Notícias




Data Inicial:
(dd/mm/aaaa)  

Data Final:
(dd/mm/aaaa)  
Título:
Palavras na Notícia:



Vice-presidente do CREF2/RS participa do Primeiro Congresso Internacional de Educação Física no Peru
02/08/2018
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), esteve presente no 'Primeiro Congresso Internacional de Educação Física", realizado de 1º a 4 agosto de 2018, na Universidad Nacional José María Arguedas (UNAJMA), localizada na cidade de Andahuaylas, situada no Departamento de Apurímac, no Peru. Lauro apresentou em sua palestra o tema “Os benefícios da Educação Física no mundo do Trabalho. Durante sua palestra, Lauro ressaltou que cada vez mais organizações empresariais buscam soluções inovadoras por meio de politicas de promoção, prevenção e educação à saúde no ambiente laboral.

“Entre as mais recentes propostas, a inserção da Educação Física no Trabalho, se apresenta como um novo e promissor mercado mundial a ser desbravado”, ressaltou. O vice-presidente afirmou que os objetivos da Educação Física no trabalho, são a realização de consultoria, assessoria e atendimento a empresa que, na compreensão das relações de produção, processo e organização do trabalho, oferece diagnósticos voltados à saúde, educação esporte e lazer dos trabalhadores, promovendo com isto a prática da atividade física mais adequada a realidade. “A expertise da Educação Física no Trabalho, engloba a capacitação e habilitação profissionais necessárias ao entendimento dos processos de trabalho e dos fatores de risco que determinam riscos à saúde, acidentes e doenças ocupacionais”, complementa.

Lauro informou que o investimento na capacitação do profissional de Educação Física neste propósito e sua inserção acontecerá de forma gradativa, incorporados inicialmente nos Serviços de Segurança e Medicina do Trabalho e a Programas de Atenção à Saúde e Bem Estar do Trabalhador, além dos relacionados à implementação de um estilo de vida ativo. “O diagnóstico, a pesquisa e o planejamento são os principais objetivos da Educação Física no Trabalho, objetivando o aprimoramento dos serviços a serem prestados à sociedade, elevando a qualidade e compromisso ético-profissional, instituindo grupos de trabalho especializados no campo laboral, na elaboração de propostas que serão colocadas para discussão nas instituições de ensino superior, estabelecendo parcerias na formação do profissional e sua normatização”, acrescentou.

Entre as propostas de atividades praticas, lauro exercitou com os participantes modelos de proposta de Educação Física no trabalho que atendam as empresas do Peru; a elaboração de ações na área da saúde do trabalhador através da Educação Física no Trabalho, tipos de exercícios para determinadas funções apresentadas, modalidade de atividades esportivas e físicas para determinado grupo de trabalhadores, propostas integradas da Educação Física às demais profissões da saúde para atender o trabalhador peruano, entre outras atividades práticas.

Ginástica Laboral



O vice-presidente do CREF2/RS do Primeiro Congresso Internacional de Educação Física no Peru
02/08/2018
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), esteve presente no 'Primeiro Congresso Internacional de Educação Física", realizado de 1º a 4 agosto de 2018, na Universidad Nacional José María Arguedas (UNAJMA), localizada na cidade de Andahuaylas, situada no Departamento de Apurímac, no Peru. Lauro apresentou em sua palestra o tema “Os benefícios da Educação Física no mundo do Trabalho. Durante sua palestra, Lauro ressaltou que cada vez mais organizações empresariais buscam soluções inovadoras por meio de politicas de promoção, prevenção e educação à saúde no ambiente laboral.

“Entre as mais recentes propostas, a inserção da Educação Física no Trabalho, se apresenta como um novo e promissor mercado mundial a ser desbravado”, ressaltou. O vice-presidente afirmou que os objetivos da Educação Física no trabalho, são a realização de consultoria, assessoria e atendimento a empresa que, na compreensão das relações de produção, processo e organização do trabalho, oferece diagnósticos voltados à saúde, educação esporte e lazer dos trabalhadores, promovendo com isto a prática da atividade física mais adequada a realidade. “A expertise da Educação Física no Trabalho, engloba a capacitação e habilitação profissionais necessárias ao entendimento dos processos de trabalho e dos fatores de risco que determinam riscos à saúde, acidentes e doenças ocupacionais”, complementa.

Lauro informou que o investimento na capacitação do profissional de Educação Física neste propósito e sua inserção acontecerá de forma gradativa, incorporados inicialmente nos Serviços de Segurança e Medicina do Trabalho e a Programas de Atenção à Saúde e Bem Estar do Trabalhador, além dos relacionados à implementação de um estilo de vida ativo. “O diagnóstico, a pesquisa e o planejamento são os principais objetivos da Educação Física no Trabalho, objetivando o aprimoramento dos serviços a serem prestados à sociedade, elevando a qualidade e compromisso ético-profissional, instituindo grupos de trabalho especializados no campo laboral, na elaboração de propostas que serão colocadas para discussão nas instituições de ensino superior, estabelecendo parcerias na formação do profissional e sua normatização”, acrescentou.

Entre as propostas de atividades praticas, lauro exercitou com os participantes modelos de proposta de Educação Física no trabalho que atendam as empresas do Peru; a elaboração de ações na área da saúde do trabalhador através da Educação Física no Trabalho, tipos de exercícios para determinadas funções apresentadas, modalidade de atividades esportivas e físicas para determinado grupo de trabalhadores, propostas integradas da Educação Física às demais profissões da saúde para atender o trabalhador peruano, entre outras atividades práticas.

Ginástica Laboral



CREF2/RS tem atendimento reduzido nos dias 30 e 31 de julho
27/07/2018
Fonte: CREF2/RS

Devido à realização de uma capacitação interna, o Conselho estará com atendimento reduzido na próxima segunda-feira, dia 30 de julho; e na terça-feira, dia 31 de julho. Os horários de funcionamento nestas datas serão mantidos, mas poderá haver esperas mais longas que o normal.

Horários de atendimento do CREF2/RS:

Atendimento geral:
Segunda a quinta-feira: das 9h às 17h
Sexta-feira: das 12h às 17h

Departamento Jurídico:
Atendimento presencial: segunda, quarta e quinta-feira, das 9h às 17h
Atendimento telefônico: de segunda a sexta-feira, das 14h às 17h

atendimento



Fiscalização do CREF2/RS realiza palestra para alunos do 1º semestre de Educação Física da UFRGS
26/06/2018
Fonte: CREF2/RS

A coordenadora do Departamento de Fiscalização e Orientação (DEFOR) do CREF2/RS, Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), e a supervisora da Fiscalização, Denise Candaten (CREF 010750-G/RS), realizaram palestra nos dias 25 e 26 de junho para cerca de 40 alunos do 1º semestre do curso de Educação Física da ESEFID - Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança – da UFRGS.

Os temas abordados pelas palestrantes foram regulamentação da profissão, a criação do Conselho, provisionados, Licenciatura e Bacharelado, Educação Física escolar (Pls), fiscalização, exercício ilegal, lei de estágio, denúncias, o que é necessário para abertura de uma academia, questões éticas e temas polêmicos no judiciário, entre outros assuntos. Após a fala das palestrantes, o espaço foi aberto para perguntas.

Segundo Fernanda Rodrigues, esta aproximação do Conselho junto aos estudantes é muito importante para que os eles conheçam já no início do curso informações essenciais sobre a conduta e os procedimentos que terão que adotar após formados. "Assim, quando estes futuros profissionais estiverem no mercado, poderão contribuir para o construção de uma profissão cada vez mais sólida e respeitada". Já a supervisora Denise Candaten ressaltou o interesse demonstrado pelos alunos no tempo reservado às perguntas. "O grau de empatia e envolvimento destes universitários demonstra seu comprometimento com sua capacitação profissional", afirmou.

DEFOR



Capacitação promovida pela Comissão de Fiscalização encerra nesta quinta-feira com troca de experiências
14/06/2018
Fonte: CREF2/RS

A atividade de capacitação com os servidores do Conselho, promovida pela Comissão de Orientação e Fiscalização (COF) em parceria com o Departamento de Orientação e Fiscalização (DEFOR) do CREF2/RS, está encerrando nesta quinta-feira. A ação, que tem o objetivo de proporcionar uma compreensão ainda mais ampla sobre os procedimentos fiscalizatórios e sobre as mudanças recentes que ocorreram na Legislação, chegou ao seu último dia abordando o Processo Administrativo de Fiscalização (PAD FIS), de acordo com os critérios estabelecidos pela Resolução CREF2/RS Nº 132/2017.

Entre os assuntos discutidos nesta última etapa, estavam a formação do PAD FIS, a confecção do termo de atuação e do auto de infração e como tramitam os pareceres emitidos pela COF. Os presentes puderam conhecer mais a fundo as diretrizes referentes a atuação do DEFOR e tirar dúvidas sobre a aplicação de multas e de infrações. “A capacitação está sendo muito valiosa, especialmente para que todos possam compreender melhor todas as etapas do processo fiscalizatório. A troca de informações está abrindo a oportunidade para que a Comissão conheça as necessidades dos agentes fiscais e eles também compreendam como o trabalho deles continua internamente e é fundamental”, relatou Samuel de Almeida (CREF 013510-G/RS), integrante da COF e palestrante do dia.

