Notícias




Data Inicial:
(dd/mm/aaaa)  

Data Final:
(dd/mm/aaaa)  
Título:
Palavras na Notícia:



Câmara da Saúde do Fórum-RS se reúne com deputado Pepe Vargas para discutir ensino EAD
25/06/2018
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), esteve presente no dia 21 na reunião da Câmara da Saúde do Fórum-RS, realizada na sede do Conselho Regional de Farmácia, que contou com a presença do deputado federal Pepe Vargas. A pauta do encontro foi expôr ao parlamentar o avanço exponencial de cursos de graduação na área da saúde EAD, e o risco potencial que isto acarretará na qualidade dos serviços de saúde da população, uma vez que os pontos negativos nesta modalidade são maiores que os positivos, por importar baixa qualidade na aprendizagem e, pela falta de prática, risco sérios à vida. A reunião também teve intuito de somar forças no Congresso Nacional para solicitar uma moratória na autorização de novas vagas para cursos a distância, até que seja discutida e a aprovada uma lei que garanta a formação com qualidade e de forma presencial para as profissões da área da saúde, além de incentivar a discussão e o aprofundamento do PL 5414/16, que proíbe o incentivo do desenvolvimento e veiculação de programas de ensino a distância em curso da área de saúde, que atualmente está com o deputado federal Mandetta, relator da matéria na Comissão de Seguridade Social e Família (CSSF), da Câmara dos Deputados.

Segundo o assessor de Relações Institucionais do Conselho Regional de Farmácia, Everton Borges, a explosão de vagas no EAD se iniciou por meio do Decreto 9057/2017, que facilitou a abertura de novos polos, autorizando expressamente sua terceirização mediante celebração de convênios com outras pessoas jurídicas, precarizando ainda mais a fiscalização dos cursos não presenciais. “Este decreto causou o aumento em 124% no número da vagas desta modalidade de ensino”, explica. “Atualmente, temos mais de 600 mil vagas para cursos EAD destinadas a cursos de saúde aprovados pelo MEC. Em breve, começaremos a receber formados em saúde totalmente instruídos a distância, e nós não sabemos qual impacto isto terá na saúde da população”, questiona Everton.

Ainda segundo Borges, em alguns estados, profissões como Serviço Social já não contam com o ensino presencial. "Estamos em uma grande articulação, somando esforços dos conselhos federais e regionais para alertar os profissionais e à sociedade sobre os riscos à saúde proporcionados por profissionais oriundos de cursos completos de graduação EAD". Ele complementou que a Câmara da Saúde não é contrária ao uso da ferramenta, que possibilitou o acesso ao ensino a muitas camadas da população, mas que as profissões da saúde pressupõe atendimento direto ao paciente, colocando em risco a saúde da população se esses profissionais não tiverem contato direto desde a formação.

O vice-presidente do CREF2/RS apontou que um ponto positivo nesta esta crise na saúde é que a união dos trabalhadores do setor só fez aumentar. “Esta unidade se mostrou eficaz, pois na semana passada conseguimos evitar que recursos dos esportes, provenientes da loteria esportiva e por novos jogos que devem ser anunciados ainda este ano pela Caixa Econômica Federal, fossem desviados para segurança”, exemplificou. Segundo Lauro, o governo não entende o conceito de esporte como criação de cidadania, segurança e uma forte possibilidade de que jovens não ingressem nas facções criminosas. "Também sabemos dos interesses econômicos que estão representados nos lobbys milionários que atuam no Congresso Nacional. São grupos que trabalham com a questão da doença, não da prevenção”.

A representante do Conselho Regional de Psicologia (CRPRS), Manuele Araldi, afirmou que principal questão que está sendo discutida com o ensino a distância é o acesso à educação do povo brasileiro. "O EAD tem uma característica de baixo custo, além de possibilitar à população dos interiores acessarem o ensino superior. E assim ele é vendido. Contudo, ele é um falso acesso ao ensino as pessoas que de renda mais baixa”, advertiu. Na avaliação de Manuele, essa faixa da população tem de ser atendida obrigatoriamente por universidades públicas, pela retomada das funções do Prouni ou por modificações nas atuais diretrizes do FIES. “Essa é a real inclusão das camadas populares na educação, já que o EAD é uma falácia, pois forma profissionais não qualificados, o que fere o projeto ético e político das profissões". Manuele avalia que formar pessoas sem noções de cidadania também atenta contra a Soberania Nacional.

Tuane Devit, representante do Conselho Regional de Serviço Social, alertou que os diplomas emitidos pelo Conselho não diferenciam quem cursou aulas presenciais de quem fez o curso completo pelo EAD, já que o MEC não obriga constar esta informação no documento. Tuane também fez um resgate do processo histórico de implantação dos primeiros EADs em 2010. “Logo que eles começaram a atuar, nosso Conselho Federal fez uma campanha com o lema “Educação não é fast food”, pelo qual respondemos a um processo no qual tivemos que pagar R$ 11 mil às empresas de EAD, o que demonstra a força destas empresas". Ela também explicou que, para além da noção da educação e de uma formação de qualidade, existem trabalhadores sendo explorados nestas instituições de ensino, além do material produzido pelos professores, alguns sem nenhum vínculo com estas empresas, ser reproduzido para milhares de alunos, com prejuízo da propriedade intelectual de quem os elaborou. “Resta claro o projeto ideológico de esvaziar o Serviço Social, um curso com tradição de contestação e de luta contra a opressão social”, finalizou.

O deputado federal Pepe Vargas, que também é trabalhador da saúde, iniciou sua fala afirmando que sempre defendeu a multidisciplinaridade na área, permitindo um atendimento global de acordo com as necessidades dos pacientes. Ele salientou que o atual tipo de uso da ferramenta EAD para formação profissional, baseado no discurso de redução de custos para quem não tem dinheiro para cursar uma faculdade, é sedutor para quem não se debruça e estuda a fundo a questão. "Eu confesso que fico abismado com a ideia de alguém se formar médico sem nunca ter contato com um paciente, portanto somos parceiros nesta luta”. Vargas alertou que o país tem enfrentando tempos de exceção, e que o Congresso Nacional é uma instância bastante complexa. “Não é à toa que passou a EC95, que praticamente acaba com o SUS. Temos de ter presente que o principal gasto do governo não é com políticas sociais, e sim com juros e serviços da dívida pública”.

O parlamentar relatou que a Câmara aprovou a abertura de todo o processo de extração de petróleo do Pré-Sal para multinacionais. “Isso afeta diretamente o Fundo Social do Pré-Sal, onde grande parte dos recursos seria dedicado à educação e outra parte para saúde. No modelo de partilha anterior, 80% do óleo retirado ia para o Fundo Social. Agora, chegamos ao patamar de 11%. É uma brutal perda de receitas que estes congressistas aprovaram. Com as empresas de EAD, nós não estamos enfrentando empresários de pequeno ou médio porte, mas sim grandes fundos de investimentos multinacionais que adentraram para especular na área da educação”. Para finalizar, o deputado sugeriu que os conselhos regionais buscassem diálogo com a bancada gaúcha no Congresso, e os conselhos federais buscassem os líderes de bancada, para que se discuta, além da moratória na abertura de vagas no EAD, o debate da PL 5414/16.


EAD



Vice-presidente do CREF2/RS reúne-se com secretário de Saúde de Tramandaí
26/01/2018
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) participou na manhã desta sexta-feira, dia 26, de uma reunião com o secretário de Saúde de Tramandaí, Luciano Von Saltiel. O encontro teve como o objetivo apresentar a importância das ações fiscalizatórias dos Conselhos no litoral e divulgar a ação do Arrastão da Saúde que acontecerá neste sábado, dia 27. Além do Lauro, estavam presentes membros dos conselhos de Nutrição, Farmácia e Administração. Eles representavam todos os conselhos que participam da Câmara da Saúde do Fórum-RS.


Arrastão da Saúde



Arrastão da Saúde vai a Tramandaí neste sábado
22/01/2018
Fonte: FÓRUM–RS

No próximo sábado (27/01), a orla marítima de Tramandaí receberá, a partir das 10h, mais uma edição do Arrastão da Saúde, ação realizada pelo Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS), com o apoio do Sesc/RS.

A ação é promovida pela Câmara da Saúde do Fórum/RS com o objetivo de incentivar a cultura da saúde na comunidade e esclarecer à população quanto a importância dos Conselhos na defesa da saúde coletiva.

Representantes dos Conselhos de Administração (CRA-RS), Biologia (CRBio-03), Educação Física (CREF2/RS), Farmácia (CRF-RS), Medicina Veterinária (CRMV-RS), Nutrição (CRN-2) e Odontologia (CRO-RS) percorrerão a praia distribuindo kits de informativos, com dicas de saúde e de prevenção de doenças.

Arrastão da Saúde
Local: início na Estação Verão Sesc/RS, na beira da praia de Tramandaí/RS
Data: sábado, 27 de janeiro, das 10h às 12h
Promoção: Câmara da Saúde do Fórum/ RS


FÓRUM–RS



Arrastão da Saúde acontece nas areias de Tramandaí no dia 27 de janeiro
05/01/2018
Fonte: Fórum/RS

No último sábado de janeiro (27/01), a orla marítima de Tramandaí receberá, a partir das 10h, mais uma edição do Arrastão da Saúde, ação realizada pelo Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS), com o apoio do Sesc/RS.

A ação é promovida pela Câmara da Saúde do Fórum/RS com o objetivo de incentivar a cultura da saúde na comunidade e esclarecer à população quanto a importância dos Conselhos na defesa da saúde coletiva.

Representantes dos Conselhos de Administração (CRA-RS), Biologia (CRBio-03), Educação Física (CREF2/RS), Farmácia (CRF-RS), Medicina Veterinária (CRMV-RS), Nutrição (CRN-2) e Odontologia (CRO-RS) percorrerão a praia distribuindo kits de informativos, com dicas de saúde e de prevenção de doenças.

Arrastão da Saúde
Local: início na Estação Verão Sesc/RS, na beira da praia de Tramandaí/RS
Data: sábado, 27 de janeiro, das 10h às 12h
Promoção: Câmara da Saúde do Fórum/ RS


Arrastão da Saúde



Proposta do CREF/RS é a mais votada na 2ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde
28/08/2017
Fonte: CREF2/RS

A 2ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde (2ª CMVS), realizada no último sábado, dia 26 de agosto, definiu as propostas que serão encaminhadas para a apreciação da Câmara de Vereadores de Porto Alegre, no começo de outubro. Entre os mais de 150 projetos apresentados, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e o Conselho Municipal de Saúde (CMS) selecionaram os 12 mais votados durante o encontro. A proposta de criação do cargo do profissional de Educação Física âmbito do SUS, elaborada e defendida pelo CREF2/RS durante a reunião, ficou em 1º lugar.

O vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), que representou o Conselho durante a reunião, destacou a importância desta conquista. “O CREF2/RS, depois de um grande trabalho nas Conferências Livres da 2ª CMVS, conseguiu mostrar para os gestores públicos como a nossa profissão é essencial para a prevenção da saúde. A nossa proposta, que visa a contratação por meio de concurso público e vínculo direto com o município, tem o objetivo de fazer a Educação Física obrigatória nos serviços de interesse à saúde”, explicou.

