Notícias




Data Inicial:
(dd/mm/aaaa)  

Data Final:
(dd/mm/aaaa)  
Título:
Palavras na Notícia:



Profissionais registrados com mais de 65 anos podem solicitar isenção de anuidade
14/11/2018
Fonte: CREF2/RS

Todos os profissionais, que tenham mais de 65 anos de idade e pelo menos cinco anos ininterruptos de registro no Sistema CONFEF/CREFs, podem solicitar a isenção de pagamento da anuidade. Para efetuar o pedido, basta preencher e entregar o requerimento, disponível para download aqui.

Para que a isenção da anuidade seja deferida, também é necessário que o profissional registrado esteja em dia com os documentos e com as suas obrigações estatutárias, além de não estar cumprindo qualquer sanção disciplinar imposta pelo Sistema CONFEF/CREFs. O prazo para análise da documentação, entregue pessoalmente no CREF2/RS ou recebida pelos Correios, é de 60 dias. Mais informações sobre os casos de isenção de recolhimento de anuidade estão disponíveis nesta página.

Anuidade isenção



Professor Garcia tem foto incluída na Galeria de Presidentes da Câmara de Vereadores
06/06/2016
Fonte: CREF2/RS/CMPA

A foto do conselheiro Federal e vereador Professor Garcia foi incluída na Galeria dos Presidentes da Câmara Municipal de Porto Alegre na tarde da última sexta-feira (3). A cerimônia ocorreu em frente ao Plenário Otávio Rocha e teve a presença de parlamentares, conselheiros do CREF2/RS, familiares, amigos e colegas de Garcia, que presidiu a Câmara no ano de 2104. Em licença médica em razão de um acidente vascular cerebral (AVC) sofrido em agosto de 2015, Professor Garcia esteve presente na cerimônia acompanhado da sua esposa, Rosa Maria Rios Garcia.

"A trajetória do meu pai ficará marcada na história de Porto Alegre, já que foram cinco mandatos, totalizando 20 anos como vereador, lutando desde a regulamentação da profissão. Até hoje continua conosco, internamente, em nossas batalhas", afirmou Débora Garcia (CREF 002202-G/RS), conselheira do CREF2/RS e filha do vereador. Segundo o vice-presidente do Conselho, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), o Professor Garcia é um ícone da Educação Física no Rio Grande do Sul, pois esteve à frente das lutas desde a regulamentação da Educação Física e sua atuação se expandiu até a América do Sul, atuando junto no Mercosul. “Ele sempre se fez presente em todas as áreas que envolvem a atividade física”, explicou.

A prefeita em exercício do município, procuradora municipal Cristiane da Costa Nery, destacou o trabalho edificante de Garcia na vereança. “O vereador tem uma importante contribuição em termos de leis. Foi secretário municipal do Meio Ambiente e é de consenso que, de forma exemplar, muito colaborou para cidade e pelo zelo pela coisa publica”, finalizou.

Trajetória

Autor de leis e iniciativas que beneficiam os profissionais e a Educação Física em Porto Alegre, o vereador chegou ao cargo máximo do legislativo municipal após cinco mandatos consecutivos, em 2014. Natural de Porto Alegre, Garcia é graduado em Educação Física pela UFRGS, com especialização em Atletismo pela Universidade de Mainz, na Alemanha. Trabalhou no Sport Club Internacional e no Centro Estadual de Treinamento Esportivo (Cete). Também atuou como coordenador do Colégio La Salle Dores e do Colégio São José, além de lecionar na Faculdade de Educação Física do IPA. É professor licenciado do Estado e conselheiro federal do Confef. Em 1977, o parlamentar foi treinador da equipe brasileira de atletismo no mundial de Saint-Ettienne.

Ao longo de 18 anos de trajetória, Professor Garcia propôs leis como a da obrigatoriedade da presença de um profissional de Educação Física como responsável técnico em academias esportivas em Porto Alegre; a instituição dos Jogos Municipais da 3º Idade; a criação da Semana de Educação Física; a isenção da taxa de licenciamento ambiental em academias de ginástica e de balé que funcionem até as 22h; a criação da Frente Parlamentar da Educação Física; e a criação das Academias ao Ar Livre.

Foto: Ederson Nunes/CMPA

Vereador Professor Garcia



Livro sobre as LER é lançado na Câmara Municipal de Porto Alegre
26/04/2016
Fonte: CREF2/RS

Foi realizado ontem (25) o lançamento na Câmara Municipal de Porto Alegre do livro As LER: ontem, hoje e amanhã, organizado pelo Grupo de Prevenção das LER /DORT, que é composto por uma equipe profissional multidisciplinar da saúde. A obra reúne as palestras realizadas durante a 10ª Semana de Prevenção das LER, ocorrida em março de 2015. As Semanas são uma iniciativa voltada à conscientização, prevenção e combate às Lesões de Esforço Repetitivo, e foram criadas pela Lei Municipal 9504/2004, de autoria do vereador e conselheiro Federal do CONFEF Professor Garcia (CREF 000002-G/RS).

O evento iniciou com o período destinado à Tribuna Popular da Câmara, que recebeu Mário Reis, secretário de Saúde do Trabalhador da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação do Estado do Rio Grande do Sul (FTIA/RS). Durante sua fala, o dirigente sindical afirmou que a doença não é uma epidemia, mas causa preocupação devido ao grande número de pessoas que já a desenvolveram. “Esta doença é constatada desde o século XVIII, mas ainda hoje muitos profissionais da saúde se dedicam as pesquisas das suas causas, consequências e tratamento”, disse.

O dirigente também ressaltou a importância de campanhas voltadas para prevenção da doença, que ele classifica como silenciosa. "Temos apoios de vereadores, além da Prefeitura e da Casa Legislativa, e isso é muito importante para nós. Mas o ideal seria o investimento em publicidade, para alertar sobre os perigos da doença”.

A conselheira do CREF2/RS, Débora Garcia (CREF 002202-G/RS), explicou que a Lei 9504/2004, de autoria do seu pai, vereador Professor Garcia, teve como origem na sua dissertação de mestrado. “Desde 1994 eu desenvolvia um trabalho de Ginástica Laboral com as taquigrafas da Câmara de Vereadores. O vereador sempre observou atentamente este trabalho. Então, ao entrar no mestrado e aprofundar os estudos sobre o tema, eu sugeri a criação da semana, baseada no Dia Mundial de Combate às LER/DORT, celebrado em 28 de fevereiro”, explicou.

O membro da Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS, Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS), que participa com um capítulo do livro, informou que o Grupo de Prevenção está pleiteando a criação de um selo de isenção fiscal para empresas que investem em prevenção das LER ou mesmo de reconhecimento aos empreendedores que protegem a saúde do trabalhador. “Vamos nos reunir com o vereador Mendes Ribeiro para articularmos este projeto”.

Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa