Notícias




Data Inicial:
(dd/mm/aaaa)  

Data Final:
(dd/mm/aaaa)  
Título:
Palavras na Notícia:



Presidente do CREF2/RS visita deputado Sebastião Melo
04/04/2019
Fonte: CREF2/RS

O presidente do CREF2/RS José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS) visitou nesta quarta-feira, dia 3 de abril, o deputado estadual e ex-vice-prefeito de Porto Alegre Sebastião Melo. Meurer foi apresentar ao parlamentar as atuais propostas do Conselho em defesa das políticas públicas nas áreas dos esportes e da atividade física, da atuação dos profissionais de Educação Física como agentes de saúdes, da luta pelo reequipamento e da manutenção dos ginásios e praças como áreas públicas destinadas a práticas esportivas da população, entre outras.

“Não podemos ficar parados diante dos alarmantes índices de sedentarismo e de doenças que a população está exposta, muito menos assistir nossa juventude ser cooptada pelo crime organizado ou pelas drogas, tendo como uma das causas a falta de oferta de opções saudáveis, obrigações constitucionais dos poderes públicos”, alertou Meurer. O presidente do CREF2/RS também salientou o desmonte sistemático dos aparelhos públicos esportivos, associados a uma verdadeira avalanche de projetos de privatização destes espaços, o que deixará a população refém de interesses financeiros em detrimento da saúde e do bem-estar coletivo.

De acordo com o deputado, o esporte "inaugura pessoas”. "Temos que contextualizar essa frase para a realidade das nossas cidades, em que há tanta exclusão social. É no esporte que crianças e jovens têm uma porta de entrada para a construção da sua cidadania". Melo sustentou que as prioridades definidas por uma gestão pública não são materializadas no discurso, mas sim apontadas na destinação da dotação orçamentária. "As verbas públicas reservadas ao Esporte no Brasil estão muito aquém das nossas imensas necessidades. Mas é claro que só o dinheiro público não se faz suficiente, parcerias também são essenciais".

O deputado recordou a gestão de Meurer à frente da Secretaria Municipal de Esportes, qualificada por Melo como inovadora, além de sua grande capacidade para atrair parcerias, aliado à produção de uma legislação municipal que conquistou investimentos e destinou parte destes tributos para projetos esportivos. "Um dos exemplos do gerenciamento administrativo e da praticidade de Meurer foi a transferência gratuita da grama do Estádio Olímpico, que estava sendo desativado, para os campos de treinamento do Parque Marinha do Brasil".

Por fim, o deputado se dispôs a apoiar as lutas travadas pelo CREF2/RS e, como titular da Comissão de Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia da Assembleia Legislativa, colocou à disposição o espaço para que sejam discutidas todas as matérias concernentes ao esporte e à Educação Física no Estado.

Assembleia Legislativa



Vereadores farão Moção de Repúdio a MP que retira recursos do esporte
11/07/2018
Fonte: Site da Câmara Municipal de Porto Alegre

A elaboração de uma Moção de Repúdio ao texto da Medida Provisória (MP) nº 841/18 que, desde o dia 11 de junho, retira mais de R$ 541 milhões, oriundos de percentuais das apostas nas loterias federais, de projetos de incentivo ao esporte, em especial ao atletismo brasileiro, foi o encaminhamento adotado após debate sobre o tema, na tarde desta terça-feira (10/7), no encontro conjunto das comissões de Educação, Cultura, Esportes e Juventude (CECE), e de Defesa do Consumido, Direitos Humanos e Segurança Urbana (Cedecondh) do Legislativo Municipal. A reunião, por iniciativa do vereador André Carús (MDB), que sugeriu a redação do documento, contou com a presença de outros parlamentares e representantes de entidades esportivas.

Ao iniciar a discussão da pauta, Carús disse que a MP, da forma como foi apresentada não irá produzir os resultados pretendidos, que é o de reduzir a violência nas cidades a partir da transferência de boa parte dos recursos do esporte juvenil para o Fundo Nacional da Segurança. De acordo com o vereador, é preciso pressionar o governo federal para reverter a situação “com a máxima urgência, porque os danos já estão causando estragos”.

Retrocesso

Para o vice-presidente de formação de atletas do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC), Fernando Manuel de Matos Cruz, a MP retrocede em conquistas que vinham sendo obtidas desde a Lei Pelé. Disse, ainda, que da parte percentual do que é arrecadado com as loterias e destinada ao esporte, só atingiu a área de incentivo à formação de jovens para o atletismo. “O prejuízo é grande porque esses recursos vinham sendo investidos em equipamentos, como a construção de pistas atléticas, piscinas e outros; no pagamento de profissionais e no fomento à participação de atletas em competições, o que agora não é mais possível”.

Cruz explicou como o recurso, em média de R$ 40 milhões anuais, era distribuído até que a MP entrasse em vigor e zerasse os repasses de 0,5% de todos os prognósticos de loterias aos cuidados do CBC. “Ao esporte escolar cabia 5%, ao esporte universitário 10%, ao comitê paraolímpico 15%, às despesas administrativas 20% e os 50% restantes ao esporte olímpico e aos clubes”.

Luciana Miorro, coordenadora de Projetos Esportivos do Grêmio Náutico União, declarou que é grande a expectativa dos jovens atletas com a possibilidade de reversão dos efeitos da MP. “Eles estão apreensivos porque foi graças a esses recursos que muitos puderam ser incluídos no esporte”, disse. Ela exemplificou que no União, entre outras formas de investimento, foi possível revitalizar o piso de dois ginásios e equipar o departamento médico, entre outras melhorias “que refletem no preparo dos atletas para competições nacionais e internacionais”.

José Haroldo Arataca, diretor técnico e treinador da Confederação Brasileira de Atletismo (CBA), considerou que, apesar de danosa pelo seu contexto, a MP teve um resultado positivo. “Já vim aqui nesta Casa Legislativa muitas vezes e é a primeira vez que vejo a união dos representantes das entidades em defesa do esporte”. Arataca, no entanto, lamentou não ver a indignação popular. “As pessoas choram pela nossa colocação em sexto no Mundial, mas não se manifestam ao fato de estarmos na 84º posição em educação”, criticou.

Segundo o diretor da CBA, os recursos cortados atingem ainda, o esporte escolar, inviabilizando qualquer iniciativa, como os tradicionais jogos universitários. Ele elogiou a gestão dos recursos que até então eram destinados ao CBC e comparou: “a pista da Sogipa, com o controle da entidade foi construída por R$ 1,8 milhões e uma semelhante, na Ufrgs custou cerca de R$ 10 milhões”. Arataca também lembrou que parte dos recursos cortados do atletismo foram para reforçar o próprio prêmio das loterias, que aumentou recentemente de valor, e também para o futebol, por força da pressão feita pela “bancada da bola”.

Equívoco

O vice-presidente da Federaclubes, Carlos Humberto Rigon, disse que a MP é um equívoco. Além de prejudicar imediatamente aos clubes mais estruturados, como Sogipa, União e Veleiros, corta, também, o sonho das entidades menores que vinham se organizando para a aprovação de projetos junto ao CBC. Ele adiantou que o tema será um dos pontos a ser debatido no Congresso da Federaclubes que acontece em Gramado nos próximos dias 20, 21 e 22 de julho.

Lauro Aguiar, vice-presidente do Conselho Regional de Educação Física da 2ªRegião (CREF2RS) informou que o tema vem sendo tratado, também, no âmbito da Assembleia Legislativa, onde uma Audiência Pública está sendo chamada para discutir os efeitos da MP 841/18. Ele lamentou os poucos fóruns de debate e criticou a falta de realização das Conferências do Esporte. “Não somos contra a segurança pública, mas entendemos que não adianta construir presídios se não investirmos em prevenção à violência e isso se faz com iniciativas como a do incentivo da prática do esporte, assim como de investimentos em educação e cultura para os nossos jovens”.

Mauro Myskin, vice-presidente do Colégio Brasileiro de Ciência do Esporte, afirmou que a extinção da secretaria de Esportes e as políticas públicas para o setor, em Porto Alegre, foram completamente abandonadas. Ressaltou a importância da união de todos para a derrubada da MP, o que considera fundamental para a continuidade de projetos que vinham sendo desenvolvidos pelas entidades e clubes.

Leonardo Monteiro, que representou o deputado federal João Derly (Rede) ressaltou que a MP, que entrou em vigor no dia 12 de junho, tem prazo de 45 dias para ser apreciada pelo Congresso, ou passará a trancar a pauta. Ele lembrou, no entanto, que como há o recesso de julho e a contagem é interrompida, o prazo deve vencer em meados de agosto. “A solução mais rápida é a de pressão sobre o governo para que ele reveja os efeitos da MP sobre o Esporte. Fora isso, ou é esperar a votação, que pode ser pela derrubada, alteração do texto ou aprovação, ou ainda, aguardar os 120 dias para ver a MP, caso não seja apreciada em plenário, perca automaticamente os seus efeitos”.

Paulo Eduardo Barbosa Santos, presidente do Conselho Municipal de Desportos (CMD) reforçou as críticas à falta de incentivo ao esporte na capital gaúcha. Disse que o tratamento em Brasília, com a MP é semelhante ao que vem sendo destinado ao setor em um ano e sete meses do atual governo. Que o CMD perdeu recursos orçamentários, sede e, assim como os demais, qualquer apoio para o desenvolvimento do trabalho dos conselheiros.

Medida

Em suas manifestações, os vereadores presentes ao encontro, assim como o proponente da pauta, se posicionaram contra a retirada de recursos do esporte. De acordo com Cassiá Carpes (PP), o problema da falta de verbas não é diferente de quando foi presidente da extinta Fundação de Esporte e Lazer do Estado do Rio Grande do Sul (Fundergs). "Era preciso muito jogo de cintura para podermos realizar algo", justificou. João Bosco Vaz (PDT) disse que a MP coloca uma pá de cal sobre qualquer possibilidade de investimento em esporte na capital, visto que o atual governo não realiza nenhum aporte ao setor, assim como nas demais áreas, como na social, "totalmente abandonadas pelo poder público".

Na mesma linha Sofia Cavedon (PT), lamentou o desmonte do esporte na cidade. Ela ainda ressaltou que devido aos projetos do Executivo que trancam a pauta, a Moção de Repúdio não poderá ser votada com a celeridade que merece e, portanto, "o melhor é coletar as assinaturas dos vereadores para remetê-la o mais rápido ao presidente da Câmara Federal". disse. Prof. Alex Fraga (PSol) alertou que é necessário deixar clara a intenção da interrupção imediata dos efeitos da MP na Moção, visto se permanecer com seus efeitos por quatro meses, até que perca o seu valor, "irá provocar estragos que só poderão ser recuperados no ano que vem".

Para a vereadora Comandante Nádia (MDB), presidente da Cedecondh, a união de esforços em prol do Esporte é importante. Disse que os vereadores estão engajados na luta das entidades e clubes para fazer valer o desejo da comunidade esportiva brasileira. Tarciso Flecha Negra (PSD), que presidiu o encontro, destacou que o esporte é capaz de salvar a vida de muitos jovens. Ele lembrou a sua história e a importância que o setor tem para coibir a violência. Da mesma forma a vereadora Mônica Leal (PP) informou que assinará a Moção. Para ela, não se pode colocar em confronto a Segurança e o Esporte. "Cada um dos setores tem a sua importância e devem ter a atenção dos governos", declarou. O vereador Alvoni Medina (PRB), também participou do encontro.

Texto: Milton Gerson (reg. prof 6539)
Edição: Helio Panzenhagen (reg. prof. 7154)
Foto: Andielli Silveira/CMP

epúdio a MP que retira recursos do esporte



CREF2/RS comunica Secretaria Estadual de Educação a exigência de registro dos professores de Educação Física
24/05/2018
Fonte: CREF2/RS

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson CREF 001910-G/RS), o vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) e a conselheira Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS) estiveram na Secretaria de Educação do Estado no dia 23 de maio, onde se reuniram com o secretário de Educação Ronald Krummenauer e com o diretor do Departamento de Logística da Secretaria e profissional de Educação Física, Paulo Rezende (CREF 001298-G/RS).

A presidente do CREF2/RS levou ao conhecimento do secretário o acórdão do STJ nº 1.583.696, proferido pelo ministro Herman Benjamin, que reconheceu a legalidade da exigência de registro no CREF2/RS para atuação no magistério, como professor de Educação Física, em todo estado. Segundo o acórdão, o STJ entende que, nos termos do art. 1o da Lei 9.696/1998, o exercício das atividades de Educação Física no ensino fundamental II, médio e superior é prerrogativa dos profissionais regularmente registrados nos Conselhos Regionais de Educação Física.

Carmen aproveitou para comunicar que existe um PL tramitando na Assembleia Legislativa de autoria deputado Tiago Simon, que propõe profissionais de Educação Físicas registrados na 1ª a 5 ª série, e sugeriu sua aplicação mesmo antes da aprovação, levando em conta a saúde das crianças gaúchas. O secretário disse que não tinha conhecimento da decisão judicial, e que levará ao conhecimento da sua assessoria jurídica e às Coordenadorias Regionais – CRE. Ficou acordado que se estudaria um tempo para se implementar a decisão judicial, e também um método de fiscalização que não gere conflito com os professores estaduais. Krummenauer também aprovou que o CREF2/RS faça parte da comissão que discute a Base Comum Curricular para o Ensino Médio.

Secretaria de Educação do Estado



CREF2/RS participa das reuniões da Comissão Especial de Combate à Obesidade Infanto-Juvenil
03/04/2018
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS tem participado das reuniões da Comissão Especial de Combate à Obesidade Infanto-Juvenil, colegiado da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, em sua visitas ao interior do estado O objetivo do encontro é debater sobre obesidade na infância e adolescente e os reflexos na saúde pública. Até o momento, foram visitados os municípios de Guaíba, Capão da Canoa, Portão e Gravataí. As próximas visitas serão em Lajeado, Santa Rosa, Rio Grande, Santa Maria, Caxias do Sul e Novo Hamburgo

O objetivo da Comissão é discutir com a comunidade gaúcha como a obesidade infanto-juvenil tem se tornado uma pandemia brasileira. Com o resultado das discussões será elaborado um livro com os dados referente ao consumo de alimentos industrializados, práticas de exercícios físicos e hábitos saudáveis, que será distribuído gratuitamente nas escolas públicas, municipais e particulares.

O Presidente da Comissão Especial de Combate à Obesidade Infanto-Juvenil, deputado Maurício Dziedricki, afirma que há uma consciência quanto ao exagerado tempo gasto em tela, em frente ao computador, TV, celular e videogame. “Sabemos que a insegurança da atividade física na rua e a vida corrida colaboram para isso, gerando tempo ocioso em casa e incremento do consumo calórico, contribuindo para o sobrepeso e obesidade”, afirma.

O deputado disse que “é preciso sublinhar a todos a gravidade da matéria com a qual trabalharão". Conforme ele, prognósticos mundiais apontam que o Brasil, nos próximos 10 anos, será o país com a maior concentração de obesos no mundo.

“Na maioria das vezes, são adotadas políticas de cura ou busca desta cura, mas com a doença já presente, ao passo que a lógica – de estudo, interpretação e produção – deveria ser a prevenção, muito em especial, da criança e do adolescente, no que diz respeito ao trato nutricional e atividade física”, ponderou, salientando a inatividade neste campo como fator impulsionador de doenças.

Nas audiências, são convidados a participar representações das secretarias estaduais de Educação e Saúde; secretarias municipais destas pastas; prefeituras municipais; Câmaras de Vereadores; os conselhos regionais de Educação Física, Nutrição, Psicologia e Medicina; conselhos municipais de Saúde e Educação; coordenadorias regionais de Educação e Saúde; Conselhos Tutelares e Conselhos de Pais e Mestres.

Segundo a presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), as visitas são uma importante oportunidade de firmar parcerias com os órgãos públicos para promover a atividade física. "Cerca de 33% das crianças e adolescentes estão com sobrepeso ou obesas. Ou seja, uma em cada três crianças tem esta doença. A obesidade implica em várias outras sequelas, sejam psicológicas, como exclusão da criança, ou agressões, via bullyng. Isto pode causar sérios traumas que deveriam ser evitados com atividade física e uma alimentação saudável".

CREF2 RS participa das reuniões da Comissão Especial de Combate à Obesidade Infanto-Juvenil



CREF2/RS apresenta projeto de combate à obesidade infantil ao deputado Maurício Dziedricki
27/02/2018
Fonte: CREF2/RS

A presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e o vice-presidente do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) visitaram ontem (27/02) o gabinete do deputado estadual Maurício Dziedricki (PTB). Eles estavam acompanhados do presidente mundial dos Professores de Educação Física Sem Fronteiras da FIEP, Almir Grunh (CREF 000001-G/PR), e do delegado regional da FIEP, Everton Deiques (CREF 008538-G/RS). Também estava presente à reunião o vereador do município de Guaíba, Everton Silva Gomes (CREF 002615-G/RS). Carmen e Lauro foram apresentar o projeto de inserção da população infantojuvenil nas academias registradas ao CREF2/RS, visando combater a obesidade nesta faixa etária.

Segundo Lauro, o Brasil é segundo país em número de academias, com centenas de milhares de frequentadores. "Contudo, temos poucos dados referentes aos resultados obtidos pela atividade física referentes à obesidade e ao sobrepeso. A academia poderia ser um ponto de referência para articularmos projetos de saúde", explicou. Para Lauro, atualmente as pessoas buscam um posto de saúde, sendo ali tratados e atendidos. "Se tivéssemos dados das doenças associadas ao sedentarismo na infância e juventude, teríamos subsídios para tratá-los em academias", raciocina.

O vice-presidente afirmou que o projeto prevê o credenciamento de academias em programas do Ministério da Saúde e secretária da Saúde do estado. Com isto, analisa Aguiar, pretende-se oportunizar avaliações com foco no grau elevado de obesidade. “Tudo isto integrado às demais profissões da saúde. Conseguiríamos, então, uma visão sistêmica na saúde no estado, em uma ação validada pelo Ministério da Saúde, o que permitiria uma coleta de dados regional, valorizando cientificamente a importância da atividade física no combate à obesidade infantojuvenil”.

Segundo a presidente do CREF2/RS, já existe um projeto semelhante em Minas Gerais. "Lá, a secretaria de Esportes e Saúde criou uma bolsa saúde que cadastra algumas academias registradas no CREF mineiro". Carmen explicou que a secretaria paga cerca de R$70,00 por criança obesa. Com este valor, ela passa a fazer atividade três vezes por semana em uma academia cadastrada. “Este estabelecimento tem obrigação de gerar relatórios sobre suas condições físicas. Esta ação é a garantia de que esta criança não será o obeso de amanhã”. Carmem complementou que o projeto operou de 2012 a 2015, abrangendo 93 municípios, e que o secretário de Esportes e Saúde de Minas Gerais está à disposição para colaborar na consolidação do projeto gaúcho.

O deputado Maurício Dziedricki, que é presidente da Comissão Especial de Combate à Obesidade Infanto Juvenil na Assembleia Legislativa, mostrou-se interessado com o projeto, pois na sua concepção, as crianças atualmente despendem um tempo exagerado em frente a tela de TV, computadores, smartphones e videogames. Dziedricki afirmou que aliado ao sedentarismo, existe um excesso de oferta de carboidratos, refrigerantes, fast food, farináceos e gorduras trans, que contribuem para o sobrepeso e obesidade, uma das doenças crônicas não transmissíveis mais comuns na infância, podendo gerar hipertensão, problemas cardíacos e diabetes tipo 2, dentre outras doenças. "Existe um prognóstico de que nos próximos dez anos o Brasil será o país com a maior número de obesos do mundo. Frente a este diagnóstico assustador, na maioria das vezes são adotadas políticas de cura ou busca desta cura, mas com a doença já presente, ao passo que a lógica deveria ser a prevenção, muito em especial da criança e do adolescente, no que diz respeito ao trato nutricional e atividade física”, ponderou. "Este projeto vem ao encontro de uma solução preventiva contra esta epidemia", concluiu.

Dia Estadual dos Profissionais de Educação sem Fronteiras

Em outro momento da reunião, o presidente mundial Professores de Educação Física Sem Fronteiras da FIEP, Almir Grunh apresentou o trabalho da organização ao deputado, e colocou a pretensão de tornar, por força de lei, o dia 20 de abril a data comemorativa dos Professores de Educação Física Sem Fronteiras no Rio Grande do Sul. Já o delegado regional da FIEP, Everton Deiques, explicou que de 15 a 22 de setembro de 2019 serão comemorados os 70 anos de existência da organização, quando serão recepcionadas delegações de todos o Brasil e do estrangeiro. “Gostaríamos de contar com apoio da Casa do Povo para recepcionar as delegações nestas comemorações”, explicou o delegado.

Segundo o deputado, a Assembleia Legislativa, via de regra, produz muito mal sua legislação no que se refere à vida da sociedade gaúcha. “Precisamos enxugar o número de leis , pois há excesso de legislação, fazendo com que exista um represamento de leis importantes para o estado.”, ressaltou. “Contudo”, prosseguiu o deputado, “muitas vezes não se reconhece uma simples positivação de uma data comemorativa e a sua inclusão no calendário de eventos de estado”. Para exemplificar sua fala, Dziedricki argumentou que Porto Alegre já dera uma bela lição ao criar a Lei que instituiu o Dia do Profissional de Educação Física, de autoria do ex-vereador Professor Garcia (CREF 000002-G/RS). “Colocarei a proposta da criação da data comemorativa à apreciação dos meus pares e faço questão de apoiar às comemorações dos 70 anos de existência dos Professores de Educação Física Sem Fronteiras”, finalizou.

Foto: Pablo Vini Fotografia

Obesidade infantil



CREF2/RS participa do lançamento da Comissão Especial contra a Obesidade Infantojuvenil
29/11/2017
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quarta-feira, dia 29 de novembro, a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul realizou a cerimônia de instalação da Comissão Especial contra a Obesidade Infantojuvenil. A sessão, que contou com a presença de deputados e de vereadores de diversos municípios do Estado, teve também com a participação do vice-presidente do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS).

O deputado estadual Maurício Dziedricki, presidente da Comissão, destacou a contribuição de diversas entidades durante a sua fala. O CREF2/RS, que contribuiu ativamente em todas as reuniões e audiências públicas que antecederam a criação do grupo, foi lembrada. “O Brasil, nos próximos anos, deverá ser o país com a maior concentração de obesos no mundo”, salientou o Deputado. “Com a contribuição de todas as entidades aqui presentes, queremos que a Assembleia participe ativamente no que diz respeito à obesidade infantil, com protagonismo para combater esta grande epidemia”.

Para Aguiar, a atuação da Comissão Especial contra a Obesidade Infantojuvenil deverá contribuir para a melhora da saúde de toda a população e, diante dos prováveis resultados positivos, vai poder chegar também à esfera nacional, com a criação de diversas políticas públicas a respeito deste tema. “A inatividade física é um fator de surgimento de diversas doenças e precisa ser um dos nossos focos de ação. As taxas de obesidade entre o público infantil só irão reduzir com um trabalho bastante eficaz de prevenção”, declarou.

Assembleia Legislativa obesidade infantil



Assembleia Legislativa homenageia empresas no Dia Estadual da Ginástica Laboral
22/11/2017
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quarta-feira, dia 22 de novembro, a Comissão de Economia, Desenvolvimento Sustentável e do Turismo da Assembleia Legislativa realizou um ato de homenagem ao Dia Estadual da Ginástica Laboral. A cerimônia, que contou com a presença do vice-presidente do CREF2/RS Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) e dos deputados Adilson Troca, Juvir Costella, Sérgio Turra, Nelsinho Metalúrgico, Eduardo Loureiro e Zé Nunes, entregou um certificado de reconhecimento às empresas que adotam programas de Ginástica Laboral.

“Estas empresas aqui presentes representam todas aquelas que se preocupam com a saúde do trabalhador no Rio Grande do Sul”, declarou Aguiar durante a cerimônia. “O nosso Estado é pioneiro na Ginástica Laboral e estamos aqui para ressaltar a contribuição que o profissional de Educação Física, que atua nesta área, traz para a economia e para o bem-estar das pessoas”, complementou. Já Troca, durante a entrega dos certificados, lembrou que a Ginástica Laboral contribui com a qualidade de vida do trabalhador. “É um investimento para as empresas, pois influencia todos os processos e procedimentos dentro da indústria”.

As empresas homenageadas pela Comissão de Economia, Desenvolvimento Sustentável e do Turismo foram: Thyssenkrupp Elevadores, Schneider Eletric, Timac Agro, Sicredi, Grupo Cortel, Ultragaz e Banrisul. Também estiveram presentes na cerimônia a secretária da Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS Jussara da Costa (CREF 009226-G/RS) e Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS), que representou a empresa de Ginástica Laboral SER – Saúde, Educação e Reabilitação (CREF 000034-PJ/RS).

Ginástica Laboral Assembleia Legislativa



Proposta do CREF/RS é a mais votada na 2ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde
28/08/2017
Fonte: CREF2/RS

A 2ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde (2ª CMVS), realizada no último sábado, dia 26 de agosto, definiu as propostas que serão encaminhadas para a apreciação da Câmara de Vereadores de Porto Alegre, no começo de outubro. Entre os mais de 150 projetos apresentados, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e o Conselho Municipal de Saúde (CMS) selecionaram os 12 mais votados durante o encontro. A proposta de criação do cargo do profissional de Educação Física âmbito do SUS, elaborada e defendida pelo CREF2/RS durante a reunião, ficou em 1º lugar.

O vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), que representou o Conselho durante a reunião, destacou a importância desta conquista. “O CREF2/RS, depois de um grande trabalho nas Conferências Livres da 2ª CMVS, conseguiu mostrar para os gestores públicos como a nossa profissão é essencial para a prevenção da saúde. A nossa proposta, que visa a contratação por meio de concurso público e vínculo direto com o município, tem o objetivo de fazer a Educação Física obrigatória nos serviços de interesse à saúde”, explicou.

Na reunião, Aguiar, também foi eleito delegado para a 1ª Conferência Estadual de Vigilância em Saúde. Os projetos selecionados pela 2ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde, depois de analisados pela Câmara de Vereadores, ainda serão encaminhados à Assembleia Legislativa, para que possam ser ampliados para esfera estadual.

Vigilância em Saúde Fórum-RS Câmara da Saúde



Frente Parlamentar de Enfrentamento ao HIV/AIDS visita CREF2/RS
27/06/2017
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta terça-feira, dia 27 de junho, representantes da Frente Parlamentar de Enfrentamento ao HIV/AIDS, da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, visitaram o CREF2/RS. O encontro, realizado com o vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), teve o intuito de convidar o Conselho para participar deste grupo de trabalho.

Criada em 2015 e coordenada pelo deputado estadual Adão Villaverde, a Frente Parlamentar tem o intuito de contribuir com as políticas públicas de prevenção e de combate ao HIV/AIDS. De acordo com o grupo, representado neste encontro por Gladimiro Machado, Neusa Heinzelmann e Antônio Charqueiro, a meta é que, até 2020, 90% pessoas que vivem com o HIV/AIDS saibam que têm o vírus e que estejam recebendo o tratamento antirretroviral.

“O nosso trabalho, para atingirmos estas marca, será bastante árduo. Porto Alegre, atualmente, é a capital com o maior número de mortes em consequência ao HIV e o nosso Estado é o segundo lugar em taxa de pessoas com a doença”, comentaram os representantes da Frente Parlamentar. Para Aguiar, a participação do CREF2/RS nestes grupos, com a identificação do profissional de Educação Física como um profissional de saúde, é extremamente importante. “É com grande honra que recebemos este convite e estamos sempre à disposição para contribuir no debate deste tipo de assunto, o qual a Educação Física tem muito com o que contribuir”, avaliou.

Para mais informações sobre a Frente Parlamentar de Enfrentamento ao HIV/AIDS, entre em contato pelos telefones (51) 3210-1370 ou (51) 99974-1813.

Frente Parlamentar AIDS HIV



CREF2/RS participa da audiência pública sobre os cursos EAD na área na saúde
08/06/2017
Fonte: CREF2/RS

A Câmara da Saúde do Fórum-RS realizou ontem, dia 7 de junho, uma audiência pública para debater os cursos de graduação à distância e a formação por EAD na área da saúde. O encontro, que contou com a presença dos presidentes do CREF2/RS e do CONFEF, respectivamente Carmen Masson (CREF 01910-G/RS) e Jorge Steinhilber (CREF 0000002-G/RJ), foi proposto pela Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, representada pelo deputado estadual Valdeci Oliveira.

Carmen e Steinhilber fizeram parte da mesa, juntamente com representantes de outros nove Conselhos Profissionais da área da saúde e membros da Escola de Saúde Pública do Rio Grande do Sul, do Conselho Nacional de Saúde e da UNE. William Perez, presidente da Comissão de Ensino Farmacêutico, do Conselho Federal de Farmácia, foi quem abriu a discussão, falando a respeito da representatividade dos profissionais de saúde no Brasil, atualmente estimados em quatro milhões de pessoas. Ele também abordou questões relacionadas ao mercado educacional no país, informando que 76% das vagas no Ensino Superior está concentrada na área privada e que existem, aproximadamente, 274 mil acadêmicos na modalidade EAD na área da saúde.

Diante destes números, Carmen salientou que os Conselhos não são contra o uso da tecnologia, mas que há um consenso de que a formação básica destes profissionais precisa ser feita de maneira presencial. “Não estamos nos opondo ao EAD, inclusive acreditamos que esta seja uma ótima modalidade para os níveis de pós-graduação. Mas a Educação Física, assim como os demais cursos da área da saúde, tem as suas particularidades que só podem ser trabalhadas com a prática. Caso isto não ocorra, a formação destes futuros profissionais poderá ficar comprometida”.

Com espaço aberto para a fala dos demais presentes e também da plateia, a Audiência definiu que a Câmara da Saúde, em parceria com a Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, irá encaminhar, nas próximas semanas, uma proposta de projeto de lei estadual para inviabilizar estes cursos EAD em todo o Rio Grande do Sul. Como destacou Oliveira, há também o plano de elaborar uma cartilha para a sociedade em geral, esclarecendo os prejuízos que poderão ser gerados pela formação EAD na área da saúde.

Câmara da Saúde Fórum-RS EAD



Audiência Pública sobre EAD ocorre nesta quarta na Assembleia Legislativa
06/06/2017
Fonte: CREF2/RS

A Câmara da Saúde do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Rio Grande do Sul (Fórum-RS) vai realizar amanhã, dia 7 de junho, a Audiência Pública Sobre os Cursos de Formação a Distância para a Área da Saúde. O evento ocorrerá na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, a partir das 19h, com entrada gratuita.

Nos últimos anos, o MEC vem estimulando a disseminação do modelo de Ensino a Distância (EAD), com o objetivo de facilitar o acesso de estudantes ao nível superior. Tendo em vista esta realidade, o Conselho Federal de Educação Física encaminhou um ofício a Hélio Chaves Filho, diretor de Regulação e Supervisão em EAD do Ministério da Educação, para que o curso não seja oferecido nesta modalidade. No documento, o CONFEF listou os problemas inerentes à aplicação do EAD, tanto na Educação Física como nas demais graduações na área da saúde.

A Audiência, que contará com a presença do CREF2/RS e de representantes dos demais Conselhos Profissionais da saúde, terá o intuito de debater este tema e os seus desdobramentos, muito deles relacionados ao desenvolvimento das competências destes futuros profissionais. Compareça!

Audiência Pública Sobre os Cursos de Formação a Distância para a Área da Saúde
Data: quarta-feira, dia 7 de junho, às 19h
Local: Auditório Dante Barone da Assembleia Legislativa
Endereço: Praça Marechal Deodoro, 1010 – Centro Histórico

Audiência Pública Fórum-RS saúde EAD



CREF2/RS participa de Audiência Pública sobre EAD na Assembleia Legislativa
17/05/2017
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS e a Câmara da Saúde do Fórum/RS estão convidando a todos os profissionais de Educação Física e os acadêmicos do curso para comparecerem na Audiência Pública sobre Cursos de Formação a Distância para a Área da Saúde. O evento será realizado no dia 7 de junho, às 19h, no Auditório Dante Barone da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, no Centro em Porto Alegre.

Nos últimos anos, o MEC vem estimulando a disseminação do modelo de Ensino a Distância (EAD), com o objetivo de facilitar o acesso, ao nível superior, de estudantes que vivem em locais distantes dos centros universitários – e a Educação Física figura entre os cursos ofertados nessa modalidade de estudo. O CONFEF já solicitou ao MEC que o curso de graduação em Educação Física não seja oferecido na modalidade de Ensino a Distância.

Tendo em vista essa questão, o Conselho Federal de Educação Física encaminhou ofício ao Diretor de Regulação e Supervisão em EAD do Ministério da Educação, Hélio Chaves Filho, solicitando que o curso de graduação em Educação Física não seja oferecido na modalidade de Ensino a Distância. No documento, o CONFEF listou problemas inerentes à aplicação da modalidade EAD no curso de Educação Física, sendo o principal deles a falta de um espaço físico para aulas práticas, essenciais no desenvolvimento de competências do futuro profissional.

Compareça à Audiência e junte-se aos esforços para que a profissão de Educação Física seja ensinada de forma adequada, assegurando serviços seguros de saúde à população.

Cursos de Formação a Distância para a Área da Saúde
Data: quarta-feira, dia 7 de junho, às 19h
Local: Auditório Dante Barone da Assembleia Legislativa/RS

EAD



CREF2/RS participa de audiência pública sobre a obesidade infantojuvenil na Assembleia Legislativa
05/05/2017
Fonte: Agência de Notícias/ALRS

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) esteve presente na noite desta quarta-feira (3), na audiência pública conjunta na Assembleia Legislativa para debater a obesidade na infância e na adolescência e os reflexos na saúde pública. A proposição foi do deputado Maurício Dziedricki (PTB), que coordenou o encontro. Ao final do debate, foi criado um grupo permanente de trabalho para dar prosseguimento à discussão do tema, propondo ações concretas, como a criação ou modificação de leis.

O parlamentar explicou que a questão surgiu em 2016, quando disputou a eleição municipal, e se deparou com a questão da reincidência de pessoas no sistema de saúde pública por falta de cuidados relacionados à alimentação saudável e inatividade física. Por isso, apresentou, este ano, o PL 40 2017, que cria o cadastro de obesidade infantojuvenil nas escolas de ensino fundamental e médio do Rio Grande do Sul.

A presidente Carmen Masson lembrou que de todas as áreas da saúde apenas o profissional da Educação Física trabalha realmente com a saúde, pois as demais tratam da doença. Ressaltou que apenas 33% da população brasileira realiza atividades físicas regulares e criticou iniciativas que discutem retirar a disciplina de Educação Física dos currículos escolares. Lembrou também que a atividade física traz benefícios à saúde se bem orientada, defendendo como fundamental a orientação do profissional da área. Ainda destacou que é preciso adequar as atividades físicas à idade da criança.

O professor Roberto Costa, da Faculdade de Desenvolvimento do RS (Fadergs), apresentou dados de estudos acadêmicos e públicos sobre a obesidade na infância e na adolescência. Entre eles, os do Sistema de vigilância de fatores de risco e proteção para doenças crônicas por inquérito telefônico (Vigitel), do Ministério da Saúde. Segundo as informações apresentadas, de 2016, o RS tem 54,9% de prevalência de obesidade. Conforme o Programa Nacional de Saúde do Escolar, de 2015, o sobrepeso e a obesidade estão presentes em 31,5% dos adolescentes de 13 a 17 anos no país e, na Região Sul, essa prevalência chega a 38,4%.

O presidente da Fundação de Saúde de Canoas, Fernando Ritter, defendeu leis que obriguem e estimulem os gestores municipais a executarem ações para prevenir a questão. “O grande problema de quem está na gestão é o tempo que ações de prevenção levam para trazer resultados. Eles só vão ser sentidos em gerações futuras, mas é preciso começar agora”, salientou.

A reitora da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre, Lucia Pellanda, defendeu que se invista na prevenção primordial, aquela feita antes da população desenvolver os fatores de risco. “É muito mais efetivo fazer uma campanha para as crianças não começarem a fumar do que tentar fazer os adultos deixarem de fumar”, exemplificou.

A presidente do Conselho Regional de Nutrição, Jacira Conceição dos Santos, lembrou que há uma legislação, de 2009, que obriga escolas públicas a terem um profissional da nutrição, mas o governo do Estado, até agora, não incluiu o cargo de nutricionista nas escolas. Segundo Jacira, além de cuidar da alimentação, o profissional é responsável pela educação alimentar. Lembrou que não apenas na família ocorra a alimentação inadequada, citando cantinas de escola e festas de recreação onde alimentos industrializados e bebidas açucaradas são oferecidas.

Foto: Pablo Santos

Audiência Pública sobre a obesidade infantojuvenil



Deputado apresenta projeto de cadastro de obesidade infanto-juvenil ao CREF2/RS
31/03/2017
Fonte: CREF2/RS

O deputado Maurício Dziedricki e sua equipe visitaram a presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) na quarta-feira, dia 29. O deputado veio expor seu projeto que cria o cadastro de obesidade infanto-juvenil, tornando obrigatória a avaliação antropométrica nas crianças e adolescentes nas escolas de ensino fundamental e médio do RS.

A ideia é que a escola realize as avaliações e, havendo um quadro de baixo peso, sobrepeso ou obesidade, seja encaminhado às Coordenadorias Regionais de Saúde e Educação. A partir daí os pais serão informados, bem como as secretarias do Estado de Educação e Saúde. O referido cadastro permitirá a verificação da eficiência de programas de prevenção e tratamento da obesidade que venham a ser implantados em nosso Estado.

O deputado aproveitou a ocasião para convidar o CREF2/RS a participar da Audiência Pública com o tema “Obesidade na infância e adolescência e os reflexos na saúde pública”, que ocorrerá no dia 3 de maio, às 18h30m, no Plenarinho na Assembleia Legislativa. Segundo a presidente do CREF2/RS, iniciativas como a do deputado sempre encontram respaldo no Conselho, pois somam esforços na luta pela saúde e bem-estar dos gaúchos.

Visita deputado Maurício Dzidricki



Conselhos vão à Assembleia Legislativa reivindicar audiência pública sobre EAD
23/03/2017
Fonte: CREF2/RS

O vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), junto aos Conselhos Regionais de Biologia, Biomedicina, Educação e mais órgão ligados à educação e à saúde estiverem na Assembleia Legislativa, no dia 22 de maço, solicitar a realização de audiência pública para debater a formação por EAD no ensino técnico, em nível médio, de graduação e de nível superior, voltados à formação de profissionais da área de saúde.

Segundo Lauro, muitos cursos EAD são vistos como verdadeiros supermercados de diplomas, nos quais os níveis de exigência é baixo e as facilidades diversas. “Esta proliferação de cursos à distância nos preocupa sobremaneira, uma vez que consideramos que, para a área da saúde, os pontos negativos são maiores que os positivos por importar baixa qualidade na aprendizagem e, pela falta de prática, risco sério e grave à vida no atendimento à população”, alertou

Foi aprovada por unanimidade o movimento das profissões da saúde contra os cursos de graduação predominantemente em EAD. Também ficou acertado que no dia 26 de abril, às 10h, o CREF2/RS deverá estudar estratégias para mobilização da entidade para concretizar o Projeto de Lei com as reivindicações do Conselho.

EAD



CREF2/RS comemora Dia Estadual da Ginástica Laboral com evento na Assembleia Legislativa
23/11/2016
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS, por meio da sua Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa, com o apoio do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região, realizou ontem, dia 22, no Plenarinho da Assembleia Legislativa do estado, o evento “Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro”. O objetivo foi divulgar e consolidar a atuação do profissional de Educação Física como protagonista nas atividades de prevenção da saúde do trabalhador. A data foi escolhida pois, em 22 de novembro de 1978, foi formalizado o primeiro contrato de Ginástica Laboral no Brasil, firmado pelo SESI/RS e a faculdade de Educação Física da FEEVALE, sendo posteriormente transformada em Dia Estadual da Ginástica Laboral pela Lei 14.418, de autoria do Deputado Estadual Adilson Troca.

O evento foi marcado pelo lançamento do livro “Ginástica Laboral: Prerrogativa do profissional de Educação Física”, escrito por especialistas ligados ao Sistema CONFEF/CREFs, e também pela entrega do Prêmio de Reconhecimento à Prestação de Serviço de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa à SER – SAÚDE, EDUCAÇÃO E REABILITAÇÃO, empresa que atua desde 1990 no mercado. A premiação foi recebida pelo sócio da SER, Marco Aurélio Scharcow (CREF 002463-G/RS). Ao final do evento, foi realizada a palestra “A atuação do profissional de Educação Física na promoção da saúde do trabalhador”, ministrada Rony Tschoeke (CREF 004979-G/PR), conselheiro do CREF9/PR e autor de diversos livros sobre o tema.

Segundo o vice-presidente do CREF2/RS e presidente da Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa, Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), o livro Ginástica Laboral: Prerrogativa do profissional de Educação Física” foi escrito por cinco conselhos e coordenado pelo presidente do CREF9/PR Eduardo Branco (CREF 000009-G/PR) e membros e profissionais da Câmara Técnica do SESI. “E também é resultado de muitas parcerias que fizemos, como o Procom, MP, Polícia Civil e agora, fechando com chave de ouro, com o Tribunal Regional de Trabalho da 4ª Região, onde tive a felicidade de conhecer desembargador Raul Sanvicente, e ele falou uma coisa certa: a Ginástica Laboral é apenas uma ferramenta para entrarmos na empresa, existem outros programas de atividade física que podem ser utilizados”. Para tanto, completou Lauro, “este livro que estamos lançando vai mostrar os parâmetros para implantar um programa de Ginástica Laboral”.

Adriano Soares da Silva, analista da Gerência de Produção do SESI, explicou que existe um trabalho árduo para que os ambientes de trabalho sejam saudáveis. “E a Ginástica Laboral é um dos serviços que nós oferecemos. Hoje não vemos o profissional de Educação Física apenas para alongar e reforçar a musculatura. Nós cremos que ele é o promotor de saúde dentro do ambiente de trabalho, pois é a pessoa com conhecimentos para educar ou reeducar o trabalhador na atividade física”, avaliou. Silva disse que SESI trabalha de forma articulada, com o profissional de Educação Física atuando junto a fisioterapeutas, nutricionistas e assistentes sociais, sempre pensando na melhor estratégia apara atender as empresas.

O desembargador do TRT4, Raul Sanvicente, gestor do programa Trabalho Seguro, instituído pelo Tribunal Superior do Trabalho, afirma que o programa representa uma face diferente do que é o dia a dia do Judiciário Trabalhista, onde o juiz aguarda as demandas e julga, devolvendo para a sociedade uma sentença. “Este programa seria como se o juiz saísse do gabinete e fosse conviver com a sociedade pró-ativamente para o desenvolvimento de uma cultura de prevenção”, avalia. O desembargador afirmou que o Tribunal humildemente se junta e reconhece todas estas iniciativas em prol de hábitos saudáveis, “pois sabemos que há muitos anos profissionais de Educação Física se dedicam ao assunto”.

Esse programa, continua Sanvicente, “funciona através de parcerias com várias instituições, e é muito enriquecedor estender esta parceria ao CREF2/RS”. O desembargador explicou que busca nesta interação com a sociedade a efetividade do programa, pois o Tribunal sempre ressalta que não adianta apenas formalidade. "Penso que com a parceria com o CREf2/RS, que deve se dar em março, após os trâmites burocráticos, vamos conhecer melhor a Ginástica Laboral, podendo levar esclarecimentos aos juízes e aos servidores em relação a esta atividade.

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), ressaltou a trajetória de lutas que o Conselho vem desenvolvendo ao longo do tempo, mobilizando inclusive o CONFEF para expandir a ideia. "Com isto, organizamos este livro, que pode parecer, em uma passada rápida, algo simbólico, mas tem um peso muito significativo, pois nos abre espaço de representatividade da Ginástica Laboral em nível federal". Carmen explicou que a Ginástica Laboral é encargo do profissional de Educação Física e tem como objetivo a prevenção de doenças, sendo a forma mais efetiva e barata de investimento na saúde. "Pesquisas mostram que toda pessoa sedentária tem 100% de chances de ter problemas cardíacos. Se ela fizer atividade física regularmente baixa esta probabilidade para 66%. Está na hora de investirmos na atividade física e desafogarmos os hospitais brasileiros”.

A Atuação do Profissional de Educação Física na promoção da saúde do trabalhador

O Conselheiro do CREF9/PR Rony Tschoeke (CREF 004979-G/PR) afirmou em sua palestra que, depois da folha de pagamento, o segundo maior custo das empresas atualmente são com planos de saúde."Ou seja, a sinistralidade é cada vez maior, com as pessoas recorrendo em massa aos planos de saúde, fazendo exames mais complexos e com isto tem onerado tanto as operadoras quantos as empresas que têm que pagar por estes custos".