Na parte da tarde, será feito um estudo de alguns casos já vivenciados pelo DEFOR e um alinhamento final dos procedimentos e das condutas estabelecidas durante o treinamento, como forma de encerramento. “A consequência desta capacitação, bastante ampla e com temas explorados com profundidade, será uma eficiência maior das ações fiscalizatórias do CREF2RS, algo extremamente importante para os profissionais e para toda a sociedade”, declarou Alessandro Gamboa (CREF 001534-G/RS), também integrante da COF. Ainda compõem a Comissão Ana Maria Haas (CREF 004563-G/RS), Luciane Citadin (CREF 000100-G/RS), Luiz Waengertner (CREF 007697-G/RS) e Marcia da Cruz (CREF 007542-G/RS).

DEFOR fiscalização capacitação



Treinamento da COF inicia nesta terça-feira abordando procedimentos internos do DEFOR
12/06/2018
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Orientação e Fiscalização (COF), juntamente com o Departamento de Orientação e Fiscalização (DEFOR) do CREF2/RS, está realizando, de hoje até quinta-feira, uma atividade de capacitação com os servidores do Conselho. A ação tem o objetivo de proporcionar uma compreensão ainda mais ampla sobre os procedimentos fiscalizatórios e sobre as mudanças recentes que ocorreram na Legislação.

Na manhã desta terça-feira, dia 12 de junho, o treinamento iniciou com uma breve apresentação do conselheiro Alessandro Gamboa (CREF 001534-G/RS) e da presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), que falou sobre a missão, a visão e sobre os valores institucionais do CREF2/RS. Os presentes puderam conhecer mais a fundo as diretrizes referentes a atuação dos funcionários que trabalham para o DEFOR e tirar dúvidas sobre o papel desempenhado pelos agentes fiscais, também em relação ao que diz respeito aos Processos Administrativos de Fiscalização (PAD FIS) e à aplicação de multas e infrações.

Na sequência, foi a vez da conselheira Marcia da Cruz (CREF 007542-G/RS) relatar a importância deste tipo de treinamento para todo o Conselho. “O intuito desta atividade é a mobilização de todos os servidores do CREF2/RS para que a Fiscalização tenha a credibilidade que o Sistema CONFEF/CREFs busca. Isto porque nós temos o entendimento de que o trabalho realizado pelos agentes fiscais é imagem do Conselho junto à sociedade”, relatou.

Durante a tarde de hoje, o treinamento irá abordar a Resolução CREF2/RS Nº 132/2017, em vigência desde novembro do ano passado e que dispõe sobre o Código de Procedimentos Fiscalizatórios. Já nos próximos dias, serão trazidos para debate temas relacionados aos procedimentos adotados pelos agentes fiscais e o estudo de alguns casos já vivenciados pelo DEFOR. Também compõem a COF Ana Maria Haas (CREF 004563-G/RS), Luciane Citadin (CREF 000100-G/RS), Samuel de Almeida (CREF 013510-G/RS) e Luiz Waengertner (CREF 007697-G/RS).

DEFOR fiscalização capacitação



Comissão de Fiscalização realiza treinamento com agentes fiscais e demais servidores do CREF2/RS
05/06/2018
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Orientação e Fiscalização (COF), juntamente com o Departamento de Orientação e Fiscalização (DEFOR) do CREF2/RS, vai realizar uma atividade de capacitação com os agentes fiscais e com os demais servidores do Conselho, durante o mês de junho. A ação tem o objetivo de proporcionar uma compreensão ainda mais ampla sobre os procedimentos fiscalizatórios e sobre as mudanças recentes que ocorreram na Legislação.

Ministrada por Samuel de Almeida (CREF 0130510-G/RS), membro da COF; e por Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), assessora do DEFOR, a capacitação irá abordar as modificações determinadas pelo Sistema CONFEF/CREFs no decorrer dos Processos Administrativos de Fiscalização (PAD FIS) e no que diz respeito à aplicação de multas e infrações. “Em 2017, depois de implementado o Manual Prático dos Agentes de Orientação e Fiscalização do CREF2/RS, sentimos a necessidade de adequar os novos entendimentos e de otimizar o fluxo do de trabalho”, avalia Almeida.

A ampla participação dos servidores do CREF2/RS vai permitir que esta capacitação uniformize as ações, as condutas e os procedimentos executados por todo o Conselho, durante as ações externas – e também internas – relacionadas ao procedimento fiscalizatório. “Queremos que esta atividade se torne um treinamento continuado, já que também temos a vontade de reforçar o papel pedagógico da fiscalização, mais instrutivo e menos punitivo”, acrescenta Almeida. “A COF e o DEFOR querem ir além do número de academias fechadas e de autuações, para que o trabalho do Conselho tenha a sua excelência percebida por todos os profissionais que atuam na área e o reconhecimento da sociedade”, conclui.

Também compõem a Comissão de Orientação e Fiscalização os conselheiros Alessandro Gamboa (CREF 001534-G/RS), Ana Maria Haas (CREF 004563-G/RS), Luciane Citadin (CREF 000100-G/RS), Luiz Waengertner (CREF 007697-G/RS) e Marcia da Cruz (CREF 007542-G/RS).

DEFOR fiscalização capacitação



CREF2/RS divulga vencedores do sorteio da Convenção Brasil 2018
18/04/2018
Fonte: CREF2/RS

O Conselho sorteou, na manhã desta quarta-feira, dia 18 de abril, 15 vagas para alguns dos cursos da Convenção Brasil deste ano. O evento ocorrerá entre os dias 3 a 6 de maio, no Parque Esportivo da PUCRS, em Porto Alegre.

Todos os vencedores estão sendo contatados diretamente e deverão confirmar a sua presença. No dia de cada curso, os nomes dos contemplados estarão no estande de credenciamento e será necessária a apresentação de um documento de identidade com foto para a realização da inscrição, de forma totalmente gratuita.

Confira os vencedores:

Curso Fitness: 02 – Ginástica de Academia
Fernanda Bairros Fernandes (CREF 013777-G/RS)
Mariana Groth da Silva (CREF 025497-G/RS)

Curso Fitness: 09 – Personal Training: Novas Técnicas & Estratégias de Treinamento
Dulcenara de Oliveira Moraes (CREF 12637-G/RS)

Curso Fitness: 12 – Treinamento Funcional para Cadeirantes
Carlos Eduardo Fraga Coelho (CREF 024458-G/RS)
Diana Maria Cubillos Arcila (CREF 25535-G/RS)

Curso Wellness: 16 – NEW – Calistenia e Street Workout: Treino de Força com o Peso do Corpo
Sani de Carvalho Lindner (CREF 025236-G/RS)
Patrícia Cardoso Trauer (CREF 0018195-G/RS)

Curso Wellness: 17 – Grupos Especiais: Prescrição do Treinamento e Controles de Cargas
Cloni José Martins Vieira (CREF 13675-G/RS)

Curso Wellness: 22 – Pilates e Suas Múltiplas Formas no Mundo Contemporâneo
Lucas Martins Chaves (CREF 019588-G/RS)
Jeferson Luiz Rosa (CREF 007439-G/RS)

Curso Esporte: 31 – Capacitação em Treinamento de Corrida
Emerson Renan Berger de Souza (CREF 16998-G/RS)

Curso Esporte: 32 – Futsal: Desenvolvendo a Inteligência Tática
Fernando Gomes Ceccon (CREF 12503-G/RS)
Renata Sibele de Leão Lucas (CREF 26210-G/RS)

Curso Acqua: 42 – Natação: Da Iniciação a Alta Performance (Teórico e Prático)
Ronan Noro Desconsi (CREF 10783-G/RS)
Rafaela Natercia Costa Londero (CREF 19914-G/RS)

Os dias e os horários de todas as atividades podem ser conferidos na página da Convenção Brasil. Profissionais registrados no CREF2/RS têm ainda um desconto de 10% na inscrição de dois cursos ou mais.

Convenção Brasil



Inscrições para sorteio dos cursos do Convenção Brasil encerram hoje
17/04/2018
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS irá sortear 16 vagas para diversos cursos da 25ª edição do Convenção Brasil, que ocorrerá entre os dias 3 a 6 de maio, no Parque Esportivo da PUCRS, em Porto Alegre. As inscrições encerrarão hoje, dia 17 de abril.

Para participar, basta se cadastrar através do formulário disponível neste link. Os profissionais podem participar do sorteio de todos os cursos que tiverem interesse. O regulamento completo está aqui.

