Notícias




Data Inicial:
(dd/mm/aaaa)  

Data Final:
(dd/mm/aaaa)  
Título:
Palavras na Notícia:



Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional organiza o VIII Fórum dos Coordenadores
20/11/2018
Fonte: CREF2/RS

Os membros da Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional do CREF2/RS reuniram-se na tarde da última sexta-feira, 16 de novembro. O encontro ocorreu por meio de teleconferência, realizada a partir da sede do Conselho devido à atividade docente de parte dos seus membros. O principal assunto da pauta foi a organização do VIII Fórum dos Coordenadores, que ocorrerá no dia 13 de abril de 2019, das 9h às 18h, no município de Torres. O evento acontece concomitantemente ao 45º ENAPEF. Participaram da reunião de planejamento a presidente da Comissão Débora Rios Garcia (CREF 002202-G/RS), os membros da comissão Eduardo Merino (CREF 004493-G/RS) e Leomar Tesche (CREF 000129-G/RS), além da secretária da Comissão, Any Mery Lunardi (CREF 001765-G/RS).

O VIII Fórum terá dois eixos principais que serão objeto de análise dos participantes. Para fomentar a discussão, estão previstas a realização de duas palestras sobre os temas propostos. O primeiro tópico examinará as especialidades profissionais em Educação Física, cursos que o CONFEF já normatizou em sua resolução nº 255/2013, definindo-os como instrumentos relevantes para o aprofundamento dos conhecimentos e das técnicas próprios das várias intervenções profissionais que a Educação Física demanda. Além disto, o Conselho publicou até o presente momento 16 resoluções com especificações para cada curso de pós-graduação requerido. A segunda palestra abordará o futuro da formação profissional no Brasil frente as mudanças aplicadas pelo governo federal na Lei de Diretrizes e Bases (LDB). O debate visa ponderar, analisar e propor soluções aos possíveis impactos destas alterações no desenvolvimento da Educação Física, tanto no campo teórico como na prática profissional no país.

Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional



CREF2/RS revela vencedores do Troféu Destaque 2018
03/09/2018
Fonte: CREF2/RS

Comemorando o Dia do Profissional de Educação Física, o CREF2/RS realizou no sábado, dia 1º de setembro, a cerimônia de entrega do Troféu Destaque 2018. O prêmio, que chegou ao seu sétimo ano consecutivo, homenageou as pessoas e as empresas que mais de destacaram ao longo do último ano, em 17 categorias diferentes. Os estabelecimentos que completaram dez anos de registro também receberam um certificado como forma de reconhecimento.

A abertura da cerimônia foi feita pela presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), que destacou a importância da data e o reconhecimento da premiação depois de seis edições. “O Dia do Profissional de Educação Física, que comemoramos com o Troféu Destaque, é um momento único no ano, em que podemos estar perto de muitos colegas e de sentir orgulho pelo que fazemos pela profissão e pela sociedade”, avaliou. A forma de escolha dos vencedores, com uma votação aberta no site do CREF2/RS para a definição dos três finalistas de cada categoria, também foi mencionada pela Presidente.

Confira os ganhadores:

Profissional de Academia:
Viviane Rigotti (CREF 000429-G/RS)
Graduada pelo IPA, Viviane possui pós-graduação em Ciências do Esporte pela UFRGS e formação na área de pilates pela STOTT. Participa constantemente de cursos de aprimoramento profissional na área, atuando como instrutora de ginástica localizada, step, bodypump e GAP, além da atividade de personal trainer. Atualmente, trabalha nas academias Bodytech, Fórmula e Ineex, em Porto Alegre.

Profissional da Saúde:
Alexandre Ritter (CREF 002070-G/RS)
Graduado pela UFRGS, Alexandre possui mestrado e doutorado em Ciências do Movimento Humano pela mesma Universidade. É professor da Diretoria de Esporte, Recreação e Lazer da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Esporte de Porto Alegre. Atua principalmente nas áreas de postura corporal humana, em especial de crianças e adolescentes, e de exercício físico na promoção da saúde na terceira idade.

Profissional de Atividade Física na Empresa e Ginástica Laboral:
Cleber Picco (CREF 009417-G/RS)
Licenciado e bacharel em Educação Física pela Unijuí, Cleber possui também Tecnólogo em Gestão de Recursos Humanos. Como analista de lazer no SESI, coordenou o Programa de Ginástica na Empresa. É sócio-fundador e atualmente coordenador da Academia Fitness Center, em Horizontina, onde implementou o Programa de Ginástica Laboral e Consultoria para Empresas, que atende diversas organizações da região.

Profissional de Esporte Radical e de Aventura:
Felipe Raupp (CREF 001673-G/RS)
Fundador da Associação dos Surfistas de Torres, instituição por ele presidida, Felipe é responsável por diversas conquistas do esporte na cidade. Proprietário da Escola de Surf Felipe Raupp desde 1984, também em Torres, é arbitro e técnico da Federação Gaúcha de Surf e possui curso de técnico pela International Surfing Association. Tem experiência como free surfer nos Estados Unidos, Austrália, Peru, El Salvador e Nicarágua.

Profissional de Paradesporto e Atividade Adaptada:
Giuliano Liotto (CREF 019483-G/RS)
Especialista em Fisiologia do Exercício pela UGF, Giuliano é mestre em Ciências do Movimento Humano pela UFRGS e Professor da URI – Erechim. Presidente da Associação Erechim de Judô, é também Membro da Special Needs Judo Union, entidade que rege o Judô Para Todos, além de técnico da Seleção Brasileira da modalidade. Desenvolveu o Projeto Judô Para Todos Erechim, que atende diversas crianças com deficiência no Judô escolar.

Profissional de Corrida de Rua:
Eduardo Remião (CREF 001855-G/RS)
Graduado em Educação Física pelo IPA e especialista em Fisiologia do Exercício e em Ciências do Esporte pela UFRGS, Eduardo é ex-atleta de atletismo e de triatlo, com títulos nacionais e internacionais. É personal trainer e técnico de corrida há mais de 25 anos. É ainda coordenador da Remião Treinamento Físico e um dos fundadores da Federação Gaúcha de Triathlon e da Associação de Assessorias Esportivas do Rio Grande do Sul.

Profissional com Atuação em Projetos Sociais:
Vinícius Flores (CREF 017362-G/RS)
Vinícius atua desde 2010 com a modalidade de tênis, e é idealizador do projeto social “Tênis na Comunidade”, de 2013. Através do projeto, que adapta quadras públicas de futsal para o tênis, treina alunos que figuram entre as melhores colocações no ranking estadual de Tênis. Também é servidor da Secretaria do Esporte e Lazer de Caxias do Sul, onde trabalha com a iniciação e formação da modalidade com cerca de 500 alunos do município.

Profissional de Recreação:
Silvana Maziero (CREF 009847-G/RS)
Graduada em Educação Física e especialista em Ensino Especial pela Universidade de Caxias do Sul, Silvana foi professora de ginástica aeróbica e atuou nas Escolas de Educação Infantil Karamelada, Vovó Lu e na Crecha Tia Fran. Atualmente coordena o Serviço de Recreação Terapêutica Hospitalar e Projetos Sociais do Hospital Geral de Caxias do Sul, desempenhando também a função de professora de natação para pacientes da ala infantojuvenil e de instrutora de Ginástica Laboral para os funcionários do Hospital.

Profissional de Escola:
Luiz Rossetto (CREF 005469-G/RS)
Graduado em Educação Física pela Universidade de Passo Fundo e pós-graduado em Ciência do Esporte pela mesma instituição, Luiz Valério trabalha há mais de 20 anos na antiga Escola Agrotécnica de Sertão, hoje IFRS Campus Sertão. Atualmente, treina equipes de voleibol e handebol masculinas e femininas, com participação em diversas competições estaduais. Também promove torneios de integração entre municípios próximos a Sertão.

Profissional de Lutas:
Alexandre Velly Nunes (CREF 001933-G/RS)
Doutor em Pedagogia do Movimento Humano pela Universidade de São Paulo, Alexandre é treinador de judô graduado pela Deutsch Judo Bund, da Alemanha. Foi professor da Academia Brasileira de Treinadores do Instituto Olímpico Brasileiro do COB e integrante da Comissão de Combate ao Doping da Confederação Panamericana de Judô. Atuou na organização dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro e atualmente é professor adjunto da UFRGS.

Profissional Técnico Desportivo:
Dênio Peixoto (CREF 004135-G/RS)
Dênio é coordenador técnico do Departamento de Voleibol do Grêmio Náutico União desde 2005 e há nove anos atua como técnico das seleções gaúchas femininas da modalidade. Com experiência em categorias de base, profissional e voleibol escolar, possui experiência na organização de eventos esportivos e é, desde 2015, também técnico das equipes de voleibol do Colégio Batista.

Mérito da Educação Física:
Benno Becker Júnior (CREF 01644-G/RS)
Graduado em Educação Física pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e em Psicologia pela PUC-RS, Benno é doutor em psicologia pela Universidade de Barcelona. Atualmente é professor convidado em diferentes universidades do país e do exterior, sendo ainda colaborador em periódicos na área da psicologia do esporte. É também vice-presidente da Federación Sudamericana de Deporte para la Paz.

Profissional do Ano:
Álvaro Laitano da Silva (CREF 000006-G/RS)
Especialista em Educação Psicomotora pela UFRGS, foi professor da rede pública de ensino estadual. Atualmente é professor da Faculdade de Educação Física da Ulbra nos Campus Gravataí e Guaíba, atuando principalmente nos temas educação física, natação, aprendizagem, futebol e história. Dedicou-se à defesa da profissão e dos profissionais junto ao Sindicato, Conselho e Associação dos Profissionais de Educação Física.

Pessoa Jurídica – Academia:
Mapi Academia – Canoas (CREF 001682-PJ/RS)
Com quase duas décadas de reconhecimento junto à comunidade de Canoas, a Mapi Academia conta com uma estrutura moderna, equipamentos de alta performance e uma grande diversidade de modalidades oferecidas aos seus frequentadores, como musculação, treinamento funcional, zumba, kangoo jump, yoga, muay thai, jiu-jitsu e ballet fitness. Possui ainda aulas específicas para crianças e para a terceira idade.

Pessoa Jurídica – Clube ou Sociedade:
Grêmio Sargento Expedicionário Geraldo Santana (CREF 000372-PJ/RS)
Um dos maiores clubes do Rio Grande do Sul, referência entre as entidades do mesmo porte, o Grêmio Sargento Expedicionário Geraldo Santana foi criado em 1948, a partir da união de duas entidades. Com um importante quadro associativo, atende, além de militares das três forças, associados civis. Na área de esportes, atua com atividades de ginásio e de piscina, em modalidades como futsal, vôlei, judô, natação e hidroginástica.

Personalidade do Ano:
Luiz Celso Giacomini (CREF 001449-G/RS)
Mestre em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal de Santa Maria, Luiz é professor do curso de graduação de Educação Física da UFSM. Técnico de handebol com diversos títulos brasileiros e sul-americanos, atuou também à frente da Seleção Brasileira desta modalidade. Foi presidente da Federação Gaúcha de Handebol, presidente da Fundergs e membro da Associação Mundial Antidopagem. Atualmente é Secretário Nacional de Esporte de Alto Rendimento do Ministério do Esporte.

Veículo de Comunicação:
Radar Esportivo – Rádio Universidade AM – Santa Maria
No ar desde 1981 na Rádio Universidade AM, da Universidade Federal de Santa Maria, o Programa Radar Esportivo é dedicado exclusivamente ao esporte, sendo reconhecido por abrir espaço para todas as modalidades individuais e coletivas e eventos esportivos locais, regionais, estaduais, nacionais e internacionais. Produz entrevistas, reportagens, comentários, notícias, curiosidades, quadros e um toque especial dos sons do esporte.

Troféu Destaque



Dia Internacional do Jogo Limpo é comemorado em abril
08/02/2018
Fonte: CREF2/RS

A Secretaria Nacional da Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem - ABCD- está convocando todas as organizações nacionais e regionais de antidopagem a participarem, no dia 10 de abril, do "Play True Day", que corresponde ao nosso "Dia Internacional do Jogo Limpo". Esta data se destina a familiarizar os atletas, o público esportivo e a comunidade em relação à luta global contra a dopagem e os seus riscos à saúde. Neste dia, atletas e outras personalidades ao redor do mundo publicarão nas mídias sociais o porquê jogar limpo usando a hashtag #PlayTrueDay.

A inspiração para o “Play True Day” decorre de uma conferência de educação sul-americana realizada em 2013, que contou com a presença de 13 países da América do Sul. Embora tenha iniciado nesta região, o movimento se alastrou por numerosos países ao redor do mundo. Mais detalhes podem ser obtidos no site www.playtrueday.com

Dia Internacional do Jogo Limpo



Interiorizasul atende em Vacaria no final deste mês
12/06/2017
Fonte: CREF2/RS

Com o intuito de estar mais próximo dos profissionais do interior, o CREF2/RS executa o projeto Interiorizasul, em que realiza visitas da atendimento em cidades fora de Porto Alegre. Nos dias 26 e 27 de junho, o Conselho estará em Vacaria, oferecendo os serviços de atualização cadastral, entrega de Cédula, coleta de digital e parcelamento de anuidades, entre outros mais, àqueles que moram neste município e na região nordeste do Estado. Neste local, o CREF2/RS também estará recebendo a documentação necessária para novos registros.

O agendamento de cada um dos serviços pode ser feito até dois dias antes de cada visita, acessando este link. Além de ser uma forma de aproveitar melhor o tempo dos profissionais que procuram o Interiorizasul, esta pré-etapa otimiza o trabalho do Conselho e informa previamente os documentos que são imprescindíveis para estes procedimentos. Diretamente no local, o atendimento não agendado será feito por ordem de chegada.

Interiorizasul Vacaria
Data: 26 e 27 de junho, das 14h30min às 18h e das 9h às 12h, respectivamente
Local: Universidade de Caxias do Sul – Campus de Vacaria – Bloco B – 2013
Endereço: Avenida Dom Frei Cândido Maria Bampi, 2800

Interiorizasul



6º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar reúne profissionais e estudantes em Capão da Canoa
22/05/2017
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Educação Física Escolar do CREF2/RS realizou, no último sábado, dia 20 de maio, o 6º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar, em Capão da Canoa. O evento, que integrou a programação do 43º ENPAEF, teve a entrada gratuita e reuniu profissionais e acadêmicos para debater o futuro da área. Neste ano, o Fórum contou com as palestras de Vitor Powaczruk (CREF 023027-G/RS), intitulada “A Educação Física dentro da nova BNCC: Reflexões sobre a Obrigação e a Opcionalidade”; e de Maria Teresa Cauduro, com o nome “A Educação Física Escolar e um Passeio pelas Linguagens do Corpo”. Powaczruk é assessor pedagógico da Secretaria Estadual de Educação e Maria Teresa pesquisadora do Grupo de Estudos Qualitativos de Formação de Professores e Prática Pedagógica em Educação Física e Ciências do Esporte (CNPq/UFRGS) e do Observatório de Educação (Unisinos).

A mesa de abertura do evento foi composta pela presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e pela presidente da Comissão de Educação Física Escolar Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS). Para a plateia, formada em grande parte por professores da rede pública e privada de ensino, Carmen falou sobre as funções do Conselho, para além do trabalho de fiscalização e de orientação. “A nossa atuação tem o intuito também de manter a Educação Física forte e viva no ambiente político. O Sistema CONFEF/CREFs já participou da elaboração de diversos projetos na Câmara Federal, em parceria com os deputados, para garantir a presença e o reconhecimento dos nossos profissionais em nível nacional”, revelou.