Rony afirmou que uma pergunta intrigante e recorrente nas pesquisas sobre saúde é "por que você não faz atividade física regularmente?". A resposta invariavelmente é falta de tempo. "O que seria compreensível, se as pessoas não afirmassem nestas mesmas pesquisas que assistem TV em média de 12 a 14 horas por semana", explica Rony, alertando que são recomendados 150 minutos de atividade física por semana.

"Será que a culpa é do progresso?", questiona Rony. "Se formos pensar nas três revoluções industriais, podemos constatar houve mudanças significativas na vida das pessoas. Hoje vivemos a quarta Revolução Industrial, que traz a realidade virtual. Isto trará efeitos para nossas vidas, tanto é que o Fórum de Davos já incluiu qualidade de vida em seus debates".

O conselheiro afirma que a Ginástica Laboral tem um papel muito importante no atual momento histórico, e que o desafio é aprender a ensinar os trabalhadores a serem fisicamente mais ativos. "Temos que unir esforços distintos em uma estratégia integrada de promoção de saúde", ressalta, lembrando que já em 2005, a Conferência Internacional sobre Promoção da Saúde, realizada em Bangkok, afirmava que o setor privado tem a responsabilidade de assegurar a saúde dos seus empregados, suas famílias e comunidades.

Rony ponderou que os profissionais de Educação Física tem que ser um pouco mais sedutores no marketing social. "Transformando a atividade física não em obrigação, mas sim em um desejo. Para isto, é necessário utilizar cinco pilares: engajamento dos líderes, criar pertencimento, ética e buscar as ações que têm trazido melhores resultados e sustentabilidade", definiu.

Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa



Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro entrega prêmio à SER – Saúde, Educação e Reabilitação
16/11/2016
Fonte: CREF2/RS

Na próxima terça-feira, dia 22 de novembro, a Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS vai realizar o evento Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro. Além de contar com uma palestra e debates sobre o tema, a atividade será marcada também pela entrega do Prêmio de Reconhecimento à Prestação de Serviços de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa. A homenagem, concedida neste ano à SER – Saúde, Educação e Reabilitação (CREF 000034-PJ/RS), tem o objetivo de valorizar as empresas que atuam na prevenção e na promoção da saúde do trabalhador e que zelam pelo prestígio do profissional de Educação Física.

A SER – Serviço de Educação e Reabilitação iniciou as suas atividades em agosto de 1990, como um consultório de fisioterapia e ginástica terapêutica. Com uma equipe composta por fisioterapeutas e profissionais de Educação Física, o objetivo inicial da empresa era a reabilitação física de pacientes com problemas ósteo-articulares e musculares, de coluna e tendinites. Em 1996, começou a atuar com Ginástica Laboral e Ergonomia, ganhando destaque em todo o Rio Grande do Sul por desenvolver programas para a qualidade de vida do trabalhador.

Dirigida por Marco Aurélio Scharcow (CREF 002463-G/RS) e Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS), a SER – Saúde, Educação e Reabilitação tem em seu quadro de profissionais Aida Marques (CREF 022620-G/RS), Cristiano Porcher (CREF 013463-G/RS), Dirceu dos Santos (CREF 13169-G/RS), Ellen de Oliveira (CREF 014282-G/RS), Lisa Gonçalves (CREF 016772-G/RS), Luciane Domingues (CREF 021402-G/RS), Luis Henrique Nunes (CREF 012519-G/RS), Luiz Bernardo Waengertner (CREF 007697-G/RS), Neiva Schuster (CREF 01115-G/RS), Roberto Ferreira (CREF 020889-G/RS) e Wayne Feil Wong (CREF 019387-G/RS).

Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro

Além deste Prêmio, evento terá como destaque palestra “A atuação do profissional de Educação Física na promoção da saúde do trabalhador”, ministrada Rony Tschoeke (CREF 004979-G/PR), conselheiro do CREF9/PR e autor de diversos livros sobre o assunto. Com entrada gratuita para profissionais registrados e para acadêmicos do curso de Educação Física, o Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro está com as suas inscrições abertas, que podem ser feitas de maneira gratuita pela página do evento.

O Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro será realizado das 14h30min às 17h45min, na sala João Neves da Fontoura (Plenarinho), da Assembleia Legislativa, em Porto Alegre. Os 50 primeiros participantes a se cadastrar ganharão de brinde, no dia do evento, o livro “Ginástica Laboral: Prerrogativa do profissional de Educação Física”.

Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro
Data: Terça-feira, dia 22 de novembro, das 14h30min às 17h45min
Local: Assembleia Legislativa – Sala João Neves da Fontoura (Plenarinho)
Endereço: Praça Marechal Deodoro, 101 – Centro Histórico
Inscrições: aqui

Ginástica Laboral



CREF2/RS entrega Prêmio às empresas de Ginástica Laboral no dia 22 de novembro
04/11/2016
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS vai realizar, no dia 22 de novembro, o evento Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro. Em comemoração ao Dia Estadual da Ginástica Laboral, a atividade será marcada pela entrega do Prêmio de Reconhecimento à Prestação de Serviços de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa, que tem o objetivo valorizar as empresas que atuam na prevenção e na promoção da saúde do trabalhador e que zelam pelo prestígio da profissão de Educação Física. Você pode indicar a sua empresa ao Prêmio aqui.

Além da entrega deste Prêmio, o evento contará ainda com a palestra “A atuação do profissional de Educação Física na promoção da saúde do trabalhador”, ministrada Rony Tschoeke (CREF 004979-G/PR), conselheiro do CREF9/PR e autor de diversos livros sobre o assunto. Com entrada gratuita para profissionais registrados e para acadêmicos do curso de Educação Física, o Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro está com as suas inscrições abertas, que podem ser feitas de maneira totalmente gratuita pela página do evento.

O Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro será realizado das 14h30min às 17h45min, na sala João Neves da Fontoura (Plenarinho), da Assembleia Legislativa, em Porto Alegre. Os 50 primeiros participantes a se cadastrar ganharão de brinde, no dia, o livro “Ginástica Laboral: Prerrogativa do profissional de Educação Física”.

Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro
Data: Terça-feira, dia 22 de novembro, das 14h30min às 17h45min
Local: Assembleia Legislativa – Sala João Neves da Fontoura (Plenarinho)
Endereço: Praça Marechal Deodoro, 101 – Centro Histórico
Inscrições: aqui

Eventos Ginástica Laboral Prêmio



Conselho realiza evento em comemoração ao Dia Estadual Ginástica Laboral no dia 22 de novembro
27/10/2016
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS vai realizar, no dia 22 de novembro, o evento intitulado Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro. A atividade, proposta para comemorar o Dia Estadual da Ginástica Laboral, contará com a palestra “A atuação do profissional de Educação Física na promoção da saúde do trabalhador”, ministrada Rony Tschoeke (CREF 004979-G/PR), conselheiro do CREF9/PR e autor de diversos livros sobre o assunto.

Com entrada gratuita para profissionais registrados e para acadêmicos do curso de Educação Física, o Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro já está com as suas inscrições abertas, que podem ser feitas de maneira totalmente gratuita pelo site do CREF2/RS. O evento será realizado das 14h30min às 17h45min, na sala João Neves da Fontoura (Plenarinho), da Assembleia Legislativa. Os 50 primeiros participantes a se cadastrar ganharão de brinde, no dia, o livro “Ginástica Laboral: Prerrogativa do profissional de Educação Física”.

Além da palestra de Tschoeke, a atividade também será marcada pela entrega do Prêmio de Reconhecimento à Prestação de Serviços de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa. A homenagem, promovida pela primeira vez pela Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa, tem como objetivo valorizar as empresas registradas que atuam na prevenção e na promoção da saúde do trabalhador e que zelam pelo prestígio da profissão de Educação Física. Você pode indicar a sua empresa ao Prêmio aqui.

Ginástica Laboral, Atividade Física na Empresa e o Trabalho Seguro
Data: Terça-feira, dia 22 de novembro, das 14h30min às 17h45min
Local: Assembleia Legislativa – Sala João Neves da Fontoura (Plenarinho)
Endereço: Praça Marechal Deodoro, 101 – Centro Histórico
Inscrições: aqui

Ginástica Laboral Eventos



CREF2/RS celebra Dia Estadual da Ginástica Laboral em 22 de novembro na Assembleia Legislativa
20/10/2016
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Ginástica Laboral e Atividade Física na Empresa do CREF2/RS vai realizar, no dia 22 de novembro, o evento “Ginástica Laboral, Atividade Física e o Trabalho Seguro”, na Assembleia Legislativa. A atividade, que integra as comemorações do Conselho pelo Dia Estadual da Ginástica Laboral terá as suas inscrições abertas em breve.

Neste ano, o evento contará com a palestra “A atuação do profissional de Educação Física na promoção da saúde do trabalhador”, ministrada pelo conselheiro do CREF9/PR e empresário da área de Promoção de Saúde Corporativa Rony Toschoeke (CREF 004979-G/PR). Aberto para os profissionais que atuam na área e também para comunidade em geral, o encontro irá ocorrer na Sala João Neves da Fontoura (Plenarinho), a partir das 14h30min. A entrada será gratuita.

A programação completa do evento também será divulgada em breve.

Ginástica Laboral, Atividade Física e o Trabalho Seguro
Data: Terça-feira, dia 22 de novembro, às 14h30min
Local: Sala João Neves da Fontoura – Plenarinho, na Assembleia Legislativa
Endereço: Praça Marechal Deodoro, 101 – Centro Histórico, em Porto Alegre
Inscrições: em breve
Informações: (51) 3288-0200

Ginástica Laboral Eventos



CREF2/RS pleiteia vaga para profissionais de Educação Física no Conselho Estadual de Saúde
24/08/2016
Fonte: ALRS

Na manhã de hoje, dia 24 de agosto, a presidente do CREF2/RS Carmem Masson (CREF 001910-G/RS) compareceu à reunião ordinária da Comissão de Saúde e Meio Ambiente, da Assembleia Legislativa. A visita teve como objetivo pleitear uma cadeira no Conselho Estadual de Saúde para os profissionais de Educação Física, conforme preconiza a portaria 256/2013, do Ministério da Saúde.

“Há tempos buscamos garantir a participação da Educação Física no Conselho Estadual, pois somos profissionais que atuam na área da saúde, com ênfase na prevenção e no combate ao sedentarismo, que atinge cerca de 70% da população urbana no Brasil, conforme dados do IBGE”, justificou. A Presidente argumentou ainda que a atuação dos profissionais da Educação Física têm sido decisiva na prevenção de doenças crônicas não transmissíveis e na promoção da saúde do trabalhador.

Também presente no encontro, o vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) solicitou ainda o apoio dos deputados para a atualização do Código Sanitário do Rio Grande do Sul, que já tem 44 anos de existência. Segundo ele, a alteração da lei é necessária para adequá-la às mudanças sociais, econômicas e tecnológicas que ocorrem no campo da saúde, responsáveis pela adoção de novos conceitos, definições e processos de trabalho.

A reunião foi comandada pelo vice-presidente da Comissão de Saúde Tarcísio Zimmermann (PT). O deputado afirmou que considera os dois pleitos feitos pelo CREF2/RS, em nome dos profissionais de Educação Física, legítimos. A Assembleia se comprometeu em dar andamento a estas questões e Zimmermann ressaltou, no entanto, que a mudança do Código Sanitário requer a vontade política do Poder Executivo.

Foto: Vinicius Reis/ALRS

Conselho Estadual de Saúde Saúde



Conselho distribui material informativo durante Maratona de Porto Alegre
13/06/2016
Fonte: CREF2/RS

No último domingo, dia 12 de junho, o CREF2/RS esteve presente na 33ª Maratona de Porto Alegre. O Conselho, representado pelo vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), teve um estande montado no Parque da Harmonia, onde pôde conceder informações sobre a importância de praticar atividade física com o acompanhamento de um profissional habilitado e distribuir o seu material de divulgação, como folders e revistas.

Apesar do frio, a Maratona de Porto Alegre reuniu neste ano mais de 7.200 corredores, entre atletas profissionais, amadores e do paradesporto. Com largada e chegada junto ao Parque da Harmonia, o trajeto teve o seu início às 6h50min e também reuniu familiares e curiosos, que acompanharam a corrida principal e as suas provas menores, de 5km e 10km, por exemplo, ao longo da manhã.

Para Aguiar, é muito importante que o CREF2/RS participe de eventos representativos como a Maratona de Porto Alegre, para se aproximar dos profissionais que de Educação Física que atuam nestes grandes eventos e também para estar perto de toda a sociedade, que tem uma grande chance para ver na prática como o profissional de Educação Física é essencial no dia a dia de de atletas, sobretudo os amadores, que participam de grupos de corrida. “A população tem a oportunidade de conversar com a gente sobre qualidade de vida e exercício físico, sabendo que, com o acompanhamento correto, também durante as corridas, é possível prevenir diversas lesões”.

#VivaMaratonaPOA e Doação de órgãos

Além de apoiar a campanha #VivaMaratonaPOA, que tinha o intuito de levar um grande número de espectadores à corrida, o CREF2/RS também apoiou a campanha de doação de órgãos promovida pela Frente Parlamentar do Estímulo à Doação de Órgãos, da Assembleia Legislativa. O objetivo desta ação foi conscientizar o máximo possível de pessoas sobre a importância da doação e esclarecer o funcionamento dos transplantes, ampliando assim o número de doadores em todo o Estado.

Maratona



Extinção da Fundergs pode ser votada nesta terça-feira
21/09/2015
Fonte: Agência de Notícias ALRS

Entre as matérias que estão aptas a serem apreciadas pelos deputados estaduais na Assembleia Legislativa nesta terça-feira (22), estão os projetos de lei do governo estadual que propõem a extinção da Fundação de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul (Fundergs) e da Fundação Estadual de Produção e Pesquisa em Saúde (FEPPS). Ambos tramitam em regime de urgência, porém trancam a pauta de votações desde o dia 8 de setembro.

O CREF2/RS se posiciona contrário ao PL 299, que propõe a extinção da Fundergs, por entender que só a manutenção e a ampliação das políticas públicas desportivas garantirão a construção da cidadania, a inserção social e trarão estímulo a uma vida mais saudável, prevenindo doenças. "Além disto, a extinção da Fundergs fragiliza o Centro Estadual de Treinamento Esportivo (CETE), local que mantém seis centros de excelência no esporte e mais dezenas de atividades, com 5 mil usuários dia, muitos por indicação médica", observa a presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS).

Conforme acerto entre o presidente da Assembleia, deputado Edson Brum (PMDB), e os líderes do Movimento Unificado dos Servidores, o acesso do público ao Plenário 20 de Setembro durante a sessão plenária desta terça-feira (22) será liberado mediante distribuição de senhas para as galerias. Os 290 assentos serão divididos igualmente para os contrários e favoráveis aos projetos. A sessão plenária inicia-se às 14h e o acesso ao público, às 13h45.