O curso “Wellness: 21 – NEW - Acrobacia: Uma Prática para Todos” foi cancelado pela organização do Convenção Brasil e, excepcionalmente, não haverá mais este sorteio. Confira abaixo a lista das atividades disponíveis e os respectivos números de vagas sorteadas em cada uma delas:

Fitness: 02 – Ginástica de Academia (duas vagas)
Ministrante: André Fernandes (CREF 000013-G/RJ)

Fitness: 12 – Treinamento Funcional para Cadeirantes (duas vagas)
Ministrante: Artur Hashimoto (CREF 002703-G/SP)

Wellness: 16 – NEW - Calistenia e Street Workout: Treino de Força com o Peso do Corpo (duas vagas)
Ministrante: Alfredo de Bermúdez (CREF 025322-G/RS)

Wellness: 22 – Pilates e Suas Múltiplas Formas no Mundo Contemporâneo (duas vagas)
Ministrante: Simone Geremia (CREF 001628-G/RS)

Esporte: 32 – Futsal: Desenvolvendo a Inteligência Tática (duas vagas)
Ministrantes: Rogério Voser (CREF 003584-G/RS) e João Gilberto Giusti (CREF 000826-G/RS)

Acqua: 42 – Natação: Da Iniciação a Alta Performance (Teórico e Prático) (duas vagas)
Ministrante: Daniel Geremia (CREF 000867-G/RS)

Fitness: 09 – Personal Training: Novas Técnicas & Estratégias de Treinamento (uma vaga)
Ministrantes: Jeferson Vianna (CREF 000116-G/MG) e Leonardo Lima (CREF 023984-G/SP)

Wellness: 17 – Grupos Especiais: Prescrição do Treinamento e Controles de Cargas (uma vaga)
Ministrante: Leonardo Lima (CREF 023984-G/SP)

Esporte: 31 – Capacitação em Treinamento de Corrida (uma vaga)
Ministrante: Leonardo Lima (CREF 023984-G/SP)

Os dias e os horários de todas as atividades podem ser conferidos na página da Convenção Brasil. Profissionais registrados no CREF2/RS têm ainda um desconto de 10% na inscrição de dois cursos ou mais.

Convenção Brasil



Formação em Licenciatura é tema do 7º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar
09/04/2018
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Educação Física Escolar do CREF2/RS realizou, no último sábado, dia 7 de abril, a sétima edição do Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar. O evento, que contou com o apoio da APEF/RS, do Sesc/RS e da Prefeitura de Torres, integrou a programação do 44º Encontro Nacional dos Profissionais de Educação Física (ENAPEF) e teve como atração uma palestra conduzida pela conselheira federal Iguatemy Martins (CREF 000001-G/PB).

Com entrada gratuita para profissionais de Educação Física e acadêmicos do curso, o 7º Fórum reuniu participantes de todo o Estado e trouxe para debate a formação em Licenciatura e como os professores podem se preparar melhor para atuar nas escolas. A mesa de abertura foi composta pela presidente da Comissão de Educação Física Escolar do CREF2/RS Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), pelo representante da Secretaria de Educação do Rio Grande do Sul Paulo Rezende (CREF 001298-G/RS), pela presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e pela presidente da APEF/RS Luciane Citadin (CREF 000100-G/RS). Nas suas falas, todos destacaram os avanços conquistados pelo Fórum e pelo Conselho nos últimos sete anos e como esta oportunidade de aperfeiçoamento profissional é de grande valia para todos os Licenciados em Educação Física, sempre com palestras de alto nível.

Na sequência, Iguatemy iniciou a apresentação intitulada “A formação em Educação Física para atuação na Escola: preparando o professor, vivenciando a Licenciatura”. Na primeira parte da sua fala, a palestrante trouxe números referentes à quantidade de docentes presentes na Educação Básica, estimada em 2,1 milhões de pessoas, e à presença de professores de Educação Física devidamente habilitados para desempenhar esta função. “Como indica o Plano Nacional de Educação (PNE), quase 80% daqueles que atuam nas escolas têm curso superior. No entanto, um dos principais problemas não diz respeito a este dado, mas ao fato de que somente metade deles lecionam dentro da sua área específica. Apenas na Educação Física, por exemplo, há um deficit de cerca de 30% de profissionais habilitados”, pontuou.

A Educação Física Escolar, embora bem representada frente a outras disciplinas em que a ausência de professores capacitados é mais evidente, como Química, Física e Biologia, precisa capacitar melhor os seus profissionais. Os apontamentos feitos por Iguatemy ao longo da palestra, baseados em indicadores divulgados pelo Governo Federal, mostraram que o baixo capital cultural, a frágil preparação para o Magistério, a teoria descolada da formação prática e o estágio não encarado como uma ação estratégica de formação são os principais eixos que precisam ser contemplados pelos cursos de Licenciatura. “As Instituições Públicas e Privadas não estão resolvendo a questão formativa do futuro professor. A maioria das alterações curriculares feitas nas Licenciaturas, nos últimos anos, não teve uma avaliação feita do seu impacto e dos seus resultados”, salientou Iguatemy.

Na segunda parte da apresentação, Iguatemy falou sobre a intervenção profissional nas escolas e como os professores de Educação Física podem se preparar para realizar um trabalho de excelência. A palestrante destacou os seis eixos da atuação – planejar, programar, organizar, desenvolver, coordenador e lecionar conteúdos de Educação Física no Ensino Infantil, Fundamental e Médio – e como eles poderiam ser aplicados da melhor forma. “Os professores precisam colecionar, selecionar e aplicar metodologias e técnicas nas diversas faixas etárias e níveis de ensino. No entanto, a maioria dos profissionais sentem falta de capacitação adequada para fazer esta distinção”, relatou Iguatemy. “A ausência de uma sistematização ainda é algo que prejudica a evolução da Educação Física enquanto disciplina escolar e a valorização dos seus professores. O profissional precisa compreender, dentro dos cursos de Licenciatura, que não pode dar a mesma aula para alunos do 4º, do 5º ou do 6º ano. Resumidamente, não há qualidade no ensino que é engessado e igual para todo mundo”, complementou.

Para Iguatemy, a falta de clareza do que é ensinado e as expectativas de aprendizado que não são atendidos afetam não só os alunos, mas também os docentes, que no fim das contas acabam se afastando do saber pedagógico das Licenciaturas. “Os professores têm que conhecer o conteúdo daquilo que ensinam, precisam dominar todos os assuntos que são levados para as aulas de Edução Física. O principal indicador de qualidade do ensino é o capital humano, ou seja, os docentes bem formados e preparados”.

Fórum Educação Física Escolar Educação Física Escolar ENAPEF



CREF2/RS sorteia 16 vagas para cursos da Convenção Brasil 2018
05/04/2018
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS irá sortear 16 vagas para diversos cursos da 25ª Convenção Brasil, que ocorrerá entre os dias 3 a 6 de maio, no Parque Esportivo da PUCRS. As atividades têm por objetivo incentivar a atualização e o aprimoramento dos profissionais que atuam na área da Educação Física.

Para participar do sorteio, basta se inscrever através do formulário disponível neste link. Só serão aceitos os cadastros preenchidos de maneira correta e completa. As inscrições encerrarão no dia 17 de abril e os profissionais podem participar do sorteio de todos os cursos que tiver interesse. O regulamento completo está aqui.

Confira as atividades e os respectivos números de vagas disponibilizados abaixo:

Fitness: 02 – Ginástica de Academia (duas vagas)
Ministrante: André Fernandes (CREF 000013-G/RJ)

Fitness: 12 – Treinamento Funcional para Cadeirantes (duas vagas)
Ministrante: Artur Hashimoto (CREF 002703-G/SP)

Wellness: 16 – NEW - Calistenia e Street Workout: Treino de Força com o Peso do Corpo (duas vagas)
Ministrante: Alfredo de Bermúdez (CREF 025322-G/RS)

Wellness: 22 – Pilates e Suas Múltiplas Formas no Mundo Contemporâneo (duas vagas)
Ministrante: Simone Geremia (CREF 001628-G/RS)

Esporte: 32 – Futsal: Desenvolvendo a Inteligência Tática (duas vagas)
Ministrantes: Rogério Voser (CREF 003584-G/RS) e João Gilberto Giusti (CREF 000826-G/RS)

Acqua: 42 – Natação: Da Iniciação a Alta Performance (Teórico e Prático) (duas vagas)
Ministrante: Daniel Geremia (CREF 000867-G/RS)

Fitness: 09 – Personal Training: Novas Técnicas & Estratégias de Treinamento (uma vaga)
Ministrantes: Jeferson Vianna (CREF 000116-G/MG) e Leonardo Lima (CREF 023984-G/SP)

Wellness: 17 – Grupos Especiais: Prescrição do Treinamento e Controles de Cargas (uma vaga)
Ministrante: Leonardo Lima (CREF 023984-G/SP)

Wellness: 21 – NEW - Acrobacia: Uma Prática para Todos (uma vaga)
Ministrante: Alfredo de Bermúdez (CREF 025322-G/RS)

Esporte: 31 – Capacitação em Treinamento de Corrida (uma vaga)
Ministrante: Leonardo Lima (CREF 023984-G/SP)

Os dias e os horários de todas as atividades podem ser conferidos na página da Convenção Brasil. Profissionais registrados no CREF2/RS têm ainda um desconto de 10% na inscrição de dois cursos ou mais.

Sorteio Convenção Brasil



Vice-presidente do CREF2/RS faz palestra sobre Personal Trainer Corporativo no 33º Congresso da FIEP
12/01/2018
Fonte: CREF2/RS

O presidente da Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa e vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), realizará a palestra “Personal Trainer Corporativo” no 33º Congresso da Federação Internacional de Educação Física – FIEP 2018, em Foz do Iguaçu na próxima terça-feira, dia 16, a partir das 19h. O Congresso é o maior e mais importante evento da FIEP, realizado anualmente no mês de janeiro na cidade de Foz do Iguaçu/PR, de forma ininterrupta desde o ano de 1986, tendo recebido mais de 55 mil participantes desde a sua primeira edição.