Miryam, por outro lado, aproveitou o momento para destacar o crescimento do Fórum, que chegou à sua sexta edição consecutiva, e da aproximação com a Associação dos Profissionais de Educação Física do Rio Grande do Sul (APEF/RS) ao longo desta trajetória. “O nosso trabalho, feito em parceria desde o primeiro ano, tem sido exaustivo para garantir a presença do profissional de Educação Física em todas as séries escolares. O PLC 116/2013, embora esteja engavetado na Assembleia Nacional, teve uma iniciativa parecida aqui no nosso Estado, já transformada no PL 087/2016. Este novo projeto de lei, que continua tramitando, pode ser considerado uma das grandes conquistas deste Fórum”, mencionou.

Palestras

Graduada em Educação Física pela UFRGS e em Direito pela Feevale, com doutorado pela Universitat de Barcelona em Ciências da Educação, Maria Teresa foi a primeira palestrante do Fórum. Depois de falar um pouco sobre a sua trajetória profissional e relatar algumas das suas experiências dando aula e conhecendo a realidade do ensino no Brasil, a pesquisadora apresentou didaticamente a legislação da Educação Física e um pequeno panorama do que ocorre nas escolas. A conclusão, de acordo com Maria Teresa, indica que ainda há um longo caminho para que a Educação Física seja colocada no seu devido lugar. “Ainda precisamos compreender todas as leis da nossa profissão, pois só assim poderemos posicionar a Educação Física, as suas linguagens e as suas interfaces como importantes para as pessoas”, explicou.

No âmbito das escolas, Maria Teresa também destacou a necessidade que os professores têm de trabalhar com diferentes tipos de alunos, mas sem nenhuma segregação. “As crianças, muitas vezes, vêm de lugares distintos, possuem crenças e aspectos culturais que não são compatíveis entre si. O profissional de Educação Física tem a obrigação de lidar com isto e o caminho mais adequado é trabalhar todas as possibilidades corporais, não apenas os jogos com bola”, sentenciou. A decisão do conteúdo programático, por conta disto, acaba sendo a tarefa mais difícil. “Os professores precisam vivenciar a realidade do aluno para definir como serão as aulas. Além disto, eles necessitam trabalhar com o corpo e com os gestos de cada um, aliando teoria e prática e ainda criando uma interface com as outras disciplinas, como geografia, física e matemática. Só assim o conhecimento será capaz de crescer e de abrir possibilidades para os alunos”.

Powaczruk conduziu a segunda palestra do Fórum e trouxe para o centro da discussão os diversos contextos da Educação Física Escolar, que afetam diretamente o dia a dia dos professores. “Na Secretaria Estadual de Educação, temos o dado de que quase metade dos alunos não participa das aulas de Educação Física. Cabe ao profissional de escola, por conta disto, mudar esta realidade e mostrar para a comunidade em geral que a transformação proporcionada pela disciplina é duradoura e essencial para as crianças e para os adolescentes”, comentou.

Powaczruk é um dos especialistas responsáveis pela elaboração da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) ao junto ao MEC. O projeto, que começou a ser discutido em 2013 e deverá ser adotado por todas as escolas públicas e privadas do Brasil em um futuro bastante próximo, também foi abordado na sua apresentação. “A Educação Física ainda não era considerada uma disciplina obrigatória em 1996, mas em 2001 passou a ser um componente curricular imprescindível na formação de todos os alunos. As alterações da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), ao longo do tempo, trouxeram alguns dos benefícios que tentarão ser ampliados agora com a adoção da BNCC”, declarou o palestrante.

A parte final do Fórum foi dedicada às perguntas da plateia. Os palestrantes puderam complementar os assuntos abordados nas suas apresentações e ainda tratar de outros temas extremamente conflituosos e atuais. Para Maria Teresa, os profissionais de escola precisam ter um diálogo permanente com as crianças, para entender o contexto em que vivem, e sempre comunicar a direção da escola quando algum abuso for detectado. “O conhecimento da realidade do aluno é muito importante nestes casos. Nas famílias em que os pais estão desempregados, ou que têm problemas com bebida, os casos de violência podem ocorrer até com uma certa frequência”, explicou. “Os profissionais de Educação Física, por causa da proximidade que acabam tendo com os alunos, podem identificar um comportamento não-verbal de agressão, de depressão ou até mesmo de socorro. Eles devem estar sempre atentos e as escolas não podem ser omissas diante destes casos”, finalizou.

Educação Física Escolar



Técnico da Seleção Brasileira de basquete em cadeira de rodas faz palestra em Caxias do Sul na próxima segunda-feira
19/10/2016
Fonte: CREF2/RS

Tiago Frank (CRF 015592-G/RS), técnico da Seleção Brasileira de basquete em cadeiras de rodas, vai ministrar uma palestra, na próxima segunda-feira, dia 24 de outubro, em Caxias do Sul. O evento, aberto para profissionais de Educação Física e também para comunidade em geral, vai ter como assuntos principais os desafios e as experiências proporcionadas pelos Jogos Paralímpicos Rio 2016 ao treinador.

A palestra será realizada às 19h30min, com a doação de 1kg de alimento não perecível como ingresso. Frank, além de técnico do time brasileiro, foi o comandante da seleção sub-21 de basquete em cadeira de rodas campeã do Parapan-Americano de 2013, na Argentina. Com quase dez anos de vivência na área, foi também o vencedor do Troféu Destaque 2015, na categoria Profissional de Paradesporto e Atividade Adaptada.

Palestra “Desafios e experiências como técnico da Seleção nas Paralimpíadas Rio 2016”, com Tiago Frank
Data: Segunda-feira, dia 24 de outubro
Horário: 19h30min
Ingresso: 1kg de alimento não perecível
Local: Espaço Pro Sports
Endereço: Rua Garibaldi, 485 – Centro, em Caxias do Sul
Inscrições e informações: http://prosportscaxias.com.br/jn
Telefone para contato: (54) 3536-0220

Palestra Caxias do Sul paradesporto



CREF2/RS pleiteia vaga para profissionais de Educação Física no Conselho Estadual de Saúde
24/08/2016
Fonte: ALRS

Na manhã de hoje, dia 24 de agosto, a presidente do CREF2/RS Carmem Masson (CREF 001910-G/RS) compareceu à reunião ordinária da Comissão de Saúde e Meio Ambiente, da Assembleia Legislativa. A visita teve como objetivo pleitear uma cadeira no Conselho Estadual de Saúde para os profissionais de Educação Física, conforme preconiza a portaria 256/2013, do Ministério da Saúde.

“Há tempos buscamos garantir a participação da Educação Física no Conselho Estadual, pois somos profissionais que atuam na área da saúde, com ênfase na prevenção e no combate ao sedentarismo, que atinge cerca de 70% da população urbana no Brasil, conforme dados do IBGE”, justificou. A Presidente argumentou ainda que a atuação dos profissionais da Educação Física têm sido decisiva na prevenção de doenças crônicas não transmissíveis e na promoção da saúde do trabalhador.

Também presente no encontro, o vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) solicitou ainda o apoio dos deputados para a atualização do Código Sanitário do Rio Grande do Sul, que já tem 44 anos de existência. Segundo ele, a alteração da lei é necessária para adequá-la às mudanças sociais, econômicas e tecnológicas que ocorrem no campo da saúde, responsáveis pela adoção de novos conceitos, definições e processos de trabalho.

A reunião foi comandada pelo vice-presidente da Comissão de Saúde Tarcísio Zimmermann (PT). O deputado afirmou que considera os dois pleitos feitos pelo CREF2/RS, em nome dos profissionais de Educação Física, legítimos. A Assembleia se comprometeu em dar andamento a estas questões e Zimmermann ressaltou, no entanto, que a mudança do Código Sanitário requer a vontade política do Poder Executivo.

Foto: Vinicius Reis/ALRS

Conselho Estadual de Saúde Saúde



CREF2/RS discute projetos com deputado federal João Derly
20/06/2016
Fonte: CREF2/RS

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), visitou na última sexta-feira (17) o deputado federal e ex-campeão mundial de judô João Derly em seu escritório de Porto Alegre. Durante a reunião, Carmen explicou ao parlamentar que o Conselho está se aproximando dos legisladores gaúchos no intuito de amplificar as lutas dos 30 mil registrados no estado, aos quais se somam cerca de 400 mil profissionais de Educação Física brasileiros.

Derly disse fazer parte da Frente Parlamentar da Educação Física na Câmara Federal. "Neste momento, estamos discutindo o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), e sempre que tenho oportunidade de falar com o pessoal da Educação Física reafirmo a importância de unirmos forças e aumentarmos nossa representatividade. Na verdade, temos pouca união, pois verificamos poucos professores e ex-atletas valorizados em secretarias, o que culmina na falta da obrigatoriedade do profissional de Educação Física nas séries iniciais", avaliou Derly.

Carmen demonstrou preocupação ao deputado quanto o andamento do PLS 552/2013, que amplia as possibilidades de atuação como técnicos esportivos a atletas ou ex-atletas da modalidade em que pretendam atuar, desde que comprovem no mínimo cinco anos de atividade, e revoga a Lei nº 8.650, de 20 de abril de 1993, que trata apenas do exercício da profissão de treinador de futebol. Derly afirmou que já havia discutido esta questão com o presidente do CONFEF. “O treinador de rendimento pode ser aberto e os próprios CREFs poderiam intermediar e gerirem esta relação. Na questão da formação, quando se trabalha inclusive com crianças, é imperativo o registro", declarou o deputado.

Também foi debatida a proposta de extinção do bacharelado feita pelo Conselho Nacional de Educação (CNE). Carmen explicitou que com a criação do bacharelado houve a integração com as áreas de saúde, o que proporcionou a abertura de vagas de trabalho nos NASFs, hospitais e clínicas. “Se fores a qualquer faculdade de Educação Física, verás que o aluno do bacharelado está satisfeito com o curso escolhido, portanto, este projeto é unilateral e antidemocrático”.

Ao final da reunião, João Derly sugeriu a realização de uma Audiência Pública conjunta com a Frente Parlamentar do Esporte, para discutir leis de interesse dos profissionais de Educação Física, trazendo para o debate professores, profissionais de Educação Física, atletas e ex-atletas.

Legislativo



CREF2/RS visita senador Paim e solicita apoio contra PL 552/2013
27/05/2016
Fonte: CREF2/RS

Nesta quarta-feira (25), a presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CRFEF 001910-G/RS) visitou o senador Paulo Paim em seu escritório de Canoas. Na ocasião, Carmen solicitou apoio ao senador para barrar o Projeto de Lei do Senado nº 522/2013, do senador Alfredo Nascimento (PR-AM) e com emenda do senador Romário (PSB-RJ), que ampliam as possibilidades de atuação como técnicos esportivos a atletas ou ex-atletas da modalidade em que pretendam atuar, desde que comprovem no mínimo cinco anos de atividade, e revoga a Lei nº 8.650, de 20 de abril de 1993, que trata apenas do exercício da profissão de treinador de futebol.

"Nós estávamos articulando para que estes técnicos ex-atletas atuassem como estrategistas do futebol”, disse Carmen. “Mas o senador Romário quer permitir que atletas em qualquer modalidade possam atuar como técnicos. Isso inclui as categorias de base e crianças, podendo causar muito mais danos à saúde do que benefícios”. Segundo Paim, a emenda do senador Romário tem que ser avaliada com mais critério, e que articulará o pedido do CREF2/RS no Senado. “Eu me orgulho de fazer parte da história da regulamentação da profissão de Educação Física no Brasil, um movimento que acompanho desde a década de 90”, afirmou.

“Do mesmo modo, o sistema CONFEF/CREFs acredita ser inadequada a minuta do projeto de resolução que tramita no CNE, que prevê a extinção do Curso de Bacharelado em Educação Física”, alertou Carmen, explicando que a Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional do CREF2/RS, com o apoio de diversas Instituições de Ensino Superior do Estado, manifestaram-se contra a proposta por ser unilateral e sem ampla discussão. “Pensar que a Educação Física tenha apenas uma formação com foco na Educação Básica que contemple a atuação em todos os campos profissionais é atestar que a superficialidade seja o caminho da formação”, complementou.

Por fim, Carmen convidou o senador para o maior evento da Educação Física no Brasil, realizado no mês de janeiro, em Foz do Iguaçu, onde comparecerão mais de três mil profissionais de Educação Física, no qual será prestada uma homenagem ao parlamentar pela sua contribuição à profissão de Educação Física.

PL 552 2013



Base Nacional Curricular é tema do 5º Fórum de Educação Física Escolar
02/05/2016
Fonte: CREF2/RS

Na tarde da última sexta, dia 29 de abril, a Comissão de Educação Física Escolar do CREF2/RS realizou a 5ª edição do Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar. O evento, que integrou a programação do 42º Encontro Nacional dos Profissionais de Educação Física (ENAPEF), reuniu cerca de 100 pessoas na Casa de Cultura Erico Verissimo, em Capão da Canoa, para assistir à palestra da conselheira federal Iguatemy de Lucena Martins (CREF 000001-G/PB). O tema principal foi a Base Nacional Comum Curricular (BNCC).

Doutora em Ciências do Desporto pela Universidade do Porto (Portugal) e docente da Universidade Federal da Paraíba por mais de 30 anos, Iguatemy é a representante do CONFEF no Ministério da Educação para a avaliação dos cursos de graduação. Com larga experiência sobre o assunto, ela apresentou os conceitos da BNCC e os seus pilares de sustentação. “O programa orienta a formulação do projeto político-pedagógico das escolas e sinaliza os percursos de aprendizagem e desenvolvimento dos estudantes ao longo da Educação Básica”, explicou. A importância da discussão foi comprovada pelos números apresentados por Iguatemy durante a palestra: no Brasil há mais de 190 mil escolas de Educação Básica e mais de dois milhões de professores atuando nestes locais.

Com a proposta de orientar a formação dos professores e reorganizar os materiais didáticos, a BNCC pretende, em longo prazo, diminuir as desigualdades educacionais entre todos os Estados do Brasil. “Ao definir o que é essencial ao ensino, as expectativas de aprendizagem e os critérios de qualidade ganham transparência e podem dar objetividade à avaliação dos resultados educacionais”, salientou Iguatemy. “A Base Nacional Curricular tem o desafio de unir diferentes culturas educacionais em um modelo único”, complementou.

Além da apresentação destes conceitos, o Fórum também trouxe para debate o espaço ocupado pela Educação Física na BNCC. Estruturada dentro da área das linguagens, a disciplina tem o objetivo de compreender a amplitude da cultura corporal do movimento. “O problema desta definição é que se enquadram muitas coisas. A caracterização da nossa área não está errada, mas está complexa demais. Acredito que falte um pouco de clareza para universalizar a qualidade na Educação Física Escolar”, avaliou a conselheira. No final da palestra, Iguatemy também falou sobre os esforços do CONFEF para recolocar em tramitação, no Congresso Nacional, o projeto de lei 116/2013, que busca garantir, em todas as etapas da Educação Básica, a Educação Física ministrada exclusivamente por licenciados na área.