Na reunião, Aguiar, também foi eleito delegado para a 1ª Conferência Estadual de Vigilância em Saúde. Os projetos selecionados pela 2ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde, depois de analisados pela Câmara de Vereadores, ainda serão encaminhados à Assembleia Legislativa, para que possam ser ampliados para esfera estadual.


Vigilância em Saúde Fórum-RS Câmara da Saúde



Fórum dos Conselhos promove 2ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde
28/07/2017
Fonte: CREF2/RS

A Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Rio Grande do Sul (Fórum-RS) vai realizar na próxima quarta-feira, dia 2 de agosto, a 2ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde. O evento, com entrada gratuita e aberto para a comunidade em geral, ocorrerá no auditório do Conselho Regional de Psicologia (CRP/RS), em Porto Alegre, das 9h às 11h30min.

Com o título “Cooperação dos Conselhos Profissionais na Implementação e Vigilância em Saúde”, a conferência vai abordar tópicos como o papel da vigilância em saúde, as práticas e os processos de trabalho das vigilâncias epidemiológica, sanitária e em saúde ambiental e do trabalhador. O monitoramento dos agentes causadores de doenças e a participação social no fortalecimento da vigilância em saúde também estarão em pauta durante o evento.

2ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde
Data: 2 de agosto, quarta-feira, das 9h às 11h30min
Local: Auditório do CRP/RS
Endereço: Avenida Protásio Alves, 2854 - 4º Andar - Petrópolis
Inscrições: gratuitas no local


Vigilância em Saúde Fórum-RS Câmara da Saúde



CREF2/RS participa da audiência pública sobre os cursos EAD na área na saúde
08/06/2017
Fonte: CREF2/RS

A Câmara da Saúde do Fórum-RS realizou ontem, dia 7 de junho, uma audiência pública para debater os cursos de graduação à distância e a formação por EAD na área da saúde. O encontro, que contou com a presença dos presidentes do CREF2/RS e do CONFEF, respectivamente Carmen Masson (CREF 01910-G/RS) e Jorge Steinhilber (CREF 0000002-G/RJ), foi proposto pela Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, representada pelo deputado estadual Valdeci Oliveira.

Carmen e Steinhilber fizeram parte da mesa, juntamente com representantes de outros nove Conselhos Profissionais da área da saúde e membros da Escola de Saúde Pública do Rio Grande do Sul, do Conselho Nacional de Saúde e da UNE. William Perez, presidente da Comissão de Ensino Farmacêutico, do Conselho Federal de Farmácia, foi quem abriu a discussão, falando a respeito da representatividade dos profissionais de saúde no Brasil, atualmente estimados em quatro milhões de pessoas. Ele também abordou questões relacionadas ao mercado educacional no país, informando que 76% das vagas no Ensino Superior está concentrada na área privada e que existem, aproximadamente, 274 mil acadêmicos na modalidade EAD na área da saúde.

Diante destes números, Carmen salientou que os Conselhos não são contra o uso da tecnologia, mas que há um consenso de que a formação básica destes profissionais precisa ser feita de maneira presencial. “Não estamos nos opondo ao EAD, inclusive acreditamos que esta seja uma ótima modalidade para os níveis de pós-graduação. Mas a Educação Física, assim como os demais cursos da área da saúde, tem as suas particularidades que só podem ser trabalhadas com a prática. Caso isto não ocorra, a formação destes futuros profissionais poderá ficar comprometida”.

Com espaço aberto para a fala dos demais presentes e também da plateia, a Audiência definiu que a Câmara da Saúde, em parceria com a Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, irá encaminhar, nas próximas semanas, uma proposta de projeto de lei estadual para inviabilizar estes cursos EAD em todo o Rio Grande do Sul. Como destacou Oliveira, há também o plano de elaborar uma cartilha para a sociedade em geral, esclarecendo os prejuízos que poderão ser gerados pela formação EAD na área da saúde.


Câmara da Saúde Fórum-RS EAD



Audiência Pública sobre EAD ocorre nesta quarta na Assembleia Legislativa
06/06/2017
Fonte: CREF2/RS

A Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Rio Grande do Sul (Fórum-RS) vai realizar amanhã, dia 7 de junho, a Audiência Pública Sobre os Cursos de Formação a Distância para a Área da Saúde. O evento ocorrerá na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, a partir das 19h, com entrada gratuita.

Nos últimos anos, o MEC vem estimulando a disseminação do modelo de Ensino a Distância (EAD), com o objetivo de facilitar o acesso de estudantes ao nível superior. Tendo em vista esta realidade, o Conselho Federal de Educação Física encaminhou um ofício a Hélio Chaves Filho, diretor de Regulação e Supervisão em EAD do Ministério da Educação, para que o curso não seja oferecido nesta modalidade. No documento, o CONFEF listou os problemas inerentes à aplicação do EAD, tanto na Educação Física como nas demais graduações na área da saúde.

A Audiência, que contará com a presença do CREF2/RS e de representantes dos demais Conselhos Profissionais da saúde, terá o intuito de debater este tema e os seus desdobramentos, muito deles relacionados ao desenvolvimento das competências destes futuros profissionais. Compareça!

Audiência Pública Sobre os Cursos de Formação a Distância para a Área da Saúde
Data: quarta-feira, dia 7 de junho, às 19h
Local: Auditório Dante Barone da Assembleia Legislativa
Endereço: Praça Marechal Deodoro, 1010 – Centro Histórico


Audiência Pública Fórum-RS saúde EAD



CREF2/RS participa de Audiência Pública sobre EAD na Assembleia Legislativa
17/05/2017
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS e a Câmara da Saúde do Fórum/RS estão convidando a todos os profissionais de Educação Física e os acadêmicos do curso para comparecerem na Audiência Pública sobre Cursos de Formação a Distância para a Área da Saúde. O evento será realizado no dia 7 de junho, às 19h, no Auditório Dante Barone da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, no Centro em Porto Alegre.

Nos últimos anos, o MEC vem estimulando a disseminação do modelo de Ensino a Distância (EAD), com o objetivo de facilitar o acesso, ao nível superior, de estudantes que vivem em locais distantes dos centros universitários – e a Educação Física figura entre os cursos ofertados nessa modalidade de estudo. O CONFEF já solicitou ao MEC que o curso de graduação em Educação Física não seja oferecido na modalidade de Ensino a Distância.

Tendo em vista essa questão, o Conselho Federal de Educação Física encaminhou ofício ao Diretor de Regulação e Supervisão em EAD do Ministério da Educação, Hélio Chaves Filho, solicitando que o curso de graduação em Educação Física não seja oferecido na modalidade de Ensino a Distância. No documento, o CONFEF listou problemas inerentes à aplicação da modalidade EAD no curso de Educação Física, sendo o principal deles a falta de um espaço físico para aulas práticas, essenciais no desenvolvimento de competências do futuro profissional.

Compareça à Audiência e junte-se aos esforços para que a profissão de Educação Física seja ensinada de forma adequada, assegurando serviços seguros de saúde à população.

Cursos de Formação a Distância para a Área da Saúde
Data: quarta-feira, dia 7 de junho, às 19h
Local: Auditório Dante Barone da Assembleia Legislativa/RS


EAD



Câmara da Saúde do Fórum-RS discute cursos EAD e propõe audiência pública
26/04/2017
Fonte: CREF2/RS

Na manhã de hoje, dia 26 de abril, a Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas no Rio Grande do Sul (Fórum-RS) esteve reunida, na sede do CREF2/RS, para discutir os cursos de graduação na modalidade Ensino à Distância (EAD). A presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e o vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) integram a Câmara e participaram do encontro.

Na reunião, entre outros tópicos, Aguiar destacou a necessidade de que seja elaborado um projeto de lei, em nível estadual, que proíba a formação na área da saúde totalmente à distância. A sugestão de fazer uma audiência pública sobre o assunto foi aceita por todos os integrantes da Câmara, que ainda salientaram que uma iniciativa neste sentido poderia chamar a atenção de toda a sociedade. “Os Conselhos Profissionais também podem entrar em contato com os deputados federais, para que possamos fazer desta audiência um grande movimento nacional”, comentou Carmen.

Além disto, ficou definido que esta audiência pública será realizada em junho e que serão convidados representantes do CONFEF e da Secretaria Estadual de Saúde para participar do debate, também aberto aos profissionais de Educação Física e aos acadêmicos do curso. Uma proposta de projeto de lei ainda foi apresentada e debatida pelos Conselhos que integram a Câmara da Saúde do Fórum-RS.


Fórum-RS Câmara da Saúde EAD



CREF2/RS participa do Dia Mundial da Saúde na Praça da Alfândega
11/04/2017
Fonte: Assessoria/PMPA

Na última sexta-feira, dia 7, o CREF2/RS, junto aos conselhos que compõe a Câmara da Saúde do Fórum/RS e a Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre, estiveram na Praça da Alfândega, da 9h às 17h, para orientar a população a manter a qualidade de vida e dar dicas de alimentação saudável no sentido de prevenir a depressão.

A programação teve aulas de Yoga, Tai Chi Chuan, alongamento e dança, dicas de preservação do meio ambiente, atividades para idosos, rodas de conversa e oficinas de Abayomi, valorizando a diversidade cultural. Profissionais de diversas áreas da saúde e parceiros deram dicas de saúde, prevenção da tuberculose e do câncer de mama, com lançamento de livro e horta comunitária.

A Unidade de Saúde Vila Safira, localizada no bairro Mário Quintana, levou à praça o projeto de educação alimentar "Na medida certa", que reúne um grupo de 30 participantes da comunidade. Os encontros são quinzenais, com acompanhamento multiprofissional para avaliar pressão arterial, colesterol, glicose, índice de massa corporal e atropometria. "Nosso estilo de vida influencia na saúde física e emocional. Então, quando a pessoa está de bem com a vida, isso reflete no bem-estar geral consigo mesma", avalia a médica e coordenadora da US, Estela Gomes.

A Câmara da Saúde do Fórum/RS foi representada no evento pelos conselhos regionais de Nutrição, Biologia, Fisioterapia e Terapia Ocupacional, Farmácia e Educação Física. No local, as autarquias prestaram informações de forma geral para a população, instruindo sobre as atividades dos conselhos profissionais.


Dia Mundial da Saúde



Dia Mundial da Saúde é comemorado na Praça da Alfândega nesta sexta-feira
04/04/2017
Fonte: CREF2/RS

Nesta sexta-feira, dia 7, o CREF2/RS, junto aos conselhos que compõe a Câmara da Saúde do Fórum/RS, estará na Praça da Alfândega, da 9h às 17h, em Porto Alegre, para comemorar o Dia Mundial da Saúde, com o tema “Depressão: vamos conversar!”

A iniciativa reforça a prevenção à depressão e as formas de tratá-la, considerando que a doença pode levar a graves consequências. Conversar abertamente sobre depressão é o primeiro passo para entender melhor o assunto e reduzir o estigma associado a ele. Assim, cada vez mais pessoas poderão procurar ajuda.

A Câmara da Saúde do Fórum/RS será representada no evento pelos conselhos regionais de Nutrição, Biologia, Fisioterapia e Terapia Ocupacional, Farmácia e Educação Física. No local, as autarquias prestarão informações de forma geral para a população, instruindo sobre as atividades dos conselhos profissionais.

Dia Mundial da Saúde
Data: 7/04, sexta-feira
Local: Praça da Alfandega
Horário: das 9h às 17h
Tema: “Depressão: vamos conversar!”


