Notícias




Data Inicial:
(dd/mm/aaaa)  

Data Final:
(dd/mm/aaaa)  
Título:
Palavras na Notícia:



Nova edição do Conexão CREF apresenta o papel do Conselho para acadêmicos da Univates
19/05/2015
Fonte: CREF2/RS e Univates

Com o objetivo de possibilitar aos acadêmicos dos cursos de Educação Física conhecer as funções desempenhadas pelo Conselho Regional de Educação Física, a Univates recebeu, na noite desta segunda-feira (18), mais uma edição do Conexão CREF. A palestra "O papel do Conselho: questões legais, éticas e valorização profissional” foi ministrada pela presidente do CREF2/RS, Carmen Masson (CREF 001910-G/RS); pela coordenadora do Departamento de Fiscalização e Orientação, Fernanda Rodrigues (CREF 009604-G/RS); e pela assessora jurídica do Conselho, Cristiane Costa.

No início do evento, Carmen ressaltou que a regulamentação da profissão foi resultado de muita luta, na qual ela mesma esteve envolvida por anos. Após exibirem um vídeo institucional do Conselho, a presidente explicou que, diferente de um sindicato, a função do CREF2/RS é regulamentar a profissão e fiscalizar sua execução. “Temos alguns processos éticos contra maus profissionais. São coisas que acabam denegrindo a profissão e não podemos deixar que isso aconteça”, destacou ela.

De acordo com Carmen, a cidade de Porto Alegre foi a primeira do Brasil a ter uma lei que exige a obrigatoriedade da Educação Física em todas as séries da Educação Básica. “Estamos em uma luta pela obrigatoriedade da Educação Física em todo o país. Está para ser votada no Congresso Nacional”, comentou. Recentemente, os representantes dos Conselhos realizaram uma caminhada em Brasília para criar uma frente parlamentar nacional. Muitos deputados estão aderindo à ideia e defendendo a pauta no Congresso. Ao exibirem um vídeo feito na caminhada, Carmen destacou que “essa é uma das funções do conselho: trabalhar para ampliar o campo de atuação”.

Cristiane e Fernanda aproveitaram o evento para também tirar as dúvidas que muitos acadêmicos têm sobre a atuação profissional. Elas explicaram o que é necessário para o registro e como a Lei do Estágio é regulamentada para a Educação Física. "O acompanhamento de um profissional habilitado é obrigatória em tempo integral. Além disto, é vedada qualquer cobrança de valores aos estudantes", frisou Cristiane. No fim da palestra, foi explicado aos estudantes da Univates que alunos da Licenciatura não podem estagiar em academias e que acadêmicos não podem atuar como personal trainer. "Para ser personal, só com a devida formação", salientou Fernanda.