Antes da palestra, o Fórum teve as falas de Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e do deputado estadual Tiago Simon. A Presidente do Conselho reiterou a importância do evento aos longos dos anos, por elaborar e distribuir a Carta Gaúcha de Educação Física Escolar e por colocar em evidência, sobretudo aos olhos das autoridades públicas, a importância da Educação Física Escolar. “Por causa da Comissão de Educação Física Escolar do CREF2/RS, temos no Rio Grande do Sul um projeto de lei, de autoria do deputado Tiago Simon, para tornar obrigatória as demandas do PLC 116/2013 no nosso Estado. Isto mostra o quanto estamos trabalhando, nos coloca à frente e evidencia a luta de todos os nossos profissionais”, destacou.

A Comissão de Educação Física Escolar é formada pelos profissionais Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), Márcia da Cruz (CREF 007542-G/RS), Leila Iabel (CREF 000113-G/RS) e João Guilherme Queiroga (CREF 000839-G/RS).

Educação Física Escolar ENAPEF



CREF2/RS realiza 5º Fórum de Educação Física Escolar nesta sexta em Capão da Canoa
27/04/2016
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Técnica de Educação Física Escolar do CREF2/RS vai realizar, na sexta-feira, dia 29 de abril, a quinta edição do Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar. O evento, que terá a palestra da conselheira federal Iguatemy de Lucena Martins (CREF 000001-G/PB), vai abordar a Base Nacional Comum Curricular e o andamento do PLC 116/2013, que pretende tornar obrigatória a presença do profissional de Educação Física na Educação Básica. A atividade iniciará às 14h, na Casa de Cultura Erico Verissimo. A entrada será gratuita e as inscriçõespodem ser feitas no local.

Iguatemy, que faz parte da Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional do Conselho Federal de Educação Física (CONFEF), explicou que a sua palestra estará focada na estruturação e organização do componente curricular Educação Física. Quanto ao PLC 116/2013, ela disse entender que o país não pode mais adiar a lei. “Neste sentido, é necessário o empenho de todos para garantir que as crianças e os jovens tenham os seus direitos educacionais garantidos e possam vivenciar atividades físicas e formativas ministradas por profissionais qualificados, com formação específica na área”, afirmou.

5º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar
Data: 29 de abril, sexta-feira, às 14h
Local: Casa de Cultura Erico Verissimo, em Capão da Canoa (RS)
Endereço: Avenida Flávio Boianowski, 789 – Zona Nova
Inscrições: gratuitas no local

Educação Física Escolar



5º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar é nesta sexta-feira
25/04/2016
Fonte: CREF2/RS

O 5º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar, promovido pela Câmara Técnica de Educação Física Escolar do CREF2/RS, será realizado nesta sexta-feira, dia 29 de abril, em Capão da Canoa. O evento, que contará com a palestra da conselheira federal Iguatemy de Lucena Martins (CREF 000001-G/PB), vai abordar a Base Nacional Comum Curricular e o andamento do PLC 116/2013, que pretende tornar obrigatória a presença do profissional de Educação Física na Educação Básica. A entrada será gratuita e as inscrições podem ser feitas de maneira antecipada pela Internet, clicando aqui.

Iguatemy, que faz parte da Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional do CONFEF, explicou que a sua palestra estará focada na estruturação e organização do componente curricular Educação Física. Quanto ao PLC116/2013, ela disse entender que o país não pode mais adiar a lei. “Nesse sentido, é necessário o empenho de todos para garantir que as crianças e os jovens tenham os seus direitos educacionais garantidos e possam vivenciar atividades físicas e formativas ministradas por profissionais qualificados, com formação específica na área”, afirmou.

O 5º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar integra a programação do 42º Encontro Nacional dos Profissionais de Educação Física (ENAPEF). Participe!

5º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar
Data: 29 de abril, sexta-feira, às 14h
Local: Casa de Cultura Erico Verissimo, em Capão da Canoa (RS)
Endereço: Avenida Flávio Boianowski, 789 – Zona Nova
Inscrições: gratuitas no local ou por aqui

Educação Física Escolar ENAPEF



CREF2/RS encontra senador Lasier Martins para barrar PLS 552/2013
18/04/2016
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta segunda-feira, dia 18 de abril, a presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CRFEF 001910-G/RS) e o vice-presidente Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS) estiveram reunidos com o senador Lasier Martins, no seu gabinete em Porto Alegre. O encontro foi marcado para discutir o Projeto de Lei do Senado 552/2013, que quer permitir a atuação de ex-atletas como treinadores profissionais, independente da modalidade esportiva.

Na reunião, a Presidente frisou a longa batalha do Sistema CONFEF/CREFs para moralizar a Educação Física, desde a aprovação da Lei Federal 9.696/98, que regulamenta a profissão. Martins se mostrou sensível às reivindicações do CREF2/RS e concordou que o curso superior em Educação Física é fundamental para todos aqueles que querem atuar com as modalidades esportivas, desde a iniciação ao esporte até o alto rendimento. “Os treinadores têm que conhecer o sistema físico e fisiológico do atleta e dominar um conteúdo técnico-científico bastante amplo para proporcionar uma boa formação aos iniciantes”, ponderou o Senador.

Por concordar que os treinadores precisam ser profissionais de Educação Física, Martins se comprometeu em verificar o andamento do PLS 552/2013 no Senado e propor o cancelamento do Projeto de Lei. “A nossa preocupação é permitir que qualquer ex-atleta possa atuar como técnico. O conhecimento adquirido na faculdade não é opcional, mas obrigatório para moldar a competência destes profissionais”, resumiu Carmen, no final da reunião.

Senadores interpõem recurso

O projeto de Lei do Senado 552/2013 recebeu, na última semana, um recurso de nove senadores e terá que ser apreciado, em breve, pelo Plenário do Senado Federal. Sem a interposição do recurso, a proposta – aprovada em decisão terminativa – seguiria diretamente para a análise na Câmara de Deputados. Se o projeto receber agora alguma emenda durante a votação, deverá retornar à Comissão de Assuntos (CAS), para que sejam feitas as alterações necessárias.

Legislação PLS 552



Conselheira Federal realiza palestra sobre a Base Nacional Comum Curricular no Fórum de Educação Física Escolar
14/04/2016
Fonte: CREF2/RS

O 5º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar, realizado durante o 42º ENAPEF no dia 29 de abril em Capão Canoa, terá como atração a palestra da conselheira Federal Iguatemy de Lucena Martins (CREF 000001-G/PB). Na ocasião, ela abordará a Base Nacional Comum Curricular e o andamento do PLC 116/2013, que pretende tornar obrigatória a presença do profissional de Educação Física na Educação Básica. A conselheira faz parte da Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional do CONFEF, é doutora em Ciências do Esporte pela Universidade do Porto e foi diretora de Avaliação da Educação Superior da SESu/MEC.

Em relação à Base Nacional Comum Curricular, a conselheira explicou que sua palestra estará focada na estruturação e organização do componente curricular Educação Física. “Assim como a compreensão que este documento contém sobre o papel desta disciplina no contexto da formação do estudante”, afirmou.

Quanto ao PLC116/2013, ela disse entender que o país não pode mais adiar a presença efetiva do professor de Educação Física em todos os níveis de escolaridade da Educação Básica. “Nesse sentido, é necessário o empenho de todos para garantir que as crianças e os jovens tenham os seus direitos educacionais garantidos e possam vivenciar atividades físicas e formativas ministradas por profissionais qualificados, com formação específica na área”, afirmou.

A conselheira também destacou a importância da realização do 5º Fórum pelo CREF2/RS, dando oportunidade de discussão dos problemas e dos avanços da Educação Física e das questões de caráter regional e nacional. “Estes diálogos poderão se constituir em indicativos de políticas, programas e ações que ajudem a superar os desafios dessa área no âmbito educacional, na saúde e no esporte, assim como a consolidar as conquistas até então alcançadas”.

5º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar
Organização: Câmara Temática de Educação Física Escolar do CREF2/RS
Data: 29 de abril, sexta-feira, às 14h
Local: Casa de Cultura Erico Verissimo, em Capão da Canoa (RS)
Endereço: Avenida Flávio Boianowski, 789 – Zona Nova
Inscrições gratuitas no local

Câmara Temática de Educação Física Escolar



CONFEF divulga nota de repúdio ao projeto de lei que permite a atuação de ex-atletas como técnicos esportivos
11/04/2016
Fonte: CONFEF

O Conselho Federal de Educação Física – CONFEF, apresenta à sociedade brasileira e à categoria dos Profissionais de Educação Física do Brasil o seu repúdio ao Projeto de Lei do Senado nº 522/2013, de autoria do senador Alfredo Nascimento (PR-AM), que dispõe sobre as relações de trabalho do técnico ou treinador profissional de modalidade desportiva coletiva e revoga a Lei nº 8.650, de 20 de abril de 1993, que trata apenas do exercício da profissão de treinador de futebol. No seu trâmite legislativo, o PLS 522/2013 recebeu emenda do senador Romário (PSB-RJ) que amplia as possibilidades de atuação como técnicos a atletas ou ex-atletas da modalidade em que pretendam atuar, desde que comprovem no mínimo cinco anos de atividade.

O CONFEF reafirma que os mais de 400 mil profissionais de Educação Física habilitados no Brasil atuam em todos os níveis do Esporte, desde a iniciação até o alto rendimento, nas diferentes modalidades esportivas. Para adquirirem as competências técnico-científicas necessárias para intervir nesta dimensão do exercício profissional, esses profissionais são obrigados a cumprir uma jornada acadêmica mínima de 3.200h e quatro anos, conforme normas do Ministério da Educação e da Lei 9696/98.

Para a sociedade, é importante reafirmar que a prática esportiva, qualquer que seja ela, só terá o seu verdadeiro alcance – físico, educativo e social, quando orientada por profissionais egressos de cursos específicos, com uma sólida formação. Assim, não se deve confundir exigência de qualidade com reserva de mercado, no que se aplica a máxima do CONFEF: exercício profissional em Educação Física, a boa formação faz a diferença!

O CONFEF reafirma o apreço de toda a categoria pelos ex-atletas e se empenha para que lhes seja assegurado o reconhecimento e o agradecimento de todos os brasileiros pelos esforços e resultados esportivos alcançados. Contudo, o exercício profissional na área do Esporte pressupõe o aprendizado de teorias, de procedimentos técnicos, de competências específicas e a prática de estágios em ambientes próprios, sob orientação e supervisão, além da responsabilidade profissional ditada por um código de ética.

Em pleno Século XXI, constata-se a urgência do Brasil avançar na garantia de direitos sociais aos ex-atletas, assegurando-lhes uma vida digna ao final do seu percurso esportivo. Igualmente, o Brasil também precisa admitir definitivamente os avanços técnicos e científicos que estão na base das experiências exitosas dos processos de iniciação, desenvolvimento e aprimoramento do Esporte, o que demanda a necessidade de formação superior específica para entender, discernir e aplicar esses conhecimentos. Ao desconsiderar essas premissas, o PLS 522/2013 não só coloca em risco a saúde da sociedade como também compromete o futuro do esporte nacional. São crianças e jovens cujas experiências esportivas estarão sob a orientação de pessoas sem a devida qualificação profissional. Pois só a experiência como atleta não torna o indivíduo apto a desempenhar tais atividades.

O CONFEF entende como inadequado o PLS 522/2013, que demonstra desconhecimento das atribuições desta categoria profissional. O PLS também desconsidera a Carta Internacional da Educação Física, Atividade Física e Esporte da UNESCO, documento de caráter internacional que expressa a necessidade de que as pessoas que assumem responsabilidade profissional pela Educação Física e pelo Esporte devam ter a formação e as qualificações adequadas.

Como fica demonstrado, a democratização de acesso a qualquer atividade socialmente importante, não pode ser garantida sem que se resguarde a qualidade do exercício profissional. Dessa forma, o Conselho Federal de Educação Física compromete-se a lutar para que o PLS 522/2013 não seja aprovado e convoca os profissionais de Educação Física e a sociedade a se manifestarem junto aos autores e relatores do projeto, ponderando sobre a inviabilidade desta iniciativa.

CONFEF



5º Fórum de Mobilização pela Educação Física Escolar é dia 29 de abril em Capão da Canoa
18/03/2016
Fonte: CREF2/RS

O 5º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar será realizado no dia 29 de abril, em Capão Canoa. O evento, que vai integrar a programação do 42º Encontro Nacional dos Profissionais de Educação Física (ENAPEF), é uma iniciativa da Câmara Temática de Educação Física Escolar do CREF2/RS. A atividade, aberta para profissionais e acadêmicos de Educação Física, terá a entrada gratuita.

Com a palestra da conselheira federal Iguatemy de Lucena Martins (CREF 000001-G/PB), o Fórum abordará, nesta nova edição, a Base Nacional Comum Curricular e o andamento do PLC 116/2013, que pretende tornar obrigatória a presença do profissional de Educação Física na Educação Básica.

5º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar
29 de abril, sexta-feira, às 14h
Local: Casa de Cultura Erico Verissimo, em Capão da Canoa (RS)
Endereço: Avenida Flávio Boianowski, 789 – Zona Nova
Inscrições gratuitas no local

Educação Física Escolar



CREF2/RS solicita ao prefeito de Porto Alegre o registro profissional dos professores de Educação Física da rede municipal
27/01/2016
Fonte: CREF2/RS

A presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), esteve nesta terça-feira (26) no gabinete do prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, para entregar ofício que solicita o registro no Conselho Regional de Educação Física de todos os professores de Educação Física da rede Municipal de ensino de Porto Alegre. Carmen estava acompanhada do vice-presidente do CREF2/RS, Lauro Ubirajara Barboza de Aguiar (CREF 002782-G/RS), da conselheira Débora Rios Garcia (CREF 002202-G/RS) e da assessora jurídica Cristiane Costa. Os secretários municipais de Educação, Cleci Maria Jurach, e de Esportes, Recreação e Lazer, José Edgar Meurer (CREF 001953-G/RS), estiveram presentes à reunião.

A presidente do CREF2/RS explicou ao prefeito e aos secretários que o ofício é fundamentado na Lei Federal nº 9.696/98, que regulamenta a Profissão de Educação Física, e na Lei Estadual nº 14.540/2014, recentemente publicada, que determina a exigência de registro para nomeação em concursos públicos no Rio Grande do Sul. “Não gostaríamos entrar em conflito com um parceiro como a prefeitura, por isso viemos solicitar ao prefeito que informe a todos que trabalham na Educação Física escolar e nos parques e praças municipais a necessidade do registro no CREF2/RS”.

De acordo com a assessora jurídica do CREF2/RS, a obrigatoriedade do registro é uma matéria jurídica pacificada, "Houve sentença prolatada pelo Pleno do STF afirmando que não é o diploma, mas sim o respectivo registro que dá a habilitação legal para o exercício do profissional de Educação Física". Cristiane também informou que o Ministério da Educação expediu, em 2013, nota técnica concluindo que os temas relacionados ao exercício profissional são de competência dos Conselhos Profissionais.

Ao final da reunião, Fortunati afirmou que enviará ofício, com o documento do Conselho anexado, a cada um dos profissionais que trabalham com atividade física no município, pedindo para que se regularizem junto ao CREF2/RS.

