Center (Passo das Pedras)
Telefone: (51) 3047-3545


Convênios



Câmara de Ginástica Laboral pretende aproximação com diretórios acadêmicos
09/03/2016
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS reuniu-se na sede do Conselho na manhã desta quarta-feira, dia 9 de março. Entre os assuntos tratados, houve a reavaliação das ações para 2016, a criação de um valor de referência para a Ginástica Laboral e a proposta de reuniões com representantes de diretórios acadêmicos objetivando a divulgação da Câmara e do Conselho nas instituições de Ensino Superior. Para um maior impacto no lançamento do livro de Ginástica Laboral do CONFEF, haverá uma articulação do CREF2/RS com a Frente Parlamentar da Saúde.

Estiveram presentes à reunião o presidente da Câmara e vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), Tony Izaguirre (CREF 000378-G/RS), Magale Konrath (CREF 000378-G/RS), Márcio Martini (CREF 002842-G/RS), Ana Lúcia Biesuz (CREF 002058-G/RS) e Thaina Nunes (CREF 014640-G/RS). O próximo encontro, aberto a todos profissionais registrados, ocorrerá no dia 13 de abril, às 9h, também na sede do CREF2/RS.


Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa



Câmara Técnica de Saúde do CREF2/RS analisa projeto de pesquisa vinculado à UFRGS
26/02/2016
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Saúde do CREF2/RS reuniu-se no dia 25 na sede do Conselho. Estiveram presentes a presidente da Câmara, Débora Rios Garcia (CREF 002202-G/RS), a presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), o professor do Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano da UFRGS, Adroaldo Gaya (CREF 002280-G/RS), o professor da Feevale, Francisco Lemes Menezes (CREF 000075-G/RS) e a doutoranda Larissa Flores (CREF 013792-G/RS). Na ocasião, Gaya expôs o projeto relacionado ao exercício físico e a síndrome metabólica, que terá projeto-piloto na Escola Estadual Presidente Roosevelt, em Porto Alegre. Ele também informou que a infraestrutura da ESEF/UFRGS está à disposição dos interessados na realização da pesquisa. “O objetivo é divulgar este projeto junto aos profissionais de Educação Física, buscando sempre a valorização da profissão”, disse Gaya.


Câmara Técnica de Saúde



CREF2/RS visita sede da Associação Brasileira de Apoio aos Operados Bariátricos
18/02/2016
Fonte: CREF2/RS

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) visitou no dia 17 a sede da Associação Brasileira de Apoio aos Operados Bariátricos (ABAOB), em Porto Alegre. Carmen foi recebida por Bianca e Jussara Tessele, fundadoras da entidade, que apresentaram à presidente os serviços e os programas de ajuda e incentivo disponibilizados pela Associação àqueles que estão na nova condição de vida. “Nosso foco é na continuidade do tratamento e ao incentivo a que as pessoas voltem às consultas com suas equipes multidisciplinares e pratiquem atividades físicas, evitando o reganho de peso”, explicou Bianca.

De acordo com Carmen, o trabalho realizado pela ABAOP é fundamental no combate à epidemia de obesidade e sobrepeso que assola o estado e o Brasil. “A ABAOP tem um trabalho sério e competente. Eu fiquei entusiasmada com as instalações da Associação, tanto que cogito realizar meu treinamento físico aqui”, afirmou a presidente.

O CREF2/RS é parceiro da ABAOP e do Grupo de Apoio aos Bariátricos do Sul (GABSUL) no Projeto Desobesa Brasil, que tem como objetivo engajar em atividades físicas, esportivas, programas de saúde nutricional e psicológico pessoas com sobrepeso de todas as idades e àquelas que realizaram a cirurgia bariátrica. O Projeto realizou recentemente um evento em Tramandaí e está preparando mais uma edição em Porto Alegre.

Serviços oferecidos pela ABAOP
Nutricionista, psicológico, clínico geral (R$ 40,00 a consulta), ginecologista (R$ 40,00 a consulta), obstetra (R$ 40,00 a consulta), coach terapia, psicopedagógico, avaliação física, massoterapeuta. *
*Descontos para associados
Academia:
- Musculação: todos os dias das 7h às 21h
- Personal trainer: todos os dias das 7h às 21h
- Reabilitação Física: todos os dias das 7h às 21h
- Biodança: segunda-feira das 19h às 22h
- Yoga: terças-feiras e quintas-feiras das 10h às 11h30
- Avaliação Física com Bioimpedância: todos os dias das 7h às 21h
- Programa Barimovie: Programa de exercícios físicos voltados tanto para a preparação e recuperação dos parâmetros físicos modificados com a cirurgia bariátrica: Postura e equilíbrio corporal, manutenção da massa muscular, condicionamento cardiorrespiratório, diminuição exclusiva de gordura corporal.
Endereço: rua Comendador Rodolfo Gomes, 437 - Menino Deus - Porto Alegre/RS
Contato: (51)3019-2863/(51)8245-0660/e-mail: gabsulrs@gmail.com


ABAOP



Federação Gaúcha de Desportos Aquáticos visita o CREF2/RS
12/02/2016
Fonte: CREF2/RS

O presidente da Federação Gaúcha de Desportos Aquáticos (FGDA), Mauro Campos de Quadros (CREF 009623-G/RS), visitou hoje (12) a presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), na sede do Conselho, quando apresentou o trabalho do seu primeiro ano de gestão frente à Federação. Segundo Mauro, o objetivo é estreitar relações entre as duas entidades possibilitando futuras ações conjuntas. “Fizemos esta aproximação pois o profissional de Educação Física registrado traz credibilidade ao esporte, dando segurança à pessoa que está sendo orientada, preservando com isto sua integridade física e moral", explicou.

Filiada à Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos, a FGDA é a entidade estadual responsável pela organização das competições de natação, polo-aquático, nado sincronizado, saltos ornamentais e maratonas aquáticas. Atualmente no estado são realizadas competições oficiais de natação e de maratonas aquáticas. Estas competições são organizadas entre as dezenove associações filiadas/vinculadas, contando com, aproximadamente, 2000 atletas em suas competições oficiais. Participam, ainda, das competições os nadadores master, que contam com cerca de trinta clubes/escolas, com um total de 1.000 atletas cadastrados.


Esportes Aquáticos



Projeto Desobesa Brasil promove hábitos saudáveis em Tramandaí neste sábado
11/02/2016
Fonte: Projeto Desobesa Brasil

Com objetivo de promover a saúde e combater a obesidade, ocorre neste sábado (13) a segunda edição do Projeto Desobesa Brasil na praia de Tramandaí, junto à Casa Estação Verão SESC. A programação tem início às 16h. O projeto visa engajar profissionais da saúde e a comunidade para incentivar as práticas saudáveis e cuidados com a saúde, como uma das formas de estímulo às mudanças de hábitos alimentares e redução do sedentarismo. O Projeto Desobesa Brasil é promovido no Rio Grande do Sul pelo Grupo de Apoio aos Operados Bariátricos do Sul (GABSUL), organização que busca a reinserção social do obeso e daqueles que realizam o procedimento cirúrgico bariátrico.
Projeto Desobesa Brasil Tramandaí 2016
Local: Casa Estação Verão SESC – avenida Beira Mar (próximo ao número 2030 – em frente ao condomínio Quebra Mar)
Data e horário: sábado (13), às 16h


Projeto Desobesa Brasil



CREF2/RS e CRO/RS firmam convênio e estabelecem parceria
22/01/2016
Fonte: CREF2/RS

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), e o presidente do Conselho Regional de Odontologia (CRO/RS), José Maria Holderbaum (CRO/RS 7193), reuniram-se na sede do CRO/RS nesta quarta-feira (20), dando início a um processo de aproximação entre as duas entidades, com o objetivo de firmar convênio cujo objeto é o assessoramento mútuo e outros benefícios. Os dois conselhos representam mais de 45 mil profissionais em todo o Estado e atuam na promoção da saúde.

Segundo Holderbaum e Masson, a partir dessa parceria, espera-se uma ampla troca de conhecimento entre as autarquias. "Assessoramentos, cursos e treinamentos serão fornecidos por ambas as partes a partir de agora. Esperamos contribuir com nossas experiências e colher bons resultados desse acordo colaborativo", assegurou Holderbaum.


Convênios



Presidente do CONFEF visita CREF2/RS e traz solidariedade ao conselheiro federal Professor Garcia
21/01/2016
Fonte: CREF2/RS

O presidente do CONFEF Jorge Steinhilber (CREF 000002-G/RJ) esteve hoje (21) na sede do CREF2/RS. De acordo com o Steinhilber, suas visitas aos Conselhos Regionais têm o objetivo de manter a harmonia do Sistema CONFEF/CREFs. “Principalmente quando surgem ameaças externas, como o recente projeto do Conselho Nacional de Educação (CNE) de extinção do bacharelado e a proposta da criação de cursos de graduação em gestão esportiva e futebol pelo Ministério da Educação, já que não está claro qual o objetivo deste curso”, explicou.

Steinhilber também conversou com a presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) questões relativas à Educação Física Escolar, assunto que será tratado em um encontro promovido pelo CONFEF em breve. O presidente ressaltou que a data da visita ao CREF2/RS se reveste de um significado especial, já que hoje é o aniversário do conselheiro federal Professor Garcia (CREF 000002-G/RS), que está hospitalizado há mais de 180 dias. “Vim prestar solidariedade de todo o Sistema CONFEF/CREFs, na certeza de que ele vai superar esta fase e retornar ao nosso convívio rapidamente. O conselheiro, além de muito ativo e competente, tem uma bela história na construção da profissão de Educação Física no Brasil”, destacou.


Sistema CONFEF CREFs



Câmara Técnica de Corrida de Rua participa do Dia Mundial da Saúde
13/01/2016
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Corrida de Rua realizou, na tarde desta quarta-feira (13), sua reunião mensal. Entre os temas tratados, foram debatidas as ações que a Câmara pretende realizar no Fórum das Entidades da Saúde de Porto Alegre e do estado, evento que ocorrerá em comemoração ao Dia Mundial da Saúde (7 de abril).

Segundo a presidente da Câmara, Cláudia Ramos Lucchese (CREF 002358-G/RS), a ação deverá acontecer no Parque da Redenção, em Porto Alegre, na primeira quinzena de abril, e seguirá os protocolos da Organização Mundial de Saúde que recomendam a caminhada e a corrida de rua como alternativas democráticas e baratas de atividade física. “Esta será uma ótima oportunidade para a Câmara sensibilizar a população quanto a necessidade de modificar o estilo de vida sedentário e praticar atividade física regular, a fim proporcionar maior qualidade de vida”.

Cláudia ressaltou a integração de novas assessorias esportivas à Câmara, bem como a participação na reunião do profissional de Educação Física Diogo Lopes Castilho (CREF 008405-G/RS), que explanou as atividades desenvolvidas pelo SESI-RS, local em que trabalha. Também foi iniciado o estudo do conteúdo de uma cartilha sobre caminhada e corrida de rua, que será editada para profissionais de Educação Física e população.

Estiveram presentes à reunião Cláudia Ramos Lucchese (CREF 002358-G/RS), Gabriel Picarelli Mafalda (CREF 015471-G/RS), Renato Rimoni Capanelli (CREF 002109-G/RS), Juliano Maciel (CREF 016431-G/RS), Diogo Lopes Castilho (CREF 008405-G/RS) e Kátia Ferreira (CREF 014403-G/RS).


Câmara Técnica de Corrida de Rua



Comissão de Ensino Superior elege presidente nesta terça-feira
05/01/2016
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional do CREF2/RS reuniu-se na tarde desta terça-feira (5), quando elegeu como seu presidente o conselheiro do CREF2/RS e professor da ESEF-UFPel Eduardo Merino (CREF 004493-G/RS), e como secretário Leomar Tesche (CREF 000129-G/RS), docente da Unijuí e também conselheiro do CREF2/RS. Segundo Merino, o encontro marca a retomada do trabalho de aproximação com as instituições de ensino superior que já vinha sendo realizado em 2015. “Neste ano, pretendemos atuar auxiliando na formação continuada, promovendo com isto a capacitação e a reciclagem de conhecimento dos profissionais de Educação Física”, explicou.

Na ocasião, os membros da Comissão trabalharam na organização da reunião de coordenadores de cursos de bacharelado, que ocorrerá no próximo dia 19 de janeiro, na sede do CREF2/RS, bem como debateram o planejamento estratégico de ações para 2016, que prevê visitas e palestras nos cursos de Educação Física, além da possibilidade da criação de um acervo digital de dissertações e teses.

Também estiveram presentes à reunião os conselheiros do CREF2/RS Débora Rios Garcia (CREF 002202-G/RS), Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS) e Carlos Ernani Olendzki de Macedo (CREF2/RS 001262).


Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional



Congresso de Cardiologia terá Simpósio de Educação Física em maio de 2016
14/12/2015
Fonte: CREF2/RS

Nesta segunda-feira (14), as profissionais de Educação Física Rosane Nery (CREF 003467-G/RS) e Maurice Zanini (CREF 008491-G/RS) visitaram o CREF2/RS para divulgar o Simpósio de Educação Física, que será realizado durante o Congresso de Cardiologia da Sociedade de Cardiologia do Rio Grande do Sul (SOCERGS), em Gramado, do dia 19 a 21 de maio de 2016. De acordo com Rosane, o evento trará os principais avanços da ciência do exercício e sua relação com a saúde cardiovascular. “Teremos a presença de pesquisadores e profissionais das mais respeitadas instituições e centros de ensino”, informa.

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), afirmou que o desenvolvimento científico dos estudos do exercício é relativamente recente, e que o Simpósio será uma excelente oportunidade para explorar e aprofundar estes temas. “O diálogo que se travará será muito útil para a capacitação do profissional de Educação Física”, assevera. O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), lembrou que o sedentarismo levou a uma epidemia de obesidade e sobrepeso, causando, dentre os muitos danos à saúde, problemas cardiovasculares. “Somos os profissionais da saúde que atuam diretamente na prevenção das doenças, pois a prática regular do exercício físico tem comprovada melhora da função cardiovascular”, alertou Aguiar.


Simpósio de Educação Física Cardiologia



Câmara de Ginástica Laboral realiza sua reunião mensal
10/12/2015
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS reuniu-se na sede do Conselho na tarde desta quarta-feira (9). Entre os assuntos tratados, foi realizada a avaliação do evento “Profissional de Educação Física como Protagonista da Ginástica Laboral”, organizado em comemoração ao Dia da Ginástica Laboral na Câmara Municipal de Porto Alegre, no dia 23 de novembro.

Também foi debatida a expectativa de aquecimento do mercado de Ginástica Laboral nos próximos meses, e o respectivo incremento na disponibilização de vagas do site do CREF2//RS, que já está sendo reformatado para atender a demanda. Quanto à hora-aula, foi sugerido que o CREF2/RS, o SEBRAE/RS, a ACAD RS e o SINPEF/RS reúnam-se com empresas de Ginástica Laboral para discutir os valores de referência em março de 2016. Concluindo a reunião, ficou determinado que será feito um levantamento dos profissionais de Educação Física e das empresas que atuam com Ginástica Laboral no Rio Grande do Sul, e definiu-se que as reuniões da Câmara em 2016 serão realizadas na segunda quarta-feira de cada mês, das 9h às 11h, na sede do CREF2/RS.

Estiveram presentes à reunião o presidente da Câmara e vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS), Alessandro Gonçalves (CREF 005863-G/RS), Márcio Martini (CREF 002842-G/RS), Magale Konrath (CREF 000378-G/RS) e Jussara Mesquita da Costa (CREF 009226-G/RS). A próxima reunião está prevista para o dia 13 de janeiro de 2016.


Ginástica Laboral



Corredor de rua gaúcho vai à Disney disputar Desafio do Dunga
09/12/2015
Fonte: CREF2/RS

O corredor de rua Darlan Souza (CREF 015393G/RS), credenciado na Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), esteve na sede do CREF2/RS nesta terça-feira (8) para divulgar sua viagem aos Estados Unidos, onde disputará a Maratona Disney (Walt Disney World® Marathon), realizada nos parques temáticos entre os dias 06 a 10 de Janeiro de 2016. Nesta edição da competição, Darlan participará do Desafio do Dunga, correndo em quatro parques as distâncias de 5km, 10km, 21km e 42km, totalizando 78 km. Há 20 anos, o principal complexo de entretenimento do Planeta organiza, na segunda semana de janeiro, provas de corrida de rua que atraem cada vez mais participantes do mundo todo.


Corrida de Rua



Projeto Qualificação da Gestão de Academias tem segunda edição em 2016
07/12/2015
Fonte: CREF2/RS

O gestor de Projetos de Saúde e Bem-Estar do SEBRAE/RS, Antônio de Pádua Melo Júnior, apresentou nesta segunda-feira (07), na sede do CREF2/RS, os dados referentes ao Projeto Qualificação da Gestão de Academias de Porto Alegre de 2015. Segundo Pádua, cerca de 60 academias de Porto Alegre e da Região Metropolitana receberam capacitação técnica, todas elas registradas no Conselho. “O projeto teve como objetivo promover o acesso ao mercado e auxiliar a gestão empresarial das academias”, afirma. A ação é resultado de uma parceria com a Associação das Academias do Rio Grande do Sul (ACAD), CREF2/RS e o SEBRAE/RS.

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), afirmou que convênio será mantido em 2016, e apontou a pouca informação sobre gestão com que os novos alunos saem da universidade como empecilho ao sucesso de muitos empreendimentos."Dados mostram que a maioria das academias que fecham são administradas por profissionais de Educação Física, o que demonstra nosso desconhecimento sobre gerenciamento de negócios", constata. Para o vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), ações como a do SEBRAE/RS desenvolvem no profissional de Educação Física um novo olhar sobre o mercado. “Projetos como este auxiliam, por exemplo, na precificação dos serviços e no cálculo e aumento de percentuais de lucro”.