O vice-presidente explicou que os objetivos do Personal Trainer Corporativo são, principalmente, realizar consultoria, assessoria e atendimento à empresa que na compreensão das relações de produção, processo e organização do trabalho. “Com isto, o Personal Corporativo pode oferecer diagnósticos voltados à saúde, educação, esporte e lazer dos trabalhadores”, analisa. O resultado, segundo Lauro, é a promoção de uma atividade física mais adequada àquela realidade. “A expertise do Personal Trainer Corporativo engloba a capacitação e habilitação profissionais necessárias ao entendimento dos processos de trabalho e dos fatores de risco que determinam perigo à saúde e podem gerar acidentes, além de doenças ocupacionais”, resume.

FIEP



Personal Trainer Corporativo abre um novo mercado para o profissional de Educação Física
19/10/2017
Fonte: CREF2/RS

Atualmente, cada vez mais organizações empresariais buscam soluções inovadoras por meio de politicas de promoção, prevenção e educação à saúde no ambiente laboral. Entre as mais recentes propostas, está a atividade de Personal Trainer Corporativo, que se apresenta como um novo e promissor mercado a ser desbravado pelos profissionais de Educação Física.

Segundo esclarece o vice-presidente do CREF2/RS e presidente da Câmara de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), a função do Personal Trainer Corporativo é realizar uma assessoria que envolva a compreensão das relações de produção, processo e organização do trabalho, oferecendo diagnósticos voltados à saúde, educação e lazer dos trabalhadores, promovendo com isto a prática da atividade física mais adequada àquela realidade. “Após finalização da análise do diagnóstico, poderão ser implementadas as mais variadas propostas de atividade física no trabalho, inclusive o programa de Ginástica Laboral, se assim conferida sua necessidade”, explica o vice-presidente.

De acordo com Aguiar, o Personal Trainer Corporativo engloba a capacitação e habilitação profissionais necessárias ao entendimento dos processos de trabalho e dos fatores de risco que determinam riscos à saúde, acidentes e doenças ocupacionais. “Acidentes acontecem, provocados pelos mais diversos fatores, entre eles preponderam a inexistência de programas de bem-estar para o trabalhador”, explica. Lauro também ressalta que é mais barato manter o empregado saudável e no emprego, do que pagar pelos seguros de saúde ou contas médicas, o que muitas vezes implicam em programas de reabilitação ou reposição de mão de obra.

Aguiar afirma que um dos méritos do Personal Trainer Corporativo é justamente reconhecer o investimento na capacitação do profissional de Educação Física, e que sua inserção acontecerá de forma gradativa, incorporados inicialmente nos Serviços de Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT) e Programas de Atenção à Saúde e Bem Estar do Trabalhador, além dos relacionados à implementação de um estilo de vida ativo. “A pesquisa e planejamento são os principais objetivos do Personal Trainer Corporativo, objetivando o aprimoramento dos serviços a serem prestados à sociedade na Educação Física, elevando a qualidade e compromisso ético-profissional, instituindo grupos de trabalho especializados no campo laboral e elaborando proposta que serão colocadas para discussão nas instituições de ensino superior, estabelecendo parcerias na formação do profissional e sua normatização”, arremata.

Personal Trainer Corporativo



CREF2/RS e Confederação Brasileira de Xadrez firmam convênio para cursos EAD
14/08/2017
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS e a Confederação Brasileira de Xadrez (CBX) firmaram um convênio, para oferecer aos profissionais registrados no Conselho um desconto de 30% nos cursos de capacitação da instituição. As atividades, ministradas na modalidade EAD, têm o intuito de possibilitar a aquisição de habilidades e competências técnicas para o ensino do jogo de xadrez como desporto e ferramenta pedagógica.

Para mais informações sobre os cursos, acesse o site www.xadrezead.com.br/parceiros. Os dados para contato direto com a CBX são o site www.cbx.org.br e o e-mail cbx@cbx.org.br.

Convênios



CREF2/RS Porto Alegre e Caxias do Sul terão expediente diferenciado no dia 28
24/03/2017
Fonte: CREF2/RS

Atenção profissional: não haverá atendimento externo pela manhã na próxima terça, dia 28/03, na sede do CREF2/RS de Porto Alegre e durante todo o dia na sede de Caxias do Sul, devido a capacitação interna. O atendimento retornará normalmente a partir das 12h em Porto Alegre.

Para maior comodidade dos profissionais de Educação Física, os serviços prestados pelo CREF2/RS podem ser agendados com antecedência pela página do Conselho. Com horário previamente escolhido e informações detalhadas para cada procedimento, a ferramenta garante maior agilidade. Clique aqui e confira.

Horário de atendimento



Reunião da Câmara da Saúde do Fórum/RS discute EAD
16/03/2017
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), esteve presente nesta terça-feira, dia 14, da reunião da Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS), realizada na sede da OAB. Entre as putas discutidas, o risco de extinção dos cargos SUSEPE, o termo de cooperação técnica dos Conselhos Profissionais com Ministério Público do RS, Observatórios Sociais e o Movimento dos Conselhos Profissionais da área da saúde contra os cursos de graduação predominantemente na modalidade EAD, entre outros.

Segundo Lauro, o MEC já autorizou 274,1 mil vagas de ensino a distância, em 11 das 14 profissões da saúde. “A Educação Física tem uma oferta de 68 mil vagas”, alerta o vice-presidente. Para seu funcionamento, os cursos EAD deveriam obedecer uma série requisitos, mas que na prática não são cumpridos, tais como: não observância às diretrizes curriculares, bem como a carga horária e sua integralização; deficiência nas avaliações; falta de capacitação dos docentes; inexistência de estágios obrigatórios e atividades laboratoriais, dentre outros. Aliados a esses elementos que não condicionam a uma formação de qualidade, há uma proposta de mudança por parte do MEC, que altera o Decreto nº 5.622/2005, comprometendo ainda mais a qualidade da formação.

“O EAD deixa de exigir o credenciamento prévio para oferta presencial; credenciamento único para oferta de graduação e de pós-graduação lato sensu; credenciamento lato sensu EAD fica restrito às escolas de governo”, explica Lauro. Já os polos de apoio presencial passam a ser criados pelas instituições de ensino, que deverão informá-los ao MEC, no prazo de 60 dias, a partir da expedição do ato interno de criação, respeitando o quantitativo anual .

Os tutores que exercem atividades compatíveis com a docência deverão ser contratados como docentes (tutores a distância) e fica prevista a possibilidade de oferta de curso EAD totalmente virtual, mas, inicialmente, somente em caráter experimental e condicionado à autorização pelo MEC, mesmo para instituições com autonomia (Art. 10). A IES somente poderá pedir curso 100% virtual após o reconhecimento do primeiro curso EAD. O que, para o vice-presidente do CREF2/RS, é um erro pedagógico, já que no ensino da Educação Física faz-se indispensáveis aulas presenciais. “É necessário um amplo debate sobre o tema do EAD, pois corremos o risco de precarizar ainda mais nosso ensino”, alerta Lauro.

FÓRUM RS - Câmara da Saúde



Reunião da Câmara da Saúde do Fórum/RS discute EAD
16/03/2017
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), esteve presente nesta terça-feira, dia 14, da reunião da Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum/RS), realizada na sede da OAB. Entre as pautas discutidas, o risco de extinção dos cargos SUSEPE, o termo de cooperação técnica dos Conselhos Profissionais com Ministério Público do RS, Observatórios Sociais e o Movimento dos Conselhos Profissionais da área da saúde contra os cursos de graduação predominantemente na modalidade EAD, entre outros.

Segundo Lauro, o MEC já autorizou 274,1 mil vagas de ensino a distância, em 11 das 14 profissões da saúde. “A Educação Física tem uma oferta de 68 mil vagas”, alerta o vice-presidente. Para seu funcionamento, os cursos EAD deveriam obedecer uma série requisitos, mas que na prática não são cumpridos, tais como: não observância às diretrizes curriculares, bem como a carga horária e sua integralização; deficiência nas avaliações; falta de capacitação dos docentes; inexistência de estágios obrigatórios e atividades laboratoriais, dentre outros. Aliados a esses elementos que não condicionam a uma formação de qualidade, há uma proposta de mudança por parte do MEC, que altera o Decreto nº 5.622/2005, comprometendo ainda mais a qualidade da formação.

“O EAD deixa de exigir o credenciamento prévio para oferta presencial; credenciamento único para oferta de graduação e de pós-graduação lato sensu; credenciamento lato sensu EAD fica restrito às escolas de governo”, explica Lauro. Já os polos de apoio presencial passam a ser criados pelas instituições de ensino, que deverão informá-los ao MEC, no prazo de 60 dias, a partir da expedição do ato interno de criação, respeitando o quantitativo anual .