Registro profissional



Novos Conselheiros tomam posse nesta sexta-feira
23/10/2015
Fonte: CREF2/RS

A cerimônia de posse dos novos Conselheiros do CREF2/RS foi realizada na manhã de hoje (23), no Hotel Holiday Inn, em Porto Alegre. O evento, que contou com um café da manhã para os presentes, marcou a entrada de 14 membros (dez efetivos e quatro suplentes), eleitos em setembro. O mandato, que inicia em 30 de outubro, é para seis anos e se encerra em 2021.

A presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) foi quem fez o discurso de abertura. Ela frisou que o momento representa o fim e o início de uma nova gestão, mas que o trabalho, que rendeu muitos benefícios aos profissionais registrados e à comunidade em geral, será conduzido da mesma forma, com mudanças para melhor. "É com muito orgulho que temos visto o nosso Conselho crescer dia a dia, com parcerias, conquistas em todas as áreas e a atuação incansável de todos vocês", destacou.

Como frisou Carmen, os novos Conselheiros tomaram posse com o objetivo de defender a Educação Física e de valorizar a profissão em todos os segmentos da sociedade. A ideia é que o CREF2/RS, pelos próximos seis anos, se aproxime ainda mais dos profissionais registrados e consiga desenvolver ações em prol da categoria, sempre de forma ética, moral e legal. "Somente com a união e com o trabalho é que a gente vai conseguir que o Conselho conquiste ainda mais espaços, garantindo que todas as pessoas sejam atendidas por profissionais de Educação Física em todos os locais", encerrou.

Em reunião, os novos Conselheiros irão definir também os novos componentes da Diretoria. Confira abaixo quem são eles:

GIOVANNI BAVARESCO (CREF 001512-G/RS): é graduado pelo IPA e possui pós-graduação em Treinamento Desportivo. Já foi conselheiro do CREF2/RS e atualmente é o diretor da CBrasil, empresa que há 22 anos promove cursos de especialização para professores, estudantes e profissionais das áreas de Educação Física, Nutrição e Fisioterapia.

EDUARDO MERINO (CREF 004493-G/RS): é graduado pela UFRGS e doutor em Ciências do Esporte. Atuou por oito anos como coordenador do curso de Educação Física da ULBRA e foi presidente do CREF2/RS entre 2010 e 2014. Atualmente é professor da UFPel e presidente da Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional do Conselho.

CARMEN ROSANE MASSON (CREF 001910-G/RS): é graduada em Educação Física pelo IPA e mestre em Saúde Coletiva pela Unisinos. Foi coordenadora da Secretaria de Esportes de Porto Alegre e da ESEF da Brigada Militar. Atualmente é presidente do CREF2/RS.

ALEXANDRE MOURA GRECO (CREF 004204-G/RS): é graduado pelo IPA e mestre em Reabilitação e Inclusão Social pela mesma instituição e possui MBA em Gestão Estratégicas de Negócios e em Marketing Digital, ambos pela ESPM. Desde 2013, é o coordenador geral das academias do SESC-RS e atua também como professor dos cursos de pós-graduação da Uningá (Santa Maria), HORUS Chapecó, UNISUL (Florianópolis) e da Faculdade da Serra Gaúcha (Caxias do Sul).

ANA MARIA HAAS (CREF 004563-G/RS): é graduada pela Feevale e oficial da Brigada Militar desde 1986. Foi comandante da Escola de Educação Física da Brigada Militar entre 2002 e 2003 e conselheira do CREF2/RS de 2003 a 2005.

SONIA MARIA WAENGERTNER (CREF 007781-G/RS): é graduada pela UFRGS e foi professora da rede estadual de ensino por 25 anos. É representante do CREF2/RS no comitê fundador da Rede OS Porto Alegre e conselheira há seis anos. Na década de 90, foi também diretoria eleita de escola.

ROSA MARIA MARIN PACHECO (CREF 000059-G/RS): é graduada pelo IPA e possui pós-graduação em Medicina e Ciências do Esporte pela PUCRS e em Treinamento Neuromuscular pela UFRGS. Foi presidente da Associação das Academias do Rio Grande do Sul (ACAD/RS) entre 2008 e 2010. É proprietária da academia Espaço Ativo desde 1992.

LEOMAR TESCHE (CREF 000129-G/RS): é graduado pela Feevale e docente do curso de Educação Física da Unijuí há 32 anos. É doutor em Educação pela Unimep (Piracicaba) e pós-doutor pelo Instituto de Ciências dos Esportes da Universidade de Tübingen (Alemanha). Autor de diversos livros sobre a história da Educação Física no Rio Grande do Sul, atualmente coordena o intercâmbio entre a Unijuí, a Universidade Uni-Tubingen e o Instituto Carlos Linneo de Oberá (Argentina).

DÉBORA RIOS GARCIA (CREF 002202-G/RS): é graduada pelo IPA e possui especialização em Gestão Escolar e Coordenação Pedagógica e mestrado em Ciências do Movimento Humano, ambos pela UFRGS. Atualmente é professora do curso de Educação Física da Faculdade Sogipa e da pós-graduação do Instituto de Administração Hospitalar e Ciências da Saúde (IAHCS).

ALESSANDRO DE AZAMBUJA GAMBOA (CREF 001534-G/RS): é graduado pelo IPA e possui pós-graduação em Ciências da Saúde (PUCRS) e em Administração e Marketing Esportivo (Universidade Gama Filho). É sócio-diretor da G2 Sports, consultor de academias e coordenador geral de eventos relacionados à Educação Física e à saúde.

Membros suplentes:

FELIPE GOMES MARTINEZ (CREF 003930-G/RS): é graduado pela UFRGS e possui especialização em Psicopedagogia Clínica pela Unilassale. É graduado também em Ciências Jurídicas e Sociais pela PUCRS, auditor do Tribunal de Justiça Desportiva da Federação Gaúcha de Judô e integra a Comissão de Ética Profissional do CREF2/RS.

MARCIA ROHR DA CRUZ (CREF 007542-G/RS): é graduada em Educação Física pela UCS e em Administração pela Unisinos. Possui mestrado e doutorado em Administração pela mesma instituição e é presidente do Conselho Municipal do Desporto de Caxias do Sul.

CLÁUDIA RAMOS LUCCHESE (CREF 002358-G/RS): é graduada pela UFRGS e possui pós-graduação em Medicina e Ciências do Esporte (UFRGS) e em Ergonomia (UGF). É coordenadora dos programas de Qualidade de Vida no Banrisul e certificada pela International Stress Management Association em gerenciamento do stress no trabalho.

CLERY QUINHONES DE LIMA (CREF 000297-G/RS): é graduado pela UFSM, pós-graduado em Técnicas Desportivas – Handebol, jornalista e mestre em Comunicação Esportiva. Foi conselheiro do CREF2/RS entre 1999 e 2003 e atualmente desempenha a função de delegado adjunto da FIEP-RS e de secretário do Conselho Municipal de Esportes e Lazer de Santa Maria. Edita o jornal mensal Saúde pela Prática e o site www.santamriaolimpiada2016.com.br.

Conselheiros Plenária



CREF2/RS entrega livros sobre Educação Física Escolar à Secretaria Municipal de Educação de Porto Alegre
24/09/2015
Fonte: CREF2/RS

Nessa quarta-feira (23), o CREF2/RS realizou a entrega oficial do livro “Recomendações para a Educação Física Escolar” à Secretaria Municipal de Educação de Porto Alegre (SMED). Os exemplares, editados pelo Sistema CONFEF/CREFs, serão repassados às 55 escolas municipais de ensino fundamental da capital. Na ocasião, a presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), e a presidente da Câmara Técnica de Educação Física Escolar, Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), apresentaram as propostas contidas na publicação à Eliane Meleti, chefe de gabinete da secretária Municipal de Educação Cleci Jurach.

A presidente do CREF2/RS ressaltou importância da aprovação da lei nº 11.585 do vereador professor Garcia (CREF 000002-G/RS), que tornou obrigatória a formação em curso superior de Licenciatura em Educação Física para a docência da disciplina nas escolas de ensino, como um marco na luta pela Educação Física Escolar no país. “Sancionada pelo prefeito de Porto Alegre José Fortunati, essa legislação deve ser reforçada e propagada para outras cidades do Rio Grande do Sul e do Brasil. Vemos nela um grande ganho para a educação e para a defesa da formação do profissional de Educação Física”.

Carmen explicou que a publicação do CONFEF/CREFs é resultado de intensos debates realizados pela Comissão de Educação Física Escolar do CONFEF em seminários, fóruns e congressos, que identificaram a falta de um documento referencial que desse conta, de maneira objetiva, das questões relacionadas a este campo do saber. “O livro foi desenvolvido por meio de uma proposta democrática, e se constitui em um instrumento norteador para a intervenção responsável e qualificada no ambiente profissional”, afirmou.

“Vamos enviar essa publicação às escolas com ofício recomendando seu estudo”, disse Eliane Meleti, enfatizando que o Ensino Fundamental e Médio do município já possuem professores graduados em Educação Física. “A valorização dos profissionais é prioridade da gestão. A lei cumpre o papel de sacramentar o trabalho que já vem sendo realizado no município, além de incentivar novas experiências nesse sentido. Na educação infantil, desde 2013, a Prefeitura vem nomeando profissionais de Educação Física”, acrescentou.

Segundo Miryam Brauch, o livro foi desenvolvido por meio de uma proposta democrática, com a colaboração de todos os CREFs. “Os Conselhos historicamente têm se esforçado em cooperar na atualização dos profissionais de Educação Física e na elaboração e apresentação de projetos de lei que garantam aos alunos acesso às aulas de Educação Física Escolar ministradas por profissional habilitado”.

Foto: Guga Stefanello/Divulgação PMPA

Educação Física Escolar



CREF2/RS divulga ganhadores do Troféu Destaque 2015
20/08/2015
Fonte: CREF2/RS

Os vencedores do Troféu Destaque 2015, prêmio que homenageia os melhores profissionais de Educação Física do ano, foram divulgados pelo CREF2/RS. As categorias “Academia”, “Clube ou Sociedade”, “Mérito da Educação Física”, “Profissional do Ano”, “Veículo de Comunicação” e “Personalidade do Ano” foram escolhidos pela Plenária do CREF2/RS. A escolha das demais categorias foi feita por meio de votação no site do Conselho aberta a todos os profissionais de Educação Física registrados e em dia com suas obrigações estatutárias, a partir de lista tríplice, indicada por Comissão ou Câmara Técnica.

O CREF2/RS parabeniza a todos os vencedores e indicados desta edição do Troféu Destaque, que por meio de suas trajetórias vitoriosas ajudam a dignificar nossa Profissão.

Categoria Academia: Academia Sal da Terra (CREF 000009-PJ/RS) – Atuando desde 1987, a Sal da Terra é uma das mais tradicionais academias de Porto Alegre, e o seu trabalho é realizado dentro dos parâmetros profissionais, com quadro de profissionais devidamente registrados no CREF2/RS, contando com excelente infraestrutura.

Categoria Clube ou Sociedade: Grêmio Náutico União (CREF 000505-PJ/RS) – Formação de atletas e investimento no esporte, Top of Mind da revista Amanhã, vencedor por toda sua tradição no esporte e pelas grandes conquistas de seus atletas, nos diversos esportes em que atuam.

Categoria Profissional do Ano: José Anchieta (CREF 000337-G/RS) – Profissional de Educação Física formado na UFRGS e pós-graduado em Dança na PUC/RS, é professor da Graduação do Curso de Educação Física da UNISINOS RS. Ganhou vários prêmios, entre eles o de melhor instrutor internacional de Fitness da Espanha – 1997. Foi criador do Método de Ginástica Afro Aeróbica e autor do livro "Ginástica Afro Aeróbica".

Categoria Mérito da Educação Física: Ivan Fonseca Gallo (CREF 004207-G/RS) – Possui graduação em Educação Física pela UFRGS e especialização em Metodologia do Ensino Superior pela Unisinos. Atualmente é Professor e Técnico da Unisinos e Técnico da Federação Gaúcha de Voley Ball.

Categoria Veículo de Comunicação – RBS TV – Vida e Saúde. Por acompanhar o trabalho de profissionais de Educação Física por meio de entrevistas e reportagens sobre saúde, nutrição, atividade física, beleza e comportamento.

Categoria Personalidade do Ano: Kalil Sehbe Neto – Ex-secretario Estadual do Esporte e do Lazer, militou em prol dos profissionais de Educação Física e de atletas com a criação da Lei Estadual Pró-Esporte de Incentivo ao Esporte Gaúcho. Também coordenou o Comitê Gestor da Copa do Mundo 2014.

Categoria Profissional de Escola: Luis Eurico Kerber (CREF 001203-G/RS) – Graduado pela Feevale e pós-graduado em Ciências da Atividade Física – Aspectos da Medicina do Esporte. Atua na Educação Básica desde 2002 e como professor universitário da Feevale desde 2005. Trabalha também na rede municipal de ensino de Ivoti. Já desenvolveu projetos de atividades físicas de aventura na natureza e de promoção da saúde na escola.

Categoria Profissional de Esporte Educacional: Luiz Afonso Gomes (CREF 000484-G/RS) – Possui graduação pelo IPA, mestrado em Ciências Sociais e especialização em Basquete e em Futebol. É o docente mais antigo do IPA, onde atua desde 1980. Coordena o curso de pós-graduação Futebol e Futsal: do Treinamento à Gestão e atua na área de ensino-aprendizagem em treinamento, performance, avaliação e motivação.

Categoria Profissional de Paradesporto e Atividade Adaptada: Tiago José Frank (CREF 015592-G/RS) – Possui graduação pela UCS e é coordenador do setor de Paradesporto e Lazer Inclusivo da Secretaria Municipal do Esporte e Lazer de Caxias do Sul. Atuou como supervisor do Centro Integrado das Pessoas com Deficiência (CIDEF/UCS) e como técnico da seleção brasileira sub-21 de basquete em cadeira de rodas, tornando-se campeão Parapanamericano em 2013. Dedica-se ao desenvolvimento e promoção de atividades de esporte e lazer para pessoas com deficiência.

Categoria Profissional de Recreação e Lazer: Desire Lacreta Maridakis (CREF 006536-G/RS) – Possui graduação e especialização pelo IPA, é ex-atleta profissional de voleibol e funcionária, desde 1985, da Prefeitura Municipal de Canoas. Atua há 26 anos no Centro Olímpico Municipal (COM), que oferece programas de atividade física, de esporte, de lazer e escolinhas esportivas à comunidade.

Troféu Destaque



CREF2/RS divulga ganhadores do Troféu Destaque 2015
19/08/2015
Fonte: CREF2/RS

Os vencedores do Troféu Destaque 2015, prêmio que homenageia os melhores profissionais de Educação Física do ano, foram divulgados pelo CREF2/RS. As categorias “Academia”, “Clube ou Sociedade”, “Mérito da Educação Física”, “Profissional do Ano”, “Veículo de Comunicação” e “Personalidade do Ano” foram escolhidos pela Plenária do CREF2/RS. A escolha das demais categorias foi feita por meio de votação no site do Conselho aberta a todos os profissionais de Educação Física registrados e em dia com suas obrigações estatutárias, a partir de lista tríplice, indicada por Comissão ou Câmara Técnica.

O CREF2/RS parabeniza a todos os vencedores e indicados desta edição do Troféu Destaque, que por meio de suas trajetórias vitoriosas ajudam a dignificar nossa Profissão.

Categoria Academia: Academia Sal da Terra (CREF 000009-PJ/RS) – Atuando desde 1987, a Sal da Terra é uma das mais tradicionais academias de Porto Alegre, e o seu trabalho é realizado dentro dos parâmetros profissionais, com quadro de profissionais devidamente registrados no CREF2/RS, contando com excelente infraestrutura.

