Notícias




Data Inicial:
(dd/mm/aaaa)  

Data Final:
(dd/mm/aaaa)  
Título:
Palavras na Notícia:



CREF2/RS mantém lista de normativas estaduais e municipais
02/04/2020
Fonte: CREF2/RS

Diante da pandemia do coronavírus (COVID-19), o CREF2/RS tem recebido diversos questionamentos sobre como proceder quanto ao funcionamento das empresas registradas. Mesmo diante desta situação atípica, o Conselho não pode ordenar o fechamento, a abertura ou restringir o funcionamento dos locais que ofertam serviços na área de atividades físicas que estão devidamente regulares com a legislação vigente. Por isso, foi publicada, no dia 17 de março, uma Nota Técnica com orientações gerais para o exercício da profissão de Educação Física neste período.

O Conselho ressalta que a recomendação é que os estabelecimentos sigam as determinações dos órgãos federais, estaduais e municipais responsáveis. Diversos municípios do Estado estão publicando, diariamente, normativas com medidas que alteram o funcionamento de diferentes tipos de estabelecimentos, como academias, clubes e centros de treinamento.

Atento às demandas dos profissionais e proprietários de empresas da área, reunimos aqui as normativas estaduais e municipais disponíveis sobre o assunto, que afetam diretamente as atividades dos registrados. A lista não contempla a totalidade de cidades do Estado, mas está sendo atualizada constantemente. Caso tenha conhecimento de novas normativas em cidades do Rio Grande do Sul, envie as informações para o e-mail contato@crefrs.org.br e auxilie na atualização dos dados.

Rio Grande do Sul - Decreto 55.154

Alvorada
Bagé
Bento Gonçalves
Bom Jesus
Cachoeirinha
Canela
Canoas
Capão da Canoa
Capão do Leão
Carazinho
Caxias do Sul
Cotiporã
Eldorado do Sul
Erechim
Esteio
Farroupilha
Flores da Cunha
Garibaldi
Gravataí
Gramado
Ijuí
Lajeado
Liberato Salzano
Não-Me-Toque
Nova Petrópolis
Novo Hamburgo
Osório
Passo Fundo
Pejuçara
Portão
Porto Alegre
Salto do Jacuí
Santa Cruz do Sul
Santa Maria
Sant’Ana do Livramento
Santiago
Santo Antônio da Patrulha
São Borja
São Leopoldo
São Marcos
Sapiranga
Tapes
Taquara
Torres
Três Passos
Uruguaiana
Vacaria

Última atualização: 03/04


coronavírus



CREF2/RS mantém lista de normativas estaduais e municipais
20/03/2020
Fonte: CREF2/RS

Diante da pandemia do coronavírus (COVID-19), o CREF2/RS tem recebido diversos questionamentos sobre como proceder quanto ao funcionamento das empresas registradas. Mesmo diante desta situação atípica, o Conselho não pode ordenar o fechamento, a abertura ou restringir o funcionamento dos locais que ofertam serviços na área de atividades físicas que estão devidamente regulares com a legislação vigente. Por isso, foi publicada, no dia 17 de março, uma Nota Técnica com orientações gerais para o exercício da profissão de Educação Física neste período.

O Conselho ressalta que a recomendação é que os estabelecimentos sigam as determinações dos órgãos federais, estaduais e municipais responsáveis. Diversos municípios do Estado estão publicando, diariamente, normativas com medidas que alteram o funcionamento de diferentes tipos de estabelecimentos, como academias, clubes e centros de treinamento.

Atento às demandas dos profissionais e proprietários de empresas da área, reunimos aqui as normativas estaduais e municipais disponíveis sobre o assunto, que afetam diretamente as atividades dos registrados. A lista não contempla a totalidade de cidades do Estado, mas está sendo atualizada constantemente. Caso tenha conhecimento de novas normativas em cidades do Rio Grande do Sul, envie as informações para o e-mail contato@crefrs.org.br e auxilie na atualização dos dados.

Rio Grande do Sul - Decreto 55.154

Alvorada
Bagé
Bento Gonçalves
Bom Jesus
Cachoeirinha
Canela
Canoas
Capão da Canoa
Capão do Leão
Carazinho
Caxias do Sul
Cotiporã
Eldorado do Sul
Erechim
Esteio
Farroupilha
Flores da Cunha
Garibaldi
Gravataí
Gramado
Ijuí
Lajeado
Liberato Salzano
Não-Me-Toque
Nova Petrópolis
Novo Hamburgo
Osório
Passo Fundo
Pejuçara
Portão
Porto Alegre
Salto do Jacuí
Santa Cruz do Sul
Santa Maria
Sant’Ana do Livramento
Santiago
Santo Antônio da Patrulha
São Borja
São Leopoldo
São Marcos
Sapiranga
Tapes
Taquara
Torres
Três Passos
Uruguaiana
Vacaria

Última atualização: 03/04


coronavirus



Decreto da Prefeitura de Porto Alegre veda funcionamento de academias na cidade
18/03/2020
Fonte: CREF2/RS

A Prefeitura Municipal de Porto Alegre publicou, no dia 17 de março, o Decreto nº 20.505, em que declara situação de emergência e estabelece medidas para empresas do município no enfrentamento da emergência de saúde decorrente do novo coronavírus (COVID-19).

Entre os estabelecimentos apontados para suspenderem suas atividades estão academias, centros de treinamento, centros de ginástica, cinemas e clubes sociais, independentemente da aglomeração de pessoas. A medida tem validade de 30 dias, contados a partir da data de publicação.

Acesse o documento na íntegra aqui.


coronavirus



CREF2/RS recebe prêmio Destaque do Esporte 2019
12/12/2019
Fonte: CREF2/RS

Na noite de ontem, dia 11 de dezembro, a Prefeitura de Municipal de Porto Alegre, através da Secretaria de Desenvolvimento Social e Esporte, promoveu a entrega do prêmio Destaque do Esporte 2019, no Teatro Renascença. A homenagem, destinada a professores, atletas, colaboradores e parceiros que contribuíram para a realização de eventos esportivos na capital, teve 40 vencedores. O CREF2/RS, representado pelo presidente José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS), foi um dos condecorados pela sua contribuição à Educação Física.

“O Destaque do Esporte 2019 é uma forma singela de dizermos um obrigado um pouco mais especial a estas pessoas que tornaram os nossos quase 40 mil atendimentos do ano possíveis”, destacou o coordenador de Esporte e Lazer da Prefeitura e conselheiro do CREF2/RS Claudio Franzen (CREF 003304-G/RS). Neste ano, o prêmio foi dividido entre as categorias pedagógico, futebol, eventos, Mexatchê, Bairro e Ação e parceiros. Confira a lista de todos os vencedores:

Categoria Pedagógico:
José Paulo Giacomoni, Aline Bonatto, Jaqueline Musse, Márcia Araújo e Juliano Meneghetti

Categoria Futebol:
Paulo Roberto dos Santos (Paulão da Tuca), Eduardo Fagundes, Ernesto Natividade, Luís Gustavo Mathias (Neneco), Luiz Carlos Farias (Seu Farias) e Marcos Pacheco (Gica)

Categoria Eventos:
Carla Nunes, Daniela Nicolini, Fabio Azeredo, Ademir Possebon, Vanderlei Pinzetta, Maria Rodrigues, Matheus Vier, Carlos Alberto Santos, Vera Carvalho, Lucas dos Santos, Anderson Henriques, Leonardo Ribas e Itamar Machado

Categoria Mexatchê Rodas:
Arthur Alcorte (Rodas), Renato Werlang (Lutas) e Gil de Abreu (Lutas), Igor Batista (Águas), Anna Danielyan (Ginástica), Patrícia Fontana (Ginástica) e Luís Carlos Enck (Raquete)

Categoria Bairro em Ação:
Rosângela Rolakaiser (Parede)

Categoria Parceiros:
CREF2/RS, Associação Nacional de Aposentados e Pensionistas, Sesc-RS, Grêmio Sargento Expedicionário Geraldo Santana, Sport Club Internacional, Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense, Clube São José, Associação Amigos do Banco do Brasil, Grêmio Náutico União e Sogipa


Destaque do Esporte Prefeitura



Conselheira Carla Pretto é eleita presidente do Conselho Municipal de Desporto de Caxias do Sul
09/12/2019
Fonte: CREF2/RS

Em uma reunião plenária realizada no final de novembro, a conselheira do CREF2/RS Carla Pretto (CREF 006564-G/RS) foi eleita presidente do Conselho Municipal do Desporto de Caxias do Sul. O órgão, vinculado à Prefeitura Municipal e criado em 1999, tem como função normatizar, deliberar e fiscalizar a área de atividade esportiva da cidade, oferecendo subsídios técnicos e emitindo pareceres sobre o assunto.

A gestão 2019-2021 do CMD conta ainda com o vice-presidente Moroni Lima (CREF 005357-G/RS) e com o secretário-executivo Jorge Dutra. “Por serem dois órgãos de fiscalização, acredito que o Conselho do Desporto e o CREF2/RS poderão atuar de maneira conjunta de diversas formas – massificando a orientação da atuação do profissional de Educação Física na área esportiva, realizando eventos em parceria e fortalecendo as ações de fiscalização”, avalia Carla. Pelos próximos três anos, o CMD também terá como meta a elaboração de um novo Plano Municipal do Desporto, para que contemple políticas públicas no âmbito da iniciação esportiva.

Além deste projeto, Carla adianta outras ações que o CMD implementará daqui para frente, como a realização do prêmio Mérito Esportivo e do Fórum Municipal do Desporto, ambos previstos para ocorrer já em 2020. “A nova gestão irá se basear no cumprimento das legislações desportivas, sugerindo medidas que visem a expansão do desporto do município”, encerra a Presidente.


CMD Caxias do Sul Caxias do Sul CREF Serra



CREF2/RS defende inclusão do profissional de Educação Física nos programas de saúde de Santa Maria
27/11/2019
Fonte: CREF2/RS

Desde a última semana, o CREF2/RS está fazendo parte do movimento que a busca a inclusão do profissional de Educação Física nos programas de saúde de Santa Maria. A campanha, iniciada pelo Conselho Municipal de Saúde do município, conta também com o suporte e com o auxílio do conselheiro do CREF2/RS Clery de Lima (CREF 000297-G/RS).

Em reunião no Conselho, Lima apresentou ao presidente José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS) o andamento do processo, que defende a inclusão do profissional de Educação Física em todos os projetos e programas de saúde da Prefeitura. Depois de garantir esta presença no Plano Purianual de Saúde de Santa Maria, o Conselheiro destacou que a intenção agora é ampliá-la, também para os cargos ocupados na Secretaria Municipal de Saúde.

“O CREF2/RS está reforçando aqui o trabalho realizado pelo conselheiro Clery, que muito bem nos representa no Conselho Municipal de Saúde de Santa Maria e no Conselho Estadual de Saúde. A nossa intenção, a partir de agora, é subsidiar – com exemplos práticos de outros municípios – que a inclusão do profissional de Educação Física proporciona inúmeros ganhos à saúde da população, devendo estar presente em todas as políticas públicas do Estado”, comentou Meurer.


Santa Maria saúde



CREF2/RS participa do Dia do Profissional de Educação Física de Uruguaiana
06/09/2019
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS participou, no dia 30 de agosto, da cerimônia alusiva ao Dia do Profissional de Educação Física, realizada pela Prefeitura Municipal de Uruguaiana. Na ocasião, foram premiados com certificado e medalha de mérito esportivo os profissionais de Educação Física Glademir Almeida (CREF 000586-G/RS) e Verônica Vargas (CREF 000580-G/RS), além de Jaqueline Barbosa, Mércia Siqueira, Jorge Borges, Álvaro Ávila, Madalena Mesquita e Rômulo Barreto. Logo após, o assessor de Fiscalização do CREF2/RS Samuel de Almeida (CREF 013510-G/RS) realizou palestra "A Importância da Regularidade na Valorização Profissional".

Segundo o organizador do evento, Ismael Sanchotene (CREF 021833-G/RS), a celebração já é uma tradição em Uruguaiana e tem como objetivo valorizar a profissão e o reconhecimento da sociedade. "Em 2020, faremos a décima edição, quando pretendemos organizar várias atividades e práticas esportivas para toda a Fronteira Oeste", salientou.


Dia do Profissional de Educação Física Uruguaiana Fiscalização



CREF2/RS divulga finalistas do Troféu Destaque 2019
21/08/2019
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quarta-feira, dia 21 de agosto, o CREF2/RS divulgou os nomes de todos os finalistas do Troféu Destaque 2019. O prêmio, criado pelo Conselho como forma de comemorar o Dia do Profissional de Educação Física, terá a sua cerimônia de entrega realizada no dia 31 de agosto, no Grêmio Náutico União.

Divididos em quatro categorias, os finalistas listados abaixo, em ordem alfabética, foram escolhidos pelos profissionais registrados, que puderam indicar os seus favoritos por meio de uma votação aberta no site do Conselho, durante o último mês de julho. Outras duas categorias – Personalidade e Mérito da Educação Física – terão os seus ganhadores eleitos diretamente pela Plenária. Todos os vencedores do Troféu Destaque serão conhecidos somente no dia 31 de agosto.

As empresas que estão completando dez anos de registro ininterrupto, em 2019, também serão homenageadas na cerimônia. Confira os finalistas:

Categoria Profissional – Atuação Bacharelado:

Camilla Padilha da Silva Dutra (CREF 025641-G/RS)
Graduada em Educação Física pela Faculdade Sogipa, é criadora do método de treinamento Generation System e sócia-proprietária da Kangoo Top Team, empresa especializada em kangoo jumps. Atua em academias de Porto Alegre.

Roberta Anselmo Borges (CREF 007239-G/RS)
Graduada em Educação Física pela UFPel e pós-graduada em marketing esportivo e academias de ginástica, é proprietária da Academia VO2 Beta, em Pelotas, há 18 anos. Atua na área fitness com aulas de jump, step, local e é uma das referências em todo o Estado nas modalidades kangoo jumps, board fitness e HUGS 7.

Tiago Barrionuevo Proença (CREF 012034-G/RS)
Graduado em Educação Física pelo IPA, é proprietário da BPro – Treinamento Físico Funcional, em Porto Alegre. É um dos precursores da modalidade no Rio Grande do Sul e também ministra diversos cursos sobre o assunto no Brasil e no exterior.

Categoria Profissional – Atuação Licenciatura:

Anelise Reis Gaya (CREF 024009-G/RS)
Graduada em Educação Física pelo IPA, tem doutorado pela Universidade do Porto, em Portugal. Atualmente é docente da ESEFID da UFRGS e professora do Programa de Pós-graduação em Ciências do Movimento Humano. É coordenadora do Projeto Esporte Brasil e atua em várias iniciativas relacionadas à promoção da saúde nas aulas de Educação Física Escolar.

Fabiani Dias da Silveira (CREF 002949-G/RS)
Graduado em Educação Física pelo IPA, tem mais de 30 anos de experiência na Educação Física Escolar e atualmente é professor do Colégio Sinodal do Salvador, de Porto Alegre. Em Novo Hamburgo, atua também em um projeto social que fomenta o handebol em escolas municipais, formando equipes para participar de diversos campeonatos. Foi professor substituto da cadeira de handebol da ESEFID/UFRGS, de 2011 a 2012 e é o criador de um projeto de intercâmbio técnico e cultural de handebol entre o Brasil e a Áustria.

Josiane Margarete de Araújo Fassini (CREF 013909-G/RS)
Graduada em Educação Física pela Ulbra Canoas e pós-graduada pela UFRGS em Mídias e Educação, é professora da Escola Municipal Miguel Couto, em Nova Santa Rita. Atua com a inclusão através do projeto “Educação Física Inclusiva na EJA”, com atividades desportivas adaptadas, como goalball e vôlei sentado. É também coordenadora do projeto “A Escola da Universidade”, em parceria com o curso de Educação Física da Ulbra.

Categoria Profissional – Atuação Projeto Social:

Evandir Ricardo Viegas Ferraz (CREF 008382-P/RS)
Conhecido pelo nome artístico Mike Júnior, é professor de street dance no Ballet Gutierres, em Porto Alegre. Pioneiro em adotar e explorar a cultura hip hop em suas aulas, há 15 anos desenvolve um projeto social no Centro Comunitário da Vila Orfanotrófio, na zona sul de Porto Alegre, aproximando crianças carentes da dança. É idealizador da modalidade hip hop fitness e instrutor de step nas academias Movere Fitness, HF Personal Training e Fit Academia.

Rosani Oliveira Franco (CREF 005930-G/RS)
Graduada em Educação Física pelo IPA, é coordenadora do Instituto Tênis – Núcleo Porto Alegre. O projeto, que já atendeu quatro mil crianças, tem o objetivo de desenvolver o tênis e de transformar o Brasil numa potência do esporte nos próximos 20 anos, oferecendo a modalidade gratuitamente para crianças de escolas municipais e estaduais, que dificilmente teriam acesso, através de aulas regulares de Educação Física e com atividades em parques públicos.

Tânia Beatriz Rodrigues da Silva (CREF 027013-G/RS)
Graduada em Educação Física pela Universidade La Salle, atua no SESI/FIERGS como monitora de esportes. Há 14 anos também é voluntária na Associação dos Amigos do Centro Olímpico Municipal (AACOM), em parceria com a Prefeitura Municipal de Canoas, ministrando aulas de fitness e de ritmos.

Categoria Pessoa Jurídica:

Fazendo Onda (CREF 001345-PJ/RS)
Em atividade desde 2002, a Fazendo Onda é uma escola de natação e academia de Igrejinha. Além de aulas de natação, hidroginástica e caminhada aquática, também desenvolve projetos de emagrecimento para grupos de pessoas com IMC acima da faixa “Obesidade 1”, com duração de seis meses e prêmios para os melhores resultados. Em quatro etapas realizadas até o momento, ajudou a eliminar mais de 620kg somente através da atividade física.

Fit Academia (CREF 002825-PJ/RS)
Em atividade desde 2014, a Fit Academia é de Porto Alegre e conhecida pelo seu ambiente familiar. Oferece diversas atividades aos seus alunos, como grupo de corrida, treinamento funcional e yoga. Como diferenciais tem o Circuito 60+, dedicado ao público da terceira idade, e cumpre todas as normas de acessibilidade, como rampas de acesso para cadeirantes, banheiro adaptado no térreo e elevador interno.

Sublime Academia (CREF 001162-PJ/RS)
Em atividade desde 2008, a Sublime Academia é de Santa Cruz do Sul e busca contribuir para o equilíbrio físico e mental dos seus alunos, com um ambiente agradável e acolhedor. Conta com uma ampla estrutura, totalmente climatizada, com diversas opções de atividades, como pilates, treinamento funcional, musculação e outras tantas aulas coletivas, ministradas por profissionais altamente qualificados e comprometidos.


Troféu Destaque



Eduardo Bedin: quebrando barreiras e superando desafios
17/06/2019
Fonte: CREF2/RS

"Nunca desista de seus sonhos!”. Com este pensamento sempre presente, o profissional de Educação Física Eduardo Bedin (CREF 026673-G/RS) enfrentou com leveza e bom humor todos os empecilhos que a sociedade impõe aos deficientes e, derrubando todos os preconceitos, se tornou uma das primeiras pessoas com Síndrome de Down a se formar em Educação Física no Estado, assim como o graduado pela ULBRA Guaíba Igor Becker (CREF 015310-G/RS). Eduardo nasceu em Porto Alegre há 28 anos. Em 2017, ele licenciou-se em Educação Física pela UNOPAR e, de acordo com dados do Movimento Down, portal filiado à Federação Brasileira das Associações de Síndrome de Down, ele é uma das 74 pessoas com Down no Brasil que cursam ou que já se formaram no Ensino Superior até 2019.

A chegada de uma criança com deficiência em uma família pode gerar situações complexas e resultantes da falta de preparo e informação adequada para lidar com os sentimentos que surgem nesse momento. Quando Eduardo nasceu, a notícia da Síndrome foi colocada de maneira chocante pelo pediatra. “Teu filho tem mongolismo! Isso não cura”, relembra sua mãe, Neuza Leite. A atitude brutal do profissional da área médica foi o pontapé inicial para que os pais enfrentassem o desafio de buscar caminhos para viabilizar uma vida de superação. “Graças ao Centro Lydia Coryat, familiares, alguns amigos, além de profissionais responsáveis e dedicados, a vida começou a acontecer”, recorda. Ela explica que Eduardo iniciou sua ambientação escolar com um acolhimento amoroso no maternal, recebendo toda a atenção das professoras.

Registrado no CREF2/RS desde maio de 2018, Eduardo sempre teve uma rotina muito ativa, trabalhando profissionalmente como auxiliar técnico de judô, ao mesmo tempo que estudava em vários cursos para aprimorar as suas habilidades. Atualmente, desenvolve atividades esportivas junto a outras pessoas com deficiências na Associação de Pais, Amigos e Pessoas com Deficiência, de Funcionários do Banco do Brasil e da Comunidade (APABB-RS). O projeto tem a coordenação de Fábio Izaguirre (CREF 005430-G/RS), judoca filiado à Federação Gaúcha de Judô (FGJ), e que trabalha de forma voluntária.

Eduardo também participa da Associação Judoística (AJURGS) e é chefe da Tropa Escoteira do Grupo Escoteiro Souza Lobo, localizado no bairro Sarandi, em Porto Alegre, além de ser membro da Associação dos Familiares e Amigos do Down (AFAD Porto Alegre), entidade a qual ele representa como suplente no Conselho Municipal das Pessoas com Deficiência de Porto Alegre. De acordo com sua mãe, o trabalho voluntário tem permitido que Eduardo encare os compromissos com mais responsabilidade, notadamente com relação a horários e convivência.

Formatura e romance

Carismático e determinado, no dia da sua formatura Eduardo conquistou o coração da violonista e bailarina Florença Sanfelice, também com Síndrome de Down. Ela havia sido contratada para tocar na cerimônia, mas nessa noite ganhou também um namorado e um excelente amigo. “Estou muito apaixonado!”, é como ele mesmo se define. Os seus planos de vida incluem a independência própria e o futuro casamento.

Eduardo cursou a antiga primeira série em uma escola pública estadual e teve a felicidade contar com professoras amorosas e competentes, que o alfabetizaram e fizeram sentir-se incluído no ambiente escolar. Mas também existiram muitas experiências ruins em sua vida. “Há duas escolas de Porto Alegre das quais nem quero lembrar por serem preconceituosas e fechadas, o que me causou muito desalento”, recorda.

Quando Eduardo concluiu o Ensino Fundamental pela EJA, pois sentia-se constrangido em meio a crianças e preferia conviver com adultos, Neuza foi nomeada como assistente social para a Prefeitura de Rosário do Sul. “Ao chegar lá, as portas da Escola Estadual Plácido de Castro foram abertas, sendo imediatamente incluído no Grupo de Danças. Foi incrível! Fiz uma bela festa de formatura pensando que a vida escolar do meu filho estava sendo encerrada ali”, diz Neuza.

Mas a vida ainda reservava um grande objetivo a ser alcançado pela mãe e seu filho. “Quando fui fazer a minha matrícula para cursar Direito, o Eduardo estava junto.Ao sairmos da universidade, ele perguntou: “E a minha faculdade?” Coincidentemente estava sendo aberto o curso de Educação Física. Então cancelei a minha faculdade e investi na dele”, recorda. “O resultado felizmente foi o melhor possível. Estamos muito orgulhosos”, comemora Neuza.