Dia Mundial da Saúde



Reunião da Câmara da Saúde do Fórum/RS discute EAD
16/03/2017
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), esteve presente nesta terça-feira, dia 14, da reunião da Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS), realizada na sede da OAB. Entre as putas discutidas, o risco de extinção dos cargos SUSEPE, o termo de cooperação técnica dos Conselhos Profissionais com Ministério Público do RS, Observatórios Sociais e o Movimento dos Conselhos Profissionais da área da saúde contra os cursos de graduação predominantemente na modalidade EAD, entre outros.

Segundo Lauro, o MEC já autorizou 274,1 mil vagas de ensino a distância, em 11 das 14 profissões da saúde. “A Educação Física tem uma oferta de 68 mil vagas”, alerta o vice-presidente. Para seu funcionamento, os cursos EAD deveriam obedecer uma série requisitos, mas que na prática não são cumpridos, tais como: não observância às diretrizes curriculares, bem como a carga horária e sua integralização; deficiência nas avaliações; falta de capacitação dos docentes; inexistência de estágios obrigatórios e atividades laboratoriais, dentre outros. Aliados a esses elementos que não condicionam a uma formação de qualidade, há uma proposta de mudança por parte do MEC, que altera o Decreto nº 5.622/2005, comprometendo ainda mais a qualidade da formação.

“O EAD deixa de exigir o credenciamento prévio para oferta presencial; credenciamento único para oferta de graduação e de pós-graduação lato sensu; credenciamento lato sensu EAD fica restrito às escolas de governo”, explica Lauro. Já os polos de apoio presencial passam a ser criados pelas instituições de ensino, que deverão informá-los ao MEC, no prazo de 60 dias, a partir da expedição do ato interno de criação, respeitando o quantitativo anual .

Os tutores que exercem atividades compatíveis com a docência deverão ser contratados como docentes (tutores a distância) e fica prevista a possibilidade de oferta de curso EAD totalmente virtual, mas, inicialmente, somente em caráter experimental e condicionado à autorização pelo MEC, mesmo para instituições com autonomia (Art. 10). A IES somente poderá pedir curso 100% virtual após o reconhecimento do primeiro curso EAD. O que, para o vice-presidente do CREF2/RS, é um erro pedagógico, já que no ensino da Educação Física faz-se indispensáveis aulas presenciais. “É necessário um amplo debate sobre o tema do EAD, pois corremos o risco de precarizar ainda mais nosso ensino”, alerta Lauro.


FÓRUM RS - Câmara da Saúde



Reunião da Câmara da Saúde do Fórum/RS discute EAD
16/03/2017
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), esteve presente nesta terça-feira, dia 14, da reunião da Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS), realizada na sede da OAB. Entre as pautas discutidas, o risco de extinção dos cargos SUSEPE, o termo de cooperação técnica dos Conselhos Profissionais com Ministério Público do RS, Observatórios Sociais e o Movimento dos Conselhos Profissionais da área da saúde contra os cursos de graduação predominantemente na modalidade EAD, entre outros.

Segundo Lauro, o MEC já autorizou 274,1 mil vagas de ensino a distância, em 11 das 14 profissões da saúde. “A Educação Física tem uma oferta de 68 mil vagas”, alerta o vice-presidente. Para seu funcionamento, os cursos EAD deveriam obedecer uma série requisitos, mas que na prática não são cumpridos, tais como: não observância às diretrizes curriculares, bem como a carga horária e sua integralização; deficiência nas avaliações; falta de capacitação dos docentes; inexistência de estágios obrigatórios e atividades laboratoriais, dentre outros. Aliados a esses elementos que não condicionam a uma formação de qualidade, há uma proposta de mudança por parte do MEC, que altera o Decreto nº 5.622/2005, comprometendo ainda mais a qualidade da formação.

“O EAD deixa de exigir o credenciamento prévio para oferta presencial; credenciamento único para oferta de graduação e de pós-graduação lato sensu; credenciamento lato sensu EAD fica restrito às escolas de governo”, explica Lauro. Já os polos de apoio presencial passam a ser criados pelas instituições de ensino, que deverão informá-los ao MEC, no prazo de 60 dias, a partir da expedição do ato interno de criação, respeitando o quantitativo anual .

Os tutores que exercem atividades compatíveis com a docência deverão ser contratados como docentes (tutores a distância) e fica prevista a possibilidade de oferta de curso EAD totalmente virtual, mas, inicialmente, somente em caráter experimental e condicionado à autorização pelo MEC, mesmo para instituições com autonomia (Art. 10). A IES somente poderá pedir curso 100% virtual após o reconhecimento do primeiro curso EAD. O que, para o vice-presidente do CREF2/RS, é um erro pedagógico, já que no ensino da Educação Física faz-se indispensáveis aulas presenciais. “É necessário um amplo debate sobre o tema do EAD, pois corremos o risco de precarizar ainda mais nosso ensino”, alerta Lauro.


FÓRUM RS - Câmara da Saúde



Arrastão da Saúde leva sete conselhos profissionais a Tramandaí no último sábado
30/01/2017
Fonte: CREF2/RS

No último sábado, dia 28, a orla marítima  da praia de Tramandaí recebeu mais uma edição do Arrastão da Saúde, ação realizada durante o veraneio pelo Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS). A caminhada, com duração das 9h30min às 11h, teve início na Tenda do SESC-RS, entidade que tradicionalmente apoia o evento. O Arrastão é promovido pela Câmara da Saúde do Fórum/RS com o objetivo de incentivar a cultura da saúde na comunidade e esclarecer à população quanto a importância dos Conselhos na defesa da saúde coletiva.

Participaram cerca de 25 funcionários e conselheiros representando os Conselhos de Administração (CRA-RS), Biologia (CRBio-03), Educação Física (CREF2/RS), Fonoaudiologia (CREFONO7), Farmácia (CRF-RS), Fisioterapia e Terapia Ocupacional (CREFITO-5) e Medicina Veterinária (CRMV-RS). Entre as informações e materiais repassados na ação, foram demonstradas práticas integrativas e complementares da saúde, a atuação do fonoaudiólogo no estímulo à amamentação, dicas sobre diabetes, envelhecimento ativo, a prática de atividade física para o bem-estar e a saúde, dicas para pets, vida sustentável e câncer de pele.

O vice-presidente do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) esteve presente representando os profissionais de Educação Física. Segundo Lauro, o Arrastão traz vivo o conceito de interdisciplinaridade, como uma das ideias nucleares para consolidação da área da saúde. “Aqui podemos praticar o foco na perspectiva dos profissionais que estão com o desafio de concretizá-la na prática, entendida como uma competência que resulta de um conjunto de conhecimentos, habilidades e atitudes”, explica.


FÓRUM RS - Câmara da Saúde



Arrastão da Saúde acontece neste sábado nas areias de Tramandaí
24/01/2017
Fonte: CREF2/RS

No próximo sábado (28/01), a orla marítima de Tramandaí receberá, das 9h às 12h, mais uma edição do Arrastão da Saúde, ação realizada pelo Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS), com o apoio do SESC-RS. A ação é promovida pela Câmara da Saúde do Fórum-RS com o objetivo de incentivar a cultura da saúde na comunidade e esclarecer à população quanto a importância dos Conselhos na defesa da saúde coletiva.

Representantes dos Conselhos de Administração (CRA-RS), Biologia (CRBio-03), Educação Física (CREF2/RS), Fonoaudiologia (CREFONO7), Farmácia (CRF-RS), Fisioterapia e Terapia Ocupacional (CREFITO-5) e Medicina Veterinária (CRMV-RS) percorrerão a praia distribuindo kits informativos, com dicas de saúde e de prevenção de doenças. Compareça!

Arrastão da Saúde
Local: início na tenda do SESC-RS, beira da praia de Tramandaí – Rio Grande do Sul
Data: sábado, 28 de janeiro, das 9h às 12h


Fórum-RS



Arrastão da Saúde acontece nas areias de Tramandaí no dia 28 de janeiro
12/01/2017
Fonte: CREF2/RS

No último sábado de janeiro (28/01), a orla marítima de Tramandaí receberá, das 9h às 12h, mais uma edição do Arrastão da Saúde, ação realizada pelo Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS), com o apoio do SESC-RS. A ação é promovida pela Câmara da Saúde do Fórum-RS com o objetivo de incentivar a cultura da saúde na comunidade e esclarecer à população quanto a importância dos Conselhos na defesa da saúde coletiva.

Representantes dos Conselhos de Administração (CRA-RS), Biologia (CRBio-03), Educação Física (CREF2/RS), Fonoaudiologia (CREFONO7), Farmácia (CRF-RS), Fisioterapia e Terapia Ocupacional (CREFITO-5) e Medicina Veterinária (CRMV-RS) percorrerão a praia distribuindo kits informativos, com dicas de saúde e de prevenção de doenças. Compareça!

Circuito da Saúde
Local: início na tenda do SESC-RS, beira da praia de Tramandaí – Rio Grande do Sul
Data: sábado, 28 de janeiro, das 9h às 12h


Arrastão da Saúde



Projeto Esporte e Saúde I seleciona voluntários para pesquisa
11/08/2016
Fonte: CREF2/RS

O projeto Esporte e Saúde I, coordenado pelo professor Giovani Cunha (CREF 006684-G/RS) e vinculado à Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança (ESEFID) da UFRGS, está selecionando crianças do sexo masculino, com excesso de peso e idade entre 10 e 12 anos, para participar de um período de treinamento de futsal durante três meses. O estudo, promovido pelo grupo de pesquisa Projeto Esporte Brasil (PROESP-Br), procura investigar o efeito do treinamento de fustal sobre parâmetros de saúde.

O PROESP-BR conta com o apoio da Câmara da Saúde do CREF2/RS e as atividades relacionadas à pesquisa irão ocorrer no segundo semestre de 2016, nas dependências da ESEFID. A participação é voluntária e gratuita. Os interessados devem entrar em contato pelo e-mail treinamento.futsal@gmail.com ou pelo telefone (51) 8250-2713, de segunda à sexta, das 8h às 18h.


Pesquisa Câmara da Saúde



Conselhos da saúde se reúnem para discutir estratégias em defesa da qualidade de assistência à saúde
19/07/2016
Fonte: Crefito5

Os Conselhos Profissionais da área da saúde se reuniram na manhã de hoje, dia 19 de julho, para discutir estratégias de ação em defesa dos interesses das profissões e da sociedade. A reunião, realizada na sede do Conselho de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Crefito5), contou também com a presença dos Conselhos de Farmácia, Biomedicina, Nutrição, Odontologia, Enfermagem e Psicologia. O CREF2/RS esteve representado pela presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), pelo vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) e pela 1ª secretária Débora Garcia (CREF 002202-G/RS).

Neste primeiro encontro, foi analisado o impacto do PLS 350/2014, também conhecido como Novo Ato Médico, para cada uma das profissões da área da saúde. Segundo o presidente do Crefito5, Fernando Prati, o Projeto de Lei que tramita no Senado é vago no que diz respeito as atividades privativas de médicos, podendo causar diferentes interpretações e desconforto entre as profissões. “O projeto é uma ameaça à autonomia das profissões que atuam na área da saúde. Precisamos mostrar aos senadores e deputados os riscos de um projeto como esse para a sociedade”, afirmou.