Categoria Clube ou Sociedade: Grêmio Náutico União (CREF 000505-PJ/RS) – Formação de atletas e investimento no esporte, Top of Mind da revista Amanhã, vencedor por toda sua tradição no esporte e pelas grandes conquistas de seus atletas, nos diversos esportes em que atuam.

Categoria Profissional do Ano: José Anchieta (CREF 000337-G/RS) – Profissional de Educação Física formado na UFRGS e pós-graduado em Dança na PUC/RS, é professor da Graduação do Curso de Educação Física da UNISINOS RS. Ganhou vários prêmios, entre eles o de melhor instrutor internacional de Fitness da Espanha – 1997. Foi criador do Método de Ginástica Afro Aeróbica e autor do livro "Ginástica Afro Aeróbica"

Categoria Mérito da Educação Física: Ivan Fonseca Gallo (CREF 004207-G/RS) – Possui graduação em Educação Física pela UFRGS e especialização em Metodologia do Ensino Superior pela Unisinos. Atualmente é Professor e Técnico da Unisinos e Técnico da Federação Gaúcha de Voley Ball.

Categoria Veículo de Comunicação – RBS TV – Vida e Saúde. Por acompanhar o trabalho de profissionais de Educação Física por meio de entrevistas e reportagens sobre saúde, nutrição, atividade física, beleza e comportamento.

Categoria Personalidade do Ano: Kalil Sehbe Neto – Ex-secretario Estadual do Esporte e do Lazer, militou em prol dos profissionais de Educação Física e de atletas com a criação da Lei Estadual Pró-Esporte de Incentivo ao Esporte Gaúcho. Também coordenou o Comitê Gestor da Copa do Mundo 2014.

Categoria Profissional de Escola: Luis Eurico Kerber (CREF 001203-G/RS) – Graduado pela Feevale e pós-graduado em Ciências da Atividade Física – Aspectos da Medicina do Esporte. Atua na Educação Básica desde 2002 e como professor universitário da Feevale desde 2005. Trabalha também na rede municipal de ensino de Ivoti. Já desenvolveu projetos de atividades físicas de aventura na natureza e de promoção da saúde na escola.

Categoria Profissional de Esporte Educacional: Luiz Afonso Gomes (CREF 000484-G/RS) – Possui graduação pelo IPA, mestrado em Ciências Sociais e especialização em Basquete e em Futebol. É o docente mais antigo do IPA, onde atua desde 1980. Coordena o curso de pós-graduação Futebol e Futsal: do Treinamento à Gestão e atua na área de ensino-aprendizagem em treinamento, performance, avaliação e motivação.

Categoria Profissional de Paradesporto e Atividade Adaptada: Tiago José Frank (CREF 015592-G/RS) – Possui graduação pela UCS e é coordenador do setor de Paradesporto e Lazer Inclusivo da Secretaria Municipal do Esporte e Lazer de Caxias do Sul. Atuou como supervisor do Centro Integrado das Pessoas com Deficiência (CIDEF/UCS) e como técnico da seleção brasileira sub-21 de basquete em cadeira de rodas, tornando-se campeão Parapanamericano em 2013. Dedica-se ao desenvolvimento e promoção de atividades de esporte e lazer para pessoas com deficiência.

Categoria Profissional de Recreação e Lazer: Desire Lacreta Maridakis (CREF 006536-G/RS) – Possui graduação e especialização pelo IPA, é ex-atleta profissional de voleibol e funcionária, desde 1985, da Prefeitura Municipal de Canoas. Atua há 26 anos no Centro Olímpico Municipal (COM), que oferece programas de atividade física, de esporte, de lazer e escolinhas esportivas à comunidade.

Troféu Destaque



Troféu Destaque 2015 abre votação na próxima quarta-feira
09/07/2015
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS, com o objetivo de apoiar e valorizar os profissionais e estabelecimentos registrados no Conselho, está realizando mais uma edição do Troféu Destaque, em comemoração ao Dia do Profissional de Educação Física, celebrado em 1º de setembro. A votação ocorrerá de maneira online, pelo site do Conselho, entre os dias 15 de julho e 9 de agosto. A votação será aberta nas seguintes categorias, com os profissionais concorrentes abaixo:

Categoria Profissional de Escola:

GABRIEL LUIS DE ABREU (CREF 014587-G/RS)
Possui graduação pela UCS e, desde 2010, é professor da rede municipal de Farroupilha, onde atua na Escola de Ensino Fundamental Antonio Minella e treina o time feminino mirim de futsal do colégio. Trabalha também na rede municipal de Caxias do Sul, na Escola Renato João Cesa.

LUIS EURICO KERBER (CREF 001203-G/RS)
Possui graduação pela Feevale e pós-graduação em Ciências da Atividade Física – Aspectos da Medicina do Esporte. Atua na Educação Básica desde 2002 e como professor universitário da Feevale desde 2005. Trabalha também na rede municipal de ensino de Ivoti. Já desenvolveu projetos de atividades físicas de aventura na natureza e de promoção da saúde na escola.

VIRGINIA ROLIM WOLFFENBUTTEL (CREF 000055-G/RS)
Possui graduação pela UFRGS e atua na Educação Física escolar há 30 anos. Na Escola Estadual Mariz e Barros, em Porto Alegre, coordena há mais de 10 anos a equipe de handebol masculino Jovem Talentos, que já participou e venceu diversos campeonatos municipais e estaduais.

Categoria Profissional do Esporte Educacional:

JORGE LUIZ BRANDLI FERNANDES (CREF 001674-G/RS)
Possui graduação pela UFSM e mestrado em Ciência do Movimento Humano. É técnico de handebol das equipes Margaria Lopes/ASH e ASH/Praxis AS e professor do curso de Educação Física da Ulbra Santa Maria. Possui também experiência como atleta profissional e árbitro de handebol.

LUIZ AFONSO GOMES (CREF 000484-G/RS)
Possui graduação pelo IPA, mestrado em Ciências Sociais e especialização em Basquete e em Futebol. É o docente mais antigo do IPA, onde atua desde 1980. Coordena o curso de pós-graduação Futebol e Futsal: do Treinamento à Gestão e atua na área de ensino-aprendizagem em treinamento, performance, avaliação e motivação.

RICARDO BASTOS SIKILERO (CREF 002835-G/RS)
Possui graduação pela UFRGS e especialização em Gestão no Esporte. É coordenador de esportes e professor do Colégio La Salle São João, de Porto Alegre, e da Secretaria de Educação do Rio Grande do Sul, onde é responsável pela organização dos Jogos Escolares (JERGS – 1ª CRE). Como técnico desportivo, já atuou no Lindóia Tênis Clube, na Associação Leopoldina Juvenil, no Grêmio Náutico Gaúcho e no Teresópolis Tênis Clube.

Categoria Profissional de Paradesporto e Atividade Adaptada:

FABIANE PEREIRA PÓVOA (CREF 008729-G/RS)
Possui graduação pela Ulbra e especialização em Arte, Corpo e Educação. É professora de dança em cadeira de rodas, desde 2013, da Escola Paralímpica Gaúcha, vinculada ao RS Paradesporto. Já atuou no Centro de Estudos da Atividade Motora Adaptada, da Ulbra, e na Associação Canoense de Deficientes Físicos. Desde 2014, trabalha também na APAE Eldorado, com dança e Educação Física adaptada.

FELIPE DE OLIVEIRA MOTTA (CREF 006765-G/RS)
Possui graduação pela UFPel e é professor da Escola de Educação Especial José Alvares de Azevedo, em Rio Grande, que atende deficientes visuais. É técnico de atletismo pelo Comitê Paralímpico Brasileiro e já participou de três Paralimpíadas Escolares: duas como treinador da equipe de atletismo do Rio Grande do Sul e uma como staff de goalball do Estado.

TIAGO JOSÉ FRANK (CREF 015592-G/RS)
Possui graduação pela UCS e é coordenador do setor de Paradesporto e Lazer Inclusivo da Secretaria Municipal do Esporte e Lazer de Caxias do Sul. Atuou como supervisor do Centro Integrado das Pessoas com Deficiência (CIDEF/UCS) e como técnico da seleção brasileira sub-21 de basquete em cadeira de rodas, tornando-se campeão Parapanamericano em 2013. Dedica-se ao desenvolvimento e promoção de atividades de esporte e lazer para pessoas com deficiência.

Categoria Profissional de Recreação e Lazer:

DESIRE LACRETA MARIDAKIS (CREF 006536-G/RS)
Possui graduação e especialização pelo IPA, é ex-atleta profissional de voleibol e funcionária, desde 1985, da Prefeitura Municipal de Canoas. Atua há 26 anos no Centro Olímpico Municipal (COM), que oferece programas de atividade física, de esporte, de lazer e escolinhas esportivas à comunidade.

JAIME ZORZI (CREF 000207-G/RS)
Possui graduação e pós-graduação pela UFRGS e experiência de mais de 30 anos na Secretaria Municipal de Educação e na Secretaria Municipal de Esportes, Recreação e Lazer de Porto Alegre. Foi coordenador do Parque Ramiro Souto, na Redenção, que oferece diversas atividades à população, como brinquedoteca, caminhadas orientadas e ginástica.

REJANE PENNA RODRIGUES (CREF 002150-G/RS)
Possui graduação pela Escola Superior de Educação Física de Cachoeira do Sul e foi, durante três gestões, secretária de Esportes, Recreação e Lazer de Porto Alegre. É ex-secretária Nacional do Desenvolvimento de Esporte e de Lazer, vinculada ao Ministério do Esporte, e ex-diretora de operações e serviços da Autoridade Pública Olímpica, no Rio de Janeiro.

CREF2 RS



4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar discute PLC 116/2013 e lança livro em Capão da Canoa
30/03/2015
Fonte: CREF2/RS

Na última sexta-feira (27), a Câmara Técnica de Educação Física Escolar do CREF2/RS realizou o 4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar, em Capão da Canoa. O evento, que integrou a programação do 41º Encontro Nacional dos Profissionais de Educação Física (ENAPEF), promovido pela APEF/RS, contou com a palestra de Lúcio Rogério dos Santos (CREF 000001-G/DF) e serviu também para o lançamento oficial do livro "Recomendações para a Educação Física Escolar".

Na abertura, as autoridades presentes salientaram a importância do Rio Grande do Sul para a regulamentação da profissão, no final dos anos 90, e de eventos como o Fórum para a aproximação dos profissionais que atuam na Educação Física Escolar. Além de Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do CREF2/RS; Miryam Brauch (CREF 006834-G/RS), presidente da Câmara Técnica de Educação Física Escolar; Álvaro Laitano (CREF 000006-G/RS), presidente da APEF/RS, José Anchieta (CREF 000337-G/RS), representando o SINPEF-RS; e Paulo Rezende (CREF 001298-G/RS), da Secretaria de Educação Rio Grande do Sul; também discursaram.

Em nome do CONFEF, Lúcio Rogério, fundador do CREF7/DF, falou em sua apresentação sobre o movimento pela regulamentação da profissão em todo o Brasil, em 1998, e sobre as ações que o Sistema CONFEF/CREFs lidera pela valorização do profissional de Educação Física até hoje. "É importante que a sociedade e as autoridades reconheçam a nossa importância", salientou. "Os conselhos trabalham neste sentido. Se a profissão não tivesse sido regulamentada, acredito que ela nem existiria mais", completou.

Além disto, a discussão do PLC 116/2013 também foi levada ao conhecimento do público que lotou o auditório da Prefeitura de Capão da Canoa durante o evento. Lúcio Rogério falou sobre a fragilidade da resolução do MEC, que não torna obrigatória a presença do profissional de Educação Física nas séries iniciais, e sobre como a Lei de Diretrizes e Bases da Educação precisa ser modificada para garantir esta presença. "Não é ilegal não ter profissional na Educação Básica, a disciplina pode ser ministrada por professores de outras áreas. Mas a questão não é garantir o nosso mercado de trabalho, é garantir o mínimo de qualidade do ensino no Brasil", comentou.

No final da palestra, Lúcio Rogério apresentou o livro "Recomendações para a Educação Física Escolar", que foi entregue a todos que compareceram ao Fórum. O CREF2/RS foi o primeiro Conselho Regional a lançar a obra, organizada pelo Sistema CONFEF/CREFs no ano passado. Com a proposta de constituir um instrumento norteador para a intervenção profissional responsável e qualificada no ambiente escolar, Lúcio Rogério frisou o caráter coletivo do documento, produzido pela Comissão de Educação Física Escolar (CEFE) do CONFEF com a colaboração de inúmeros conselheiros federais e regionais. "O livro é também um convite para que todos participem do processo. Temos que qualificar a Educação Física como um todo, começando pela Educação Física Escolar", destacou.

Miryam encerrou o evento revelando o próximo passo da Câmara Técnica de Educação Física Escolar, que é distribuir agora um exemplar do "Recomendações para a Educação Física Escolar" para cada uma das escolas da rede pública do Estado. A obra já está à disposição para download também no site do CONFEF. Para baixá-la, clique aqui.



4º Fórum de Mobilização pela Educação Física Escolar é nesta sexta-feira em Capão da Canoa
23/03/2015
Fonte: CREF2/RS

O 4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar será realizado nesta sexta-feira (27), em Capão Canoa. O evento, que integra a programação do 41º Encontro Nacional dos Profissionais de Educação Física (ENAPEF), é promovido pela Câmara Temática de Educação Física Escolar do CREF2/RS e tem entrada gratuita.

Com palestra de Lúcio Rogério dos Santos (CREF 000001-G/DF), o Fórum abordará questões como o atendimento da Educação Física Escolar nas séries inicias e o PLC 116/2013, projeto de lei que torna obrigatória a presença do profissional de Educação Física na Educação Básica. Além disto, o evento servirá também para lançar o livro "Recomendações para a Educação Física Escolar". O CREF2/RS vai ser o primeiro Conselho Regional a promover a obra organizada pelo Sistema CONFEF/CREFs, que será distribuída aos presentes.

4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar
27 de março, sexta-feira, às 14h
Local: Auditório da Prefeitura de Capão da Canoa, em Capão da Canoa (RS)
Endereço: Av. Paraguassú, 1881 – Centro
Inscrições gratuitas no local



Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa dá andamento ao novo Código Sanitário Estadual
04/03/2015
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quarta-feira (4), a Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa reuniu-se pela primeira vez em 2015. Além de apresentar os seus novos componentes e o presidente recém-eleito Vadelci Oliveira, o grupo também deu continuidade ao PL 272-2014, que institui novo Código Sanitário Estadual. A elaboração do projeto, realizada entre 2013 e 2014, contou com a participação do CREF2/RS e dos demais conselhos integrantes da Câmara de Saúde do Fórum-RS.

Com a presença da presidente Carmen Masson (CREF 001910-G/RS) e do 1º secretário Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), a reunião serviu para que Oliveira reforçasse "a importância assídua dos colaboradores" da Comissão, no sentido de "atender a necessidade e as demandas da população". "Temos enormes desafios, mas conquistamos avanços extraordinários nos últimos anos, graças às intensas parcerias", frisou. De acordo com Leandro Carvalho, assessor jurídico do Conselho Regional de Farmácia (CRF-RS) presenta na reunião, o projeto do novo código foi desarquivado e já está em tramitação na Assembleia para ser sancionado como lei.



