Notícias




Data Inicial:
(dd/mm/aaaa)  

Data Final:
(dd/mm/aaaa)  
Título:
Palavras na Notícia:



Nova edição da CREF2/RS em Revista é sobre Jogos Olímpicos
17/06/2016
Fonte: CREF2/RS

A nova CREF2/RS em Revista, que tem como tema de capa os Jogos Olímpicos, já está disponível para download no site do CREF2/RS. A publicação explica, ao longo de suas páginas, como a competição esportiva mais importante do mundo contribui e ainda influencia a carreira de muitos dos profissionais de Educação Física do Rio Grande do Sul.

A reportagem de capa foi dividida em quatro matérias, para falar sobre as expectativas do árbitro de tênis Nicolas Sanchez (CREF 012322-G/RS) e do técnico de natação Frederico Guariglia (CREF 003724-G/RS), que representarão o nosso Estado nos Jogos Olímpicos do Rio; e também para abordar a trajetória dos ex-atletas de vôlei Marco Antônio Volpi e de basquete Evandro Saraiva (CREF 001009-G/RS), que participaram de ciclos olímpicos nos anos 60 e 90, respectivamente.

Além deste conteúdo especial, a nova edição da CREF2/RS em Revista também apresenta matérias sobre o Fórum de Educação Física Escolar, realizado no final de abril em Capão Canoa, e sobre a proposta de extinção do curso de bacharelado em Educação Física, feita pelo Conselho Nacional de Educação. A revista ainda dedica duas páginas às atividades do Departamento de Orientação e Fiscalização (DEFOR), em que é apresentado um resumo das ações realizadas no primeiro trimestre deste ano.

Os exemplares impressos da CREF2/RS em Revista são enviados somente às Pessoas Jurídicas registradas e em dia com as suas obrigações estatutárias. Já os profissionais registrados podem baixar a versão em PDF da revista aqui ou também acessar a edição online diretamente pela plataforma Issuu, disponível para a leitura em computadores, tablets e smartphones.

Revista Olimpíadas



CREF2/RS participa do anúncio oficial do Comitê de Revezamento da Tocha Olímpica
30/03/2016
Fonte: CREF2/RS

A presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) esteve presente no dia 29, no Palácio Piratini, onde assistiu ao anúncio oficial do Comitê de Revezamento da Tocha Olímpica no Rio Grande do Sul. A cerimônia contou com a presença do governador do estado José Ivo Sartori, do diretor de operações da Rio 2016, Marco Aurélio Vieira, do secretário do Turismo, Esporte e Lazer, Juvir Costella, prefeitos e representantes do Ministério do Esporte, além de dezenas de atletas.

A Tocha Olímpica chega ao Rio Grande do Sul no dia 3 de julho e permanece até o dia 9. O símbolo máximo dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos passará por 28 municípios gaúchos. As cidades de Santa Maria, Pelotas, Caxias do Sul, Porto Alegre e Passo Fundo são as chamadas “Cidades de Celebração”, onde a chama vai pernoitar, após eventos turísticos locais.

O circuito oficial do deslocamento passará por Erechim, Passo Fundo, São Miguel das Missões, Santo Ângelo, Ijuí, Cruz Alta, Encantado, Lajeado, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, São Sepé, Caçapava do Sul, Canguçu, Rio Grande, Pelotas, São Lourenço do Sul, Camaquã, Guaíba, Porto Alegre, Canoas, Esteio, Novo Hamburgo, Gramado, Canela, Nova Petrópolis, Caxias do Sul, Bento Gonçalves e Torres.

Olimpíadas 2016



CREF2/RS presente no anúncio do roteiro da tocha olímpica no Estado
03/11/2015
Fonte: CREF2/RS

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), esteve presente no Salão Negrinho do Pastoreio do Palácio Piratini no dia 29, ocasião em que foi anunciado o trajeto pelo qual a tocha olímpica percorrerá o Rio Grande do Sul em 2016. O revezamento passará por mais de 20 cidades gaúchas. A cerimônia contou com a presença do ministro do Esporte, George Hilton, do governador do Estado, José Ivo Sartori, do prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, além de dezenas de atletas e dirigentes esportivos.