SEBRAE RS



CREF2/RS presente na 12ª edição do projeto Desobesa Brasil
30/11/2015
Fonte: CREF2/RS

Neste sábado (28), o CREF2/RS esteve presente à 12ª edição do projeto Desobesa Brasil e da 1ª Caminhada de Combate à Obesidade e Sedentarismo, realizada no Parque Marinha do Brasil pela Associação Brasileira de Apoio aos Operados Bariátricos (ABAOB). No evento, foram realizados cerca de 50 avaliações antropométricas, além de serem concedidas informações sobre a importância da atividade física orientada.

De acordo com a vice-presidente ABAOB, Jussara Tessele, a obesidade é o segundo maior fator de risco evitável para o câncer, perdendo apenas para o tabagismo, e a mortalidade do câncer é maior na população obesa."Isto é muito preocupante, pois pesquisa divulgada em março pelo IBGE mostra que o Rio Grande do Sul tem o maior percentual do país de pessoas com excesso de peso", assinala. Segundo dados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM), o Brasil está em segundo lugar na lista de países que mais realizam procedimentos de redução de estômago no mundo, perdendo apenas para os Estados Unidos.

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), defendeu um novo estilo de vida, com atividade física, novos hábitos alimentares e os exames periódicos como fatores fundamentais na boa recuperação pós-operatória, manutenção do peso e da saúde em geral. "Aproximadamente de 10 a 15% desses pacientes, depois de alguns anos, recupera todo o peso perdido na cirurgia. Por isto nossa ênfase em atividade física", afirma. Segundo Carmen, após a cirurgia ocorre uma perda de peso significativa de, em média, 30 a 60 quilos, provocando flacidez. “O exercício físico fortalece o músculo e evita as cirurgias plásticas que podem expor o paciente a infecções”, explica.


Desobesa Brasil



Conselho realiza avaliações antropométricas neste sábado no Parque Marinha do Brasil
26/11/2015
Fonte: CREF2/RS

No próximo sábado, dia 28 de novembro, a Associação Brasileira de Apoio aos Operadores Bariátricos (ABAOB) vai realizar, no Parque Marinha do Brasil, em Porto ALegre, a 12ª edição do projeto Desobesa Brasil e a 1ª Caminhada de Combate à Obesidade e Sedentarismo. Os eventos contarão com a participação do CREF2/RS, que estará no local realizando avaliações antropométricas e concedendo informações sobre a importância da atividade física orientada. O horário de atendimento será das 15h às 19h, em frente à Secretaria Municipal de Esportes, Recreação e Lazer (SME).

A programação desta edição do Desobesa Brasil também contará com uma oficina de vôlei de praia, promovida pela Federação Gaúcha de Vôlei, uma aula de patinação e uma série de atividades esportivas para o público infantil, entre outras mais. O evento será gratuito e aberto para a comunidade em geral. Compareça!

Desobesa Brasil – 12ª edição
Sábado, 28 de novembro, das 15h às 19h
Local: Parque Marinha do Brasil, em frente à SME
Endereço: Avenida Borges de Medeiros, 2035 – Praia de Belas


Desobesa Brasil atendimento



CREF2/RS e CREF Serra têm expediente reduzido na próxima segunda-feira
11/11/2015
Fonte: CREF2/RS

Em razão de treinamento interno, tanto a sede do CREF2/RS, em Porto Alegre, como a do CREF Serra, em Caxias do Sul, terão expediente até às 16h na próxima segunda-feira (16), retornando ao horário usual na terça-feira (17).

O funcionamento do CREF2/RS é das 9h às 17h, de segunda a sexta-feira; e do CREF Serra é de segunda a quinta, das 9h às 12h, e das 13h às 18h. Nas sextas, a sede de Caxias do Sul tem o seu expediente externo com horário reduzido, das 13h às 18h.

Para agilizar o seu atendimento, agende previamente por aqui.


Expediente



Projeto Desobesa Brasil estimula vida saudável no Parque Marinha do Brasil no dia 28
05/11/2015
Fonte: ABAOB

A Associação Brasileira de Apoio aos Operados Bariátricos (ABAOB), com apoio do CREF2/RS e dos conselhos ligados à saúde, promove no dia 28 de novembro, das 15h às 19h, a 12ª Edição do Projeto Desobesa Brasil e a 1ª Caminhada de Combate à Obesidade e Sedentarismo no Parque Marinha do Brasil, em Porto Alegre.

Será um dia com múltiplas atividades, no qual vários profissionais da saúde prestarão atendimento e mobilizando a sociedade para o combate à obesidade e ao sobrepeso. Haverá avaliações físicas e dicas de nutrição, aulas de skate, patinação e a secretaria Municipal de Esportes, Recreação e Lazer (SME) promoverá atividades lúdicas e esportivas para as crianças.

A ABAOB e o Projeto Desobesa Brasil têm como objetivo engajar pessoas com sobrepeso e àquelas que realizaram a cirurgia bariátrica em atividades físicas, esportivas, programas de saúde nutricional e psicológico. Ambos buscam a reinserção do obeso e daqueles que realizam o procedimento cirúrgico bariátrico, procurando formas de incentivo à socialização das pessoas que não saíam de casa, por se sentirem discriminadas pela sociedade.

O CREF2/RS fará atendimento no local, realizando avaliações físicas e exames de bioimpedância, método moderno de alta precisão na avaliação da composição corporal e do percentual de gordura corpórea, da massa magra e da hidratação. O Conselho também reforçará junto à população seu papel de fiscalizador dos serviços prestados pelos profissionais de Educação Física.

Desobesa Brasil - 12ª Edição

Sábado, 28 de novembro, das 15h às 19h
Local: Parque Marinha do Brasil, em frente à SME
Endereço: Avenida Borges de Medeiros, 2035 - Praia de Belas

Atendimento da equipe do CREF2/RS, com avaliações antropométricas, orientações sobre atividade física e informações sobre trabalho desenvolvido pelo Conselho


Associação Brasileira de Apoio aos Operados Bariátricos



CREF2/RS e CREF Serra não têm expediente nesta sexta
28/10/2015
Fonte: CREF2/RS

Por conta do Dia do Servidor Público, o CREF2/RS, em Porto Alegre, e o CREF Serra, em Caxias do Sul, não abrirão nesta sexta-feira, dia 30 de outubro. O atendimento aos profissionais de Educação Física voltará a ser feito somente na próxima terça-feira (3), após o feriado de Finados.

O horário de funcionamento do CREF2/RS é das 9h às 17h, de segunda a sexta-feira; e do CREF Serra é de segunda a quinta, das 9h às 12h, e das 13h às 18h. Nas sextas, a sede de Caxias do Sul tem o seu expediente externo com horário reduzido, das 13h às 18h.

Como forma de facilitar os precedimentos, o atendimento nos dois pode ser previamente agendado por aqui.


CREF Serra



III Fórum Municipal do Esporte e Lazer do CMD de Caxias do Sul debate Olimpíadas e políticas públicas
20/10/2015
Fonte: CREF2/RS

O Conselho Municipal do Desporto (CMD) de Caxias do Sul realizou no dia 17 seu III Fórum Municipal do Esporte e Lazer. O evento, que contou com apoio do CREF2/RS e da Secretaria Municipal do Esporte e Lazer do município, teve como tema os Jogos Olímpicos e Paralímpicos 2016 e visou fomentar as práticas desportivas no município, bem como debater com a população as prioridades das políticas públicas no segmento esportivo.

A presidente do CMD, Márcia Rohr da Cruz (CREF 007542 G/RS), destacou a importância da atuação do profissional de Educação Física no município serrano. “Observamos uma mudança de atitude e uma cobrança mais efetiva por parte da população para que o profissional habilitado esteja presente no atendimento, garantindo serviços de qualidade”, assinalou. Quanto à gestão dos esportes, Márcia lembrou que o Fiesporte, projeto da Secretaria Municipal do Esporte e Lazer, dará oportunidade para que projetos esportivos e de lazer bem elaborados sejam desenvolvidos na região. “São R$ 3,3 milhões disponibilizados neste ano”, explicou.

O conselheiro Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), representante do CREF2/RS no evento, reforçou a importância do CMD como um instrumento político da sociedade caxiense e de parceria com o CREF2/RS. “Trabalhando com prioridade nas politicas públicas relacionadas à promoção da saúde e na prevenção das doenças, o CMD é nosso aliado na luta para que a Educação Física nas séries iniciais seja ministrada por profissionais de Educação Física, ou em ações por um modo de vida mais saudável e na luta contra a obesidade e doenças relacionadas ao sedentarismo”, afirmou.

As mesas-redondas contaram com a participação de Alvaro Koslowski (CREF 006163-G/RS), membro do Comitê Olímpico Brasileiro e treinador de Canoagem Velocidade, trazendo questões relativas à preparação para os Jogos Olímpicos, Fernando Silveira, que teorizou sobre captação e projetos para patrocínios esportivos. Já o treinador da seleção paralímpica de basquete em cadeiras de rodas, Tiago Frank (CREF 015592-G/RS), discorreu sobre Políticas Públicas de Esporte e Lazer para Pessoas com Deficiência em Caxias do Sul. Ao final do Fórum, foram abordados os eixos temáticos esporte educacional, comunitário, adaptado e inclusão e esporte de rendimento.


CMD



Departamentos de Fiscalização do CREF2/RS e do Crefito5 realizam reunião conjunta
09/10/2015
Fonte: CREF2/RS

Nesta quinta-feira (8), o Departamento de Fiscalização e Orientação (DEFOR) do CREF2/RS e o Departamento de Fiscalização (DEFIS) do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Crefito5) estiveram reunidos na sede do CREF2/RS, dando prosseguimento ao processo de aproximação das duas autarquias. Na pauta, foram debatidas as atribuições das duas profissões, parcerias em fiscalizações e o lançamento de um protocolo de intenções conjunto, bem como a realização de audiências públicas e eventos coletivos. Também foram tratadas questões relativas à prática de Zumba e do Pilates.

Na ocasião, a presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) discorreu sobre o trabalho multidisciplinar e as atribuições de cada área. “Ao observar os profissionais ligados à saúde atuando, percebe-se uma tendência para a individualização, restringindo o exercício multidisciplinar”, afirmou. “Quanto mais nos conhecemos, mais nos respeitamos, alcançando com isto a interdisciplinaridade”, sintetizou Carmen. A coordenadora do DEFOR, Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), observou que ainda persiste a desinformação sobre as atribuições de cada profissão. “Comprovamos isto em nossas fiscalizações. Nestes casos, trabalhamos com a orientação, acima de tudo”.

Segundo Simone Camponi, coordenadora do DEFIS, muitas vezes fica imperceptível à população as diferenças profissionais entre fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais e os profissionais de Educação Física. “É muito importante que haja clareza nas atribuições das profissões, resultando em segurança na escolha do tratamento por parte dos pacientes”. A coordenadora da Fiscalização do Crefito, Silvana Halmenschlager, frisou que o encontro dá uma excelente contribuição para tratar das áreas "sombreadas" entre as profissões ligadas à saúde. “Temos atribuições muito próximas, mas bem delineadas”, afirmou.


DEFOR



Conselheira realiza palestra no I Simpósio do Fórum RS
07/10/2015
Fonte: CREF2/RS

A conselheira Eneida Feix (CREF 002116-G/RS) proferiu ontem (6) a palestra “Interações propositivas da qualificação da saúde e bem-estar da sociedade” no I Simpósio do Fórum RS, na qual fez um relato minucioso da interação do Conselho com os profissionais de Educação Física e com a sociedade. O evento, que teve como tema “O papel dos Conselhos Profissionais junto à sociedade”, foi realizado na sede do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECIRS), com organização da Câmara da Saúde Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissionais Regulamentadas do Rio Grande do Sul (Fórum-RS).

Em sua exposição, Eneida ressaltou a importância da troca interdisciplinar de conhecimentos. “Participar de eventos com outros conselhos vem sendo uma política eficaz para aprimorarmos a nossa gestão”, afirmou. A conselheira discorreu sobre a pauta de lutas em prol da Educação Física travada pelo Conselho, ampliada neste ano com a defesa da Fundergs e do CETE. “Por meio de mobilização e pressão política, conseguimos retirar o regime de urgência do Projeto de Lei que extingue a Fundação”. Ela frisou que as verbas destinadas à atividade física não são gastos públicos, mas sim investimento em saúde e inclusão social.

A conselheira explicou que a obrigatoriedade do profissional de Educação Física habilitado orientando as séries iniciais Educação Física Escolar, uma luta histórica do Conselho, obteve importante vitória em 2014 em Porto Alegre com a aprovação da Lei nº 11.585, de autoria do vereador Professor Garcia (CREF 000002-G/RS), que obriga a formação em curso superior de Licenciatura em Educação Física para a docência dessa disciplina no Ensino Fundamental “Diante da epidemia de obesidade e doenças relacionas, como diabetes e hipertensão, nossa luta é para torná-la estadual”.

Na mesa-redonda que se seguiu ao debate, foram abordados temas como fiscalização e a interação com a SMIC, Vigilância Sanitária, Procon, Polícia Civil e Brigada Militar. Também estiveram presentes a presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), o presidente da Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), e o presidente do CRECIRS, Flávio Koch.


Fórum-RS



Especialista em maturidade ativa defende novo estilo de vida no I Seminário Multiprofissional
05/10/2015
Fonte: CREF2/RS

O coordenador técnico do Programa Maturidade Ativa do SESC-RS, Eduardo Danilo Schmitz (CREF 006366-G/RS), foi um dos palestrantes do I Seminário Multiprofissional, realizado na sexta-feira (2), na nova sede do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECIRS), em Porto Alegre. A ação, alusiva ao Dia do Idoso (1º de outubro), foi organizada pelo Conselho Regional de Fonoaudiologia (CREFONO7), com apoio do CREF2/RS e dos Conselhos Regionais de Farmácia, Nutrição e Fisioterapia e Terapia Ocupacional. Ao final do encontro, uma mesa-redonda multiprofissional, que contou com a presença do presidente da Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), debateu temas interdisciplinares propostos na programação.

O profissional de Educação Física, que é mestre em Envelhecimento Humano pela UPF, palestrou sobre a promoção da qualidade de vida, a saúde e o envelhecimento. Ele relembrou que o movimento humano sempre foi necessário, seja para caçar ou para se defender, mas que, com o passar do tempo, foram desenvolvidas incontáveis tecnologias que facilitaram a existência do homem. “O que é muito bom por um lado, mas por outro acentua o sedentarismo e as doenças associadas a este estilo de vida”, constatou. O coordenador do SESC-RS observou que Porto Alegre ostenta o título de capital vice-campeã em índices de obesos no país. "Assistimos ao que se chama de transição epidemiológica, ou seja, se no passado as grandes vilãs eram as doenças infecciosas transmissíveis, hoje a preocupação são as doenças crônicas não transmissíveis, como hipertensão, diabetes e osteoporose”.

Schmitz trouxe dados de uma pesquisa realizada pela Universidade de Navarra, na Espanha, país onde a obesidade é diretamente responsável por cerca de 2% a 4% dos gastos totais em saúde. O estudo demonstra que um euro investido na promoção de esportes cria uma economia estimada de 50 euros em gastos em saúde ao longo de 15 anos. “Se as pessoas têm espaço adequado e um contexto educacional, teremos um caminho para mudar esta realidade”, sintetizou.

O coordenador destacou o fato destas doenças já serem observadas em pessoas na faixa dos 30 anos, e propôs a modificação do estilo de vida da população como um meio de envelhecimento saudável. “Muitas vezes, este modo de vida não é uma escolha. Aposto muito em educação e políticas públicas para solucionar esses problemas”. O profissional de Educação Física criticou o modelo imediatista do corpo perfeito imposto pela sociedade. “Isso só causa frustração. Vejo, porém, algumas alternativas, como o programa de incentivo à atividade física do SUS”, exemplificou.


Dia do Idoso



Semana do Idoso terá seminário multiprofissional
22/09/2015
Fonte: CREFONO 7

Já estão abertas as inscrições para o Seminário Multiprofissional, evento que será realizado no dia 2 de outubro no auditório do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECIRS), em sua sede na rua Guilherme Alves, 1010, em Porto Alegre. O encontro alusivo ao Dia do Idoso, comemorado em 1º de outubro, é uma realização do Conselho Regional de Fonoaudiologia (CREFONO7), com apoio do CREF2/RS e dos Conselhos Regionais de Farmácia, de Nutrição e Fisioterapia e Terapia Ocupacional.

Seminário Multiprofissional na Semana do Idoso
13h30min - Entrega de materiais
14h - Abertura - Marlene Canarim Danesi - fonoaudióloga, especialista em Linguagem, mestre em Problemas e Patologias do Desvalimento e presidente do CREFONO 7
14h15min - Palestra - "Envelhecimento e Saúde" - Jussara Rauth - assistente social, especialista em Gerontologia e presidente do Conselho Estadual do Idoso
15h15min - Apresentação Cultural
15h45min - Intervalo
16h - Mesa-redonda multiprofissional - Fonoaudiologia, Educação Física, Nutrição, Fisioterapia e Farmácia - moderadora fonoaudióloga Mirian Teresinha Pinheiro da Silva
17h15 - Pré-encerramento - "Qualidade de Vida e Envelhecimento Saudável" - Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do CREF2/RS e Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), presidente da Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS
17h30min – Debate e encerramento

Local: auditório do CRECIRS - rua Guilherme Alves, 1010, Partenon, Porto Alegre
Data: 2 de outubro
inscrições gratuitas pelo e-mail eventos@crefono7.org.br


Dia do Idoso



Eleição do CREF2/RS 2015 tem participação ativa dos profissionais de Educação Física
18/09/2015
Fonte: CREF2/RS

Mesmo com o mau tempo desta sexta-feira (18), a participação dos profissionais de Educação Física na eleição da nova diretoria do CREF2/RS alcançou as expectativas e transcorreu com tranquilidade. A votação foi encerrada às 17h, quando a Comissão Eleitoral iniciou o processo de apuração dos votos que elegerá os 14 conselheiros para um mandato de seis anos, sendo 10 destes efetivos e quatro suplentes, os quais se juntarão aos 14 conselheiros eleitos em 2012, compondo a Plenária. A diretoria é o órgão que exerce as funções administrativas e executivas no Conselho.