Os tutores que exercem atividades compatíveis com a docência deverão ser contratados como docentes (tutores a distância) e fica prevista a possibilidade de oferta de curso EAD totalmente virtual, mas, inicialmente, somente em caráter experimental e condicionado à autorização pelo MEC, mesmo para instituições com autonomia (Art. 10). A IES somente poderá pedir curso 100% virtual após o reconhecimento do primeiro curso EAD. O que, para o vice-presidente do CREF2/RS, é um erro pedagógico, já que no ensino da Educação Física faz-se indispensáveis aulas presenciais. “É necessário um amplo debate sobre o tema do EAD, pois corremos o risco de precarizar ainda mais nosso ensino”, alerta Lauro.

FÓRUM RS - Câmara da Saúde



Profissionais registrados têm desconto no Convenção Brasil Serra Gaúcha nesta sexta e sábado
11/10/2016
Fonte: CREF2/RS

O II Meeting Convenção Brasil Serra Gaúcha, em parceria com o CREF2/RS, está oferecendo desconto nos seus cursos para os profissionais registrados no Conselho. O evento, que será realizado nesta sexta e sábado no Hotel Intercity, em Caxias do Sul, é uma grande oportunidade para atualização e capacitação profissional, nas mais diferentes áreas de abrangência da Educação Física.

Ao todo, serão oferecidas 12 atividades, que abordarão temas como musculação, treinamento funcional, HIIT, biomecânica e gestão de academias, entre outros mais. O benefício para os registrados no CREF2/RS compreende 5% de desconto para a realização de dois cursos e 10% para três ou mais. Confira aqui a programação completa e o link para as inscrições.

II Meeting Convenção Brasil Serra Gaúcha
Data: 14 e 15 de outubro, sexta-feira e sábado, das das 8h às 18h
Local: Hotel Intercity Caxias do Sul
Endereço: Avenida Therezinha Pauletti Sanvitto, 333 – Bairro Desvio Rizzo
Inscrições e informações: pela página www.convencaobrasil.com.br ou pelo telefone (54) 3026-1006

Convenção Brasil eventos cursos



Aulas do curso de condutor de turismo de aventura iniciam hoje
20/06/2016
Fonte: CREF2/RS

O curso de capacitação Condutor de Turismo de Aventura, promovido pelo Senac-RS em pareceria com o CREF2/RS, iniciou hoje pela manhã. As aulas, realizadas no Senac Comunidade, localizado dentro do Colégio Júlio de Castilhos, em Porto Alegre, está sendo totalmente gratuita para profissionais registrados e acadêmicos de Educação Física.

A abertura da atividade contou com a presença do vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), que destacou a construção conjunta do curso, que é o primeiro fruto da parceria entre Senac-RS e Conselho. “O curso de condutor de turismo de aventura vai oportunizar aos profissionais de Educação Física mais uma opção de trabalho, em um mercado que está em expansão e carente de instrutores capacitados”, declarou. A prova disto é que, somente no ano passado, de acordo com um levantamento feito pelo próprio Senac-RS, 24% dos turistas brasileiros procuraram algum tipo de atividade de aventura na natureza.

O curso de qualificação profissional tem aulas de segunda a sexta-feira, sempre pelo turno da manhã. A carga horária de 240 horas e, depois da realização desta primeira turma, o Senac-RS irá estudar a possibilidade de ampliar o curso Condutor de Turismo de Aventura também para outras cidades do Estado.

Curso Senac Turismo de Aventura



CREF2/RS visita Secretaria Municipal de Educação de Caxias do Sul
27/04/2016
Fonte: CREF2/RS

Na tarde de ontem, dia 26 de abril, o CREF2/RS, representado pela conselheira Márcia da Cruz (CREF 007542-G/RS), visitou a Secretaria Municipal de Educação (SMED) de Caxias do Sul. Em reunião com o novo secretário do município, Agenor Basso, e com o assessor pedagógico, Sidnei dos Santos Jr. (CREF 014180-/G/RS), ela falou um pouco sobre o Código de Ética Profissional e sobre os encaminhamentos que são dados depois das ações de fiscalização.

Márcia aproveitou o encontro também para tirar algumas dúvidas sobre a elaboração dos editais de concursos públicos, que devem exigir, para os cargos de competência dos profissionais de Educação Física, o registro no CREF2/RS. Neste sentido, a Secretaria se prontificou em verificar se todos os professores da rede municipal possuem o CREF ativo. Além disto, também serão elaboradas, em parceria com o Conselho, oportunidades de formação e de capacitação aos profissionais que atuam nas escolas municipais. “Esta ação, contribuirá também com o projeto político-pedagógico escolar, que já está em andamento no município”, explicou Basso.

A proposta foi vista, pela SMED, como uma importante contribuição. A Secretaria e o Conselho voltarão a se reunir, em breve, para definir os detalhes da primeira palestra que será oferecida aos profissionais de Educação Física da Caxias do Sul. O tema será a Ética Profissional.

CREF Serra Educação Física Escolar



Senac-RS e CREF2/RS oferecem curso gratuito de condutor de turismo de aventura em abril
24/03/2016
Fonte: CREF2/RS

O Senac-RS, em parceria com o CREF2/RS, vai oferecer aos profissionais registrados no Conselho um curso de formação de condutores de turismo de aventura. A atividade, que será realizada pela primeira vez no Rio Grande do Sul, será gratuita e vai ter a sua primeira turma com aulas a partir do dia 25 de abril. Com carga horária de 240 horas e 30 vagas disponíveis, o curso terá duração aproximada de dois meses e as inscrições serão abertas já no início do próximo mês.

Para o vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), esta parceria com o Senac-RS vai oportunizar aos profissionais de Educação Física mais uma opção de trabalho, em um mercado que está em expansão e carente de instrutores com a devida capacitação. Somente no ano passado, de acordo com um levantamento feito pelo Senac, 24% dos turistas brasileiros procuraram algum tipo de atividade de aventura na natureza.

O curso de qualificação profissional terá aulas de segunda a sexta-feira, pela turno da manhã, na unidade do Senac Comunidade, localizada dentro do Colégio Júlio de Castilhos, em Porto Alegre. As inscrições e as matrículas serão realizadas de maneira presencial no mesmo lugar. Mais informações em breve.

Curso de qualificação profissional Condutor de Turismo de Aventura
Carga horária: 240 horas
Disponibilidade: 30 vagas
Início das aulas: 25 de abril, pela manhã
Inscrições: gratuitas a partir de 4 de abril – mais informações em breve
Matrículas: gratuitas a partir de 11 de abril – mais informações em breve
Local: Senac Comunidade
Endereço: Praça Piratini, 76 – Bloco B – 3º andar

Senac Cursos



USP pesquisa o legado das Olimpíadas 2016 para educação dos treinadores
17/03/2016
Fonte: USP

A professora e pesquisadora da USP Ana Lúcia Padrão dos Santos (CREF 007308-G/SP) está executando a pesquisa "Jogos Olímpicos Rio 2016: o legado para educação dos treinadores", que tem como objetivo identificar o legado dos Jogos Olímpicos 2016. O projeto tem caráter documental, e as instituições pesquisadas serão as Confederações Esportivas envolvidas nos Jogos Olímpicos Rio-2016, as Instituições de Ensino Superior que oferecem cursos de Educação Física, os CREFs, o CONFEF e o Comitê Olímpico Brasileiro.

A pesquisa tem a finalidade de capacitar e aprimorar os treinadores esportivos e os estudantes de cursos de Educação Física, a partir da detecção, registro e análise de atividades educacionais e científicas relacionadas ao evento. Serão registrados neste estudo eventos educacionais, científicos e de capacitação de treinadores esportivos, incluindo conferências, seminários, fóruns, cursos, simpósios, workshops, palestras e similares que tenham como público-alvo estudantes dos cursos de Educação Física ou profissionais de Educação Física habilitados a trabalhar como treinadores esportivos e que, em seu conteúdo, expressem alguma relação com os Jogos Olímpicos. O período de coleta é de janeiro a dezembro de 2016.

Dados para a poderão ser enviados para o e-mail projeto.pesquisa.rio.2016@gmail.com

Rio-2016



Vem aí a segunda edição do projeto Qualificação da Gestão de Academias SEBRAE/RS
29/01/2016
Fonte: CREF2/RS

Se você quer potencializar os negócios da sua academia e ampliar a participação no mercado, a segunda edição do projeto Qualificação da Gestão de Academias apresentará as melhores ferramentas de vendas, atendimento, marketing, gestão e finanças, exclusivamente desenvolvidas para a realidade das academias.

O objetivo é contribuir para a melhoria da administração do seu negócio e incentivar a cooperação entre as empresas participantes. Serão abordados temas como capacitação em gestão, boas práticas, planejamento estratégico e controles gerenciais. A ação renova a parceria firmada em 2015 entre SEBRAE/RS, o CREF2/RS e a Associação das Academias do Rio Grande do Sul (ACAD/RS). Podem participar micro e pequenas empresas e microempreendedores individuais do segmento de condicionamento físico.