Em seu discurso, o ministro George Hilton afirmou que o grande legado das Olimpíadas para o Brasil será consolidar a prática de esportes, gerando saúde pública e propondo inclusão social. “Além dos jogos, estamos preparando a nova Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), que conterá a obrigatoriedade da Educação Física em todos os níveis escolares”, declarou.

Segundo a presidente do CREF2/RS, a tocha olímpica, além da importância simbólica para os desportistas, mobilizará as comunidades por onde passar. “Este tipo de comprometimento tem o poder de agregar os brasileiros e deixar grandes legados”. Carmen também comemorou a fala do ministro relativa à Educação Física escolar. “Esta é uma bandeira de luta do Conselho e achamos uma sinalização positiva. Oxalá ele consiga implementar este programa".

Acesa em Olímpia, onde os Jogos surgiram na Grécia antiga, a tocha passará por vários lugares do mundo até chegar ao Rio de Janeiro em 5 de agosto de 2016, no estádio do Maracanã. No Rio Grande do Sul ela chega em julho, cerca de um mês antes do início dos Jogos. A chama passará por Erechim, Passo Fundo, Cruz Alta, Ijuí, Santo Ângelo, Encantado, Lajeado, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, São Sepé, Caçapava do Sul, Canguçu, Rio Grande, Pelotas, São Lourenço do Sul, Camaquã, Guaíba, Porto Alegre, Canoas (a confirmar), Esteio (a confirmar), Novo Hamburgo, Nova Petrópolis, Canela, Gramado, Caxias, Bento Gonçalves e Torres. No total, 330 cidades brasileiras receberão a tocha.

Olimpíadas 2016



Comitê da Rio 2016 abre inscrições para revezamento da tocha olímpica em Porto Alegre
01/10/2015
Fonte: CREF2/RS

Estão abertas as inscrições para quem quiser participar do revezamento da tocha olímpica na cidade. O evento, confirmado pelo Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, deverá ser realizado, na capital gaúcha, em julho de 2016. A organização prevê um passeio pelas ruas.

Os interessados têm até o dia 15 de outubro para se inscrever pelos sites www.rio2016.com.br/tochaolimpica, www.issoeouro.cocacola.com.br, www.quemseatreve.com.br e www.revezamentobra.com.br. Além de preencher o formulário, é necessário enviar um texto, explicando o motivo pelo qual deve ser um dos escolhidos. Para aumentar as chances, é possível enviar a mesma história para todas estas páginas e sugerir outras pessoas.

As indicações passarão por uma avaliação do Comitê Organizador do Revezamento da Tocha Olímpica e de parceiros do evento. O resultado deve ser divulgado até o dia 29 de fevereiro de 2016.

O prefeito José Fortunati destacou a participação de Porto Alegre no revezamento da chama como uma oportunidade de os moradores vivenciarem a Olimpíada de 2016. “É um evento muito importante para o país que, como a Copa do Mundo de 2014, vai fazer com que as atenções no mundo inteiro se voltem para o Brasil. O fato de Porto Alegre se integrar à programação faz com que as pessoas vivam de forma mais intensa esta experiência”, afirmou.

Em Porto Alegre, a chama deve ser conduzida por um roteiro de cerca de 20 quilômetros, percorrendo pontos importantes, mas que ainda está sendo definido pelos organizadores. Cem pessoas conduzirão a tocha. No final do percurso, será realizada uma celebração festiva. No Rio Grande do Sul, a tocha passará também por Passo Fundo, Santa Maria, Pelotas e Caxias do Sul.

Tocha Olímpica Olimpíadas Jogos Olímpicos



CMD de Caxias do Sul realiza seu III Fórum Municipal do Esporte e Lazer
25/09/2015
Fonte: CMD

O Conselho Municipal do Desporto (CMD) de Caxias do Sul realizará no dia 17 de outubro o III Fórum Municipal do Esporte e Lazer. O evento ocorrerá das 8h as 12h no auditório do Sindicato dos Servidores Municipais de Caxias do Sul (SINDISERV), localizado na rua Carlos Giesen, 1217, bairro Exposição, Caxias do Sul. A participação é gratuita, mas sugere-se a doação de 1 kg de alimento não perecível.