O processo eleitoral teve início em maio, a partir da divulgação do Regimento Eleitoral para a eleição 2015 e da formação da Comissão Eleitoral, integrada pelo presidente Jacques Delhaye Hidalgo (CREF 002325-G/RS) e por Alexandre Ritter (CREF 002070-G/RS), Loreti Sandra Rucatti (CREF 059476-G/RS) e pelo suplente Samuel Moreira de Almeida (CREF 013510-G/RS). Em cinco meses de atuação, a Comissão e os funcionários designados pelo Conselho trabalharam com afinco para garantir a lisura das eleições. Para futuras eleições, o presidente da Comissão sugeriu aos profissionais que se informem sobre o regimento eleitoral antes de fazer questionamentos. “As eleições são um momento muito importante na trajetória do Conselho e têm regras bastante específicas”, frisou Hidalgo. Segundo Alexandre Ritter, todos os questionamentos relativos a procedimentos eleitorais feitos pelos profissionais de Educação Física foram estudados e respondidos por e-mail. “Nos esforçamos para que esta eleição tivesse a maior transparência possível”, asseverou.

Com mais de 60 anos dedicados ao halterofilismo gaúcho e aos 86 anos de idade, Arnobio Sigaran (CREF 003284-P/RS) não deixou de comparecer à sede do Conselho para votar. “Tenho acompanhado o trabalho do CREF2/RS com bastante satisfação. É fundamental um Conselho forte para termos uma categoria unida”, avaliou. Para Débora Costa (CREF 000949-G/RS), a participação no processo eleitoral é uma ferramenta importante no aperfeiçoamento da profissão. “Só de forma democrática nós construiremos a Educação Física que este país precisa”.


Eleições CREF2 RS 2015



Eleição do CREF2/RS ocorre hoje das 10h às 17h
18/09/2015
Fonte: CREF2/RS

A eleição do CREF2/RS ocorre hoje, das 10h às 17h. Os profissionais de Educação Física que não enviaram o seu voto por correspondência podem exercê-lo na sede do Conselho (Rua Coronel Genuíno, 421/401 - Centro), em Porto Alegre.

A votação é facultativa e a nominata dos profissionais habilitados para participar da eleição está disponível aqui. As informações completas sobre o pleito do CREF2/RS estão à disposição para consulta neste link.


Eleições 2015



FIEP homenageia CREF2/RS
14/09/2015
Fonte: CREF2/RS

A delegada da Federação Internacional de Educação Física (FIEP) do Ceará, Patrícia Feitosa Lima (CREF 000955-G/CE), e o delegado da FIEP do Rio Grande do Sul, Everton Luis Deiques (CREF 008538-G/RS), visitaram a sede do CREF2/RS na sexta-feira (11) para realizar a entrega de um Certificado de Honra ao Conselho pelo contínuo apoio às ações da FIEP. A distinção foi recebida pela 1ª tesoureira Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS). “Ficamos gratos pelo reconhecimento de uma organização historicamente parceira de tantas lutas”, disse Miryam.

Patrícia também veio participar da posse dos divulgadores da FIEP e proferir uma palestra na Sogipa, em Porto Alegre, com o tema "Saúde e Atividade Física". "Busco nesta visita a troca de informações sobre práticas desportivas e o aperfeiçoamento do profissional de Educação Física", explicou. Segundo Deiques, a vinda da delegada é um ato de reciprocidade aos delegados gaúchos que foram ao Ceará."Foi muito interessante vermos como as práticas e a cultura nordestina influem na atividade física do local”. A FIEP, fundada no dia 2 de Julho de 1923 em Bruxelas (Bélgica), já realizou mais de 100 congressos internacionais em inúmeros países de todos os continentes e continua estudando a concepção de Educação Física, os meios para o esporte, as técnicas e as formas de ensino e a formação de professores.


FIEP



CREF2/RS lança publicação da Ginástica Laboral
11/09/2015
Fonte: CREF2/RS

A publicação da Ginástica Laboral do CREF2/RS já está sendo distribuída gratuitamente na sede do Conselho e disponibilizada para download aqui. Produzida pela Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS, a edição aborda, com textos objetivos, temas como o conceito da Ginástica Laboral, finalidades e resultados esperados, etapas mínimas para aplicar o programa, além de questões éticas e de qualificação. O documento foi resultado de reuniões, pesquisas e de experiências práticas realizadas pelos profissionais ligados à Ginástica Laboral e tem como objetivo sensibilizar a sociedade, empresários e profissionais de Educação Física para os benefícios proporcionados pela atividade.

Segundo o presidente da Câmara, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), a publicação reflete o atual momento vivido pela Ginástica Laboral no Estado. "Há alguns anos, nossos serviços eram privilégio de grandes organizações. Hoje, empresas de qualquer porte, independente do número de empregados, podem adotar o programa adequado à sua realidade. Esta nova conjuntura, aliada aos esforços da Câmara, propiciou a presente edição”. O secretário da Câmara Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS) ressaltou que as informações divulgadas na publicação traduzem a importância da Ginástica Laboral como promotora da saúde do trabalhador. “Este documento é uma forma de qualificar os profissionais de Educação Física e, em contrapartida, garantir o bem-estar e a qualidade de vida do trabalhador”.


Ginástica Laboral



CongregaCREF reúne profissionais e estudantes para discutir atividade física e saúde
04/09/2015
Fonte: CREF2/RS

Para comemorar o Dia do Profissional de Educação Física, celebrado todos os anos em 1º de setembro, o CREF2/RS realizou o CongregaCREF – Seminário Sul Brasileiro de Educação Física. O evento, realizado entre os dias 28 e 29 de agosto, no auditório da AMRIGS, reuniu profissionais e estudantes para discutir temas relacionados à atividade e à saúde.

Além da mesa-redonda "Multidisciplinaridade na Saúde", com os conselheiros Leomar Tesche (CREF 000129-G/RS), Carlos Cimino (CREF 001691-G/RS) e representantes do CREFITO5 e do CRN-2, o CongregaCREF contou com diversas palestras. A primeira, ministrada Alexandre Lazzarotto (CREF 002537-G/RS), trouxe para discussão a atuação do profissional de Educação Física nas doenças crônicas. De acordo com o integrante do GT Exercício Físico do Departamento de DST/Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde, este tipo de enfermidade representa 72% dos óbitos no Brasil e o exercício é a forma mais barata de prevenção. "O treinamento melhora a capacidade cardiorrespiratória e outros fatores. O profissional de Educação Física tem muitas possibilidades de atuação", destacou.

O primeiro dia (28) contou ainda com a palestra de Elio Carravetta (CREF 002980-G/RS), que foi antecedida pela abertura oficial do evento. No discurso, a presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) destacou que o Seminário era uma demanda dos profissionais registrados e que, através do aperfeiçoamento, é possível construir uma profissão e um Conselho mais forte. Carravetta, com quase 20 anos de experiência no Departamento de Preparação e Reabilitação Física do Sport Club Internacional, falou sobre a relação entre a gestão esportiva e a saúde. Ele destacou que o Estado hoje tem 5 milhões de sedentários e que o esporte, sem bem gerido, pode mudar hábitos. "Os profissionais de Educação Física podem assumir o papel de protagonista neste processo, implementando e massificando programas esportivos", pontuou.

No segundo dia (29), o CongregaCREF contou com as palestras de Ricardo Catunda (CREF 000001-G/CE), intitulada "Atividade física na Escola"; Áderson Loureiro (CREF 000038-G/RS), chamada "Academia e seus profissionais, promotores da saúde ou não!;" e Paulo Rodrigo da Silva (CREF 002076-G/RS), intitulada "Anabolizantes na academia: qual é o papel do profissional de Educação Física?". Com transmissão ao vivo pela Internet, o público pode acompanhar também de casa estes debates, que tiveram como tópicos principais as metodologias e estratégias da Educação Física Escolar, a inserção dos profissionais no mercado fitness e formas de combater o uso de anabolizantes para fins exclusivamente estéticos.

Os dados mais curiosos apresentados foram o crescimento de 133% no número de academias no Brasil e que o uso de anabolizantes é maior do que o uso de crack em nosso país. Para Catunda, as dificuldades de hoje não estão relacionadas à forma como a Educação Física é ministrada, sobretudo nas escolas. O que é preciso é reforçar que a atividade física pode mudar e salvar vidas. "Não há como prescrever atividade física sem uma avaliação prévia. Por atender públicos distintos, precisamos conhecer os alunos, em primeiro lugar. Sem isso, ao invés de promover a saúde, podemos ser responsáveis por problemas graves", complementou Oliveira.

O resultado do CongregaCREF, totalmente gratuito para os profissionais registrados no CREF2/RS foi considerado extremamente positivo. De acordo com a Presidente, a ideia agora é aperfeiçoar e incrementar o Seminário para a sua segunda edição, já no ano que vem.


CongregaCREF



IPA sedia comemoração conjunta do Dia do Profissional de Educação Física e do Nutricionista
04/09/2015
Fonte: CREF2/RS

O Auditório Oscar Machado do Centro Universitário Metodista (IPA) teve grande afluência de estudantes, profissionais de Educação Física e nutricionistas para comemorar conjuntamente, na noite de quarta-feira (02), o Dia do Profissional de Educação Física (1º de setembro) e o Dia do Nutricionista (31 de agosto). Além de celebrar as datas, o evento, apoiado pelo IPA e organizado pelo Conselho Regional de Educação Física (CREF2/RS ) e pelo Conselho Regional de Nutricionistas (CRN-2), debateu o tema “Atividade Física: Mitos e Verdades”, com palestras proferidas pela conselheira do CREF2/RS Luciane Citadin (CREF 000100-G/RS) e pela nutricionista clínica Lenice Zarth Carvalho, seguidas de uma mesa-redonda.

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), ressaltou na abertura do evento que ambas as profissões trabalham com a promoção da saúde, com ênfase na prevenção, enquanto outras atuam quando a doença já está instalada. “A atividade física e a dieta são grandes aliadas na qualidade de vida na população”, assinalou. Já a presidente do CRN-2, Luciana Meneghetti, alertou para a epidemia de obesidade e sobrepeso como causa dos principais problemas de saúde pública, como diabetes e doenças cardíacas. “Já temos 20% da população afetada. É fundamental a atuação conjunta dos profissionais de Nutrição e Educação Física para intervirmos corretamente neste cenário”, concluiu.  

“Na minha opinião, nós estamos maximizando o corpo no momento da interpretação”. Com esta observação a nutricionista Lenice Zarth Carvalho iniciou sua palestra, acrescentando que existe uma generalização na prescrição de carboidratos e proteínas, muitas vezes calcada em apenas um perfil. “A maioria das pessoas que procura os consultórios não é atleta, sendo apenas praticantes de atividades físicas. Pensar o tipo de treino a partir disto, para deduzirmos o que esta pessoa tem que ingerir”, argumentou Lenice. “No mínimo, temos de compartimentalizar o individuo para podermos interpretá-lo na hora ofertar um plano alimentar, oferecendo o nutriente  de diferentes maneiras”.    

Segundo a nutricionista, o brasileiro ingere cerca de cinco quilos de agrotóxicos anualmente no Brasil. “As pessoas muitas vezes têm apenas a opção do alimento envenenado”, frisou, acrescentando que a Nutrição tem papel fundamental na proposição de novas formas de alimentação à população.  

Em sua palestra, a profissional de Educação Física Luciane Citadin explicou que atualmente o sedentarismo é o grande concorrente do exercício físico. Como uma forma de incentivo à prática de atividade física, ela ressaltou a contínua criação de modalidades de exercícios que praticamente adequam-se a todas as demandas e particularidades. “Temos o exemplo do Ballet Fitness, criado por uma bailarina que se lesionou e queria continuar praticando exercícios próximos da dança”.

Luciane explicou que não há exercício contraindicado, mas pessoas com limitações ou proibições para a atividade definida. “Não somos contra nenhum tipo de atividade física, mas zelamos para que sempre haja a orientação do profissional habilitado”. Ela acrescentou que a segurança dos exercícios por vezes não depende apenas da orientação, mas também deriva de ambientes que não propiciem acidentes. “Atropelamentos, quedas de aparelhos, mesmo assaltos no entorno das academias devem ser avaliados. Academias não faltam, o importante é escolher bem o local e praticar atividade física regularmente”, enfatizou.

Ao final do evento, foi lançado o folder “Profissional de Educação Física e Nutricionista em academias”, com dicas sobre a atuação dos profissionais e informações sobre suplementos alimentares e esteroides anabolizantes. A coordenadora do Departamento de Orientação e Fiscalização (DEFOR), Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), e a coordenadora Técnica do CRN-2, Fernanda Firenza (CRN-2 6403), realizaram uma troca de informações e experiências referentes aos procedimentos fiscalizatórios.


1º de Setembro



Semana da Educação Física encerra nesta sexta-feira com palestra na FADERGS
04/09/2015
Fonte: CREF2/RS

A Semana da Educação Física de Porto Alegre, promovida pela Câmara de Vereadores em comemoração ao Dia do Profissional de Educação Física, encerrará hoje à noite, com mais uma palestra na FADERGS. Lauro Aguiar (CREF 002892-G/RS), presidente da Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS, falará com os estudantes da instituição sobre o tema, a partir das 19h30min. A atividade é gratuita e aberta ao público em geral.

Na manhã de hoje (4), foi o conselheiro Carlos Cimino (CREF 001691-G/RS) que esteve na FADERGS. A palestra "Atualização de Regras de Voleibol" abordou questões como as atribuições do árbitro e apresentou a evolução da modalidade desde a sua criação, em 1895. O vôlei, que nasceu como atividade física dirigida para pessoas sedentárias, é um dos esportes que mais mudou as suas regras ao longo do tempo. "Sempre que se modifica alguma coisa, é preciso repensar o esporte como um todo", comentou.

Com experiência internacional e participação nas Olimpíadas de Pequim em 2008, Cimino também é presidente da Federação Gaúcha de Voleibol (FGV) e membro da Comissão de Leis e Regras de Jogo da Federação Internacional de Volleyball (FIVB). Ele aproveitou o encontro para também explicar os conceitos importantes da modalidade, com o papel do capitão e a diferença entre rally e rally completo. Além disto, também foi exibido o vídeo institucional do CREF2/RS e explicado para os presentes as funções do Conselho, de proteger a sociedade e de fiscalizar a profissão. "O objetivo é que a população seja atendida com qualidade por qualquer profissional da nossa área", pontuou.

Semana da Educação Física de Porto Alegre
Palestra "Ginástica Laboral", com Lauro Aguiar (CREF 002892-/GRS)
Horário: 19h30min
Local: FADERGS (Avenida João Pessoa, 1105 – Cidade Baixa)
Inscrições gratuitas no local


FADERGS Semana da Educação Física Dia do Profissional de Educação Física



Comissão Eleitoral do CREF2/RS prepara cartas-voto nos Correios
19/08/2015
Fonte: CREF2/RS

A Comissão Eleitoral do CREF2/RS, presidida pelo profissional de Educação Física Jacques Delhaye Hidalgo (CREF 002325 P/RS) e assessorada juridicamente pela advogada Letícia Voltz Alfaro, reuniu-se na sede dos Correios (ECT), em Porto Alegre, nesta segunda-feira (17). O objetivo foi preparar as cartas-voto que serão enviadas aos profissionais de Educação Física aptos a votarem nas eleições CREF2/RS 2015. Auxiliados por funcionários do Conselho, os membros da Comissão Eleitoral inseriram marca d'água e rubricaram cada cédula duas vezes, procedimentos que visam garantir a lisura do pleito. Os funcionários da ECT realizaram a pré-postagem dos envelopes com o programa da chapa inscrita, e a previsão dos Correios é que os 10 mil envelopes cheguem aos votantes até às 22h de quarta-feira (19).

Se você não receber sua carta-voto, entre em contato com o CREF2/RS. A cédula será recebida somente por meio dos correios, até às 17 horas do dia 18 de setembro, e por comparecimento pessoal do Profissional na sede do CREF2/RS das 10h às 17h do dia 18 de setembro.


Voto



CREF Serra sem expediente nesta sexta-feira
04/08/2015
Fonte: CREF2/RS

O CREF Serra não abrirá na nesta sexta-feira, dia 7 de agosto. O atendimento na sede do Conselho em Caxias do Sul vai voltar a ser realizado na segunda-feira, dia 10 de agosto, das 9h às 12h e das 13h às 18h. Mais informações pelo telefone (54) 3202-2890.


CREF Serra



Encontro reúne Câmara da Saúde do Fórum/RS, Defensoria Pública e representante da saúde suplementar
21/07/2015
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS esteve presente, nesta segunda-feira (20), na reunião ampliada da Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do RS (Fórum/RS), realizada na sede da Defensoria Pública do Estado, com a participação de representante da saúde suplementar. Na pauta, debateu-se políticas públicas de prevenção e promoção da saúde, a inclusão e ampliação da oferta de serviços oferecidos por profissionais da saúde, promovendo a multidisciplinariedade, interdisciplinaridade e transdisciplinaridade nos planos de saúde, bem como a oferta de práticas integrativas e complementares destes, além do direito do consumidor na escolha de serviços e profissionais disponibilizados, entre outros temas.