Eduardo Leite Bedin



Fortunati fala no CREF2/RS sobre obras da Copa e revitalização da Orla
07/05/2019
Fonte: CREF2/RS

Na última sexta-feira, dia 3 de maio, o CREF2/RS recebeu José Fortunati, ex-prefeito de Porto Alegre. Ele esteve no Conselho para esclarecer as obras da Copa do Mundo, além de conversar sobre a revitalização da Orla do Guaíba e o novo trecho do projeto. Fortunati foi a primeira autoridade a aceitar o convite para participar de uma série de diálogos promovidos na sede do CREF2/RS, e que pretende trazer políticos, dirigentes e esportistas que contribuem para o esporte, para a atividade física e para a profissão de Educação Física.

De acordo com ex-Prefeito, em 2008 foram abertas as candidaturas das cidades para sediar a Copa do Mundo. Assim que finalizaram as inscrições, os dados foram levados à FIFA, com previsão de oito sedes escolhidas. Fortunati afirmou que o ex-presidente Lula cometeu um equívoco ao impor 12 sedes, pois várias das cidades incluídas nesta lista não tinham tradição no futebol. O resultado foi estádios que viraram verdadeiros elefantes brancos, a exemplo de Brasília, que teve a construção da arena mais cara no país e que atualmente tem uma média de cinco mil torcedores nos jogos lá disputados.

Quando Porto Alegre acabou sendo escolhida uma das cidades-sede, a FIFA enviou à Prefeitura as exigências a serem cumpridas para que a capital gaúcha pudesse receber a Copa do Mundo. “Nós já estávamos negociando com o Sport Club Internacional, que garantiu reformar o Beira-Rio de acordo com as normas da FIFA. Porto Alegre foi a única cidade entre as 12 sedes que não injetou recursos públicos em estádios. Para tanto, nós abrimos mão dos impostos ISSQN em troca do empréstimo gratuito do Beira-Rio durante a Copa”, esclareceu.

Outra demanda da FIFA era a modernização do Aeroporto Salgado Filho, obra que foi totalmente realizada pela Infraero. A terceira exigência foi estabelecer regras de segurança. “Para isto, foi feito um processo de revitalização, que foi facilitado devido a ótima localização do estádio. Contudo, tivemos de retirar comerciantes irregulares que atuavam há muitos anos na área, além das quadras de duas escolas de samba”. Para melhorar o acesso ao estádio, foram duplicadas a avenida Beira Rio e corredores de ônibus da avenida Padre Cacique. “Isto só aconteceu porque renegociamos com o Governo Federal mais recursos no caderno de encargos da Copa, atingindo o montante de R$ 140 milhões”.

Fortunati percebeu que poderia incluir as principais obras de mobilidade da cidade em uma nova negociação. “Então, celebramos em Brasília a aprovação dos projetos de melhoramentos para avenida Tronco, Terceira Perimetral, Elevada da Rodoviária e a duplicação das avenidas Voluntários da Pátria e Severo Dullius, no valor de R$ 888 milhões”. Porém, nem tudo ocorreu como previsto. Entre as dificuldades que provocaram o atraso na entrega das obras, Fortunati enumera a descoberta de solo arenoso e de uma imensa rocha durante as escavações, a obrigação do Ministério Público de que se trocasse o turno diurno de trabalho dos operários pelo noturno, encarecendo e atrasando as obras, e uma devastadora crise econômica em nível nacional.

Revitalização da Orla do Guaíba

Em relação à revitalização da Orla do Guaíba, o ex-Prefeito explicou que os recursos iniciais foram contratados em 2016 com a Corporação Andina de Fomento, apesar de problemas havidos anteriormente com o projeto do VLT. “Ainda assim obtivemos um empréstimo de 90 milhões de dólares e contratamos o arquiteto e urbanista Jaime Lerner para realizar o projeto”. Simultaneamente em Brasília, ocorria o escândalo político da Lava Jato, que tirou o completamente o foco do Senado sobre projetos e obras no país. Mesmo assim, em um esforço da bancada de senadores gaúchos, o empréstimo foi aprovado.

O ex-Prefeito explicou que a terceira fase do projeto, que irá urbanizar a área que vai da foz do Arroio Dilúvio ao Parque Gigante, em frente ao Beira-Rio, será voltado para a atividade física. “Esta fase tem uma vocação esportiva, com 27 quadras de futebol society, infantil, poliesportiva, tênis, vôlei de praia e tênis de praia. Também terá a maior pista de skate da América Latina, além de academia ao ar livre e para a melhor idade e parque infantil”, explica.

Fortunati finalizou afirmando ser contra a extinção da Secretaria Municipal de Esportes. “Acho uma lástima que se tenha uma ideia equivocada, e muito propagada pela grande mídia, que defende pura e simplesmente a redução do número de Secretarias”. Ele também disse estar convencido que a reforma administrativa promovida pelo atual prefeito é um desastre, e afirmou que esta análise é corroborada por técnicos de vários órgãos municipais.


Fortunati



CREF2/RS se reúne com titular da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Esporte da capital
26/02/2019
Fonte: CREF2/RS

O presidente do CREF2/RS, José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS), e seu 1º secretário, Claudio Franzen (CREF 003304-G/RS), reuniram-se ontem, dia 25, com a secretária Municipal de Desenvolvimento Social e Esporte de Porto Alegre (SMDSE), Nádia Gerhard. Durante o encontro, foi discutida a situação dos professores cedidos em 2010 à SMDSE pela Secretaria Municipal de Educação, e que foram convocados para que retornem às escolas da rede municipal de ensino. Também foi colocado em pauta a reativação dos projetos sociais envolvendo atividades físicas bem como a parceria entre as associações de frequentadores e os aparelhos esportivos da Prefeitura, visando uma melhor conservação destes locais.

Segundo Meurer, sempre houve demanda para esportes na cidade. Mas partir de 2010, iniciou-se um incremento na busca da população por atividades física em Porto Alegre, que já estavam em uma curva ascendente. Por outro lado, o quadro funcional da Secretaria de Esportes era insuficiente para esta suprir esta procura. Devido a este gargalo, houve um acordo entre os secretários de Esporte e da Educação para que cedesse alguns professores aprovados em um concurso aberto da SME à pasta dos Esportes.

Ao longo do tempo, conforme as possibilidades, foram cedidos 32 professores, ao mesmo tempo que se chamavam alguns extras para atender a área do esporte. "E eles estavam atendendo com louvor a grande carência que a cidade enfrenta em relação às atividades esportivas. Quando o atual governo assumiu, houve um acordo entre prefeito, secretários e funcionários, no qual devolveu à pasta original 14 professores. Na SMDSE permaneceram apenas 18 professores além dos professores da SME para atender todos os equipamentos esportivos da prefeitura, como Ginásio Tesourinha, Parque Marinha do Brasil, CECOPAM e tantos outros", explicou Meurer. O secretário Claudio Franzen complementou que uma das bandeiras do CREF2/RS é que profissionais de Educação Física ocupem os postos estratégicos vinculados às políticas esportivas tanto no estado como no município.

Segundo a secretária Nádia, os professores cedidos estão exercendo sua atividades e prestando um serviço essencial à sociedade com seus serviços "Mas esta questão agora está centralizada no prefeito Marchezan Jr". Nádia prometeu envidar esforços junto ao prefeito para o retorno dos professores para atuarem com esporte, recreação e lazer na SMDSE.

O presidente do CREF2/RS também lembrou à secretária da importância de se manter parcerias com as associações de frequentadores dos equipamentos esportivos da Prefeitura, pois elas seriam as principais mantenedoras destes locais. Meurer lembrou o episódio do destalhamento e inundação do Ginásio Tesourinha, e revelou que grande parte da recuperação do equipamento foi realizado graças à associação dos frequentadores do ginásio. Nádia explicou que uma decisão da Procuradoria-Geral do Município (PGM) inviabilizou as parcerias, impedindo que a secretaria receba dinheiro destas associações.

O último assunto a ser tratado foi a a reativação dos projetos sociais envolvendo atividades físicas. Estabeleceu-se um consenso entre os participantes que há uma grande carência na área, e o CREF2/RS se disponibilizou a auxiliar no retorno destas atividades tão importantes para as populações carentes e vulneráveis.


SMDSE



CREF2/RS participa do Arrastão da Fiscalização no Litoral gaúcho
18/01/2019
Fonte: CREF2/RS/Assessoria de Comunicação do CRMV-RS

Agentes fiscais das áreas de Medicina Veterinária e Zootecnia, Educação Física, Nutrição, Medicina, Biologia, Farmácia, Fonoaudiologia, Administração e Engenharia realizaram uma série de ações no Litoral gaúcho nesta semana, do dia 15 ao dia 17, para verificar a situação de estabelecimentos da área de saúde. O Arrastão de Fiscalização, como foi denominada a atividade, é uma iniciativa do Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS), com foco na saúde única, que compreende as áreas humana, animal e ambiental.

Os fiscais percorrem municípios do Litoral Norte e Sul para garantir o cumprimento das normas que garantem o bom funcionamento e atendimento em hospitais, clínicas veterinárias, Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), Unidades Básicas de Saúde (UBSs), laboratórios e prefeituras e constataram uma série de irregularidades. O objetivo é fiscalizar o exercício regular das profissões e se a estrutura e serviços oferecidos condizem com as exigências previstas em lei, garantindo que a sociedade tenha acesso a serviços de qualidade.

O Departamento de Fiscalização e Orientação (DEFOR) do CREF2/RS visitou órgãos públicos e estabelecimentos privados que oferecem algum tipo de atividade privativa do profissional de Educação Física. O objetivo foi reprimir profissionais sem registro ou o exercício ilegal da profissão. Durante a ação, foram fiscalizados um hospital em Tramandaí e outro em Torres, sem nenhuma intercorrência constatada. Também foram vistoriadas três Unidades de Pronto Atendimento (UPA), localizadas em Torres e Capão das Canoa, bem como as prefeituras responsáveis pelas Unidades. Em uma das UPAs, era oferecido serviço de caminhada e alongamento para terceira idade, porém sem acompanhamento de profissional de Educação Física devidamente habilitado. Também foram flagrados profissionais sem registro atuando em dois municípios. Ao todo, foram sete estabelecimentos fiscalizados, entre hospitais, pronto atendimento e prefeituras.
Foto: Fórum-RS


Arrastão de Fiscalização



Novos conselheiros e Diretoria do CREF2/RS tomam posse
30/10/2018
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS realizou, ontem à tarde, dia 29 de outubro, a cerimônia de posse dos seus novos conselheiros. O evento, organizado na Câmara Municipal de Porto Alegre, marcou o início do mandato de seis anos de metade dos membros do Plenário, que foram escolhidos pelos profissionais de Educação Física nas eleições de setembro.

Com a presença de representantes do Governo do Estado, da Prefeitura, da Federação Internacional de Educação Física (FIEP) e de outros Conselhos Profissionais, os presentes foram conduzidos aos seus cargos pela ex-presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), que também fez o discurso de abertura. Ela salientou o crescimento do CREF2/RS nos últimos anos e os desafios que serão enfrentados para uma maior valorização dos profissionais no futuro.

Os novos membros do Plenário, com os demais conselheiros eleitos, ainda se reuniram para eleger a Diretoria do CREF2/RS para os próximos três anos. Atuando fortemente em nome dos profissionais de Educação Física, a nova gestão assume com o compromisso reabrir o CREF Serra e de criar representações regionais, de buscar a redução dos valores de anuidades, de trabalhar pela diminuição das taxas pagas ao ECAD, de aumentar e qualificar as ações de fiscalização e de proporcionar uma maior participação do Conselho na construção de políticas públicas, lutando também contra os cursos EAD na área.

A nova diretoria do CREF2/RS é composta por:

Presidente: José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS)
Graduado em Educação Física pelo IPA, José Edgar foi subsecretário de Esportes do Rio Grande do Sul, diretor técnico da Fundergs e, recentemente, Secretário Municipal de Esportes, Recreação e Lazer de Porto Alegre, de 2010 a 2016.

1º Vice-Presidente: Giovanni Bavaresco (CREF 001512-G/RS)
Graduado em Educação Física pelo IPA, Giovanni é pós-graduado em Treinamento Desportivo e diretor da CB Brasil – Saúde Sport e Fitness.

2º Vice-Presidente: Alessandro Gamboa (CREF 001534-G/RS)
Graduado pelo IPA e pós-graduado em Ciências da Saúde e em Administração e Marketing Esportivo, Alessandro é sócio-diretor da G2 Sports e consultor de academias.

1º Secretário: Claudio Franzen (CREF 003304-G/RS)
Graduado em Educação Física e pós-graduado em Dança e Consciência Corporal pela Universidade Gama Filho, Claudio é mestre em Pedagogia em Educação Física e pentacampeão mundial de Ginástica Aeróbica. Atualmente é Gestor de Esporte da Prefeitura de Porto Alegre.

2º Secretário: Eduardo Merino (CREF 004493-G/RS)
Graduado pela UFRGS e doutor em Ciências do Esporte, Eduardo é o atual coordenador do curso de Educação Física da UFPel. Foi professor da Ulbra e presidente do CREF2/RS entre 2010 e 2014.

1º Tesoureiro: Alessandro Gonçalves (CREF 005863-G/RS)
Graduado em Educação Física pela UFRGS, Alessandro é mestre em Reabilitação e Inclusão pelo IPA e também pós-graduado em Ergonomia do Trabalho e em Gestão de Pessoas Estratégicas e Negócios. Atualmente é diretor da GPA Soluções em Educação e Saúde Corporativa.

2ª Tesoureira: Luciane Citadin (CREF 000100-G/RS)
Graduada em Educação Física pelo IPA e pós-graduada em Treinamento Desportivo e em Cinesiologia, Luciane foi coordenadora das academias Bodytech e INEXX. Atualmente é coordenadora técnica da Sogipa e presidente da APEF, desde 2015.

Os demais membros recém-eleitos do CREF2/RS:

Luciane Paz (CREF 003952-G/RS)
Graduada em Educação Física pelo IPA, Luciane é pós-graduada em Gestão de Academia. No momento, atua como personal trainer e instrutora de diversas academias, como Espaço Ativo, Academia Alternativa e Academia Moinhos Fitness.

Bruno Araújo (CREF 012860-G/RS)
Graduado em Educação Física pela UFpel e pós-graduado em Reabilitação Cardíaca pela Universidade Gama Filho, Bruno é sócio-proprietário da Academia Moinhos Fitness, de Pelotas.

Carla Tartarotti (CREF 006564-G/RS)
Graduado em Educação Física pela UCS, Carla é pós-graduada em Educação Física Escolar pela Universidade Gama Filho e mestre em Reabilitação e Inclusão pelo IPA. É proprietária da Academia Físico Fashion e criadora do programa de exercícios físicos para crianças Serelepe Fit.

Carlos Castilhos (CREF 000877-G/RS)
Graduado em Educação Física pelo IPA e pós-graduado em Ciências do Esporte e em Fisiologia do Exercício, Carlos foi campeão de gaúcho de Ginástica Aeróbica em diversas oportunidades e desde 1998 atua como personal trainer em academias e condomínios.

Rodrigo Campos (CREF 001530-G/RS)
Graduado em Educação Física pelo IPA, Rodrigo é pós-graduado em Ciências do Esporte pela PUCRS. Atua como personal trainer e instrutor de musculação da Academia Bodytech, em Porto Alegre, desde 2006.

Os novos membros suplentes do Conselho são:

Roberta Pinto (CREF 004665-G/RS)
Graduada em Educação Física pela URCAMP, Roberta é pós-graduada em Atividade Física Adaptada e em Administração e Qualidade. Foi proprietária da Atlhética Academia, de Bagé, e desde 2017 é coordenadora técnica das Academias do SESC/RS.

Everton Gomes (CREF 002615-G/RS)
Graduado em Educação Física pela Ulbra Canoas, Everton é pós-graduado em Dança e Consciência Corporal pela Universidade Gama Filho. É professor e proprietário da Academia Corpo e Forma, de Guaíba.

Ninon Leal (CREF 001350-G/RS)
Graduada em Educação Física pela Ulbra, Ninon é pós-graduada em Ciências do Esporte e Treinamento Físico pela UFRGS. Foi professora de Educação Física Escolar em diversos municípios e atualmente é sócia-proprietária das academias Pró Fitness.

Any Mery Lunardi (CREF 001765-G/RS)
Graduada em Educação Física pelo IPA, Any Mery é professora de ginástica e sócia-proprietária da academia Aerostep, de Porto Alegre.


Eleições conselheiros



Prefeitura de Nova Petrópolis retifica edital após notificação do CREF2/RS
16/10/2018
Fonte: CREF2/RS

A Prefeitura de Nova Petrópolis retificou o edital do Concurso Público Nº 001/2018, que visa, entre outros cargos, a contratação de professores de Educação Física para o Ensino Fundamental do município. A mudança ocorreu após uma notificação do CREF2/RS e da atuação da conselheira Márcia da Cruz (CREF 007542-G/RS), tornando obrigatório o registro no Conselho para a nomeação e para a posse do candidato aprovado para a vaga.

Conforme publicado no Diário Oficial de Nova Petrópolis, no último dia 10 de de outubro, foi incluído o item 9.8 no Edital do concurso, que segue: “serão exigidos no ato da nomeação e posse do candidato os documentos abaixo relacionados: para cargo de professor de Ensino Fundamental – Anos Iniciais e Finais na disciplina de Educação Física – registro no Conselho Regional de Educação Física, conforme Lei nº 9.9696/98”.

Mais informações sobre o concurso da Prefeitura de Nova Petrópolis, assim como o seu edital completo, podem ser conferidas aqui.


concursos editais



Prefeitura de Uruguaiana e CREF2/RS homenageiam profissionais de Educação Física
10/09/2018
Fonte: Prefeitura Municipal de Uruguaiana

Em comemoração ao Dia do Profissional de Educação Física, a prefeitura municipal de Uruguaiana, através da secretaria municipal de Esporte, Lazer e Cultura (SMELC), e o CREF2/RS entregaram no dia 31 de agosto 13 certificados de honra ao mérito a profissionais de Educação Física e a desportistas locais. “Eles receberam esta distinção nesta importante data pelos relevantes serviços prestados à comunidade”, ressaltou o secretário municipal de Esporte, Lazer e Cultura, Paulo Kleinubing.

O prefeito Ronnie Mello acrescentou que o esporte é fundamental para o desenvolvimento de qualquer comunidade, principalmente quando ele está alinhado à educação. “Temos exemplos incontáveis de como o esporte salva vidas”, lembrou. “E por isso, temos uma atenção especial ao desenvolvimento de práticas esportivas em conjunto com a educação. Continuaremos investindo no desenvolvimento de atividades relacionadas ao tema, e incentivando principalmente as crianças a cultura em torno do esporte”, finalizou.

Durante o evento, a coordenadora do Centro Esportivo Zona Leste, professora Juliane Alves, fez uma ampla explanação sobre todos os projetos desenvolvidos pela SMELC na Administração Municipal. Finalizando a programação, foi proferida a palestra da presidente da Comissão de Educação Física Escolar do CREF2/RS, conselheira Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), que abordou o tema “Desafios e Perspectivas da Educação Física”.


Dia do Profissional de Educação Física



Nova unidade móvel do CREF2/RS será sua sede sob rodas no interior gaúcho
03/09/2018
Fonte: CREF2/RS

No final de 2017, o CREF2/RS adquiriu um furgão Mercedes Benz 515 CDI, o modelo mais modernado da montadora nesta classe de veículos. Seu interior está sendo transformado em um escritório de atendimento, equipado com notebooks, impressoras e gerador elétrico. Após as modificações, a van terá capacidade para atender até quatro pessoas sentadas confortavelmente dentro do escritório climatizado. Tudo isso para se converter na nova unidade móvel do Conselho, que passará a integrar as viagens do projeto Interiorizasul. O objetivo será aliar uma melhor assistência aos profissionais do interior do estado com o aumento da área de cobertura do projeto, proporcionando autonomia suficiente para chegar a municípios que atualmente não são visitados pela dificuldade de acesso ou pela falta de cedência de local. É importante frisar que o caráter autárquico do CREF2/RS faz com que compras deste vulto sigam a Lei nº 8.666, que prevê licitação para efetuar compra da van, a contratação do projeto e a adaptação interna. Por este motivo, a unidade móvel possivelmente será inaugurada pela nova diretoria escolhida após as eleições do CREF2/RS, em setembro de 2018.

O Rio Grande do Sul possui uma extensão territorial de cerca de 280 mil km², onde apenas 30% das pessoas físicas e jurídicas estão localizados na capital e sua Região Metropolitana. Os 70% restantes estão distribuídos de maneira assimétrica em outras regiões do estado, o que dificulta o atendimento dos profissionais mais distantes. Atualmente, o projeto Interiorizasul conta nas suas viagens com uma supervisora de Interiorização e um motorista para realizar os serviços de translado e atendimento. Eles trabalham em locais cedidos por prefeituras ou instituições de ensino superior, havendo necessidade de adaptação às instalações e aos horários cedidos.

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), explicou que projeto de expansão física no interior do Conselho no estado, por meio da criação de postos avançados de atendimento, ficou dificultado pela falta de pessoas capacitadas, visto que os funcionários são nomeados por concurso público. Entretanto, no último edital aberto, infelizmente não houve classificados para os cargos no interior, como nas cidades de Pelotas e de Santa Maria. "Agora a van será a sede itinerante do Conselho, pois todos serviços de registro oferecidos em Porto Alegre estarão disponíveis aos profissionais nas suas cidades”, assegurou a presidente, que também ressaltou que as visitas poderão se prolongar por uma semana no município programado, o que dará oportunidade aos profissionais das cidades vizinhas buscarem atendimento. “Este é mais um meio de nos aproximarmos dos nossos registrados na sua própria região”, completou a presidente.

A gerente do CREF2/RS, Tatiana Cidade (CRA TE-001259-RS), declarou que a antiga seccional em Caxias do Sul gerava despesas anuais na ordem de R$ 340 mil reais e que os valores projetados só aumentavam, gerados pelos reajustes anuais com custos de pessoal, serviços contratados, locação do espaço, translados para capacitações e deslocamento dos servidores. “Este valor subsidiaria até dois veículos viajando quinzenalmente para todas as regiões do estado, abrangendo um público de registrados muito maior”, constatou.

Tatiana também esclareceu que o projeto recebeu aporte financeiro do CONFEF, por meio do “Programa de Desenvolvimento dos CREFs”, no qual anualmente o Conselho Federal disponibiliza valores a título de investimento em projetos que julga estrategicamente adequados aos regionais. “O que possibilitou pouquíssimo investimento por parte do CREF2/RS na aquisição do veículo e da própria adaptação interna, visto que o subsídio concedido superou mais da metade do valor do projeto da unidade móvel”.

Segundo a presidente Carmen Masson, o objetivo do Conselho é a de reduzir custos e investir estes recursos de forma mais eficiente, pois com seccionais fixas, atende-se a poucas regiões, já com unidades móveis, esse atendimento seria estendido a um público muito maior. O projeto Interiorizasul, com auxílio da Van, passará a contar com um funcionário do Departamento de Registro, que com seus conhecimentos fará com que os procedimentos possam ser realizados na hora, tais como registros, emissões de Cédula, protocolos diversos, emissão de certificados de funcionamento e atualizações. A van também dará suporte a todos os eventos externos realizados pelo CREF2/RS.

*A imagem que ilustra esta matéria é uma simulação baseada no projeto de adaptação da van*


Interiorizasul



Prefeitura de Uruguaiana prepara comemorações ao Dia do Profissional de Educação Física
30/08/2018
Fonte: CREF2/RS

A Prefeitura Municipal de Uruguaiana, através da Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Cultura e do Conselho Regional de Educação Física (CREF2/RS), realizarão uma série atividades alusivas ao Dia do Profissional de Educação Física, que acontecem na sexta-feira, dia 31 de Agosto, às 8h30min, na Praça Barão do Rio Branco. Na, ocasião, haverá atividades esportivas, ginástica, dicas de saúde, verificação do índice de massa corporal gratuito, além de atividades recreativas e de lazer.