De um modo geral, os participantes entendem que o Projeto de Lei provocará um problema geral de saúde, a partir do momento em que ratifica a hierarquia histórica dos médicos sobre os outros profissionais da área da saúde e ameaça a valorização e a autonomia de mais de 300 mil profissionais só no Rio Grande do Sul. A proposta é que as entidades representativas se unam para debater com os parlamentares de forma mais sólida politicamente, a fim de colocar o ponto de vista das áreas da saúde preocupadas com atos de monopólio.

Para isto, foi proposta a criação de uma frente multiprofissional que atuará em defesa da saúde, composta por membros de cada uma das áreas interessadas, que buscará melhor assistência dos serviços de saúde para a sociedade. Além disso, os Conselhos se comprometeram a elaborar um documento manifestando o posicionamento contra o Projeto e entregá-lo aos representantes gaúchos no Senado a fim de buscar apoio para a não aprovação.


Câmara da Saúde



II Simpósio Fórum-RS articula ações integradas dos conselhos
07/07/2016
Fonte: CREF2/RS

Nesta quarta-feira, dia 6, foi realizado no Conselho Regional de Administração o II Simpósio Fórum-RS. O evento, promovido pela Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissionais Regulamentadas do RS (Fórum-RS), teve o intuito de promover a troca de experiências entre os conselhos, a fim de aprimorar as práticas da fiscalização, a gestão da comunicação e a intergação dos seus registrados.

Segundo presidente do Fórum-RS, Antonio Palácios (CRC-RS), o grande desafio será fazer com que a sociedade tome conhecimento das atividades dos conselhos. "Afinal, fazemos exatamente o que esta Câmara tem por nome: defender a sociedade. Hoje, temos em nossos 27 conselhos 581 mil profissionais registrados, ou seja, possuimos um exercíto de profissionais habilitados atuando nas mais variadas áreas da sociedade organizada. Mesmo com tal contingente, falta ocupar um espaço maior na sociedade". De acordo com Palacios, ações têm sido postas em prática, mas com falhas de comunicação. "Precisamos que cada conselho divulgue as ações do Fórum-RS nas suas redes socias, nas sua mídias e nos seus canais de comunicação”, argumentou.

“Ações integradas na prevenção da saúde dos gaúchos” foi a apresentação que o vice-presidente do CREF2/RS e membro da Câmara da Saúde do Fórum-RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) realizou no evento. “Não entendo a Educação Física como uma atividade isolada dos outros conselhos da saúde. Vemos o surgimento da Câmaras da Saúde em órgãos como a OAB e Conselho de Contabilistas, demonstrando a relevância que o tema atinge hoje”, definiu. Durante a presentação, Aguiar relatou as ações que Câmara realizou junto a comunidade, como o Arrastão da Saúde, Dia Mundial da Saúde e a aproximação com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), dentre outros.


FÓRUM RS - Câmara da Saúde



CREF2/RS participa da reunião plenária do Fórum-RS
23/06/2016
Fonte: CREF2/RS

Foi realizada ontem (22), na sede do CREMERS, a reunião plenária do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Estado RS (Fórum-RS). O contador Antônio Palácios (CRC-RS) presidiu a reunião, que teve como representantes do CREF2/RS a presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), também 4ª vice-presidente do Fórum-RS e coordenadora da Câmara da Saúde, e o vice-presidente do Conselho, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), que faz parte do Conselho Fiscal do Fórum-RS.

A plenária teve como pautas a apresentação dos temas da Câmara de Defesa da Sociedade, a organização do II Simpósio do Fórum-RS, que será realizado no dia 6 de julho na sede do CRARS e a adesão dos conselhos ao Observatório Social. Também foi discutida, por sugestão da coordenadora Silvia Saucedo, a Portaria Ministerial 401/2016, que estabelece as normas para a oferta de cursos de educação profissional técnica de nível médio.

A reunião contou, ainda, com a participação do secretário-geral da Junta do Estado do Rio Grande do Sul, Cleverton Signor, que apresentou as ações de modernização pelas quais a Junta vem passando e colocou o órgão à disposição para conversar com os Conselhos sobre formas de firmar convênios que favoreçam as entidades. Além destes temas, o diretor da Associação Brasileira de Incentivo ao Desenvolvimento Sustentável, Lelis Cunha, apresentou a “Campanha do Litro D’Água”, desenvolvida pela entidade, que visa conscientizar a sociedade sobre a necessidade de mudanças de hábitos, a fim de evitar o desperdício de água.

Compareceram à plenária representantes dos Conselhos de Fonoaudiologia, Contabilidade, Administração, Educação Física, Biologia, Medicina, Farmácia, Ordem dos Advogados, Química, Engenharia e Agronomia, Medicina Veterinária e Arquitetura e Urbanismo.


Fórum-RS



Reunião da Câmara da Saúde do Fórum-RS ocorre no CREF2/RS
22/06/2016
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quarta-feira, dia 22 de junho, o CREF2/RS sediou a reunião da Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões do Rio Grande do Sul (Fórum-RS). O encontro, que contou com a presença de representantes do CRF-RS, CRMV-RS, CRBM-5 e do CRTR-RS, serviu para debater a realização do II Simpósio Fórum-RS e questões relacionadas ao alvará sanitário para Pessoas Jurídicas. O CREF2/RS foi representado pela presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), que também coordena a Câmara, e pelo vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS).

Além destes, outro tema abordado foi a inclusão da Câmara da Saúde na Comissão Especial da Saúde da OAB/RS. Os grupos, que unirão forças para realizar atividades em conjunto a partir de agora, também contarão com a contribuição da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Como salientou Everton Borges, assessor de relações institucionais do CRF-RS, estas parcerias são importantes para o desenvolvimento de políticas de prevenção de doenças, não só de tratamento “Também queremos dar andamento às questões que se referem à inclusão das demais áreas da saúde nos planos de saúde, algo muito importante para a sociedade”, pontuou.

O II Simpósio do Fórum-RS, que será realizado no dia 6 de julho na sede do Conselho Regional de Administração (CRA-RS), tem o intuito de promover a integração dos Conselhos da saúde entre si e com a sociedade. Aguiar, que realizará a palestra “Ações integrantes na prevenção da saúde dos gaúchos” durante o evento, convidou todos os presentes para participar. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui, até o dia 5 de julho.

Quanto ao alvará sanitário, os presentes discutiram a criação de uma exigência de registro nos Conselhos Profissionais para que as Pessoas Jurídicas possam obtê-los junto às Prefeituras. Como destacaram os integrantes da Câmara da Saúde, esta determinação seria bastante benéfica à sociedade, pois ajudaria a compensar a atual falta de normatização para a obtenção do documento e também auxiliaria a fiscalização de estabelecimentos relacionados à área da saúde. O assunto deverá ser levado para debate também na Comissão Especial da Saúde da OAB/RS.


Fórum-RS Câmara da Saúde



II Simpósio Fórum-RS tem suas inscrições abertas
16/06/2016
Fonte: CREF2/RS

Já estão abertas as inscrições para o II Simpósio Fórum-RS, que será realizado no dia 6 de julho, das 14h às 17h, no Conselho Regional de Administração, localizado na rua Marcílio Dias, 1030, bairro Menino Deus. O evento, promovido pela Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissionais Regulamentadas do RS (Fórum-RS), tem o intuito de promover a integração dos conselhos da saúde entre si e com a sociedade. O vice-presidente do CREF2/RS Lauro Aguiar realizará a palestra "Ações integradas na prevenção da saúde dos gaúchos" no início da tarde. As inscrições são gratuitas e vão até o dia 5 de julho.

II Simpósio Fórum-RS

Data: quarta-feira, 6 de julho, das 14h às 17h
Local: Conselho Regional de Administração
Endereço: Rua Marcílio Dias, 1030 - Menino Deus
Inscrições gratuitas até 5 de julho aqui.

Programação
14h - Ações integradas na prevenção da saúde dos gaúchos
Lauro Aguiar CREF2/RS
14h30min - Apresentações
CREFONO7 e Estudantes - Uma parceria que deu certo
Luciana Kael CREFONO7
Ações do Sistema CFF/CRFs na avaliação de cursos e atualização das diretrizes curriculares junto ao MEC
Professora Zilamar Fernandes CRF-RS
Observatório Social - As profissões regulamentadas e o controle da gestão pública no RS
Pedro Gabril CRC-RS
Como podemos contribuir com o observatório social
Jeferson Rosa CREA-RS
15h30- Intervalo
15h45min - Mesa de debate com todos os palestrantes
Mediadores: Márcia Renner CRBio-03 e João Lermen CRECA-RS


Câmara da Saúde Fórum RS



Evento sobre saúde, mídia e ética reúne alunos e profissionais da área no IPA
25/05/2016
Fonte: CREF2/RS

Na tarde da última sexta-feira, dia 20 de maio, a Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Rio Grande do Sul (Fórum-RS) realizou o encontro “Saúde na Mídia: uma questão de ética”, no auditório do IPA. O evento, que reuniu estudantes e profissionais da área para discutir o assunto, contou com a palestra do filósofo e professor da PUCRS Leonardo Agostini e com uma mesa redonda, que teve a participação de representantes do Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (CONAR), do Procon-RS e da Associação Riograndense de Publicidade.

Na abertura do evento, Carmem Franco, vice-presidente do CRN-2 e coordenadora adjunta da Câmara da Saúde do Fórum-RS, destacou a importância de eventos como esse, que aproximam os profissionais da área da saúde, os acadêmicos destes cursos e a sociedade em geral. “No momento político atual do Brasil, discutir a ética passa a ser fundamental”, sublinhou. Depois deste primeiro momento, o evento prosseguiu com a palestra “Ética no Contexto da Saúde”, ministrada por Agostini. O professor da PUCRS abordou as diferenças entre ética e moral e deixou para os presentes algumas questões para reflexão. “Que profissional da saúde você quer ser? Que tipo de sociedade você quer construir? Quais valores e princípios norteiam a sua ação profissional?”, questionou.

Após a palestra, Zeca Honorato, presidente da Associação Riograndense de Publicidade; Edney Narchi, vice-presidente executivo do CONAR; Cauê Vieira, diretor-regional do Procon-RS; e Cláudio Ferreira, presidente do Movimento Edy Mussoi de Defesa dos Consumidores do Rio Grande do Sul, se reuniram para debater os principais tópicos da palestra e para responder os questionamentos da plateia. Além de destacar que a publicidade não cria comportamentos, Honorato salientou que ela só reflete aquilo que a sociedade é de fato. “Independente disto, a publicidade precisa respeitar normas e desempenhar o seu papel sociocultural”, complementou Narchi. Vieira, trouxe ainda os números a respeito do trabalho do Procon-RS e revelou que não poucos os processos abertos que têm relação aos serviços de saúde. “Os princípios que regem a relação com o consumidor precisam ser respeitados sempre, para isto que existe o Código de Defesa do Consumidor”, finalizou ferreira.


Fórum-RS IPA Câmara da Saúde Ética



Encontro “Saúde na Mídia: uma questão de ética” é amanhã no IPA
19/05/2016
Fonte: CREF2/RS

A regulamentação da publicidade e a análise da inserção dos profissionais da área da saúde serão alguns dos assuntos debatidos no encontro “Saúde na Mídia: uma questão de ética”, que será realizado amanhã, dia 20 de maio, no auditório do IPA. Promovido pela Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Rio Grande do Sul (Fórum-RS), o evento vai ter entrada gratuita e iniciará às 13h30min. As inscrições, abertas para profissionais e acadêmicos em geral, podem ser feitas por aqui no diretamente no local.