Contato e inscrições
SEBRAE/RS - Regional Metropolitana
Gestor do Projeto: Antônio de Pádua Melo Jr.
Fone: (51) 3213.1507 / (51) 9702.2406
E-mail: antoniodj@sebrae-rs.com.br

Gestão de academias



Comissão de Ensino Superior elege presidente nesta terça-feira
05/01/2016
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional do CREF2/RS reuniu-se na tarde desta terça-feira (5), quando elegeu como seu presidente o conselheiro do CREF2/RS e professor da ESEF-UFPel Eduardo Merino (CREF 004493-G/RS), e como secretário Leomar Tesche (CREF 000129-G/RS), docente da Unijuí e também conselheiro do CREF2/RS. Segundo Merino, o encontro marca a retomada do trabalho de aproximação com as instituições de ensino superior que já vinha sendo realizado em 2015. “Neste ano, pretendemos atuar auxiliando na formação continuada, promovendo com isto a capacitação e a reciclagem de conhecimento dos profissionais de Educação Física”, explicou.

Na ocasião, os membros da Comissão trabalharam na organização da reunião de coordenadores de cursos de bacharelado, que ocorrerá no próximo dia 19 de janeiro, na sede do CREF2/RS, bem como debateram o planejamento estratégico de ações para 2016, que prevê visitas e palestras nos cursos de Educação Física, além da possibilidade da criação de um acervo digital de dissertações e teses.

Também estiveram presentes à reunião os conselheiros do CREF2/RS Débora Rios Garcia (CREF 002202-G/RS), Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS) e Carlos Ernani Olendzki de Macedo (CREF2/RS 001262).

Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional



Congresso de Cardiologia terá Simpósio de Educação Física em maio de 2016
14/12/2015
Fonte: CREF2/RS

Nesta segunda-feira (14), as profissionais de Educação Física Rosane Nery (CREF 003467-G/RS) e Maurice Zanini (CREF 008491-G/RS) visitaram o CREF2/RS para divulgar o Simpósio de Educação Física, que será realizado durante o Congresso de Cardiologia da Sociedade de Cardiologia do Rio Grande do Sul (SOCERGS), em Gramado, do dia 19 a 21 de maio de 2016. De acordo com Rosane, o evento trará os principais avanços da ciência do exercício e sua relação com a saúde cardiovascular. “Teremos a presença de pesquisadores e profissionais das mais respeitadas instituições e centros de ensino”, informa.

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), afirmou que o desenvolvimento científico dos estudos do exercício é relativamente recente, e que o Simpósio será uma excelente oportunidade para explorar e aprofundar estes temas. “O diálogo que se travará será muito útil para a capacitação do profissional de Educação Física”, assevera. O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), lembrou que o sedentarismo levou a uma epidemia de obesidade e sobrepeso, causando, dentre os muitos danos à saúde, problemas cardiovasculares. “Somos os profissionais da saúde que atuam diretamente na prevenção das doenças, pois a prática regular do exercício físico tem comprovada melhora da função cardiovascular”, alertou Aguiar.

Simpósio de Educação Física Cardiologia



Projeto Qualificação da Gestão de Academias tem segunda edição em 2016
07/12/2015
Fonte: CREF2/RS

O gestor de Projetos de Saúde e Bem-Estar do SEBRAE/RS, Antônio de Pádua Melo Júnior, apresentou nesta segunda-feira (07), na sede do CREF2/RS, os dados referentes ao Projeto Qualificação da Gestão de Academias de Porto Alegre de 2015. Segundo Pádua, cerca de 60 academias de Porto Alegre e da Região Metropolitana receberam capacitação técnica, todas elas registradas no Conselho. “O projeto teve como objetivo promover o acesso ao mercado e auxiliar a gestão empresarial das academias”, afirma. A ação é resultado de uma parceria com a Associação das Academias do Rio Grande do Sul (ACAD), CREF2/RS e o SEBRAE/RS.

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), afirmou que convênio será mantido em 2016, e apontou a pouca informação sobre gestão com que os novos alunos saem da universidade como empecilho ao sucesso de muitos empreendimentos."Dados mostram que a maioria das academias que fecham são administradas por profissionais de Educação Física, o que demonstra nosso desconhecimento sobre gerenciamento de negócios", constata. Para o vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), ações como a do SEBRAE/RS desenvolvem no profissional de Educação Física um novo olhar sobre o mercado. “Projetos como este auxiliam, por exemplo, na precificação dos serviços e no cálculo e aumento de percentuais de lucro”.

SEBRAE RS



Rugby poderá ser conteúdo de Educação Física nas escolas municipais de Porto Alegre
21/09/2015
Fonte: Correio do Povo

A Secretaria Municipal de Educação (Smed) do Porto Alegre irá disponibilizar para os professores com formação em Educação Física um curso de capacitação em rugby. O objetivo é que os profissionais tenham o conhecimento da metodologia e o acesso à modalidade, dando mais uma opção de esportes para os alunos da rede municipal.

“Hoje, o rugby tem 60 mil praticantes no Brasil. É o esporte que mais cresce no país, mais de 15% ao ano. O público em potencial também é grande. É o segundo esporte com mais interessados em conhecer e praticar”, afirmou o coordenador de desenvolvimento de rugby no Rio Grande do Sul, Lucas Toniazzo.

O esporte é disputado por duas equipes de quinze jogadores, numa partida de duas partes de 40 minutos contínuos. No Sevens, que passará a ser uma modalidade na Rio 2016, os jogos são disputados em dois tempos de sete minutos e cada time entra em campo com sete jogadores. "O objetivo do jogo é marcar o maior número de pontos", disse Lucas Toniazzo.

O curso ainda não tem data para ser realizado. A primeira divisão de rugby do Rio Grande do Sul conta com seis equipes. A Federação Gaúcha de Rugby realiza anualmente mais quarto divisões, 2ª, acesso, intermediária e Juvenil. Além da Copa RS e três competições de Sevens, masculina, juvenil e feminino.

Educação Física Escolar



CREF2/RS firma parceria com Senac-RS para promover Fórum de Esporte de Aventura na Natureza e curso de capacitação na área
26/06/2015
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta sexta-feira (26), a presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e o 1º secretário Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) estiveram reunidos com Paulo Presser e Jacqueline Gisler, diretor e coordenadora do Núcleo de Educação Profissional do Senac-RS, respectivamente. O encontro serviu para definir os detalhes do Fórum de Esporte de Aventura na Natureza e do posterior curso de capacitação que será oferecido aos profissionais de Educação Física que atuam na área. O presidente do CONFEF Jorge Steinhilber (CREF 000002-G/RJ) também esteve presente na reunião.

O Fórum irá, em um primeiro momento, identificar as necessidades dos profissionais de Educação Física neste segmento e definir as competências do curso, que será oferecido de maneira gratuita, em um local ainda a ser definido. Como destacou Jacqueline, a ideia é que esta atividade introdutória conte também com a participação de entidades representativas para a área, como o SESI, a Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (FAMURS) e o SEBRAE.

"Estamos dando um primeiro passo, muito interessante, e iremos ajustando as nossas expectativas. A aproximação com o Senac-RS vai beneficiar todos os profissionais de Educação Física, sobretudo aqueles que atuam numa área ainda pouco atendida por cursos e especializações", explicou Carmen. Steinhilber também sinalizou que a iniciativa é importante não só para os profissionais que já atuam com os esportes de aventura, mas para todos aqueles que saem da faculdade e não têm este tipo de qualificação. Uma nova reunião está marcada para o início de julho.

Esporte de Aventura Senac-RS



Projeto de qualificação da Gestão das Academias do SEBRAE-RS será lançado com a realização de palestra no próximo dia 25/06
16/06/2015
Fonte: SEBRAE-RS

O Sebrae-RS, em parceria com o CREF2/RS e com a Associação das Academias do RS (ACAD RS), lançará no próximo dia 25/06, quinta-feira, às 14h, o projeto “Fortalecendo a Gestão Empresarial das Academias". O evento, que ocorrerá na academia Ipanema Sports (Av. Cel. Marcos, nº 2353 - Porto Alegre - RS), será marcado pela realização da palestra “O sucesso da academia de forma simples e eficaz”, ministrada pelo arquiteto e empresário Luiz Amoroso, eleito consultor revelação em 2002 pela CMS International (EUA.

O projeto do Sebrae-RS objetiva a qualificação da gestão das academias de ginástica de Porto Alegre e Região Metropolitana, podendo dele participar as academias registradas no CREF2/RS e enquadradas como micro ou pequenas empresas. O empresário, após aderir ao Projeto, recebe o cronograma com as datas de realização das capacitações propostas. As empresas contam com subsídio de 80% nas ações, com o compromisso de participar em no mínimo 20 horas de capacitação durante o Projeto. Para os meses agosto/setembro/outubro, estão previstas consultorias; cursos; encontro empresarial com palestrante referência do setor; visitas técnicas de benchmarking e ações de acesso ao mercado.

O palestrante convidado está entre o top 10% de perfis mais vistos em 2012 no Linkedin, sendo membro do conselho da GLG Research, empresa americana que reúne grupos de profissionais e consultores de vários setores que compartilham seus conhecimentos com indivíduos em posições de liderança nos setores financeiro e comercial. Já apresentou mais de 50 palestras e cursos em todo o território nacional e mais de 35 palestras e cursos internacionais (América do Sul, América do Norte e Europa) e desenvolveu mais de 50 projetos que vão da reestruturação operacional ao planejamento e montagem de academias no Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, México e Portugal. Atualmente é diretor-superintendente da Monday Academia (São Paulo).