À noite, no Salão Nobre da Prefeitura Municipal, a partir das 19h, serão entregues os certificados de honra ao mérito aos profissionais de Educação Física e a desportistas. Logo após, será proferida a palestra da presidente da Comissão de Educação Física Escolar do Conselho Regional de Educação Física do Rio Grande do Sul (CREF2/RS), professora Miryam Brauch, que abordará o tema “Desafios e perspectivas da Educação Física”.

Evento: Dia do Profissional de Educação Física
Dia: sexta feira, dia 31 de agosto
Local: Salão Nobre da Prefeitura
Horário: 19 horas
Mais informações (55) 3413-6201


1º de Setembro



CREF2/RS entrega doações à Campanha do Agasalho 2018
27/07/2018
Fonte: CREF2/RS

O frio e a chuva retornaram ao Rio Grande do Sul e devem seguir nas próximas semanas, mesmo com algumas oscilações pontuais na temperatura. Por isso, é importante que os gaúchos continuem participando da Campanha do Agasalho. O CREF2RS colaborou no esforço de amenizar os efeitos dos fenômenos climáticos na vida das comunidades mais carentes. Nesta sexta-feira, dia 27, o Conselho entregou na Central de Doações da Defesa Civil as roupas arrecadadas na sua sede. Foram doadas à Prefeitura de Porto Alegre 19 peças de roupas para adultos e 24 vestimentas para crianças. Também foram direcionadas ao Asilo Padre Cacique 21 peças de roupas para amenizar o frio rigoroso enfrentado neste inverno pelos idosos daquela instituição.

Quem ainda quiser colaborar, pode fazer doações no Centro Administrativo Fernando Ferrari (Caff), na Avenida Borges de Medeiros, 1501, em Porto Alegre. Ali funciona a Central de Doações. O telefone é 51 3288-6781. Durante o inverno, existem outros pontos de coleta localizados órgãos públicos estaduais, quartéis da Brigada Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul, supermercados Zaffari e Unidades do Sesc/Senac no Estado.


Campanha do Agasalho



Frente em Defesa do CETE articula manifestações no local
23/04/2018
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) participou no último dia 19 da reunião da Frente Parlamentar em Defesa do Direito Social ao Esporte, Lazer e Recreação, realizada no salão Ana Terra da Câmara Municipal de Porto Alegre. O encontro foi presidido pela vereadora Sofia Cavedon e contou com as presenças de Edgar Meurer, ex-secretário Municipal de Esportes, ex-diretor do CETE e ex-conselheiro do CREF2/RS e do CONFEF, professores da ESEFID/UFRGS, Colégio Brasileiro de Ciências do Esporte, professores e profissionais de Educação Física, treinadores e atletas de confederações dos mais variados esportes além de representantes da Associação de Moradores do Bairro Menino Deus. A pauta do encontro foi a intenção do governo estadual em transformar o Centro Estadual de Treinamento Esportivo (CETE), no bairro Menino Deus, na nova sede do Corpo de Bombeiros.

A vereadora chegou na reunião vinda de uma audiência com o promotor de Justiça de Habitação e Defesa da Ordem Urbanística do Ministério Público Estadual (MP), Cláudio Ari Pinheiro de Mello, e representação de diversas Federações, dos Moradores, da Universidade Federal/ UFRGS que tratou da transferência. O promotor explicou que os participantes expuseram as inconformidades com a proposta do Estado e solicitaram a intervenção do Ministério Público. “Tomei a decisão para investigar os pontos já salientados. Na semana que vem, na quarta-feira, faremos uma visita para que as entidades nos mostrem a sua visão sobre o local. Eu conheço bem o CETE, mas eles entendem o desenho do projeto estabelecido pelo governo e do que poderia ser afetado no espaço”, disse.

Outro ponto observado por Mello é o impacto para a rua Gonçalves Dias. “A avaliação do impacto urbanístico, feita por especialistas, e nós temos na promotoria esses profissionais, assim como a prefeitura deve ter também, vai ser fundamental. Vamos acompanhar o estudo feito por eles”, afirmou.

Já na reunião da Frente Parlamentar, a vereadora afirmou que o promotor de Justiça visitará o CETE no dia 25, no final da tarde, momento de maior atividade esportiva do Centro. O promotor ficará analisando as instalações, o entorno e a as práticas físicas por cerca de 1h30min. O ex-secretário Meurer convocará o ex-deputado Vieira da Cunha e agora promotor do Estado para acompanhar a visita.

Lauro Aguiar explicou que a Câmara Técnica de Corrida de Rua do CREF2/RS, que acompanha os grupos de corrida de rua em Porto Alegre, iniciou em uma época que este esporte estava tomando conta dos parques e praças. A partir deste momento se organizou todo este movimento, e se criou o Dia da Corrida de Rua. Em defesa do CETE, se desenvolveu um evento para que todos os grupos de corrida de rua participem, marcando presença, junto com a SOGIPA e a Federação Gaúcha de Judô e demais federações e atletas que se juntarem ao movimento.

Conforme Sofia, nas manifestações ficou caracterizado, pelos diversos segmentos, a especificidade e singularidade do CETE, que vai da inclusão à excelência em 21 modalidades de esportes e lutas. "São 1600 jovens, crianças, adolescentes que praticam, diariamente, aulas de esporte no local. Além disso, todos os praticantes espontâneos chegam de três a quatro mil por dia", destaca a vereadora. O Centro também foi o berço de atletas gaúchos renomados, como a ginasta Daiane do Santos, o judoca João Derly, os jogadores de vôlei Paulão e Renan, dentre tantos outros.


Frente Parlamentar em Defesa do Direito Social ao Esporte, Lazer e Recreação



CREF2/RS reúne-se com Prefeitura de Porto Alegre para aplicar decisão que obriga profissionais a serem registrados
13/04/2018
Fonte: CREF2/RS

A presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), a conselheira Sonia Maria Waengertner (CREF 007781-G/RS) e a assessora Jurídica Cristiane Costa se reuniram nesta quinta-feira, dia 12, na Prefeitura Municipal de Porto Alegre com o assessor jurídico do prefeito Marchezan Jr, Cassiano Sgorla Ferreira. A pauta foi a decisão do Supremo Tribunal de Justiça que reconhece a necessidade de inscrição no CREF2/RS por parte dos professores de Educação Física em todo o território do estado do Rio Grande do Sul. As representantes do Conselho foram sensibilizar o prefeito para a necessidade de se aplicar a normativa do STJ na rede municipal de ensino.

Segundo a assessora Cristiane, seria dado um prazo de 60 dias para os professores regularizarem seu registro. Ela explicou que o CREF2/RS não pretende enviar fiscalização a todas as escolas, pois seria muito oneroso e geraria muitas autuações, o que provocaria um clima de rejeição a ideia. “Nosso propósito é que haja uma transição pacífica”, explicou. A presidente do CREF2/RS lembrou que a Prefeitura de Porto Alegre tem a tradição de ser parceira nas ações do Conselho. “Nós não viemos aqui impondo um “execute-se” ao prefeito, mas sim tratarmos quais as melhores atitudes para que esta decisão seja aplicada de forma a não causar traumas, ao mesmo tempo que conte com ajuda dos órgãos competentes”, afirmou Carmen,

O assessor jurídico Sgorla Ferreira disse que o alinhamento entre o CREF2/RS e a Prefeitura é o caminho ideal para que se dê andamento a uma decisão judicial pacificada. “Para sermos práticos e rápidos, aconselho ao CREF2/RS fazer um ofício ao prefeito dando ciências da decisão e pedindo providências”, explicou. O próximo passo, segundo o assessor, é submeter a decisão jurídica à Procuradoria-Geral do Município para não caracterizar um ato unilateral. “Daí teremos o parecer jurídico da PGM, e a partir deste momento podemos produzir um decreto e programarmos um evento para assinatura conjunta do documento, dando um tempo de transição para os servidores da educação em Educação Física poderem tratar da regulamentação”, finalizou.


Prefeitura de Porto Alegre



Formação em Licenciatura é tema do 7º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar
09/04/2018
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Educação Física Escolar do CREF2/RS realizou, no último sábado, dia 7 de abril, a sétima edição do Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar. O evento, que contou com o apoio da APEF/RS, do Sesc/RS e da Prefeitura de Torres, integrou a programação do 44º Encontro Nacional dos Profissionais de Educação Física (ENAPEF) e teve como atração uma palestra conduzida pela conselheira federal Iguatemy Martins (CREF 000001-G/PB).

Com entrada gratuita para profissionais de Educação Física e acadêmicos do curso, o 7º Fórum reuniu participantes de todo o Estado e trouxe para debate a formação em Licenciatura e como os professores podem se preparar melhor para atuar nas escolas. A mesa de abertura foi composta pela presidente da Comissão de Educação Física Escolar do CREF2/RS Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), pelo representante da Secretaria de Educação do Rio Grande do Sul Paulo Rezende (CREF 001298-G/RS), pela presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e pela presidente da APEF/RS Luciane Citadin (CREF 000100-G/RS). Nas suas falas, todos destacaram os avanços conquistados pelo Fórum e pelo Conselho nos últimos sete anos e como esta oportunidade de aperfeiçoamento profissional é de grande valia para todos os Licenciados em Educação Física, sempre com palestras de alto nível.

Na sequência, Iguatemy iniciou a apresentação intitulada “A formação em Educação Física para atuação na Escola: preparando o professor, vivenciando a Licenciatura”. Na primeira parte da sua fala, a palestrante trouxe números referentes à quantidade de docentes presentes na Educação Básica, estimada em 2,1 milhões de pessoas, e à presença de professores de Educação Física devidamente habilitados para desempenhar esta função. “Como indica o Plano Nacional de Educação (PNE), quase 80% daqueles que atuam nas escolas têm curso superior. No entanto, um dos principais problemas não diz respeito a este dado, mas ao fato de que somente metade deles lecionam dentro da sua área específica. Apenas na Educação Física, por exemplo, há um deficit de cerca de 30% de profissionais habilitados”, pontuou.

A Educação Física Escolar, embora bem representada frente a outras disciplinas em que a ausência de professores capacitados é mais evidente, como Química, Física e Biologia, precisa capacitar melhor os seus profissionais. Os apontamentos feitos por Iguatemy ao longo da palestra, baseados em indicadores divulgados pelo Governo Federal, mostraram que o baixo capital cultural, a frágil preparação para o Magistério, a teoria descolada da formação prática e o estágio não encarado como uma ação estratégica de formação são os principais eixos que precisam ser contemplados pelos cursos de Licenciatura. “As Instituições Públicas e Privadas não estão resolvendo a questão formativa do futuro professor. A maioria das alterações curriculares feitas nas Licenciaturas, nos últimos anos, não teve uma avaliação feita do seu impacto e dos seus resultados”, salientou Iguatemy.

Na segunda parte da apresentação, Iguatemy falou sobre a intervenção profissional nas escolas e como os professores de Educação Física podem se preparar para realizar um trabalho de excelência. A palestrante destacou os seis eixos da atuação – planejar, programar, organizar, desenvolver, coordenador e lecionar conteúdos de Educação Física no Ensino Infantil, Fundamental e Médio – e como eles poderiam ser aplicados da melhor forma. “Os professores precisam colecionar, selecionar e aplicar metodologias e técnicas nas diversas faixas etárias e níveis de ensino. No entanto, a maioria dos profissionais sentem falta de capacitação adequada para fazer esta distinção”, relatou Iguatemy. “A ausência de uma sistematização ainda é algo que prejudica a evolução da Educação Física enquanto disciplina escolar e a valorização dos seus professores. O profissional precisa compreender, dentro dos cursos de Licenciatura, que não pode dar a mesma aula para alunos do 4º, do 5º ou do 6º ano. Resumidamente, não há qualidade no ensino que é engessado e igual para todo mundo”, complementou.

Para Iguatemy, a falta de clareza do que é ensinado e as expectativas de aprendizado que não são atendidos afetam não só os alunos, mas também os docentes, que no fim das contas acabam se afastando do saber pedagógico das Licenciaturas. “Os professores têm que conhecer o conteúdo daquilo que ensinam, precisam dominar todos os assuntos que são levados para as aulas de Edução Física. O principal indicador de qualidade do ensino é o capital humano, ou seja, os docentes bem formados e preparados”.


Fórum Educação Física Escolar Educação Física Escolar ENAPEF



CREF2/RS realiza 7º Fórum de Mobilização pela Educação Física Escolar amanhã em Torres
06/04/2018
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS irá realizar neste sábado, dia 7 de abril, a sétima edição do Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar, em Torres. O evento, que tem o apoio da APEF/RS, do Sesc/RS e da Prefeitura de Torres, vai ocorrer no Hotel Sesc Torres e contará com uma palestra ministrada pela conselheira federal Iguatemy Martins (CREF 000001-G/PB). Com entrada gratuita, a atividade iniciará às 14h. As inscrições podem ser feitas no local.

Com mestrado em Educação pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e doutorado em Ciências do Desporto pela Universidade do Porto, Iguatemy é professora da UFPB e vice-presidente do Conselho Federal de Educação Física (CONFEF). Com experiência nas áreas de gestão do Ensino Superior, ensino de Graduação e formação profissional em Educação Física, a sua palestra terá o título “A formação em Educação Física para atuação na Escola: preparando o professor, vivenciando a Licenciatura”. O evento está previsto para encerrar às 16h30min e o CREF2/RS emitirá certificado para todos os presentes.

7º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar
Data e horário: 7 de abril, sábado, das 14h às 16h30min
Local: Hotel Sesc Torres – Salão Ilha dos Lobos
Endereço: Rua Plínio Kroeff, 465
Entrada gratuita

Cronograma:
14h – Credenciamento
14h15min – Abertura
14h30min – Palestra “A formação em Educação Física para atuação na Escola: preparando o professor, vivenciando a Licenciatura”
15h30min – Debate


Eventos



CREF2/RS participa das reuniões da Comissão Especial de Combate à Obesidade Infanto-Juvenil
03/04/2018
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS tem participado das reuniões da Comissão Especial de Combate à Obesidade Infanto-Juvenil, colegiado da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, em sua visitas ao interior do estado O objetivo do encontro é debater sobre obesidade na infância e adolescente e os reflexos na saúde pública. Até o momento, foram visitados os municípios de Guaíba, Capão da Canoa, Portão e Gravataí. As próximas visitas serão em Lajeado, Santa Rosa, Rio Grande, Santa Maria, Caxias do Sul e Novo Hamburgo

O objetivo da Comissão é discutir com a comunidade gaúcha como a obesidade infanto-juvenil tem se tornado uma pandemia brasileira. Com o resultado das discussões será elaborado um livro com os dados referente ao consumo de alimentos industrializados, práticas de exercícios físicos e hábitos saudáveis, que será distribuído gratuitamente nas escolas públicas, municipais e particulares.

O Presidente da Comissão Especial de Combate à Obesidade Infanto-Juvenil, deputado Maurício Dziedricki, afirma que há uma consciência quanto ao exagerado tempo gasto em tela, em frente ao computador, TV, celular e videogame. “Sabemos que a insegurança da atividade física na rua e a vida corrida colaboram para isso, gerando tempo ocioso em casa e incremento do consumo calórico, contribuindo para o sobrepeso e obesidade”, afirma.

O deputado disse que “é preciso sublinhar a todos a gravidade da matéria com a qual trabalharão". Conforme ele, prognósticos mundiais apontam que o Brasil, nos próximos 10 anos, será o país com a maior concentração de obesos no mundo.

“Na maioria das vezes, são adotadas políticas de cura ou busca desta cura, mas com a doença já presente, ao passo que a lógica – de estudo, interpretação e produção – deveria ser a prevenção, muito em especial, da criança e do adolescente, no que diz respeito ao trato nutricional e atividade física”, ponderou, salientando a inatividade neste campo como fator impulsionador de doenças.

Nas audiências, são convidados a participar representações das secretarias estaduais de Educação e Saúde; secretarias municipais destas pastas; prefeituras municipais; Câmaras de Vereadores; os conselhos regionais de Educação Física, Nutrição, Psicologia e Medicina; conselhos municipais de Saúde e Educação; coordenadorias regionais de Educação e Saúde; Conselhos Tutelares e Conselhos de Pais e Mestres.

Segundo a presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), as visitas são uma importante oportunidade de firmar parcerias com os órgãos públicos para promover a atividade física. "Cerca de 33% das crianças e adolescentes estão com sobrepeso ou obesas. Ou seja, uma em cada três crianças tem esta doença. A obesidade implica em várias outras sequelas, sejam psicológicas, como exclusão da criança, ou agressões, via bullyng. Isto pode causar sérios traumas que deveriam ser evitados com atividade física e uma alimentação saudável".


CREF2 RS participa das reuniões da Comissão Especial de Combate à Obesidade Infanto-Juvenil



Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar ocorre neste sábado em Torres
02/04/2018
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS irá realizar neste sábado, dia 7 de abril, a sétima edição do Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar, em Torres. O evento, que tem o apoio da APEF/RS, do Sesc/RS e da Prefeitura de Torres, vai ocorrer no Hotel Sesc Torres e contará com uma palestra ministrada pela conselheira federal Iguatemy Martins (CREF 000001-G/PB). Com entrada gratuita, a atividade iniciará às 14h. As inscrições podem ser feitas até quarta-feira, dia 4 de abril, por este link.

Com mestrado em Educação pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e doutorado em Ciências do Desporto pela Universidade do Porto, Iguatemy é professora da UFPB e vice-presidente do Conselho Federal de Educação Física (CONFEF). Com experiência nas áreas de gestão do Ensino Superior, ensino de Graduação e formação profissional em Educação Física, a sua palestra terá o título “A formação em Educação Física para atuação na Escola: preparando o professor, vivenciando a Licenciatura”. O evento está previsto para encerrar às 16h30min e o CREF2/RS emitirá certificado para todos os presentes.

7º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar
Data e horário: 7 de abril, sábado, das 14h às 16h30min
Local: Hotel Sesc Torres – Salão Ilha dos Lobos
Endereço: Rua Plínio Kroeff, 465
Entrada gratuita

Cronograma:
14h – Credenciamento
14h15min – Abertura
14h30min – Palestra “A formação em Educação Física para atuação na Escola: preparando o professor, vivenciando a Licenciatura”
15h30min – Debate
16h30min – Encerramento


Educação Física Escolar APEF Fórum



7º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar será em Torres
12/03/2018
Fonte: CREF2/RS

O município de Torres sediará no dia 7 de abril, das 14h às 16h30min, o 7º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar. A realização é do CREF2/RS, com apoio da APEF/RS, Sesc/RS e Prefeitura de Torres. O local do evento será no Salão Ilha dos Lobos do Hotel Sesc Torres, na rua Plínio Kroeff, 465. A carga horária será de quatro horas, e o evento terá a emissão de Certificado online aos participantes As inscrições são gratuitas até o dia 4 de abril e podem ser feitas neste link.

Na programação, haverá a palestra "A formação em Educação Física para atuação na escola: preparando o professor, vivenciando a licenciatura", ministrada pela professora Iguatemy Lucena Martins (CREF 000001-G/PB). Iguatemy possui mestrado em Educação pela Universidade Federal da Paraíba e doutorado em Ciências do Desporto pela Universidade do Porto. É professora associada da Universidade Federal da Paraíba e vice-presidente do Conselho Federal de Educação Física. Atua nas áreas de gestão do Ensino Superior, Ensino de Graduação e formação profissional em Educação Física.

7º Fórum de Mobilização Escolar pela Educação Física Escolar

14h - Credenciamento
14h15min - Abertura
14h30min - "A formação em Educação Física para atuação na escola: preparando o professor, vivenciando a licenciatura"/Palestrante: Profª Drª Iguatemy Lucena Martins (CREF 000001-G/PB)
15h30min- Debate
16h30min- Encerramento


7º Fórum de Mobilização Gaúcha Escolar pela Educação Física Escola



Fiscalizações e Arrastão da Saúde marcam o Litoral norte
29/01/2018
Fonte: CREF2/RS

A última semana de janeiro foi marcada por ações conjuntas dos conselhos regionais no Litoral Norte do Rio Grande do Sul.

Nos dias 25 e 26 de janeiro, os conselhos de Educação Física (CREF2/RS), Administração (CRA-RS), Farmácia (CRF-RS) e Técnicos de Radiologia (CRTR-6) realizaram ações de Fiscalização nesta região. Os agentes de orientação e fiscalização visitaram hospitais e prefeituras do litoral.

Já no sábado, dia 27, foi realizada a 6º edição do “Arrastão da Saúde”, com o apoio do Sesc/RS. Representantes dos conselhos profissionais percorreram a praia distribuindo kits informativos, com dicas de saúde e de prevenção de doenças. Estiveram presentes à ação os Conselhos de Administração (CRA-RS), Biologia (CRBio-03), Educação Física (CREF2/RS), Farmácia (CRF-RS), Medicina Veterinária (CRMV-RS) e Nutrição (CRN-2).


Arrastão da Saúde



Conferência debate presença do profissional de Educação Física nos postos de saúde
09/08/2017
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quarta-feira, dia 9 de agosto, o Conselho sediou uma das atividades preparatórias para a 2ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde, promovida pela Prefeitura de Porto Alegre anualmente. O evento, que trouxe para o debate a importância da atividade física na promoção da saúde e na prevenção de doenças, contou com uma palestra da presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e a presença de representantes da APEF/RS e do SINPEF/RS.

A Conferência Livre realizada no CREF2/RS, que posteriormente terá as suas demandas levadas para a apreciação do Conselho Municipal de Saúde, defendeu – entre outros pontos – a presença do profissional de Educação Física nas academias de saúde, que serão adotadas pela Prefeitura em diversas Unidades Básicas de Saúde do município em breve. “A saúde atualmente possui um conceito amplo, englobando muito mais o bem-estar do que apenas a ausência de doenças. Nestes locais, em que a proposta é dar ênfase à prevenção e aos hábitos saudáveis, a nossa atuação vai se tornar fundamental”, analisou Carmen.

Com os dados divulgados pelo IBGE, que indicam o sedentarismo com a principal causa de 50% das doenças que atingem a população brasileira, a reunião também teve o intuito de criar algumas propostas para que futuramente a Educação Física esteja integrada a todas as políticas públicas. “A presença dos nossos profissionais no SUS é quase inexistente, mas podemos reverter esta realidade. A Prefeitura de Porto Alegre recebeu R$ 1 milhão para a implementação das academias de saúde e o nosso trabalho preventivo certamente poderá gerar uma grande economia para os cofres públicos”, complementou a Presidente.

A 2ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde será realizada no final deste mês e os representantes do CREF2/RS também deverá0 apresentar propostas para a criação do cargo de profissional de Educação Física na Secretaria Municipal de Saúde e para a implementação de políticas públicas de prevenção mais abrangentes e eficazes. Mais informações aqui.


Eventos



CREF2/RS sedia Conferência Livre sobre atividade física para idosos nesta quarta-feira
08/08/2017
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS vai receber amanhã, dia 9 de agosto, uma das atividades que integram a 2ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde, promovida pela Prefeitura de Porto Alegre. A Conferência Livre intitulada “A Importância da Atividade Física, Orientada por Profissional de Educação Física, na Promoção da Saúde e na Prevenção de Doenças do Idoso” será realizada das 9h às 12h, com entrada gratuita para o público em geral.

A palestra, que conta com a parceria da APEF/RS e do SINPEF/RS, vai abordar diversos tópicos relacionados à Educação Física e ao dia a dia dos profissionais que atuam nesta área. As inscrições poderão ser feitas diretamente no local.