Capão da Canoa recebe 4º Fórum de Mobilização pela Educação Física Escolar
25/02/2015
Fonte: CREF2/RS

O 4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar será realizado no dia 27 de março, em Capão Canoa. O evento, que integra a programação do 41º Encontro Nacional dos Profissionais de Educação Física (ENAPEF), é promovido pela Câmara Temática de Educação Física Escolar do CREF2/RS e tem entrada gratuita.

Com palestra de Lúcio Rogério dos Santos (CREF 000001-G/DF), o Fórum abordará questões como o atendimento da Educação Física Escolar nas séries inicias e o PLC 116/2013, projeto que lei que torna obrigatória a presença do profissional de Educação Física na Educação Básica. Além disto, o evento servirá também para lançar o livro "Recomendações para a Educação Física Escolar". O CREF2/RS vai ser o primeiro Conselho Regional a promover a obra organizada pelo Sistema CONFEF/CREFs, que será distribuída aos presentes.

4º Fórum de Mobilização Gaúcha pela Educação Física Escolar
27 de março, sexta-feira, às 14h
Local: Auditório da Prefeitura de Capão da Canoa, em Capão da Canoa (RS)
Endereço: Av. Paraguassú, 1881 – Centro
Inscrições gratuitas no local



CREF2/RS e conselhos da saúde finalizam projeto de novo Código Sanitário
26/11/2014
Fonte: CREF2/RS

Na manhã desta quarta-feira (26), foi entregue à Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa projeto de novo Código Sanitário Estadual. O documento, elaborado pelo CREF2/RS em parceria com outros conselhos profissionais, tem o intuito de garantir a saúde e o bem-estar da sociedade.

Lauro Aguiar (CREF 002782-G/RS), 1º secretário do CREF2/RS, e Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS), coordenadora do Departamento de Fiscalização e Orientação, integraram a comissão que elaborou o projeto entre 2013 e 2014. "O novo Código é síntese do debate com a sociedade, a partir de uma série de audiências públicas realizadas em todo o Estado", frisou a deputada Marisa Formolo, integrante do grupo. O deputado Adilson Troca, presidente da Comissão de Saúde e Meio Ambiente, também salientou que agora o documento deve tramitar na Assembleia para ser transformado em lei.

Com a participação do CREF2/RS e dos conselhos de Odontologia (CRO-RS), Medicina (CREMERS), Nutricionistas (CRN-2), Fonoaudiologia (CREFONO7), Farmácia (CRF-RS) e da FAMURS, o projeto do novo Código "contemplou diversas demandas e entende a saúde de modo amplo", como comentou Alexandre Sartori, representante do CRF-RS. "A elaboração do documento foi de grande aprendizado, pois dividimos experiências de nossa prática profissional com os outros conselhos e também com a gestão pública", completou.



CREF2/RS publica edital de Censura Pública
17/09/2014
Fonte: CREF2/RS

Nesta quarta-feira (17), o CREF2/RS publicou edital de Censura Pública. O Conselho, através de sua Comissão de Ética Profissional, após o devido processo em que foi oportunizado o contraditório e a ampla defesa no Processo Ético nº 000016/2013, decidiu, por unanimidade dos presentes, na reunião realizada no dia 21 de julho de 2014, aplicar a pena ao profissional César Luiz Lazzari (CREF 018881-G/RS), com base no Art. 12 II, em razão do mesmo ter infringido o Art. 4º, Incisos I e II, Art. 5º, Inciso I, Art. 6º, Inciso II e XIV combinado com Art. 7º, V, do Código de Ética dos Profissionais de Educação Física, tendo ocorrido em trânsito em julgado da decisão em 5 de agosto de 2014.



Nova edição CREF2/RS em Revista está disponível para leitura online
28/08/2014
Fonte: CREF2/RS

Nos próximos dias, os profissionais registrados no Conselho e em dia com suas obrigações estatuárias vão receber a nova edição do CREF2/RS em Revista. A publicação trimestral, referente aos meses de julho, agosto e setembro, tem como tema principal a corrida de rua. A atual fenômeno da modalidade, cujo número de adeptos não para de crescer em todo o Brasil, é explicado, na matéria de capa, pela forma como proporciona qualidade de vida de previne problemas de saúde. O importante valor social da atividade física também é abordado.

Além disto, a atual edição do CREF2/RS em Revista, também conta com perfil do treinador de atletismo da Sogipa Leonardo Ribas (CREF 003760-G/RS), entrevistas com o prefeito José Fortunati e com o atleta paralímpico Carlão de Oliveira e reportagem sobre Educação Física Escolar e o PLC 116/2013.

O CREF2/RS em Revista também tem versão online e pode ser acessado diretamente por aqui. Boa leitura!



CONFEF esclarece andamento do PLC 116/2013
21/07/2014
Fonte: CONFEF

Com o objetivo de manter os profissionais informados a respeito das questões pertinentes à classe, o CONFEF enviou comunicado aos Conselhos para esclarecer o andamento do Projeto de Lei 116/2013, que prevê a obrigatoriedade de professor habilitado em curso de Licenciatura em Educação Física nas séries iniciais do Ensino Fundamental.

O CONFEF acredita que a maioria dos senadores se sensibilizou com a causa, em razão das milhares de mensagens que receberam dos profissionais e pela intensa campanha levada, que teve suporte valioso do CREF2/RS. A mobilização, que iniciou no começo deste ano, contou ainda com o apoio dos estudantes dos cursos de Educação Física e foi reconhecida por todos os parlamentares, em ação realizada em Brasília, em junho.

"Infelizmente, na data prevista, fomos surpreendidos com a informação de que havia algum acordo construído entre o senador relator e as lideranças sobre a alteração do texto, razão pela qual o PLC não entraria na pauta de votação", explicou o CONFEF. "A Copa do Mundo interferiu nos trabalhos do Congresso Nacional, assim como as eleições. Entretanto, já estamos enviando esforços para que o projeto seja pautado, aprovado e que siga para a sanção da presidente Dilma Rousseff", completou o Conselho.

Como o PLC 116/2013 ainda segue em tramitação no Senado, o Sistema CONFEF/CREFs acredita que ainda seja importante que os profissionais de Educação Física sigam dando continuidade à campanha. "Devemos manter a chama acesa, questionando os senadores sobre o porquê do PLC ainda não ter sido votado. É com este trabalho sério, ético e em prol dos direitos sociais que alcançaremos a vitória neste pleito", declarou o CONFEF.

Para participar da campanha, clique aqui.



Todas edições do CREF2/RS em Revista estão disponíveis para leitura online
08/07/2014
Fonte: CREF2/RS

Enquanto que o CREF2/RS em Revista deste mês não chega da gráfica, você pode, a partir de hoje, conferir todas as nossas edições pela Internet. A publicação trimestral do Conselho, enviada para todos os profissionais registrados, pode ser lida na íntegra através da plataforma Issuu, clicando aqui. O download em PDF do CREF2/RS em Revista também pode ser feito pelo mesmo link.

A próxima edição do CREF2/RS em Revista traz matéria de capa sobre o boom das corridas de rua e matéria sobre a votação do PLC 116/2013, entre outros assuntos. Além disto, apresenta entrevistas com o paratleta Carlos Oliveira, com o prefeito de Porto Alegre José Fortunati e com Leonardo Ribas, treinador de atletismo da Sogipa e da Seleção Brasileira. Aguarde!



Conselhos Federal e Regionais discutem PLC 116/2013 em Campo Grande
09/06/2014
Fonte: CREF11/MS-MT

Campo Grande foi sede, na sexta-feira (6) e no sábado (7), da plenária ordinária mensal do CONFEF. O encontro, que reuniu 28 conselheiros federais e 14 presidentes de Conselhos Regionais, teve o objetivo de discutir temas referentes ao sistema e realizar julgamentos de casos de irregularidade na atuação da profissão.

Outro assunto da reunião foi o PLC 116/2013, que tramita no Senado e exige formação superior em Educação Física para professores das escolas de Ensino Básico e Fundamental. O Projeto de Lei, que deveria ser votado na terça-feira passada (3), foi retirado da pauta. Contrário ao entendimento do MEC, que tenta impedir a validação da norma, CREFs e CONFEF defendem a imediata aprovação da proposta, já que o projeto é antiga reivindicação dos profissionais de Educação Física.

"Vamos procurar estratégias para que o PLC volte para a votação e seja aprovado. Nós tínhamos uma expectativa para atender melhor a sociedade, fizemos toda uma mobilização e, de repente, saiu da pauta. Temos que garantir um serviço de qualidade às nossas crianças", ressaltou o presidente do CONFEF, Jorge Steinhilber (CREF 000002-G/RJ).

Com o intuito de mobilizar os profissionais de Educação Física, o CREF2/RS mantém em sua página campanha a favor do PLC 116/2013. "Temos que pressionar os senadores para aprovarem o projeto, que obriga que aulas de Educação Física sejam ministradas por professores com curso superior de Licenciatura em Educação Física. Portanto, mandem e-mail para o Senado, em defesa da Educação Física Escolar", declarou a presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS).

Clique aqui para participar.

Foto: CREF11/MS-MT



Votação do PLC 116/2013 é adiada para próxima semana
05/06/2014
Fonte: CREF2/RS

As aulas de Educação Física nas etapas do Ensino Básico terão que ser ministradas exclusivamente por licenciados em Educação Física. A votação do Projeto de Lei 116/2013, que exige formação superior para os professores das escolas de Ensino Fundamental, foi adiada mais vez. A norma, que estaria em pauta no Senado anteontem (3), deve entrar novamente em discussão na próxima quarta-feira (11).

"A batalha é árdua e está estendida até próxima quarta-feira", comentou a presidente do CREF2/RS Carmen Masson (CREF 001910-G/RS). Ela acompanhou a sessão no Senado com outros onze presidentes de CREFs e nove conselheiros federais. "Estamos juntos nesta luta. Já conseguimos segurar as tentativas de impedimento ou de rejeição da votação, o que significaria o fim de nossas esperanças em ter uma nova lei que determine o adequado atendimento de nossas crianças na disciplina de Educação Física", avaliou.

"Não desanimem! Os nossos representantes parlamentares permanecem em Brasília na luta diária, fazendo ecoar nossa vontade de defender a Edução Física Escolar", falou Carmen Masson. A presidente ressaltou ainda que todos podem participar da campanha nesta reta final. "Peço a todos que compartilhem no seu Facebook, repassem para familiares e amigos, pedindo que eles façam o mesmo, que entrem nesta campanha em defesa da Educação Física nas escolas". No site do CREF2/RS, há modelo de texto e relação de todos os e-mails do Senado. Para participar da campanha a favor do PLC 116/2013 e da Educação Física nas escolas, acesse aqui.



Senado deve votar PLC 116/2013 nesta terça-feira
02/06/2014
Fonte: CREF2/RS

As aulas de Educação Física nas etapas do Ensino Básico terão que ser ministradas exclusivamente por licenciados em Educação Física. O Projeto de Lei 116/2013, que exige formação superior para os professores das escolas de Ensino Fundamental, passou pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Governo Federal em fevereiro e precisa agora ser aprovada pelo Senado. A votação deve ser amanhã (3).

"Temos que fazer o nosso dever de casa. Além de enviar nossa mensagem aos senadores, é importante pedir aos familiares e aos amigos que façam o mesmo", declarou Jorge Steinhilber (CREF 000002-G/RJ), presidente do CONFEF. A campanha, em parceria com os demais CREFs, tem o intuito de sensibilizar os senadores quanto a importante presença do profissional de Educação Física nas escolas. "A Educação Física é estratégica para a formação motora das crianças, sendo importante que os docentes tenham qualificação profissional", avaliou o senador Lindbergh Farias, relator do PLC.

"Nesta reta final, peço a todos que compartilhem no seu Facebook, repassem para familiares e amigos, pedindo que eles façam o mesmo, que entrem nesta campanha em defesa da Educação Física nas escolas", comentou Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do CREF2/RS. Disponibilizamos modelo de texto e relação de todos os correios eletrônicos do Senado. Para participar da campanha a favor do PLC 116/2013 e da Educação Física nas escolas, clique aqui.



Senado vota PLC 116/2013 amanhã
28/05/2014
Fonte: CREF2/RS

As aulas de Educação Física nas etapas do Ensino Básico terão que ser ministradas exclusivamente por licenciados em Educação Física. O Projeto de Lei 116/2013, que exige formação superior para os professores das escolas de Ensino Fundamental, passou pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Governo Federal em fevereiro e precisa agora ser aprovada pelo Senado. A votação será amanhã (29).

"Temos que fazer o nosso dever de casa. Além de enviar nossa mensagem aos senadores, é importante pedir aos familiares e aos amigos que façam o mesmo", declarou Jorge Steinhilber (CREF 000002-G/RJ), presidente do CONFEF. A campanha, em parceria com os demais CREFs, tem o intuito de sensibilizar os senadores quanto a importante presença do profissional de Educação Física nas escolas. "A Educação Física é estratégica para a formação motora das crianças, sendo importante que os docentes tenham qualificação profissional", avaliou o senador Lindbergh Farias, relator do PLC.

"Peço a todos que compartilhem no seu Facebook, repassem para familiares e amigos, pedindo que eles façam o mesmo, que entrem nesta campanha em defesa da Educação Física nas escolas", comentou Carmen Masson (CREF 001910-G/RS), presidente do CREF2/RS.Disponibilizamos modelo de texto e relação de todos os correios eletrônicos do Senado. Para participar da campanha a favor do PLC 116/2013 e da Educação Física nas escolas, clique aqui.



SINPEF defende novo reajuste salarial para profissionais de Educação Física
19/05/2014
Fonte: SINPEF/RS

O SINPEF/RS leva para reunião com Sindicato Patronal nova proposta de reajuste de salário para profissionais de Educação Física. A tentativa de acordo é baseada em trabalho realizado pelo economista Leandro Antônio de Lemos (CORECONRS 4667).

O estudo, à disposição no site do SINPEF/RS, indica que os profissionais de Educação Física que trabalham em clubes e academias têm defasagem de 99% na remuneração. O objetivo do Sindicato é chegar ao patamar de categorias similares e do salário de profissionais em outros estados. "Chegou a hora de sermos valorizados e mostrar a nossa importância para a saúde e felicidade da população. Acorda, Educação Física!", comentou Ubirajara Brites (CREF 000416-G/RS), presidente do SINPEF/RS.



Personal Trainer inscrito no Simples Nacional deve ter registro nos CREFs
07/05/2014
Fonte: CONFEF

Tendo em vista a publicação da Resolução CGNS nº 111/2013 , que acresce a ocupação de Personal Trainer ao Regime Especial Unificado de Arrecadação de Tributos e Contribuições do Simples Nacional, o Conselho Federal de Educação Física informa que a inscrição dos mesmos no Sistema CONFEF/CREFs é válida. Com base na legislação publicada, o registro do Personal Trainer deve obedecer aos mesmos trâmites da inscrição de Pessoa Jurídica, mas como Micro Empreendedor Individual.

A Resolução CGNS nº 94/2011, que dispõe sobre o Simples Nacional e dá outras providências, pode ser acessado aqui .