Durante o evento, Enir Madruga de Ávila, defensor público e subdirigente do Núcleo de Defesa da Saúde (NUDS) da Defensoria Pública, avaliou que atualmente a Defensoria Pública trata as consequências, e não as causas dos problemas da saúde. "A cultura da receita médica com força de lei lotou os fóruns com ações de saúde. Vemos casos em que pessoas têm condições de pagar o medicamento, mas pelo meio judicial obrigam que o Estado o faça, prejudicando as pessoas carentes. Temos que abandonar estas práticas paternalistas e diminuir consideravelmente a judicialização da saúde”, ressalta.

A presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) avaliou que a construção da Câmara da Saúde demonstrou o quanto há de desconhecimento por parte de um profissional da saúde em relação a área de atuação de outra profissão da mesma área. “Quando comecei a dialogar com os fonoaudiólogos, percebi que eu atribuía equivocadamente várias de suas incumbências à prática médica”. Carmen também ressaltou o trabalho multidisciplinar como uma característica da prevenção e da promoção da saúde. "Somente as práticas integradas e complementares darão resultado na área da saúde. Cabe enfatizar que dados científicos demonstram que de cada dólar investido em atividade física, reduz-se 4,2 dólares em potenciais gastos na saúde".

Carmem Franco, vice-presidente do Conselho Regional de Nutricionistas (CRN2), ressaltou que o grande objetivo dos conselhos é a proteção da sociedade por meio do efetivo serviço profissional, e não a mera ação corporativa, como muitas vezes é veiculado. "Por isto, acho importante os conselhos mostrarem tanto suas ações como suas limitações, trazendo luz as questões de fundo da nossa saúde. Isto pode proporcionar economia aos cofres públicos, o que vem a ser um argumento muito convincente para adesão dos governantes".

Já o representante da Caixa de Assistência dos Funcionários do Banco do Brasil (CASSI-RS), Everton Silva, afirmou que mesmo após 12 anos de atuação em forma de autogestão, a operadora ainda tem dificuldades em identificar espaços de atuação dos profissionais. "A questão da interdisciplinariedade propriamente dita ainda é complexa, e nos deparamos cotidianamente com ela”, explica. Silva trouxe dados de pesquisas que demonstram que cerca de 70% dos usuários dos serviços de saúde respeitam a prescrição médica, mas apenas 40% obedecem a orientação do médico para modificar hábitos não saudáveis. "Sabendo que a prescrição médica é lei e detém todo um peso cultural inculcado, o que sobra para as prescrições dos nutricionistas ou terapeutas ocupacionais? Esta autoridade é que tem que ser balanceada", pondera.

Na ocasião, o conselheiro do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) afirmou que não resta opção aos trabalhadores da saúde que não seja a união, mesmo que na forma de cooperativas. "Existe uma cultura no Brasil em que os médicos, engenheiros e advogados são sobrevalorizados. Temos que mostrar a sociedade e aos outros profissionais a nossa centralidade na questão da promoção da saúde e na prevenção de doenças. Vamos estreitar laços com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e traçar estratégias para enfrentar os problemas da saúde no país”.

Também estiveram presentes à reunião representantes dos conselhos profissionais de Biomedicina, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia e Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia e Psicologia.


FÓRUM RS - Câmara da Saúde



Câmara Técnica organiza comemorações do Dia da Ginástica Laboral
09/07/2015
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS reuniu-se na sede do Conselho na tarde desta quarta-feira (8). Entre os assuntos tratados, foram estudados os detalhes para a impressão do Manual de Ginástica Laboral do CREF2/RS. Também esteve em pauta a configuração dos eventos que serão realizados em comemoração ao Dia da Ginástica Laboral (22/11). O objetivo será divulgar o máximo possível a Ginástica Laboral na sociedade, promovendo mesas-redondas que deverão contar com a presença com diretores de empresas que já adotam a GL, o presidente do CONFEF, Jorge Steinhilber (CREF 000002-G/RJ), a presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), representantes do Ministério do Trabalho, Secretaria da Saúde, TRT, INSS, reitores de universidade que ofereçam a disciplina, além de especialistas em Ginástica Laboral.

Estiveram presentes à reunião o presidente da Câmara e conselheiro do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS), João Scholles (CREF 003966-G/RS), Alessandro Gonçalves (CREF 005863-G/RS), Márcio Martini (CREF 002842-G/RS) e Marcelo Costa Fernandes (CREF 000835-G/RS).

A próxima reunião da Câmara está prevista para dia 12 de agosto, às 13h30min, e está aberta aos Profissionais de Educação Física.


Ginástica Laboral



Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional reúne-se na sede do Conselho
03/07/2015
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional do CREF2/RS reuniu-se nesta sexta-feira (03) na sede do Conselho. Na pauta, ocorreu a avaliação do VI Fórum de Coordenadores de Curso de Educação Física do RS, edição com recorde de coordenadores e instituições participantes. Também se analisou a proposta da organização de um evento científico para comemoração do Dia do Profissional de Educação Física, com o tema “Atividade Física e Saúde”. Estiveram presentes o presidente da Comissão, Eduardo Merino (CREF 004093-G/RS) e os membros Miria Burgos (CREF 001566-G/RS), Helena Alves DAzevedo (CREF 001069-G/RS) e Carlos Ernani Olendzki de Macedo (CREF 001262-G/RS).


Ensino Superior e Preparação Profissional



Câmara Técnica de Esporte Educacional debate sobre JERGS em reunião
01/07/2015
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Esporte Educacional realizou reunião no último dia 29, na sede do CREF2/RS, quando foram debatidas propostas e demandas do esporte educacional escolar e universitário gaúchos. Durante a reunião, a representante da Secretaria de Educação do RS, Danusa Zanello, apresentou relato sobre os Jogos Escolares do Rio Grande do Sul (JERGS), que completam 45 anos nesta edição. Danusa relatou que os jogos neste ano terão contingenciamento de verbas. "Das nove modalidades, em 2015 serão realizadas apenas seis. Foram cortadas, inclusive, algumas categorias mirins". Quase 90% dos municípios gaúchos participam dos Jogos, que são o terceiro maior evento deste tipo em âmbito nacional. Em sua fase municipal, são oferecidos transporte e alimentação. Na fase estadual, inclui-se a hospedagem. O evento contará com profissionais registrados no CREF2/RS na orientação da prática das atividades desportivas

Outro tema tratado foi o Campeonato Mundial de Esgrima Escolar de 2016, quando atletas gaúchos terão chance de competir na etapa seletiva que ocorrerá estado. Segundo Fernando Mabilde, os gaúchos têm boas chances na competição. "Atualmente, estamos em quarto lugar no país. Precisamos, porém, que mais escolas se façam representar nas competições", analisa.

Estiveram presentes à reunião o presidente da Câmara João Guilherme Queiroga (CREF 000839-G/RS) e os profissionais Fernando Mabilde (CREF 005444-G/RS), Vladimir Chelkanoff Thier (CREF 008859-G/RS), Francisco Lemes de Menezes (CREF 000075-G/RS), Antônio Cimirro (CREF 004716-G/RS), Fernanda Silva dos Santos (CREF 014103-G/RS) e Lauro Inácio Ely (CREF 009457-G/RS). Também participaram a representante do Colégio Rosário, Eliezer Bazarelli Pereia, e a representante da SEDUC, Danusa Zanello.


Esporte Escolar



Câmara de Futebol do CREF2/RS propõe Fórum para debater categorias de base
29/06/2015
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Futebol do CREF2/RS reuniu-se na última sexta-feira (26) na sede do Conselho. Na ocasião, foram abordadas a revisão do planejamento estratégico e a elaboração de um Fórum de Futebol com o tema categorias de base, tendo como público-alvo os profissionais registrados do Conselho, os professores de Educação Física da rede pública e privada e acadêmicos.

Estiveram presentes na reunião o presidente da Câmara, Álvaro Laitano (CREF 000006-G/RS), o secretário Antônio Cimirro (CREF 004716-G/RS) e o convidado Paulo Dias (CREF 009423-G/RS). A próxima reunião será realizada no dia 10 de julho, às 14h. As reuniões da Câmara Técnica de Futebol ocorrem periodicamente no CREF2/RS e são abertas à participação dos Profissionais de Educação Física.


Futebol de base



Palestra marca lançamento de projeto de gestão de academias do SEBRAE
26/06/2015
Fonte: CREF2/RS

Cerca de 150 profissionais de Educação Física e proprietários de PJs marcaram o lançamento do “Projeto Qualificar a Gestão das Academias”, uma parceria entre o SEBRAE-RS, CREF2/RS e ACAD RS, realizado nesta quinta-feira (25), na sede da academia Ipanema Sports, em Porto Alegre. No evento, foram discutidas estratégias de atuação e estimativas do mercado, temas introduzidos pela coordenadora de Projetos de Saúde e Bem-Estar do Sebrae Nacional, Léa Lagares, seguida pela palestra “O sucesso da academia de forma simples e eficaz”, ministrada por Luiz Amoroso, eleito consultor revelação em 2002 pela CMS International (EUA). O CREF2/RS esteve representado pela conselheira Rosa Pacheco (CREF 000059-G/RS), e o CONFEF prestigiou a ação por meio do conselheiro federal Professor Garcia (CREF 000002-G/RS).

Em sua palestra, Amoroso realizou uma ampla análise dos processos de que um operador de academia necessita. “Ele precisa entender de mercado, compreender o fluxo de potenciais, reter os seus próprios clientes. Mostramos como estes procedimentos estão interligados na gestão de uma academia", explica. Amoroso afirma que para se atingir o objetivo, há que se estabelecer metas tangíveis, definir-se o ritmo, motivar as pessoas, possibilitar o acompanhamento e permitir e identificar a necessidade de ajustes na estratégia.

“As molas mestras para uma boa gestão são disciplina e comprometimento”, asseverou Amoroso. Segundo ele, o proprietário de academia é um apaixonado pela atividade, mas por vezes relapso em relação negócio. “Nestes casos, mesmo gostando do que faz, não executa o trabalho com a disciplina e o comprometimento necessários”, avalia. “Administrar uma academia é simples, porém representa muita labuta. Não é tecnologia de foguetes espaciais, e sim um somatório de elementos básicos, que requerem um trabalho extenuante, porque é um processo extremamente dinâmico", complementa, dando a dica: “Temos que separar o urgente do importante”.

Amoroso vê o mercado instável e de “mau humor” em 2015, o que deve contrair os negócios das academias. “Quando se pensa em atividade física, se pensa em médio prazo. Quando o mercado está de mau humor, as pessoas se tornam menos aptas à atividade física”. Mesmo assim, o consultor não descarta um certo otimismo em relação ao futuro. “Ao que tudo indica, o próximo relatório da International Health, Racquet & Sportsclub Association (IHRSA) mostrará o país com o maior número de academias do Mundo, superando o mercado norte-americano, porém com faturamento muito aquém do desejado. Nosso grande desafio é qualitativo, e este projeto é uma ferramenta imprescindível para isto”, conclui.

Mais informações para adesão ao Projeto podem ser obtidas pelos telefones (51) 3213-1507 e (51) 9702-2406, ou pelo e-mail antoniodj@sebrae-rs.com.br


CREF2 RS



Business Conference aborda avaliação física e gestão administrativa na Convenção Brasil
15/06/2015
Fonte: CREF2/RS

Uma parceria do CREF2/RS com a Convenção Brasil 2015 proporcionou gratuitamente neste sábado (13), na PUCRS, o evento Business Conference, levando aos profissionais de Educação Física e às Pessoas Jurídicas as palestras "Avaliação Física no Contexto das Academias", ministrada pelo conselheiro federal do CONFEF Emerson Garcia (CREF 000046-G/MG); e "Saúde Financeira: Alerta Máximo", realizada por Christian Munaier (CREF 041884-P/SP), sócio-consultor da 4GOAL e colunista do canal ESPN. O intuito do evento foi o aprimoramento da gestão das academias, já que dados da Associação da Academias do RS (ACAD RS)indicam que 90% dos proprietários não têm formação na área de gestão administrativa, bem como a aproximação do profissional de Educação Física com o mundo dos negócios e com suas entidades representativas institucionais.

Conselheiro do CONFEF, doutorado pela Universidade da Florida (EUA) e atualmente professor da Universidade Federal do Maranhão, Garcia iniciou seu trabalho com a avaliação física na década de 70, junto à seleção de esquiadores dos EUA, por ocasião do seu trabalho de mestrado. Ele explicou em sua palestra que nesta época o conceito de avaliação física era muito difuso no Brasil. "Trouxe esta experiência para o país nos meados daquela década, implantando primeiramente em uma academia em Belo Horizonte. Foi um período em que a experiência se deu principalmente no sudeste brasileiro”. Mesmo passados mais de 40 anos, o conselheiro ainda vê um nicho que as academias não exploram: a estrutura de atendimento ao esporte. “No Maranhão, tentamos suprir isto com uma parceria entre a UFMA e o Governo do Estado para atender a população. A evolução foi grande, pois já temos exames modernos como a termografia, usada na detecção de lesões".

“Para normatizarmos avaliação física, o CONFEF criou a nota técnica N° 002/2012, com o título “A avaliação física em programas de exercícios físicos e desportivo”, disse Garcia, explicando que a divulgação da nota derivou da demanda de muitas prefeituras por atestados médico para todos praticantes de exercício físico, pelo descaso de alguns profissionais, pela falsa sensação que os mesmos tinham de que o atestado iria isentá-los de suas responsabilidades e de diversos questionamentos ao CONFEF sobre as competências do profissional de Educação Física. As informações contidas nesta nota se fundamentam nas diretrizes do Colégio Americano de Medicina Esportiva (ACSM) e no livro “Recomendações sobre condutas e procedimentos do Profissional de Educação Física na atenção básica à saúde”, publicado pelo CONFEF em 2011.

Segundo a nota, a avaliação física é um procedimento essencial do trabalho do profissional de Educação Física e objetiva reunir elementos para fundamentar a sua decisão sobre o método, tipo de exercício e demais procedimentos a serem adotados para prescrição de exercício físico e desportivo. Este procedimento deve ser amplo e sistemático e de acordo com os objetivos e as características do beneficiário, pode ser composta por anamnese completa, análise dos fatores de risco para coronariopatia, classificação de risco, verificação dos principais sintomas ou sinais sugestivos de doença cardiovascular e pulmonar, medidas antropométricas, testes neuromotores, avaliação metabólica, avaliação cardiorrespiratória e avaliação postural.

Garcia também debateu as mortes de três jovens ocorridas recentemente em academias de Florianópolis. “Um médico avaliou os acontecimentos como exceções, fatos inevitáveis. Contudo, verificou-se que as academias estavam com várias irregularidades no seu funcionamento. Ou seja, se acontecer uma fatalidade, e estivermos totalmente na legalidade, não haverá brecha legal para sermos penalizados". Quanto a casos de óbito em academia, o conselheiro disse que seria sempre prudente a realização de exames toxicológicos nos corpos, o que muitas vezes não é permitido pela família.

Outro fenômeno interessante abordado pelo conselheiro foi o aumento da procura de atividade física indicada por médicos. “Até 2011, o número de pessoas que buscavam atividade física por indicação médica era muito pequeno. Hoje, há 69% de indicação médica. Temos, porém, uma demanda muito diferente. Por exemplo: duas pessoas de mesma idade com 5% de gordura e VO2 diferentes”. O conselheiro aprova a exigência do exame médico, mas admite a falta de médicos como empecilho para atender os pacientes. "Se todos as pessoas que demandarem atividade física exigirem atestados, as filas não iriam ter fim", quantifica.

Já Christian Munaier alertou para a pouca troca de informações no mercado de fitness e pela gestão financeira amadora das academias. “Qual o percentual que vocês destinam à folha de pagamento, com os devidos aprovisionamentos? Quando temos estes dados, temos um bom checkup econômico. A questão da gestão financeira começa com o entendimento de tudo o que está a nossa volta”, analisa. O consultor previu o cenário econômico nacional com retração do PIB e do consumo em relação a 2014. “Ao mesmo tempo, o mercado de atividades físicas está aumentando. Até bem pouco tempo, tínhamos 1,8% de cada brasileiro fazendo atividade física orientada. Em 2014, nós dobramos este número, com 30.767 empresas atuando no segundo maior mercado no mundo. Já os EUA são os primeiros, com 50 milhões de praticantes de atividades físicas”, avalia.

Munaier vê nosso mercado como incipiente, com um longo caminho a percorrer para se tornar maduro. Ele sugeriu o incremento dos eventos realizados nas academias, especialmente nos momentos com baixa expectativa econômica, visando aumentar a rentabilidade. “Sua empresa também pode ser uma importante plataforma de divulgação de outras empresas”, exemplificou. “Em época de pouca procura por nossos serviços, temos que estimular os clientes a comprar planos de mais longa duração, para que possamos ter uma melhor programação. Fica o questionamento: qual a última campanha que as academias fizeram em conjunto para estimular a prática atividade física de forma orientada? Nós temos um mercado sedentário”, sentencia.

Por fim, Munaier propôs tornar a avaliação física como uma ferramenta estratégica no aumento da receita e da segurança do seu cliente. “Transforme esta avaliação em algo desejável pelo cliente, apresentando o profissional de Educação Física com o o indicado para orientá-lo a alcançar seus objetivos, por meio dos seus conhecimentos técnicos, embasamentos científicos, bem como uma atitude humanística na transmissão de conhecimento", incentivou Christian. Ele orienta aos seus gestores que incluam a avaliação física dentro de um pacote de serviços das academias chamado orientação para resultado. "Criem produtos em torno deste poderoso instrumento de trabalho. Mensurem o índice de reavaliações e novas consultas nutricionais. Tenham sempre em vista um indicador de performance", concluiu.