Foto: Vinicius Reis/ALRS

Fundergs



CREF2/RS faz alerta em audiência pública sobre os graves prejuízos da possível extinção da Fundergs
15/09/2015
Fonte: CREF2/RS

Caso extinga a Fundergs, o governo estadual onerará a saúde pública em, no mínimo, R$ 6 milhões, além de comprometer o desporto gaúcho. O alerta foi lançado pela presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) na audiência pública da Comissão de Segurança e Serviços Públicos da Assembleia Legislativa, realizada ontem (14), que tratou dos Projetos de Lei 299/2015 e 301/2015, ambos do Executivo. A primeira proposta extingue a Fundação Estadual do Esporte e do Lazer do Rio Grande do Sul (Fundergs), e a segunda, a Fundação Estadual de Produção e Pesquisa em Saúde (FEPPS). A audiência foi solicitada pelos deputados Stela Farias (PT) e Nelsinho Metalúrgico (PT). O deputado Altermir Tortelli (PT) presidiu a reunião. Os PLs serão votados hoje.

Falando para um auditório lotado de servidores, a presidente do CREF2/RS observou que o governo não vê a prevenção da saúde pelo viés econômico, e ressaltou que os investimentos em projetos de atividades físicas e esportes reduzem significativamente a quantidade de despesas hospitalares. “Estudos internacionais demonstram que para cada dólar investido em atividade física, se obtém uma economia de 3,20 dólares em custos médicos”, defendeu. "Estamos todos reunidos aqui para proteger duas áreas da saúde. A pesquisa, representada pela FEPPS, e a promoção e prevenção, gestada pela Fundergs”. O Centro Estadual de Treinamento Esportivo (CETE) também foi lembrado pela presidente. "Quem vai garantir que a verba provida pelo Governo Federal será aplicada no CETE?", indagou. "Esta verba cairá no Caixa Úníco do governo, com destinação incerta", arrematou. O CETE mantém seis centros de excelência no esporte e mais dezenas de atividades, em uma oferta de alta qualidade, com 5 mil usuários dia.

O ex-presidente da Fundergs Cláudio Gutierrez (CREF 014210-G/RS) sustentou que não haverá economia com a extinção da Fundergs, pois dos 20 milhões previstos para seu orçamento em 2015, 16,5 milhões vêm do Governo Federal e da Lei Pelé. "São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais fazem esporte com fundações, órgãos mais ágeis e baratos que as secretarias. E quando todo o país discute o Sistema Nacional de Esporte e Lazer, que visa a integração nacional das políticas públicas deste setor, o governo gaúcho extingue a secretaria de Esportes", lamentou. Dida observou que este é um péssimo sinal aos possíveis investidores esportivos nacionais e estrangeiros. “Quem irá investir em um estado que fecha seus canais políticos?", questionou.

Gutierrez alertou que sem a Fundergs, reabre-se o caminho para privatizar o CETE. "Para mim, que sou sócio do Grêmio Naútico União, a privatização do CETE poderia ser apenas uma notícia no jornal. Para o jovem excluído, porém, é a oportunidade de inclusão que se fecha. Isto tudo vai explodir mais adiante em violência social".

O conselheiro do CREF2/RS e presidente da Federação Universitária Gaúcha de Esportes João Guilherme de Souza Queiroga (CREF 000839-G/RS) afirmou que o governo tem a delegação legítima para implementar sua política econômica, mas não pode extinguir fundações aleatoriamente e sem prévio estudo. "A Fundergs é fruto de muito luta dos profissionais de Educação Física no estado. Há um profundo desconhecimento por parte do governo em relação às atividades deste órgão".

Foto: Mariana Carlesso/Agência ALRS

Fundergs



Assembleia Legislativa realiza audiência pública em defesa da Fundergs hoje à tarde
14/09/2015
Fonte: AL-RS

As propostas de extinção da Fundação Estadual de Produção e Pesquisa em Saúde (Fepps) e da Fundação de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul (Fundergs) serão o tema da audiência pública que será realizada nesta segunda-feira (14), na Assembleia Legislativa. A atividade está programada para as 14h, no Espaço Convergência.

O deputado estadual Altemir Tortelli presidirá o encontro, que foi proposto conjuntamente pelos deputados Stela Farias e Nelsinho Metalúrgico, na Comissão de Segurança e Serviços Públicos. O objetivo da atividade é tratar dos projetos de Lei 209 e 301/2015, de autoria do Executivo estadual, que suprimem as duas instituições. Acerca da Fundergs, o parlamentar compreende que a proposta de extinção está na “contramão dos avanços na área dos esportes, com a diminuição do protagonismo do tema em sua gestão estadual”. Conforme Tortelli, “a economia para os cofres estaduais será mínima, gerando um prejuízo social para o Rio Grande do Sul.

A presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) também declarou a insatisfação do Conselho com a proposta, sobretudo em relação ao futuro do Centro de Treinamento Esportivo (CETE), localizado no Menino Deus. "Sabemos que no governo os trâmites são burocráticos e o CETE, vinculado à Fundergs, continuará recebendo investimento?", questionou.

Por tramitarem em regime de urgência na Assembleia, os PLs 299 e 301/2015 devem entrar na pauta do plenário da Casa já na próxima semana.

Fundergs



CREF2/RS e Senac-RS realizam Fórum sobre esportes e turismo de aventura
09/09/2015
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS e o Senac-RS realizaram, no último dia 27 de agosto, o Fórum Técnico Setorial do Curso Condutor de Turismo de Aventura. A atividade, organizada pelo Núcleo de Educação Profissional (NEP) da instituição em parceria com a Câmara Técnica de Esportes de Aventura do Conselho, teve o objetivo de identificar as necessidades dos profissionais de Educação Física que atuam neste segmento e prepará-los, em alguns aspectos, para o mercado de trabalho.

O Fórum, oferecido de maneira gratuita aos interessados, contou com a presença de representantes do Sesi, da Emater, da Associação Brasileira de Agências de Viagens do Rio Grande do Sul (Abrav-RS), da FIEP, da Comissão de Economia, Desenvolvimento e do Turismo da Assembleia Legislativa e de profissionais da Mundo Vertical e da Sítio do Mato. "A aproximação com o Senac-RS vai beneficiar todos os profissionais de Educação Física, sobretudo aqueles que atuam numa área ainda pouco atendida por cursos e especializações", explicou Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do CREF2/RS.

Senac Esportes de Aventura



CREF2/RS participa de abraço em defesa do CETE no próximo dia 17
13/08/2015
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS, junto à Federação Gaúcha de Judô, Federação Gaúcha de Ginástica e a Associação das Federações Esportivas do RS, foram nesta terça-feira (11) ao plenário da Assembleia Legislativa para pressionar os deputados a não aprovarem o projeto de extinção da Fundação do Esporte e Lazer do RS (Fundergs), proposto pelo governo do Estado. Na ocasião, foi formada a Frente Pró-Fundergs, que defende a continuidade da entidade, além do fortalecimento do Centro Estadual de Treinamento Esportivo (CETE). Para angariar apoio à causa, foi lançada uma petição on-line que pode ser assinada aqui. Um abraço simbólico ao CETE, com a presença de servidores, atletas, ex-atletas, políticos e profissionais de Educação Física, está marcado para a próxima segunda-feira (17), às 17h.

Segundo a presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), o anúncio da absorção da Fundergs pela Secretaria Estadual de Esporte e Lazer representa um retrocesso nas políticas do setor, fato agravado pela proximidade das Olimpíadas. "Temos consciência da grave crise pela qual passa o Estado e estamos dispostos a ajudar no que for possível para superar as dificuldades. Contudo, sabemos que a Fundergs tem um orçamento total de R$ 20 milhões ao ano, sendo que deste total R$ 16,5 milhões são custeados pela Lei Pelé. Portanto, o custo da Fundação para o Estado é pequeno em relação aos benefícios relacionados ao esporte, à saúde, educação e à inclusão social".

A presidente propõe uma reflexão aos gestores públicos para que se objetive um projeto sustentável a médio e longo prazo. "Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) indicam que cada dólar aplicado em atividade física equivalem a 3,2 dólares economizados em potenciais gastos com saúde. Logo, a pretensa economia a que o governo do Estado almeja se reverterá, em breve, em elevados gastos com a saúde". Carmen também expressou temor quanto a um possível enfraquecimento e desestruturação do CETE pelo contingenciamento da verbas. “O Centro tem um papel fundamental no combate à epidemia de obesidade, à violência e ao abandono social das crianças e adolescentes e no bem-estar da sociedade em geral”.

Foto: Tiago Garcia/SEL

Fundergs



Conselho comparece ao lançamento da Frente Parlamentar de Defesa do Consumidor
01/06/2015
Fonte: CREF2/RS

O lançamento da Frente Parlamentar de Defesa do Consumidor, realizado hoje à tarde (1) na Assembleia Legislativa, contou com a presença de representes do CREF2/RS. Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do Conselho; Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), 1º secretário; e Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), coordenadora do Departamento de Fiscalização e Orientação; compareceram à sessão, comandada pela deputada Any Ortiz. A ampliação da Semana Nacional de Fiscalização Conjunta, executada pelos conselhos profissionais em parceria com o PROCON-RS, e ações conjuntas com a Câmara de Defesa da Sociedade do Fórum-RS estão entre os novos objetivos do grupo.

"O nosso trabalho é importante, pois temos o dever de mostrar que o consumidor gaúcho é valorizado", comentou Any na abertura da sessão. "Queremos trabalhar em conjunto com a Defensoria Pública, com os conselhos e com os PROCONs. A Frente Parlamentar de Defesa do Consumidor tem o intuito de levar ações de fiscalização para todos os municípios do Estado", completou a deputada.

Também estiveram presentes na sessão Flávia do Canto, diretora-executiva do PROCON-RS; Felipe Kirchner, da Defensoria Pública do Rio Grande do Sul; Cesar Faccioli, secretário de Justiça e Direitos Humanos do Estado; Alcebíades Santini; presidente do Fórum de Defesa do Consumidor; e Teresa Cristina Moesch, presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da OAB-RS.



Presidente do CREF2/RS participa de audiência pública que tratou do concurso da Secretaria Estadual de Saúde
24/04/2015
Fonte: CREF2/RS

Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do CREF2/RS, participou da audiência pública que tratou da situação dos aprovados no concurso realizado pela Secretaria Estadual de Saúde em 2014. O debate, promovido na última quarta-feira (22) e proposto pela deputada Manuela, contou também com a presença do deputado Valdeci Oliveira, presidente da Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, e de demais representantes sindicais e de outros conselhos profissionais da saúde.

Célia Chaves, do Conselho Estadual de Saúde, Cláudio Augustin, do Sindicato dos Servidores Públicos do Rio Grande do Sul, e Alpheu Amaral (CREF 014032-G/RS), da Comissão dos Aprovados, integraram a mesa e salientaram, em seus discursos, a importância das nomeações, interrompidas no começo do ano pelo Governo do Estado. "Os serviços de saúde estão muito aquém da necessidade dos gaúchos", frisou Célia. "Atualmente, o que se percebe são condições inadequadas de atendimento e uma piora na qualidade da saúde da população", completou.

Almeida apresentou os números do concurso e destacou que o Governo ainda precisa chamar 664 profissionais de saúde aprovados no processo seletivo, sendo seis de Educação Física. Na sua fala, que encerrou a reunião, Carmen declarou que a causa tem também o apoio do CREF2/RS e do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Rio Grande do Sul (Fórum-RS). Além disto, salientou que é preciso modificar o paradigma da saúde. "É preciso desconstruir a ideia equivocada que a Secretaria de Saúde é apenas para o tratamento de doenças. É necessário incorporar a prevenção e a promoção".



Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa dá andamento ao novo Código Sanitário Estadual
04/03/2015
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quarta-feira (4), a Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa reuniu-se pela primeira vez em 2015. Além de apresentar os seus novos componentes e o presidente recém-eleito Vadelci Oliveira, o grupo também deu continuidade ao PL 272-2014, que institui novo Código Sanitário Estadual. A elaboração do projeto, realizada entre 2013 e 2014, contou com a participação do CREF2/RS e dos demais conselhos integrantes da Câmara de Saúde do Fórum-RS.

Com a presença da presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e do 1º secretário Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), a reunião serviu para que Oliveira reforçasse "a importância assídua dos colaboradores" da Comissão, no sentido de "atender a necessidade e as demandas da população". "Temos enormes desafios, mas conquistamos avanços extraordinários nos últimos anos, graças às intensas parcerias", frisou. De acordo com Leandro Carvalho, assessor jurídico do Conselho Regional de Farmácia (CRF-RS) presenta na reunião, o projeto do novo código foi desarquivado e já está em tramitação na Assembleia para ser sancionado como lei.



CREF2/RS e conselhos da saúde finalizam projeto de novo Código Sanitário
26/11/2014
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quarta-feira (26), foi entregue à Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa projeto de novo Código Sanitário Estadual. O documento, elaborado pelo CREF2/RS em parceria com outros conselhos profissionais, tem o intuito de garantir a saúde e o bem-estar da sociedade.

Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), 1º secretário do CREF2/RS, e Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), coordenadora do Departamento de Fiscalização e Orientação, integraram a comissão que elaborou o projeto entre 2013 e 2014. "O novo Código é síntese do debate com a sociedade, a partir de uma série de audiências públicas realizadas em todo o Estado", frisou a deputada Marisa Formolo, integrante do grupo. O deputado Adilson Troca, presidente da Comissão de Saúde e Meio Ambiente, também salientou que agora o documento deve tramitar na Assembleia para ser transformado em lei.

Com a participação do CREF2/RS e dos conselhos de Odontologia (CRO-RS), Medicina (CREMERS), Nutricionistas (CRN-2), Fonoaudiologia (CREFONO7), Farmácia (CRF-RS) e da FAMURS, o projeto do novo Código "contemplou diversas demandas e entende a saúde de modo amplo", como comentou Alexandre Sartori, representante do CRF-RS. "A elaboração do documento foi de grande aprendizado, pois dividimos experiências de nossa prática profissional com os outros conselhos e também com a gestão pública", completou.



Evento sobre Ginástica Laboral promovido pelo CREF2/RS movimenta Assembleia Legislativa
25/11/2014
Fonte: CREF2/RS

Na tarde de ontem (24), o Conselho realizou evento em comemoração ao Dia Estadual da Ginástica Laboral, na Assembleia Legislativa. A atividade, que teve como tópico principal a saúde e o estilo de vida dos trabalhadores, foi promovida pela Câmara Temática de Atividade Física na Empresa e Ginástica Laboral do CREF2/RS e contou com homenagens, palestras e debates sobre o assunto.

Na abertura do seminário, o vereador Professor Garcia (CREF 000002-G/RS) e o deputado estadual Adilson Troca receberam placa em reconhecimento à criação do Dia Municipal e Estadual da Ginástica Laboral, respectivamente. Em seus agradecimentos, Garcia destacou o investimento que é a Ginástica Laboral para o empresário e Troca salientou o caráter social da atividade, capaz de melhorar também a convivência dentro da empresa. As homenagens foram entregues pela presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e pelo 1º secretário Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS).