Prática de atividade física no Brasil aumenta 11%
05/05/2014
Fonte: Portal Brasil/Ministério da Saúde

O percentual de pessoas que praticam atividades físicas durante o tempo livre passou de 30,3% para 33,8% nos últimos cinco anos, revelou a pesquisa Vigitel 2013 (Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônica). Isso representa um crescimento de 11% no número de pessoas que no tempo livre praticam exercícios. "O aumento da atividade física é um fator determinante para uma sociedade mais saudável", comentou o ministro da Saúde, Arthur Chioro. Os dados da pesquisa Vigitel foram divulgados pelo Ministério da Saúde na última quarta-feira (30).

Esse aumento é expressivo e estatisticamente significativo: 11% entre 2009 e 2013 é muito", afirma Deborah Malta, diretora da Coordenação-Geral de Doenças e Agravos Não Transmissíveis (CGDANT) do Ministério da Saúde. Apesar de os homens praticarem mais exercícios - 41,2% praticam atividades no seu tempo livre -, as mulheres tiveram um aumento maior nesses cinco anos, passando de 22,2% para 27,4%.

O principal programa do Ministério da Saúde para a promoção de atividades físicas tem sido a Academia da Saúde. Criado em 2011 a partir de experiências municipais, o programa hoje conta com 491 polos funcionando e 3.234 espaços em construção. "O SUS tem dado uma importância significativa para a Academia da Saúde, mostrando a necessidade de criar uma estrutura dentro da rede de Atenção à Saúde que pense na prática de atividade físicas", explica Thaís Silva, coordenadora do programa Academia da Saúde.

O coordenador da Academia da Saúde da cidade Recife (PE), Leonardo Delgado, relata ter percebido um crescimento no interesse das pessoas em participar do programa. "No começo, nós tínhamos cerca de 20 polos e hoje são 40", ressalta. Ele diz que quando uma comunidade vê outros locais com esse serviço, eles também pedem para implementar a Academia da Saúde no seu próprio bairro.

Leonardo acredita que a sociedade de uma maneira geral está mais consciente em relação aos benefícios das atividades físicas e tem priorizado mais a prevenção na saúde. "Há um aumento quantitativo e um aumento do conhecimento da população sobre a atividade física. Hoje isso está mais latente, sai mais na mídia, a população busca mais", completa o profissional de Educação Física.

Academia da Saúde

Para estimular a prática de exercícios físicos nas cidades brasileiras, o Ministério da Saúde incentiva municípios a implantar polos com infraestrutura, equipamentos e quadro de pessoal qualificado para a orientação de atividade física e de lazer e modos de vida saudáveis. Nos polos, os participantes têm acesso a práticas corporais e atividade física com orientação, promoção de atividades de segurança alimentar e nutricional, promoção da alimentação saudável; práticas artísticas e culturais (teatro, música, pintura e artesanato), práticas integrativas e complementares, educação em saúde e mobilização da comunidade.



Ministério da Saúde revela que 50,8% dos brasileiros têm excesso de peso
30/04/2014
Fonte: G1

O Brasil manteve o índice da população acima do peso em 2013 em relação a 2012, segundo a pesquisa Vigitel (Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico), do Ministério da Saúde.

O estudo, divulgado nesta quarta-feira (30), indica que 50,8% dos brasileiros estão acima do peso ideal, e destes, 17,5% são obesos. O índice é praticamente o mesmo da pesquisa anterior, que apontou que 51% da população tem excesso de peso, sendo que 17,4% eram obesos. "Esses dados são de praticamente todas as capitais brasileiras, é um dado generalizado de estabilização", disse o secretário de Vigilância em Saúde do ministério, Jarbas Barbosa.

A pesquisa Vigitel de 2012, baseada em dados de 2011, apontava que 48,5% da população tinha excesso de peso. Em 2006, primeiro ano avaliado pela pesquisa, esse índice era de 43%.

Homens mais gordos

De acordo com o levantamento, os homens têm mais excesso de peso do que as mulheres - 54,7% contra 47,4%. Segundo Jarbas, quanto maior a escolaridade, menor a taxa de obesidade e excesso de peso. "Isso indica que sobrepeso não é uma situação imutável e nós podemos mudar essa realidade com políticas públicas e mudança de comportamento também", explica. Apesar dos índices de obesidade, a pesquisa apontou aumento na quantidade de praticantes de atividade física e de consumidores de frutas e hortaliças.

Como apontou o Ministério da Saúde, a frequência de atividade física em tempo livre aumentou de 30,3% para 33,8% nos últimos 5 anos. Além disso, 19,3% dos homens e 27,3% das mulheres comem cinco porções por dia de frutas e hortaliças, quantidade recomendada pela Organização Mundial de Saúde (OMS). "É importante trabalhar para essa redução de excesso de peso, com o objetivo de evitar doenças como diabetes e alguns tipos de câncer", apontou Jarbas. "Para nós, que essas informações nos dão um norte", disse o ministro da Saúde, Arthur Chioro.

Fumantes

O levantamento apontou ainda que 11% da população brasileira se declarou fumante em 2013, 1% a menos que o índice Vigitel de 2012. Além disso, nos últimos 8 anos, caiu em 28% o número de fumantes entre a população brasileira acima de 18 anos.

Foto: LG Rodrigues/G1



Conselheira Carmen Masson assume presidência do CREF2/RS
01/04/2014
Fonte: CREF2/RS

Na tarde de segunda-feira, dia 31 de março, durante reunião Plenária do Conselho, Eduardo Merino licenciou-se do cargo de presidente do CREF2/RS. A presidência foi assumida pela Conselheira Carmen Masson, que ocupava o cargo de 1ª vice-presidente no mandato 2013-2015.
Carmen declarou que durante seu mandato dará seguimento ao trabalho iniciado por Merino: “O posicionamento da nossa Diretoria segue o mesmo, e vamos dar continuidade ao excelente trabalho desenvolvido por Merino nos últimos quatro anos, com o objetivo de aproximar o Conselho dos Profissionais de Educação Física”.

A composição da nova Diretoria foi definida conforme lista abaixo.
Presidente: Carmen Rosane Masson – CREF 001910-G/RS 1º Vice-Presidente: José Edgar Meurer – CREF 001953-G/RS 2º Vice-Presidente: Lauro Ubirajara Barboza de Aguiar – CREF 002782-G/RS 1º Secretário: Paulo Ricardo Ayres – CREF 000997-G/RS 2ª Secretária: Sonia Maria Waengertner – CREF 007781-G/RS 1ª Tesoureira: Miryam Peraça Fattah Brauch – CREF 006834-G/RS 2ª Tesoureira: Luciane Volpato Citadin – CREF 000100-G/RS



Porto Alegre recebe orientação e fiscalização para a Copa do Mundo
31/03/2014
Fonte: Fórum dos Conselhos RS

Ação conjunta engloba cerca de 20 Conselhos e Ordens do Rio Grande do Sul.
Entre os dias 31 de março e quatro de abril, Porto Alegre recebe uma ação conjunta dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões Regulamentadas do Estado. A iniciativa, realizada pela primeira vez na cidade, é promovida pelo Fórum dos Conselhos Profissionais do Rio Grande do Sul (Fórum-RS) - que reúne cerca de 20 entidades - e visa orientar e fiscalizar diversos estabelecimentos, como obras civis, bares, restaurantes, farmácias, entre outros empreendimentos.
Oferecer ao turista a segurança necessária nos serviços prestados durante a Copa do Mundo constitui as metas da ação conjunta. A atividade do Fórum-RS busca defender a sociedade e garantir o atendimento qualificado, por meio de profissionais habilitados. Assim como também objetiva esclarecer a população em geral sobre a importância das entidades profissionais, uma vez que o objetivo primordial dessas instituições é orientar, disciplinar e fiscalizar o exercício legal das profissões, garantindo excelência e qualidade.
Participam os Conselhos Regionais de Administração, Arquitetura e Urbanismo, Biblioteconomia, Biologia, Biomedicina, Contabilidade, Corretores de Imóveis, Economia, Educação Física, Enfermagem, Engenharia e Agronomia, Estatística, Farmácia, Fisioterapia e Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia, Medicina Veterinária, Nutricionistas, Odontologia, Química, Relações Públicas, Representantes Comerciais, Serviço Social, Ordem dos Advogados do Brasil e Ordem dos Músicos do Brasil. Esta é a segunda ação conjunta realizada pelo grupo. A primeira ocorreu em Santa Maria, em novembro de 2013, com o apoio do Grupo de Agentes Fiscais (GAF).



Resolução inclui personal trainer como optante MEI  
18/03/2014
Fonte: CREF2/RS

O Comitê Gestor do Simples Nacional publicou a Resolução nº 111/2013, que entrou em vigor em 1º de janeiro deste ano.
A partir de 2014, a ocupação de personal trainer pode optar pela condição de Microempreendedor Individual (MEI).
A Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE) é a 9313-1/00, sendo que a descrição da subclasse da ocupação é “atividades de condicionamento físico”.
A resolução pode ser acessada na página eletrônica da Receita Federal, no link http://www.receita.fazenda.gov.br/Legislacao/Resolucao/2013/CGSN/Resol111.htm



Deputado Afonso Hamm destaca realização de audiência pública para formação de atletas
13/02/2014
Fonte: Ass. Imprensa Afonso Hamm

Na próxima quarta-feira, dia 19, o plenário 7, da Câmara dos Deputados, servirá de cenário para realização de Audiência Pública para tratar da Formação de Atletas no Brasil. O evento, foi sugerido pelo deputado federal Afonso Hamm (PP-RS), que é sub-relator desta área na Comissão Especial PL 6753, de 2013, que “cria o Programa de Fortalecimento dos Esportes Olímpicos (Proforte).

Afonso Hamm fez um pronunciamento em plenário para destacar a realização da audiência que terá como objetivo debater o fortalecimento do esporte das categorias de base, em todas as modalidades, visando à formação de novos atletas. O evento contará com presença dos representantes dos pequenos e médios clubes que pretendem realizar projetos de formação, representantes da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Comitê Olímpico Brasileiro (COB) e do Ministério do Esporte.

Hamm comenta que esse debate também terá como propósito tratar da disponibilização de recursos para investimentos na área de formação. O deputado é autor do artigo 29, na Lei Geral da Copa, que trata dos lucros que a FIFA vai obter no Brasil com a Copa do Mundo e que parte, ou seja, no mínimo 10%, seja para investir na formação para evitar as drogas, o descaminho em relação aos nossos jovens.



CREF2/RS solicita retificação de edital à Prefeitura de Pelotas
16/01/2014
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS notificou a Prefeitura de Pelotas para garantir que Profissionais de Educação Física sejam chamados para ocupar vagas para as funções do Edital nº 094/2013, relativo ao programa Vida Ativa, da Secretaria Municipal de Educação e Desporto – SMED, que promove vagas para as funções de Agente social do Esporte e Lazer – Bolsista e Agente Social e do Esporte e Lazer, às quais, estavam, respectivamente, sendo indicadas para ensino fundamental e médio. O CREF2/RS entende que as atividades relacionadas às oficinas de esporte, ginástica e orientação à caminhada são privativas do Profissional de Educação Física – Licenciado Pleno ou Bacharel. "Seguimos na defesa intransigente da Profissão, garantindo que a sociedade tenha serviços seguros e de qualidade", afirma presidente do Conselho, Eduardo Merino.



Nova diretoria do SINPEF/RS toma posse
19/12/2013
Fonte: CREF2/RS

A nova diretoria do Sindicato dos Profissionais em Educação Física do Rio Grande do Sul (SINPEF/RS) toma posse no dia 20/12. O presidente Ubirajara Gorski Brites foi reeleito, tendo como vice-presidente Silvio Cardoso da Silveira. As eleições ocorreram em 03 de dezembro de 2013.

A atuação do Sinpef está diretamente ligada aos direitos trabalhistas, entre eles exigir o cumprimento da legislação pelas empresas, reconhecendo todos direitos, carteira assinada, repouso semanal remunerado, férias, contratos de trabalho, rescisões e alterações homologadas, fundo de garantia, 13º salário, 1/3 de abono sobre férias, uso de Equipamentos de Proteção Individual, quando for o caso.



CREF2/RS reúne-se com deputado Adilson Troca
17/12/2013
Fonte: CREF2/RS

O Presidente do CREF2/RS Eduardo Merino e os membros da Câmara de Ginástica Laboral Lauro Aguiar (Presidente) e Tony Izaguirre reuniram-se hoje (17/12) na Assembleia Legislativa com o deputado estadual Adilson Troca (PSDB) para analisar a parceria entre o Conselho e o Legislativo, bem como examinar os eventos que foram realizados em conjunto no ano de 2013.

Ficou definido que em janeiro haverá reunião com todos os parceiros da Frente Parlamentar de Estímulo à Doação de Órgãos para programar as atividades de 2014. Também está projetada a edição de uma cartilha relatando os cinco eventos realizados por meio da parceria CREF2RS/Legislativo em 2013, com a descrição da premiação dos municípios amigos da Educação Física escolar, o lançamento da Frente Parlamentar em favor da Educação Física escolar, o evento O Profissional de Educação Física como Protagonista de Ginástica laboral, a audiência pela reforma do código sanitário e a campanha para doação de órgãos ocorrida na Maratona de Porto Alegre.



Conselheiro Cimino presente na abertura da Semana Estadual da Ciência, Tecnologia e Inovação 2013
21/10/2013
Fonte: CREF2/RS

O Conselheiro do CREF2/RS Carlos Alberto Cimino prestigiou a cerimônia de abertura da Semana Estadual da Ciência, Tecnologia e Inovação 2013, realizada dia 18 de outubro no ginásio Poliesportivo do La Salle Canoas. A Semana tem por objetivo a mobilização da população, em especial crianças e jovens, em torno de temas e atividades de Ciência e Tecnologia, valorizando a criatividade, a atitude científica e a inovação. Busca popularizar o tema da ciência e da tecnologia e inovação, destacando a importância para a vida da sociedade e para o desenvolvimento do Estado do Rio Grande do Sul, assim como contribuir para que a população possa conhecer e discutir os resultados, a relevância e o impacto das pesquisas científicas e tecnológicas e suas aplicações.



Vinte e dois de novembro é oficializado Dia Municipal da Ginástica Laboral em Porto Alegre
26/09/2013
Fonte: CREF2/RS

Na segunda-feira, dia 23 de setembro, foi aprovado pela Câmara de Vereadores de Porto Alegre o Projeto de Lei que institui o dia 22 de novembro como Dia Municipal da Ginástica Laboral.
O autor do Projeto, Vereador Professor Garcia (CREF 000002-G/RS), também Conselheiro do Conselho Federal de Educação Física (CONFEF), declarou que a Ginástica Laboral tem importância cada vez maior nas empresas, melhorando a saúde física do trabalhador e prevenindo os problemas ocupacionais.
A data foi escolhida por representar um marco na área, pois nesse dia, no ano de 1978, foi assinado o primeiro contrato de Ginástica Laboral no país.
O presidente da Câmara de Ginástica Laboral do Conselho Regional de Educação Física da 2ª Região (CREF2/RS), Conselheiro Lauro Ubirajara Barboza de Aguiar (CREF 002782-G/RS), lembrou que a atividade está diretamente relacionada ao compromisso das empresas com a saúde de seus colaboradores, contribuindo no processo de humanização do ambiente de trabalho.
Ressaltou ainda o trabalho desenvolvido pela Câmara, convidando todos os Profissionais de Educação Física a participarem das reuniões do grupo, que ocorrem mensalmente (veja as datas em nosso site) na sede do Conselho em Porto Alegre.
Em comemoração a data, o CREF2/RS irá promover a 2ª edição do evento “O Profissional de Educação Física como Protagonista na Ginástica Laboral”, no dia 22 de novembro de 2013, no Plenarinho da Assembleia Legislativa do RS.
A organização do evento, que no ano passado ocorreu na Câmara de Vereadores de Porto Alegre, convida todas as empresas e prestadores de serviço na área a indicarem empresas clientes a serem homenageadas na ocasião.
Os interessados em realizar indicações devem entrar em contato com o Conselho pelo e-mail eventos@crefrs.org.br.
O número de homenageados será limitado, e as empresas homenageadas devem ser gaúchas e com mais de 10 anos de adoção do Programa de Ginástica Laboral.