Convenção Brasil Business Conference



Câmara de Ginástica Laboral realizou sua reunião mensal
11/06/2015
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS realizou ontem à tarde, na sede da entidade, sua reunião mensal. Entre os temas tratados, de uma ideia que inicialmente previa um manual, avançou-se para a confecção de um livro de orientação da Ginástica Laboral do CONFEF. Também se estudou métodos de divulgação da Ginástica Laboral nas universidades, utilizando para isto, por exemplo, as semanas acadêmicas.

Quanto ao Dia da Ginástica Laboral (22/11), o objetivo será abranger a maior parte possível da sociedade, promovendo mesas-redondas com diretores de empresas que adotam a GL, os presidentes do CONFEF e CREF2/RS, superintendente do Ministério da Trabalho, Secretaria da Saúde, representantes do TRT e do INSS, universidades que ofereçam a disciplina de GL, além de especialistas em GL. Na reunião, também se previu as ações da Câmara Técnica junto à Frente Parlamentar de Educação Física, que realizará evento no dia 22/11. A próxima reunião da Câmara de Ginástica Laboral está prevista 08/07, às 13h30min.

A Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa é formada pelos profissionais Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), Tony Izaguirre (CREF 019093-G/RS), Alessandro Gonçalves (CREF 005863-G/RS) e João Scholles (CREF 003966-G/RS). Também participaram desta reunião como convidados Márcio Martini (CREF 002842-G/RS) e Marcelo Costa Fernandes (CREF 000835-G/RS).


Ginástica Laboral



Reunião marca reaproximação do CREF2/RS com a FUNDERGS
01/06/2015
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta segunda-feira (1), Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do CREF2/RS, esteve reunida com Cassiá Carpes, presidente da Fundação de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul (FUNDERGS). O objetivo do encontro foi a reaproximação do Conselho com a nova gestão da instituição, responsável por coordenar e executar a política de esporte e lazer em todo o Estado.

Para Carmen, a ideia do CREF2/RS é retomar o convênio com a FUNDERGS e oferecer aos profissionais da Fundação cursos de capacitação, sobretudo nos polos do interior. "Queremos chegar mais perto dos profissionais", comentou. "Nossa meta é que atingir o maior número de pessoas fora das grandes cidades, onde muitas vezes a informação e o conhecimento demoram um pouco mais para chegar".

Carpes considerou extremamente positiva a reaproximação com o Conselho e destacou que os oito Polos Regionais de Desenvolvimento do Esporte e Lazer da FUNDERGS, com sede em cidades como Passo Fundo, Santa Cruz e Santo Ângelo, estão de portas abertas. "Temos a certeza de que o CREF2/RS deve participar dos polos, para ampliar estes encontros", avaliou. "Nossa parceria pode trazer coisas importantes para o dia a dia dos profissionais, como o conhecimento de que esporte não é só Olimpíadas. Isto permitirá que outras questões sejam trabalhadas, principalmente na Educação Física Escolar. Isto é muito importante para o Estado".

CREF2/RS e FUNDERGS vão voltar a se reunir para dar continuidade ao projeto.




CREF2/RS reúne coordenadores de curso de Educação Física para debater uso da tecnologia e formação de novos profissionais
18/05/2015
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS realizou, nos dias 15 e 16 de maio, a sexta edição do Fórum de Coordenadores de Curso de Educação Física do Rio Grande do Sul. O evento, que neste ano teve como sede a Univates, em Lajeado, foi dedicado à discussão de temas como os riscos e as oportunidades do uso da tecnologia na intervenção profissional e as experiências no PIBID na formação de novos professores de Educação Física.

As atividades do Fórum iniciaram na sexta-feira à noite com o painel apresentado por Dari Göller (CREF 002469-G/RS), professor da UNIJUÍ; Fabrício Boscolo (CREF 056418-G/SP), professor da UFPEL; e Alexandre Greco (CREF 004204-G/RS), coordenador das academias do SESC/RS. Eles falaram sobre o conceito de tecnologia e explicaram como estes recursos podem auxiliar os alunos no processo de aprendizagem. "Os professores têm que se atualizar, é necessário transformar a didática das aulas. Com o avanço da tecnologia, elas não podem mais ser as mesmas", explicou Greco. Boscolo, por outro lado, destacou como os novos recursos podem despertar o interesse dos acadêmicos para a pesquisa. "Os alunos estão ligados ao mundo virtual, mas poucos veem a pesquisa como auxílio ao dia a dia da profissão", avaliou.

No sábado, o evento contemplou os cursos de Licenciatura com um debate sobre a formação de professores e as experiências com o Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID). Neste painel, Ednaldo Pereira Filho (CREF 001102-G/RS), professor da UNISINOS; e Clézio Gonçalves (CREF 008168-G/RS), professor da UFRGS; trouxeram dados importantes para conhecimento de todos os coordenadores. "Há, atualmente, uma defasagem de 7% no número de professores de Educação Física no Estado", relatou Pereira. "Portanto, o PIBID é uma obrigação legal do Governo para todas as instituições de Ensino Superior".

Além disto, Clézio apresentou como o PIBID contribui para a formação dos alunos e como o Programa funciona no dia a dia das escolas. "O PIBID valoriza o lúdico, combate à dependência tecnológica e promove a socialização e a saúde de alunos, em grande parte de baixa renda", contou. O Fórum ainda abriu espaço para o relato de experiências. Leonardo Rosa (CREF 006576-G/RS), coordenador do curso da Univates; e Rodrigo Rother (CREF 004055-G/RS), professor da mesma instituição, trouxeram alguns casos de como o PIBID foi fundamental para a formação dos acadêmicos de Licenciatura da universidade.

De acordo com Rosa, receber os colegas da área foi muito importante para discutir os rumos da Educação Física. "No início deste Fórum, havia a participação de quatro ou cinco instituições, hoje somos mais de dez. Isto mostra que grande parte dos representantes estão preocupados em debater o assunto e abertos para discutir como os cursos de graduação podem ser daqui para frente".

Também participaram da atividade Miria Burgos (CREF 001566-G/RS), da UNISC; Magale Konrath (CREF 000378-G/RS), da Feevale; Márcio Leiria (CREF 009570-G/RS), da UPF; Paulo Mello (CREF 003951-G/RS), da UPF Soledade; Sadi Oliveira Jr. (CREF 001979-G/RS), da ULBRA Torres; José Rogério Vidal (CREF 001965-G/RS), da Unilasalle; Derli Neuenfeldt (CREF 002651-G/RS), da Univates; Pedro Batistella (CREF 000283-G/RS), da UNICRUZ; Daniel Zacaron (CREF 002379-G/RS), da FSG; Julio Andreazza (CREF CREF 002263-G/RS), da UNIJUÍ Santa Rosa, Francisco Tavares (CREF 006966-G/RS), da UFPEL; Eduardo Merino (CREF 004493-G/RS), vice-presidente do CREF2/RS e professor da UFPEL; Vera Brauner (CREF 015174-G/RS); da PUC-RS, José Luís de Freitas (CREF 001797-G/RS), da Ulbra Cachoeira do Sul, Leomar Tesche (CREF 000129-G/RS), da UNUJUÍ; Alexandre Scherer (CREF 000021-G/RS), do IPA, e Vera Lúcia de Moraes (CREF 008871-G/RS) e Claudinara dal Paz (CREF 013872-G/RS), ambas da URI Frederico Westphalen.




CREF Serra atende em horário diferenciado nas duas próximas sextas-feiras
18/05/2015
Fonte: CREF2/RS

Nos dias 22 e 29 de maio, o CREF Serra atenderá em horário diferenciado. A sede do Conselho em Caxias do Sul irá abrir das 9h às 12h, sem expediente à tarde. O CREF Serra fica na Rua Antônio Ribeiro Mendes, 1849 – Pio X. Mais informações pelo telefone (54) 3202-2890.




CREF2/RS sorteia 18 vagas para 17 cursos do Convenção Brasil deste ano
08/05/2015
Fonte: CREF2/RS

O Conselho está sorteando 18 vagas para 17 cursos que serão oferecidos no Convenção Brasil deste ano, entre os dias 11 e 14 de junho, no Centro Esportivo da PUC-RS (Avenida Ipiranga, 6690 - Prédio 81). Podem participar todos os profissionais com registro ativo e em dia com suas obrigações estatutárias. Pessoas Jurídicas com Responsável Técnico ativo também estão aptas a concorrer. Clique aqui e confira o regulamento completo.

Para participar, é necessário apenas preencher o formulário disponível neste link e selecionar os cursos de interesse (pode ser mais de um). Os profissionais que forem contemplados com uma das vagas serão automaticamente excluídos dos próximos sorteios. Em www.convencaobrasil.com.br é possível conferir os dias e os horários de cada atividade.

As inscrições serão encerradas sempre às 12h do dia anterior ao sorteio de cada atividade e os sorteios serão realizados durante nove dias úteis, a partir desta quarta-feira, dia 13 de maio, na sede do CREF2/RS. No Convenção Brasil 2015, o Conselho também irá oferecer uma palestra gratuita para todos os profissionais de Educação Física. Mais informações sobre este evento em breve.

Datas de sorteio e cursos:

13 de maio:
Curso Fitness nº 3: “Personal Training na Prática dos Métodos e Treinamento”
Curso Wellness nº 24: “Wellness Total: o Mix de Serviços de Sucesso”

15 de maio:
Curso Fitness nº 5: “Treinamento de Corrida de Rua: da Teoria à Prática”
Curso Lazer nº 31: “Lazer e Recreação: Vivências Criativas e Inovadoras”

19 de maio:
Curso Fitness nº 8: “Avaliação Física: da Teoria à Prática”
Curso Sport nº 29: “Ensino dos Esportes Coletivos: Atividades Recreativas e Jogos”

20 de maio:
Curso Wellness nº 26: “Clínica Postural: Avaliação e Prescrição de Exercícios Compensatórios” (dois sorteios de uma vaga cada)

21 de maio:
Curso Wellness nº 18: “Técnicas de Massagem Moderna para o Bem-Estar: Abordagem Teórica e Prática”
Curso Lazer nº 32: “Ballet Infantil: como Ensinar e Encantar Crianças pelo Ballet”

26 de maio:
Curso Wellness nº 19: “A Profissionalização da Ginástica Laboral e Atividade Física nas Empresas”
Curso Sport nº 30: “Capoeira: da Prática Recreativa ao Instrumento de Trabalho”

27 de maio:
Curso Acqua nº 15: “Hidroginástica Avançada”
Curso Wellness nº 21: “Power Stretching: Alongamento e Flexibilidade”

28 de maio:
Curso Gestão nº 14: “Gestão Estratégica de Academias”
Curso Lazer nº 33: “Educação Física Escolar: Práticas Pedagógicas, Lúdicas e Fisiologia Infantil”

29 de maio:
Curso Wellness nº 25: “MAT Pilates: Clássico e Intermediário”
Curso Sport nº 28: “Futsal: Ensino e Treinamento”




V Seminário de Fiscalização Profissional e I Encontro Nacional de Agentes Fiscais reúnem Conselhos de todo Brasil
27/04/2015
Fonte: Fórum-RS

Mais de 200 pessoas se reuniram na última sexta-feira (24), na sede do Centro Universitário Metodista – IPA, em Porto Alegre, para prestigiar o V Seminário de Fiscalização Profissional e o I Encontro Nacional de Agentes Fiscais. Os eventos, organizados pela Câmara de Defesa da Sociedade do Fórum dos Conselhos e Ordens Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum-RS), contaram com a presença de representantes de conselhos federais e de conselhos regionais de 16 estados. O tema desta edição foi "A importância das Profissões Regulamentadas para a construção de um Brasil mais ético".

Na abertura, Flávio Koch, presidente do Fórum-RS, destacou a importância da realização dos eventos simultâneos para a discussão da ética profissional, como forma de contribuir para a construção de um país melhor. A autonomia dos conselhos profissionais foi o foco da palestra magna, ministrada pelo jurista e professor universitário Marco Fridolin dos Santos, que falou sobre normas deontológicas, autonomia dos conselhos profissionais e princípios da subsidiariedade.

Na palestra Modernização dos Processos de Fiscalização da Atividade Profissional, o consultor em processos de gestão André Zago fomentou a discussão sobre a necessidade de mudança de paradigmas para a gestão de processos e a modernização desses processos através de ferramentas inovadoras que facilitam e os tornam ainda mais eficazes. Encerrando as atividades da manhã, o debate A Importância das Profissões Regulamentadas para a Construção de um Brasil Mais Ético foi mediado pelo vice-presidente de Relações Institucionais do CRCRS, Pedro Gabril da Silva.

Durante a tarde, a palestra A Atuação dos Conselhos Profissionais na Garantia dos Direitos do Consumidor foi ministrada pelo procurador de justiça Paulo Valério Moraes, que falou sobre os seis princípios das relações de consumo: igualdade, liberdade, dignidade, solidariedade social, intervenção estatal eficiente e vulnerabilidade. Logo após, o procurador do Banco Central do Brasil, Yuri Machado, falou sobre conselhos profissionais e responsabilidade administrativa: Fiscalização e o espaço de atuação do agente público, abordando a responsabilidade e a atuação do agente fiscal. “A atuação do fiscal deve estar voltada sempre à proteção do interesse público”, ressaltou.




Câmara Técnica de Esportes de Aventura aproxima profissionais de Educação Física que atuam na área em Caxias do Sul
22/04/2015
Fonte: CREF2/RS

No último sábado (18), a Câmara Técnica de Esportes de Aventura do CREF2/RS se reuniu no CREF Serra, em Caxias do Sul, com o intuito de aproximar os profissionais de Educação Física que atuam na área. Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) e Marco Aurélio Scharcow (CREF 002463-G/RS), presidente e secretário da Câmara, respectivamente, e os profissionais Ednei Torresini (CREF 003786-G/RS), Rotechild Prestes (CREF 007786-P/RS) e Thomas Schulze (CREF 013024-G/RS) debateram formas de prestar serviços de qualidade e proporcionar segurança aos praticantes destas modalidades.

"Sabemos que o Rio Grande do Sul possui muitas empresas qualificadas neste ramo, mas que ainda buscam a profissionalização", avaliou Aguiar. "Queremos defender os interesses da sociedade gaúcha em relação aos serviços prestados e proporcionar a troca de conhecimento entre os profissionais das mais diferentes regiões do Estado", explicou. Na oportunidade, também foi apresentada proposta de regimento para a Câmara e destacado que o mercado de trabalho se mostra, atualmente, favorável aos esportes de aventura.

A próxima reunião da Câmara Técnica de Esportes de Aventura será realizada no dia 14 de maio, às 19h, também na sede do CREF Serra (Rua Antônio Ribeiro Mendes, 1849 – Pio X). O encontro terá o objetivo de discutir as necessidades da área e meios de preparar os profissionais de Educação Física para estas modalidades. Entrará ainda em pauta a interação com as demais profissões que também fazem parte deste campo, como é o caso dos agentes de turismo. A reunião é aberta para a participação de todos. Mais informações pelo e-mail secretaria@crefrs.org.br.




CREF2/RS busca apoio do Senac-RS para capacitação dos profissionais de Educação Física
14/04/2015
Fonte: CREF2/RS

Na tarde desta terça-feira (14), a presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e o 1º secretário Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) se reuniram com representantes do Senac-RS, com intuito de firmar parceria para oferecer aos profissionais de Educação Física cursos de capacitação. O encontro, realizado pela primeira vez na sede do Conselho, contou com a presença de Paulo Presser, gerente de Desenvolvimento Educacional; Nara dos Anjos, coordenadora de Projetos Especiais; e Jacqueline Gisler, coordenadora de Desenvolvimento Educacional da instituição.

A reunião, que deu início à aproximação dos dois órgãos neste sentido, serviu para que os membros do Senac-RS pudessem ter uma noção do campo de trabalho da Educação Física e daquilo que as universidades oferecem em nível de formação acadêmica nesta área. "A ideia é construir uma parceria, de acordo com a missão do Senac-RS, que é o aprimoramento e qualificação dos profissionais", comentou Presser. "Buscamos cursos novos, com o apoio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), pois a inovação deve fazer parte", avaliou Aguiar. Senac-RS e CREF2/RS vão voltar a se encontrar para dar continuidade ao projeto.




Conselho representa Fórum-RS e homenageia Dia Mundial da Saúde na Tribuna Popular da Câmara Municipal de Porto Alegre
07/04/2015
Fonte: CREF2/RS

Na tarde de ontem (6), a presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), representando Câmara da Saúde do Fórum-RS, utilizou o espaço da Tribuna Popular, da Câmara Municipal de Porto Alegre, para falar sobre o Dia Mundial da Saúde, comemorado hoje. No seu discurso, Carmen destacou o alto índice de sedentarismo no Brasil, que chega a 70% da população, e a necessidade de se pensar em políticas de saúde, numa perspectiva preventiva e não curativa. Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), 1º secretário do CREF2/RS, e Ana Lice Bernardi, do Conselho de Nutricionistas (CRN-2), também compareceram.

E para marcar o Dia Mundial da Saúde, o Shopping Total recebe hoje, das 13h às 20h, a quinta edição do Circuito da saúde. A ação, realizada pelo Fórum-RS, vai oferecer diversos serviços gratuitos à população, como avaliação nutricional e antropométrica, verificação da pressão arterial, disfagia de memória e de voz, entre outros. Participam da ação os conselhos de Farmácia (CRF-RS,) Fisioterapia e Terapia Ocupacional (CREFITO5), Fonoaudiologia (CREFONO 7), Nutricionistas (CRN2) e Medicina Veterinária (CRMV-RS).