O evento foi dividido em duas partes e contou com as palestras de João Scholles (CREF 003966-G/RS) e Alessandro Gonçalves (CREF 005863-G/RS) na primeira etapa. Scholles falou sobre a importância da Ginástica Laboral, "já que mais de 40% dos trabalhadores são inativos no lazer" e trouxe dados sobre a baixa adesão do brasileiro à atividade física. Além de propor dinâmica aos presentes, Gonçalves falou sobre as normas regulamentadoras e sobre as funções da Ginástica Laboral, que se desdobram em três eixos: interromper o ciclo de fadiga das atividades laborais, compensar o uso excessivo ou inativo de músculos e gerar disposição, ânimo e motivação para o trabalho.

Após intervalo, Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS) falou sobre o mercado e formas de garantir a excelência no antedimento ao cliente. "A Ginástica Laboral é programa de exercícios físicos orientados, com a finalidade promover a saúde e prevenir doenças ocupacionais", conceituou. Para ele, os benefícios se estendem também às empresas, já que o trabalhador saudável "reduz os custos em assistência médica". A última palestra foi de Magale Konrath (CREF 000378-G/RS), que abordou as tendências da área: "o profissional de Educação Física precisa pensar na Ginástica Laboral como caminho para outras atividades fora do ambiente de trabalho. Por isto, é preciso desenvolver metodologias e práticas diferentes, que motive e incentive o trabalhador".

Com grande presença de acadêmicos de Educação Física, profissionais da área e demais interessados pelo assunto, como empresários e trabalhadores, o evento encerrou com rodada de perguntas da plateia, em que foram tiradas dúvidas sobre a área de atuação, estratégias para manter público e análise sobre o melhor caminho para quem quer abrir negócio próprio. O conselheiro do CREF9/PR Rony Tschoeke (CREF 004979-G/PR) e o mestre de cerimônias Marco Aurélio Scharcow (CREF 002463-G/RS) também participaram do seminário.



Evento sobre Ginástica Laboral promovido pelo CREF2/RS movimenta Assembleia Legislativa
25/11/2014

Na tarde de ontem (24), o Conselho realizou evento em comemoração ao Dia Estadual da Ginástica Laboral, na Assembleia Legislativa. A atividade, que teve como tópico principal a saúde e o estilo de vida dos trabalhadores, foi promovida pela Câmara Temática de Atividade Física na Empresa e Ginástica Laboral do CREF2/RS e contou com homenagens, palestras e debates sobre o assunto.

Na abertura do seminário, o vereador Professor Garcia (CREF 000002-G/RS) e o deputado estadual Adilson Troca receberam placa em reconhecimento à criação do Dia Municipal e Estadual da Ginástica Laboral, respectivamente. Em seus agradecimentos, Garcia destacou o investimento que é a Ginástica Laboral para o empresário e Troca salientou o caráter social da atividade, capaz de melhorar também a convivência dentro da empresa. As homenagens foram entregues pela presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e pelo 1º secretário Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS).

O evento foi dividido em duas partes e contou com as palestras de João Scholles (CREF 003966-G/RS) e Alessandro Gonçalves (CREF 005863-G/RS) na primeira etapa. Scholles falou sobre a importância da Ginástica Laboral, "já que mais de 40% dos trabalhadores são inativos no lazer" e trouxe dados sobre a baixa adesão do brasileiro à atividade física. Além de propor dinâmica aos presentes, Gonçalves falou sobre as normas regulamentadoras e sobre as funções da Ginástica Laboral, que se desdobram em três eixos: interromper o ciclo de fadiga das atividades laborais, compensar o uso excessivo ou inativo de músculos e gerar disposição, ânimo e motivação para o trabalho.

Após intervalo, Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS) falou sobre o mercado e formas de garantir a excelência no antedimento ao cliente. "A Ginástica Laboral é programa de exercícios físicos orientados, com a finalidade promover a saúde e prevenir doenças ocupacionais", conceituou. Para ele, os benefícios se estendem também às empresas, já que o trabalhador saudável "reduz os custos em assistência médica". A última palestra foi de Magale Konrath (CREF 000378-G/RS), que abordou as tendências da área: "o profissional de Educação Física precisa pensar na Ginástica Laboral como caminho para outras atividades fora do ambiente de trabalho. Por isto, é preciso desenvolver metodologias e práticas diferentes, que motive e incentive o trabalhador".

Com grande presença de acadêmicos de Educação Física, profissionais da área e demais interessados pelo assunto, como empresários e trabalhadores, o evento encerrou com rodada de perguntas da plateia, em que foram tiradas dúvidas sobre a área de atuação, estratégias para manter público e análise sobre o melhor caminho para quem quer abrir negócio próprio. O conselheiro do CREF9/PR Rony Tschoeke (CREF 004979-G/PR) e o mestre de cerimônias Marco Aurélio Scharcow (CREF 002463-G/RS) também participaram do seminário.



CREF2/RS realiza evento sobre Ginástica Laboral na segunda-feira
21/11/2014

Na próxima segunda (24), o CREF2/RS realiza evento comemorativo pelo Dia Estadual da Ginástica Laboral. Dedicada a profissionais que atuam na área ou que tenham interesse sobre o assunto, a atividade terá como tema a saúde dos trabalhadores e contará com palestras e debates. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas agora mesmo pela nossa página, clicando aqui.

Com o objetivo de mostrar para a sociedade a importância que o profissional de Educação Física e o programa de Ginástica Laboral têm, o encontro abordará tópicos como os conceitos da Ginástica Laboral, o mercado de trabalho e as tendências para o futuro. As palestras serão de João Scholles (CREF 003966-G/RS), Alessandro Gonçalves (CREF 005863-G/RS), Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS) e Magale Konrath (CREF 000378-G/RS).

Para Izaguirre, o evento é oportunidade única para entender melhor o que é a Ginástica Laboral. "No dia 24, estarão reunidas pessoas e empresas que atuam na área há bastante tempo, mostrando que existe grande mercado para o profissional de Educação Física neste segmento", avalia.

Contribuição das empresas de ginástica laboral para o estilo de vida saudável dos trabalhadores
Data: 24/11 (segunda-feira)
Horário: das 13h30 às 17h30
Local: Plenarinho da Assembleia Legislativa
Endereço: Praça Marechal Deodoro, 101 – Centro (Porto Alegre/RS)
Inscrições: aqui



CREF2/RS comemora Dia Estadual da Ginástica Laboral com evento na segunda-feira
14/11/2014

Em comemoração ao Dia Estadual da Ginástica Laboral, o CREF2/RS realiza evento para marcar a data, no próximo dia 24 de novembro, na Assembleia Legislativa. A atividade, que será dedicada aos profissionais de Educação Física, estudantes de graduação e demais interessados no assunto, terá como tema a saúde dos trabalhadores e vai contar com amplo debate sobre o assunto. As inscrições são gratuitas e já podem ser feitas aqui.

"O objetivo do evento é disseminar conhecimento para os profissionais que atuam diretamente com a área e passar para a sociedade a importância que o profissional de Educação Física e o programa de Ginástica Laboral têm", explica Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), 1º secretário do CREF2/RS e membro da Câmara Temática Atividade Física na Empresa e Ginástica Laboral. O encontro terá ainda palestra sobre os conceitos e tendências.

Para Tony Izaguirre (CREF 002462-G/RS), o evento é oportunidade única para entender melhor o que é a Ginástica Laboral, sobretudo para os acadêmicos de Educação Física que querem atuar na área. "Muitos alunos saem da faculdade e chegam na empresa sem saber como é realidade do trabalhador. No dia 24, estarão reunidas pessoas e empresas que atuam há bastante tempo com isto, mostrando que existe grande mercado para o profissional de Educação Física neste segmento", avalia.

Contribuição das empresas de ginástica laboral para o estilo de vida saudável dos trabalhadores
Data: 24/11 (segunda-feira)
Horário: das 13h30 às 17h30
Local: Plenarinho da Assembleia Legislativa
Endereço: Praça Marechal Deodoro, 101 – Centro (Porto Alegre/RS)
Inscrições: aqui



Troféu Destaque homenageia profissionais na Assembleia Legislativa
08/09/2014
Fonte: CREF2/RS

Na sexta-feira (5), o teatro Dante Barone, da Assembleia Legislativa, foi o palco da cerimônia de entrega do Troféu Destaque 2014. O prêmio, que homenageou os profissionais de Educação Física do ano, teve votação aberta no site Conselho, em que todos os registrados e em dia com suas obrigações estatuárias puderam participar e concorrer em cada uma das 17 categorias diferentes.

Com a presença de membros dos demais Conselhos Profissionais e de autoridades, como Ricardo Petersen (CREF 006862-G/RS), secretário de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul; e José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS), representando o prefeito José Fortunati; a cerimônia também premiou, com certificado, as empresas que completaram em 2014 dez anos de registro no CREF2/RS. Na abertura do evento, a presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) foi quem discursou. Ela agradeceu a grande presença dos profissionais homenageados e familiares e destacou a votação pela Internet. "O prêmio vem de uma eleição direta dos profissionais no nosso site. É a maneira mais democrática", analisou.

Os homenageados foram: Academia Esportiva Menegassi Ltda (CREF 000038-PJ/RS, academia), Grêmio Náutico Gaúcho (CREF 001237-PJ/RS, clube ou sociedade), Diná Santiago (mérito da Educação Física), Ana Eleonora Assis (CREF 000239-G/RS, profissional de recreação), Laerte Moraes (CREF 002084-G/RS, profissional de escola), Alexandre Teixeira (CREF 000786-G/RS, profissional técnico desportivo), Mariana Boos (CREF 009364-G/RS, profissional de saúde), Ana Maria Nappi (CREF 000900-G/RS, profissional de lutas), Alessandro Gonçalves (CREF 005863-G/RS, profissional de atividade física na empresa e ginástica laboral), Luis Grassel (CREF 009564-G/RS, profissional de esporte radical e de aventura), Mauro Sérgio de Oliveira (CREF 010206-G/RS, profissional de academia), Cláudia Romero (CREF 016205-G/RS, profissional de paradesporto e atividade adaptada), André Luiz Lopes (CREF 008061-G/RS, profissional de pesquisa), Correio do Povo (veículo de comunicação), Luiz Felipe Scolari (CREF 004278-G/RS, profissional do ano) e José Fortunati (personalidade do ano).

Para a 1ª tesoureira Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), o Troféu Destaque, no seu quarto ano consecutivo, pode ser considerado o "Oscar da Educação Física gaúcha". "É o reconhecimento dos nossos profissionais que estão nas escolas, nas academias. Precisamos valorizar o trabalho de quem faz a diferença", comentou. No discurso, Carmen complementou. "A nossa profissão está ganhando hoje espaço cada vez maior. Nossos profissionais estão cada dia mais qualificados e os homenageados são o exemplo disto".

Confira aqui, em breve, galeria de fotos com os homenageados.



CREF2/RS entrega Troféu Destaque 2014 nesta sexta-feira
04/09/2014
Fonte: CREF2/RS

A cerimônia de entrega do Troféu Destaque 2014, prêmio que homenageia os melhores profissionais de Educação Física do ano, é amanhã (5). O evento será realizado a partir das 20h no Teatro Dante Barone da Assembleia Legislativa (Praça Marechal Deodoro, 101 – Centro), em Porto Alegre. A entrada é gratuita e aberta para o público em geral.

Parte das comemorações do Dia do Profissional de Educação Física, o Troféu Destaque teve votação aberta na página do Conselho, em que todos os registrados no CREF2/RS e em dia com suas obrigações estatuárias puderam participar. Para a presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), o processo democrático do prêmio, em que todos os registrados podem votar e concorrer, é o que garante a devida homenagem e o reconhecimento de toda a área. "A política atual do Conselho é se aproximar dos profissionais, unindo forças. O CREF2/RS somos todos nós", declarou.

A lista com os vencedores você encontra aqui.



Semana da Educação Física inicia com atividade do CREF2/RS na Redenção
02/09/2014
Fonte: CREF2/RS

Como parte das comemorações do Dia do Profissional de Educação Física, a Câmara Municipal de Porto Alegre realiza todos os anos a Semana da Educação Física. O evento, idealizado pelo vereador Professor Garcia (CREF 000002-G/RS) e promovido em parceria com o CREF2/RS e outras instituições, iniciou no domingo (31), no Parque da Redenção. Além de caminhada e alongamento orientados, o primeiro dia de atividade contou com espaço do Conselho próximo ao Monumento Expedicionário em que foram feitas avaliações antropométricas e concedidas informações sobre a prática esportiva.

Além de medir o Índice de Massa Corporal (IMC) de quem compareceu à Redenção, a equipe do CREF2/RS também conversou com os presentes sobre o perigo do sedentarismo e sobre a importância da atividade física regular. Para Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), coordenadora do Departamento de Fiscalização e Orientação, a presença do Conselho em eventos como este é muito válida, pois é possível estar mais perto da sociedade: "Conseguimos destacar a necessidade de que a atividade física seja sempre acompanhada por profissional de Educação Física regulamentado", comentou. "Muitas pessoas não sabem que existe um órgão fiscalizador, que defende a sociedade e que tem o objetivo de que só permitir que profissionais capacitados estejam no mercado. Por isto, este contato é muito válido".

A Semana da Educação Física segue até sexta-feira (5), com a entrega do Troféu Destaque 2014, que homenageia os profissionais de Educação Física do ano. O evento será na Assembleia Legislativa, às 20h. Hoje, às 14h, o conselheiro Carlos Cimino (CREF 001691-G/RS) ministra o Curso Regras de Voleibol na Atualidade, na Faculdade São Judas Tadeu (Rua Dom Diogo de Souza, 100 - Cristo Redentor). A programação completa e o contato para inscrições você encontra aqui.



CREF2/RS divulga vencedores do Troféu Destaque 2014
25/08/2014
Fonte: CREF2/RS

Os vencedores do Troféu Destaque 2014, prêmio que homenageia os melhores profissionais de Educação Física do ano, foram divulgados hoje. A votação, em que todos registrados no CREF2/RS puderam participar, formou lista tríplice, que depois teve os ganhadores eleitos pela Plenária do Conselho.

Parte das comemorações do Dia do Profissional de Educação Física, o Troféu Destaque 2014 chega a sua quarta edição como ponto de encontro dos profissionais de todo Estado. Para Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do CREF2/RS, o processo democrático do prêmio, em que todos os registrados podem votar e concorrer em cada uma das categorias, é o que garante a devida homenagem e o reconhecimento de toda a área. "A política atual do Conselho é se aproximar dos profissionais, unindo forças. O CREF2/RS somos todos nós", declarou.