CREF2/RS homenageará empresas que investem em Ginástica Laboral
22/09/2013
Fonte: CREF2/RS

No dia 22 de novembro de 2013, na Assembleia Legislativa do RS, o CREF2/RS irá homenagear empresas gaúchas que possuem mais de 10 anos de adoção de Programa de Ginástica Laboral, no evento "O Profissional de Educação Física como Protagonista na Ginástica Laboral".
Convidamos todas as empresas e prestadores de serviço na área a indicarem empresas clientes a serem homenageadas.
Os interessados em realizar indicações devem entrar em contato com o Conselho até dia 22 de outubro, pelo e-mail eventos@crefrs.org.br
Salientamos que o número de homenageados será limitado.



CREF2/RS participa do Dia do Desafio
29/05/2013
Fonte: CREF2/RS

Equipes do CREF2/RS participaram do DIA DO DESAFIO 2013, mobilização em prol da qualidade de vida promovido em todo o Brasil em parceria com o SESC. O município que mobilizar o maior número de pessoas para a prática esportiva em relação ao número oficial de habitantes vence a competição. Nesta edição, Porto Alegre irá competir com Curitiba. O desafio é levar o maior número de pessoas a saírem da rotina por, no mínimo, 10 minutos e realizarem uma atividade física por meio de ginástica laboral. Criado no Canadá e realizado paralelamente em várias partes do mundo, o Dia do Desafio é uma grande mobilização em favor da qualidade de vida através da atividade física. Na data marcada, duas cidades de países diferentes competem entre si. O município que mobilizar o maior número de pessoas para a prática esportiva em relação ao número oficial de habitantes vence a competição. Nesta edição, Porto Alegre irá competir com Curitiba. Na edição passada, a capital gaúcha venceu a concorrente Guarulhos (SP). No Rio Grande do Sul, participarão 490 municípios.



CREF2/RS obtém vitória judicial na defesa da Profissão
28/05/2013
Fonte: CREF2/RS

O juiz federal Francisco Donizete Gomes, titular da 2º |Vara Federal de Porto Alegre, liminar concedeu liminar favorável ao CREF2/RS determinando que o Estado do RS retifique o edital do concurso 01/2013, exigindo que todos os candidatos à vaga de Profissional de Educação Física possuam registro perante o Conselho.



Fórum dos Conselhos promove III Seminário de Fiscalização Profissional
07/05/2013
Fonte: Fórum dos Conselhos das Profissões Regulamentadas do RS

No dia 17 de maio de 2013 acontecerá o III Seminário de Fiscalização Profissional, evento organizado pelo Fórum dos Conselhos Profissionais do Estado do Rio Grande do Sul, que trará como tema neste ano “Fiscalização dos Conselhos e os Benefícios para a Sociedade”.

O objetivo do evento é tratar dos temas relacionados a fiscalização realizadas pelas diversas instituições, na busca de integração e otimização dos processos, contribuindo para o funcionamento dos estabelecimentos regulados para que atuem na atenção a sociedade, proposta esta motivada pela tragédia em Santa Maria. O seminário terá início as 8h30min no Plenarinho da Assembleia Legislativa do RS, com o credenciamento às 8h30min, a abertura ocorrerá às 9h30min seguida da Mesa redonda intitulada: “Poder público e a Fiscalização dos conselhos profissionais em benefício da sociedade”, e contará com a participação de um representante da Prefeitura Municipal de Porto Alegre, o promotor de Justiça do Ministério Público do Estado, César Faccioli, o Presidente do PROCON/RS, Cristiano Aquino, a Presidente do Conselho Regional de Administração do RS, Adm. Cláudia Stadtlober. A mesa contará com a mediação do Presidente do Fórum Estadual do RS e Latino Americano de Defesa do Consumidor, , Alcebíades Santini.

No período da tarde ocorrerão três palestras e a apresentação do GAF-FOCO/RS pela fiscal do Crefono7 Marlei Braud Cantergi. A partir das 14h acontece a palestra com João Alberto Vieira, presidente da Junta Comercial do RS que abordará “Parcerias e convênios da Junta Comercial com os conselhos profissionais”. Às 15h será a vez da palestra “Relação conselheiros e fiscais”, com o Adm. Nei Sena. E às 16h45 acontecerá a última palestra do evento “A responsabilidade civil dos conselhos profissionais em defesa da sociedade - importância da ação fiscalizatória” com o procurador da Justiça Paulo Valério Dal Pai Moraes.

Como nos anos anteriores, o evento será voltado aos agentes fiscais dos conselhos das profissões regulamentadas, presidentes, conselheiros, vereadores e deputados estaduais.



Educação Física está oficialmente na Classificação Brasileira de Ocupações.
09/04/2013
Fonte: CREF2/RS

Após contatos junto ao Ministério da Saúde, capitaneados pelo NESCON/Faculdade de Medicina UFMG, informamos que o Profissional de Educação Física já se encontra oficialmente inserido na área de Saúde, no que tange à C.B.O. – Classificação Brasileira de Ocupações. A Portaria nº 256 do Ministério da Saúde, de 11 de março de 2013, “Estabelece novas regras para o cadastramento das equipes que farão parte dos Núcleos de Apoio à Saúde da Família(NASF) Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (SCNES).”

In literis:

Art. 6º Fica incluído, na Tabela de Classificação Brasileira de Ocupações utilizada no SCNES, a CBO provisório 2241-E1 - PROFISSIONAL DE EDUCAÇÃO FISICA NA SAÚDE



Professores sem Fronteiras da FIEP vão ministrar curso na ESEF/UFRGS
20/03/2013
Fonte: CREF2/RS

Os professores de Educação Física sem Fronteiras da FIEP do Brasil estarão chegando em Porto Alegre no dia 15 de abril de 2013. No dia 16 de abril, a partir das 8h, eles vão ministrar oito cursos na ESEF/UFRGS. O ingresso é livre, você assiste a abertura e escolhe até dois cursos. Ao final, receberá certificado com assinatura da ESEF/UFRGS, FIEP do Brasil e FIEP Mundial, com 10h/aula.



Câmara de Educação Física Escolar faz sua terceira reunião
07/03/2013
Fonte: CREF2/RS

A Câmara Educação Física Escolar/CREF2RS reuniu-se no dia 06/03. Na ocasião foi feito o relato sobre o Congresso Nacional de Educação Física Escolar de Foz do Iguaçu.

Também foi discutido o ENAPEF 2013, quando será realizado o 2º Fórum da Educação Física Escolar do RS no dia 23/03 das 18 às 21h. O evento terá como palestrantes Mirian Burgos e Paulo Rezende, sendo mediado Professor Catunda.

O Fórum terá o seguinte formato: a)Apresentação sobre a estrutura do Fórum com palestras

b)Debates sobre os temas sugeridos pela organização do Fórum da Educação Física Escolar

c)Apresentação dos itens levantados nos grupos com os seguintes sub-temas:

-Legislação;

-Formação do professor de educação física;

-Infraestrutura da escola para a educação física escolar;

-Grades curriculares das escolas;

-Saúde na escola.

d-Elaboração da Carta da Educação Física Escolar do RS.

Na ocasião, foi sugerido um encontro do Fórum das Entidades da Educação Física do RS com o Secretário de Estado da Educação e a criação de fóruns municipais para discutir o assunto da educação física escolar. Também houve a discussão de estratégias de mobilização popular para aprovação de uma lei institucionalizando a educação física escolar nas séries iniciais como componente curricular e orientada por professor de educação física, além do envolvimento dos diretores de escolas estaduais e municipais na discussão sobre a educação física escolar.



Delegação da RS Paradesporto participará da etapa Regional do Circuito Paralímpico
27/02/2013
Fonte: RS Paradesporto

As delegações de atletismo e natação da RS PARADESPORTO representarão o Estado do Rio Grande do Sul na Etapa Regional Sul/Rio do Circuito Paralímpico 2013. Os atletas da RS Paradesporto embarcam no dia 1o de março para o Rio de Janeiro onde disputarão a Etapa Regional Sul/Rio do Circuito Paralímpico 2013. A competição será disputada na Capital carioca entre os dias 01 e 03 de março e reunirá mais de 400 atletas do Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, nas modalidades de atletismo e natação. Os melhores competidores se classificarão para as etapas nacionais do Circuito.



Delegação do CREF2/RS participa do 28º Congresso Mundial da FIEP
18/01/2013
Fonte: CREF2/RS

O CREF2/RS esteve presente no 28º Congresso Mundial da FIEP 2013, realizado em Foz do Iguaçu – PR – de 12 a 16 de janeiro de 2013. O Congresso é o maior e mais importante evento da Federação Internacional de Educação Física - FIEP, e é realizado anualmente no mês de janeiro de forma ininterrupta desde o ano de 1986, tendo recebido mais de 55 mil participantes desde a sua primeira edição.

Estiveram presentes na delegação o presidente do CREF2/RS, Eduardo Merino, a Vice-Presidente Carmen Masson, a 1ª Tesoureira Miryam Brauch e o Conselheiro Lauro Aguiar Eles participaram do V Fórum de Educação Física Escolar, IV Seminário Sobre Valores do Esporte e Educação Olímpica, III Fórum de Coordenadores de Cursos de Educação Física, II Seminário de Atividades Físicas na Atenção à Saúde, VII Seminário de Ética, III Seminário de História da Educação Física e XI Fórum de Educação Física do Mercosul.

A experiência gaúcha em Educação Olímpica realizada na Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões (URI-Erechim) foi um dos temas do IV Seminário Sobre Valores do Esporte e Educação Olímpica. O projeto foi apresentado pelo coordenador do Curso de Educação Física da URI José Luis Dalla Costa (Nino). Ele explicou que a ação começou a ser desenvolvida na Universidade em março de 2009, por meio do Grupo de Estudo e Pesquisa em Educação Física (GEPEF) do Curso de Educação Física da URI – Erechim, que é formado por acadêmicos e professores do curso, e coordena as pesquisas em Educação Olímpica na Universidade e as ações provenientes destes estudos.

O objetivo geral do projeto é difundir os valores do esporte entre as crianças de forma a estimular a participação nas aulas de Educação Física e nas escolinhas de formação desportiva oferecidas pela escola no contraturno. Para trazer a experiência da Educação Olímpica na escola, o grupo promoveu eventos como acantonamento olímpico, acampamento em ginásios de esportes, corrida de rua, festival olímpico de minitênis, festival de pandorgas, entre outras atividades. A iniciativa fez ainda com que se fosse aprovado um projeto voltado às escolas públicas de Erechim e da região.



Comissão de Eventos elege seu presidente
09/01/2013
Fonte: CREF2/RS

A Comissão de Eventos do CREF2/RS realizou hoje, dia 9, sua primeira reunião em 2013, ocasião na qual elegeu como seu presidente o Profissional Claudio Franzen, Alexandre Greco seu secretário e Carmem Masson como membro. Segundo Franzen, a Comissão de Eventos é um dos pontos de ligação entre os Profissionais de Educação Física, o Conselho e a sociedade. “Com a atribuição de dar visibilidade ao que é realizado em nossa entidade, a Comissão tem papel fundamental em apoiar as ações ou propostas de desenvolvimento da nossa Profissão”.



RS tem campanha vitoriosa nas Olimpíadas Universitárias
05/11/2012
Fonte: www.olimpiadauniversitaria.blogspot.com

A 60ª Edição dos Jogos Universitários Brasileiros- (Jubs), conhecida por Olimpíadas Universitárias, ocorreu de 17 a 27 de outubro, em Foz do Iguaçu-PR. O Rio Grande do Sul, por meio da Federação Universitária Gaúcha de Esportes – (FUGE), apoiado pela Secretaria Estadual de Esportes e Fundergs, participaram com uma delegação de 140 pessoa, conquistando medalhas de ouro no voleibol, bronze no handebol e basquete e 24 medalhas no esportes individuais.

O Evento foi uma realização da Confederação Brasileira Universitária de Desportos –CBDU e Comitê Olímpico Brasileiro- COB, com o apoio da Prefeitura Municipal de Foz de Iguaçu e contou com a participação das Federações Universitárias de Esportes de todos os estados brasileiros e DF, através das Instituições Educacionais Superiores – IES. A delegação gaúcha foi comandada pelo presidente da FUGE, João Guilherme de Souza Queiroga.

A 61ª. Edição da OLIMPIADA UNIVERSITARIA, que será realizada em Goiânia, em 2013, o RS permanece na primeira divisão no voleibol feminino e handebol feminino, e na segunda divisão com o handebol masculino, basquete masculino, futsal masculino, voleibol masculino e futsal feminino.

O Estado conquistou na na 1ª. Etapa 24 medalhas: Atletismo - 8 medalhas de ouro, 3 de prata e 1 bronze; Natação com 1 prata e 3 bronze; Judô – 3 prata e 2 bronze e xadrez- 1 prata.
Nos esportes coletivos, teve ouro no voleibol feminino- Uni vates (1ª Divisão),bronze no handebol masculino-Ulbra-Santa Maria(2ª. Divisão) e basquete masculino- Feevale(2ª Divisão).



Delegado regional da FIEP visita CREF2/RS
15/10/2012
Fonte: CREF2/RS

O delegado regional da FIEP - Fédération Internationale d Education Physique - Vilson Bagatini esteve reunido com o Presidente do CREF2/RS, Eduardo Merino, no dia 11, para divulgar o 8º Encontro de Professores de Educação Física Sem Fronteiras da Região Sul, que será realizado entre os dias 8 a 21 de abril de 2013 em Curitiba, Florianópolis e Porto Alegre.

A FIEP é uma organização mundial fundada no dia 2 de julho de 1923 em Bruxelas – Bélgica, que tem como objetivo favorecer o desenvolvimento das atividades físicas, educativas, recreativas e de lazer em todos os países, bem como o incentivo à cooperação internacional na Profissão de Educação Física.



CREF Serra faz reunião conjunta com CMD de Caxias do Sul
03/10/2012
Fonte: CREF2/RS

O posto de atendimento avançado do CREF2/RS na Serra sediou, no dia 02 de outubro, uma reunião entre membros do Conselho Municipal do Desporto de Caxias do Sul (CMD) e integrantes CREF2/RS. O objetivo foi informar o plano de ação proposto para o CREF Serra e aproximar as ações das entidades.

Na ocasião, foram esclarecidas dúvidas sobre questões jurídicas e administrativas referentes ao Conselho Regional de Educação Física. Também foram apresentados dados comparativos das orientações e fiscalizações realizadas no período 2011/2012 e anunciado um reforço nas atividades do Posto com a contratação de um novo fiscal a partir de 2013.

Durante a reunião o presidente do CMD, Gabriel Citton, solicitou uma parceria entre as entidades para orientar atividades físicas realizadas no município, citando como exemplo os campeonatos organizados pelo SESC e SESI.