V Circuito da Saúde – Dia Mundial da Saúde
7 de abril, terça-feira, das 13h às 20h
Local: Shopping Total (Avenida Cristóvão Colombo, 545 – Floresta)
Primeiro Piso – Pavimento Cristóvão Colombo (em frente à Renê Calçados): CRN2 e CREF2/RS
Segundo Piso – Pavimento Gonçalo de Carvalho (em frente à Trip House): CRF-RS, CREFITO5, CREFONO 7, CRMV-RS


Dia Mundial da Saúde Câmara da Saúde



Câmara Técnica de Esportes de Aventura se reúne em Caxias do Sul no próximo mês
12/03/2015
Fonte: CREF2/RS

Na tarde desta quinta-feira (12), a Câmara Técnica de Esportes de Aventura do CREF2/RS voltou a se reunir na sede do Conselho, em Porto Alegre. Marco Aurélio Scharcow (CREF 002463-G/RS) e Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) discutiram maneiras de inserir o profissional de Educação Física neste segmento e formas de mapear as modalidades que são desenvolvidas atualmente no Rio Grande do Sul.

O encontro foi prévia da reunião que a Câmara pretende fazer no CREF Serra, em Caxias do Sul, no dia 18 de abril. "Temos que trazer pessoas entendidas sobre o assunto para a Câmara", revelou Aguiar. Além de discutir o papel do profissional de Educação Física neste campo interdisciplinar, a Câmara Técnica tem também o objetivo de identificar as necessidades do segmento. "Queremos oferecer para o mercado um profissional com conhecimentos para dar todo suporte, de primeiros socorros a outras questões relacionadas à segurança", complementou Scharcow.

Os profissionais que trabalham com os esportes de aventura e na natureza podem participar do próximo encontro, em Caxias do Sul. A reunião inicia às 10h no CREF Serra (Rua Antônio Ribeiro Mendes, 1849 – Pio X). Mais informações pelo e-mail contato@crefrs.org.br.




Câmara de Defesa da Sociedade prepara 1º Encontro Nacional de Agentes Fiscais
25/02/2015
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quarta-feira (25), a Câmara de Defesa da Sociedade, do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Rio Grande Sul (Fórum-RS), esteve reunida na sede do CREF2/RS. O encontro serviu definir os detalhes do V Seminário de Fiscalização e do 1º Encontro Nacional de Agente Fiscais, que serão realizados em abril, no IPA.

Com o tema "A importância das profissões regulamentadas para a construção de um Brasil mais ético", o Encontro Nacional de Agente Fiscais tem a expectativa de reunir cerca de 400 profissionais da Fiscalização para palestras, debates e troca de experiências. Além disto, Eneida Feix (CREF 002116-G/RS), conselheira e representante do CREF2/RS na Câmara de Defesa da Sociedade, também destacou o ineditismo do evento, que colocará em contato órgãos de todo o país e muitos assuntos do dia a dia para análise e reflexão. "Independente dos fiscais, toda a sociedade está convidada a participar", completou.

A programação completa do V Seminário de Fiscalização e do 1º Encontro Nacional de Agente Fiscais será anunciada em breve. A Câmara de Defesa da Sociedade do Fórum-RS é formada pelos Conselhos Regionais de Educação Física, Fonoaudiologia, Corretores de Imóveis, Biomedicina, Medicina Veterinária, Administração, Contabilidade, Relações Públicas, Engenharia e Agronomia, Fisioterapia e Terapia Ocupacional, Nutrição e Farmácia.




CREF2/RS e CREF Serra atendem em horário diferenciado durante o verão
16/12/2014
Fonte: CREF2/RS

O CREF/RS vai abrir para expediente externo em horário diferenciado durante o verão. Entre os dias de 5 de janeiro e 14 de fevereiro, a sede do Conselho em Porto Alegre estará aberta, para atender os profissionais de Educação Física, das 9h às 16h30, de segunda a sexta-feira. Já no CREF Serra, o horário de atendimento será das 9h às 12h e das 13h às 18h, de segunda a quinta-feira, e das 9h às 12h nas sextas. Depois do Carnaval, as atividades voltarão ao horário normal nos dois locais.

Horário de verão do CREF2/RS:
De 5 de janeiro a 14 de fevereiro
Atendimento: de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h30
Endereço: Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro Histórico (Porto Alegre)

Horário de verão do CREF Serra:
De 5 de janeiro a 14 de fevereiro
Atendimento: de segunda a quinta-feira, das 9h às 12h e das 13h às 18h, e sexta-feira, das 9h às 12h
Endereço: Rua Antônio Ribeiro Mendes, 1849 – Pio X (Caxias do Sul)




Profissionais já podem buscar a Agenda 2015 no CREF2/RS e no CREF Serra
04/12/2014
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS já começou a enviar a Agenda 2015 aos profissionais e estabelecimentos registrados no Conselho, via Correios. Para recebê-la, é preciso estar em dia com as obrigações estatuárias. Quem mora em Porto Alegre e Caxias do Sul, pode buscar a agenda na sede do CREF2/RS (Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro Histórico) e no CREF Serra (Rua Antônio Ribeiro Mendes, 1849 – Pio X), respectivamente. Confira os endereços e horários de atendimento:

CREF2/RS
Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro Histórico
Horário de atendimento: segunda a quinta, das 9h às 18h, e sexta, das 12h às 18h

CREF Serra
Rua Antônio Ribeiro Mendes, 1849 – Pio X
Horário de atendimento: segunda a quinta, das 9h às 12h e das 13h às 18h, e sexta, das 13h às 18h




CREF2/RS inicia amanhã entrega da Agenda 2015
01/12/2014
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS inicia amanhã o envio da Agenda 2015 aos profissionais e pessoas jurídicas registrados e em dia com suas obrigações estatuárias. Para quem preferir buscá-la pessoalmente, a entrega será realizada em Porto Alegre, na sede do Conselho (Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro Histórico), e em Caxias do Sul, diretamente no CREF Serra (Rua Antônio Ribeiro Mendes, 1849 – Pio X).

CREF2/RS
Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro Histórico
Horário de atendimento: segunda a quinta, das 9h às 18h, e sexta, das 12h às 18h

CREF Serra
Rua Antônio Ribeiro Mendes, 1849 – Pio X
Horário de atendimento: segunda a quinta, das 9h às 12h e das 13h às 18h, e sexta, das 13h às 18h




CREF2/RS em Revista: a gravidade da obesidade infantil
18/11/2014

Reportagem publicada originalmente no CREF2/RS em Revista nº 7. A publicação pode ser lida na íntegra aqui.

A obesidade é considerada hoje uma epidemia. De acordo com pesquisa publicada pela revista científica Lancet, em maio deste ano, aproximadamente 2,1 bilhões de pessoas estão acima do peso no mundo inteiro. O número não para de crescer e já é motivo de preocupação entre os cientistas. Se em 1980 eram "apenas" 875 milhões de indivíduos nesta faixa, a instituição norte-americana National Survey Data prevê que em 2030 51,1% da população do planeta – porcentagem estimada em cerca de 4 bilhões de seres humanos – será formada por pessoas com excesso de peso.

"A obesidade está relacionada com as maiores pandemias modernas, como depressão, alguns tipos de câncer, diabetes e doenças cardiovasculares", salienta Amélio Matos, médico do Instituto de Diabetes e Endocrinologia do Rio de Janeiro, no documentário "Muito Além do Peso". Se os números atuais e a perspectiva para o futuro já são motivo de atenção entre os adultos, o quadro se torna ainda mais preocupante quando é avaliada apenas a população infantil. No Brasil, em 1989, 4,1% dos meninos de 5 a 9 anos foram classificados como obesos, segundo pesquisa realizada pelo IBGE. Os dados do mesmo estudo, feito em 2008 e 2009, apontaram que 16,6% desta população apresentava o mesmo problema. O índice registrou, portanto, que a obesidade infantil aumentou 300% só nos últimos 20 anos. Por quê?

"A obesidade é o distúrbio mais comum na infância hoje e, na minha opinião, o fato de ter aumentado tanto nos últimos anos está associado às mudanças no estilo de vida da população", avalia Rafael Gambino (CREF 009460-G/RS), professor de Educação Física da Prefeitura Municipal de Esteio e mestre em Ciências do Movimento Humano. "A má alimentação e o consumo exagerado de alimentos hipercalóricos, associada às rotinas apressadas das famílias, são fatores responsáveis pelo excesso de peso e colaboram para agravar o problema", completa.

E não é só isso. As crianças deixaram de brincar como antigamente e praticar esportes. Para elas, hoje em dia, o lazer é muito mais sinônimo de computador e videogame do que de atividade ao ar livre. "O exercício físico ficou em segundo plano, porque falta espaços apropriados, há violência e falta de segurança. Além disto, os pais não têm tempo para levar os filhos para brincar", explica Fabiani da Silveira (CREF 002949-G/RS), professor de Educação Física dos colégios Farroupilha e Sinodal do Salvador, ambos em Porto Alegre. "A atividade física deve andar paralela às demandas diárias, como a escola. Uma não exclui a outra, muito pelo contrário. O estudo e o exercício físico são fundamentais para a formação de nossas crianças".

ATIVIDADE FÍSICA NO AMBIENTE ESCOLAR

A rotina apressada dos pais passa para a escola parte da responsabilidade de incentivar a prática de atividade física e de tornar isto frequente no dia a dia das crianças. "O professor de Educação Física tem que mostrar que exercício é importante para a vida toda. A base da saúde está relacionada a ter hábitos saudáveis", explica Luiz Fernando Kruel (CREF 002211-G/RS), professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e coordenador do Grupo de Pesquisa em Atividades Aquáticas e Terrestres (GPAT)."O único profissional da área da saúde que atua regularmente junto às crianças em idade escolar é o profissional de Educação Física. Muitos não se dão conta disto", reforça.

Para muitas crianças, a aula de Educação Física é o único momento da semana em que é praticado algum tipo de exercício. Por isto, "o professor deve estimular o interesse do aluno com aulas dinâmicas, intensidades adequadas e, principalmente, promovendo a inclusão das crianças com sobrepeso e obesidade nas aulas", defende Adriane Vanni (CREF 003918-G/RS), professora do curso de Educação Física da URI – Campus Erechim. Kruel vai mais além e mostrar que a situação é ainda mais complexa. "Para elas, a obesidade pode ser só um problema estético e social, mas no contexto escolar atrapalha muito. Os estudos mostram que compromete o desempenho em aula e as crianças acabam sendo marginalizadas também. A questão do bullying é muito presente e precisa ser bem administrada em aula", explica.

Por esta perspectiva, o profissional de Educação Física passa a ser mais do que apenas o professor responsável pela disciplina. "Ele deve ser o ponto central deste processo, deixando claro para o aluno os benefícios da prática esportiva a favor da saúde e contra os problemas ocasionados pelo sedentarismo e pela obesidade", salienta Bettega Lopes (CREF 020725-G/RS), pesquisador e mestre em Fisiologia. "O papel da Educação Física é estimular nas crianças o gosto pela prática, de formas e maneiras diversas, contemplando o maior número de estímulos diferentes. A vida saudável e equilibrada decorre da boa iniciação que, basicamente, começa na escola com o profissional da área", complementa Silveira.



DOENÇAS DE ADULTOS

O GPAT, em trabalho feito em 2009, avaliou a evolução de crianças com sobrepeso, de sete a dez anos de idade, da rede municipal de Porto Alegre. O índice piorou com o passar do tempo, quando a amostra atingiu a faixa de 11 a 14 anos. "Elas saíram da infância e foram para a adolescência em quadro muito preocupante. O nível de obesidade, que era 25%, passou a ser 50% grave", relata Kruel. A síndrome metabólica, que era antes considerada doença apenas de idosos, passou a ser vista, pela primeira vez, também entre as crianças. "Nós começamos a achar alguns dados alarmantes. Além de hipertensos, a concentração de insulina no sangue ficava em 22,5 mg/DL, quando o normal é de aproximadamente 10 mg/dL. Isto sobrecarrega o pâncreas de maneira assustadora, levando ao que podemos classificar como diabetes tipo 2".

Como é possível perceber, os números apresentados relataram problema de saúde muito grave. A criança, já hipertensa, começa a ter resistência à insulina, o que passa a configurar quadro de síndrome metabólica na adolescência. Das crianças obesas analisadas pelo GPAT, 51% já tinham três ou mais fatores de risco. Se o ponto de corte é diminuído para um, a taxa passa a ser superior a 90%. "A gente não vê ninguém tratando isto. Nem na escola, que seria responsabilidade da Secretaria de Educação, nem nos postos de saúde", critica Kruel. "O que seria ideal? O trabalho conjunto para reverter este quadro. A gente percebe que estas crianças são todas sedentárias. A aula de Educação Física não é adaptada para que têm obesidade", complementa.

Para Kruel, o que é preciso diminuir são os problemas causados pelo sedentarismo. Não há dúvidas de que os fatores de risco podem ser amenizados com atividade física. "A importância do profissional de Educação Física é muito grande, principalmente daquele que atua na escola", explica. "O que a gente vê é a criança obesa que, por causa do bullying e de outras coisas, abandona a atividade física e passa a ser ainda mais sedentária. Nós tivemos conquista muito grande, principalmente em Porto Alegre, quando foi aprovada lei municipal que obriga a presença do profissional de Educação Física nas séries iniciais. Nós temos agora que dar um passo adiante e oferecer formação adequada e especializada para este profissional, para que ele saiba lidar com isto".

Por mais que a criança passe boa parte do dia na escola, a responsabilidade pelo combate à obesidade precisa ser estendida também aos pais, que devem se portar como exemplo. "Os adultos precisam, com urgência, rever suas posturas frente a estas questões básicas que fazem parte da formação inicial das crianças", analisa Silveira. "Prevenir é a palavra-chave. Oferecer estrutura básica, como boa alimentação e acompanhamento médico, além de espaços para brincadeiras, convívio social e exercício físico, é contribuição fundamental que deve vir de casa". "A família é a base para a mudança no estilo de vida. A criança que vive em ambiente onde todos agem de forma desregulada e desregrada tende a se incluir nesta rotina", complementa Gambino.

ALIMENTAÇÃO

Não é só o sedentarismo que preocupa os pesquisadores e profissionais de Educação Física. A alimentação das crianças também tem sido objeto de estudo de nutricionistas. "O que mais assusta é a oferta inadequada e precoce de doces, guloseimas e alimentos com alto teor de sódio e gordura, como salgadinhos, bolachas recheadas e sucos artificiais", analisa Ana Carolina Terrazan (CRN2 8330), nutricionista da Clínica Nutriossoma e especialista em Nutrição Infantil. "Em muitos casos, as famílias demoram a entender que a alimentação correta desde o princípio, ou seja, desde a gestação, é fundamental para a saúde da criança", complementa.

A nutricionista Camila Vargas (CRN2 8264) acredita que o ambiente escolar colabora também de outra maneira no controle da obesidade infantil. "A escola poderia inserir a disciplina de Educação Nutricional desde as séries iniciais. Trabalhos educativos que envolvam o tripé nutrição, saúde e doença pode conscientizar e elucidar a importância de se manter bons hábitos alimentares", defende. "É possível criar formas de incentivar isto, buscando envolver a criança no contexto da alimentação saudável, sempre associando à atividade física".



POSSÍVEIS SAÍDAS

Há diversas alternativas para amenizar – ou até mesmo solucionar – o problema da obesidade infantil no país. "Acredito, que o primeiro passo, antes de tudo, é pensarmos de que forma isto pode ser contido, para não nos depararmos mais com esta realidade que a cada dia é mais frequente", explica Lopes. O estímulo da prática esportiva é consenso entre todos os profissionais de Educação Física. "Não só em casa, mas também nas escolas, como forma de instituir hábitos e costumes mais sudáveis, como forma de prevenção aos inúmeros problemas que são consequência do sedentarismo", complementa.

Além disto, o combate à obesidade não pode começar apenas quando o aparecimento de doenças cardiovasculares, como a hipertensão, se torna quadro inevitável. "A questão que penso ser mais pertinente é: como prevenir?", alerta Silveira. "As nossas crianças necessitam de muito mais atenção em todos os aspectos, afinal, elas não são responsáveis por elas mesmas", complementa. A opinião é compartilhada por Gambino. "A principal prevenção é a manutenção do peso que, no caso das crianças, deve se dar com alimentação adequada associada à prática de atividade física regular. As crianças precisam se movimentar".

Para Ana Carolina, é possível criar formas de incentivar a boa alimentação também entre os pais. "Informação é sempre a melhor estratégia e mostrar os resultados também é importante. Os familiares gostam muito de ver que o esforço e as mudanças realmente fizeram diferença", explica. A conscientização dos pais é importante também na visão de Kruel, já que muitos não conseguem enxergar o problema dos filhos. "Em nossa pesquisa, das 213 mães que tinham filhos obesos, só 50 os viam nesta condição. Muitas classificaram como normal ou abaixo do peso", revela. "Os adultos, geralmente, têm dificuldade de aceitar que a criança precisa emagrecer. Nós temos notado isto. Em alguns casos, só a criança querer não é suficiente. Ela não possui tanta independência para saber o que é certo e o que é errado e decidir o que ela vai ou não fazer".

Outra coisa que deve mudar é a percepção de que atividade física para fazer efeito precisa ser difícil. "A criança obesa não tem que sofrer", considera Kruel. "Se o profissional de Educação Física souber dosar a carga do exercício, é possível ter atividade eficiente sem sofrimento. Desta forma, começa a ter aderência ao programa e os resultados definitivamente aparecem". Para Kruel, o caminho seria procurar atividades de baixo impacto e que sejam prazerosas. "Apesar de muitos já serem adolescentes, eles querem algo lúdico, que não seja aquela coisa monótona de ir para a academia. Ou seja, tem que ser uma atividade que eles se sintam brincando", conclui.