A cerimônia de entrega do Troféu Destaque 2014 será realizada no dia 5 de setembro, às 20h, no Teatro Dante Barone da Assembleia Legislativa, em Porto Alegre. Confira os vencedores:

Academia:
Academia Esportiva Menegassi Ltda. (CREF 000038-PJ/RS)

Clube ou Sociedade:
Grêmio Náutico Gaúcho (CREF 001237-PJ/RS)

Profissional do Ano:
Luiz Felipe Scolari (CREF 004278-G/RS)

Mérito da Educação Física:
Diná Pettenuzzo Santiago

Profissional de Recreação:
Ana Eleonora Sebrao Assis (CREF 000239-G/RS)

Profissional de Escola:
Laerte Camargo Moraes (CREF 002084-G/RS)

Profissional Técnico Desportivo:
Alexandre Alves Teixeira (CREF 000786-G/RS)

Profissional de Saúde:
Mariana Carneiro Boos (CREF 009364-G/RS)

Profissional de Lutas:
Ana Maria Nappi (CREF 000900-G/RS)

Profissional de Atividade Física na Empresa e Ginástica Laboral:
Alessandro de Freitas Gonçalves (CREF 005863-G/RS)

Profissional de Esporte Radical e de Aventura:
Luis Leandro Grassel (CREF 009564-G/RS)

Profissional de Academia:
Mauro Sergio Batalha de Oliveira (CREF 010206-G/RS)

Profissional de Paradesporto e Atividade Adaptada:
Cláudia da Rosa Romero (CREF 016205-G/RS)

Profissional de Pesquisa:
André Luiz Lopes (CREF 008061-G/RS)

Veículo de Comunicação:
Correio do Povo

Personalidade do Ano:
José Fortunati



Votação do Troféu Destaque 2014 encerra amanhã
14/08/2014
Fonte: CREF2/RS

O Troféu Destaque 2014, prêmio que homenageia os melhores profissionais de Educação Física do ano, tem votação aberta até esta sexta-feira, dia 15 de agosto. Todos os registrados no CREF2/RS e em dia com suas obrigações podem indicar os vencedores e concorrer em cada uma das categorias. A votação formará lista tríplice, que depois terá os ganhadores eleitos pela Plenária do Conselho.

Para participar, clique aqui. A cerimônia de entrega do prêmio, aberta ao público, será realizada no dia 5 de setembro, às 20h, no Teatro Dante Barone da Assembleia Legislativa, em Porto Alegre.

O Troféu Destaque faz parte das comemorações do Dia do Profissional de Educação Física e é dividido nas seguintes categorias: academia e clube ou sociedade; profissional do ano, mérito da Educação Física, profissional de escola, profissional técnico desportivo, profissional da saúde, profissional de lutas, profissional de atividade física na empresa e ginástica laboral, profissional de esporte radical e de aventura, profissional de academia, profissional de paradesporto e atividade adaptada, profissional de pesquisa, veículo de comunicação e personalidade do ano.



Últimos dias para votar no Troféu Destaque 2014
12/08/2014
Fonte: CREF2/RS

O Troféu Destaque 2014, prêmio que homenageia os melhores profissionais de Educação Física do ano, tem votação aberta até quinta-feira, dia 14 de agosto. Todos os registrados no CREF2/RS e em dia com suas obrigações podem escolher os indicados e concorrer em cada uma das categorias. A votação formará lista tríplice, que depois terá os ganhadores eleitos pela Plenária do Conselho. Para participar, clique aqui.

O Troféu Destaque faz parte das comemorações do Dia do Profissional de Educação Física e é dividido nas seguintes categorias: academia e clube ou sociedade; profissional do ano, mérito da Educação Física, profissional de escola, profissional técnico desportivo, profissional da saúde, profissional de lutas, profissional de atividade física na empresa e ginástica laboral, profissional de esporte radical e de aventura, profissional de academia, profissional de paradesporto e atividade adaptada, profissional de pesquisa, veículo de comunicação e personalidade do ano.

A cerimônia de entrega do prêmio, aberta ao público, será realizada no dia 5 de setembro, às 20h, no Teatro Dante Barone da Assembleia Legislativa, em Porto Alegre.



Votação do Troféu Destaque 2014 segue até o dia 14 de agosto
06/08/2014
Fonte: CREF2/RS

Registrados no CREF2/RS e em dia com suas obrigações podem escolher os indicados ao Troféu Destaque 2014, prêmio que homenageia os melhores profissionais de Educação Física do ano. A votação, aberta até o dia 14 de agosto, formará lista tríplice, que depois terá os ganhadores eleitos pela Plenária do Conselho. Para participar, clique aqui.

Em sua quarta edição, o Troféu Destaque faz parte das comemorações do Dia do Profissional de Educação Física, celebrado em 1º de setembro. Todos os registrados, Pessoas Físicas e Jurídicas, podem concorrer nas seguintes categorias: academia e clube ou sociedade; profissional do ano, mérito da Educação Física, profissional de escola, profissional técnico desportivo, profissional da saúde, profissional de lutas, profissional de atividade física na empresa e ginástica laboral, profissional de esporte radical e de aventura, profissional de academia, profissional de paradesporto e atividade adaptada, profissional de pesquisa, veículo de comunicação e personalidade do ano.

A cerimônia de entrega do prêmio, aberta ao público, será realizada no dia 5 de setembro, às 20h, no Teatro Dante Barone da Assembleia Legislativa, em Porto Alegre.



CREF2/RS participa do novo Código Estadual de Vigilância Sanitária
07/05/2014
Fonte: CREF2/RS

Na tarde desta quarta-feira, o vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) e a coordenadora do Departamento de Fiscalização e Orientação Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS) participaram de nova reunião que visa estabelecer novo Código Estadual de Vigilância Sanitária. O encontro, realizado na Assembleia Legislativa, tratou hoje de tópicos como o processo administrativo sanitário e a forma que a lei será colocada em prática.

O Vice-Presidente e a Coordenadora do CREF2/RS integram a comissão que debate a formulação do Código, junto com outras autoridades estaduais. Entre os tópicos abordados, a reunião de hoje também salientou a importância de destacar no novo Código que todo estabelecimento tem obrigação de ter responsável técnico competente, para garantir a saúde e o bem-estar da sociedade.

Lauro Aguiar frisou o papel de protagonista que os Conselhos têm na discussão do Código Estadual. "O CREF2/RS exerce função semelhante à Vigilância Sanitária. Há relação nas atividades, como a fiscalização de academias, equipamentos e piscinas", explicou o Vice-Presidente. "A nova lei tem objetivo de garantir que as pessoas tenham serviços bons e adequados à sua disposição, o que também é meta dos Conselhos", completou.



Aprovado na Assembleia Legislativa do RS Projeto de Lei que prevê exigência de Registro Profissional para concursos públicos no Estado
10/04/2014
Fonte: CREF2/RS

O Projeto de Lei nº 245/2014 foi votado e aprovado na Assembleia Legislativa do RS, na última terça-feira, dia 8 de abril. De autoria do Deputado Estadual Carlos Gomes, o Projeto prevê a exigência de Registro em Conselho Profissional para os concursos públicos no Estado, para todas as vagas de cargos que exerçam as prerrogativas de profissões regulamentadas. Os cargos com impedimento de vínculo com órgão de classe (estabelecido em lei ou estatuto) excetuam-se da obrigatoriedade. É necessária a homologação do Governador Tarso Genro para a Lei Estadual entrar em vigor.



Código Sanitário é tema de debate na Assembleia Legislativa
09/01/2014
Fonte: CREF2/RS

A proposta de um novo Código Sanitário para o Rio Grande do Sul foi a pauta da reunião ocorrida na Assembleia Legislativa no dia 08/01, com a participação do Conselheiro Lauro Aguiar e da Coordenadora do DEFOR Fernanda Rodrigues, além representantes dos Conselhos da Saúde, Ministério Público e do Centro Estadual de Vigilância Sanitária. O debate ocorreu em torno do estudo de outros códigos vigentes no Brasil, e visa sanar defasagens do código gaúcho, que data de 1974.



CREF2/RS reúne-se com deputado Adilson Troca
17/12/2013
Fonte: CREF2/RS

O Presidente do CREF2/RS Eduardo Merino e os membros da Câmara de Ginástica Laboral Lauro Aguiar (Presidente) e Tony Izaguirre reuniram-se hoje (17/12) na Assembleia Legislativa com o deputado estadual Adilson Troca (PSDB) para analisar a parceria entre o Conselho e o Legislativo, bem como examinar os eventos que foram realizados em conjunto no ano de 2013.

Ficou definido que em janeiro haverá reunião com todos os parceiros da Frente Parlamentar de Estímulo à Doação de Órgãos para programar as atividades de 2014. Também está projetada a edição de uma cartilha relatando os cinco eventos realizados por meio da parceria CREF2RS/Legislativo em 2013, com a descrição da premiação dos municípios amigos da Educação Física escolar, o lançamento da Frente Parlamentar em favor da Educação Física escolar, o evento O Profissional de Educação Física como Protagonista de Ginástica laboral, a audiência pela reforma do código sanitário e a campanha para doação de órgãos ocorrida na Maratona de Porto Alegre.



Homenageadas empresas com mais de 10 anos de ginástica laboral implementadas
02/12/2013
Fonte: CREF2/RS

A Câmara de Ginástica Laboral completou um ano de existência promovendo, no dia 22 de novembro o evento O Profissional de Educação Física como Protagonista na Ginástica Laboral na Assembleia Legislativa do RS. Na ocasião, o Conselho homenageou 15 empresas gaúchas que possuem mais de 10 anos de adoção do Programa de Ginástica Laboral, no evento ""O Profissional de Educação Física como Protagonista na Ginástica Laboral"". O exercício físico orientado pelo Profissional de Educação Física é o meio principal de um processo educativo para se promover o estilo de vida saudável do trabalhador e a Ginástica Laboral demanda processos de desenvolvimentos individuais , organizacionais e sociais, competências as quais são pertinentes ao âmbito dessa classe profissional.
Segundo o presidente da Câmara de Ginástica Laboral do CREF2/RS, Lauro Aguiar, a Ginástica Laboral a Ginástica Laboral foi desenvolvida para atender de forma adequada as necessidades dos trabalhadores, no sentido da sua preparação física , postural e sociocultural frente aos desafios dos modernos ambientes de trabalho ""A atividade integra os funcionários de 8 a 12 minutos em até três vezes por semana com uma série de exercícios que podem incluir o yoga no trabalho, a ginástica funcional, o tai chi chuan e o pilates laboral"", explica. Aguiar explica que a ginástica laboral iniciou pioneiramente no Rio Grande do Sul em 1978, com cinco empresas. Atualmente, são milhares de empresas praticando a ginástica laboral em todo o País, sendo o Brasil atualmente o local onde existem mais empresas de ginástica laboral na América Latina. É portanto um conjunto de atividades com duração média de 10 a 15 minutos , composto por exercícios físicos, dinâmicos de grupos, técnicas de relaxamento , atividades lúdicas e recreativas , jogos cooperativos , exercícios e técnicas respiratórias , técnicas orientais , educação e orientação postural e/ou outras atividades correlatas , com ou sem a utilização de equipamentos diversos( bolas, aparelhos de som , bastões , elásticos , bolinhas,etc.).
Aguiar explica que as aulas de Ginástica Laboral são realizadas dentro do horário da jornada de trabalho e no ambiente da empresa , fato que dispensa investimentos em espaços especializados . As atividades devem ser adequadas ao ambiente de trabalho, vestimentas e diversidade de idade e sexo dos empregados participantes. ""Por realizar-se durante a jornada laborativa deduz-se que os trabalhadores participantes tratam-se de pessoas aptas às atividades proposta pelo Programa"", avalia.



CREF2/RS participa de discussão sobre novo código sanitário
27/11/2013
Fonte: CREF2/RS

No dia 20/11 foi realizada uma audiência pública comandada pelo deputado Adilson Troca na Assembleia Legislativa do RS para discutir a necessidade de atualização do Código Sanitário de Estado do RS instituído pelo Decreto nº 23340, de 24 de outubro de 1974.
Segundo o presidente do CREF2/RS e da Câmara da Saúde do FOCO, Eduardo Merino, é importante destacar a função dos conselhos na defesa da saúde da sociedade, e buscar soluções para que a prestação de serviços sejam feitos de forma adequadas e que estes profissionais possam exercer suas profissões com ética e qualidade. ""Pensamos que a reformulação do código sanitário é de fundamental importância, pois nos seus 40 anos muitos avanços ocorreram, novas profissões surgiram, como a biomedicina, surgida após 1974, a Educação Física regulamentada em 1998, o SUS, posterior a isto, bem como o Código de Defesa do Consumidor. Portanto, vemos como de suma importância esta discussão que está surgindo, envolvendo os técnicos das diversas áreas, que têm conhecimentos específicos. Eu como representante do Conselho de Educação Física vejo que as academias e os estabelecimentos não estão contemplados em nenhum ponto por este código. Hoje qualquer pessoa abre uma academia em um porão, local sem nenhuma condição sanitária. O que nós buscamos é a necessidade da prevenção, possibilitar que a população faça práticas saudáveis.

Para a agente da Divisão de Vigilância Sanitária, Dorla Barlen, é um anseio de longo tempo a revisão do Decreto 423730 e também a criação de um código sanitário atualizado no Rio Grande do Sul, muito embora a Vigilância Sanitária se utilize das LDCs da Anvisa, que são bastante modernas. ""Nós ansiamos muito que o RS tenha um novo código sanitário para contemplar situações bastantes novas não só na vigilância sanitária bem como nós chamamos de vigilância em saúde"".

Já Everton Borges, representando o Conselho Regional de Farmácia, ressaltou que o atual código conta com 845 artigos, sendo extremante extenso e detalhado, porém totalmente defasado em muitos aspectos. "" Nós temos alguns exemplos de outros códigos da região sul muito mais enxutos e modernos, portanto temos que ver um estudo e uma adequação para o nosso estado. Eu trago aqui a tragédia da Boate Kiss, da qual se discutiu muito o plano de prevenção a incêndios. Porém, temos que discutir outras ações, muitas delas voltadas e dependentes da Vigilância Sanitária. Portanto, temos de trazer à discussão, outras ações, como o alvará sanitário, a ação profissional e sua justa fiscalização pelos conselhos"", avalia.



CREF2/RS realiza evento ""Cidades amigas da Educação Física Escolar""
04/11/2013
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS realizou o evento ""Cidades amigas da Educação Física Escolar"" no dia 30 de outubro, na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul. O Conselho concedeu uma homenagem aos municípios que contam com Profissionais de Educação Física atuando com este componente curricular nos anos iniciais do Ensino Fundamental. Dos 497 municípios do Estado, 127 contam com Profissionais de Educação Física. A presença obrigatória do Profissional de Educação Física nos anos iniciais do Ensino Fundamental é uma das bandeiras defendidas pelo Conselho Regional de Educação Física do RS. A Educação Física enquanto atividade curricular pressupõe não só ""dominar e conhecer o corpo"", mas em ter consciência de que ""somos um corpo"" numa perspectiva cultural, social humana e política, portanto um ser integral. A Educação Física é um caminho privilegiado de educação e por seus valores deve ser entendida como um dos direitos de todas as pessoas.
Atualmente, do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental, as atividades físicas no Rio Grande do Sul não são ministradas por Profissionais de Educação Física. Por conta disso, cerca de 300 mil crianças estão desatendidas no Estado, contribuindo para o aumento do sedentarismo e da pandemia de obesidade infantil.
A Educação Física tem um papel fundamental no desenvolvimento integral dos alunos, sendo uma atividade que trabalha o lúdico e o esporte, proporciona diversas vivências das manifestações corporais da cultura humana. Dentro dessa visão, é importante ressaltar o papel do Profissional de Educação Física como vetor do desenvolvimento humano. É a intervenção deste Profissional, com seus conhecimentos sobre o corpo e o o desenvolvimento humano que pode dar as diretrizes corretas às crianças em idade de iniciação escolar.