Conferência Livre: A Importância da Atividade Física, Orientada por Profissional de Educação Física, na Promoção da Saúde e na Prevenção de Doenças do Idoso
Data: 9 de agosto, quarta-feira, das 9h às 12h
Local: CREF2/RS
Endereço: Rua Coronel Genuíno, 421/401 – Centro
Inscrições: gratuitas no local (não será fornecido certificado)


Eventos



Fitness Solidariedade ocorre neste sábado em Porto Alegre
04/07/2017
Fonte: CREF2/RS

Com o apoio do CREF2/RS, a Prefeitura de Porto Alegre vai realizar neste sábado, dia 8 de julho, o Fitness Solidariedade. O evento beneficente, aberto à população em geral, ocorrerá no Ginásio Tesourinha, das 8h30min às 13h. A entrada será a doação de um agasalho.

A atividade, promovida pela Diretoria de Esportes da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, terá diversas aulas em sua programação, como ritmos, dança aeróbica, ginástica e HIIT, entre outras mais. A conselheira Rosa Pacheco (CREF 000059-G/RS) e os profissionais Claudio Franzen (CREF 003304-G/RS), Aderson Loureiro (CREF 0000038-G/RS), Jocelito Moraes (CREF 000039-G/RS), Carson Siega (CREF 000494-G/RS) e Fernando Saraiva (CREF 002582-P/RS), entre outros mais, serão alguns dos professores presentes no evento.

Fitness Solidariedade
Data: 8 de julho de 2017, das 8h30min às 13h
Local: Ginásio Tesourinha
Endereço: Avenida Erico Verissimo, 225 – Azenha
Entrada: doação de um agasalho


Eventos



CREF2/RS participará do Dia do Desafio proposto pelo SESC/RS
16/05/2017
Fonte: CREF2/RS/SENAC/RS

A presidente do CERF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), e o seu vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), participaram hoje (16), no Teatro SESC, em Porto Alegre, do lançamento regional do Dia do Desafio 2017. O evento de foi realizado simultaneamente em Caxias do Sul, Lajeado, Porto Alegre, Passo Fundo, Pelotas, Santa Maria e Santa Rosa. O Dia do Desafio (DDD) acontece sempre na última quarta-feira de maio (este ano, acontece no dia 31) e propõe que as pessoas interrompam suas atividades rotineiras e pratiquem, por pelo menos 15 minutos consecutivos, qualquer tipo de exercício físico.

Em Porto Alegre, a cerimônia reuniu autoridades como o vice-prefeito de Porto Alegre Gustavo Paim, o vereador João Bosco Vaz, o diretor de Eventos da Secretaria Municipal de Porto Alegre Claudio Franzen, parceiros e imprensa. Também estiveram presentes representantes das cidades de Viamão, Cachoeirinha, Gravataí, São Leopoldo, Novo Hamburgo, Canoas, Torres, Tramandaí, Taquara, Montenegro e municípios das respectivas áreas de abrangência.

Durante o evento, foi realizado um bate-papo com os medalhistas olímpicos Gustavo Endres (Vôlei) e Mayra Aguiar (Judô), e contou ainda com a apresentação do ganhador do The Voice Kids, Thomas Machado. Este ano, o DDD conta com o apoio do Governo do Estado e Prefeitura Municipal, além das parcerias com a Secretaria Estadual de Educação, o Centro Estadual de Treinamento Esportivo (CETE), a Prefeitura Municipal, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, da Coordenadoria Geral da Vigilância em Saúde e Federações Gaúchas de diversas modalidades.

Segundo a presidente do CREF2/RS, o Conselho sempre é parceiro do Dia do Desafio, pois é um movimento que o SESC faz em prol da saúde. “Com isto incentiva-se que as pessoas sejam mais saudáveis ao praticarem atividade física. A ideia para este ano é termos Ginástica Laboral no Conselho no Dia do Desafio. Além disto, pretendemos sempre apoiar o SESC na sua promoção de atividades de Educação Física e dos profissionais de Educação Física”.

Lauro afirmou que a data nada mais é do que reforçar a conscientização da população para a prática de Educação Física. “Ressaltando sua importância para evitar todas as doenças associadas ao sedentarismo e a depressão, que atualmente é considerado o mal do século. Penso que evento faz com que as pessoas repensem modo de viver e seu estilo de vida para que possamos ter uma vida mais saudável.

O Sistema Fecomércio-RS/ Sesc realiza o projeto nas cidades gaúchas em parceria com as prefeituras. No Rio Grande do Sul, o Dia do Desafio foi incluído no calendário oficial do Estado a partir da Lei 12.492 de 16 de maio de 2006, de autoria do então deputado estadual Giovani Cherini.

De acordo o diretor regional do SESC/RS Luiz Tadeu Piva, o DDD foi criado no Canadá, sendo difundido mundialmente pela The Association For International Sport for All (TAFISA), entidade de promoção do esporte para todos, sediada na Alemanha. “É uma campanha de incentivo à prática regular de atividades físicas em benefício da saúde”, afirma. “Não pretendemos ter 10 milhões de atletas no Rio Grande do Sul, mas sim 10 milhões de pessoas saudáveis”, resume Luiz. O Sesc/SP coordena o evento no Continente Americano desde 2000 e no Rio Grande do Sul a ação é capitaneada pelo Sistema Fecomércio-RS/Sesc em parceria com as Prefeituras. O convite à atividade física se estende a todos, envolvendo o poder público de cada cidade, as instituições da sociedade civil, empresas, voluntários locais e os próprios participantes.

Para participar do DDD, os municípios se inscrevem previamente e devem mobilizar a comunidade a realizar alguma atividade física entre 0h e 20h do dia 31 de maio. A ação acontece em forma de disputa entre duas cidades de mesmo porte populacional em todo o continente americano ou como autodesafio. O município que mobilizar mais pessoas em relação ao número oficial de habitantes vence. Mais informações podem ser obtidas no site www.sesc-rs.com.br/diadodesafio.


Dia do Desafio 2017



Professores de Educação Física da rede pública e privada podem tomar a vacina da gripe gratuitamente
10/04/2017
Fonte: ASCOM/RS

A 19ª Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe inicia hoje, dia 10 de abril, e os professores de Educação Física da rede pública e privada estão aptos para participar. A recomendação da Secretaria da Saúde às prefeituras é que na primeira semana sejam priorizados os profissionais de saúde, que serão vacinados nos locais de trabalho, como postos de saúde e hospitais.

A principal novidade da vacinação neste ano é a inclusão de todos os professores na campanha. Para a vacinação, estes deverão apresentar um documento de identificação, como o contracheque da instituição de ensino em que trabalham, carteira de trabalho ou a carteira do sindicato (CPERS e SINPRO), acompanhado de um documento de identidade com foto.

Também fazem parte do grupo prioritário indígenas, crianças de seis meses a cinco anos de idade, gestantes, idosos e doentes crônicos. Em Porto Alegre, a vacinação será realizada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e irá ocorrer partir do próximo dia 17 de abril, seguindo até o dia 26 de maio.


Vacinação contra a gripe



Presidente do CREF2/RS e presidente do CONFEF são homenageados em Santa Maria
27/03/2017
Fonte: Saúde pela Prática

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), e o presidente do CONFEF, Jorge Steinhilber (CREF 000002-G/RJ), participaram no dia 24, em Santa Maria, do 26º Troféu Desportivo Cidade de Santa Maria e II Medalha Santa Maria/Quilisport, quando receberam a homenagem especial pelo trabalho do Sistema CREF/CONFEF.

O evento, realizado pela Quilisport/CAEL-SM, com o apoio da FIEP BRASIl e da Prefeitura de Santa Maria, entre outros, contou com o pronunciamento de Jorge Steinhilber sobre as ações realizadas pelo CONFEF. Ao todo foram distribuídos 75 troféus, 18 medalhas e certificados a pessoas e entidades de que se destacaram no esporte e no lazer em Santa Maria. Diversas autoridades do Esporte e da Educação Física gaúcha estiveram presentes, entre elas, o conselheiro do CREF2/RS Clery Quinhones de Lima (CREF 000297-G/RS).
Foto: Visão/Quilisport


Homenagem



CREF2/RS participa do Fórum em Defesa da Secretaria Municipal de Esporte, Recreação e Lazer da capital
21/03/2017
Fonte: CREF2/RS

A presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) esteve presente hoje, dia 21, no Fórum em Defesa da Secretaria de Esporte e, Recreação e Lazer de Porto Alegre (SME), realizado no plenário Otávio Rocha da Câmara de Vereadores de Porto Alegre. A Secretaria está ameaçada de extinção pela Lei Complementar 810, aprovada com a reveladora diferença de apenas um voto da maioria simples. A SME, com diferentes nomes, existe desde 1920, e é amplamente reconhecida como patrimônio cultural porto-alegrense e também brasileiro, dada sua relevância. A Secretaria tem materializado cotidianamente um grande conjunto de ações que fomentam e garantem as vivências de Esporte, Recreação e Lazer no município de Porto Alegre, tendo como preceitos fundamentais a universalidade e a participação cidadã.

O professor da SEL Hamilton dos Santos afirmou no evento que o que está se discutindo é qual concepção de cidade queremos ter. “Essa pergunta deve ser uma motivação da reflexão dos vereadores que votarão o projeto da reforma administrativa, e para isto estamos oferecendo argumentos que podem garantir a política de esporte, recreação e lazer de Porto Alegre como uma política de Estado”. Hamilton disse que é necessário pensar a SME para além da racionalização administrativa. “Quando se fala nestes termos, se pensa imediatamente em algumas imagens como o inchaço de órgãos públicos e a burocratização dos serviços”, explicou. Hamilton afirmou que estas não são características da Secretaria. "A SME é um investimento no capital social da cidade e não um custo a ser reduzido ou extinto", afirmou.

A vereadora Sofia Cavedon explicou que as eleições são um dos momentos da Democracia, não sendo seu ponto inicial nem final. "É o momento da eleição do prefeito e dos vereadores. A Constituição Federal que regra a democracia brasileira diz seu primeiro artigo que o poder é exercido em nome do povo, através dos seus representantes. Ninguém é eleito para substituir o povo, nós somos eleitos para representar o povo. Nosso voto delega poder, mas não delega autonomia”, asseverou. A questão fundamental, prosseguiu a vereadora, é saber quem o prefeito Marchezan está consultando para fazer mudanças desta monta na cidade de Porto Alegre, como, por exemplo, a extinção da SME.

A presidente do CREF2/RS cumprimentou a resistência e a combatividade dos professores em defesa à SME. "Como presidente do Conselho de Educação Física, represento quase 30 mil profissionais de Educação Física que, com certeza, estão apoiando esta luta". Carmen disse ficar muito à vontade com estas reivindicações por ser professora aposentada da Secretaria e conhecer bem sua história. "Há pouco um vereador me disse que as políticas da secretaria serão mantidas, mesmo ela sendo extinta. Não é verdade, tanto que já está havendo mudanças. Nas unidades, já tiraram o pessoal da cooperativa de limpeza, sendo repassado estes serviços à comunidade e aos professores. Já removeram vários professores cedidos à SME. Quantos mais vão tirar?". Carmen disse que Marchezan Jr. tem que compreender que a extinção da SME vai economizar um valor irrisório à prefeitura. "Cerca de 90% dos professores e funcionários são concursados", ressaltou

O representante das Instituições de Ensino Superior, Cláudio "Dida" Gutierrez (CREF 014210-G/RS), explicou que, desde que ela foi criada, a SME é uma escola de gestores. "Diversos profissionais e professores, militando na SME, aprendeu a lidar com gestão pública e com as políticas de esporte e lazer. Vários dos nossos estudantes que estão vinculados à SME, aprendendo a serem profissionais da saúde, portanto, para as IES, a SME é um espaço muito importante. A presença da cada um e cada uma é grande força na luta pela cidadania neste país.


SME Porto Alegre



CREF2/RS visita FAMURS para apoiar projetos de atividade física das prefeituras
10/02/2017
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) reuniu-se ontem, dia 9, na Federação das Associações dos Municípios do RS (FAMURS), com Paulo Azeredo Filho, assessor técnico da área da Saúde da entidade. O objetivo do encontro foi oferecer o apoio do Conselho aos municípios que queiram desenvolver ações voltadas para o esporte. Azeredo Filho propôs a formalização do apoio por meio de um termo técnico de cooperação, que desenhe legalmente a cooperação.

A coordenadora do Departamento de Fiscalização e Orientação (DEFOR) do CREF2/RS, Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), compareceu à reunião e defendeu a aproximação com as prefeituras “Vamos trabalhar a orientação da legislação e a defesa do profissional de Educação Física registrado como único profissional qualificado para orientar a atividade física. Também conscientizaremos as prefeituras de que a atividade física é fundamental na prevenção de inúmeras doenças, como aquelas associadas ao sedentarismo e à epidemia de obesidade existente no Estado”, afirmou. “E isto reflete em economia nos gastos públicos na saúde”, completou. Também esteve presente na reunião a assessora de Comunicação do CREF2/RS Elenice Sacchi de Freitas.

A Famurs é a Casa dos Municípios. Composta por 27 Associações Regionais, a entidade representa todas as 497 cidades gaúchas – reunindo prefeitos, vice-prefeitos, secretários, técnicos e órgãos da gestão pública municipal. O assessoramento e a qualificação dos gestores também fazem parte do trabalho da entidade, e problemas e soluções do cotidiano da administração pública são discutidos na Federação.


FAMURS



Conselheira Marcia da Cruz assume Secretaria do Esporte e Lazer de Caxias do Sul
11/01/2017
Fonte: SMEL

A conselheira do CREF2/RS Marcia da Cruz (CREF 007542-G/RS) é a nova secretária municipal do Esporte e do Lazer de Caxias de Sul (SMEL). A cerimônia de posse ocorreu no dia 1º de janeiro e também marcou o início dos trabalhos dos demais integrantes da gestão 2017/2020 da Prefeitura.

Marcia é graduada também em Administração e já foi presidente do Conselho Municipal do Desporto de Caxias do Sul, de 2014 a 2015. Ela idealizou e coordenou o programa de extensão Inovação Social e Sustentabilidade da Universidade de Caxias do Sul (UCS), onde ainda atua como professora.

Como salienta Marcia, buscar o crescimento das atividades esportivas no município, visando a prevenção de doenças, deve ser a prioridade da nova gestão da SMEL. “Zelar pelo bem-estar das pessoas e pelo desenvolvimento da comunidade esportiva são assuntos fundamentais, trabalhando sempre com respeito ao próximo. Queremos proporcionar para a população ações esportivas, recreativas, paradesportivas, fomentando o esporte amador e revitalizando os centros esportivos da cidade”, pontuou.

Diversos profissionais de Educação Física acompanham a nova secretária no comando da SMEL, entre eles Paulo Roberto de Cândido Júnior (CREF 022017-G/RS), desenvolvedor de ações em projetos esportivos que trabalham com vulnerabilidade social; Rafael Generosi (CREF 010124-G/RS), mestre em Ciências do Movimento Humano; e Sidnei dos Santos Júnior (CREF 014180-G/RS), especialista em Pesquisa e Ciência do Movimento Humano e Pedagogia do Movimento Humano.


Caxias do Sul Esporte Lazer SMEL



CREF2/RS defende Secretaria Municipal de Esportes, Recreação e Lazer na Câmara de Vereadores de Porto Alegre
22/12/2016
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quinta-feira, dia 22 de dezembro, o vice-presidente do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) esteve na Câmara Municipal de Porto Alegre para buscar o apoio dos vereadores contra a proposta de extinção da Secretaria Municipal de Esportes, Recreação e Lazer (SME). A votação está prevista para ocorrer hoje à tarde e os representantes do Plenário receberam uma carta, que apresenta os motivos para a continuidade do trabalho da SME e os benefícios que são proporcionados pelo órgão para toda a sociedade. O texto na íntegra segue abaixo:

O Conselho Regional de Educação Física da 2ª Região (CREF2/RS), representando cerca de 10 mil profissionais de Educação Física e 800 empresas registradas apenas em Porto Alegre, vem ratificar a importância da manutenção da Secretaria Municipal de Esportes, Recreação e Lazer (SME), que tem sido referência na execução e na propagação de políticas públicas de esporte e de lazer, constituindo significativos programas e projetos na área do esporte escolar e da saúde.

Desde a sua criação nos anos 1920, a SME vem cumprindo o seu papel institucional com excelência, cuja função para a sociedade porto-alegrense é fundamental e imprescindível, gerando ações que oportunizam a prática da atividade física e do esporte, nas suas mais diversas modalidades e dimensões, além de fomentar a formação de novos profissionais de Educação Física.

Através do esporte e do exercício físico, a população de Porto Alegre tem demonstrando uma grande melhora na sua qualidade de vida, mesmo diante de números preocupantes apresentados em 2016 pelo Ministério da Saúde, em que relaciona 50% da população brasileira ao sobrepeso e a algum tipo de doença relacionada à obesidade, como hipertensão e diabetes. De acordo com dados da Organização Mundial de Saúde, para cada R$ 1,00 investido em esporte e em atividade física são poupados outros R$ 5,00 em saúde.

Diante desse quadro, somente com a permanência da SME será possível desonerar a Prefeitura e os postos de saúde, solidificando as políticas públicas das quais a sociedade vem sendo beneficiada por meio do esporte e da atividade física. O CREF2/RS, seguro de contar com o vosso apoio na busca constante dos interesses da sociedade, está à disposição para esclarecer eventuais questionamentos.


Porto Alegre



CREF2/RS lamenta o falecimento do presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo
29/11/2016
Fonte: CREF2/RS

A diretoria do CREF2/RS lamenta o falecimento e se solidariza com os familiares de Roberto Py Gomes da Silveira, presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Rio Grande do Sul (CAU/RS) e 2º vice-presidente Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do RS (FÓRUM-RS). Ele morreu aos 79 anos neste domingo, 27 de novembro, em Porto Alegre. O presidente lutava contra o câncer e estava afastado há sete meses para tratamento.

Roberto Py, entre outras atividades, foi diretor do Instituto do Patrimônio Histórico do Rio Grande do Sul (IPHAE), de 1991 a 1992, e do Colégio Farroupilha de Porto Alegre, de 2000 a 2009. Entre as contribuições para a capital gaúcha está o importante projeto desenvolvido para Prefeitura de Porto Alegre do Viaduto dos Açorianos, que liga a zona sul ao centro da cidade.


Nota de falecimento



CREF2/RS realiza palestras em Antônio Prado e Uruguaiana para comemorar Dia do Profissional de Educação Física
05/09/2016
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS, representado pela conselheira Marcia da Cruz (CREF 007542-G/RS) e pela agente de Fiscalização Denise Candaten (CREF 010750-G/RS), esteve na Prefeitura de Municipal de Antônio Prado, na última quarta-feira, dia 31 de agosto, para uma palestra. A apresentação, feita para os profissionais de Educação Física da cidade, abordou os desafios e as conquistas da profissão, bem como o trabalho desempenhado pelo Conselho.

O encontro, realizado como forma de comemorar o Dia do Profissional de Educação Física, também ocorreu em Uruguaiana na quinta-feira, dia 1º de setembro. A palestra, mais uma vez ministrada pela Conselheira, foi promovida pela Secretaria Municipal de Esporte e Lazer de Uruguaiana e, além dos profissionais, também reuniu acadêmicos do curso para um debate sobre as duas áreas de intervenção, licenciatura e bacharelado. Ao total, 150 pessoas compareceram aos dois eventos.

Como destacou Marcia, as palestras foram muito proveitosas e importantes para o CREF2/RS, já que contaram com a participação ativa da plateia, que colaborou com questionamentos e interações. “Além disto, tivemos a oportunidade de entregar o nosso material de divulgação para parte da Serra e da Fronteira Oeste do Estado, sobretudo para professores, coordenadores de curso, acadêmicos e demais pessoas que atuam na área”, acrescentou. “Também ficou acordado que faremos visitas às escolas de Antônio Prado para falar sobre a importância das aulas de Educação Física serem ministradas por profissionais habilitados, atendendo as premissas da legislação”, concluiu.


Eventos palestras



Safeweb oferece sistema de emissão de Nota Fiscal Eletrônica para profissionais de Educação Física
22/08/2016
Fonte: CREF2/RS

A Safeweb, empresa de certificação digital conveniada com o CREF2/RS, está oferecendo mais um serviço para os profissionais registrados no CREF2/RS. A plataforma para emissão de Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFSe) já pode ser adquirida agora com desconto.

Independente da receita, as empresas que atuam na área de “serviços de educação, ensino, orientação pedagógica e educacional, instrução, treinamento e avaliação pessoal de qualquer grau ou natureza”, conforme estabelece o Decreto nº 18.334 e a Lei Complementar nº 367 da Prefeitura Municipal de Porto Alegre, estão obrigadas a emitir a NFSe. O serviço ofertado pela Safeweb, além de dar direito ao uso do software online que gera as Notas, estima também a cobrança de uma taxa mensal, de acordo com a quantidade de documentos expedidos por mês.

Chamado eNota NFS-e, a plataforma da Safeweb pode ser acessada pela Internet, de qualquer computador, e possui outros recursos para facilitar o controle das Notas, como o envio do documento diretamente para o e-mail do cliente, sem a necessidade de impressão. Mais informações pelos telefones 4007-2410 e (51) 3018-0300 ou pela página www.safeweb.com.br.


Convênios



Amanhã ocorre o IV Fórum Municipal do Esporte, Paradesporto e Lazer em Caxias do Sul
01/07/2016
Fonte: CREF2/RS

O Conselho Municipal de Desporto (CMD) e a Prefeitura de Caxias irão realizar, amanhã, dia 2 de julho, o IV Fórum Municipal de Esporte, Paradesporto e Lazer. O evento, que irá ocorrer no auditório do SEST/SENAT, terá entrada gratuita. A atividade é aberta para profissionais de Educação Física e para comunidade em geral.

Com as palestras do vice-presidente de Esportes do Esporte Clube Juventude, Paulo Henrique Marchioro; e do presidente do Centro Integrado das Pessoas com Deficiência (CIDEF), Evair Ramos; o Fórum será das 8h às 12h e vai levar para o debate diversas questões relacionadas ao esporte e ao lazer adaptado, comunitário, educacional e de rendimento.

As inscrições ainda podem ser feitas de maneira antecipada por aqui ou diretamente no local, no momento da entrada ao evento. Mais informações pelo e-mail cmd@caxiasdosul.rs.gov.br.

IV Fórum Municipal do Esporte, Paradesporto e Lazer
Data: sábado, 2 de julho, das 8h às 12h
Local: SEST/SENAT
Endereço: Rua Luís Fracescuti, 41 – Bairro Pioneiro
Inscrições: aqui e informações pelo e-mail cmd@caxiasdosul.rs.gov.br


Eventos



IV Fórum Municipal do Esporte, Paradesporto e Lazer é neste sábado em Caxias do Sul
28/06/2016
Fonte: CREF2/RS

Neste sábado, dia 2 de julho, o Conselho Municipal de Desporto de Caxias do Sul (CMD), em parceria com Prefeitura, realizará o IV Fórum Municipal do Esporte, Paradesporto e Lazer. O evento terá entrada gratuita e vai ser realizado no auditório do SEST/SENAT, das 8h às 12h.

O Fórum, que está chegando na sua quarta edição, terá em sua programação as palestras do vice-presidente de Esportes do Esporte Clube Juventude, Paulo Henrique Marchioro; e do presidente do Centro Integrado das Pessoas com Deficiência (CIDEF), Evair Ramos. Além disto, haverá também a apresentação de eixos temáticos, sobre esporte e lazer adaptado, comunitário, educacional, de rendimento e financiamento.

A atividade é aberta para profissionais de Educação Física, assim como para a comunidade em geral. As inscrições podem ser feitas neste link e mais informações obtidas pelo e-mail cmd@caxiasdosul.rs.gov.br.