O CMD é um órgão colegiado, presidido pela profissional de Educação Física Márcia Rohr (CREF 007542-G/RS), de caráter consultivo, normativo, deliberativo e fiscalizador, representativo da comunidade desportiva da cidade. Recentemente o CMD elaborou um documento propondo a criação da Semana Municipal da Educação Física em Caxias do Sul. A sugestão é que a data conste no calendário oficial do município e que seja comemorada, anualmente, na primeira semana do mês de setembro, tendo o dia 1º de setembro como a data principal de sua programação, coincidindo com o Dia do Profissional de Educação Física.

III Fórum Municipal do Esporte e Lazer de Caxias do Sul
Programação
8h: Credenciamento
8h30min: Abertura
9h: Mesa-redonda temática: Olimpíadas Preparação para os Jogos Olímpicos - ministrante: Álvaro Koslowski (CREF 006163-G/RS)
Captação e Projetos para Patrocínios Esportivos - ministrante: Fernando Silveira
Políticas Públicas de Esporte e Lazer para Pessoas com Deficiência em Caxias do Sul - ministrante: Tiago Frank (CREF 015592-G/RS)
11h: Eixos Temáticos - Esporte e Lazer Comunitário/Adaptado, Educacional/Rendimento/Financiamento Público
11h30min: Apresentação e Discussão dos Eixos
12h: Encerramento

Data: 17 de outubro, sábado
Local: Auditório SINDISERV
Endereço: Rua Carlos Giesen, 1217 - Bairro Exposição
Inscrições: Conselho Municipal do Desporto - CMD Fone: (54) 3215 4320 / 3215 4240 / 3221 0873
E-mail: cmd@caxias.rs.gov.br
Inscrições gratuitas. Sugere-se a doação de 1 kg de alimento não perecível

Conselho Municipal do Desporto



Semana da Educação Física encerra nesta sexta-feira com palestra na FADERGS
04/09/2015
Fonte: CREF2/RS

A Semana da Educação Física de Porto Alegre, promovida pela Câmara de Vereadores em comemoração ao Dia do Profissional de Educação Física, encerrará hoje à noite, com mais uma palestra na FADERGS. Lauro Aguiar (CREF 002892-G/RS), presidente da Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS, falará com os estudantes da instituição sobre o tema, a partir das 19h30min. A atividade é gratuita e aberta ao público em geral.

Na manhã de hoje (4), foi o conselheiro Carlos Cimino (CREF 001691-G/RS) que esteve na FADERGS. A palestra "Atualização de Regras de Voleibol" abordou questões como as atribuições do árbitro e apresentou a evolução da modalidade desde a sua criação, em 1895. O vôlei, que nasceu como atividade física dirigida para pessoas sedentárias, é um dos esportes que mais mudou as suas regras ao longo do tempo. "Sempre que se modifica alguma coisa, é preciso repensar o esporte como um todo", comentou.

Com experiência internacional e participação nas Olimpíadas de Pequim em 2008, Cimino também é presidente da Federação Gaúcha de Voleibol (FGV) e membro da Comissão de Leis e Regras de Jogo da Federação Internacional de Volleyball (FIVB). Ele aproveitou o encontro para também explicar os conceitos importantes da modalidade, com o papel do capitão e a diferença entre rally e rally completo. Além disto, também foi exibido o vídeo institucional do CREF2/RS e explicado para os presentes as funções do Conselho, de proteger a sociedade e de fiscalizar a profissão. "O objetivo é que a população seja atendida com qualidade por qualquer profissional da nossa área", pontuou.