Vinte e dois de novembro é oficializado Dia Municipal da Ginástica Laboral em Porto Alegre
26/09/2013
Fonte: CREF2/RS

Na segunda-feira, dia 23 de setembro, foi aprovado pela Câmara de Vereadores de Porto Alegre o Projeto de Lei que institui o dia 22 de novembro como Dia Municipal da Ginástica Laboral.
O autor do Projeto, Vereador Professor Garcia (CREF 000002-G/RS), também Conselheiro do Conselho Federal de Educação Física (CONFEF), declarou que a Ginástica Laboral tem importância cada vez maior nas empresas, melhorando a saúde física do trabalhador e prevenindo os problemas ocupacionais.
A data foi escolhida por representar um marco na área, pois nesse dia, no ano de 1978, foi assinado o primeiro contrato de Ginástica Laboral no país.
O presidente da Câmara de Ginástica Laboral do Conselho Regional de Educação Física da 2ª Região (CREF2/RS), Conselheiro Lauro Ubirajara Barboza de Aguiar (CREF 002782-G/RS), lembrou que a atividade está diretamente relacionada ao compromisso das empresas com a saúde de seus colaboradores, contribuindo no processo de humanização do ambiente de trabalho.
Ressaltou ainda o trabalho desenvolvido pela Câmara, convidando todos os Profissionais de Educação Física a participarem das reuniões do grupo, que ocorrem mensalmente (veja as datas em nosso site) na sede do Conselho em Porto Alegre.
Em comemoração a data, o CREF2/RS irá promover a 2ª edição do evento “O Profissional de Educação Física como Protagonista na Ginástica Laboral”, no dia 22 de novembro de 2013, no Plenarinho da Assembleia Legislativa do RS.
A organização do evento, que no ano passado ocorreu na Câmara de Vereadores de Porto Alegre, convida todas as empresas e prestadores de serviço na área a indicarem empresas clientes a serem homenageadas na ocasião.
Os interessados em realizar indicações devem entrar em contato com o Conselho pelo e-mail eventos@crefrs.org.br.
O número de homenageados será limitado, e as empresas homenageadas devem ser gaúchas e com mais de 10 anos de adoção do Programa de Ginástica Laboral.



CREF2/RS homenageará empresas que investem em Ginástica Laboral
22/09/2013
Fonte: CREF2/RS

No dia 22 de novembro de 2013, na Assembleia Legislativa do RS, o CREF2/RS irá homenagear empresas gaúchas que possuem mais de 10 anos de adoção de Programa de Ginástica Laboral, no evento "O Profissional de Educação Física como Protagonista na Ginástica Laboral".
Convidamos todas as empresas e prestadores de serviço na área a indicarem empresas clientes a serem homenageadas.
Os interessados em realizar indicações devem entrar em contato com o Conselho até dia 22 de outubro, pelo e-mail eventos@crefrs.org.br
Salientamos que o número de homenageados será limitado.



CREF2/RS mobiliza-se em defesa de Projetos de Lei na Assembleia Legislativa do RS
27/08/2013
Fonte: CREF2/RS

No dia 26 de agosto, a Câmara Técnica de Paradesporto e Atividade Física Adaptada reuniu-se na sede do Conselho para dar andamento às tratativas sobre a Semana das Pessoas com Deficiência, planejando atividades específicas em comemoração à data. Entre as atividades discutidas, destaca-se também a homenagem na Assembleia Legislativa ao 1º de setembro, Dia do Profissional de Educação Física, por proposição da Câmara Técnica junto ao Deputado Carlos Gomes, que ocorrerá no próximo dia 3 de setembro, às 14 horas. A Câmara destacou a importância da ocasião para os Profissionais de Educação Física, pois será uma oportunidade de divulgação e de solicitação de votos aos deputados de Projetos de Lei que atingem diretamente a profissão. Destacam-se em especial quatro Projetos, que tratam da exigência do Profissional da Educação Física nas equipes de saúde da Secretaria Estadual de Saúde, da exigência de Profissional de Educação Física nos anos iniciais do Ensino Fundamental, da exigência de Registro no Conselho para concursos com cargo de Educador Físico e, finalmente, do Projeto de Lei que é proposição da Câmara Técnica, que visa marcar o dia 22 de setembo como Dia Estadual do Paradesporto e Atividade Física Adaptada. É de grande importância a presença de todos, lotando as galerias da Assembleia, para solicitarmos aos Deputados que votem os Projetos de Lei em questão!



Adilson Troca discute ginástica laboral com o Conselho de Educação Física
06/06/2013
Fonte: Assessoria de Comunicação Adilson Troca

A ginástica laboral foi tema de reunião entre o Presidente da Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Adilson Troca, o presidente da Câmara de Saúde do Conselho Regional de Educação Física, Lauro de Aguiar, e Toni Pereira. O Rio grande do Sul é pioneiro nacional na ginástica laboral. Foi no Estado que no ano de 1978 foi assinado o primeiro contrato na área. Lauro de Aguiar e Toni Pereira apresentaram a Troca um relato sobre a prática de ginástica laboral e seus benefícios para empresas e trabalhadores. Em novembro o CREF-RS deve realizar um grande evento sobre o tema e veio em busca de apoio da Comissão de Saúde. O presidente Adilson Troca garantiu que a estrutura da Comissão de Saúde está à disposição. “Sabemos da importância desta atividade e queremos ser parceiros. O CREF-RS já é um grande parceiro da Frente Parlamentar de Estímulo à Doação de Órgãos e a Comissão de Saúde está de portas abertas para a categoria”, afirmou. A ginástica laboral um instrumento de melhoria da saúde do trabalhador, reduzindo e prevenindo problemas ocupacionais através de exercícios específicos realizados no local de trabalho. A prática promove o bem estar, reduzindo o sedentarismo e o estresse. O Rio grande do Sul é pioneiro nacional na ginástica laboral. Foi no Estado que no ano de 1978 foi assinado o primeiro contrato na área.



Fórum dos Conselhos promove III Seminário de Fiscalização Profissional
07/05/2013
Fonte: Fórum dos Conselhos das Profissões Regulamentadas do RS

No dia 17 de maio de 2013 acontecerá o III Seminário de Fiscalização Profissional, evento organizado pelo Fórum dos Conselhos Profissionais do Estado do Rio Grande do Sul, que trará como tema neste ano “Fiscalização dos Conselhos e os Benefícios para a Sociedade”.

O objetivo do evento é tratar dos temas relacionados a fiscalização realizadas pelas diversas instituições, na busca de integração e otimização dos processos, contribuindo para o funcionamento dos estabelecimentos regulados para que atuem na atenção a sociedade, proposta esta motivada pela tragédia em Santa Maria. O seminário terá início as 8h30min no Plenarinho da Assembleia Legislativa do RS, com o credenciamento às 8h30min, a abertura ocorrerá às 9h30min seguida da Mesa redonda intitulada: “Poder público e a Fiscalização dos conselhos profissionais em benefício da sociedade”, e contará com a participação de um representante da Prefeitura Municipal de Porto Alegre, o promotor de Justiça do Ministério Público do Estado, César Faccioli, o Presidente do PROCON/RS, Cristiano Aquino, a Presidente do Conselho Regional de Administração do RS, Adm. Cláudia Stadtlober. A mesa contará com a mediação do Presidente do Fórum Estadual do RS e Latino Americano de Defesa do Consumidor, , Alcebíades Santini.

No período da tarde ocorrerão três palestras e a apresentação do GAF-FOCO/RS pela fiscal do Crefono7 Marlei Braud Cantergi. A partir das 14h acontece a palestra com João Alberto Vieira, presidente da Junta Comercial do RS que abordará “Parcerias e convênios da Junta Comercial com os conselhos profissionais”. Às 15h será a vez da palestra “Relação conselheiros e fiscais”, com o Adm. Nei Sena. E às 16h45 acontecerá a última palestra do evento “A responsabilidade civil dos conselhos profissionais em defesa da sociedade - importância da ação fiscalizatória” com o procurador da Justiça Paulo Valério Dal Pai Moraes.

Como nos anos anteriores, o evento será voltado aos agentes fiscais dos conselhos das profissões regulamentadas, presidentes, conselheiros, vereadores e deputados estaduais.



III Seminário de Fiscalização Profissional será feito em maio
25/04/2013
Fonte: CREF2/RS

De hoje (25/04) até o dia 14 de maio estão abertas as inscrições para o III Seminário de Fiscalização Profissional, que será realizado na Assembleia Legislativa do RS, no dia 17 de maio. O evento tratará dos temas relacionados à fiscalização realizadas pelas diversas instituições, na busca de integração e otimização de processos, com a definição e atribuição de responsabilidades na rede de documentos, licenças a alvarás necessários para o funcionamento dos diversos estabelecimentos regulados.

O III Seminário contará com palestrantes e convidados na discussão de temas que estão gerando atenção na sociedade, principalmente após a tragédia ocorrida após Santa Maria.

O público será composto principalmente por agentes fiscais dos conselhos das profissões regulamentadas, diretores e conselheiros, vereadores e deputados estaduais, além de autoridades em geral.



Presidente do CREF2/RS defende a prevenção de doenças ao celebrar o Dia Mundial da Saúde
04/04/2013
Fonte: Assessoria de imprensa AL/RS

O período da Tribuna Popular desta quinta-feira (4) foi ocupado pelo presidente do Conselho Regional de Educação Física da 2ª Região (Cref/RS), Eduardo Merino, que representou os conselhos das profissões de saúde regulamentadas. Ele falou sobre o Dia Mundial da Saúde, celebrado em 7 de abril desde 1948, quando foi criada a Organização Mundial da Saúde. Realizada no início da sessão plenária da primeira quinta-feira de cada mês, a Tribuna Popular permite a representantes de entidades da sociedade civil a realização de pronunciamentos na tribuna do Legislativo, pelo tempo de 10 minutos.

Merino informou que, este ano, o tema central do Dia Mundial da Saúde é a hipertensão arterial e o objetivo é reduzir o número de infartos do miocárdio e acidentes vasculares cerebrais (AVCs). Segundo ele, um em cada três adultos sofre de hipertensão, uma em cada três pessoas que sofre da doença desconhece que é hipertenso, e só um em cada três hipertensos trata a doença.

O presidente do Cref/RS também falou dos hábitos da atual sociedade que contribuem para que as pessoas adoeçam, como a ansiedade e o estresse, a má alimentação e o sedentarismo. “Podemos dizer que há um desacordo entre as ações que buscam a saúde e os resultados, demonstrados principalmente pelos dados epidemiológicos. É um modelo de saúde que trata a doença e que não privilegia a prevenção, que é muito mais barata e conta com o benefício da manutenção da qualidade de vida das pessoas”.

Conselhos profissionais

O orador da Tribuna Popular ainda destacou a importância dos conselhos das profissões da saúde regulamentadas na proteção da sociedade para que as pessoas possam ter o serviço prestado com qualidade e segurança. “Temos o Fórum dos Conselhos do Rio Grande do Sul, que representa 600 mil profissionais, especificamente em torno de 250 mil profissionais da saúde, que cuidam de milhões de vidas”.

Ele ainda citou três desafios a serem enfrentados para promover a saúde e o bem-estar da sociedade: a questão do enfoque multiprofissional e interdisciplinar no tratamento das doenças; a mudança do modelo que privilegia o tratamento da doença e não a prevenção; e a formação dos profissionais de saúde.

Encerrando seu discurso, Merino manifestou apoio ao Projeto de Lei 245 2011, do deputado Carlos Gomes (PRB), que tramita na Assembleia Legislativa. A proposição torna obrigatória a exigência, nos concursos públicos do Estado do Rio Grande do Sul, do registro nos respectivos conselhos profissionais.



Carlos Gomes homenageia Profissionais de Educação Física
05/09/2012
Fonte: Assessoria de Imprensa - Deputado Carlos Gomes

O deputado Carlos Gomes (PRB) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa do RS nesta terça-feira (04/09) para lembrar a passagem do Dia do Profissional de Educação Física, celebrada no último sábado, 1º de setembro. “É o momento em que somos chamados a refletir sobre a importância desses profissionais no bem-estar das pessoas e sobre o papel dos agentes públicos para promover a valorização dos trabalhadores, garantir o exercício responsável da Profissão e assegurar que o esporte e a Educação Física sejam direito de todos”, destacou o republicano.

Na tribuna, Carlos Gomes saudou o trabalho do Presidente do Conselho Regional de Educação Física do Rio Grande do Sul (CREF2/RS), Eduardo Merino, e do Presidente da Associação dos Profissionais de Educação Física, Álvaro Laitano. “São entidades associativas importantes na fiscalização, além de cumprirem relevante papel na luta pela inclusão dos profissionais nas unidades do SUS e na construção de projetos de lei”, reconheceu.

O parlamentar solicitou apoio dos colegas para aprovação do PL 245, apresentado por Carlos Gomes no ano passado, que institui a obrigatoriedade, nos concursos públicos do Estado, do registro do candidato nos respectivos conselhos profissionais. Carlos Gomes também defendeu a aprovação do projeto de lei nº 176, de sua autoria, que pretende garantir a inclusão de vagas para profissional de Educação Física em concursos públicos para a área da saúde realizados pelo Estado.



Cerimônia do Troféu Destaque 2012 é prestigiada por Profissionais e autoridades
31/08/2012
Fonte: CREF2/RS

Os Profissionais de Educação Física e autoridades estiveram presentes no dia 30 de agosto, no Auditório Dante Barone da Assembleia Legislativa para a cerimônia de entrega do Troféu Destaque e das homenagens aos estabelecimentos que completaram mais de 10 anos de registro no CREF2/RS em 2012. O evento congregou e emocionou a todos, sendo encerrado com a apresentação do Guri de Uruguaiana, com suas várias versões do Canto Alegretense.

O presidente do Conselho, Eduardo Merino, reafirmou em seu discurso o papel preponderante da Educação Física na geração de saúde da população. “Quando iniciei minha carreira, éramos vistos como os profissionais do futuro. Este tempo já chegou e a nossa atuação garante que os usuários dos nossos serviços sejam atendidos com segurança e qualidade”. Merino explicou que se hoje existem Profissionais capacitados e qualificados na promoção da saúde, isto se deve a regulamentação e a constante fiscalização da Profissão. Apesar das conquistas, ele lembrou que a luta pela inclusão do Profissional registrado na Educação Física Escolar nos NASFs são objetivos a serem alcançados.

O Prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, prestigiou o evento e afirmou que sua trajetória política foi marcada pelo diálogo com os Profissionais de Educação Física. “Nossa relação com o CREF2/RS vem de longa data, pois sempre ressaltamos o papel social desta categoria e do seu Conselho no acompanhamento do bem estar e da saúde da população”.

O secretário Municipal de Esportes, Recreação e Lazer e Conselheiro do CREF2/RS, Edgar Meurer, explicou que cada vez mais são visíveis os avanços e as conquistas da Educação Física. “Os Profissionais de Educação Fisica, ao longo do tempo, têm aumentado cada vez mais a sua função social em todas as áreas e manifestações da sociedade”.