IV Fórum Municipal do Esporte, Paradesporto e Lazer
Data: sábado, 2 de julho, das 8h às 12h
Local: SEST/SENAT
Endereço: Rua Luís Fracescuti, 41 – Bairro Pioneiro
Inscrições: aqui e informações pelo e-mail cmd@caxiasdosul.rs.gov.br


Eventos Caxias do Sul Esporte Paradesporto



Reunião da Câmara da Saúde do Fórum-RS ocorre no CREF2/RS
22/06/2016
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quarta-feira, dia 22 de junho, o CREF2/RS sediou a reunião da Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões do Rio Grande do Sul (Fórum-RS). O encontro, que contou com a presença de representantes do CRF-RS, CRMV-RS, CRBM-5 e do CRTR-RS, serviu para debater a realização do II Simpósio Fórum-RS e questões relacionadas ao alvará sanitário para Pessoas Jurídicas. O CREF2/RS foi representado pela presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), que também coordena a Câmara, e pelo vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS).

Além destes, outro tema abordado foi a inclusão da Câmara da Saúde na Comissão Especial da Saúde da OAB/RS. Os grupos, que unirão forças para realizar atividades em conjunto a partir de agora, também contarão com a contribuição da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Como salientou Everton Borges, assessor de relações institucionais do CRF-RS, estas parcerias são importantes para o desenvolvimento de políticas de prevenção de doenças, não só de tratamento “Também queremos dar andamento às questões que se referem à inclusão das demais áreas da saúde nos planos de saúde, algo muito importante para a sociedade”, pontuou.

O II Simpósio do Fórum-RS, que será realizado no dia 6 de julho na sede do Conselho Regional de Administração (CRA-RS), tem o intuito de promover a integração dos Conselhos da saúde entre si e com a sociedade. Aguiar, que realizará a palestra “Ações integrantes na prevenção da saúde dos gaúchos” durante o evento, convidou todos os presentes para participar. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui, até o dia 5 de julho.

Quanto ao alvará sanitário, os presentes discutiram a criação de uma exigência de registro nos Conselhos Profissionais para que as Pessoas Jurídicas possam obtê-los junto às Prefeituras. Como destacaram os integrantes da Câmara da Saúde, esta determinação seria bastante benéfica à sociedade, pois ajudaria a compensar a atual falta de normatização para a obtenção do documento e também auxiliaria a fiscalização de estabelecimentos relacionados à área da saúde. O assunto deverá ser levado para debate também na Comissão Especial da Saúde da OAB/RS.


Fórum-RS Câmara da Saúde



IV Fórum Municipal do Esporte, Paradesporto e Lazer ocorre em Caxias do Sul
17/06/2016
Fonte: CREF2/RS

A Prefeitura de Caxias do Sul e o Conselho Municipal de Desporto (CMD) vão realizar, na manhã do dia 2 de julho, o IV Fórum Municipal do Esporte, Paradesporto e Lazer no auditório SEST/SENAT, localizado na rua Luís Fracescuti, n.º41, bairro Pioneiro.

Na programação, haverá palestras com o vice-presidente de Esportes do Juventude, Paulo Henrique Marchioro, com o presidente do Centro Integrado das Pessoas com Deficiência (CIDEF), Evair Pinheiro Ramos, além de eixos temáticos sobre esporte e lazer adaptado, comunitário, educacional, de rendimento e financiamento.

IV Fórum Municipal do Esporte, Paradesporto e Lazer
Data: sábado, 2 de julho, das 8h às 12h
Local: rua Luís Fracescuti, 41, bairro Pioneiro, Caxias do Sul
Inscrições e informações no Facebook cmdcaxiasdosul ou pelo e-mail cmd@caxiasdosul.rs.gov.br


CMD de Caxias do Sul



CREF2/RS participa de fiscalização conjunta com a prefeitura de São Marcos
06/06/2016
Fonte: CREF2/RS

Entre os dias 18 e 31 de maio, o CREF2/RS realizou sete visitas em conjunto com fiscais da Vigilância Sanitária, da secretaria municipal da Fazenda e fiscais de Obras e Tributos da Prefeitura de São Marcos, nas quais foram lavrados dois termos de visitas e cinco autos de infração de Pessoa Jurídica.

Dentre as infrações, destacam-se profissionais atuando fora da sua área, infrações de Pessoa Jurídica com cadastro desatualizado, exercício ilegal da profissão e falta de profissional de Educação Física orientando as atividades. A prefeitura e a Vigilância Sanitária autuaram os locais por falta de alvará ou alvarás vencidos, e os profissionais que alegaram não ter vínculo de emprego com a empresa foram notificados para solicitarem alvará de autônomo. Ambos os órgãos colocam-se à disposição para receber, averiguar e encaminhar irregularidades praticadas por Pessoa Física ou Jurídica em situação irregular e que não zelem pela saúde física de seus consumidores.

Os locais que orientam atividades físicas devem atuar dentro da legislação, não apenas durante a visita dos fiscais, ou logo após ela, e a regularidade deve ser constante no dia a dia da empresa. “E não apenas porque há a exigência legal, mas porque os consumidores, que investem seu dinheiro e sua confiança em um estabelecimento, merecem o atendimento mais seguro e profissional possível”, explica a coordenadora do Departamento de Fiscalização do CREF2/RS, Fernanda Silva Rodrigues CREF 009604-G/RS.


DEFOR



Livro sobre as LER é lançado na Câmara Municipal de Porto Alegre
26/04/2016
Fonte: CREF2/RS

Foi realizado ontem (25) o lançamento na Câmara Municipal de Porto Alegre do livro As LER: ontem, hoje e amanhã, organizado pelo Grupo de Prevenção das LER /DORT, que é composto por uma equipe profissional multidisciplinar da saúde. A obra reúne as palestras realizadas durante a 10ª Semana de Prevenção das LER, ocorrida em março de 2015. As Semanas são uma iniciativa voltada à conscientização, prevenção e combate às Lesões de Esforço Repetitivo, e foram criadas pela Lei Municipal 9504/2004, de autoria do vereador e conselheiro Federal do CONFEF Professor Garcia (CREF 000002-G/RS).

O evento iniciou com o período destinado à Tribuna Popular da Câmara, que recebeu Mário Reis, secretário de Saúde do Trabalhador da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação do Estado do Rio Grande do Sul (FTIA/RS). Durante sua fala, o dirigente sindical afirmou que a doença não é uma epidemia, mas causa preocupação devido ao grande número de pessoas que já a desenvolveram. “Esta doença é constatada desde o século XVIII, mas ainda hoje muitos profissionais da saúde se dedicam as pesquisas das suas causas, consequências e tratamento”, disse.

O dirigente também ressaltou a importância de campanhas voltadas para prevenção da doença, que ele classifica como silenciosa. "Temos apoios de vereadores, além da Prefeitura e da Casa Legislativa, e isso é muito importante para nós. Mas o ideal seria o investimento em publicidade, para alertar sobre os perigos da doença”.

A conselheira do CREF2/RS, Débora Garcia (CREF 002202-G/RS), explicou que a Lei 9504/2004, de autoria do seu pai, vereador Professor Garcia, teve como origem na sua dissertação de mestrado. “Desde 1994 eu desenvolvia um trabalho de Ginástica Laboral com as taquigrafas da Câmara de Vereadores. O vereador sempre observou atentamente este trabalho. Então, ao entrar no mestrado e aprofundar os estudos sobre o tema, eu sugeri a criação da semana, baseada no Dia Mundial de Combate às LER/DORT, celebrado em 28 de fevereiro”, explicou.

O membro da Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS, Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS), que participa com um capítulo do livro, informou que o Grupo de Prevenção está pleiteando a criação de um selo de isenção fiscal para empresas que investem em prevenção das LER ou mesmo de reconhecimento aos empreendedores que protegem a saúde do trabalhador. “Vamos nos reunir com o vereador Mendes Ribeiro para articularmos este projeto”.


Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa



CMD de Caxias do Sul entrega Prêmio Mérito Esportivo na segunda-feira
10/03/2016
Fonte: CREF2/RS

Na próxima segunda-feira, dia 14 de março, a partir da 19h30min, ocorrerá a entrega do Prêmio Mérito Esportivo 2015 na Câmara de Vereadores de Caxias do Sul. Os agraciados foram indicados pela comunidade e escolhidos pelos conselheiros do Conselho Municipal de Desporto. Entre os homenageados, duas pessoas receberão o prêmio postumamente, entre elas o profissional de Educação Física Willians Charles Leite (CREF 004621-G/RS), falecido em 2015.

O Prêmio, instituído pelo CMD em 2003, é uma forma de agradecimento e reconhecimento aos atletas e entidades de Caxias do Sul que se destacaram na área desportiva durante o ano. O evento é uma realização da Prefeitura Municipal de Caxias do Sul e tem apoio da Secretaria Municipal do Esporte e Lazer do município.


CMD de Caxias do Sul



CREF2/RS solicita ao prefeito de Porto Alegre o registro profissional dos professores de Educação Física da rede municipal
27/01/2016
Fonte: CREF2/RS

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), esteve nesta terça-feira (26) no gabinete do prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, para entregar ofício que solicita o registro no Conselho Regional de Educação Física de todos os professores de Educação Física da rede Municipal de ensino de Porto Alegre. Carmen estava acompanhada do vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Ubirajara Barboza de Aguiar (CREF 002782-G/RS), da conselheira Débora Rios Garcia (CREF 002202-G/RS) e da assessora jurídica Cristiane Costa. Os secretários municipais de Educação, Cleci Maria Jurach, e de Esportes, Recreação e Lazer, José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS), estiveram presentes à reunião.

A presidente do CREF2/RS explicou ao prefeito e aos secretários que o ofício é fundamentado na Lei Federal nº 9.696/98, que regulamenta a Profissão de Educação Física, e na Lei Estadual nº 14.540/2014, recentemente publicada, que determina a exigência de registro para nomeação em concursos públicos no Rio Grande do Sul. “Não gostaríamos entrar em conflito com um parceiro como a prefeitura, por isso viemos solicitar ao prefeito que informe a todos que trabalham na Educação Física escolar e nos parques e praças municipais a necessidade do registro no CREF2/RS”.

De acordo com a assessora jurídica do CREF2/RS, a obrigatoriedade do registro é uma matéria jurídica pacificada, "Houve sentença prolatada pelo Pleno do STF afirmando que não é o diploma, mas sim o respectivo registro que dá a habilitação legal para o exercício do profissional de Educação Física". Cristiane também informou que o Ministério da Educação expediu, em 2013, nota técnica concluindo que os temas relacionados ao exercício profissional são de competência dos Conselhos Profissionais.

Ao final da reunião, Fortunati afirmou que enviará ofício, com o documento do Conselho anexado, a cada um dos profissionais que trabalham com atividade física no município, pedindo para que se regularizem junto ao CREF2/RS.


Registro profissional



Profissionais de Educação Física e SME se reúnem para discutir uso do Parque Ramiro Souto
04/12/2015
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta sexta-feira (4), estiveram reunidos no Parque Ramiro Souto, na Redenção, o vice-prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo, o secretário municipal de Esportes, Recreação e Lazer, (SME) José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS), e profissionais de Educação Física para discutir as normas de uso do local. Débora Garcia (CREF 002202-G/RS), 1ª secretária, e os conselheiros Cláudia Lucchese (CREF 002358-G/RS) e Alessandro Gamboa (001534-G/RS) também marcaram presença, representando o CREF2/RS.

O encontro foi marcado após a polêmica que envolveu o Parque nesta última semana, quando a SME proibiu a atuação dos profissionais que utilizam o local para ministrar atividades físicas e esportivas remuneradas. Segundo Meurer, houve um equívoco na formulação destas notificações, o que gerou um mal-entendido. "A medida não em como objetivo impedir o trabalho, mas organizar o uso do Parque", defendeu. Entre as regras, levadas para o conhecimento de todos, está a proibição do estacionamento de veículos no local, a publicidade de marcas sem a autorização da Prefeitura, a instalação de tendas que prejudiquem o acesso público e a orientação de atividades físicas por pessoas sem registro no CREF2/RS.

Para Débora, as medidas que serão adotadas pelo Parque, além de reforçar o caráter público do local, vão coibir o exercício ilegal da profissão. "As pessoas que trabalham nos parques da cidade não podem ser leigos no assunto. Para vir ao Ramiro Souto e passar treinos, é obrigatório ser profissional de Educação Física e ter registro no Conselho", explicou aos presentes. "Por conta disto, vamos intensificar a nossa fiscalização, para que os usuários deste tipo de espaço recebam somente a orientação de profissionais de Educação Física habilitados. Nós temos este compromisso e vamos nos unir para isto", completou.

Os representantes das assessorias esportivas também se comprometeram em "adotar" o local, para que, em parceria com a Prefeitura, possam ser feitas melhorias na estrutura do Parque, em questões que envolvem a segurança, os banheiros e a pista atlética. As sugestões foram todoas anotadas e a administração do Ramiro Souto vai voltar a se reunir com os profissionais de Educação Física para dar avanço a todas estas demandas.


Parque Ramiro Souto SME



Projeto Sem Fronteiras da FIEP-RS visita Carazinho e Canoas em novembro
05/11/2015
Fonte: CREF2/RS

Com o intuito promover o conhecimento e incentivar a qualificação profissional nas mais diversas áreas de atuação, a Delegacia do Rio Grande do Sul da Federação Internacional de Educação Física (FIEP-RS) realiza o projeto Sem Fronteiras, em que oferece cursos e palestras gratuitamente pelo Estado. A primeira atividade deste mês será realizada a partir de amanhã, dia 6 de novembro, na Ulbra Carazinho, e se estenderá até domingo. Entre os dias 27 e 29 de novembro, é Canoas que receberá esta mesma ação da FIEP-RS (ver serviço abaixo).

Para Everton Deiques (CREF 008538-G/RS), delegado regional da FIEP no Rio Grande do Sul, a consolidação do projeto, que conta com o apoio dos principais cursos de Educação Física do Estado, tem um papel importante, sobretudo para a difusão da Educação Física do Esporte na perspectiva da Educação. "Nós queremos incentivar o intercâmbio entre professores e alunos, fomentar a evolução da Educação Física e mobilizar todos que atuam na área para o crescimento intelectual, favorecendo assim a sociedade com o nosso trabalho e a nossa dedicação", comenta.

Sem Fronteiras Carazinho
6 a 8 de novembro na Ulbra Carazinho
Endereço: BR 285 – KM 335

Sem Fronteiras Canoas
27 a 29 de novembro na Prefeitura Municipal de Canoas
Endereço: Rua 15 de Janeiro, 11 - Centro

A FIEP-RS também está selecionando profissionais que desejam atuar como professores do Sem Fronteiras. Interessados devem entrar diretamente em contato com Everton Deiques pelo telefone (51) 9845-6326.


FIEP-RS



Interiorizasul vai a Torres, Tramandaí e Taquara no final de outubro
13/10/2015
Fonte: CREF2/RS

Com o intuito de se aproximar dos profissionais do interior do Estado, o CREF2/RS executa o Interiorizasul, em que realiza visitas de atendimento em cidades fora de Porto Alegre. No dia 26 de outubro, a equipe estará em Torres, e no dia 28 de outubro, em Taquara. Nestes dias, os funcionários do CREF2/RS oferecerão aos profissionais de Educação Física os serviços de atualização cadastral, entrega de Cédula, coleta de digital e parcelamento, além de conceder informações em geral sobre o trabalho realizado pelo Conselho e efetuar novos registros.

Para facilitar o processo, o agendamento do atendimento já pode ser feito por aqui. Além de uma forma para aproveitar melhor o tempo dos profissionais que procuram o Interiorizasul, esta pré-etapa otimiza o trabalho do Conselho e informa previamente os documentos necessários para cada um dos procedimentos. No local, o atendimento não agendado é feito por ordem de chegada.

Interiorizasul Torres
Data: 26 de outubro, segunda-feira, das 14h às 18h
Local: Ulbra Torres
Endereço: Rua Universitária, 1900 – Saguão Central - Parque do Balonismo

Interiorizasul Tramandaí
Data: 27 de outubro, terça-feira, das 14h às 18h
Local: Sala dos Conselhos - ao lado da Prefeitura Municipal de Tramandaí
Endereço: Avenida das Igrejas, 346, Bairro Centro

Interiorizasul Taquara
Data: 28 de outubro, quarta-feira, das 13h às 16h
Local: Departamento de Esportes da Prefeitura Municipal de Taquara
Endereço: Rua Ernesto Alves, s/n - Bairro Recreio - junto ao Parque do Trabalhador


Interiorizasul



CREF2/RS entrega livros sobre Educação Física Escolar à Secretaria Municipal de Educação de Porto Alegre
24/09/2015
Fonte: CREF2/RS

Nessa quarta-feira (23), o CREF2/RS realizou a entrega oficial do livro “Recomendações para a Educação Física Escolar” à Secretaria Municipal de Educação de Porto Alegre (SMED). Os exemplares, editados pelo Sistema CONFEF/CREFs, serão repassados às 55 escolas municipais de ensino fundamental da capital. Na ocasião, a presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), e a presidente da Câmara Técnica de Educação Física Escolar, Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), apresentaram as propostas contidas na publicação à Eliane Meleti, chefe de gabinete da secretária Municipal de Educação Cleci Jurach.

A presidente do CREF2/RS ressaltou importância da aprovação da lei nº 11.585 do vereador professor Garcia (CREF 000002-G/RS), que tornou obrigatória a formação em curso superior de Licenciatura em Educação Física para a docência da disciplina nas escolas de ensino, como um marco na luta pela Educação Física Escolar no país. “Sancionada pelo prefeito de Porto Alegre José Fortunati, essa legislação deve ser reforçada e propagada para outras cidades do Rio Grande do Sul e do Brasil. Vemos nela um grande ganho para a educação e para a defesa da formação do profissional de Educação Física”.

Carmen explicou que a publicação do CONFEF/CREFs é resultado de intensos debates realizados pela Comissão de Educação Física Escolar do CONFEF em seminários, fóruns e congressos, que identificaram a falta de um documento referencial que desse conta, de maneira objetiva, das questões relacionadas a este campo do saber. “O livro foi desenvolvido por meio de uma proposta democrática, e se constitui em um instrumento norteador para a intervenção responsável e qualificada no ambiente profissional”, afirmou.

“Vamos enviar essa publicação às escolas com ofício recomendando seu estudo”, disse Eliane Meleti, enfatizando que o Ensino Fundamental e Médio do município já possuem professores graduados em Educação Física. “A valorização dos profissionais é prioridade da gestão. A lei cumpre o papel de sacramentar o trabalho que já vem sendo realizado no município, além de incentivar novas experiências nesse sentido. Na educação infantil, desde 2013, a Prefeitura vem nomeando profissionais de Educação Física”, acrescentou.

Segundo Miryam Brauch, o livro foi desenvolvido por meio de uma proposta democrática, com a colaboração de todos os CREFs. “Os Conselhos historicamente têm se esforçado em cooperar na atualização dos profissionais de Educação Física e na elaboração e apresentação de projetos de lei que garantam aos alunos acesso às aulas de Educação Física Escolar ministradas por profissional habilitado”.

Foto: Guga Stefanello/Divulgação PMPA


Educação Física Escolar



CREF2/RS fiscaliza e orienta durante a Meia Maratona de Caxias do Sul
14/09/2015
Fonte: CREF2/RS

No último domingo (13), a Fiscalização CREF2/RS compareceu à 1ª Meia Maratona de Caxias do Sul, organizada pela prefeitura e pela Secretaria de Esporte e Lazer da cidade. Os agentes de orientação e fiscalização do Conselho conversaram com as profissionais Nicole Vognochi (CREF 011490-G/RS) e Leda Marramarco (CREF 016981-GF/RS), responsáveis pelo evento, que informaram que todos os envolvidos com a organização da corrida eram graduados ou acadêmicos de Educação Física.

Durante a prova, também foi realizada uma orientação especial aos grupos de corrida participantes e que prestavam assessoria no local. Os agentes do CREF2/RS tiraram dúvidas sobre a Lei Federal 9.696/98 e sobre a obrigatoriedade das atividades de condicionamento físico e de treinamento de corrida serem ministradas por profissionais de Educação Física devidamente habilitados no Conselho.

Denúncias

Você pode contribuir com as ações de fiscalização do CREF2/RS enviando a sua denúncia para nós. Comunique irregularidades de exercício ilegal ou irregular da profissão - assim como estabelecimentos que não zelem pela saúde física de seus clientes - preenchendo o formulário disponível em nossa página. Para acessá-lo, clique aqui.


Fiscalização



CREF2/RS divulga ganhadores do Troféu Destaque 2015
20/08/2015
Fonte: CREF2/RS

Os vencedores do Troféu Destaque 2015, prêmio que homenageia os melhores profissionais de Educação Física do ano, foram divulgados pelo CREF2/RS. As categorias “Academia”, “Clube ou Sociedade”, “Mérito da Educação Física”, “Profissional do Ano”, “Veículo de Comunicação” e “Personalidade do Ano” foram escolhidos pela Plenária do CREF2/RS. A escolha das demais categorias foi feita por meio de votação no site do Conselho aberta a todos os profissionais de Educação Física registrados e em dia com suas obrigações estatutárias, a partir de lista tríplice, indicada por Comissão ou Câmara Técnica.

O CREF2/RS parabeniza a todos os vencedores e indicados desta edição do Troféu Destaque, que por meio de suas trajetórias vitoriosas ajudam a dignificar nossa Profissão.

Categoria Academia: Academia Sal da Terra (CREF 000009-PJ/RS) – Atuando desde 1987, a Sal da Terra é uma das mais tradicionais academias de Porto Alegre, e o seu trabalho é realizado dentro dos parâmetros profissionais, com quadro de profissionais devidamente registrados no CREF2/RS, contando com excelente infraestrutura.

Categoria Clube ou Sociedade: Grêmio Náutico União (CREF 000505-PJ/RS) – Formação de atletas e investimento no esporte, Top of Mind da revista Amanhã, vencedor por toda sua tradição no esporte e pelas grandes conquistas de seus atletas, nos diversos esportes em que atuam.

Categoria Profissional do Ano: José Anchieta (CREF 000337-G/RS) – Profissional de Educação Física formado na UFRGS e pós-graduado em Dança na PUC/RS, é professor da Graduação do Curso de Educação Física da UNISINOS RS. Ganhou vários prêmios, entre eles o de melhor instrutor internacional de Fitness da Espanha – 1997. Foi criador do Método de Ginástica Afro Aeróbica e autor do livro "Ginástica Afro Aeróbica".

Categoria Mérito da Educação Física: Ivan Fonseca Gallo (CREF 004207-G/RS) – Possui graduação em Educação Física pela UFRGS e especialização em Metodologia do Ensino Superior pela Unisinos. Atualmente é Professor e Técnico da Unisinos e Técnico da Federação Gaúcha de Voley Ball.

Categoria Veículo de Comunicação – RBS TV – Vida e Saúde. Por acompanhar o trabalho de profissionais de Educação Física por meio de entrevistas e reportagens sobre saúde, nutrição, atividade física, beleza e comportamento.

Categoria Personalidade do Ano: Kalil Sehbe Neto – Ex-secretario Estadual do Esporte e do Lazer, militou em prol dos profissionais de Educação Física e de atletas com a criação da Lei Estadual Pró-Esporte de Incentivo ao Esporte Gaúcho. Também coordenou o Comitê Gestor da Copa do Mundo 2014.

Categoria Profissional de Escola: Luis Eurico Kerber (CREF 001203-G/RS) – Graduado pela Feevale e pós-graduado em Ciências da Atividade Física – Aspectos da Medicina do Esporte. Atua na Educação Básica desde 2002 e como professor universitário da Feevale desde 2005. Trabalha também na rede municipal de ensino de Ivoti. Já desenvolveu projetos de atividades físicas de aventura na natureza e de promoção da saúde na escola.