Com a palestra “Ética no Contexto da Saúde”, ministrada pelo filósofo e professor da PUCRS Leonardo Agostini, o Encontro vai contar também com uma uma mesa redonda e a participação de representantes do Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (CONAR), Procon, Associação Riograndense de Publicidade, Movimento das Donas de Casa e Consumidores.

“Saúde na Mídia: uma questão de ética”
Data: sexta-feira, 20 de maio, às 13h30min
Local: Auditório Oscar Machado – Centro Universitário Metodista IPA
Endereço: Rua Coronel Joaquim Pedro Salgado, 80 – Rio Branco
Inscrições: no local ou antecipadamente por aqui


Eventos



Câmara da Saúde realiza encontro “Saúde na Mídia: uma questão de ética” no IPA
09/05/2016
Fonte: CREF2/RS

A ética no contexto da saúde, a regulamentação da publicidade da área, reclamatórias, defesa de interesse de consumidores e análise da inserção dos profissionais serão alguns assuntos debatidos a partir das 13h30min, do dia 20 de maio, no auditório do IPA, em Porto Alegre, no seminário “Saúde na Mídia: uma questão de ética”. Promovido pela Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Estado do Rio Grande do Sul (FÓRUM-RS), o evento contará com palestra “Ética no Contexto da Saúde”, ministrada pelo filósofo e professor da PUCRS, Leonardo Agostini. Também acontecerá uma mesa redonda com representantes do CONAR (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária), Procon, Associação Riograndense de Publicidade, Movimento das Donas de Casa e Consumidores e de Assessoria Jurídica de Conselho Profissional, que debaterão a regulamentação da publicidade, reclamatórias, defesa de interesse de consumidores e análise da inserção dos profissionais da saúde na mídia.

O evento ocorre no momento em que o Brasil está passando por um momento de turbulência política, econômica e de crise de valores. O esporte é anunciado como fator fundamental para o desenvolvimento da educação, da saúde, da formação cidadã, de prevenção de doenças, redução da violência, e de combate à obesidade. São muitos os benefícios e valores transmitidos através da disciplina. Entretanto, é preciso entender que o esporte não é um fim em si mesmo, e sim um meio, uma ferramenta que necessita de agentes para que os fins (benefícios e valores) sejam atingidos. O exercício físico e esportivo se mal orientado, dinamizado e ensinado de forma errônea, pode causar danos, lesões físicas, psíquicas, morais e sociais.

O que pode ou não pode? O que é ético e de que forma isso influencia a vida das pessoas? Para os Conselhos Profissionais da área da saúde, tratar sobre assuntos tão importantes para a vida da população exige responsabilidade. A iniciativa é gratuita e será aberta aos profissionais e estudantes de Biologia, Biomedicina, Educação Física, Farmácia, Fonoaudiologia, Nutrição e Medicina Veterinária. Também será possível a participação da comunidade no evento que tem, ainda, o apoio do Instituto Metodista IPA.

“Saúde na Mídia: uma questão de ética”
Data: sexta-feira, 20 de maio, às 13h30min
Local: Auditório Oscar Machado, Centro Universitário Metodista IPA
Endereço: rua Coronel Joaquim Pedro Salgado, 80, bairro Rio Branco, Porto Alegre
Inscrições gratuitas por aqui


Câmara da Saúde



CREF2/RS participa do Dia Mundial da Saúde e da Atividade Física em Porto Alegre
07/04/2016
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS, assim como os demais Conselhos que integram a Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do RS (Fórum-RS), participam hoje das comemorações do Dia Mundial da Saúde da Atividade Física. A ação, realizada no Largo Glênio Peres, em Porto Alegre, oferece à população, das 9h às 16h, aulas de yoga, tai chi chuan e alongamento, bem como apresentações teatrais e dicas de reciclagem, saúde, bem-estar e de preservação do meio ambiente. As atividades são todas gratuitas.

A abertura do evento, realizada pela manhã, contou com a presença do prefeito José Fortunati e de Fernando Ritter, secretário de saúde de Porto Alegre. O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), também esteve presente no estande do Conselho para auxiliar a população, distribuindo os materiais informativos produzidos pelo CREF2/RS e dando dicas sobre a importância do exercício físico regular. Para ele, as comemorações que envolvem a data é muito importante, pois aproximam os profissionais da saúde e a comunidade, que tem durante este momento a oportunidade de conversar sobre qualidade de vida e tirar dúvidas sobre a prevenção de doenças. “O Dia Mundial da Saúde e da Atividade Física pode ser ainda um incentivo para que todos adotem hábitos mais saudáveis”, afirmou.


Dia Mundial da Saúde Fórum-RS



CREF2/RS comemora Dia Mundial da Saúde no Largo Glênio Peres
04/04/2016
Fonte: CREF2/RS/PMPA

Na próxima quinta-feira (7), das 9h às 16h, o CREF2/RS e os Conselhos membros da Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do RS (Fórum-RS) comemorarão o Dia Mundial da Saúde no Largo Glênio Peres, em frente ao Mercado Público de Porto Alegre. Serão nutricionistas, farmacêuticos, fonoaudiólogos, profissionais da Educação Física e médicos veterinários que oferecerão dicas de saúde e de bem-estar. Também serão prestadas informações quanto à importância dos Conselhos Profissionais, já que a função primordial das instituições é fiscalizar o exercício ilegal das profissões, garantindo com isto a qualidade dos serviços oferecidos à sociedade.

A população também terá à disposição oficinas com orientações de como organizar a geladeira ou manter a casa segura, sem riscos para idosos e crianças, que são as principais vítimas em acidentes domésticos. Na Feira da Saúde, os participantes poderão simular a compra de alimentos, testando se predomina a escolha por alimentos saudáveis, momento em que nutricionistas darão dicas de como priorizar a boa alimentação. A programação inclui aulas de Yoga, Tai Chi Chuan, alongamento e dança, apresentações teatrais, dicas de reciclagem e preservação do meio ambiente e dos arroios da cidade, atividades para idosos, roda de conversa sobre qualidade de vida, exposição de sementes nativas e coral da etnia Mbyá Guarani Tekoá Ka’aguy Mirim. Profissionais estarão à disposição com dicas de saúde bucal, prevenção da tuberculose e do câncer de mama, saúde escolar, agricultura familiar e horta comunitária.

Foto: Betina Carcuchinski/PMPA


Dia Mundial da Saúde



Diretoria e Conselho Fiscal do Fórum-RS tomam posse
30/03/2016
Fonte: CREF2/RS

Em 23 de março, durante reunião plenária do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do RS, realizada na sede do Conselho Regional de Medicina do RS (CREMERS), foram empossados os membros da Diretoria e do Conselho Fiscal do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do RS (FÓRUM-RS).

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), foi eleita a 4ª vice-presidente e também coordenadora da Câmara da Saúde. O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), faz parte do Conselho Fiscal e a conselheira do CREF2/RS, Débora Garcia (CREF 002202-G/RS), participa da Câmara de Defesa da Sociedade.

O presidente do Fórum-RS, Antônio Palácios (CRC-RS), salientou que a união dos conselhos permite que as ações desenvolvidas em prol da sociedade sejam melhor divulgadas. “Temos uma maior repercussão e, para ampliar ainda mais isto, pretendemos abarcar os observatórios sociais para expandir nossa atuação”, explicou. Carmen Masson ressaltou a importância do Fórum-RS nas lutas profissionais. “Através do Fórum-RS podemos nos aproximar do governo e da sociedade com mais efetividade, articulando políticas e contribuindo para a qualidade da administração pública e da democracia”, afirmou.

Diretoria
Presidente: Antônio Palácios (CRC-RS)
1º vice-presidente: Valter Luiz de Lemos (CRA-RS)
2º vice-presidente: Roberto Py Gomes da Silveira (CAU-RS)
3º vice-presidente: Rogério Wolf de Aguiar (CREMERS)
4ª vice-presidente: Carmen Masson (CREF2/RS)
5º vice-presidente: Ricardo Breier (OAB-RS)
Secretaria-geral: Marlene Danesi (CREFONO-RS)
1ª secretaria-geral adjunta: Clarice Luz (CRBio-RS)
2ª secretaria-geral adjunta: Renato Minozzo (CRBM-RS)
3ª secretaria-geral adjunta: Rodrigo Lorenzoni (CRMV-RS)
Conselho Fiscal
Maurício Schüler Nin (CRF-RS)
Rosângela Parmigiani (CRN-RS)
Marco Aurélio Kihs (CRA-RS)
Ana Lice Bernardi (CRN-RS)
Lauro Ubirajara Barboza de Aguiar (CREF2/RS)
Coordenadores das Câmaras e Grupos Técnicos:
Câmara da Saúde: Carmen Masson (CREF2/RS)
Câmara de Ensino: Silvia Saucedo (OAB-RS)
Câmara de Defesa da Sociedade: Miriam Teresinha (CREFONO-RS)
Grupo de Agentes Fiscais: Everton Borges (CRF-RS)
Grupo de Assessores de Comunicação Social: Diana Lienert (CRF-RS)
Grupo de Assessores Jurídicos: Angelo Bozzetto (CRC-RS)


Fórum-RS



“Arrastão da Saúde” marca o sábado dos veranistas na orla de Tramandaí
19/01/2016
Fonte: CREF2/RS

Na manhã deste sábado (16), a Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do RS esteve presente na orla de Tramandaí realizando o “Arrastão da Saúde”, atividade que marcou a sexta edição do Circuito da Saúde. Representantes dos Conselhos de nutricionistas, farmacêuticos, fonoaudiólogos, profissionais de Educação Física e médicos veterinários percorreram a praia distribuindo aproximadamente 500 kits de informativos, com dicas de saúde e de prevenção de doenças.

Na ação estiveram presentes o vice-presidente do CREF2/RS Lauro Ubirajara Barboza de Aguiar (CREF 002782-G/RS) e a conselheira Débora Rios Garcia (CREF 002202-G/RS). Segundo Lauro, este tipo de evento é uma excelente oportunidade para reforçar a importância dos Conselhos Profissionais na proteção dos serviços prestados à população. “Esta caminhada ajuda a esclarecer a diversidade da atuação dos Conselhos e o nosso compromisso com a saúde integral, a cidadania e a qualidade de vida”.


FÓRUM RS - Câmara da Saúde



Conselhos Profissionais promovem “Arrastão da Saúde” em Tramandaí no dia 16 de janeiro
07/01/2016
Fonte: CREF2/RS

A 6ª edição do Circuito da Saúde promete agitar as areias da praia de Tramandaí no próximo dia 16 de janeiro, quando a Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS) promoverá o “Arrastão da Saúde”. Das 10h às 12h, equipes multidisciplinares de nutricionistas, farmacêuticos, fonoaudiólogos, profissionais da Educação Física e médicos veterinários percorrerão a orla oferecendo aos veranistas dicas de saúde e de bem-estar. O Circuito da Saúde também tem como objetivo esclarecer à população a importância dos Conselhos Profissionais, já que a função primordial das instituições é fiscalizar o exercício ilegal das profissões, garantindo com isto a qualidade dos serviços oferecidos à sociedade.