Semana da Educação Física de Porto Alegre
Palestra "Ginástica Laboral", com Lauro Aguiar (CREF 002892-/GRS)
Horário: 19h30min
Local: FADERGS (Avenida João Pessoa, 1105 – Cidade Baixa)
Inscrições gratuitas no local

FADERGS Semana da Educação Física Dia do Profissional de Educação Física



CREF2/RS participa de abraço em defesa do CETE no próximo dia 17
13/08/2015
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS, junto à Federação Gaúcha de Judô, Federação Gaúcha de Ginástica e a Associação das Federações Esportivas do RS, foram nesta terça-feira (11) ao plenário da Assembleia Legislativa para pressionar os deputados a não aprovarem o projeto de extinção da Fundação do Esporte e Lazer do RS (Fundergs), proposto pelo governo do Estado. Na ocasião, foi formada a Frente Pró-Fundergs, que defende a continuidade da entidade, além do fortalecimento do Centro Estadual de Treinamento Esportivo (CETE). Para angariar apoio à causa, foi lançada uma petição on-line que pode ser assinada aqui. Um abraço simbólico ao CETE, com a presença de servidores, atletas, ex-atletas, políticos e profissionais de Educação Física, está marcado para a próxima segunda-feira (17), às 17h.

Segundo a presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), o anúncio da absorção da Fundergs pela Secretaria Estadual de Esporte e Lazer representa um retrocesso nas políticas do setor, fato agravado pela proximidade das Olimpíadas. "Temos consciência da grave crise pela qual passa o Estado e estamos dispostos a ajudar no que for possível para superar as dificuldades. Contudo, sabemos que a Fundergs tem um orçamento total de R$ 20 milhões ao ano, sendo que deste total R$ 16,5 milhões são custeados pela Lei Pelé. Portanto, o custo da Fundação para o Estado é pequeno em relação aos benefícios relacionados ao esporte, à saúde, educação e à inclusão social".

A presidente propõe uma reflexão aos gestores públicos para que se objetive um projeto sustentável a médio e longo prazo. "Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) indicam que cada dólar aplicado em atividade física equivalem a 3,2 dólares economizados em potenciais gastos com saúde. Logo, a pretensa economia a que o governo do Estado almeja se reverterá, em breve, em elevados gastos com a saúde". Carmen também expressou temor quanto a um possível enfraquecimento e desestruturação do CETE pelo contingenciamento da verbas. “O Centro tem um papel fundamental no combate à epidemia de obesidade, à violência e ao abandono social das crianças e adolescentes e no bem-estar da sociedade em geral”.

Foto: Tiago Garcia/SEL

Fundergs



Reunião marca reaproximação do CREF2/RS com a FUNDERGS
01/06/2015
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta segunda-feira (1), Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do CREF2/RS, esteve reunida com Cassiá Carpes, presidente da Fundação de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul (FUNDERGS). O objetivo do encontro foi a reaproximação do Conselho com a nova gestão da instituição, responsável por coordenar e executar a política de esporte e lazer em todo o Estado.

Para Carmen, a ideia do CREF2/RS é retomar o convênio com a FUNDERGS e oferecer aos profissionais da Fundação cursos de capacitação, sobretudo nos polos do interior. "Queremos chegar mais perto dos profissionais", comentou. "Nossa meta é que atingir o maior número de pessoas fora das grandes cidades, onde muitas vezes a informação e o conhecimento demoram um pouco mais para chegar".

Carpes considerou extremamente positiva a reaproximação com o Conselho e destacou que os oito Polos Regionais de Desenvolvimento do Esporte e Lazer da FUNDERGS, com sede em cidades como Passo Fundo, Santa Cruz e Santo Ângelo, estão de portas abertas. "Temos a certeza de que o CREF2/RS deve participar dos polos, para ampliar estes encontros", avaliou. "Nossa parceria pode trazer coisas importantes para o dia a dia dos profissionais, como o conhecimento de que esporte não é só Olimpíadas. Isto permitirá que outras questões sejam trabalhadas, principalmente na Educação Física Escolar. Isto é muito importante para o Estado".

CREF2/RS e FUNDERGS vão voltar a se reunir para dar continuidade ao projeto.