Categoria Profissional de Esporte Educacional: Luiz Afonso Gomes (CREF 000484-G/RS) – Possui graduação pelo IPA, mestrado em Ciências Sociais e especialização em Basquete e em Futebol. É o docente mais antigo do IPA, onde atua desde 1980. Coordena o curso de pós-graduação Futebol e Futsal: do Treinamento à Gestão e atua na área de ensino-aprendizagem em treinamento, performance, avaliação e motivação.

Categoria Profissional de Paradesporto e Atividade Adaptada: Tiago José Frank (CREF 015592-G/RS) – Possui graduação pela UCS e é coordenador do setor de Paradesporto e Lazer Inclusivo da Secretaria Municipal do Esporte e Lazer de Caxias do Sul. Atuou como supervisor do Centro Integrado das Pessoas com Deficiência (CIDEF/UCS) e como técnico da seleção brasileira sub-21 de basquete em cadeira de rodas, tornando-se campeão Parapanamericano em 2013. Dedica-se ao desenvolvimento e promoção de atividades de esporte e lazer para pessoas com deficiência.

Categoria Profissional de Recreação e Lazer: Desire Lacreta Maridakis (CREF 006536-G/RS) – Possui graduação e especialização pelo IPA, é ex-atleta profissional de voleibol e funcionária, desde 1985, da Prefeitura Municipal de Canoas. Atua há 26 anos no Centro Olímpico Municipal (COM), que oferece programas de atividade física, de esporte, de lazer e escolinhas esportivas à comunidade.


Troféu Destaque



CREF2/RS divulga ganhadores do Troféu Destaque 2015
19/08/2015
Fonte: CREF2/RS

Os vencedores do Troféu Destaque 2015, prêmio que homenageia os melhores profissionais de Educação Física do ano, foram divulgados pelo CREF2/RS. As categorias “Academia”, “Clube ou Sociedade”, “Mérito da Educação Física”, “Profissional do Ano”, “Veículo de Comunicação” e “Personalidade do Ano” foram escolhidos pela Plenária do CREF2/RS. A escolha das demais categorias foi feita por meio de votação no site do Conselho aberta a todos os profissionais de Educação Física registrados e em dia com suas obrigações estatutárias, a partir de lista tríplice, indicada por Comissão ou Câmara Técnica.

O CREF2/RS parabeniza a todos os vencedores e indicados desta edição do Troféu Destaque, que por meio de suas trajetórias vitoriosas ajudam a dignificar nossa Profissão.

Categoria Academia: Academia Sal da Terra (CREF 000009-PJ/RS) – Atuando desde 1987, a Sal da Terra é uma das mais tradicionais academias de Porto Alegre, e o seu trabalho é realizado dentro dos parâmetros profissionais, com quadro de profissionais devidamente registrados no CREF2/RS, contando com excelente infraestrutura.

Categoria Clube ou Sociedade: Grêmio Náutico União (CREF 000505-PJ/RS) – Formação de atletas e investimento no esporte, Top of Mind da revista Amanhã, vencedor por toda sua tradição no esporte e pelas grandes conquistas de seus atletas, nos diversos esportes em que atuam.

Categoria Profissional do Ano: José Anchieta (CREF 000337-G/RS) – Profissional de Educação Física formado na UFRGS e pós-graduado em Dança na PUC/RS, é professor da Graduação do Curso de Educação Física da UNISINOS RS. Ganhou vários prêmios, entre eles o de melhor instrutor internacional de Fitness da Espanha – 1997. Foi criador do Método de Ginástica Afro Aeróbica e autor do livro "Ginástica Afro Aeróbica"

Categoria Mérito da Educação Física: Ivan Fonseca Gallo (CREF 004207-G/RS) – Possui graduação em Educação Física pela UFRGS e especialização em Metodologia do Ensino Superior pela Unisinos. Atualmente é Professor e Técnico da Unisinos e Técnico da Federação Gaúcha de Voley Ball.

Categoria Veículo de Comunicação – RBS TV – Vida e Saúde. Por acompanhar o trabalho de profissionais de Educação Física por meio de entrevistas e reportagens sobre saúde, nutrição, atividade física, beleza e comportamento.

Categoria Personalidade do Ano: Kalil Sehbe Neto – Ex-secretario Estadual do Esporte e do Lazer, militou em prol dos profissionais de Educação Física e de atletas com a criação da Lei Estadual Pró-Esporte de Incentivo ao Esporte Gaúcho. Também coordenou o Comitê Gestor da Copa do Mundo 2014.

Categoria Profissional de Escola: Luis Eurico Kerber (CREF 001203-G/RS) – Graduado pela Feevale e pós-graduado em Ciências da Atividade Física – Aspectos da Medicina do Esporte. Atua na Educação Básica desde 2002 e como professor universitário da Feevale desde 2005. Trabalha também na rede municipal de ensino de Ivoti. Já desenvolveu projetos de atividades físicas de aventura na natureza e de promoção da saúde na escola.

Categoria Profissional de Esporte Educacional: Luiz Afonso Gomes (CREF 000484-G/RS) – Possui graduação pelo IPA, mestrado em Ciências Sociais e especialização em Basquete e em Futebol. É o docente mais antigo do IPA, onde atua desde 1980. Coordena o curso de pós-graduação Futebol e Futsal: do Treinamento à Gestão e atua na área de ensino-aprendizagem em treinamento, performance, avaliação e motivação.

Categoria Profissional de Paradesporto e Atividade Adaptada: Tiago José Frank (CREF 015592-G/RS) – Possui graduação pela UCS e é coordenador do setor de Paradesporto e Lazer Inclusivo da Secretaria Municipal do Esporte e Lazer de Caxias do Sul. Atuou como supervisor do Centro Integrado das Pessoas com Deficiência (CIDEF/UCS) e como técnico da seleção brasileira sub-21 de basquete em cadeira de rodas, tornando-se campeão Parapanamericano em 2013. Dedica-se ao desenvolvimento e promoção de atividades de esporte e lazer para pessoas com deficiência.

Categoria Profissional de Recreação e Lazer: Desire Lacreta Maridakis (CREF 006536-G/RS) – Possui graduação e especialização pelo IPA, é ex-atleta profissional de voleibol e funcionária, desde 1985, da Prefeitura Municipal de Canoas. Atua há 26 anos no Centro Olímpico Municipal (COM), que oferece programas de atividade física, de esporte, de lazer e escolinhas esportivas à comunidade.


Troféu Destaque



Troféu Destaque 2015 abre votação na próxima quarta-feira
09/07/2015
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS, com o objetivo de apoiar e valorizar os profissionais e estabelecimentos registrados no Conselho, está realizando mais uma edição do Troféu Destaque, em comemoração ao Dia do Profissional de Educação Física, celebrado em 1º de setembro. A votação ocorrerá de maneira online, pelo site do Conselho, entre os dias 15 de julho e 9 de agosto. A votação será aberta nas seguintes categorias, com os profissionais concorrentes abaixo:

Categoria Profissional de Escola:

GABRIEL LUIS DE ABREU (CREF 014587-G/RS)
Possui graduação pela UCS e, desde 2010, é professor da rede municipal de Farroupilha, onde atua na Escola de Ensino Fundamental Antonio Minella e treina o time feminino mirim de futsal do colégio. Trabalha também na rede municipal de Caxias do Sul, na Escola Renato João Cesa.

LUIS EURICO KERBER (CREF 001203-G/RS)
Possui graduação pela Feevale e pós-graduação em Ciências da Atividade Física – Aspectos da Medicina do Esporte. Atua na Educação Básica desde 2002 e como professor universitário da Feevale desde 2005. Trabalha também na rede municipal de ensino de Ivoti. Já desenvolveu projetos de atividades físicas de aventura na natureza e de promoção da saúde na escola.

VIRGINIA ROLIM WOLFFENBUTTEL (CREF 000055-G/RS)
Possui graduação pela UFRGS e atua na Educação Física escolar há 30 anos. Na Escola Estadual Mariz e Barros, em Porto Alegre, coordena há mais de 10 anos a equipe de handebol masculino Jovem Talentos, que já participou e venceu diversos campeonatos municipais e estaduais.

Categoria Profissional do Esporte Educacional:

JORGE LUIZ BRANDLI FERNANDES (CREF 001674-G/RS)
Possui graduação pela UFSM e mestrado em Ciência do Movimento Humano. É técnico de handebol das equipes Margaria Lopes/ASH e ASH/Praxis AS e professor do curso de Educação Física da Ulbra Santa Maria. Possui também experiência como atleta profissional e árbitro de handebol.

LUIZ AFONSO GOMES (CREF 000484-G/RS)
Possui graduação pelo IPA, mestrado em Ciências Sociais e especialização em Basquete e em Futebol. É o docente mais antigo do IPA, onde atua desde 1980. Coordena o curso de pós-graduação Futebol e Futsal: do Treinamento à Gestão e atua na área de ensino-aprendizagem em treinamento, performance, avaliação e motivação.

RICARDO BASTOS SIKILERO (CREF 002835-G/RS)
Possui graduação pela UFRGS e especialização em Gestão no Esporte. É coordenador de esportes e professor do Colégio La Salle São João, de Porto Alegre, e da Secretaria de Educação do Rio Grande do Sul, onde é responsável pela organização dos Jogos Escolares (JERGS – 1ª CRE). Como técnico desportivo, já atuou no Lindóia Tênis Clube, na Associação Leopoldina Juvenil, no Grêmio Náutico Gaúcho e no Teresópolis Tênis Clube.

Categoria Profissional de Paradesporto e Atividade Adaptada:

FABIANE PEREIRA PÓVOA (CREF 008729-G/RS)
Possui graduação pela Ulbra e especialização em Arte, Corpo e Educação. É professora de dança em cadeira de rodas, desde 2013, da Escola Paralímpica Gaúcha, vinculada ao RS Paradesporto. Já atuou no Centro de Estudos da Atividade Motora Adaptada, da Ulbra, e na Associação Canoense de Deficientes Físicos. Desde 2014, trabalha também na APAE Eldorado, com dança e Educação Física adaptada.

FELIPE DE OLIVEIRA MOTTA (CREF 006765-G/RS)
Possui graduação pela UFPel e é professor da Escola de Educação Especial José Alvares de Azevedo, em Rio Grande, que atende deficientes visuais. É técnico de atletismo pelo Comitê Paralímpico Brasileiro e já participou de três Paralimpíadas Escolares: duas como treinador da equipe de atletismo do Rio Grande do Sul e uma como staff de goalball do Estado.

TIAGO JOSÉ FRANK (CREF 015592-G/RS)
Possui graduação pela UCS e é coordenador do setor de Paradesporto e Lazer Inclusivo da Secretaria Municipal do Esporte e Lazer de Caxias do Sul. Atuou como supervisor do Centro Integrado das Pessoas com Deficiência (CIDEF/UCS) e como técnico da seleção brasileira sub-21 de basquete em cadeira de rodas, tornando-se campeão Parapanamericano em 2013. Dedica-se ao desenvolvimento e promoção de atividades de esporte e lazer para pessoas com deficiência.

Categoria Profissional de Recreação e Lazer:

DESIRE LACRETA MARIDAKIS (CREF 006536-G/RS)
Possui graduação e especialização pelo IPA, é ex-atleta profissional de voleibol e funcionária, desde 1985, da Prefeitura Municipal de Canoas. Atua há 26 anos no Centro Olímpico Municipal (COM), que oferece programas de atividade física, de esporte, de lazer e escolinhas esportivas à comunidade.

JAIME ZORZI (CREF 000207-G/RS)
Possui graduação e pós-graduação pela UFRGS e experiência de mais de 30 anos na Secretaria Municipal de Educação e na Secretaria Municipal de Esportes, Recreação e Lazer de Porto Alegre. Foi coordenador do Parque Ramiro Souto, na Redenção, que oferece diversas atividades à população, como brinquedoteca, caminhadas orientadas e ginástica.

REJANE PENNA RODRIGUES (CREF 002150-G/RS)
Possui graduação pela Escola Superior de Educação Física de Cachoeira do Sul e foi, durante três gestões, secretária de Esportes, Recreação e Lazer de Porto Alegre. É ex-secretária Nacional do Desenvolvimento de Esporte e de Lazer, vinculada ao Ministério do Esporte, e ex-diretora de operações e serviços da Autoridade Pública Olímpica, no Rio de Janeiro.


CREF2 RS



Câmara Técnica do CREF2/RS avalia IV Fórum de Educação Física Escolar
29/06/2015
Fonte: CREF2/RS

A Câmara de Educação Física Escolar do CREF2/RS realizou reunião nesta última sexta-feira (26) com a presença de sua presidente Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), Lauro Aguiar ((CREF 002782-G/RS), João Guilherme Queiroga (CREF 000839-G/RS ), Marcia Rohr da Cruz (CREF 007542-G/RS) e a assessora do vereador de Porto Alegre Professor Garcia (CREF 000002-G/RS), Kyria Soares.

Na ocasião, foi apresentada a avaliação do IV Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar, realizado em Capão da Canoa neste ano. A próxima edição do Fórum está programada para 2017, e durante este intervalo serão feitas as divulgações do documento do CONFEF sobre Recomendações da Educação Física Escolar e do documento da UNICEF sobre a Educação Física Escolar em todo o estado, bem como será realizado o anúncio das prefeituras que receberão o prêmio Cidade Amiga da Educação Física Escolar.


Educação Física Escolar



Câmara Técnica de Esportes de Aventura reúne-se com empresa de montanhismo
16/06/2015
Fonte: CREF2/RS

O secretário da Câmara Técnica de Esportes de Aventura Marco Aurélio Scharcow (CREF 002463-G/RS) reuniu-se, na última sexta-feira (12/06), com Orlei Silveira Resende Júnior(CREF 003579-G/RS), proprietário da Mundo Vertical, empresa que desde 1995 opera com montanhismo, escalada em rocha, indoor e rapel no sul do Brasil. O objetivo do encontro foi traçar estratégias para uma maior divulgação dos esportes radicais no Estado, desenvolvendo oportunidades de negócio em todo o Rio Grande do Sul.

“É fundamental atuarmos em sintonia com o Conselho na divulgação dos cases de sucesso, sempre ressaltando o trabalho de profissional de Educação Física como imprescindível para a prática segura desta atividade”, explicou Resende Jr. Já Scharcow afirmou que a Câmara irá em breve entrar em contato com prefeituras dos municípios onde ocorram esportes de aventura, além de prospectar locais alternativos para a prática da atividade. “Com isto, novos roteiros e parcerias deverão ser criados, reforçando a cooperação técnica com as prefeituras e o fortalecendo as estratégias conjuntas para o desenvolvimento de políticas do setor de turismo e esportes radicais. Isto também trará diversificação das economias locais, inclusive com a aproximação dos proprietários rurais e donos de pousadas”, avaliou.


Esportes Radicais



Business Conference aborda avaliação física e gestão administrativa na Convenção Brasil
15/06/2015
Fonte: CREF2/RS

Uma parceria do CREF2/RS com a Convenção Brasil 2015 proporcionou gratuitamente neste sábado (13), na PUCRS, o evento Business Conference, levando aos profissionais de Educação Física e às Pessoas Jurídicas as palestras "Avaliação Física no Contexto das Academias", ministrada pelo conselheiro federal do CONFEF Emerson Garcia (CREF 000046-G/MG); e "Saúde Financeira: Alerta Máximo", realizada por Christian Munaier (CREF 041884-P/SP), sócio-consultor da 4GOAL e colunista do canal ESPN. O intuito do evento foi o aprimoramento da gestão das academias, já que dados da Associação da Academias do RS (ACAD RS)indicam que 90% dos proprietários não têm formação na área de gestão administrativa, bem como a aproximação do profissional de Educação Física com o mundo dos negócios e com suas entidades representativas institucionais.

Conselheiro do CONFEF, doutorado pela Universidade da Florida (EUA) e atualmente professor da Universidade Federal do Maranhão, Garcia iniciou seu trabalho com a avaliação física na década de 70, junto à seleção de esquiadores dos EUA, por ocasião do seu trabalho de mestrado. Ele explicou em sua palestra que nesta época o conceito de avaliação física era muito difuso no Brasil. "Trouxe esta experiência para o país nos meados daquela década, implantando primeiramente em uma academia em Belo Horizonte. Foi um período em que a experiência se deu principalmente no sudeste brasileiro”. Mesmo passados mais de 40 anos, o conselheiro ainda vê um nicho que as academias não exploram: a estrutura de atendimento ao esporte. “No Maranhão, tentamos suprir isto com uma parceria entre a UFMA e o Governo do Estado para atender a população. A evolução foi grande, pois já temos exames modernos como a termografia, usada na detecção de lesões".

“Para normatizarmos avaliação física, o CONFEF criou a nota técnica N° 002/2012, com o título “A avaliação física em programas de exercícios físicos e desportivo”, disse Garcia, explicando que a divulgação da nota derivou da demanda de muitas prefeituras por atestados médico para todos praticantes de exercício físico, pelo descaso de alguns profissionais, pela falsa sensação que os mesmos tinham de que o atestado iria isentá-los de suas responsabilidades e de diversos questionamentos ao CONFEF sobre as competências do profissional de Educação Física. As informações contidas nesta nota se fundamentam nas diretrizes do Colégio Americano de Medicina Esportiva (ACSM) e no livro “Recomendações sobre condutas e procedimentos do Profissional de Educação Física na atenção básica à saúde”, publicado pelo CONFEF em 2011.

Segundo a nota, a avaliação física é um procedimento essencial do trabalho do profissional de Educação Física e objetiva reunir elementos para fundamentar a sua decisão sobre o método, tipo de exercício e demais procedimentos a serem adotados para prescrição de exercício físico e desportivo. Este procedimento deve ser amplo e sistemático e de acordo com os objetivos e as características do beneficiário, pode ser composta por anamnese completa, análise dos fatores de risco para coronariopatia, classificação de risco, verificação dos principais sintomas ou sinais sugestivos de doença cardiovascular e pulmonar, medidas antropométricas, testes neuromotores, avaliação metabólica, avaliação cardiorrespiratória e avaliação postural.

Garcia também debateu as mortes de três jovens ocorridas recentemente em academias de Florianópolis. “Um médico avaliou os acontecimentos como exceções, fatos inevitáveis. Contudo, verificou-se que as academias estavam com várias irregularidades no seu funcionamento. Ou seja, se acontecer uma fatalidade, e estivermos totalmente na legalidade, não haverá brecha legal para sermos penalizados". Quanto a casos de óbito em academia, o conselheiro disse que seria sempre prudente a realização de exames toxicológicos nos corpos, o que muitas vezes não é permitido pela família.

Outro fenômeno interessante abordado pelo conselheiro foi o aumento da procura de atividade física indicada por médicos. “Até 2011, o número de pessoas que buscavam atividade física por indicação médica era muito pequeno. Hoje, há 69% de indicação médica. Temos, porém, uma demanda muito diferente. Por exemplo: duas pessoas de mesma idade com 5% de gordura e VO2 diferentes”. O conselheiro aprova a exigência do exame médico, mas admite a falta de médicos como empecilho para atender os pacientes. "Se todos as pessoas que demandarem atividade física exigirem atestados, as filas não iriam ter fim", quantifica.

Já Christian Munaier alertou para a pouca troca de informações no mercado de fitness e pela gestão financeira amadora das academias. “Qual o percentual que vocês destinam à folha de pagamento, com os devidos aprovisionamentos? Quando temos estes dados, temos um bom checkup econômico. A questão da gestão financeira começa com o entendimento de tudo o que está a nossa volta”, analisa. O consultor previu o cenário econômico nacional com retração do PIB e do consumo em relação a 2014. “Ao mesmo tempo, o mercado de atividades físicas está aumentando. Até bem pouco tempo, tínhamos 1,8% de cada brasileiro fazendo atividade física orientada. Em 2014, nós dobramos este número, com 30.767 empresas atuando no segundo maior mercado no mundo. Já os EUA são os primeiros, com 50 milhões de praticantes de atividades físicas”, avalia.

Munaier vê nosso mercado como incipiente, com um longo caminho a percorrer para se tornar maduro. Ele sugeriu o incremento dos eventos realizados nas academias, especialmente nos momentos com baixa expectativa econômica, visando aumentar a rentabilidade. “Sua empresa também pode ser uma importante plataforma de divulgação de outras empresas”, exemplificou. “Em época de pouca procura por nossos serviços, temos que estimular os clientes a comprar planos de mais longa duração, para que possamos ter uma melhor programação. Fica o questionamento: qual a última campanha que as academias fizeram em conjunto para estimular a prática atividade física de forma orientada? Nós temos um mercado sedentário”, sentencia.

Por fim, Munaier propôs tornar a avaliação física como uma ferramenta estratégica no aumento da receita e da segurança do seu cliente. “Transforme esta avaliação em algo desejável pelo cliente, apresentando o profissional de Educação Física com o o indicado para orientá-lo a alcançar seus objetivos, por meio dos seus conhecimentos técnicos, embasamentos científicos, bem como uma atitude humanística na transmissão de conhecimento", incentivou Christian. Ele orienta aos seus gestores que incluam a avaliação física dentro de um pacote de serviços das academias chamado orientação para resultado. "Criem produtos em torno deste poderoso instrumento de trabalho. Mensurem o índice de reavaliações e novas consultas nutricionais. Tenham sempre em vista um indicador de performance", concluiu.


Convenção Brasil Business Conference



CREF2/RS palestra no Seminário Municipal de Formação em Gestão Esportiva de Cachoeirinha
28/04/2015
Fonte: CREF2/RS

Na manhã de ontem (27), a presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) palestrou no Seminário Municipal de Formação em Gestão Esportiva, promovido pela Secretaria de Esporte e Lazer de Cachoeirinha. O evento, realizado na Câmara de Vereadores do município, contou com a presença de profissionais de Educação Física e de demais servidores da Prefeitura, das mais diferentes áreas.

Em sua apresentação, Carmen falou sobre os benefícios da atividade física. De maneira bastante didática e interativa, a presidente do CREF2/RS conversou com os presentes sobre os maiores problemas de saúde da atualidade, como as doenças cardiovasculares, e a relação destas com o exercício físico. "Atividade física é importante para a prevenção e para a reabilitação", explicou. "Além disto, melhora a autoestima, o relacionamento interpessoal e qualidade do sono".




Conselho e Prefeitura de Caxias do Sul assinam termo de cooperação
23/04/2015
Fonte: CREF2/RS

Na tarde de ontem (22), representantes da Prefeitura de Caxias do Sul estiveram no CREF2/RS para reunião com a presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS). O objetivo do encontro foi firmar termo de cooperação, em que a Secretaria de Esporte de Lazer de Caxias do município se compromete em exigir que todos que atuam na condição de profissional de Educação Física possuam registro junto ao Conselho.

Estiveram presentes na reunião Jó Arse, secretário de Esporte e Lazer de Caxias do Sul; Gabriel Citton (CREF 008763-G/RS), membro do Conselho Municipal do Desporto de Caxias do Sul; Kalil Sehbe, ex-secretário estadual de Esporte e Lazer; e Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), coordenadora do Departamento de Fiscalização e Orientação. Como salientou Arse, o termo de cooperação, além de aproximar a administração do município e Conselho, é também forma de garantir a qualidade dos serviços prestados pela Secretaria de Esporte de Lazer. "O grande ganho é a qualificação, em todos os projetos que desenvolvemos", afirmou.