Circuito da Saúde - “Arrastão da Saúde”
Local: beira da praia de Tramandaí
Data: sábado, 16 de janeiro, das 10h às 12h


Câmara da Saúde Fórum RS



Encontro entre acadêmicos e conselhos profissionais debate Controle Social
17/11/2015
Fonte: CREF2/RS

Com o tema “Conselhos de Controle Social”, a Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS) promoveu em Porto Alegre, no dia 13 de novembro, o 2º Encontro dos Acadêmicos com os Conselhos Profissionais da Saúde. O evento, ocorrido em Porto Alegre no auditório do Conselho dos Corretores de Imóveis do Rio Grande do Sul (CRECIRS), visou, ainda, esclarecer aos estudantes sobre os objetivos e a importância das entidades como órgãos orientadores, disciplinadores e fiscalizadores do exercício legal das profissões.

Na abertura do evento, a coordenadora da Câmara da Saúde, nutricionista Carmem Franco, ressaltou o papel exercido pelos conselhos profissionais como protetores da sociedade, evitando, por meio de fiscalização, que pessoas não habilitadas exerçam profissões regulamentadas, pondo em risco a saúde da população. “Como temos inúmeras profissões com estas características, elas se congregam pelas suas expertises em fóruns”, explicou. Carmem enfatizou a certeza de que os estudantes de hoje serão as lideranças do amanhã. "Por isso, a Câmara da Saúde tenta reunir-se com os acadêmicos uma vez por ano. Na última ocasião, recebemos a demanda de debater o Controle Social, instrumento pelo qual se busca a solução das deficiências sociais com mais eficiência".

O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), afirmou que este tipo de ação servirá como exemplo à sociedade, ampliando a cidadania. “O Controle Social tem-se mostrado essencial para que os gestores sejam responsáveis e estabeleçam suas decisões em prol do interesse público e de demandas da sociedade”. Aguiar definiu como inegável o potencial democrático do Controle Social tanto pelo Estado, como pelo cidadão, na busca da transparência democrática.

Segundo o farmacêutico bioquímico Rodrigo Silveira Pinto, palestrante do evento, não houve lei promulgada no país até 1992 que trouxesse a noção de Controle Social. "Isto aconteceu para que os movimentos sociais não se apropriassem deste instrumento democrático", constatou. Ele também afirmou que participação social é o que gera Controle Social, evitando a reserva de poder hoje existente nos conselhos de saúde. “Isto porque sabemos ser pouco representativo apenas um membro nos conselhos”. Ele ressaltou que o fato de a população achar que o profissional de saúde detém todo o conhecimento causa prejuízo na implantação do Controle Social. “Temos que romper esta cultura de apropriação do poder”, finalizou.


Fórum-RS



2º Encontro dos Acadêmicos com os Conselhos Profissionais analisa Controle Social
26/10/2015
Fonte: CREF2/RS

Com o tema “Conselhos de Controle Social”, a Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS) realizará em Porto Alegre, no dia 13 de novembro, seu 2º Encontro dos Acadêmicos com os Conselhos Profissionais da Saúde. O evento ocorrerá das 13h às 17h15min, no auditório do Creci, rua Guilherme Alves, 1010, e será uma ótima oportunidade para os alunos dos cursos superiores da área da saúde conhecerem as experiências e os objetivos dos Conselhos de Controle Social, bem como terem contato com seus futuros conselhos profissionais. Entre os palestrantes, está o farmacêutico Rodrigo Silveira Pinto, especialista em planejamento estratégico situacional, atenção primária orientada à comunidade e com ampla experiência em Conselhos de Controle Social.

O Encontro é organizado pelos Conselhos Regionais de Educação Física, Fonoaudiologia, Biomedicina, Técnicos em Radiologia, Farmácia, Fisioterapia e Terapia Ocupacional, Medicina Veterinária, Nutricionistas e Química.

2º Encontro dos Acadêmicos com os Conselhos Profissionais
Programa:
13h: Credenciamento
13h30min: Abertura
14h:Palestra: Controle Social – palestra com o farmacêutico Rodrigo Silveira Pinto
14h40min: Debate
15h: Integração Aluno/Conselho
15h30min: Dinâmica de prática em Controle Social – Tema: Violência
17h15min: Encerramento
O evento é gratuito e as inscrições podem ser feitas pelo link http://www.forum-rs.com.br/new/evento.php?id=13 .


Fórum-RS



Conselheira realiza palestra no I Simpósio do Fórum RS
07/10/2015
Fonte: CREF2/RS

A conselheira Eneida Feix (CREF 002116-G/RS) proferiu ontem (6) a palestra “Interações propositivas da qualificação da saúde e bem-estar da sociedade” no I Simpósio do Fórum RS, na qual fez um relato minucioso da interação do Conselho com os profissionais de Educação Física e com a sociedade. O evento, que teve como tema “O papel dos Conselhos Profissionais junto à sociedade”, foi realizado na sede do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECIRS), com organização da Câmara da Saúde Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissionais Regulamentadas do Rio Grande do Sul (Fórum-RS).

Em sua exposição, Eneida ressaltou a importância da troca interdisciplinar de conhecimentos. “Participar de eventos com outros conselhos vem sendo uma política eficaz para aprimorarmos a nossa gestão”, afirmou. A conselheira discorreu sobre a pauta de lutas em prol da Educação Física travada pelo Conselho, ampliada neste ano com a defesa da Fundergs e do CETE. “Por meio de mobilização e pressão política, conseguimos retirar o regime de urgência do Projeto de Lei que extingue a Fundação”. Ela frisou que as verbas destinadas à atividade física não são gastos públicos, mas sim investimento em saúde e inclusão social.

A conselheira explicou que a obrigatoriedade do profissional de Educação Física habilitado orientando as séries iniciais Educação Física Escolar, uma luta histórica do Conselho, obteve importante vitória em 2014 em Porto Alegre com a aprovação da Lei nº 11.585, de autoria do vereador Professor Garcia (CREF 000002-G/RS), que obriga a formação em curso superior de Licenciatura em Educação Física para a docência dessa disciplina no Ensino Fundamental “Diante da epidemia de obesidade e doenças relacionas, como diabetes e hipertensão, nossa luta é para torná-la estadual”.

Na mesa-redonda que se seguiu ao debate, foram abordados temas como fiscalização e a interação com a SMIC, Vigilância Sanitária, Procon, Polícia Civil e Brigada Militar. Também estiveram presentes a presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), o presidente da Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), e o presidente do CRECIRS, Flávio Koch.


Fórum-RS



Fórum-RS realiza simpósio sobre o papel dos conselhos profissionais na sociedade
22/09/2015
Fonte: CREF2/RS

No dia 6 de outubro, a Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissionais Regulamentadas do Rio Grande do Sul (Fórum-RS) e a Câmara de Defesa da Sociedade realizarão o I Simpósio do Fórum RS. Com o tema “O papel dos Conselhos Profissionais junto à sociedade”, o evento tem como público-alvo assessorias de comunicação, conselheiros, agentes fiscais e diretorias, e acontecerá no Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECIRS), localizado na avenida Borges de Medeiros, 308, 15º andar, Centro, Porto Alegre. As vagas são limitadas e as inscrições gratuitas podem ser feitas até o dia 5 de outubro.

I Simpósio do Fórum RS
"O papel dos Conselhos Profissionais junto à sociedade"
Programação
13h45min - Credenciamento
14h15min - Abertura
14h45min às 15h30min - Apresentações
CRECI-RS "Como utilizar o Facebook para aproximar seu credenciado". Fernanda Coiro - jornalista
CRN-2 "Alimentação saudável e segura nas cantinas escolares - O diferencial do selo de qualidade". Maiele B. Bianchini - nutricionista
CRF-RS "Denúncias: como receber, como apurar". Elisa Tramontini - farmacêutica
CREF2/RS: "Interações propositivas da qualificação da saúde e bem-estar da sociedade". Eneida Feix - profissional de Educação Física (CREF 002116-G/RS)
15h30min - Intervalo
15h45min - Mesa de debates
17h15min - Encerramento

Data: terça-feira, 6 de outubro
Local: Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECIRS), av. Borges de Medeiros, 308, 15º andar, Centro, Porto Alegre
Vagas limitadas
Inscrições gratuitas no site www.forum-rs.com.br


Fórum-RS



Câmara da Saúde do Fórum-RS propõe inserção de novos profissionais na Saúde Suplementar
03/09/2015
Fonte: CREF2/RS

A Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissionais Regulamentadas do Rio Grande do Sul (Fórum-RS) entregou, na tarde desta quarta-feira (2), um ofício à Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). O documento, elaborado pelo CREF2/RS em conjunto com os demais Conselhos da área, solicita que a ANS avalie as propostas de inserção de outros profissionais na Saúde Suplementar e que as operadoras de planos de saúde adotem novos programas de promoção e de prevenção da saúde.

O ofício, que foi recebido por Renata Cachapuz, chefe do núcleo da ANS de Porto Alegre; e por Sílvia Ludwig, chefe substituta do órgão; mostra que os Conselhos Profissionais estão preocupados em repensar a organização da Saúde Suplementar, para que se saia do modelo hegemonicamente centrado na doença, e se adote uma postura eficaz de promoção da saúde. Como salientou Everton Borges, assessor de relações institucionais do Fórum-RS, a ideia é que todos os outros profissionais da área, como nutricionistas, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, profissionais de Educação Física, farmacêuticos e biomédicos, estejam também à disposição dos beneficiários dos planos. "O nosso intuito é promover a saúde e não somente tratar as doenças. Isto, em longo prazo, trará uma economia até mesmo para as empresas operadoras".

O discurso de Borges foi reforçado por Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do CREF2/RS e da Câmara da Saúde do Fórum-RS, que destacou a importância de se investir em equipes multidisciplinares. "Nós precisamos ter um olhar diferente, já que várias doenças poderiam ser prevenidas se repensássemos a maneira como se trabalha a saúde, não apenas a doença", pontuou. Para ela, todos os profissionais da área tem um papel essencial neste processo e é preciso atuar de forma conjunta para que a população mude os seus hábitos e para que os planos de saúde adotem os procedimentos alternativos, como a homeopatia, a fitoterapia, a quiropraxia e outros.

A Câmara da Saúde aproveitou a entrega do ofício para também propor que a ANS crie mecanismos que exijam das operadoras de planos de saúde o desenvolvimento de programas para a prevenção de doenças e que estimulem a adesão dos beneficiários. A Agência se comprometeu em realizar uma nova reunião com as operadoras de planos de saúde para levar a proposta adiante.


Câmara da Saúde Fórum-RS



Câmara da Saúde debate saúde suplementar
24/08/2015
Fonte: CREF2/RS

O conselheiro Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) participou na manhã desta segunda-feira (24) da reunião da Câmara da Saúde do Fórum/RS, realizada no Conselho Regional de Nutrição (CRN2). O encontro teve como pauta principal a inserção dos profissionais na saúde suplementar, com propostas para a inclusão e a ampliação da oferta de serviços oferecidos por profissionais da área. 

Segundo Lauro, a Câmara está buscando mais entrosamento com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). “Pretendemos acompanhar a elaboração de políticas no âmbito da saúde suplementar, ou seja, discutir, analisar e sugerir medidas que possam melhorar as relações entre os diversos segmentos que compõem o setor”, avalia.


Câmara da Saúde



Câmara da Saúde preconiza mais inserção dos profissionais na saúde suplementar
27/07/2015
Fonte: CREF2/RS

O conselheiro Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) participou na manhã desta segunda-feira (27) da reunião da Câmara da Saúde do Fórum/RS, realizada no Conselho Regional de Nutrição (CRN2). O encontro teve como pauta a inserção dos profissionais na Saúde Suplementar e a elaboração de um documento que será entregue a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), com propostas para a inclusão e ampliação da oferta de serviços oferecidos por profissionais da área.