Semana da Educação Física tem curso de vôlei com conselheiro Carlos Cimino
03/09/2014
Fonte: CREF2/RS

A programação da Semana da Educação Física de Porto Alegre teve, ontem à tarde (2), o curso "Regras de Voleibol na atualidade". A atividade, realizada na Faculdade São Judas Tadeu e aberta para o público em geral, foi ministrada pelo conselheiro do CREF2/RS Carlos Cimino (CREF 001691-G/RS), também presidente da Federação Gaúcha de Voleibol (FGV) e membro da Comissão de Leis e Regras de Jogo da Federação Internacional de Volleyball (FIVB).

No encontro com estudantes e interessados pela modalidade, Cimino falou sobre as atribuições do árbitro e apresentou a evolução da modalidade desde a sua criação, em 1895. O vôlei, que nasceu como atividade física dirigida para pessoas sedentárias, é, como salientou o conselheiro, "um dos esportes que mais mudou as suas regras ao longo do tempo". "Sempre que se modifica a regra que tem que se pensar no esporte como um todo", completou.

Com experiência internacional e participação nas Olimpíadas de Pequim em 2008, Cimino mostrou também vídeos e explicou papeis e conceitos importantes do voleibol, como o capitão, a diferença entre rally e rally completo e como a penetração de rede é entendida hoje, diferentemente de como era anos atrás. Por fim, o presidente da FGV deixou mensagem para os futuros profissionais de Educação Física de que a saúde e a educação devem vir primeiro do que a busca pelo alto rendimento. "O esporte de competição é só uma parte da Educação Física. Para despertar a criança para vôlei, é preciso mostrar para ela, em primeiro lugar, que se movimentar é legal".



CREF2/RS organiza cursos para megaeventos
19/03/2013
Fonte: CREF2/RS

Representantes da Secretaria Municipal de Turismo estiveram no CREF2/RS para darem inicio às tratativas para implantação de cursos de aperfeiçoamento para Profissionais de Educação Física em hotelaria, visando os preparativos para os megaeventos que se aproximam. Os cursos são nos mesmos moldes dos propostos para outras profissões, que visam a capacitação para atuar com o público da Copa do Mundo e Olimpíadas.



RS tem campanha vitoriosa nas Olimpíadas Universitárias
05/11/2012
Fonte: www.olimpiadauniversitaria.blogspot.com

A 60ª Edição dos Jogos Universitários Brasileiros- (Jubs), conhecida por Olimpíadas Universitárias, ocorreu de 17 a 27 de outubro, em Foz do Iguaçu-PR. O Rio Grande do Sul, por meio da Federação Universitária Gaúcha de Esportes – (FUGE), apoiado pela Secretaria Estadual de Esportes e Fundergs, participaram com uma delegação de 140 pessoa, conquistando medalhas de ouro no voleibol, bronze no handebol e basquete e 24 medalhas no esportes individuais.

O Evento foi uma realização da Confederação Brasileira Universitária de Desportos –CBDU e Comitê Olímpico Brasileiro- COB, com o apoio da Prefeitura Municipal de Foz de Iguaçu e contou com a participação das Federações Universitárias de Esportes de todos os estados brasileiros e DF, através das Instituições Educacionais Superiores – IES. A delegação gaúcha foi comandada pelo presidente da FUGE, João Guilherme de Souza Queiroga.

A 61ª. Edição da OLIMPIADA UNIVERSITARIA, que será realizada em Goiânia, em 2013, o RS permanece na primeira divisão no voleibol feminino e handebol feminino, e na segunda divisão com o handebol masculino, basquete masculino, futsal masculino, voleibol masculino e futsal feminino.

O Estado conquistou na na 1ª. Etapa 24 medalhas: Atletismo - 8 medalhas de ouro, 3 de prata e 1 bronze; Natação com 1 prata e 3 bronze; Judô – 3 prata e 2 bronze e xadrez- 1 prata.
Nos esportes coletivos, teve ouro no voleibol feminino- Uni vates (1ª Divisão),bronze no handebol masculino-Ulbra-Santa Maria(2ª. Divisão) e basquete masculino- Feevale(2ª Divisão).