Prefeitura de Porto Alegre promove Dia Mundial da Saúde e da Atividade Física nesta quarta-feira
13/04/2015
Fonte: CREF2/RS

Em parceria com Ministério da Saúde e com o Governo do Estado, a Prefeitura de Porto Alegre realiza, nesta quarta-feira (15), ação comemorativa ao Dia Mundial da Saúde e da Atividade Física, celebrados oficialmente em 6 e 7 de abril, respectivamente. A atividade será gratuita, das 10h às 18h, no Largo Glênio Peres, no centro da cidade.

A Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Estado do Rio Grande do Sul (Fórum-RS) também vai participar do evento. No espaço destinado ao CREF2/RS, serão concedidas informações à população sobre a importância da atividade física e do exercício orientado por profissional habilitado. Além disso, outras atividades vão completar a programação, como apresentação de teatro e aulas de alongamento, dança e ginástica terapêutica.

Dia Mundial da Saúde e da Atividade Física
Quarta-feira, dia 15 de abril
Horário: das 10h às 18h
Local: Largo Glênio Peres (em frente ao Mercado Público), no centro de Porto Alegre




4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar discute PLC 116/2013 e lança livro em Capão da Canoa
30/03/2015
Fonte: CREF2/RS

Na última sexta-feira (27), a Câmara Técnica de Educação Física Escolar do CREF2/RS realizou o 4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar, em Capão da Canoa. O evento, que integrou a programação do 41º Encontro Nacional dos Profissionais de Educação Física (ENAPEF), promovido pela APEF/RS, contou com a palestra de Lúcio Rogério dos Santos (CREF 000001-G/DF) e serviu também para o lançamento oficial do livro "Recomendações para a Educação Física Escolar".

Na abertura, as autoridades presentes salientaram a importância do Rio Grande do Sul para a regulamentação da profissão, no final dos anos 90, e de eventos como o Fórum para a aproximação dos profissionais que atuam na Educação Física Escolar. Além de Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do CREF2/RS; Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), presidente da Câmara Técnica de Educação Física Escolar; Álvaro Laitano (CREF 000006-G/RS), presidente da APEF/RS, José Anchieta (CREF 000337-G/RS), representando o SINPEF-RS; e Paulo Rezende (CREF 001298-G/RS), da Secretaria de Educação Rio Grande do Sul; também discursaram.

Em nome do CONFEF, Lúcio Rogério, fundador do CREF7/DF, falou em sua apresentação sobre o movimento pela regulamentação da profissão em todo o Brasil, em 1998, e sobre as ações que o Sistema CONFEF/CREFs lidera pela valorização do profissional de Educação Física até hoje. "É importante que a sociedade e as autoridades reconheçam a nossa importância", salientou. "Os conselhos trabalham neste sentido. Se a profissão não tivesse sido regulamentada, acredito que ela nem existiria mais", completou.

Além disto, a discussão do PLC 116/2013 também foi levada ao conhecimento do público que lotou o auditório da Prefeitura de Capão da Canoa durante o evento. Lúcio Rogério falou sobre a fragilidade da resolução do MEC, que não torna obrigatória a presença do profissional de Educação Física nas séries iniciais, e sobre como a Lei de Diretrizes e Bases da Educação precisa ser modificada para garantir esta presença. "Não é ilegal não ter profissional na Educação Básica, a disciplina pode ser ministrada por professores de outras áreas. Mas a questão não é garantir o nosso mercado de trabalho, é garantir o mínimo de qualidade do ensino no Brasil", comentou.

No final da palestra, Lúcio Rogério apresentou o livro "Recomendações para a Educação Física Escolar", que foi entregue a todos que compareceram ao Fórum. O CREF2/RS foi o primeiro Conselho Regional a lançar a obra, organizada pelo Sistema CONFEF/CREFs no ano passado. Com a proposta de constituir um instrumento norteador para a intervenção profissional responsável e qualificada no ambiente escolar, Lúcio Rogério frisou o caráter coletivo do documento, produzido pela Comissão de Educação Física Escolar (CEFE) do CONFEF com a colaboração de inúmeros conselheiros federais e regionais. "O livro é também um convite para que todos participem do processo. Temos que qualificar a Educação Física como um todo, começando pela Educação Física Escolar", destacou.

Miryam encerrou o evento revelando o próximo passo da Câmara Técnica de Educação Física Escolar, que é distribuir agora um exemplar do "Recomendações para a Educação Física Escolar" para cada uma das escolas da rede pública do Estado. A obra já está à disposição para download também no site do CONFEF. Para baixá-la, clique aqui.




ENAPEF inicia nesta quinta-feira com cursos e atendimento do CREF2/RS em Capão da Canoa
24/03/2015
Fonte: CREF2/RS

Entre quinta (26) e a próxima segunda-feira (29), o CREF2/RS vai participar do 41º Encontro Nacional dos Profissionais de Educação Física (ENAPEF). O evento, promovido pela APEF/RS, será realizado no Ginásio Municipal de Esportes de Capão da Canoa, onde o Conselho vai ter estande para prestar atendimento aos participantes do evento.

Com ampla programação para aperfeiçoamento e atualização profissional, a APEF/RS oferece 10% de desconto aos profissionais registrados no CREF2/RS nos cursos e atividades do ENAPEF. O cronograma completo e a ficha de inscrição estão disponíveis aqui.

Além disto, o evento terá em sua programação o 4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar, no dia 27 de março, sexta-feira, às 14h. A atividade vai contar com palestra de Lúcio Rogério dos Santos (CREF 000001-G/DF) e servirá também para promover o livro "Recomendações para a Educação Física Escolar". O CREF2/RS é o primeiro Conselho Regional a lançar a obra organizada pelo Sistema CONFEF/CREFs. O Fórum é promovido pela Câmara Temática de Educação Física Escolar do CREF2/RS e tem entrada gratuita.

4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar
27 de março, sexta-feira, às 14h
Local: Auditório da Prefeitura de Capão da Canoa, em Capão da Canoa (RS)
Endereço: Av. Paraguassú, 1881 – Centro
Inscrições gratuitas no local




4º Fórum de Mobilização pela Educação Física Escolar é nesta sexta-feira em Capão da Canoa
23/03/2015
Fonte: CREF2/RS

O 4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar será realizado nesta sexta-feira (27), em Capão Canoa. O evento, que integra a programação do 41º Encontro Nacional dos Profissionais de Educação Física (ENAPEF), é promovido pela Câmara Temática de Educação Física Escolar do CREF2/RS e tem entrada gratuita.

Com palestra de Lúcio Rogério dos Santos (CREF 000001-G/DF), o Fórum abordará questões como o atendimento da Educação Física Escolar nas séries inicias e o PLC 116/2013, projeto de lei que torna obrigatória a presença do profissional de Educação Física na Educação Básica. Além disto, o evento servirá também para lançar o livro "Recomendações para a Educação Física Escolar". O CREF2/RS vai ser o primeiro Conselho Regional a promover a obra organizada pelo Sistema CONFEF/CREFs, que será distribuída aos presentes.

4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar
27 de março, sexta-feira, às 14h
Local: Auditório da Prefeitura de Capão da Canoa, em Capão da Canoa (RS)
Endereço: Av. Paraguassú, 1881 – Centro
Inscrições gratuitas no local




Capão da Canoa recebe 4º Fórum de Mobilização pela Educação Física Escolar
25/02/2015
Fonte: CREF2/RS

O 4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar será realizado no dia 27 de março, em Capão Canoa. O evento, que integra a programação do 41º Encontro Nacional dos Profissionais de Educação Física (ENAPEF), é promovido pela Câmara Temática de Educação Física Escolar do CREF2/RS e tem entrada gratuita.

Com palestra de Lúcio Rogério dos Santos (CREF 000001-G/DF), o Fórum abordará questões como o atendimento da Educação Física Escolar nas séries inicias e o PLC 116/2013, projeto que lei que torna obrigatória a presença do profissional de Educação Física na Educação Básica. Além disto, o evento servirá também para lançar o livro "Recomendações para a Educação Física Escolar". O CREF2/RS vai ser o primeiro Conselho Regional a promover a obra organizada pelo Sistema CONFEF/CREFs, que será distribuída aos presentes.

4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar
27 de março, sexta-feira, às 14h
Local: Auditório da Prefeitura de Capão da Canoa, em Capão da Canoa (RS)
Endereço: Av. Paraguassú, 1881 – Centro
Inscrições gratuitas no local




ENAPEF oferece cursos de aperfeiçoamento e leva atendimento do CREF2/RS para Capão da Canoa
12/02/2015
Fonte: CREF2/RS

Entre os dias 26 e 29 de março, o CREF2/RS vai participar do 41º Encontro Nacional dos Profissionais de Educação Física (ENAPEF). O evento, promovido pela APEF/RS, será realizado no Ginásio Municipal de Esportes de Capão da Canoa, onde o Conselho vai ter estande para prestar atendimento aos participantes do evento e aos visitantes da Feira. O agendamento dos serviços poderá ser feito em breve pela página do CREF2/RS.

Com ampla programação para aperfeiçoamento e atualização profissional, a APEF/RS oferece 10% de desconto aos profissionais registrados no CREF2/RS nos cursos e atividades do ENAPEF. O cronograma completo e a ficha de inscrição estão disponíveis neste link.

Além disto, o evento terá em sua programação o 4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar, no dia 27 de março, sexta-feira, às 14h. A atividade vai contar com palestra de Lúcio Rogério dos Santos (CREF 000001-G/DF) e servirá também para promover o livro "Recomendações para a Educação Física Escolar". O CREF2/RS é o primeiro Conselho Regional a lançar a obra organizada pelo Sistema CONFEF/CREFs. O Fórum é promovido pela Câmara Temática de Educação Física Escolar do CREF2/RS e tem entrada gratuita.

4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar
27 de março, sexta-feira, às 14h
Local: Auditório da Prefeitura de Capão da Canoa, em Capão da Canoa (RS)
Endereço: Av. Paraguassú, 1881 – Centro
Inscrições gratuitas no local




Troféu Mérito Esportivo premia destaques de 2014 em Caxias do Sul
18/12/2014
Fonte: Prefeitura de Caxias do Sul

A Prefeitura de Caxias do Sul, por meio da Secretaria do Esporte e Lazer (SMEL) e do Conselho Municipal do Desporto (CMD), realizou na segunda-feira (15) a entrega do Troféu Mérito Esportivo 2014. A presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) esteve presente na cerimônia, que teve como objetivo homenagear personalidades e entidades esportivas caxienses que se destacaram durante o ano.

Para Jó Arse, secretário municipal do Esporte de Lazer, a cidade pode ser intitulada a capital estadual do esporte. "Se somados os resultados dos JIRGS 2014, Caxias do Sul seria a grande campeã. Isso é a comprovação de todo trabalho realizado e dedicação dos profissionais que são disseminadores do esporte caxiense".

A premiação, com troféus e certificados, foi entregue em sete categorias: Educacional, Especial, Base, Rendimento, Técnico, Comunitário e Administrativo. A escolha foi feita a partir de indicação dos nomes pelos representantes das entidades que compõem o CMD. A lista completa com os vencedores pode ser acessada aqui.

Foto: Morgana Perini/Prefeitura de Caxias do Sul




CREF2/RS em Revista: a gravidade da obesidade infantil
18/11/2014

Reportagem publicada originalmente no CREF2/RS em Revista nº 7. A publicação pode ser lida na íntegra aqui.

A obesidade é considerada hoje uma epidemia. De acordo com pesquisa publicada pela revista científica Lancet, em maio deste ano, aproximadamente 2,1 bilhões de pessoas estão acima do peso no mundo inteiro. O número não para de crescer e já é motivo de preocupação entre os cientistas. Se em 1980 eram "apenas" 875 milhões de indivíduos nesta faixa, a instituição norte-americana National Survey Data prevê que em 2030 51,1% da população do planeta – porcentagem estimada em cerca de 4 bilhões de seres humanos – será formada por pessoas com excesso de peso.

"A obesidade está relacionada com as maiores pandemias modernas, como depressão, alguns tipos de câncer, diabetes e doenças cardiovasculares", salienta Amélio Matos, médico do Instituto de Diabetes e Endocrinologia do Rio de Janeiro, no documentário "Muito Além do Peso". Se os números atuais e a perspectiva para o futuro já são motivo de atenção entre os adultos, o quadro se torna ainda mais preocupante quando é avaliada apenas a população infantil. No Brasil, em 1989, 4,1% dos meninos de 5 a 9 anos foram classificados como obesos, segundo pesquisa realizada pelo IBGE. Os dados do mesmo estudo, feito em 2008 e 2009, apontaram que 16,6% desta população apresentava o mesmo problema. O índice registrou, portanto, que a obesidade infantil aumentou 300% só nos últimos 20 anos. Por quê?

"A obesidade é o distúrbio mais comum na infância hoje e, na minha opinião, o fato de ter aumentado tanto nos últimos anos está associado às mudanças no estilo de vida da população", avalia Rafael Gambino (CREF 009460-G/RS), professor de Educação Física da Prefeitura Municipal de Esteio e mestre em Ciências do Movimento Humano. "A má alimentação e o consumo exagerado de alimentos hipercalóricos, associada às rotinas apressadas das famílias, são fatores responsáveis pelo excesso de peso e colaboram para agravar o problema", completa.

E não é só isso. As crianças deixaram de brincar como antigamente e praticar esportes. Para elas, hoje em dia, o lazer é muito mais sinônimo de computador e videogame do que de atividade ao ar livre. "O exercício físico ficou em segundo plano, porque falta espaços apropriados, há violência e falta de segurança. Além disto, os pais não têm tempo para levar os filhos para brincar", explica Fabiani da Silveira (CREF 002949-G/RS), professor de Educação Física dos colégios Farroupilha e Sinodal do Salvador, ambos em Porto Alegre. "A atividade física deve andar paralela às demandas diárias, como a escola. Uma não exclui a outra, muito pelo contrário. O estudo e o exercício físico são fundamentais para a formação de nossas crianças".

ATIVIDADE FÍSICA NO AMBIENTE ESCOLAR

A rotina apressada dos pais passa para a escola parte da responsabilidade de incentivar a prática de atividade física e de tornar isto frequente no dia a dia das crianças. "O professor de Educação Física tem que mostrar que exercício é importante para a vida toda. A base da saúde está relacionada a ter hábitos saudáveis", explica Luiz Fernando Kruel (CREF 002211-G/RS), professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e coordenador do Grupo de Pesquisa em Atividades Aquáticas e Terrestres (GPAT)."O único profissional da área da saúde que atua regularmente junto às crianças em idade escolar é o profissional de Educação Física. Muitos não se dão conta disto", reforça.

Para muitas crianças, a aula de Educação Física é o único momento da semana em que é praticado algum tipo de exercício. Por isto, "o professor deve estimular o interesse do aluno com aulas dinâmicas, intensidades adequadas e, principalmente, promovendo a inclusão das crianças com sobrepeso e obesidade nas aulas", defende Adriane Vanni (CREF 003918-G/RS), professora do curso de Educação Física da URI – Campus Erechim. Kruel vai mais além e mostrar que a situação é ainda mais complexa. "Para elas, a obesidade pode ser só um problema estético e social, mas no contexto escolar atrapalha muito. Os estudos mostram que compromete o desempenho em aula e as crianças acabam sendo marginalizadas também. A questão do bullying é muito presente e precisa ser bem administrada em aula", explica.

Por esta perspectiva, o profissional de Educação Física passa a ser mais do que apenas o professor responsável pela disciplina. "Ele deve ser o ponto central deste processo, deixando claro para o aluno os benefícios da prática esportiva a favor da saúde e contra os problemas ocasionados pelo sedentarismo e pela obesidade", salienta Bettega Lopes (CREF 020725-G/RS), pesquisador e mestre em Fisiologia. "O papel da Educação Física é estimular nas crianças o gosto pela prática, de formas e maneiras diversas, contemplando o maior número de estímulos diferentes. A vida saudável e equilibrada decorre da boa iniciação que, basicamente, começa na escola com o profissional da área", complementa Silveira.



DOENÇAS DE ADULTOS

O GPAT, em trabalho feito em 2009, avaliou a evolução de crianças com sobrepeso, de sete a dez anos de idade, da rede municipal de Porto Alegre. O índice piorou com o passar do tempo, quando a amostra atingiu a faixa de 11 a 14 anos. "Elas saíram da infância e foram para a adolescência em quadro muito preocupante. O nível de obesidade, que era 25%, passou a ser 50% grave", relata Kruel. A síndrome metabólica, que era antes considerada doença apenas de idosos, passou a ser vista, pela primeira vez, também entre as crianças. "Nós começamos a achar alguns dados alarmantes. Além de hipertensos, a concentração de insulina no sangue ficava em 22,5 mg/DL, quando o normal é de aproximadamente 10 mg/dL. Isto sobrecarrega o pâncreas de maneira assustadora, levando ao que podemos classificar como diabetes tipo 2".

Como é possível perceber, os números apresentados relataram problema de saúde muito grave. A criança, já hipertensa, começa a ter resistência à insulina, o que passa a configurar quadro de síndrome metabólica na adolescência. Das crianças obesas analisadas pelo GPAT, 51% já tinham três ou mais fatores de risco. Se o ponto de corte é diminuído para um, a taxa passa a ser superior a 90%. "A gente não vê ninguém tratando isto. Nem na escola, que seria responsabilidade da Secretaria de Educação, nem nos postos de saúde", critica Kruel. "O que seria ideal? O trabalho conjunto para reverter este quadro. A gente percebe que estas crianças são todas sedentárias. A aula de Educação Física não é adaptada para que têm obesidade", complementa.

Para Kruel, o que é preciso diminuir são os problemas causados pelo sedentarismo. Não há dúvidas de que os fatores de risco podem ser amenizados com atividade física. "A importância do profissional de Educação Física é muito grande, principalmente daquele que atua na escola", explica. "O que a gente vê é a criança obesa que, por causa do bullying e de outras coisas, abandona a atividade física e passa a ser ainda mais sedentária. Nós tivemos conquista muito grande, principalmente em Porto Alegre, quando foi aprovada lei municipal que obriga a presença do profissional de Educação Física nas séries iniciais. Nós temos agora que dar um passo adiante e oferecer formação adequada e especializada para este profissional, para que ele saiba lidar com isto".

Por mais que a criança passe boa parte do dia na escola, a responsabilidade pelo combate à obesidade precisa ser estendida também aos pais, que devem se portar como exemplo. "Os adultos precisam, com urgência, rever suas posturas frente a estas questões básicas que fazem parte da formação inicial das crianças", analisa Silveira. "Prevenir é a palavra-chave. Oferecer estrutura básica, como boa alimentação e acompanhamento médico, além de espaços para brincadeiras, convívio social e exercício físico, é contribuição fundamental que deve vir de casa". "A família é a base para a mudança no estilo de vida. A criança que vive em ambiente onde todos agem de forma desregulada e desregrada tende a se incluir nesta rotina", complementa Gambino.

ALIMENTAÇÃO

Não é só o sedentarismo que preocupa os pesquisadores e profissionais de Educação Física. A alimentação das crianças também tem sido objeto de estudo de nutricionistas. "O que mais assusta é a oferta inadequada e precoce de doces, guloseimas e alimentos com alto teor de sódio e gordura, como salgadinhos, bolachas recheadas e sucos artificiais", analisa Ana Carolina Terrazan (CRN2 8330), nutricionista da Clínica Nutriossoma e especialista em Nutrição Infantil. "Em muitos casos, as famílias demoram a entender que a alimentação correta desde o princípio, ou seja, desde a gestação, é fundamental para a saúde da criança", complementa.

A nutricionista Camila Vargas (CRN2 8264) acredita que o ambiente escolar colabora também de outra maneira no controle da obesidade infantil. "A escola poderia inserir a disciplina de Educação Nutricional desde as séries iniciais. Trabalhos educativos que envolvam o tripé nutrição, saúde e doença pode conscientizar e elucidar a importância de se manter bons hábitos alimentares", defende. "É possível criar formas de incentivar isto, buscando envolver a criança no contexto da alimentação saudável, sempre associando à atividade física".



POSSÍVEIS SAÍDAS

Há diversas alternativas para amenizar – ou até mesmo solucionar – o problema da obesidade infantil no país. "Acredito, que o primeiro passo, antes de tudo, é pensarmos de que forma isto pode ser contido, para não nos depararmos mais com esta realidade que a cada dia é mais frequente", explica Lopes. O estímulo da prática esportiva é consenso entre todos os profissionais de Educação Física. "Não só em casa, mas também nas escolas, como forma de instituir hábitos e costumes mais sudáveis, como forma de prevenção aos inúmeros problemas que são consequência do sedentarismo", complementa.

Além disto, o combate à obesidade não pode começar apenas quando o aparecimento de doenças cardiovasculares, como a hipertensão, se torna quadro inevitável. "A questão que penso ser mais pertinente é: como prevenir?", alerta Silveira. "As nossas crianças necessitam de muito mais atenção em todos os aspectos, afinal, elas não são responsáveis por elas mesmas", complementa. A opinião é compartilhada por Gambino. "A principal prevenção é a manutenção do peso que, no caso das crianças, deve se dar com alimentação adequada associada à prática de atividade física regular. As crianças precisam se movimentar".

Para Ana Carolina, é possível criar formas de incentivar a boa alimentação também entre os pais. "Informação é sempre a melhor estratégia e mostrar os resultados também é importante. Os familiares gostam muito de ver que o esforço e as mudanças realmente fizeram diferença", explica. A conscientização dos pais é importante também na visão de Kruel, já que muitos não conseguem enxergar o problema dos filhos. "Em nossa pesquisa, das 213 mães que tinham filhos obesos, só 50 os viam nesta condição. Muitas classificaram como normal ou abaixo do peso", revela. "Os adultos, geralmente, têm dificuldade de aceitar que a criança precisa emagrecer. Nós temos notado isto. Em alguns casos, só a criança querer não é suficiente. Ela não possui tanta independência para saber o que é certo e o que é errado e decidir o que ela vai ou não fazer".

Outra coisa que deve mudar é a percepção de que atividade física para fazer efeito precisa ser difícil. "A criança obesa não tem que sofrer", considera Kruel. "Se o profissional de Educação Física souber dosar a carga do exercício, é possível ter atividade eficiente sem sofrimento. Desta forma, começa a ter aderência ao programa e os resultados definitivamente aparecem". Para Kruel, o caminho seria procurar atividades de baixo impacto e que sejam prazerosas. "Apesar de muitos já serem adolescentes, eles querem algo lúdico, que não seja aquela coisa monótona de ir para a academia. Ou seja, tem que ser uma atividade que eles se sintam brincando", conclui.

Para Rafael Gambino, é importante também que todas as crianças tenham a oportunidade de experimentar várias modalidades, individuais e coletivas, para decidir com qual se identifica. A atividade física pode ser competitiva, mas precisa ser aquela que a criança quer praticar. "Ela precisa explorar e experimentar todos os jogos e esportes. A criança precisa ser estimulada e participar o máximo possível de vivências motoras até que consiga se identificar e optar pela que mais desperta interesse", avalia. Para a aderência, a criança tem que sentir vontade e não ser obrigada a participar. "Os pais não podem considerar que a sua vontade será a mesma de seu filho. Os profissionais de Educação Física devem oferecer aos alunos a mais diversificada oportunidade de movimentos. Quando a criança optar por uma, de forma espontânea, não tenho dúvidas de que ela dará continuidade por longo período".

O último alerta fica para os pais. "Os adultos estão atrás das demandas do momento. Muitos acreditam que estar numa boa escola, que invista no lado cognitivo e ensine uma língua estrangeira, já é suficiente para a formação básica. Nós, profissionais de Educação Física, sabemos que isto é importante, mas só parte do contexto todo", comenta Silveira. "A prática de atividade física formativa e saudável, o investimento em alimentação correta e o acompanhamento da saúde é o que deve ser feito. As instituições responsáveis pelo trabalho com crianças necessitam desenvolver projetos para que os pais possam perceber que toda esta formação de base será fundamental para o futuro longe da obesidade".