Segundo o conselheiro do CREF2/RS, o modelo existente em Minas Gerais, no qual academias são conveniadas junto aos planos, pode servir como exemplo de uma parceria com a assistência suplementar. “Outra ação importante é o Laboratório de Inovação na Saúde Suplementar, localizado no Rio de Janeiro, fruto de uma parceria entre a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) e a ANS, que vai propiciar experiências significativas nas práticas de gestão dos plano de saúde”, complementa.

Para Nelci Dior, representante do Conselho Regional de Enfermagem (COREN), uma das maneiras de chamar atenção da previdência privada para a atuação dos profissionais de saúde é a questão da rentabilidade. “Mostrar que o nosso trabalho preventivo e de reabilitação pode contribuir tanto para as empresas como para a saúde da população criará um novo tipo de relacionamento”, analisa.

Estiveram presentes à reunião os Conselhos de Educação Física, Nutricionistas, Farmacêuticos, Psicologia, Enfermagem, Terapia Ocupacional e Química.


Câmara da Saúde



Encontro reúne Câmara da Saúde do Fórum/RS, Defensoria Pública e representante da saúde suplementar
21/07/2015
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS esteve presente, nesta segunda-feira (20), na reunião ampliada da Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do RS (Fórum/RS), realizada na sede da Defensoria Pública do Estado, com a participação de representante da saúde suplementar. Na pauta, debateu-se políticas públicas de prevenção e promoção da saúde, a inclusão e ampliação da oferta de serviços oferecidos por profissionais da saúde, promovendo a multidisciplinariedade, interdisciplinaridade e transdisciplinaridade nos planos de saúde, bem como a oferta de práticas integrativas e complementares destes, além do direito do consumidor na escolha de serviços e profissionais disponibilizados, entre outros temas.

Durante o evento, Enir Madruga de Ávila, defensor público e subdirigente do Núcleo de Defesa da Saúde (NUDS) da Defensoria Pública, avaliou que atualmente a Defensoria Pública trata as consequências, e não as causas dos problemas da saúde. "A cultura da receita médica com força de lei lotou os fóruns com ações de saúde. Vemos casos em que pessoas têm condições de pagar o medicamento, mas pelo meio judicial obrigam que o Estado o faça, prejudicando as pessoas carentes. Temos que abandonar estas práticas paternalistas e diminuir consideravelmente a judicialização da saúde”, ressalta.

A presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) avaliou que a construção da Câmara da Saúde demonstrou o quanto há de desconhecimento por parte de um profissional da saúde em relação a área de atuação de outra profissão da mesma área. “Quando comecei a dialogar com os fonoaudiólogos, percebi que eu atribuía equivocadamente várias de suas incumbências à prática médica”. Carmen também ressaltou o trabalho multidisciplinar como uma característica da prevenção e da promoção da saúde. "Somente as práticas integradas e complementares darão resultado na área da saúde. Cabe enfatizar que dados científicos demonstram que de cada dólar investido em atividade física, reduz-se 4,2 dólares em potenciais gastos na saúde".

Carmem Franco, vice-presidente do Conselho Regional de Nutricionistas (CRN2), ressaltou que o grande objetivo dos conselhos é a proteção da sociedade por meio do efetivo serviço profissional, e não a mera ação corporativa, como muitas vezes é veiculado. "Por isto, acho importante os conselhos mostrarem tanto suas ações como suas limitações, trazendo luz as questões de fundo da nossa saúde. Isto pode proporcionar economia aos cofres públicos, o que vem a ser um argumento muito convincente para adesão dos governantes".

Já o representante da Caixa de Assistência dos Funcionários do Banco do Brasil (CASSI-RS), Everton Silva, afirmou que mesmo após 12 anos de atuação em forma de autogestão, a operadora ainda tem dificuldades em identificar espaços de atuação dos profissionais. "A questão da interdisciplinariedade propriamente dita ainda é complexa, e nos deparamos cotidianamente com ela”, explica. Silva trouxe dados de pesquisas que demonstram que cerca de 70% dos usuários dos serviços de saúde respeitam a prescrição médica, mas apenas 40% obedecem a orientação do médico para modificar hábitos não saudáveis. "Sabendo que a prescrição médica é lei e detém todo um peso cultural inculcado, o que sobra para as prescrições dos nutricionistas ou terapeutas ocupacionais? Esta autoridade é que tem que ser balanceada", pondera.

Na ocasião, o conselheiro do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) afirmou que não resta opção aos trabalhadores da saúde que não seja a união, mesmo que na forma de cooperativas. "Existe uma cultura no Brasil em que os médicos, engenheiros e advogados são sobrevalorizados. Temos que mostrar a sociedade e aos outros profissionais a nossa centralidade na questão da promoção da saúde e na prevenção de doenças. Vamos estreitar laços com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e traçar estratégias para enfrentar os problemas da saúde no país”.

Também estiveram presentes à reunião representantes dos conselhos profissionais de Biomedicina, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia e Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia e Psicologia.


FÓRUM RS - Câmara da Saúde



Prefeitura de Porto Alegre promove Dia Mundial da Saúde e da Atividade Física nesta quarta-feira
13/04/2015
Fonte: CREF2/RS

Em parceria com Ministério da Saúde e com o Governo do Estado, a Prefeitura de Porto Alegre realiza, nesta quarta-feira (15), ação comemorativa ao Dia Mundial da Saúde e da Atividade Física, celebrados oficialmente em 6 e 7 de abril, respectivamente. A atividade será gratuita, das 10h às 18h, no Largo Glênio Peres, no centro da cidade.

A Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Estado do Rio Grande do Sul (Fórum-RS) também vai participar do evento. No espaço destinado ao CREF2/RS, serão concedidas informações à população sobre a importância da atividade física e do exercício orientado por profissional habilitado. Além disso, outras atividades vão completar a programação, como apresentação de teatro e aulas de alongamento, dança e ginástica terapêutica.

Dia Mundial da Saúde e da Atividade Física
Quarta-feira, dia 15 de abril
Horário: das 10h às 18h
Local: Largo Glênio Peres (em frente ao Mercado Público), no centro de Porto Alegre




Fórum-RS comemora Dia Mundial da Saúde com ação no Shopping Total
08/04/2015
Fonte: CREF2/RS

A quinta edição do Circuito da Saúde, em comemoração ao Dia Mundial da Saúde, foi realizada ontem (7), no Shopping Total. A ação, promovida pela Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum-RS) com o apoio do SESI-RS, ofereceu diversos serviços gratuitos à população ao longo do dia, como avaliação nutricional e antropométrica, verificação de pressão arterial, disfagia de memória e de voz, entre outros mais.

O evento teve também o intuito de esclarecer a população quanto à importância dos conselhos profissionais na defesa da saúde e da sociedade. "A saúde não pode ser separada por profissões, pois depende da boa alimentação, da atividade física e de outros vários fatores", explicou o 1º secretário do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS). "Para garantir boa saúde, é preciso a integração de todas as áreas e políticas públicas que invistam não só no tratamento, mas também na prevenção de doenças", completou.

O CREF2/RS realizou cerca de 50 avaliações antropométricas no local e também distribuiu material informativo sobre as atividades do Conselho e sobre os benefícios da atividade física. "O nosso papel é justamente este, levar a informação e explicar para as pessoas porque a saúde deve ser questão prioritária na vida de todos", analisou Aguiar. Também participam da ação os conselhos de Farmácia (CRF-RS), Fisioterapia e Terapia Ocupacional (CREFITO5), Fonoaudiologia (CREFONO 7), Nutricionistas (CRN2) e Medicina Veterinária (CRMV-RS).




Conselho representa Fórum-RS e homenageia Dia Mundial da Saúde na Tribuna Popular da Câmara Municipal de Porto Alegre
07/04/2015
Fonte: CREF2/RS

Na tarde de ontem (6), a presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), representando Câmara da Saúde do Fórum-RS, utilizou o espaço da Tribuna Popular, da Câmara Municipal de Porto Alegre, para falar sobre o Dia Mundial da Saúde, comemorado hoje. No seu discurso, Carmen destacou o alto índice de sedentarismo no Brasil, que chega a 70% da população, e a necessidade de se pensar em políticas de saúde, numa perspectiva preventiva e não curativa. Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), 1º secretário do CREF2/RS, e Ana Lice Bernardi, do Conselho de Nutricionistas (CRN-2), também compareceram.

E para marcar o Dia Mundial da Saúde, o Shopping Total recebe hoje, das 13h às 20h, a quinta edição do Circuito da saúde. A ação, realizada pelo Fórum-RS, vai oferecer diversos serviços gratuitos à população, como avaliação nutricional e antropométrica, verificação da pressão arterial, disfagia de memória e de voz, entre outros. Participam da ação os conselhos de Farmácia (CRF-RS,) Fisioterapia e Terapia Ocupacional (CREFITO5), Fonoaudiologia (CREFONO 7), Nutricionistas (CRN2) e Medicina Veterinária (CRMV-RS).

V Circuito da Saúde – Dia Mundial da Saúde
7 de abril, terça-feira, das 13h às 20h
Local: Shopping Total (Avenida Cristóvão Colombo, 545 – Floresta)
Primeiro Piso – Pavimento Cristóvão Colombo (em frente à Renê Calçados): CRN2 e CREF2/RS
Segundo Piso – Pavimento Gonçalo de Carvalho (em frente à Trip House): CRF-RS, CREFITO5, CREFONO 7, CRMV-RS


Dia Mundial da Saúde Câmara da Saúde



CREF2/RS e conselhos profissionais participam do Dia Mundial da Saúde no Shopping Total nesta terça
02/04/2015
Fonte: CREF2/RS

O Shopping Total recebe, na próxima terça-feira (7), a quinta edição do Circuito da Saúde, em comemoração ao Dia Mundial da Saúde. A ação, realizada pela Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum-RS), vai oferecer diversos serviços gratuitos à população, como avaliação nutricional e antropométrica, verificação da pressão arterial, disfagia de memória e de voz, entre outros.

O evento tem também o intuito de esclarecer a sociedade quanto à importância dos conselhos profissionais na defesa da saúde. Além do CREF2/RS, participam da ação os conselhos de Farmácia (CRF-RS,) Fisioterapia e Terapia Ocupacional (CREFITO5), Fonoaudiologia (CREFONO 7), Nutricionistas (CRN2) e Medicina Veterinária (CRMV-RS).

V Circuito da Saúde – Dia Mundial da Saúde
7 de abril, terça-feira, das 13h às 20h
Local: Shopping Total (Avenida Cristóvão Colombo, 545 – Floresta)
Primeiro Piso – Pavimento Cristóvão Colombo (em frente à Renê Calçados): CRN2 e CREF2/RS
Segundo Piso – Pavimento Gonçalo de Carvalho (em frente à Trip House): CRF-RS, CREFITO5, CREFONO 7, CRMV-RS




Conselho participa do Circuito da Saúde neste final de semana em Tramandaí e Atlântida Sul
05/01/2015
Fonte: CREF2/RS

As praias de Tramandaí e Atlântida Sul recebem, nos dias 10 e 11 de janeiro, respectivamente, o IV Circuito da Saúde. Com a participação do CREF2/RS, a ação vai proporcionar à população diversos serviços, como orientação nutricional, informações sobre alimentação orgânica, testes de glicemia, verificação de pressão arterial, auriculoterapia, quiropraxia e avaliações antropométricas.