Para Rafael Gambino, é importante também que todas as crianças tenham a oportunidade de experimentar várias modalidades, individuais e coletivas, para decidir com qual se identifica. A atividade física pode ser competitiva, mas precisa ser aquela que a criança quer praticar. "Ela precisa explorar e experimentar todos os jogos e esportes. A criança precisa ser estimulada e participar o máximo possível de vivências motoras até que consiga se identificar e optar pela que mais desperta interesse", avalia. Para a aderência, a criança tem que sentir vontade e não ser obrigada a participar. "Os pais não podem considerar que a sua vontade será a mesma de seu filho. Os profissionais de Educação Física devem oferecer aos alunos a mais diversificada oportunidade de movimentos. Quando a criança optar por uma, de forma espontânea, não tenho dúvidas de que ela dará continuidade por longo período".

O último alerta fica para os pais. "Os adultos estão atrás das demandas do momento. Muitos acreditam que estar numa boa escola, que invista no lado cognitivo e ensine uma língua estrangeira, já é suficiente para a formação básica. Nós, profissionais de Educação Física, sabemos que isto é importante, mas só parte do contexto todo", comenta Silveira. "A prática de atividade física formativa e saudável, o investimento em alimentação correta e o acompanhamento da saúde é o que deve ser feito. As instituições responsáveis pelo trabalho com crianças necessitam desenvolver projetos para que os pais possam perceber que toda esta formação de base será fundamental para o futuro longe da obesidade".

PARA ASSISTIR: MUITO ALÉM DO PESO



O documentário "Muito Além do Peso" foi lançado em novembro de 2012, com objetivo de criar amplo debate sobre a qualidade da alimentação das crianças brasileiras e os efeitos da comunicação dirigida a elas. O filme, dirigido por Estela Renner, é reflexo do trabalho do Instituto Alana, organziação que busca sensibilizar e mobilizar a sociedade sobre os problemas decorrentes do consumismo na infância. "O documentário mostra que as crianças desconhecem o que é alimentação saudável, aprendem a comer de forma equivocada desde muito", conta a nutricionista Camila Vargas.

A obra mergulha no tema da obesidade infantil ao discutir porque 33% das crianças brasileiras pesam mais do que deviam. As respostas envolvem a indústria alimentícia, a publicidade, o governo e a sociedade de modo geral. Com histórias reais e chocantes, de crianças com menos de dez anos que já apresentam quadros graves de diabetes, hipertensão e colesterol, o filme promove interessante discussão sobre o tema, dando voz a especialistas do mundo todo. "Quando se fala de obesidade infantil, vemos que as crianças não brincam mais na rua, las ficam com só seus polegares em iPhones e iPods. Elas não se exercitam mais", comenta William Dietz, um dos entrevistados pelo documentário. Ele é diretor da Divisão de Nutrição, Atividade Física e Obesidade do Centro de Prevenção e Controle de Doenças dos Estados Unidos.

"Muito Além do Peso" pode ser assistido aqui.




CREF2/RS homenageia pioneiros da Educação Física no Estado
21/10/2014

Na última sexta-feira (17), o CREF2/RS homenageou Arnóbio Sigaran (CREF 003284-P/RS) e Dionísio Felix (CREF 003283-P/RS) com o Diploma de Comprovado Saber, em reconhecimento às atuações e trajetórias profissionais. Pioneiros da Educação Física no Rio Grande do Sul, Sigaran foi o proprietário da primeira academia do Estado e Felix o primeiro a abrir mesmo negócio em Uruguaiana.

A homenagem, realizada na sede do Conselho, contou ainda com a presença da presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), do 2º vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), da 1ª tesoureira Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS) e da conselheira Sonia Waengertner (CREF 007781-G/RS). "Trata-se de premiação especial do CREF2/RS, pelo trabalho de muitos anos", explicou a Presidente. Na cerimônia, Sigaran e Felix falaram sobre como era ter negócio próprio numa época em que "havia preconceito com a Educação Física, principalmente por parte dos médicos". "Tivemos que conquistar espaço. Os benefícios da atividade física são inegáveis e hoje a realidade é diferente", relatou Felix.

Com 50 anos de dedicação ao culturismo e à musculação, Sigaran foi o criador do Ginásio Sparta e também da Federação Gaúcha de Culturismo. "Quando comecei, não existia academia. Mas em 1963, ano da Universíade em Porto Alegre, a musculação ganhou espaço porque os atletas europeus treinavam para as competições", relembrou. No final da cerimônia, Carmen e Miryam comentaram que a história dos dois é muito importante para o CREF2/RS e que deveriam ser transformadas em livro de memórias.




CREF2/RS realiza avaliações antropométricas na Semana do Idoso
29/09/2014
Fonte: CREF2/RS

Na manhã de ontem (28), o CREF/2RS participou da Semana do Idoso, na Redenção. O evento, promovido pelo SESC-RS, tem ampla programação cultural e oferece diversas atividades gratuitas para o público da terceira idade até a próxima sexta-feira (3). Na abertura, o Conselho contou com espaço em que servidores realizaram avaliações antropométricas e concederam informações sobre a prática esportiva.

Além de medir o Índice de Massa Corporal (IMC) de quem compareceu ao Parque, a equipe do CREF2/RS também conversou com o público sobre o perigo do sedentarismo e sobre a importância da atividade física regular, sobretudo para os idosos. Para Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), coordenadora do DEFOR, a presença do Conselho em eventos como este é muito válida, pois é possível estar mais perto da sociedade: "Conseguimos destacar a necessidade de que a atividade física seja sempre acompanhada por profissional de Educação Física regulamentado", comentou. "Muitas pessoas não sabem que existe um órgão fiscalizador, que defende a sociedade e que tem o objetivo de que só permitir que profissionais capacitados estejam no mercado. Por isto, este contato é muito válido".

Na Redenção, os idosos também tiveram auxílio de assistentes sociais sobre o INSS, previdência social e saúde, massagem; exposição de artesanato, escola de chimarrão, alongamento e danças. A programação completa da Semana do Idoso está aqui.




Semana da Educação Física tem curso de vôlei com conselheiro Carlos Cimino
03/09/2014
Fonte: CREF2/RS

A programação da Semana da Educação Física de Porto Alegre teve, ontem à tarde (2), o curso "Regras de Voleibol na atualidade". A atividade, realizada na Faculdade São Judas Tadeu e aberta para o público em geral, foi ministrada pelo conselheiro do CREF2/RS Carlos Cimino (CREF 001691-G/RS), também presidente da Federação Gaúcha de Voleibol (FGV) e membro da Comissão de Leis e Regras de Jogo da Federação Internacional de Volleyball (FIVB).

No encontro com estudantes e interessados pela modalidade, Cimino falou sobre as atribuições do árbitro e apresentou a evolução da modalidade desde a sua criação, em 1895. O vôlei, que nasceu como atividade física dirigida para pessoas sedentárias, é, como salientou o conselheiro, "um dos esportes que mais mudou as suas regras ao longo do tempo". "Sempre que se modifica a regra que tem que se pensar no esporte como um todo", completou.

Com experiência internacional e participação nas Olimpíadas de Pequim em 2008, Cimino mostrou também vídeos e explicou papeis e conceitos importantes do voleibol, como o capitão, a diferença entre rally e rally completo e como a penetração de rede é entendida hoje, diferentemente de como era anos atrás. Por fim, o presidente da FGV deixou mensagem para os futuros profissionais de Educação Física de que a saúde e a educação devem vir primeiro do que a busca pelo alto rendimento. "O esporte de competição é só uma parte da Educação Física. Para despertar a criança para vôlei, é preciso mostrar para ela, em primeiro lugar, que se movimentar é legal".




Câmara de Vereadores homenageia o CREF2/RS pelo Dia do Profissional de Educação Física
02/09/2014
Fonte: CREF2/RS

Em comemoração ao Dia do Profissional de Educação Física, a Câmara Municipal de Porto Alegre realizou ontem (1) cerimônia de homenagem. A solenidade, promovida no Plenário Otávio Rocha e presidida pelo vereador Professor Garcia (CREF 000002-G/RS), contou com a presença da presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e da 1ª tesoureira Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS).

No seu discurso, Carmen agradeceu o espaço aberto pela Câmara à Educação Física e salientou o crescimento e a valorização que a profissão teve nos últimos anos. "O sedentarismo é uma das piores epidemias do país. Hoje há conscientização de que é melhor investir em atividade física para a promoção da saúde do que no tratamento de doenças", explicou a Presidente, que recebeu de Professor Garcia placa e homenagem pelo Dia do Profissional de Educação Física.

As atividades referentes à Semana da Educação Física seguiram após a solenidade. No Plenário Ana Terra, houve o debate "A Educação Física na Política Atual" e duas palestras. A primeira, "A importância da Educação Física nas Séries Iniciais", foi ministrada por Helena Dazevedo (CREF 001069-G/RS) e relatou parte dos 23 anos de experiência da professora da UFRGS no Ensino Infantil. "O nosso trabalho é garantir o professor de Educação Física nas escolas", explicou Helena. Em segundo momento, Luiz Fernando Kruel (CREF 001069-G/RS), professor da mesma universidade, apresentou trabalho do seu grupo de pesquisa sobre a obesidade infantil e ressaltou a importância da Educação Física escolar para saúde das crianças. "O mais importante não é emagrecer, mas aumentar a atividade física", avaliou.

Entre as palestras, José Anchieta (CREF 000337-G/RS) apresentou o Bataculê e ministrou pequena aula prática da atividade, que mistura danças afro-brasileiras.




Semana da Educação Física inicia com atividade do CREF2/RS na Redenção
02/09/2014
Fonte: CREF2/RS

Como parte das comemorações do Dia do Profissional de Educação Física, a Câmara Municipal de Porto Alegre realiza todos os anos a Semana da Educação Física. O evento, idealizado pelo vereador Professor Garcia (CREF 000002-G/RS) e promovido em parceria com o CREF2/RS e outras instituições, iniciou no domingo (31), no Parque da Redenção. Além de caminhada e alongamento orientados, o primeiro dia de atividade contou com espaço do Conselho próximo ao Monumento Expedicionário em que foram feitas avaliações antropométricas e concedidas informações sobre a prática esportiva.

Além de medir o Índice de Massa Corporal (IMC) de quem compareceu à Redenção, a equipe do CREF2/RS também conversou com os presentes sobre o perigo do sedentarismo e sobre a importância da atividade física regular. Para Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), coordenadora do Departamento de Fiscalização e Orientação, a presença do Conselho em eventos como este é muito válida, pois é possível estar mais perto da sociedade: "Conseguimos destacar a necessidade de que a atividade física seja sempre acompanhada por profissional de Educação Física regulamentado", comentou. "Muitas pessoas não sabem que existe um órgão fiscalizador, que defende a sociedade e que tem o objetivo de que só permitir que profissionais capacitados estejam no mercado. Por isto, este contato é muito válido".

A Semana da Educação Física segue até sexta-feira (5), com a entrega do Troféu Destaque 2014, que homenageia os profissionais de Educação Física do ano. O evento será na Assembleia Legislativa, às 20h. Hoje, às 14h, o conselheiro Carlos Cimino (CREF 001691-G/RS) ministra o Curso Regras de Voleibol na Atualidade, na Faculdade São Judas Tadeu (Rua Dom Diogo de Souza, 100 - Cristo Redentor). A programação completa e o contato para inscrições você encontra aqui.




CREF2/RS realiza avaliações antropométricas na Festa do Pescador
01/08/2014
Fonte: CREF2/RS

Na tarde de ontem (31), o CREF/2RS participou doa Festa do Pescador de Arroio do Sal. O evento, que tem ampla programação cultural e oferece diversas atividades gratuitas para a população, contou com espaço em que servidores do Conselho realizaram avaliações antropométricas e concederam informações sobre a prática esportiva, bem como detalhes do trabalho realizado pelo Departamento de Orientação e Fiscalização (DEFOR).

Além de medir o Índice de Massa Corporal (IMC) dos visitantes da Festa, a equipe do CREF2/RS também conversou com os presentes sobre o perigo do sedentarismo e sobre a importância da atividade física regular. Para Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), coordenadora do DEFOR, a presença do Conselho em eventos como este é muito válida, pois é possível estar mais perto da sociedade: "Conseguimos destacar a necessidade de que a atividade física seja sempre acompanhada por profissional de Educação Física regulamentado", comentou. "Muitas pessoas não sabem que existe um órgão fiscalizador, que defende a sociedade e que tem o objetivo de que só permitir que profissionais capacitados estejam no mercado. Por isto, este contato é muito válido".

Profissionais e estudantes também visitaram o estande do CREF2/RS para tirar dúvidas sobre o registro de pessoas físicas e jurídicas. Em sua 13ª edição, a Festa do Pescador é realizada no Parque Municipal de Eventos de Arroio do Sal até domingo (3). Mais informações pela página aqui.




CREF2/RS participa do II Colóquio Compartilhando Experiências
28/07/2014
Fonte: CREF2/RS e CRCRS

Na sexta-feira (25), foi realizado o II Colóquio Compartilhando Experiências, na sede do Conselho Regional de Contabilidade do Rio Grande do Sul (CRCRS). A atividade, organizada pelo FÓRUM-RS, contou com a presença de conselheiros, agentes fiscais e outros colaboradores dos Conselhos e Ordens de Fiscalização Profissional. O CREF2/RS foi representado pelo vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) e pelos membros do seu Departamento Jurídico, que participaram do debate sobre o assunto.

Na abertura do evento, a coordenadora da Câmara de Defesa da Sociedade Miriam da Silva lembrou que os Conselhos têm papel fundamental de proteger e defender a sociedade. César Boeira, coordenador do grupo de Assessores Jurídicos do Fórum-RS, também falou sobre a importância da fiscalização. "Os Conselhos têm duas atribuições, credenciar e fiscalizar. A fiscalização não é feita só pelos agentes, mas por todos os conselheiros e profissionais que o integram".

O primeiro painel do evento abordou os objetivos, o público-alvo e o conteúdo programático do Curso de Extensão em Conselhos Profissionais da PUCRS e foi conduzido pela professora Jaqueline Mânica. A atividade é destinada a agentes fiscais e conselheiros. A segunda parte contou com a palestra "Visão didática do ato de julgar processos ético-administrativos e o papel do julgador", conduzida por Marco Stefani, assessor jurídico do CRN-2 e CREFONO7. Ele esclareceu sobre o trabalho dos conselheiros e suas funções de legislar e julgar normas relativas às atividades profissionais.




Câmara da Saúde do Fórum-RS realiza seminário para acadêmicos da área em setembro
18/07/2014
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do RS (FÓRUM-RS) se reuniu hoje pela manhã, na sede do Conselho Regional de Nutricionistas da 2ª Região (CRN-2), para definição dos detalhes do I Seminário dos Acadêmicos com os Conselhos Profissionais de Saúde. O evento, que será realizado no 12 de setembro na Câmara de Vereadores de Porto Alegre, é ação conjunta dos Conselhos da área e tem a participação ativa do CREF2/RS.

Com objetivo de engajar estudantes, para que todos cheguem ao mercado de trabalho com entendimento amplo da função dos Conselhos, o evento começou a ser estruturado, com mesas redondas e palestras. Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), vice-presidente do CREF2/RS, participou do encontro e destacou a importância da realização do Seminário com a parceria de diferentes áreas da Saúde. "Cada conselho tem seu papel, mas juntos podemos salientar a importância das profissões regulamentadas", comentou. "No Seminário, vamos mostrar o que fazemos e tudo o que envolve a atuação dos Conselhos para o bem da sociedade", completou Aguiar.

O I Seminário dos Acadêmicos com os Conselhos Profissionais de Saúde também tem o intuito de aproximar os estudantes e estabelecer troca de conhecimento e experiências entre as diferentes áreas. "Queremos fazer com que os acadêmicos entendam a sejam incluídos no mundo dos Conselhos, abrindo assim canal para discutir o futuro das profissões", avaliou Everton Borges, assessor de relações institucionais do Fórum-RS.

Com a presença de João Silveira Junior, presidente do CRTR 6ª Região; Carmem Franco, presidente do CRN-2; e demais representantes do CPRS e do CREFITO5, a reunião definiu ainda que o tema do Seminário será Políticas Públicas e o Futuro das Profissões de Saúde. "Além de mostrar para o aluno a dimensão e a importância de todas as profissões para a área da saúde, o evento vai proporcionar ao acadêmico entendimento para o impacto das tecnologias para o futuro das profissões", citou Borges. Nos próximos dias, a Câmara Técnica da Saúde volta a se reunir para dar continuidade à organização da atividade.




CREF Serra tem horário de atendimento diferenciado amanhã
17/07/2014
Fonte: CREF2/RS

O CREF Serra, em Caxias do Sul, tem horário de atendimento diferenciado nesta sexta-feira, dia 18 de julho. Os profissionais de Educação Física que necessitam algum serviço oferecido pelo Conselho devem procurar a sede da 9h às 12h, excepcionalmente amanhã. Não haverá atendimento no turno da tarde.

CREF Serra – 18/07 (sexta-feira)
Horário de atendimento: das 9h às 12h
Endereço: Rua Antônio Ribeiro Mendes, 1849. Pio X – Caxias do Sul (RS)
Telefone: (54) 3202-2890




Fiscalização aceita apenas justificativa e defesa enviadas pelo Correio ou entregues pessoalmente
15/07/2014
Fonte: CREF2/RS

Em maio, o CREF2/RS alterou o procedimento de entrega de justificações e defesas para infrações dos Autos emitidos pelo Departamento de Fiscalização e Orientação (DEFOR). A nova regra determina que só serão analisadas justificativas e defesas originais, recebidas via Correio ou entregues pessoalmente na sede do Conselho. O DEFOR não aceita mais documentos encaminhados por e-mail ou fax.

Além disto, as justificativas e defesas devem ser feitas em formulário específico, disponível na página do CREF2/RS para impressão, e apresentadas de maneira legível. O documento deve conter local, data, identificação e assinatura do emitente. No caso de Pessoa Jurídica, quem deve assinar é o proprietário, representante legal ou Responsável Técnico pelo estabelecimento. Defesas e justificativas emitidas ou assinadas por terceiros também não serão consideradas válidas.