PARA ASSISTIR: MUITO ALÉM DO PESO



O documentário "Muito Além do Peso" foi lançado em novembro de 2012, com objetivo de criar amplo debate sobre a qualidade da alimentação das crianças brasileiras e os efeitos da comunicação dirigida a elas. O filme, dirigido por Estela Renner, é reflexo do trabalho do Instituto Alana, organziação que busca sensibilizar e mobilizar a sociedade sobre os problemas decorrentes do consumismo na infância. "O documentário mostra que as crianças desconhecem o que é alimentação saudável, aprendem a comer de forma equivocada desde muito", conta a nutricionista Camila Vargas.

A obra mergulha no tema da obesidade infantil ao discutir porque 33% das crianças brasileiras pesam mais do que deviam. As respostas envolvem a indústria alimentícia, a publicidade, o governo e a sociedade de modo geral. Com histórias reais e chocantes, de crianças com menos de dez anos que já apresentam quadros graves de diabetes, hipertensão e colesterol, o filme promove interessante discussão sobre o tema, dando voz a especialistas do mundo todo. "Quando se fala de obesidade infantil, vemos que as crianças não brincam mais na rua, las ficam com só seus polegares em iPhones e iPods. Elas não se exercitam mais", comenta William Dietz, um dos entrevistados pelo documentário. Ele é diretor da Divisão de Nutrição, Atividade Física e Obesidade do Centro de Prevenção e Controle de Doenças dos Estados Unidos.

"Muito Além do Peso" pode ser assistido aqui.




CREF2/RS é homenageado na XVII Semana Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Porto Alegre
22/08/2014
Fonte: CREF2/RS

Melhorar a qualidade de vida das pessoas com deficiência, oferecendo igualdade de oportunidades, é o grande desafio do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Comdepa), que realiza até a próximo dia 28 a XVII Semana dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Porto Alegre. Com o tema "Atitudes que Fazem a Diferença", o evento foi aberto oficialmente ontem (21), no Salão Nobre do Paço dos Açorianos.

A solenidade foi marcada por homenagens. 103 certificados foram entregues a atletas paralímpicos, pessoas, órgãos públicos e entidades com ações nas áreas de educação e esporte, além de outras organizações e empresas parceiras. O CREF2/RS, representado pela conselheira Eneida Feix (CREF 002116-G/RS), foi homenageado pelo trabalho da Câmara Técnica de Paradesporto e Atividades Físicas Adaptadas, em reconhecimento aos serviços prestados à comunidade de Porto Alegre nas áreas de acessibilidade e inclusão social.

Rotechild Prestes, presidente do Comdepa, destacou a união de esforços, como este entre Conselho e Prefeitura. "Somos uma grande equipe e nossa missão é tornar a vida destas pessoas melhor, garantindo o amplo acesso", defendeu. O prefeito José Fortunati, por outro lado, ressaltou que o dever do poder público é criar condições para que as pessoas tenham as mesmas oportunidades, independente das diferenças. "Temos que pensar políticas públicas que respeitem e que garantam o atendimento às necessidades de todos os cidadãos, a igualdade de acesso aos serviços públicos, ao lazer, ao esporte. Enfim, a uma vida digna e com qualidade", afirmou.

A XVII Semana Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Porto Alegre tem atividades até a próxima quinta-feira, dia 28. Confira a programação completa aqui.




Estagiários da Prefeitura de Canoas visitam o CREF2/RS
24/07/2014
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quinta-feira (24), o CREF2/RS recebeu visita de grupo de estagiários da Prefeitura de Canoas. A ação, que faz parte do Programa de Valorização do Estagiário, serviu para que os acadêmicos de Educação Física conhecessem pouco mais sobre o funcionamento do Conselho e a importância da regulamentação da profissão.

A presidente Carmen Masson (CREF 002782-G/RS) recebeu os alunos para apresentação de vídeo sobre o CREF2/RS e longa conversa sobre a profissão. Além de mostrar o que faz cada um dos setores do Conselho, Carmen explicou ainda como funciona o dia a dia da instituição e salientou as grandes e recentes conquistas, como a obrigatoriedade do registro em concursos públicos em todo o Estado.

"O CREF2/RS valoriza e assegura o papel do profissional de Educação Física como promotor da saúde e do bem-estar", destacou Carmen. Na roda de conversa, os estudantes puderam tirar dúvidas sobre o procedimento de registro e o funcionamento de academias. "O Conselho entende que o começo do profissional recém-formado é difícil. Por isto, damos todo o suporte necessário e alguns benefícios no momento do primeiro registro", explicou a Presidente.

Para a equipe da Prefeitura de Canoas que acompanhou o encontro, a visita foi esclarecedora, pois muitos acadêmicos não conhecem o trabalho desenvolvido pelos Conselhos Profissionais. "Hoje, a gente tem um trabalho sério, mas a credibilidade da profissão depende de vocês, estudantes. Busquem aperfeiçoamento, não parem de estudar. O conhecimento e a postura exemplar são a garantia do respeito ao profissional e à Educação Física", declarou Carmen.




Presidente do CREF2/RS comparece em posse do Conselho de Desportes de São Leopoldo
06/06/2014
Fonte: CREF2/RS

Na última quarta-feira (4), o prefeito de São Leopoldo Aníbal Moacir da Silva deu posse ao novo Conselho Municipal de Desporto (CMD). Com funções fiscais, deliberativas, consultivas e propositivas, o CMD é formado por 16 membros titulares, sendo oito ligados ao governo e outros oito relacionados a entidades de classe. Participam do grupo os ex-conselheiros do CREF2/RS Marco Aurélio Cornelius (CREF 002882-G/RS), como presidente, e Francisco Carlos Lemes de Menezes (CREF 000075-G/RS), como representante titular do CREF2/RS.

Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) também compareceu à cerimônia. No discurso, a Presidente do CREF2/RS destacou o papel importante que o Conselho Municipal de Desportes tem em São Leopoldo. "A cidade tem Lei, desde 2008, que obriga a presença de professores de Educação Física em todas as séries do Ensino Fundamental", comentou. Ela também destacou que todos os mais de 100 professores de Educação Física do município são registrados no Conselho e, assim, estão submetidos ao Código de Ética dos Profissionais de Educação Física.

Foto: Prefeitura Municipal de São Leopoldo




CREF2/RS tira dúvidas sobre atividade física no Dia do Desafio 2014
28/05/2014
Fonte: CREF2/RS

Com objetivo de estimular a prática de atividades físicas, o Dia do Desafio 2014 é realizado hoje, simultaneamente em diversas cidades pelo Brasil. Em Porto Alegre, o evento tem ampla programação e conta também com a participação do CREF2/RS. O Departamento de Fiscalização (DEFOR) está na Praça Montevidéu, em frente ao Paço Municipal, para dar informações sobre a prática esportiva, bem como esclarecimentos sobre todo o trabalho realizado pelo Conselho.

De acordo com o SESC, responsável pela organização do evento, é esperado público de 3 a 5 mil pessoas somente nas atividades realizadas em frente à Prefeitura e ao Mercado Público, ambos localizados no Centro Histórico da cidade. Euclides Erlin 50 anos, é um dos participantes do Dia do Desafio 2014. "Eu trabalho de noite e quase nunca tenho tempo para fazer exercício. Estou achando tudo muito legal por aqui, é um incentivo para as pessoas praticarem atividade física", contou.

Em parceria com as prefeituras e o Governo do Estado, o Dia do Desafio está presente em todos os 497 municípios gaúchos, com atividades variadas e relacionadas às áreas de saúde, esporte, lazer, educação e cidadania. Nas áreas montadas no Centro Histórico de Porto Alegre, por exemplo, as pessoas são convidadas a praticar, por, pelo menos 15 minutos, qualquer tipo de exercício físico. Há estandes com esteiras, tênis de mesa e jogos que estimulam o movimento do corpo.

Realizada desde 1997, a disputa do Dia do Desafio é em forma de confronto entre duas cidades de mesmo porte. O município que mobilizar mais pessoas vence. Neste ano, Porto Alegre enfrenta Garulhos pela segunda vez. Em 2012, a capital gaúcha foi a vencedora, com 46,55% da população envolvida, contra 31,39% da cidade paulista. O resultado do Dia do Desafio 2014 deve ser anunciado nos próximos dias.




CREF2/RS participa do Dia do Desafio 2014
27/05/2014
Fonte: CREF2/RS

Com objetivo de estimular a prática de atividades físicas, o Dia do Desafio 2014 será realizado amanhã (28), simultaneamente em diversas cidades. Em Porto Alegre, o evento tem ampla programação e conta também com a participação do CREF2/RS. Os servidores do Departamento de Fiscalização e Orientação (DEFOR) vão estar na Praça Montevidéu, em frente ao Paço Municipal, para dar informações sobre a prática esportiva, bem como esclarecimentos sobre todo trabalho realizado pelo Conselho. O horário de atendimento é das 9h30 às 17h.

Promovido no Rio Grande do Sul pelo SESC em parceria com o Governo do Estado e demais prefeituras, o Dia do Desafio estará presente em todos 497 municípios gaúchos, com atividades sistemáticas em áreas como saúde, esporte, lazer, educação e cidadania. A proposta do evento, aberta ao público em geral, é que as pessoas interrompam suas rotinas e pratiquem por, pelo menos 15 minutos, qualquer tipo de exercício físico. A disputa é organizada em forma de confronto entre duas cidades de mesmo porte e o município que mobilizar mais pessoas vence. Este ano, a capital gaúcha enfrentará Guarulhos pela segunda vez. Em 2012, Porto Alegre foi vencedora, já que mobilizou 46,55% da população, enquanto que a cidade paulista apenas 31,39% de seus habitantes.

Há atividades em diversos pontos da cidade, com horários variados e destinadas a todas faixas etárias. A programação completa do Dia do Desafio 2014 em Porto Alegre você confere aqui.

CREF2/RS no Dia do Desafio 2014
Local: Praça Montevidéu, em frente ao Paço Municipal de Porto Alegre (Centro Histórico)
Horário: das 9h30 às 17h




CREF2/RS é parceiro do Dia do Desafio 2014
13/05/2014
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta terça-feira, o CREF2/RS participou do lançamento do Dia do Desafio 2014. A cerimônia, que contou com a presença da presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), do 1º vice-presidente e secretário municipal de Esportes de Porto Alegre José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS) e do 2º vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), foi realizada no SESC Centro e reuniu demais autoridades e personalidades do esporte em café da manhã.

Promovido simultaneamente em diversos países, o Dia do Desafio tem objetivo de estimular a prática de atividades físicas numa disputa saudável, sempre na última quarta-feira do mês de maio. A proposta é que as pessoas interrompam suas rotinas e pratiquem por, ao menos 15 minutos, qualquer tipo de exercício físico. A ação é organizada em forma de confronto entre duas cidades de mesmo porte e o município que mobilizar mais pessoas vence. Este ano, a capital gaúcha enfrentará Guarulhos pela segunda vez. Em 2012, Porto Alegre mobilizou 46,55% da população, enquanto que a cidade paulista envolveu apenas 31,39% de seus habitantes.

Uma das atividades já programadas para o Dia do do Desafio 2014 em Porto Alegre é a Corrida Noturna, realizada na madrugada do dia 27 para 28 de maio. A largada será no Parque Marinha do Brasil. As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas pelo site www.sesc-rs.com.br/circuitodecorridas.

O projeto, realizado desde 1997 no Rio Grande do Sul pelo SESC, acontece em parceria com as prefeituras, o Governo do Estado e o CREF2/RS. Além de Porto Alegre, o Dia do Desafio está presente em todos outros 496 municípios gaúchos, com atividades sistemáticas em áreas como saúde, esporte, lazer, cultura, cidadania, turismo e educação.




CREF2/RS realiza avaliações antropométricas na Festa do Trabalhador em Canoas
02/05/2014
Fonte: CREF2/RS

Segundo estimativa da Prefeitura, mais de 10 mil pessoas compareceram ontem na Festa do Trabalhador, em Canoas. O evento, promovido pela Secretaria de Esporte e Lazer do município, contou com vasta programação. O CREF2/RS participou da atividade com espaço em que servidores do Conselho puderam atender a população, com informações sobre a importância do exercício físico e realizar avaliações antropométricas.

A Festa começou às 9h e se estendeu até a tarde. No Parque Esportivo Eduardo Gomes, os moradores de Canoas também tiveram à disposição outros serviços, como encaminhamento de carteira profissional e atividades culturais, que variaram entre peças teatrais e shows musicais. Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), coordenadora do Departamento de Orientação e Fiscalização, salientou a importância do CREF2/RS em participar de eventos como este. "Podemos mostrar para a população como o Conselho e a Fiscalização atuam, e também esclarecer o papel fundamental que o profissional de Educação Física tem na sociedade".

Realizada pelos profissionais do CREF2/RS, as avaliações antropométricas mediram o IMC (Índice de Massa Corporal) e o Percentual de Gordura dos interessados. "É muito legal ter acessos a estes serviços, e ainda sem pagar", comentou Mariana Pereira, uma das participantes da Festa do Trabalhador, à equipe de Comunicação da Prefeitura de Canoas. Em um conjunto de mais de 60 atividades, os canoenses também encontraram no Parque Esportivo Eduardo Gomes lutas de judô, jogos de futebol, local para prática de skate e palestras sobre saúde do trabalho e do trabalhador.




José Fortunati é homenageado pelo CREF2/RS
29/04/2014
Fonte: CREF2/RS

O prefeito de Porto Alegre José Fortunati recebeu, hoje pela manhã, a diretoria do CREF2/RS. A reunião, que contou com a presença da presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), do 1º vice-presidente José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS), do 2º vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), da 2ª secretária Sonia Waengerther (CREF 007781-G/RS) e da 1ª tesoureira Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), serviu para homenagear o Prefeito pela sanção da lei nº 11.585, que torna obrigatória a formação em Licenciatura em Educação Física para o ensino da disciplina nas escolas de nível fundamental do município.

"O ato é a convicção que temos da necessidade de uma boa formação de base", declarou Fortunati. Carmen Masson, que entregou para o prefeito o diploma de Amigo da Educação Física Escolar, salientou a importância da norma, bem como a iniciativa do município em fazer da lei, pioneira entre as capitais do Brasil, um exemplo para outras cidades e prefeitos. "O Conselho é um parceiro de Porto Alegre na defesa da sociedade e na fiscalização da profissão e da ética", destacou.

A Presidente e a conselheira Miryam Brauch também entregaram ao Prefeito a Carta Gaúcha da Educação Física Escolar, que visa a mobilização de profissionais no sentido de garantir a obrigatoriedade da atividade nas escolas. A lei nº 11.585 é reforço valioso para os objetivos da Carta e para a promoção da Educação Física. "O sedentarismo é a maior causa dos problemas cardiovasculares. A ideia é conscientizar a população da importância da atividade física, sobretudo nas escolas", avaliou Carmen Masson.

O vice-presidente Lauro Aguiar encerrou o encontro com a sugestão de aproximar o Ministério da Saúde e as prefeituras para a promoção do bem-estar e da vida saudável. "A lei nº 11.585, levada para a Frente Nacional de Prefeitos, vai incentivar os municípios a organizarem projetos em nome da atividade física", concluiu.




CREF2/RS participa do Verão Legal em Atlântida Sul
20/01/2014
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS estará em Atlântida Sul participando do projeto Verão Legal, ocasião em que irá prestar serviços de bioimpedância aos veranistas e moradores do município. Localizado na beira mar do balneário, o projeto oferece diversas atividades esportivas e de lazer, empréstimo de materiais como livros, guarda-sol e cadeiras e verificação de pressão arterial. O Verão Legal faz parte de uma programação oferecida pela Prefeitura de Osório e pela Secretaria de Juventude, Esporte e Lazer. Entre as atrações estão aulas de ginástica e ritmos, ginástica específica para a 3ª idade, Mat Pilates e empréstimo de materiais esportivos.  
Atendimento CREF2/RS
Dias: 25 e 26 de janeiro/15 e 16 de fevereiro de 2014 Horário: das 8h30min às 12h (sábado e domingo) e das 16h às 19h (somente sábado) Endereço: Av. Beira Mar
A programação completa do Verão Legal está disponível na página eletrônica da Prefeitura de Osório.




CREF2/RS solicita retificação de edital à Prefeitura de Pelotas
16/01/2014
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS notificou a Prefeitura de Pelotas para garantir que Profissionais de Educação Física sejam chamados para ocupar vagas para as funções do Edital nº 094/2013, relativo ao programa Vida Ativa, da Secretaria Municipal de Educação e Desporto – SMED, que promove vagas para as funções de Agente social do Esporte e Lazer – Bolsista e Agente Social e do Esporte e Lazer, às quais, estavam, respectivamente, sendo indicadas para ensino fundamental e médio. O CREF2/RS entende que as atividades relacionadas às oficinas de esporte, ginástica e orientação à caminhada são privativas do Profissional de Educação Física – Licenciado Pleno ou Bacharel. "Seguimos na defesa intransigente da Profissão, garantindo que a sociedade tenha serviços seguros e de qualidade", afirma presidente do Conselho, Eduardo Merino.




CREF2/RS participa do lançamento do Programa de Caminhada e Corrida Orientada da Prefeitura Municipal de Canoas
12/09/2013
Fonte: CREF2/RS

No último domingo, dia 08 de setembro, o Conselho Regional de Educação Física da 2º Região (CREF2/RS) esteve presente no lançamento do Programa de Caminhada e Corrida Orientada da Prefeitura Municipal de Canoas.
O Programa tem como objetivo estimular a melhoria da saúde e da qualidade de vida da população através da prática da caminhada e/ou corrida orientada. As atividades ocorrerão duas vezes por semana, com uma hora e meia de duração, e serão orientadas por Profissionais de Educação Física Registrados, bem como estagiários da área.
A abertura do evento contou com a presença de autoridades da área do esporte e da saúde do município de Canoas. Na ocasião, foi ministrada palestra sobre treinamento de caminhada e corrida, bem como oferecidos serviços de empréstimo de bicicleta e exame de composição corporal, realizado pelos funcionários da Fiscalização do CREF2/RS. Os interessados no programa podem realizar suas inscrições no Parque Municipal Getúlio Vargas, mediante apresentação de documento de identidade e atestado médico de aptidão para atividades físicas.




Fórum dos Conselhos promove III Seminário de Fiscalização Profissional
07/05/2013
Fonte: Fórum dos Conselhos das Profissões Regulamentadas do RS

No dia 17 de maio de 2013 acontecerá o III Seminário de Fiscalização Profissional, evento organizado pelo Fórum dos Conselhos Profissionais do Estado do Rio Grande do Sul, que trará como tema neste ano “Fiscalização dos Conselhos e os Benefícios para a Sociedade”.

O objetivo do evento é tratar dos temas relacionados a fiscalização realizadas pelas diversas instituições, na busca de integração e otimização dos processos, contribuindo para o funcionamento dos estabelecimentos regulados para que atuem na atenção a sociedade, proposta esta motivada pela tragédia em Santa Maria. O seminário terá início as 8h30min no Plenarinho da Assembleia Legislativa do RS, com o credenciamento às 8h30min, a abertura ocorrerá às 9h30min seguida da Mesa redonda intitulada: “Poder público e a Fiscalização dos conselhos profissionais em benefício da sociedade”, e contará com a participação de um representante da Prefeitura Municipal de Porto Alegre, o promotor de Justiça do Ministério Público do Estado, César Faccioli, o Presidente do PROCON/RS, Cristiano Aquino, a Presidente do Conselho Regional de Administração do RS, Adm. Cláudia Stadtlober. A mesa contará com a mediação do Presidente do Fórum Estadual do RS e Latino Americano de Defesa do Consumidor, , Alcebíades Santini.

No período da tarde ocorrerão três palestras e a apresentação do GAF-FOCO/RS pela fiscal do Crefono7 Marlei Braud Cantergi. A partir das 14h acontece a palestra com João Alberto Vieira, presidente da Junta Comercial do RS que abordará “Parcerias e convênios da Junta Comercial com os conselhos profissionais”. Às 15h será a vez da palestra “Relação conselheiros e fiscais”, com o Adm. Nei Sena. E às 16h45 acontecerá a última palestra do evento “A responsabilidade civil dos conselhos profissionais em defesa da sociedade - importância da ação fiscalizatória” com o procurador da Justiça Paulo Valério Dal Pai Moraes.

Como nos anos anteriores, o evento será voltado aos agentes fiscais dos conselhos das profissões regulamentadas, presidentes, conselheiros, vereadores e deputados estaduais.




Conselho comemora Dia do Trabalho em Canoas
02/05/2013
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS esteve presente nas comemorações do Dia do Trabalhador no Parque Eduardo Gomes, em Canoas, a convite da Unidade de Saúde do Trabalhador da Vigilância Sanitária da Prefeitura de Canoas. O evento também teve a participação da Secretaria de Esporte e Lazer de Canoas. O Conselho ofereceu exames de bioimpedância, que avalia com alta precisão e rapidez a composição corporal, e a Conselheira Carmen Masson ministrou palestra sobre avaliação física e saúde. A Secretaria realizou testes rápidos de DST/AIDS, dengue, epidemiologia e aulas de ioga.




RS tem campanha vitoriosa nas Olimpíadas Universitárias
05/11/2012
Fonte: www.olimpiadauniversitaria.blogspot.com

A 60ª Edição dos Jogos Universitários Brasileiros- (Jubs), conhecida por Olimpíadas Universitárias, ocorreu de 17 a 27 de outubro, em Foz do Iguaçu-PR. O Rio Grande do Sul, por meio da Federação Universitária Gaúcha de Esportes – (FUGE), apoiado pela Secretaria Estadual de Esportes e Fundergs, participaram com uma delegação de 140 pessoa, conquistando medalhas de ouro no voleibol, bronze no handebol e basquete e 24 medalhas no esportes individuais.

O Evento foi uma realização da Confederação Brasileira Universitária de Desportos –CBDU e Comitê Olímpico Brasileiro- COB, com o apoio da Prefeitura Municipal de Foz de Iguaçu e contou com a participação das Federações Universitárias de Esportes de todos os estados brasileiros e DF, através das Instituições Educacionais Superiores – IES. A delegação gaúcha foi comandada pelo presidente da FUGE, João Guilherme de Souza Queiroga.

A 61ª. Edição da OLIMPIADA UNIVERSITARIA, que será realizada em Goiânia, em 2013, o RS permanece na primeira divisão no voleibol feminino e handebol feminino, e na segunda divisão com o handebol masculino, basquete masculino, futsal masculino, voleibol masculino e futsal feminino.

O Estado conquistou na na 1ª. Etapa 24 medalhas: Atletismo - 8 medalhas de ouro, 3 de prata e 1 bronze; Natação com 1 prata e 3 bronze; Judô – 3 prata e 2 bronze e xadrez- 1 prata.
Nos esportes coletivos, teve ouro no voleibol feminino- Uni vates (1ª Divisão),bronze no handebol masculino-Ulbra-Santa Maria(2ª. Divisão) e basquete masculino- Feevale(2ª Divisão).




Conselho retifica mais um edital de concurso público
24/10/2012
Fonte: CREF2/RS

A firme atuação do Departamento Jurídico do CREF2/RS assegurou, no dia 23/10, a retificação de mais um edital de concurso público no Estado. Nessa ocasião, o Conselho obteve determinação judicial do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) que obriga a Prefeitura Municipal de São José dos Ausentes incluir no Edital nº 001/2012 a exigência de habilitação profissional e com registro ativo junto ao Conselho para a posse no cargo de professor de Educação Física, segundo disposto na Lei 9696/98.
Documentos sobre a decisão do TRF4:
- Relatório do TRF4
- Ementa do TRF4