O evento é realizado pela Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum-RS), com o apoio do SESC/RS, e tem como objetivo promover e incentivar a saúde da comunidade. A ação também tem como intuito esclarecer à população quanto a importância dos Conselhos na defesa da saúde coletiva, já que a função primordial dessas instituições é fiscalizar o exercício legal das profissões, garantindo com isto a qualidade dos serviços oferecidos à sociedade.

IV Circuito da Saúde

Tramandaí – 10/1 (sábado)
Local: Casa Estação Verão SESC – avenida Beira Mar (próximo ao número 2030 – em frente ao condomínio Quebra Mar)
Horário: das 10h às 15h

Atlântida Sul – 11/1 (domingo)
Local: Casa Estação Verão SESC – avenida Beira Mar (próximo ao número 684 – em frente à pousada Gaivota)
Horário: das 10h às 15h




III Circuito da Saúde levou serviços dos Conselhos ao litoral
20/01/2014
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS, junto com a Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos do RS, esteve em Cidreira e Tramandaí nos dias 18 e 19 de janeiro, realizando o III Circuito da Saúde. Em um final de semana ensolarado, uma grande equipe composta por Profissionais da Educação Física, Nutricionistas, Fonoaudiólogos, Fisioterapeutas e Terapeutas Ocupacionais, Farmacêuticos e Médicos Veterinários proporcionou serviços de bioimpedância, ginástica rítmica, massoterapia, aferição de pressão, ações preventivas em fonoaudiologia como avaliação da memória em idosos e aspectos cognitivos em crianças e orientação farmacêutica. Os visitantes do estande ainda puderam conferir dicas de cuidados com os animais na praia e informações sobre doenças transmitidas dos animais para os humanos. O CREF2/RS realizou 134 atendimentos durante o Circuito.  

Para o aposentado Homero Motta Gonçalves, 71 anos, morador de Cidreira, ação é mais uma oportunidade de cuidar da saúde no verão. ""Já tive três enfartes, e o Circuito, com suas múltiplas possibilidades de enfoque, me deram oportunidade de ter uma visão ampla do meu organismo"", explica. Segundo o Presidente do CREF2/RS, Eduardo Merino, o evento é um importante instrumento de integração entre os conselhos e na promoção da saúde. ""É bastante interessante este modelo multidisciplinar, em que o veranista abrange vários aspectos da saúde, ao mesmo tempo em que damos visibilidade do trabalho dos conselhos perante a sociedade"", avalia.




III Circuito da Saúde marca ação dos Conselhos Profissionais no litoral norte
13/01/2014
Fonte: CREF2/RS

As praias de Cidreira e Tramandaí receberão, nos dias 18 e 19 de janeiro, respectivamente, o III Circuito da Saúde. A ação proporcionará à população acesso gratuito, medição cintura-quadril, orientação nutricional, verificação de pressão arterial, avaliação da memória em idosos, entre outros. O evento é realizado pela Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS), da qual o CREF2/RS integra, e tem como objetivo promover e incentivar a saúde da comunidade. Em Cidreira, ela ocorre no dia 18, das 10 às 16h na av. Beira Mar, na Casa Estação Verão SESC. Em Tramandaí, no dia 19, das 10 às 15h, na Casa Estação Verão SESC, av. Beira Mar (próximo ao número 2030 - em frente ao condomínio Quebra Mar).  

Como prevenir é sempre a melhor opção, esta será uma grande oportunidade para os profissionais dos conselhos e veranistas de Cidreira, Tramandaí e praias vizinhas, verificarem como está a saúde e terem acesso a diversos profissionais em um único dia. Uma grande equipe composta por Profissionais da Educação Física, Nutricionistas, Fonoaudiólogos, Fisioterapeutas e Terapeutas Ocupacionais, Farmacêuticos e Médicos Veterinários estarão unidos para realizar a terceira edição do Circuito da Saúde. A ação também tem por objetivo esclarecer à população a importância dos Conselhos na defesa da saúde coletiva, já que a função primordial dessas instituições é fiscalizar o exercício legal das profissões, garantindo com isto a qualidade dos serviços oferecidos à sociedade.




CREF2/RS participa de discussão sobre novo código sanitário
27/11/2013
Fonte: CREF2/RS

No dia 20/11 foi realizada uma audiência pública comandada pelo deputado Adilson Troca na Assembleia Legislativa do RS para discutir a necessidade de atualização do Código Sanitário de Estado do RS instituído pelo Decreto nº 23340, de 24 de outubro de 1974.
Segundo o presidente do CREF2/RS e da Câmara da Saúde do FOCO, Eduardo Merino, é importante destacar a função dos conselhos na defesa da saúde da sociedade, e buscar soluções para que a prestação de serviços sejam feitos de forma adequadas e que estes profissionais possam exercer suas profissões com ética e qualidade. ""Pensamos que a reformulação do código sanitário é de fundamental importância, pois nos seus 40 anos muitos avanços ocorreram, novas profissões surgiram, como a biomedicina, surgida após 1974, a Educação Física regulamentada em 1998, o SUS, posterior a isto, bem como o Código de Defesa do Consumidor. Portanto, vemos como de suma importância esta discussão que está surgindo, envolvendo os técnicos das diversas áreas, que têm conhecimentos específicos. Eu como representante do Conselho de Educação Física vejo que as academias e os estabelecimentos não estão contemplados em nenhum ponto por este código. Hoje qualquer pessoa abre uma academia em um porão, local sem nenhuma condição sanitária. O que nós buscamos é a necessidade da prevenção, possibilitar que a população faça práticas saudáveis.

Para a agente da Divisão de Vigilância Sanitária, Dorla Barlen, é um anseio de longo tempo a revisão do Decreto 423730 e também a criação de um código sanitário atualizado no Rio Grande do Sul, muito embora a Vigilância Sanitária se utilize das LDCs da Anvisa, que são bastante modernas. ""Nós ansiamos muito que o RS tenha um novo código sanitário para contemplar situações bastantes novas não só na vigilância sanitária bem como nós chamamos de vigilância em saúde"".

Já Everton Borges, representando o Conselho Regional de Farmácia, ressaltou que o atual código conta com 845 artigos, sendo extremante extenso e detalhado, porém totalmente defasado em muitos aspectos. "" Nós temos alguns exemplos de outros códigos da região sul muito mais enxutos e modernos, portanto temos que ver um estudo e uma adequação para o nosso estado. Eu trago aqui a tragédia da Boate Kiss, da qual se discutiu muito o plano de prevenção a incêndios. Porém, temos que discutir outras ações, muitas delas voltadas e dependentes da Vigilância Sanitária. Portanto, temos de trazer à discussão, outras ações, como o alvará sanitário, a ação profissional e sua justa fiscalização pelos conselhos"", avalia.




Câmara da Saúde se reúne na sede do CREF2/RS
08/10/2013
Fonte: CREF2/RS

O Presidente do CREF2/RS, Eduardo Merino, recebeu na sede do Conselho nesta segunda-feira, dia 07 de outubro, o presidente do CREFITO5 Alexandre Doval da Costa, o Assessor de Relações Institucionais do CRF/RS Everton Borges, a Conselheira do CREFONO7 Miriam da Silva e a presidente do CRESS10 Miriam Thais Guterres Dias, para reunião da Câmara da Saúde dos Fórum dos Conselhos do RS.
Na ocasião, foram discutidas diversas questões, destacando-se a audiência pública de atualização do código sanitário, que ocorrerá em novembro, o II Colóquio “Compartilhando Vivências para o Envelhecimento Ativo”, evento que aconteceu no dia 05 de outubro na ULBRA Canoas, e o planejamento dos eventos de atendimento à população pelos Conselhos Profissionais da área da saúde no litoral, durante a temporada de verão 2014.




Câmara da Saúde comemora Dia da Saúde com roda de chimarrão
06/08/2013
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS esteve presente na Roda de Chimarrão neste domingo, 4 de agosto, no Parque da Redenção, promovida em comemoração ao Dia Nacional da Saúde. Participaram o Presidente do CREF2/RS, Eduardo Merino e os Conselheiros Lauro Aguiar e Álvaro Laitano. O ato em defesa da Saúde foi realizado pela Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do RS, do qual o CREF2/RS faz parte. Além dos presidentes dos Conselhos, esteve prestigiando o evento o secretário-adjunto da Saúde de Porto Alegre, Jorge Cuty.

O Dia Nacional da saúde é comemorado em 5 de agosto, e foi instituído no Brasil em 1967, como o Dia Nacional da Saúde. O objetivo da data é promover a conscientização sobre a importância do tema entre a população, relembrar os cuidados que cada um deve ter com o corpo e promover a educação sanitária. O dia foi escolhido em homenagem ao nascimento do médico brasileiro Oswaldo Cruz (1872-1917), que se formou aos 20 anos de idade e foi um dos cientistas pioneiros no estudo das doenças tropicais.




Câmara da Saúde fará evento em Tramandaí
08/01/2013
Fonte: CREF2/RS

O Presidente do CREF2/RS, Eduardo Merino, participou no dia 8, no Conselho Regional de Nutricionistas/CRN, da reunião mensal da Câmara da Saúde do Fórum dos Profissionais Registrados nos Conselhos e Ordens do Rio Grande do Sul - FOCO/RS. O objetivo do encontro foi articular as ações que serão realizadas em Tramandaí, nos próximos dias 26 e 27, quando ocorrerá o Circuíto da Saúde. Nesta data, serão ofertados serviços de saúde aos veranistas, que serão orientados sobre a importância da atividade dos Conselhos Profissionais na defesa dos serviços prestados à população.




Reunião da Câmara da Saúde propõe novo código sanitário
06/11/2012
Fonte: CREF2/RS

O Presidente do CREF2/RS, Eduardo Merino, esteve presente na manhã de hoje, dia 6, na reunião mensal da Câmara da Saúde, realizada no Conselho Regional de Farmácia RS (CRC). Entre os temas tratados está a proposta de um novo código sanitário que contemple as especificidades atuais dos Conselhos. “Utilizamos um regramento da década de 70 que não traz nenhum artigo relacionado à prática de atividades físicas, além outras carências”, explicou Merino. O estudo com a sugestão de normas deverá ser apresentado à Secretária-Geral do Governo Estadual, Miriam Marroni. Vinculado ao tema, o Presidente do CREF2/RS propôs a representação de membros da Câmara no Conselho Estadual de Saúde. “Devemos observar que o CESRS é o órgão apto a propor e aprovar diretrizes na elaboração de políticas de saúde”, acentuou.

O Presidente do CRFRS, Diogo Miron, ressaltou na ocasião a necessidade dos Conselhos se fazerem mais presentes em questões ligadas à defesa do consumidor. “A Câmara deve ter o protagonismo nesta instância, refletindo no bem-estar da população”.

A Câmara é composta por 14 Conselhos Profissionais gaúchos, e faz parte do Fórum dos Profissionais Registrados nos Conselhos e Ordens do Rio Grande do Sul – FOCO/RS. Também estiveram presentes na reunião representantes Conselhos Regionais de Medicina Veterinária, Psicologia, Enfermagem, Medicina Sanitária e da Comissão de Direitos Humanos Sobral Pinto (CDH) da OAB.