O sucesso da academia de forma simples e eficaz
Data: 25/06, quinta-feira, às 14h.
Local: Academia Ipanema Sports - Av. Cel. Marcos, 2353 - Ipanema - Porto Alegre - RS,

Temas da palestra:
- Explorar o mercado e estabelecer o volume de venda necessário para atingir o faturamento e o lucro;
- Definir o valor da venda para que os clientes sejam rentáveis;
- Compor o perfil de venda de tal forma que a carteira de recebíveis assegure o sucesso e a estabilidade;
- Planejar as vendas estrategicamente;
- Implantar indicadores e metas eficazes com o objetivo acompanhar o desempenho e garantir performance;
- Gerenciar as finanças de forma simples e objetiva.

Inscrições e informações: clique aqui

Sebrae



Reunião marca reaproximação do CREF2/RS com a FUNDERGS
01/06/2015
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta segunda-feira (1), Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do CREF2/RS, esteve reunida com Cassiá Carpes, presidente da Fundação de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul (FUNDERGS). O objetivo do encontro foi a reaproximação do Conselho com a nova gestão da instituição, responsável por coordenar e executar a política de esporte e lazer em todo o Estado.

Para Carmen, a ideia do CREF2/RS é retomar o convênio com a FUNDERGS e oferecer aos profissionais da Fundação cursos de capacitação, sobretudo nos polos do interior. "Queremos chegar mais perto dos profissionais", comentou. "Nossa meta é que atingir o maior número de pessoas fora das grandes cidades, onde muitas vezes a informação e o conhecimento demoram um pouco mais para chegar".

Carpes considerou extremamente positiva a reaproximação com o Conselho e destacou que os oito Polos Regionais de Desenvolvimento do Esporte e Lazer da FUNDERGS, com sede em cidades como Passo Fundo, Santa Cruz e Santo Ângelo, estão de portas abertas. "Temos a certeza de que o CREF2/RS deve participar dos polos, para ampliar estes encontros", avaliou. "Nossa parceria pode trazer coisas importantes para o dia a dia dos profissionais, como o conhecimento de que esporte não é só Olimpíadas. Isto permitirá que outras questões sejam trabalhadas, principalmente na Educação Física Escolar. Isto é muito importante para o Estado".

CREF2/RS e FUNDERGS vão voltar a se reunir para dar continuidade ao projeto.



Reunião da Câmara Técnica de Esportes de Aventura é nesta quinta-feira em Caxias do Sul
12/05/2015
Fonte: CREF2/RS

Na quinta-feira (14), a Câmara Técnica de Esportes de Aventura vai se reunir mais uma vez no CREF Serra, em Caxias do Sul. O grupo, coordenado por Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) e Marco Aurélio Scharcow (CREF 002463-G/RS), discutirá, entre outros assuntos, as necessidades e os meios de preparar os profissionais de Educação Física para estas modalidades. A grade curricular dos cursos de graduação e o mercado de trabalho para a área também entrarão em debate.

O encontro dará continuidade ao trabalho iniciado em março e em abril, que contou com a presença de Ednei Torresini (CREF 003786-G/RS), Rotechild Prestes (CREF 007786-P/RS) e Thomas Schulze (CREF 013024-G/RS). "Queremos oferecer para o mercado um profissional com conhecimentos para dar todo suporte, de primeiros socorros a outras questões relacionadas à segurança", explica Scharcow. Como adianta Aguiar, o intuito da Câmara Técnica também é a aproximação com as instituições parcerias e estratégicas para a capacitação dos profissionais de Educação Física.

A reunião, marcada para as 19h, é aberta a todos os interessados. Para participar, confirme presença pelo e-mail secretaria@crefrs.org.br ou pelo telefone (51) 3288-0200.

Reunião da Câmara Técnica de Esportes de Aventura
Quinta-feira, dia 14 de maio, às 19h
Local: CREF Serra (Rua Antônio Ribeiro Mendes, 1849 – Pio X)



Câmara Técnica de Esportes de Aventura se reúne no CREF Serra neste sábado
15/04/2015
Fonte: CREF2/RS

No sábado (18), a Câmara Técnica de Esportes de Aventura do CREF2/RS volta a se reunir. A pauta do encontro, que será realizado no CREF Serra, em Caxias do Sul, é a discussão de maneiras de inserir o pro fissional de Educação Física neste segmento e o mapeamento das modalidades que são desenvolvidas atualmente no Rio Grande do Sul. Ainda em fase de criação, a Câmara Técnica está aberta à participação de todos os interessados pela área.

A reunião dará continuidade ao trabalho iniciado em março por Marco Aurélio Scharcow (CREF 002463-G/RS) e Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), 1º secretário do CREF2/RS. "Temos que trazer pessoas entendidas sobre o assunto para a Câmara", explicou Aguiar. Além de discutir o papel do profissional de Educação Física neste campo interdisciplinar, a Câmara Técnica tem também o objetivo de identificar as necessidades do segmento e buscar formas para a capacitação destes profissionais, com o auxílio de programas como o Pronatec e de instituições como o Senac-RS. "Queremos oferecer para o mercado um profissional com conhecimentos para dar todo suporte, de primeiros socorros a outras questões relacionadas à segurança", complementou Scharcow.

A reunião inicia às 10h no CREF Serra (Rua Antônio Ribeiro Mendes, 1849 – Pio X). Mais informações pelo e-mail secretaria@crefrs.org.br ou pelo telefone (51) 3288-0200.



CREF2/RS busca apoio do Senac-RS para capacitação dos profissionais de Educação Física
14/04/2015
Fonte: CREF2/RS

Na tarde desta terça-feira (14), a presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e o 1º secretário Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) se reuniram com representantes do Senac-RS, com intuito de firmar parceria para oferecer aos profissionais de Educação Física cursos de capacitação. O encontro, realizado pela primeira vez na sede do Conselho, contou com a presença de Paulo Presser, gerente de Desenvolvimento Educacional; Nara dos Anjos, coordenadora de Projetos Especiais; e Jacqueline Gisler, coordenadora de Desenvolvimento Educacional da instituição.

A reunião, que deu início à aproximação dos dois órgãos neste sentido, serviu para que os membros do Senac-RS pudessem ter uma noção do campo de trabalho da Educação Física e daquilo que as universidades oferecem em nível de formação acadêmica nesta área. "A ideia é construir uma parceria, de acordo com a missão do Senac-RS, que é o aprimoramento e qualificação dos profissionais", comentou Presser. "Buscamos cursos novos, com o apoio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), pois a inovação deve fazer parte", avaliou Aguiar. Senac-RS e CREF2/RS vão voltar a se encontrar para dar continuidade ao projeto.



CREF2/RS é recebido pela Secretaria de Turismo, Esporte e Lazer para reunião
11/02/2015
Fonte: CREF2/RS

A presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e o 1º secretário Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) foram recebidos, na manhã desta quarta-feira (11), por Gabriela Markus, secretária adjunta da Secretaria Estadual de Turismo Esporte e Lazer, e por Paulão, diretor de Esportes do órgão, para reunião.

No encontro, foram tratados assuntos de interesse de ambos os lados e assinalada a possibilidade de cooperação no futuro. Além disto, foram discutidas estratégias para a instrumentalização dos profissionais de Educação Física e para a promoção dos esportes de aventura e do esporte educacional. "Fomos conhecer a Secretaria e seus novos dirigentes", comentou a Presidente. "O que o Conselho quer não é recurso, mas sim a possibilidade de trabalho conjunto, em parceria, para melhorias técnicas, de espaço e para a capacitação dos profissionais de Educação Física", concluiu.



CREF2/RS fortalece parceria com Secretaria de Esporte e Lazer e FUNDERGS
01/09/2014
Fonte: CREF2/RS

Na manhã de hoje (1º), a diretoria do CREF2/RS recebeu visita de Ricardo Pettersen (CREF 006862-G/RS), secretário de Esporte e Lazer do Estado, e de Cláudio Gutierrez (CREF 014210-G/RS), presidente da Fundação de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul (FUNDERGS). O encontro, além de marcar o início das comemorações do dia 1º de setembro, serviu para reforçar a parceria entre as instituições, que deve oferecer aos profissionais de Educação Física eventos, palestras e cursos de capacitação.

"Temos que trabalhar em conjunto, para fortalecer a Educação Física", declarou Pettersen. Para o Secretário, estar perto do Conselho é forma de reforçar o fator social e de desenvolvimento humano do esporte. Além de citar exemplos de eventos que só foram possíveis com a colaboração de outros parceiros, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do CREF2/RS, destacou a importância da Secretaria de Esporte e Lazer para isto. "A aproximação, junto com a FUNDERGS, é ganho não só para os profissionais, mas para toda a Educação Física".