Formulário e endereço para envio de justificativas e defesas você encontra aqui.




CREF Serra tem horário de atendimento diferenciado no dia 18 de julho
10/07/2014
Fonte: CREF2/RS

O CREF Serra, em Caxias do Sul, tem horário de atendimento diferenciado na sexta-feira, dia 18 de julho. Os profissionais de Educação Física que necessitam algum serviço oferecido pelo Conselho devem procurar a sede da 9h às 12h, excepcionalmente neste dia. Não haverá atendimento no turno da tarde.

CREF Serra – 18/07 (sexta-feira)
Horário de atendimento: das 9h às 12h
Endereço: Rua Antônio Ribeiro Mendes, 1849. Pio X – Caxias do Sul (RS)
Telefone: (54) 3202-2890




Conselhos Federal e Regionais discutem PLC 116/2013 em Campo Grande
09/06/2014
Fonte: CREF11/MS-MT

Campo Grande foi sede, na sexta-feira (6) e no sábado (7), da plenária ordinária mensal do CONFEF. O encontro, que reuniu 28 conselheiros federais e 14 presidentes de Conselhos Regionais, teve o objetivo de discutir temas referentes ao sistema e realizar julgamentos de casos de irregularidade na atuação da profissão.

Outro assunto da reunião foi o PLC 116/2013, que tramita no Senado e exige formação superior em Educação Física para professores das escolas de Ensino Básico e Fundamental. O Projeto de Lei, que deveria ser votado na terça-feira passada (3), foi retirado da pauta. Contrário ao entendimento do MEC, que tenta impedir a validação da norma, CREFs e CONFEF defendem a imediata aprovação da proposta, já que o projeto é antiga reivindicação dos profissionais de Educação Física.

"Vamos procurar estratégias para que o PLC volte para a votação e seja aprovado. Nós tínhamos uma expectativa para atender melhor a sociedade, fizemos toda uma mobilização e, de repente, saiu da pauta. Temos que garantir um serviço de qualidade às nossas crianças", ressaltou o presidente do CONFEF, Jorge Steinhilber (CREF 000002-G/RJ).

Com o intuito de mobilizar os profissionais de Educação Física, o CREF2/RS mantém em sua página campanha a favor do PLC 116/2013. "Temos que pressionar os senadores para aprovarem o projeto, que obriga que aulas de Educação Física sejam ministradas por professores com curso superior de Licenciatura em Educação Física. Portanto, mandem e-mail para o Senado, em defesa da Educação Física Escolar", declarou a presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS).

Clique aqui para participar.

Foto: CREF11/MS-MT




CREF Serra não abre na segunda-feira
23/05/2014
Fonte: CREF2/RS

Por conta do feriado de Nossa Senhora do Caravaggio, o CREF Serra não abre na próxima segunda-feira, dia 26. O atendimento na sede do Conselho em Caxias do Sul volta a ser realizado na terça-feira, dia 27, das 9h às 18h. Já em Porto Alegre, o CREF2/RS funciona normalmente.




Fiscalização aceita apenas justificativa e defesa enviadas pelo Correio ou entregues pessoalmente
21/05/2014
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS alterou o procedimento de entrega de justificativas e defesas para infrações dos Autos emitidos pelo Departamento de Fiscalização e Orientação (DEFOR). A partir de agora, só serão analisadas justificativas e defesas originais, recebidas via Correio ou entregues pessoalmente na sede do Conselho. O DEFOR não aceita mais justificativas e defesas encaminhadas por e-mail.

As justificativas e defesas devem ser feitas em formulário específico, disponível na página do CREF2/RS, e apresentadas de maneira legível. Todo documento deve conter local, data, identificação e assinatura do emitente. No caso de Pessoa Jurídica, quem deve assinar é o proprietário, representante legal ou responsável técnico pelo estabelecimento. Defesas e justificativas emitidas ou assinadas por terceiros também não serão consideradas válidas.

Formulários e endereço para envio de justificativas e defesas você encontra aqui.




Interiorizasul visita Passo Fundo e Erechim a partir de hoje
14/05/2014
Fonte: CREF2/RS

Mantendo a mesma qualidade dos serviços prestados na sede, o CREF2/RS executa durante o ano todo o projeto Interiorizasul, onde realiza visitas de atendimento no interior do Estado. Nesta semana, o Conselho estará em Passo Fundo e Erechim, para oferecer aos profissionais de Educação Física das duas regiões os serviços de atualização cadastral, entrega de Cédula, coleta de digital, parcelamento e informações gerais sobre fiscalização, prestação de contas e estágios.

Hoje (14), o CREF2/RS está na Faculdade de Educação Física e Fisioterapia da Universidade de Passo Fundo (UPF). O horário de atendimento é das 9h30 às 12h e das 13h30 às 16h. Amanhã (15) é dia de Erechim receber a visita do Interiorizasul. Os servidores do Conselho estarão à disposição dos profissionais de Educação Física no Anfiteatro da URI, das 16h às 20h.

Interiorizasul Passo Fundo
Data: 14/05/2014
Horário: das 9h30 às 12h e das 13h30 às 16h
Local: Universidade de Passo Fundo - Campus I - Sala 1 - Faculdade de Educação Física e Fisioterapia
Endereço: Rodovia BR-285, Km 292 - Bairro São José

Interiorizasul Erechim
Data: 15/05/2014
Horário: das 16h às 20h
Local: URI - Afinteatro - Campus I - Prédio 3
Endereço: Avenida Sete de Setembro, 1621

Confira a agenda completa do Interiorizasul aqui.




Sedentarismo é causa de 54% das mortes por infarto
08/05/2014
Fonte: Revista Almanaque em Pauta

O sedentarismo, somado à alimentação não-balanceada, é responsável por 54% do número de mortes por infarto, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). A falta de exercícios, conforme a OMS, faz parte da vida de 70% da população mundial. O conselheiro do CREF2/RS, Eduardo Merino, salienta que o sedentarismo é a principal causa da incidência de várias doenças. "Como a diabetes, hipertensão arterial, obesidade, infarto no miocárdio, ansiedade e aumento de colesterol, sendo principal fator para a morte súbita", esclarece.

Com a prática de exercícios físicos, Merino destaca que, quando orientados por um profissional, evitam problemas de saúde e ainda promovem uma série de benefícios. "Proporciona uma melhora na circulação sanguínea, composição e postura corporal, na qualidade do sono, autoimagem e autoestima, diminuição do estresse e depressão, entre outros".

Para os que têm dificuldade de incorporar exercícios ao dia a dia, o Conselheiro aconselha que busque atividade que melhor se adaptar e que esteja de acordo com as condições físicas e de ritmo de vida. "Alguns conseguem encaixar uma academia, outros caminhadas ou corridas. Subir e descer alguns degraus de escada", exemplifica. Para sair do sedentarismo, ele afirma que até exercícios cotidianos podem ser considerados. "Atividades como caminhar, cortar grama, lavar o carro podem ser consideradas". Porém, o professor de Educação Física ressalta que a prática precisa ter em torno e 40 a 50 minutos, de três a cinco vezes por semana de exercícios de intensidade moderada.

Foto: Creative Commons




José Fortunati é homenageado pelo CREF2/RS
29/04/2014
Fonte: CREF2/RS

O prefeito de Porto Alegre José Fortunati recebeu, hoje pela manhã, a diretoria do CREF2/RS. A reunião, que contou com a presença da presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), do 1º vice-presidente José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS), do 2º vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), da 2ª secretária Sonia Waengerther (CREF 007781-G/RS) e da 1ª tesoureira Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), serviu para homenagear o Prefeito pela sanção da lei nº 11.585, que torna obrigatória a formação em Licenciatura em Educação Física para o ensino da disciplina nas escolas de nível fundamental do município.

"O ato é a convicção que temos da necessidade de uma boa formação de base", declarou Fortunati. Carmen Masson, que entregou para o prefeito o diploma de Amigo da Educação Física Escolar, salientou a importância da norma, bem como a iniciativa do município em fazer da lei, pioneira entre as capitais do Brasil, um exemplo para outras cidades e prefeitos. "O Conselho é um parceiro de Porto Alegre na defesa da sociedade e na fiscalização da profissão e da ética", destacou.

A Presidente e a conselheira Miryam Brauch também entregaram ao Prefeito a Carta Gaúcha da Educação Física Escolar, que visa a mobilização de profissionais no sentido de garantir a obrigatoriedade da atividade nas escolas. A lei nº 11.585 é reforço valioso para os objetivos da Carta e para a promoção da Educação Física. "O sedentarismo é a maior causa dos problemas cardiovasculares. A ideia é conscientizar a população da importância da atividade física, sobretudo nas escolas", avaliou Carmen Masson.

O vice-presidente Lauro Aguiar encerrou o encontro com a sugestão de aproximar o Ministério da Saúde e as prefeituras para a promoção do bem-estar e da vida saudável. "A lei nº 11.585, levada para a Frente Nacional de Prefeitos, vai incentivar os municípios a organizarem projetos em nome da atividade física", concluiu.




Departamento de Fiscalização promove audiências para assinatura de Termos de Cooperação
21/03/2014
Fonte: CREF2/RS

O Departamento de Fiscalização do CREF2/RS iniciou, nesta semana, as audiências para assinatura de Termos de Cooperação. Os Termos são o último passo do processo administrativo de fiscalização e tem como objetivo evitar reincidências em irregularidades. O processo inicia com a visita fiscalizatória. Nos casos em que não há irregularidades ou ocorre a regularização no prazo previsto, o mesmo é encerrado.
Os demais casos são enviados à Comissão de Fiscalização e posteriormente à Plenária para julgamento. As sanções variam de assinatura de termo de cooperação a multa.
O objetivo da assinatura é evitar a aplicação de multas ou acionamento por via judicial. É um acordo entre o estabelecimento e o CREF2/RS, em que o primeiro se compromete em manter as atividades de forma regular.
A Coordenadora do Departamento afirma que a assinatura do documento não isenta o estabelecimento das ações fiscalizatórias; pelo contrário, caso seja averiguada a reincidência o acionamento judicial é imediato. Inicialmente, foram convocados treze estabelecimentos cujas irregularidades foram falta de registro no CREF2/RS e ausência de profissional habilitado para ministrar as atividades. Sete deles compareceram à sede e dois foram reagendados. Todos os demais casos serão acionados judicialmente, por meio de ação civil pública, visando o cumprimento da legislação.




Porto Alegre sanciona lei que torna obrigatória a formação em Educação Física para docência
28/02/2014
Fonte: CREF2/RS

O prefeito José Fortunati sancionou o Projeto de Lei nº 199/2011, de autoria do Vereador Professor Garcia (CREF 000002-G/RS), que obriga a formação em curso superior de Educação Física (Licenciatura) para docência da disciplina no Ensino Fundamental em todas as escolas do município de Porto Alegre. A lei entrará em vigor no ano letivo de 2015, para escolas públicas e privadas. A cerimônia oficial ocorreu na sede da Secretaria Municipal de Educação, na tarde de sexta-feira, dia 28 de fevereiro. O Conselheiro Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) representou o CREF2/Rs na solenidade.




9ª Semana de Prevenção das LER
28/02/2014
Fonte: CREF2/RS

A 9ª Semana de Prevenção das LER ocorreu nos dias 27 e 28 de fevereiro de 2014, no Auditório da FTIA/RS, em Porto Alegre. O evento acontece tradicionalmente na última semana de fevereiro, visto que o dia 28/02 é reconhecido como Dia Mundial de Combate às Lesões por Esforços Repetitivos. O presidente da Câmara de Ginástica Laboral do Conselho, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), participou da mesa de abertura do evento, juntamente com o Vereador Professor Garcia (Presidente da Câmara de Vereadores de Porto Alegre e Conselheiro do CONFEF), Valdemir Corrêa (FTIA/RS), Luciana Wertheimer (CREFITO5), Telmo Zanette (STIFA) e Débora Melecchi (CTBRS).

O membro da Comissão de Ginástica Laboral Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS) representou o CREF2/RS. Com a proposta de apresentar o painel sobre profilaxia, Tony discorreu sobre a atuação do Profissional de Educação Física na prevenção das LER e demais doenças ocupacionais, cuja importância muitas vezes é pouco reconhecida devido ao fato da Educação Física ser tradicionalmente associada ao desporto e à escola. Destacou ainda o importante papel de Programas de Ginástica Laboral em empresas, principalmente quando aliados a ações propostas para a estruturação da qualidade de vida no trabalho.

Durante o evento, foram abordadas ainda as temáticas: história da LER, LER e depressão e legislação. As atividades da semana são promovidas pela Câmara de Vereadores de Porto Alegre, por meio do Vereador Professor Garcia, com apoio das entidades CREF2/RS, CREFITO 5, CTBRS, SEMAPI, FTIA/RS, STIFA, FPE/RS e CEREST. A carta da 9ª Semana de Prevenção das LER será assinada no dia 12 de março, às 9h, na sede da FTIA/RS - Rua Jerônimo Coelho, 303 - Centro - Porto Alegre.




CREF2/RS realiza evento ""Cidades amigas da Educação Física Escolar""
04/11/2013
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS realizou o evento ""Cidades amigas da Educação Física Escolar"" no dia 30 de outubro, na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul. O Conselho concedeu uma homenagem aos municípios que contam com Profissionais de Educação Física atuando com este componente curricular nos anos iniciais do Ensino Fundamental. Dos 497 municípios do Estado, 127 contam com Profissionais de Educação Física. A presença obrigatória do Profissional de Educação Física nos anos iniciais do Ensino Fundamental é uma das bandeiras defendidas pelo Conselho Regional de Educação Física do RS. A Educação Física enquanto atividade curricular pressupõe não só ""dominar e conhecer o corpo"", mas em ter consciência de que ""somos um corpo"" numa perspectiva cultural, social humana e política, portanto um ser integral. A Educação Física é um caminho privilegiado de educação e por seus valores deve ser entendida como um dos direitos de todas as pessoas.
Atualmente, do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental, as atividades físicas no Rio Grande do Sul não são ministradas por Profissionais de Educação Física. Por conta disso, cerca de 300 mil crianças estão desatendidas no Estado, contribuindo para o aumento do sedentarismo e da pandemia de obesidade infantil.
A Educação Física tem um papel fundamental no desenvolvimento integral dos alunos, sendo uma atividade que trabalha o lúdico e o esporte, proporciona diversas vivências das manifestações corporais da cultura humana. Dentro dessa visão, é importante ressaltar o papel do Profissional de Educação Física como vetor do desenvolvimento humano. É a intervenção deste Profissional, com seus conhecimentos sobre o corpo e o o desenvolvimento humano que pode dar as diretrizes corretas às crianças em idade de iniciação escolar.




Câmara da Saúde se reúne na sede do CREF2/RS
08/10/2013
Fonte: CREF2/RS

O Presidente do CREF2/RS, Eduardo Merino, recebeu na sede do Conselho nesta segunda-feira, dia 07 de outubro, o presidente do CREFITO5 Alexandre Doval da Costa, o Assessor de Relações Institucionais do CRF/RS Everton Borges, a Conselheira do CREFONO7 Miriam da Silva e a presidente do CRESS10 Miriam Thais Guterres Dias, para reunião da Câmara da Saúde dos Fórum dos Conselhos do RS.
Na ocasião, foram discutidas diversas questões, destacando-se a audiência pública de atualização do código sanitário, que ocorrerá em novembro, o II Colóquio “Compartilhando Vivências para o Envelhecimento Ativo”, evento que aconteceu no dia 05 de outubro na ULBRA Canoas, e o planejamento dos eventos de atendimento à população pelos Conselhos Profissionais da área da saúde no litoral, durante a temporada de verão 2014.




Vinte e dois de novembro é oficializado Dia Municipal da Ginástica Laboral em Porto Alegre
26/09/2013
Fonte: CREF2/RS

Na segunda-feira, dia 23 de setembro, foi aprovado pela Câmara de Vereadores de Porto Alegre o Projeto de Lei que institui o dia 22 de novembro como Dia Municipal da Ginástica Laboral.
O autor do Projeto, Vereador Professor Garcia (CREF 000002-G/RS), também Conselheiro do Conselho Federal de Educação Física (CONFEF), declarou que a Ginástica Laboral tem importância cada vez maior nas empresas, melhorando a saúde física do trabalhador e prevenindo os problemas ocupacionais.
A data foi escolhida por representar um marco na área, pois nesse dia, no ano de 1978, foi assinado o primeiro contrato de Ginástica Laboral no país.
O presidente da Câmara de Ginástica Laboral do Conselho Regional de Educação Física da 2ª Região (CREF2/RS), Conselheiro Lauro Ubirajara Barboza de Aguiar (CREF 002782-G/RS), lembrou que a atividade está diretamente relacionada ao compromisso das empresas com a saúde de seus colaboradores, contribuindo no processo de humanização do ambiente de trabalho.
Ressaltou ainda o trabalho desenvolvido pela Câmara, convidando todos os Profissionais de Educação Física a participarem das reuniões do grupo, que ocorrem mensalmente (veja as datas em nosso site) na sede do Conselho em Porto Alegre.
Em comemoração a data, o CREF2/RS irá promover a 2ª edição do evento “O Profissional de Educação Física como Protagonista na Ginástica Laboral”, no dia 22 de novembro de 2013, no Plenarinho da Assembleia Legislativa do RS.
A organização do evento, que no ano passado ocorreu na Câmara de Vereadores de Porto Alegre, convida todas as empresas e prestadores de serviço na área a indicarem empresas clientes a serem homenageadas na ocasião.
Os interessados em realizar indicações devem entrar em contato com o Conselho pelo e-mail eventos@crefrs.org.br.
O número de homenageados será limitado, e as empresas homenageadas devem ser gaúchas e com mais de 10 anos de adoção do Programa de Ginástica Laboral.