CREF2/RS organiza cursos para megaeventos
19/03/2013
Fonte: CREF2/RS

Representantes da Secretaria Municipal de Turismo estiveram no CREF2/RS para darem inicio às tratativas para implantação de cursos de aperfeiçoamento para Profissionais de Educação Física em hotelaria, visando os preparativos para os megaeventos que se aproximam. Os cursos são nos mesmos moldes dos propostos para outras profissões, que visam a capacitação para atuar com o público da Copa do Mundo e Olimpíadas.



Câmara de Esportes na Natureza faz sua quarta reunião
21/02/2013
Fonte: CREF2/RS

A Câmara de Atividades Físicas, Aventuras e Esportes na Natureza do CREF2/RS realizou hoje, dia 21, na sede do Conselho, sua quarta reunião. Estiveram presentes representantes da Federação Gaúcha de Montanhismo, Confederação Brasileira de Orientação, corrida de aventuras, PUCRS, Secretaria Estadual de Turismo e Fundergs/SEL.

Segundo o presidente da Câmara, Luis Leandro Grassel, os esportes na natureza e de aventura são uma tendência que está crescendo fortemente no país, e que deve ser trabalhada dentro do marco legal. “Temos que buscar fortalecer nossa infraestrutura, defender a formalidade e focar a segurança de todos os praticantes. Recentemente acompanhei uma equipe francesa na corrida de aventuras, e me impressionou o grau de profissionalismo destes integrantes, o que pode ser um bom parâmetro para os brasileiros”, afirmou. A opinião ganhou respaldo pelo docente da PUCRS, Rodrigo Cavasini. “Países com mais experiência no ramo podem servir como exemplo, mas temos que analisá-los sobre a nossa ótica e características”, defendeu.

O Presidente do CREF2/RS, Eduardo Merino, afirmou que uma das bandeiras defendidas com afinco pelo Conselho é a formação e o aprimoramento, mas que há um descompasso entre o mercado e a academia em temas ligados à área no RS. “Dos 45 cursos de Educação Física no estado, apenas 13 têm projeto pedagógico que contemple esportes de aventura e na natureza”, avaliou. Para José Otávio Dornelles, representante da Confederação Brasileira de Orientação, a capacitação profissional, tanto acadêmica como científica, se fazem fundamentais para quem trabalha com esportes na natureza. “E essa capacitação passa pelo registro no Sistema CONFEF/CREF”, ressaltou.



Ginástica laboral: trabalho com equipe multidisciplinar leva melhoria da qualidade de vida dentro das empresas
19/02/2013
Fonte: Jornalismo Portal EF

Transmitir informações precisas também é fundamental para a adesão dos funcionários. Uma pausa no expediente é essencial em todas as profissões. Afinal, esse “respiro” no meio do dia pode contribuir com a melhora da produtividade. Se ela vier acompanhada de alguns exercícios leves, então, o incremento na qualidade de vida, na saúde, no humor e na produtividade são imensuráveis e podem ser alcançadas por meio da ginástica laboral.

André Nessi, profissional de educação física, professor da Universidade Anhembi Morumbi e diretor do Instituto Nessi (www.institutonessi.com.br), conta que a Organização Mundial da Saúde (OMS) preconiza que a prática de 30 minutos de atividades físicas por dia e as empresas têm buscado incluir ao menos 15 minutos diários de exercícios físicos e recreativos que estimulam o corpo, as emoções e a conexão entre pessoas de departamentos distintos. “No mundo corporativo há promoções para que sejam consideradas as melhores empresas do setor e, dentre os itens avaliados estão os benefícios aos funcionários, que incluem a ginástica laboral. Por isso acreditamos que este é um setor em franca expansão”, defende.

O que é Ginástica Laboral?

Dentro de muitas empresas ainda há quem se questione sobre o que é a ginástica laboral. De acordo com o fisioterapeuta, mestre em reabilitação do equilíbrio corporal e coordenador do curso de Fisioterapia da Faculdade de Tecnologia e Ciências de Vitória da Conquista (BA), Vinícius de Moraes, “a ginástica laboral é a execução de exercícios e atividades específicas junto ao ambiente de trabalho com o intuito de promover a saúde do trabalhador, prevenir o aparecimento de lesões por esforço repetitivo (LER/DORT) e melhorar o relacionamento, a interação entre os indivíduos”.

Vários profissionais podem aplicar a Ginástica Laboral

Se dentro das empresas a pergunta sobre o que é a ginástica laboral figura entre os funcionários, dentre os profissionais da área da saúde surge o questionamento sobre quem é que deve aplicar essas atividades dentro das empresas e a resposta surpreende: ginástica laboral é um trabalho multidisciplinar que pode envolver fisioterapeutas, profissionais de educação física, nutricionistas e psicólogos, tudo para promover a saúde, o bem-estar e a qualidade de vida no ambiente corporativo.

“O papel de execução das aulas é prioridade do profissional de educação física, mas o fisioterapeuta interage com os programas de ergonomia, postural, de qualidade física e, inclusive, de reabilitação e reinserção de trabalhadores afastados. Trabalhamos juntos para desenvolver assuntos específicos e essa simbiose é muito importante hoje em dia. Um complementa o trabalho do outro”, conta Moraes.

Nessi afirma que a Educação Física tem o papel de preparar o corpo para a atuação na vida, de modo a prevenir lesões, enquanto a fisioterapia tem um enfoque mais voltado á reabilitação e reinserção às atividades corriqueiras. “Elas são distintas, mas quando integradas na manutenção do dia a dia da estrutura do profissional atuam em perfeita harmonia”, diz. A necessidade de capacitação profissional também é destacada pelo professor universitário, que lembra que apenas há cursos de pós-graduação e especialização em ginástica laboral e indica a Associação Brasileira de Ginástica Laboral e o Portal da Educação Física como fontes de informação a respeito de tais cursos.

Sem contraindicações absolutas, o departamento médico das empresas também deve participar da liberação dos funcionários para a prática da ginástica laboral sempre que houver queixas de dor ou problemas específicos. “Quem trabalha com atividade física costuma separar as pessoas por grupos. Assim, ao implantar um programa de qualidade de vida numa empresa, fazemos um levantamento das pessoas com indicações e contraindicações à atividade física, separando aquelas que usam marcapasso, têm labirintite, as gestantes e os idosos para podermos fazer grupos de comprometimento. Todos farão a atividade laboral, mas cada grupo com as suas demandas específicas a serem atendidas”, explica Nessi.

Ginástica Laboral vai ser obrigatória

Ainda tramita em votação o projeto de lei 6083/09, que foi aprovado pela Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público em 2010 para obrigar as empresas com cerca de 100 ou mais funcionários a terem um programa de ginástica laboral. Segundo Moraes, elas ainda não têm essa obrigação, mas muitas o fazem por notar os benefícios que esse tipo de atividade física trazem para os empregados e para o negócio em si. O fisioterapeuta lembra que há países que incentivam a prática da ginástica laboral, o que é ótimo para a saúde física e emocional dos empregados.

“Na realidade, a obrigatoriedade da participação do funcionário pode configurar assédio moral, por isso precisamos tomar muito cuidado. Tentamos convencer com informações e palestras, mas a empresa pode controlar a adesão deles por meio de relatórios”, alerta Moraes.

Além disso, a grande vantagem da ginástica laboral é que o clima empresarial muda, já que este é um momento lúdico, de redução do estresse. Estudos indicam que a repercussão é satisfatória na produção, na redução da abstenção e até mesmo na redução de processos jurídicos movidos contra a empresa que oferece ginástica laboral aos funcionários. “Sofremos inclusive pressão das empresas porque impactamos na produção”, diz o fisioterapeuta.

De acordo com André Nessi, as vantagens para os funcionários são variadas também, como tirar a tensão excessiva voltada ao trabalho, melhorias psicológicas e fisiológicas, melhor percepção corporal prevenindo acidentes ao melhorar a atenção, os reflexos, a agilidade e a execução correta de força e movimento ao pegar e transportar materiais, entre outras.



Nota de esclarecimento: "Exercise is medicine"
15/10/2012
Fonte: CONFEF

"O CONFEF esteve presente no dia 4 de outubro à abertura do 35º Simpósio Internacional de Ciências do Esporte, onde obteve esclarecimentos sobre o programa ""Exercise is Medicine"", do American College of Sports Medicine. Segundo matérias veiculadas pela mídia, o ""Exercise is medicine"" será implantado na rede estadual de saúde de São Paulo, numa parceria entre o Centro de Estudos do Laboratório de Aptidão Física de São Caetano do Sul (Celafiscs) e a Secretaria de Saúde do Estado, para capacitar médicos e outros profissionais da área da saúde a ""prescreverem"" atividades físicas. Na abertura do Simpósio, o dr. Victor Matsudo, diretor científico do Celafiscs, elucidou que a imprensa traduziu erroneamente o termo ""prescription"" do projeto original, que pode ser tanto prescrição quanto orientação. Matsudo frisou que a capacitação do ""Exercise is medicine"" tem por objetivo fazer com que os profissionais na área da saúde passem a acrescentar a recomendação de atividades físicas em seus receituários e que orientem os pacientes a procurarem um Profissional de Educação Física. Portanto: os médicos e outros profissionais da área da saúde NÃO VÃO prescrever atividades físicas, mas sim RECOMENDÁ-LAS e encaminhar o paciente ao acompanhamento de um Profissional de Educação Física."